Page 1


Estudo: “Utilização de painéis fotovoltaicos na produção de energia no âmbito do sistema de Microprodução”

Ficha Técnica

“Utilização de painéis fotovoltaicos na produção de energia no âmbito do sistema de Microprodução” AD ELO – Associação de Desenvolvimento Local da Bairrada e Mondego Estudo Técnico elaborado por: Multiaveiro, projetos de formação e investimentos, Lda. Cais dos Remadores Olímpicos, 75, Apartado 1010 – 3800-156 Aveiro Coordenação Global AD ELO – Associação de Desenvolvimento Local da Bairrada e Mondego Equipa Técnica: Multiaveiro, projetos de formação e investimentos, Lda.

0


Estudo: “Utilização de painéis fotovoltaicos na produção de energia no âmbito do sistema de Microprodução”

ÍNDICE NOTA PRÉVIA________________________________________________________ 2 1. ENQUADRAMENTO CONCETUAL ______________________________________ 4 2. ENQUADRAMENTO LEGISLATIVO DAS ENERGIAS RENOVAVEIS EM PORTUGAL: MICROPRODUÇÃO E MINIPRODUÇÃO ____________________________________ 9 2.1. Microprodução _______________________________________________________ 9 2.2. Miniprodução _______________________________________________________ 12

3. MICROPRODUÇÃO EM CANTANHEDE E MEALHADA (2011-2012) ___________ 14 3.1. Microprodução: Cantanhede ___________________________________________ 16 3.2. Microprodução: Mealhada _____________________________________________ 18 3.3. Análise Comparativa __________________________________________________ 20

4. ANÁLISE DE SUSTENTABILIDADE _____________________________________ 22 4.1. Valia Económica _____________________________________________________ 22 4.2. Valia Ambiental ______________________________________________________ 26

CONCLUSÕES _______________________________________________________ 28 ANEXO 1 – DADOS RECOLHIDOS – MicroProdução: Cantanhde _______________ 31 ANEXO 2 – DADOS RECOLHIDOS –MicroProdução: Mealhada ________________ 43

1


Estudo: “Utilização de painéis fotovoltaicos na produção de energia no âmbito do sistema de Microprodução”

NOTA PRÉVIA

A AD ELO – Associação de Desenvolvimento Local da Bairrada e Mondego manifestou a necessidade de realizar um “estudo sobre a utilização de painéis fotovoltaicos na produção de energia no âmbito do sistema de Microprodução”. De acordo com o pedido efetuado, o estudo deveria abordar, em termos fatuais e analíticos, a apresentação de dados de “produção diária, mensal e ou anual no território da AD ELO (reportando aos anos de 2011, 2012)”. Ainda no objetivo do estudo deveriam ser abordadas as “diferentes possibilidades relativas à utilização de múltiplas fontes de produção energética”, devendo ser efetuada uma análise comparativa de diferentes sistemas de produção. Perante o desafio colocado e respondendo aos objetivos gerais do trabalho, procedemos à estruturação do estudo em diversas vertentes: 

Obtenção de registos da produção diária de 2 sistemas de Microprodução no período 2011-2012 ao nível de dois locais diferentes da zona de Intervenção da AD ELO – concelhos de Cantanhede e Mealhada;

Análise e sistematização dos dados recolhidos;

Análise da legislação enquadradora dos regimes de Microprodução e Miniprodução;

Avaliação do regime de Microprodução – condicionantes e vantagens.

Apresentação em formato de estudo dos elementos tratados.

O principal objetivo do estudo era efetuar uma leitura com dados reais dos sistemas de Microprodução na zona de intervenção da AD ELO, permitindo obter uma visão clara das variações diárias, mensais e anuais que caracterizam este tipo de produção de energia e a sua importância para as entidades locais, empresas e particulares. 2


Estudo: “Utilização de painéis fotovoltaicos na produção de energia no âmbito do sistema de Microprodução”

Partindo deste estudo será possível apresentar aos agentes locais informações que possam suportar decisões de investimento para a instalação destes sistemas como uma solução para a sustentabilidade energética dos seus edifícios e a diversificação de rendimentos.

O estudo que se apresenta encontra-se estruturado em quatro partes. Nas duas primeiras, de natureza mais conceptual, efetua-se um enquadramento geral dos diferentes sistemas renováveis e uma análise ao enquadramento legislativo das energias renováveis em Portugal. Nas restantes partes apresentam-se em síntese os dados objetivos recolhidos e tratados de dois sistemas de microprodução, sendo de seguida apresentadas algumas conclusões de natureza prospetiva no sentido da compreensão da rentabilidade destes sistemas durante a vida útil expectável dos equipamentos.

Em anexo ao relatório são apresentados todos os dados recolhidos permitindo assim outras leituras em estudos posteriores.

3


Estudo: “Utilização de painéis fotovoltaicos na produção de energia no âmbito do sistema de Microprodução”

1. ENQUADRAMENTO CONCETUAL

Nos últimos anos na Europa, e especialmente em Portugal, as opções de política foram no sentido do alargamento do espetro de produção de energia assente no seu caráter renovável, onde a energia eólica e solar se assumiram como campos de experimentação e investimento. Os incentivos à utilização de energias renováveis e o grande interesse que este assunto levantou deve-se principalmente à consciencialização da previsível escassez dos recursos fósseis (como o petróleo) e da necessidade de redução das emissões de gases nocivos para a atmosfera, os GEE (Gases de Efeito de Estufa). Este interesse deve-se em parte aos objetivos da União Europeia, do Protocolo de Quioto e das preocupações com as alterações climáticas.

Em Portugal esta consciência, acrescida das opções políticas dos últimos governos, tem levado a um aumento considerável nos investimentos neste sector, facto que já mereceu o reconhecimento internacional. Podemos pois concluir que nos encontramos em pleno desenvolvimento da “era das renováveis”, com ganhos significativos para a Homem e para a natureza.

No quadro desta opção politica, assumiu-se que a procura da independência energética passava pela partilha de investimentos entre os diferentes operadores e intervenientes na procura da maximização dos benefícios. Assim o estado, o mercado e os particulares foram mobilizados para concertarem esforços e investimentos na procura das melhores soluções energéticas para o país. 4


Estudo: “Utilização de painéis fotovoltaicos na produção de energia no âmbito do sistema de Microprodução”

O investimento em larga escala na produção eólica, o fomento da adoção de painéis solares térmicos e fotovoltaicos para a produção de calor e de energia elétrica a partir do aproveitamento da energia solar e o lançamento de centrais de biomassa, foram modalidades de investimento que materializaram estas opções de política e que alteraram de forma significativa o panorama deste setor em Portugal na última década.

Por outro lado a integração da energia solar nos edifícios e a procura de soluções de eficiência energética na construção e reconstrução (substituição de caixilharias, maior preocupação nos revestimentos exteriores) foram assumidos igualmente como vetores que contribuem para o equilíbrio ambiental e energético do país.

As energias renováveis são fontes inesgotáveis de energia obtidas da natureza que nos rodeia, como a água, o sol, o vento e a floresta. Em termos de resumo e de forma a compreendermos melhor os conceitos que lhe estão associados, apresentaremos de seguida algumas notas enquadradoras sobre as diferentes fontes de energia.

Energia Hídrica Esta energia, também referenciada como hidráulica, é obtida a partir da energia potencial de uma massa de água. A sua fonte está ligada a fluxos de água, como rios ondas, marés e lagos podendo ser aproveitada por meio de um desnível, queda ou movimentação de água.

5


Estudo: “Utilização de painéis fotovoltaicos na produção de energia no âmbito do sistema de Microprodução”

Pode ser convertida na forma de energia mecânica (rotação de um eixo) através de turbinas hidráulicas ou moinhos de água. As turbinas por sua vez podem ser usadas como acionamento de um equipamento industrial, como um compressor, ou de um gerador elétrico, com a finalidade de prover energia elétrica para uma rede de energia.

Energia Eólica Desde a antiguidade este tipo de energia é utilizada pelo homem, para responder às necessidades energéticas da atividade humana, por exemplo para propulsar meios de transporte (barcos à vela), bombear água ou permitir o funcionamento de atividades industriais, como era o caso dos moinhos de vento. A energia eólica representa o aproveitamento da energia cinética contida no vento para produzir energia mecânica (a rotação das pás de turbinas eólicas) que pode a seguir ser transformada em energia elétrica por um gerador elétrico (aerogeradores). Atualmente, a energia eólica, é considerada uma importante fonte de energia, seja para utilização local descentralizada, por exemplo em lugares isolados, seja em grandes “parques eólicos” constituídos por vários aerogeradores ligados à rede elétrica. A sua importância assenta no fato de se tratar de uma fonte limpa que não gera poluição e não agride o meio ambiente.

Energia Solar A energia produzida a partir do Sol podendo ser convertida em eletricidade ou em calor, através de equipamentos como painéis solares fotovoltaicos ou térmicos para aquecimento do ambiente ou de água.

6


Estudo: “Utilização de painéis fotovoltaicos na produção de energia no âmbito do sistema de Microprodução”

A Energia Solar baseia-se na capacidade de converter a luz solar em energia elétrica ou térmica, através de placas e coletores solares. A principal vantagem desta fonte de energia resulta do facto da radiação solar ser uma fonte infinita e inesgotável. O Sol é assim uma fonte inesgotável de energia à disposição do homem. Esta energia pode ser aproveitada para o aquecimento de água (painéis solares térmicos) ou para a transformação em energia elétrica (painéis fotovoltaicos). O painel fotovoltaico (tecnologia de encapsulamento das células entre camadas de vidro temperado como cobertura, sendo portanto à prova de água e resistente às mais severas condições ambientais) transforma energia solar diretamente em eletricidade num processo que comporta três fenômenos físicos intimamente ligados e simultâneos: absorção da luz pelo material; transferência de energia dos fótons para as cargas elétricas; criação de corrente elétrica. A exploração desta fonte de energia, através dos painéis fotovoltaicos, assume-se como extremamente proveitosa pois a sua natureza comporta as seguintes vantagens: • a utilização destes painéis comporta grande fiabilidade – não tem peças móveis, o que é muito útil nas aplicações em locais isolados; • tem um grande grau de portabilidade e adaptabilidade – a existência de módulos independentes permite montagens simples e adaptáveis a várias necessidades energéticas. Os sistemas podem ser dimensionados para aplicações de pequena dimensão ou de megaparques de produção; • os custos de operação e manutenção são extremamente reduzidos: não necessita de combustível nem manutenção altamente qualificada; • a tecnologia fotovoltaica apresenta qualidades ecológicas, energia limpa e renovável. Atualmente, o mundo investe muito nesta tecnologia, com o objetivo de aumentar o seu melhor aproveitamento a exposição solar bem como a capacidade de conversão dos painéis fotovoltaicos. 7


Estudo: “Utilização de painéis fotovoltaicos na produção de energia no âmbito do sistema de Microprodução”

Energia Geotérmica A energia geotérmica ou energia geotermal (geo: terra; térmica: calor) é a energia obtida a partir do calor proveniente do interior da Terra suscetível de ser convertida em calor para aquecimento do ambiente ou da água. Por baixo da superfície do planeta, em superfície ou em profundidade existem fontes de calor que podem ser aproveitadas (nascentes de água quente, rochas quentes e vapor quente). Devido à necessidade de se obter energia elétrica de uma maneira mais limpa e em quantidades cada vez maiores, existe um interesse renovado neste tipo de energia pouco poluente. Este tipo de energia implica a existência de procedimentos cuidadosos pois deve-se evitar a criação de qualquer instabilidade geológica que ponha em causa o equilíbrio ambiental existente. A energia geotérmica tem muitas aplicações práticas, pode servir para aquecer habitações, piscinas, estufas de agricultura e centrais geotérmicas para a produção de energia elétrica.

Energia através de Biomassa Do ponto de vista da geração de energia, o termo biomassa abrange os derivados recentes de organismos vivos utilizados como combustíveis ou para a sua produção, excluindo-se os tradicionais combustíveis fósseis, pois embora estes também sejam derivados da vida vegetal (carvão mineral) ou animal (petróleo e gás natural), são resultado de várias transformações que requerem milhões de anos para acontecerem. A biomassa pode considerar-se um recurso natural renovável, já que os combustíveis fósseis não se renovam a curto prazo. 8


Estudo: “Utilização de painéis fotovoltaicos na produção de energia no âmbito do sistema de Microprodução”

A biomassa é utilizada na produção de energia a partir de processos como a combustão de material orgânico. Este processo resulta em vantagens evidentes pois permite o reaproveitamento de resíduos valorizando-os através da sua conversão em energia. A queima de biomassa provoca a liberação de dióxido de carbono na atmosfera, mas como este composto havia sido previamente absorvido pelas plantas que deram origem ao combustível, o balanço de emissões de CO2 é nulo.

2. ENQUADRAMENTO LEGISLATIVO DAS ENERGIAS RENOVAVEIS EM

PORTUGAL: MICROPRODUÇÃO E MINIPRODUÇÃO

2.1. Microprodução

A microprodução de eletricidade, como atividade de produção de eletricidade em baixa tensão com possibilidade de entrega de energia à rede elétrica pública, foi regulada em 2002 (Decreto -Lei n.º 68/2002, de 25 de Março). Cinco anos depois da entrada desse enquadramento verificava-se que o número de sistemas de micro geração de eletricidade licenciados e a funcionar não tinham atingindo uma expressão significativa.

Perante a avaliação desta situação a lei de bases de organização e funcionamento do Sistema Elétrico Nacional veio posteriormente a classificar a produção de eletricidade em regime ordinário e em regime especial (Decreto -Lei n.º 29/2006, de 15 de Março). O regime especial corresponde à produção de eletricidade com 9


Estudo: “Utilização de painéis fotovoltaicos na produção de energia no âmbito do sistema de Microprodução”

incentivos à utilização de recursos endógenos e renováveis ou a produção combinada de calor e eletricidade.

Integrado no Programa de Simplificação Administrativa e Legislativa (SIMPLEX 2007) o Governo decidiu criar um regime simplificado aplicável à microprodução de eletricidade, também designado por “renováveis na hora”. Assim, através do Decreto-Lei n.º 363/2007 de 2 de Novembro é criado um Sistema de Registo da Micro produção (SRM), que possibilita uma interação simples entre os produtores e a administração no sentido de facilitar o exercício da atividade de microprodutor. É criado um regime de faturação e relacionamento comercial simplificado evitando procedimentos administrativos pesados e dissuasores de adesão ao sistema. São criados dois regimes de remuneração: o regime geral e o bonificado.

Com este sistema podem ser produtores de eletricidade por intermédio de unidades de microprodução todas as entidades ou particulares que disponham de um contrato de compra de eletricidade em baixa tensão. Partindo deste contrato de consumo, o processo inicia-se com o registo na plataforma “renováveis na hora” como “produtor” podendo registar um potência de produção até 50% do valor da potência contratada para consumo. Sendo aceite esse registo e concedida a potência de produção, o “produtor” instala um sistema renovável que pode ser de diversas fontes energéticas – Solar, Eólica, Hídrica, Cogeração a Biomassa, Pilhas de combustível com base em hidrogénio ou combinação das diferentes fontes de energia previstas. Após a emissão do certificado de exploração é estabelecido o respetivo contrato de compra e venda de eletricidade, sendo vendida a totalidade da eletricidade produzida. Os produtores têm acesso a dois regimes remuneratórios: Regime geral, aplicável a todos os que tenham acesso à atividade e o Regime bonificado, para unidades de 10


Estudo: “Utilização de painéis fotovoltaicos na produção de energia no âmbito do sistema de Microprodução”

microprodução com potência de ligação até 3,68 kW que utilizem as fontes de energia previstas e que cumpram algumas condições (disponham de coletores solares térmicos para aquecimento de água na instalação de consumo, com um mínimo de 2 m² de área de coletor ou que instalem unidades de cogeração a biomassa, desde que estas estejam integradas no aquecimento do edifício).

No Regime Geral a tarifa de venda de eletricidade é igual ao custo da energia do tarifário aplicável pelo comercializador de último recurso do fornecimento à instalação de consumo, ou seja igual ao valor de compra.

Para o Regime Bonificado foi definida uma tarifa de referência aplicável à energia produzida estabelecida em contrato por um período de referência de 15 anos dividido em 2 períodos. No Decreto-Lei n.º 363/2007 de 2 de Novembro a tarifa foi estabelecida em 0,65€ por kWh para os primeiros 5 anos e nos 10 anos seguintes foi estabelecido que a tarifa seria correspondente “à que seja aplicável, no dia 1 de Janeiro desse ano, às novas instalações que sejam equivalentes”. O Decreto-Lei n.º 118-A/2010 de 25 de Outubro veio alterar o 363/2007, tendo estabelecido que o período de 15 anos de contrato seria “subdividido em dois períodos, o primeiro com a duração de 8 anos e o segundo com a duração dos subsequentes 7 anos”. Para o 1º período a tarifa de referência foi fixada em 0,40€/kWh sendo que para o segundo a tarifa seria de 0,24€/kWh.

Justificando-se com o aumento de produtores e a redução do preço dos equipamentos estas tarifas têm vindo a ser reduzidas sendo que para os registos 11


Estudo: “Utilização de painéis fotovoltaicos na produção de energia no âmbito do sistema de Microprodução”

efetuados em 2013 as tarifas foram fixadas: 1º período 0,196€/kWh, 2º período 0,165€/kWh (Despacho DGEG de 2 de Janeiro de 2013).

2.2. Miniprodução

O XVIII Governo Constitucional de Portugal, após as eleições legislativas de 27 de setembro de 2009, considerou no seu programa que Portugal deveria liderar na revolução energética através de diversas metas, entre as quais a forte aposta na produção descentralizada de energia, simplificando os processos e procedimentos, facilitando a adesão dos cidadãos, empresas e outras entidades.

Assim, o desenvolvimento da Estratégia Nacional para a Energia (ENE 2020) veio determinar a elaboração do regime jurídico do acesso à atividade de miniprodução e estabeleceu as linhas gerais de orientação para o novo regime. Na concretização desta estratégia, o Decreto-Lei n.º 34/2011 de 8 de Março veio estabelecer o regime jurídico aplicável à produção de eletricidade por intermédio de instalações de pequena potência, designadas por unidades de miniprodução. Entende-se por miniprodução a atividade de pequena escala de produção descentralizada de eletricidade, recorrendo, para tal, a recursos renováveis e entregando, contra remuneração, eletricidade à rede pública, na condição que exista consumo efetivo de eletricidade no local da instalação. A miniprodução é assim um regime que complementa o regime da microprodução, numa perspetiva de maior produção e assim respondendo a instalações mais significativas. Pode exercer esta atividade quem detenha um contrato de fornecimento de eletricidade com consumos relevantes na sua instalação de 12


Estudo: “Utilização de painéis fotovoltaicos na produção de energia no âmbito do sistema de Microprodução”

consumo e instale a unidade de miniprodução no mesmo local servido por esta. Exige -se que para que se possa beneficiar do regime da miniprodução a instalação em causa detenha já um contrato com um comercializador e consumo relevante de eletricidade. Estabelece-se, ainda, que a miniprodução não pode exceder 50 % da potência contratada, nem injetar na rede mais de metade do valor do consumo anual.

Como no regime de microprodução o processo inicia-se com o registo na plataforma “renováveis na hora” no Sistema de Registo da Miniprodução (SRMini). De igual forma após a certificação das instalações é estabelecido um contrato de venda da energia produzida.

No regime de miniprodução são estabelecidos diversos escalões de acordo com potência de ligação, designadamente:  Escalão I as unidades cuja potência não seja superior a 20 kW;  Escalão II as unidades cuja potência seja superior a 20 kW ou igual ou inferior a 100 kW;  Escalão III as unidades cuja potência seja superior a 100 kW ou igual ou inferior a 250 kW.

O produtor tem acesso a dois regimes remuneratórios, o regime geral e regime bonificado. O regime geral é aplicável a todos os que tenham acedido à atividade de miniprodução e não se enquadrem no regime bonificado. O regime bonificado é aplicável a produtores que preencham os seguintes requisitos cumulativos: a potência de ligação da respetiva unidade de miniprodução seja superior ao limite legalmente estabelecido para o acesso ao regime bonificado no 13


Estudo: “Utilização de painéis fotovoltaicos na produção de energia no âmbito do sistema de Microprodução”

âmbito do regime jurídico da atividade de microprodução; e a unidade de miniprodução utilize uma das fontes de energia renovável previstas - solar, eólica, hídrica, biogás, biomassa, pilhas de combustível com base em hidrogénio.

No regime geral, a venda da eletricidade observa as regras estabelecidas para a comercialização da produção em condições de mercado. No regime bonificado a remuneração vigorará durante um período de 15 anos sendo estabelecida de acordo com os diversos escalões de ligação, tendo as seguintes características:  Escalão I é remunerado com base na tarifa de referência que vigorar à data da emissão do certificado de exploração. Em 2013 o valor é de 0,151€/kWh (Despacho DGEG de 2 de Janeiro de 2013).  O produtor cuja unidade de miniprodução se insira nos escalões II e III é remunerado com base na tarifa mais alta que resultar das maiores ofertas de desconto à tarifa de referência apuradas nos respetivos escalões, através de leilão/oferta.

3. MICROPRODUÇÃO EM CANTANHEDE E MEALHADA (2011-2012)

A avaliação do potencial de produção das diferentes zonas do país baseia-se em estimativas internacionais que tendo em conta o posicionamento de cada país apresenta um valor médio previsível de produção.

14


Estudo: “Utilização de painéis fotovoltaicos na produção de energia no âmbito do sistema de Microprodução”

No âmbito deste estudo era intenção da AD ELO conhecer com dados mais objetivos a realidade produtiva da sua zona de intervenção, de forma apresentar as suas conclusões com base em dados reais. Assim, na reposta a esta solicitação presente foram identificados dois sistemas de microprodução fotovoltaica instalados na zona de intervenção da AD ELO em 2 concelhos diferentes – Cantanhede e Mealhada. Os dois sistemas assumem as características semelhantes, pois têm uma potência instalada de 3,45kW e estão em estruturas fixas nos telhados. Em complemento de cada sistema existe um coletor solar térmico, para aquecimento de água, que resulta numa poupança imediata em termos energéticos.

Destes dois sistemas foram obtidos dados da frequência diária compreendida entre 01 de Janeiro de 2011 e 31 de Dezembro de 2012. Nos anexos 1 e 2 são apresentados em quadros mensais os valores totais dos registos individualizados de cada sistema.

Tendo em conta a produção os registos assumem o indicador kWh, sendo o valor da receita calculado no montante de 0,196€ por cada kWh produzido. Este valor corresponde ao valor da tarifa para os contratos de aquisição de energia pela EDP ao abrigo do regime de microprodução bonificada no ano de 2013, ano de elaboração do estudo.

Nos pontos seguintes apresentaremos em resumo alguns dados mais significativos respeitantes aos registos efetuados.

15


Estudo: “Utilização de painéis fotovoltaicos na produção de energia no âmbito do sistema de Microprodução”

3.1. Microprodução: Cantanhede

Analisando em resumo os dados do sistema instalado em Cantanhede (Figura 1) podemos destacar que, no ano de 2011 o valor global de produção atingiu 5.409,65/kWh e uma receita qua a valores de 2013 se situaria em 1.060,29€. O mês com maior produção foi Setembro (557,20/kWh) e de menor Janeiro (272,94/kWh) numa variação negativa de 50%. Em termos receita a média anual situa-se nos 88,36€/mês. Analisando estes valores numa perspetiva diária, podemos concluir que 7 meses atingem uma receita diária de mais de 3€, sendo que a média anual se situa nos 2,90€/dia.

Data Janeiro de 2011 Fevereiro de 2011 Março de 2011 Abril de 2011 Maio de 2011 Junho de 2011 Julho de 2011 Agosto de 2011 Setembro de 2011 Outubro de 2011 Novembro de 2011 Dezembro de 2011 TOTAL

CANTANHEDE Janeiro a dezembro de 2011 Produção kWh Receita € Média Diária Produção 272,94 kW 53,50 € 9,10 kW 357,76 kW 70,12 € 11,54 kW 405,24 kW 79,43 € 13,07 kW 497,19 kW 97,45 € 16,57 kW 531,27 kW 104,13 € 17,14 kW 538,68 kW 105,58 € 17,96 kW 546,53 kW 107,12 € 17,63 kW 538,46 kW 105,54 € 17,37 kW 557,20 kW 109,21 € 19,90 kW 507,22 kW 99,42 € 16,36 kW 314,35 kW 61,61 € 10,48 kW 342,81 kW 67,19 € 11,06 kW 5.409,65 kW 1.060,29 € 14,82 kW

Média Diária Receita 1,78 € 2,26 € 2,56 € 3,25 € 3,36 € 3,52 € 3,46 € 3,40 € 3,90 € 3,21 € 2,05 € 2,17 € 2,90 €

Figura 1: Sistema de microprodução - Cantanhede / 2011

Tendo em conta os dados recolhidos em referência ao ano de 2012 podemos destacar que o valor global de produção atingiu 5.667,99/kWh, cerca de 4,7% mais do que no ano anterior, numa receita de 1.110,93€ (Figura 2).

16


Estudo: “Utilização de painéis fotovoltaicos na produção de energia no âmbito do sistema de Microprodução”

Data Janeiro de 2012 Fevereiro de 2012 Março de 2012 Abril de 2012 Maio de 2012 Junho de 2012 Julho de 2012 Agosto de 2012 Setembro de 2012 Outubro de 2012 Novembro de 2012 Dezembro de 2012 TOTAL

CANTANHEDE Janeiro a dezembro de 2012 Produção kWh Receita € Média Diária Produção 437,26 kW 85,70 € 14,58 kW 515,22 kW 100,98 € 16,62 kW 536,55 kW 105,16 € 17,31 kW 409,28 kW 80,22 € 13,64 kW 524,02 kW 102,71 € 16,90 kW 508,63 kW 99,69 € 16,95 kW 623,07 kW 122,12 € 20,10 kW 611,50 kW 119,85 € 19,73 kW 524,99 kW 102,90 € 18,75 kW 405,33 kW 79,44 € 13,08 kW 326,60 kW 64,01 € 10,89 kW 245,54 kW 48,13 € 7,92 kW 5.667,99 kW 1.110,93 € 15,53 kW

Média Diária Receita 2,86 € 3,26 € 3,39 € 2,67 € 3,31 € 3,32 € 3,94 € 3,87 € 3,67 € 2,56 € 2,13 € 1,55 € 3,04 €

Figura 2: Sistema de microprodução - Cantanhede / 2012

Esta diferença justifica-se principalmente pelo aumento significativo da produção nos meses de janeiro a março, essencialmente por condições climatéricas favoráveis (Figura 3). 200,00 kW

150,00 kW

100,00 kW

50,00 kW

0,00 kW

-50,00 kW

-100,00 kW

Dezembro

Novembro

Outubro

Setembro

Agosto

Julho

Junho

Maio

Abril

Março

fevereiro

Janeiro

-150,00 kW

Figura 3: Sistema de microprodução - Cantanhede / 2012/2011 17


Estudo: “Utilização de painéis fotovoltaicos na produção de energia no âmbito do sistema de Microprodução”

Assim e para um valor de receita anual de 1.110,93€ temos um valor médio mensal de 92,58€, registando-se como valor mensal máximo Julho e valor mínimo Dezembro, numa variação negativa de 60%.

3.2. Microprodução: Mealhada

Efetuando a mesma análise para o sistema instalado na freguesia da Pampilhosa Concelho de Mealhada (cerca de 20Km de distância de Cantanhede) podemos registar que, no mesmo ano de recolha, o valor global de produção atingiu 5.793,47/kWh e uma receita qua a valores de 2013 se situaria em 939,58€. O mês com maior produção foi Junho (585,30/kWh) e de menor Janeiro (212,60/kWh) numa variação negativa de 64%. Em termos receita a média anual situa-se nos 78,30€/mês. Analisando estes valores numa perspetiva diária, podemos concluir que 5 meses atingem uma receita diária de mais de 3€, sendo que a média anual se situa nos 2,57€/dia (Figura 4).

Data Janeiro de 2011 Fevereiro de 2011 Março de 2011 Abril de 2011 Maio de 2011 Junho de 2011 Julho de 2011 Agosto de 2011 Setembro de 2011 Outubro de 2011 Novembro de 2011 Dezembro de 2011 TOTAL

Produção Kw/h 212,60 kW 310,23 kW 367,62 kW 482,95 kW 548,03 kW 585,30 kW 551,19 kW 471,06 kW 436,55 kW 380,69 kW 221,28 kW 226,27 kW 4.793,77 kW

MEALHADA Janeiro a dezembro de 2011 Receita (euros) Valor Médio Produção 41,67 € 7,09 kW 60,81 € 10,01 kW 72,05 € 11,86 kW 94,66 € 16,10 kW 107,41 € 17,68 kW 114,72 € 19,51 kW 108,03 € 17,78 kW 92,33 € 15,20 kW 85,56 € 15,59 kW 74,62 € 12,28 kW 43,37 € 7,38 kW 44,35 € 7,30 kW 939,58 € 13,13 kW

Valor Médio Diário Receita 1,39 € 1,96 € 2,32 € 3,16 € 3,46 € 3,82 € 3,48 € 2,98 € 3,06 € 2,41 € 1,45 € 1,43 € 2,57 €

Figura 4: Sistema de microprodução - Mealhada/ 2011

18


Estudo: “Utilização de painéis fotovoltaicos na produção de energia no âmbito do sistema de Microprodução”

Tendo em conta os dados recolhidos em referência ao ano de 2012 podemos destacar que o valor global de produção atingiu 5.313,87/kWh, cerca de 10,8% mais do que no ano anterior, numa receita de 1.041,52€ (Figura 5).

Data Janeiro de 2012 Fevereiro de 2012 Março de 2012 Abril de 2012 Maio de 2012 Junho de 2012 Julho de 2012 Agosto de 2012 Setembro de 2012 Outubro de 2012 Novembro de 2012 Dezembro de 2012 TOTAL

Produção Kw/h 298,47 kW 405,35 kW 435,03 kW 351,49 kW 496,12 kW 503,13 kW 697,28 kW 664,11 kW 533,41 kW 404,54 kW 293,66 kW 231,28 kW 5.313,87 kW

MEALHADA Janeiro a dezembro de 2012 Receita (euros) Valor Médio Produção 58,50 € 9,95 kW 79,45 € 13,08 kW 85,27 € 14,03 kW 68,89 € 11,72 kW 97,24 € 16,00 kW 98,61 € 16,77 kW 136,67 € 22,49 kW 130,17 € 21,42 kW 104,55 € 19,05 kW 79,29 € 13,05 kW 57,56 € 9,79 kW 45,33 € 7,46 kW 1.041,52 € 14,56 kW

Valor Médio Diário Receita 1,95 € 2,56 € 2,75 € 2,30 € 3,14 € 3,29 € 4,41 € 4,20 € 3,73 € 2,56 € 1,92 € 1,46 € 2,85 €

Figura 5: Sistema de microprodução - Mealhada/ 2012 A diferença de 10,8% justifica-se principalmente pelo aumento significativo da produção em 7 meses do ano, no período de janeiro a março e de julho a setembro. As razões devem-se ser de natureza climatérica, já que o ano de 2012 foi especialmente favorável em termos de exposição solar (Figura 6).

19


Estudo: “Utilização de painéis fotovoltaicos na produção de energia no âmbito do sistema de Microprodução” 250,00 kW

200,00 kW

150,00 kW

100,00 kW

50,00 kW

0,00 kW

-50,00 kW

-100,00 kW

Dezembro

Novembro

Outubro

Setembro

Agosto

Julho

Junho

Maio

Abril

Março

fevereiro

Janeiro

-150,00 kW

Figura 6: Sistema de microprodução - Mealhada / 2012/2011

3.3. Análise Comparativa

Os dois locais de recolha – Cantanhede e Mealhada – distam entre si cerca de 20km sendo que os equipamentos são de natureza semelhante, encontram-se instalados em sistemas fixos nos telhados/coberturas dos edifícios com ângulos ligeiramente diferenciados em relação à exposição solar. Ao nível climatérico as condições gerais são semelhantes já que não existem grandes condicionantes que possam introduzir variações significativas.

20


Estudo: “Utilização de painéis fotovoltaicos na produção de energia no âmbito do sistema de Microprodução”

No entanto, como é observável nos anexos e nos quadros apresentados (tendo como referência o ano de 2012), existem algumas variações quer ao nível diário quer em termos mensais e anuais (Figura 7). Cantanhede e Mealhada Janeiro a dezembro de 2012 Cantanhede

Mealhada

Data Produção kWh Janeiro de 2012 Fevereiro de 2012 Março de 2012 Abril de 2012 Maio de 2012 Junho de 2012 Julho de 2012 Agosto de 2012 Setembro de 2012 Outubro de 2012 Novembro de 2012 Dezembro de 2012 TOTAL

437,26 kW 515,22 kW 536,55 kW 409,28 kW 524,02 kW 508,63 kW 623,07 kW 611,50 kW 524,99 kW 405,33 kW 326,60 kW 245,54 kW 5.667,99 kW

Valor Médio da Valor Médio da Produção Diária Receita Diária 14,58 kW 17,17 kW 17,89 kW 13,64 kW 17,47 kW 16,95 kW 20,77 kW 20,38 kW 17,50 kW 13,51 kW 10,89 kW 8,18 kW 188,93 kW

2,86 € 3,37 € 3,51 € 2,67 € 3,42 € 3,32 € 4,07 € 4,00 € 3,43 € 2,65 € 2,13 € 1,60 € 37,03 €

Produção kWh 298,47 kW 405,35 kW 435,03 kW 351,49 kW 496,12 kW 503,13 kW 697,28 kW 664,11 kW 533,41 kW 404,54 kW 293,66 kW 231,28 kW 5.313,87 kW

Valor Médio da Valor Médio da Produção Diária Receita Diária 9,95 kW 13,51 kW 14,50 kW 11,72 kW 16,54 kW 16,77 kW 23,24 kW 22,14 kW 17,78 kW 13,48 kW 9,79 kW 7,71 kW 177,13 kW

1,95 € 2,65 € 2,84 € 2,30 € 3,24 € 3,29 € 4,56 € 4,34 € 3,48 € 2,64 € 1,92 € 1,51 € 34,72 €

Diferença: Produção mensal (kWh)

Diferença: Produção mensal (%)

Diferença:V alor Médio da Receita Diária (€)

138,79 kW 109,87 kW 101,52 kW 57,79 kW 27,90 kW 5,50 kW -74,21 kW -52,61 kW -8,42 kW 0,79 kW 32,94 kW 14,26 kW 354,12 kW

46,50% 27,10% 23,34% 16,44% 5,62% 1,09% -10,64% -7,92% -1,58% 0,20% 11,22% 6,17% 6,66%

0,91 € 0,72 € 0,66 € 0,38 € 0,18 € 0,04 € -0,48 € -0,34 € -0,06 € 0,01 € 0,22 € 0,09 € 2,31 €

Figura 7: Quadro síntese dos dois sistemas de microprodução

Da leitura do quadro referente a 2012 podemos então concluir que, em termos globais, o sistema de Cantanhede produziu cerca de 6,66% mais do que o da Mealhada ou seja uma diferença anual de 69, 40€ (Figura 8).

700,00 kW

600,00 kW 500,00 kW 400,00 kW

Cantanhede

Mealhada

300,00 kW 200,00 kW 100,00 kW 0,00 kW

Figura 8: Evolução comparativa dos dois sistemas de microprodução - 2012

21


Estudo: “Utilização de painéis fotovoltaicos na produção de energia no âmbito do sistema de Microprodução”

Nos meses de inverno, os valores mensais do sistema Mealhada são sempre inferiores aos de Cantanhede. No entanto em 3 meses julho a setembro a produção da Mealhada é ligeiramente superior. A posição do edifício, a colocação dos painéis e o seu ângulo em relação ao sol deverão justificar estes desvios, pois como já referimos ao nível das condições climatéricas não deverão existir grandes oscilações.

Destes factos resulta o sublinhado da importância da escolha dos locais onde se instalam os sistemas, no sentido da potenciação dos resultados a obter.

4. ANÁLISE DE SUSTENTABILIDADE

4.1. Valia Económica

Ao nível dos contratos de aquisição de energia produzida no sistema da microprodução em regime bonificado a legislação enquadradora estipula que o produtor é remunerado com base na tarifa de referência que vigorar à data da emissão do certificado de exploração, sendo que na vida útil do sistema existam três fases (Dec. Lei 363/2007 com as respetivas atualizações): 

Fase 1 = Artigo 11.º do Dec. Lei 363/2007 “3 - A tarifa é aplicável durante um total de 15 anos contados desde o 1.º dia do mês seguinte ao do início do fornecimento, subdivididos em dois períodos, o primeiro com a duração de 8 anos…”- Para cada produtor no regime bonificado é definida uma tarifa única 22


Estudo: “Utilização de painéis fotovoltaicos na produção de energia no âmbito do sistema de Microprodução”

de referência aplicável à energia produzida na primeira fase: 2013 = 0,196€/kWh (Despacho DGEG de 2 Janeiro de 2013); 

Fase 2 = Artigo 11.º do Dec. Lei 363/2007 “3 - A tarifa é aplicável durante um total de 15 anos contados desde o 1.º dia do mês seguinte ao do início do fornecimento, subdivididos em dois períodos, o primeiro com a duração de 8 anos… e o segundo com a duração dos subsequentes 7 anos”. Para a segunda fase é definida uma tarifa única de referência aplicável à energia produzida 2013 = 0,165€/kWh (Despacho DGEG de 2 Janeiro de 2013);

Fase 3 = Artigo 11.º do Dec. Lei 363/2007 “4 — A aplicação do regime remuneratório bonificado caduca quando o produtor comunique ao SRM a renúncia à sua aplicação, ou no final do período de 15 anos referido no número anterior, ingressando o produtor no regime remuneratório geral”. Após o período de 15 anos, aplica-se à instalação de microprodução o regime geral (valor de produção igual ao do consumo nessa altura)”.

Tendo como base este enquadramento remuneratório, e após a recolha e análise dos dados efetuou-se uma análise em projeção futura dos rendimentos dos sistemas de produção estudados. Em termos de níveis de produção utiliza-se assim como referência um dos anos objeto de estudo (2012), aplicando-lhe o nível remuneratório atual (ano de 2013).

Não esquecendo que os fatores climatéricos e o comportamento dos equipamentos (diminuição de performance) poderão influenciar a projeção efetuada, consideramos que no longo prazo esses desvios serão residuais e poderão ser em sentido positivo ou negativo.

23


Estudo: “Utilização de painéis fotovoltaicos na produção de energia no âmbito do sistema de Microprodução”

Apresentamos assim nos quadros seguintes a projeção da produção e do rendimento expectável por parte dos dois sistemas analisados (Figuras 9, 10 e 11).

Ano 2013 2014 2015 2016 2017 2018 2019 2020 TOTAL: Fase 1

Cantanhede: Produção kW 5.667,99 Kw 5.667,99 Kw 5.667,99 Kw 5.667,99 Kw 5.667,99 Kw 5.667,99 Kw 5.667,99 Kw 5.667,99 Kw 45.343,92 Kw

Cantanhede: Receita € 1.110,93 € 1.110,93 € 1.110,93 € 1.110,93 € 1.110,93 € 1.110,93 € 1.110,93 € 1.110,93 € 8.887,41 €

Mealhada: Produção kW 5.313,87 Kw 5.313,87 Kw 5.313,87 Kw 5.313,87 Kw 5.313,87 Kw 5.313,87 Kw 5.313,87 Kw 5.313,87 Kw 42.510,94 Kw

Mealhada: Receita € 1.041,52 € 1.041,52 € 1.041,52 € 1.041,52 € 1.041,52 € 1.041,52 € 1.041,52 € 1.041,52 € 8.332,14 €

Figura 9: Evolução - Fase 1

Ano 2021 2022 2023 2024 2025 2026 2027 TOTAL: Fase 2

Cantanhede: Produção kW 5.667,99 Kw 5.667,99 Kw 5.667,99 Kw 5.667,99 Kw 5.667,99 Kw 5.667,99 Kw 5.667,99 Kw 39.675,93 Kw

Cantanhede: Receita € 1.110,93 € 1.110,93 € 1.110,93 € 1.110,93 € 1.110,93 € 1.110,93 € 1.110,93 € 7.776,48 €

Mealhada: Produção kW 5.313,87 Kw 5.313,87 Kw 5.313,87 Kw 5.313,87 Kw 5.313,87 Kw 5.313,87 Kw 5.313,87 Kw 37.197,07 Kw

Mealhada: Receita € 1.041,52 € 1.041,52 € 1.041,52 € 1.041,52 € 1.041,52 € 1.041,52 € 1.041,52 € 7.290,63 €

Figura 10: Evolução - Fase 2

Ano 2028 2029 2030 2031 2032 2033 2034 2035 2036 2037 TOTAL: Fase 3

Cantanhede: Produção kW 5.667,99 Kw 5.667,99 Kw 5.667,99 Kw 5.667,99 Kw 5.667,99 Kw 5.667,99 Kw 5.667,99 Kw 5.667,99 Kw 5.667,99 Kw 5.667,99 Kw 56.679,90 Kw

Cantanhede: Receita € 1.133,60 € 1.133,60 € 1.133,60 € 1.133,60 € 1.133,60 € 1.133,60 € 1.133,60 € 1.133,60 € 1.133,60 € 1.133,60 € 11.335,98 €

Mealhada: Produção kW 5.313,87 Kw 5.313,87 Kw 5.313,87 Kw 5.313,87 Kw 5.313,87 Kw 5.313,87 Kw 5.313,87 Kw 5.313,87 Kw 5.313,87 Kw 5.313,87 Kw 53.138,67 Kw

Mealhada: Receita € 1.062,77 € 1.062,77 € 1.062,77 € 1.062,77 € 1.062,77 € 1.062,77 € 1.062,77 € 1.062,77 € 1.062,77 € 1.062,77 € 10.627,73 €

Figura 11: Evolução - Fase 3

24


Estudo: “Utilização de painéis fotovoltaicos na produção de energia no âmbito do sistema de Microprodução”

O investimento médio realizado nos anos de 2012 para uma instalação equivalente às que foram objeto de análise situa-se num valor aproximado de 15.000€, onde se inclui todas as adaptações nas instalações e aquisição de equipamentos. Este valor em termos médios tem vindo a decrescer.

Este equipamento poderá produzir em termos médio um valor equivalente aos dois sistemas analisados (Figura 12).

Fases Fase 1 Fase 2 Fase 3 TOTAL Geral

Cantanhede: Produção kW 45.343,92 kW 39.675,93 kW 56.679,90 kW 141.699,75 kW

Cantanhede: Receita € 8.887,41 € 7.776,48 € 11.335,98 € 27.999,87 €

Mealhada: Produção kW 42.510,94 kW 37.197,07 kW 53.138,67 kW 132.846,68 kW

Mealhada: Receita € 8.332,14 € 7.290,63 € 10.627,73 € 26.250,50 €

Figura 12: Evolução - Resumo

Assim partindo do investimento inicial (15.000€) numa projeção de 25 anos poderemos concluir que esse investimento se encontra recuperado em 12 anos e que praticamente duplicará ao fim dos 25 anos (Figura 13).

25


Estudo: “Utilização de painéis fotovoltaicos na produção de energia no âmbito do sistema de Microprodução”

Anos

25 24 23 22 21 20 19 18 17 16 15 14 13 12 11 10 9 8 7 6 5 4 3 2 1

-20.000,00

-15.000,00

-10.000,00

-5.000,00

0,00

Mealhada Cantanhede

5.000,00

10.000,00

15.000,00

Valor €

Figura 13: Recuperação do Investimento

4.2. Valia Ambiental

A produção de 1 kWh de eletricidade pode ser feita usando diferentes fontes de energia, cada fonte pode ser caracterizada por um fator que indica quantos quilos de CO2 são liberados na atmosfera para produzir 1 kWh de eletricidade. As principais fontes de energia são petróleo, gás natural, carvão, resíduos sólidos urbanos (energia térmica), o urânio enriquecido (nuclear), gradientes de água (hidroelétricas), o calor da terra (geotérmica), a energia eólica (vento), solar 26


Estudo: “Utilização de painéis fotovoltaicos na produção de energia no âmbito do sistema de Microprodução”

(fotovoltaica, solar térmica), biomassa, etc. Em cada país a produção de energia resulta da conjugação destas fontes de energia com pesos diferenciados, o que resulta então que o valor de kg CO2 / kWh será diferente de país para país1.

Normalmente quando a energia primária vem de fontes renováveis diz-se que não tem emissões de CO2, ignorando-se o ciclo de vida dos equipamentos. Para a avaliação da produção de eletricidade por origem solar em termos de emissão de CO2, teremos que analisar em comparação, qual seria o valor de emissões se essa energia fosse produzida por fontes de origem fóssil. Utilizando o valor indicativo para Portugal em 2012, que é igualmente aplicável em 2013, atingimos os valores que se identificam na Figura 14.

Fases Fase 1 Fase 2 Fase 3 TOTAL Geral

Cantanhede: Cantanhede: Redução de Produção kW emissões de CO2 (Kg) 45.343,92 kW 10.338,41 39.675,93 kW 9.046,11 56.679,90 kW 12.923,02 141.699,75 kW 32.307,54

Mealhada: Mealhada: Redução de Produção kW emissões de CO2 (kg) 42.510,94 kW 9.692,49 37.197,07 kW 8.480,93 53.138,67 kW 12.115,62 132.846,68 kW 30.289,04

Figura 14: Valor de redução de emissões CO2

As emissões de CO2 poupadas pela produção de energia elétrica por fonte solar assumem valores de 1,3 ton:CO2/ano num valor global de cada sistema de cerca de 32/30 ton:CO2/.

1 Em Portugal no ano de 2012 o mix energético em termos de conversão em CO2 era de 0,228/kWh

27


Estudo: “Utilização de painéis fotovoltaicos na produção de energia no âmbito do sistema de Microprodução”

As árvores e outras plantas absorvem CO2 da atmosfera ao crescerem, através do processo de fotossíntese. Partindo de estatísticas diversas, identifica-se que em média, uma árvore madura absorve ou consome 6 kg de dióxido de carbono (CO2) por ano. Assim de forma simples podemos referir que um sistema fotovoltaico em termos de redução de emissão será equivalente a uma floresta de mais de 216 árvores.

A tarefa coletiva de minimizar as emissões de CO2 ou de contribuir para a sua eliminação tem no processo de produção de energia solar um importante contributo, reduzindo assim a nossa pegada ecológica.

CONCLUSÕES

O objetivo principal deste estudo contemplava uma análise “sobre a utilização de painéis fotovoltaicos na produção de energia no âmbito do sistema de microprodução”. Abordando as diferentes possibilidades relativas à utilização de múltiplas fontes de produção energética, comparando os seus efeitos e resultados, efetuou-se a uma análise comparativa de diferentes sistemas. Recolhendo e tratando dados objetivos de produção diária de sistemas de microprodução na zona de intervenção da AD ELO, encontram-se assim compilados dados de registo de um período de dois anos de dois sistemas que permitirá obter análises sobre as mais diversas vertentes.

28


Estudo: “Utilização de painéis fotovoltaicos na produção de energia no âmbito do sistema de Microprodução”

Em termos de conclusões finais com efeitos demonstrativos e que podem servir de orientação para futuros investimentos/investidores, podemos referir em síntese:  Reveste-se de muito importante os cuidados a ter em conta na instalação dos equipamentos, em termos de exposição e ângulo solar. É de salientar que na análise dos dois sistemas este pormenor revelou que uma boa instalação regista mais de 6% de produção. A introdução de equipamentos bem orientados ou em alternativa os sistemas rotativos representam uma rentabilidade acrescida que poderá atingir níveis de mais de 30 %;

 Ao nível da produção/receita e tendo como base os exemplos estudados esta região atingirá em termos médios cerca de 100€ de receita mensal. Na perspetiva de recuperação do investimento direto podemos apontar para cerca de 12 anos, sendo que depois deste período toda a produção será receita líquida (deduzidos os respetivos impostos), pois não são previsíveis grandes despesas de manutenção dos equipamentos. Se for equacionado um sistema de apoio ao investimento, numa taxa previsível de 40% esta recuperação será assim atingida durante a primeira fase do contrato (6/7 anos);

 Para além das vantagens financeiras observáveis temos que referir que todas as outras vantagens ambientais não são de menosprezar, nomeadamente na componente de emissões de CO2, redução de consumo de energias fósseis aumentando assim também a independência energética do país. Devemos considerar de extrema importância todas as pequenas iniciativas que de forma conjunta já representam uma fatia assinalável da produção energética do país;

29


Estudo: “Utilização de painéis fotovoltaicos na produção de energia no âmbito do sistema de Microprodução”

 Acresce

ainda

que

a

existência

de

coletores

solares

térmicos,

complementares aos sistemas de microprodução no regime bonificado, permitirá a obtenção de reduções significativas em termos de consumos enérgicos para aquecimento de águas sanitárias. Embora este estudo não contemple esta componente no cálculo das rentabilidades, não se refletindo igualmente ao nível das receitas, importa no entanto considerar este ganho acessório, com impacto igualmente na redução de CO2 e na diversificação da fontes de energia a utilizar pela população, aumentando assim a sua independência relativamente a fatores externos.

30


ANTANHEDE Janeiro a

Estudo: “Utilização de painéis fotovoltaicos na produção de energia no âmbito do sistema de Microprodução”

ANEXO 1 – DADOS RECOLHIDOS – MICROPRODUÇÃO: CANTANHDE LOCAL Freguesia: Cantanhede – Concelho: Cantanhede

Data 1-Jan-11 2-Jan-11 3-Jan-11 4-Jan-11 5-Jan-11 6-Jan-11 7-Jan-11 8-Jan-11 9-Jan-11 10-Jan-11 11-Jan-11 12-Jan-11 13-Jan-11 14-Jan-11 15-Jan-11 16-Jan-11 17-Jan-11 18-Jan-11 19-Jan-11 20-Jan-11 21-Jan-11 22-Jan-11 23-Jan-11 24-Jan-11 25-Jan-11 26-Jan-11 27-Jan-11 28-Jan-11 29-Jan-11 30-Jan-11 31-Jan-11 Total

CANTANHEDE CANTANHEDE Janeiro de 2011 Fevereiro de 2011 Produção kWh Receita € Data Produção kWh Receita € 4,910 kW 0,96 € 1-Fev-11 17,140 kW 3,36 € 3,000 kW 0,59 € 2-Fev-11 18,470 kW 3,62 € 2,930 kW 0,57 € 3-Fev-11 16,940 kW 3,32 € 1,060 kW 0,21 € 4-Fev-11 16,790 kW 3,29 € 1,010 kW 0,20 € 5-Fev-11 16,450 kW 3,22 € 1,620 kW 0,32 € 6-Fev-11 17,940 kW 3,52 € 5,660 kW 1,11 € 7-Fev-11 17,030 kW 3,34 € 3,290 kW 0,64 € 8-Fev-11 11,710 kW 2,30 € 8,890 kW 1,74 € 9-Fev-11 4,950 kW 0,97 € 1,620 kW 0,32 € 10-Fev-11 16,210 kW 3,18 € 2,820 kW 0,55 € 11-Fev-11 10,730 kW 2,10 € 2,150 kW 0,42 € 12-Fev-11 14,470 kW 2,84 € 15,520 kW 3,04 € 13-Fev-11 3,820 kW 0,75 € 11,060 kW 2,17 € 14-Fev-11 2,600 kW 0,51 € 6,050 kW 1,19 € 15-Fev-11 7,110 kW 1,39 € 7,660 kW 1,50 € 16-Fev-11 7,660 kW 1,50 € 4,620 kW 0,91 € 17-Fev-11 10,800 kW 2,12 € 6,200 kW 1,22 € 18-Fev-11 3,000 kW 0,59 € 13,950 kW 2,73 € 19-Fev-11 8,470 kW 1,66 € 16,440 kW 3,22 € 20-Fev-11 8,530 kW 1,67 € 17,050 kW 3,34 € 21-Fev-11 8,510 kW 1,67 € 10,390 kW 2,04 € 22-Fev-11 10,770 kW 2,11 € 18,190 kW 3,57 € 23-Fev-11 17,820 kW 3,49 € 15,190 kW 2,98 € 24-Fev-11 19,120 kW 3,75 € 17,700 kW 3,47 € 25-Fev-11 16,250 kW 3,19 € 17,280 kW 3,39 € 26-Fev-11 13,360 kW 2,62 € 6,440 kW 1,26 € 27-Fev-11 20,530 kW 4,02 € 8,240 kW 1,62 € 28-Fev-11 20,580 kW 4,03 € 9,640 kW 1,89 € Total 357,760 kW 70,12 € 15,450 kW 3,03 € 16,910 kW 3,31 € 272,940 kW 53,50 €

31


Estudo: “Utilização de painéis fotovoltaicos na produção de energia no âmbito do sistema de Microprodução”

LOCAL Freguesia: Cantanhede – Concelho: Cantanhede

Data 1-Mar-11 2-Mar-11 3-Mar-11 4-Mar-11 5-Mar-11 6-Mar-11 7-Mar-11 8-Mar-11 9-Mar-11 10-Mar-11 11-Mar-11 12-Mar-11 13-Mar-11 14-Mar-11 15-Mar-11 16-Mar-11 17-Mar-11 18-Mar-11 19-Mar-11 20-Mar-11 21-Mar-11 22-Mar-11 23-Mar-11 24-Mar-11 25-Mar-11 26-Mar-11 27-Mar-11 28-Mar-11 29-Mar-11 30-Mar-11 31-Mar-11 Total

CANTANHEDE CANTANHEDE Março de 2011 Abril de 2011 Produção kWh Receita € Data Produção kWh Receita € 20,840 kW 4,08 € 1-Abr-11 19,910 kW 3,90 € 19,820 kW 3,88 € 2-Abr-11 5,380 kW 1,05 € 19,510 kW 3,82 € 3-Abr-11 18,460 kW 3,62 € 16,540 kW 3,24 € 4-Abr-11 21,390 kW 4,19 € 8,670 kW 1,70 € 5-Abr-11 20,400 kW 4,00 € 14,940 kW 2,93 € 6-Abr-11 17,080 kW 3,35 € 17,650 kW 3,46 € 7-Abr-11 18,070 kW 3,54 € 1,700 kW 0,33 € 8-Abr-11 20,550 kW 4,03 € 8,800 kW 1,72 € 9-Abr-11 17,560 kW 3,44 € 15,220 kW 2,98 € 10-Abr-11 21,730 kW 4,26 € 7,270 kW 1,42 € 11-Abr-11 21,320 kW 4,18 € 9,210 kW 1,81 € 12-Abr-11 20,250 kW 3,97 € 6,900 kW 1,35 € 13-Abr-11 20,930 kW 4,10 € 3,550 kW 0,70 € 14-Abr-11 21,010 kW 4,12 € 16,980 kW 3,33 € 15-Abr-11 20,550 kW 4,03 € 6,810 kW 1,33 € 16-Abr-11 20,570 kW 4,03 € 11,160 kW 2,19 € 17-Abr-11 17,890 kW 3,51 € 21,280 kW 4,17 € 18-Abr-11 13,620 kW 2,67 € 20,930 kW 4,10 € 19-Abr-11 7,830 kW 1,53 € 20,780 kW 4,07 € 20-Abr-11 7,580 kW 1,49 € 20,880 kW 4,09 € 21-Abr-11 7,150 kW 1,40 € 17,810 kW 3,49 € 22-Abr-11 3,610 kW 0,71 € 20,140 kW 3,95 € 23-Abr-11 16,060 kW 3,15 € 11,440 kW 2,24 € 24-Abr-11 18,100 kW 3,55 € 11,790 kW 2,31 € 25-Abr-11 19,310 kW 3,78 € 5,250 kW 1,03 € 26-Abr-11 21,080 kW 4,13 € 10,800 kW 2,12 € 27-Abr-11 19,960 kW 3,91 € 2,310 kW 0,45 € 28-Abr-11 20,420 kW 4,00 € 9,190 kW 1,80 € 29-Abr-11 11,670 kW 2,29 € 6,300 kW 1,23 € 30-Abr-11 7,750 kW 1,52 € 20,770 kW 4,07 € Total 497,190 kW 97,45 € 405,240 kW 79,43 €

32


Estudo: “Utilização de painéis fotovoltaicos na produção de energia no âmbito do sistema de Microprodução”

LOCAL Freguesia: Cantanhede – Concelho: Cantanhede

Data 1-Mai-11 2-Mai-11 3-Mai-11 4-Mai-11 5-Mai-11 6-Mai-11 7-Mai-11 8-Mai-11 9-Mai-11 10-Mai-11 11-Mai-11 12-Mai-11 13-Mai-11 14-Mai-11 15-Mai-11 16-Mai-11 17-Mai-11 18-Mai-11 19-Mai-11 20-Mai-11 21-Mai-11 22-Mai-11 23-Mai-11 24-Mai-11 25-Mai-11 26-Mai-11 27-Mai-11 28-Mai-11 29-Mai-11 30-Mai-11 31-Mai-11 Total

CANTANHEDE Maio de 2011 Produção kWh Receita € 6,980 kW 1,37 € 18,880 kW 3,70 € 20,140 kW 3,95 € 14,660 kW 2,87 € 18,110 kW 3,55 € 16,290 kW 3,19 € 15,800 kW 3,10 € 17,870 kW 3,50 € 21,110 kW 4,14 € 20,350 kW 3,99 € 19,470 kW 3,82 € 19,610 kW 3,84 € 19,520 kW 3,83 € 20,340 kW 3,99 € 21,430 kW 4,20 € 19,750 kW 3,87 € 11,750 kW 2,30 € 9,730 kW 1,91 € 17,770 kW 3,48 € 19,170 kW 3,76 € 15,820 kW 3,10 € 20,950 kW 4,11 € 19,770 kW 3,87 € 20,130 kW 3,95 € 17,910 kW 3,51 € 14,400 kW 2,82 € 11,820 kW 2,32 € 15,570 kW 3,05 € 13,780 kW 2,70 € 14,050 kW 2,75 € 18,340 kW 3,59 € 531,270 kW 104,13 €

Data 1-Jun-11 2-Jun-11 3-Jun-11 4-Jun-11 5-Jun-11 6-Jun-11 7-Jun-11 8-Jun-11 9-Jun-11 10-Jun-11 11-Jun-11 12-Jun-11 13-Jun-11 14-Jun-11 15-Jun-11 16-Jun-11 17-Jun-11 18-Jun-11 19-Jun-11 20-Jun-11 21-Jun-11 22-Jun-11 23-Jun-11 24-Jun-11 25-Jun-11 26-Jun-11 27-Jun-11 28-Jun-11 29-Jun-11 30-Jun-11 Total

CANTANHEDE Junho de 2011 Produção kWh Receita € 20,810 kW 4,08 € 20,610 kW 4,04 € 19,670 kW 3,86 € 18,400 kW 3,61 € 19,360 kW 3,79 € 3,750 kW 0,74 € 20,570 kW 4,03 € 20,670 kW 4,05 € 12,120 kW 2,38 € 20,340 kW 3,99 € 20,210 kW 3,96 € 18,920 kW 3,71 € 12,790 kW 2,51 € 15,190 kW 2,98 € 14,820 kW 2,90 € 18,510 kW 3,63 € 13,300 kW 2,61 € 19,830 kW 3,89 € 19,800 kW 3,88 € 20,040 kW 3,93 € 20,260 kW 3,97 € 20,490 kW 4,02 € 20,360 kW 3,99 € 19,400 kW 3,80 € 18,810 kW 3,69 € 14,260 kW 2,79 € 17,800 kW 3,49 € 18,060 kW 3,54 € 19,920 kW 3,90 € 19,610 kW 3,84 € 538,680 kW 105,58 €

33


Estudo: “Utilização de painéis fotovoltaicos na produção de energia no âmbito do sistema de Microprodução”

LOCAL Freguesia: Cantanhede – Concelho: Cantanhede

Data 1-Jul-11 2-Jul-11 3-Jul-11 4-Jul-11 5-Jul-11 6-Jul-11 7-Jul-11 8-Jul-11 9-Jul-11 10-Jul-11 11-Jul-11 12-Jul-11 13-Jul-11 14-Jul-11 15-Jul-11 16-Jul-11 17-Jul-11 18-Jul-11 19-Jul-11 20-Jul-11 21-Jul-11 22-Jul-11 23-Jul-11 24-Jul-11 25-Jul-11 26-Jul-11 27-Jul-11 28-Jul-11 29-Jul-11 30-Jul-11 31-Jul-11 Total

CANTANHEDE CANTANHEDE Julho de 2011 Agosto de 2011 Produção kWh Receita € Data Produção kWh Receita € 12,890 kW 2,53 € 1-Ago-11 3,970 kW 0,78 € 17,200 kW 3,37 € 2-Ago-11 10,450 kW 2,05 € 8,260 kW 1,62 € 3-Ago-11 16,260 kW 3,19 € 19,580 kW 3,84 € 4-Ago-11 15,860 kW 3,11 € 14,050 kW 2,75 € 5-Ago-11 19,590 kW 3,84 € 20,100 kW 3,94 € 6-Ago-11 5,510 kW 1,08 € 17,400 kW 3,41 € 7-Ago-11 22,150 kW 4,34 € 6,750 kW 1,32 € 8-Ago-11 23,610 kW 4,63 € 14,150 kW 2,77 € 9-Ago-11 22,680 kW 4,45 € 19,030 kW 3,73 € 10-Ago-11 21,910 kW 4,29 € 14,940 kW 2,93 € 11-Ago-11 21,760 kW 4,26 € 16,110 kW 3,16 € 12-Ago-11 21,090 kW 4,13 € 20,370 kW 3,99 € 13-Ago-11 20,750 kW 4,07 € 20,240 kW 3,97 € 14-Ago-11 17,580 kW 3,45 € 20,130 kW 3,95 € 15-Ago-11 21,540 kW 4,22 € 13,170 kW 2,58 € 16-Ago-11 6,550 kW 1,28 € 20,240 kW 3,97 € 17-Ago-11 21,690 kW 4,25 € 14,010 kW 2,75 € 18-Ago-11 21,620 kW 4,24 € 21,260 kW 4,17 € 19-Ago-11 18,010 kW 3,53 € 20,880 kW 4,09 € 20-Ago-11 14,220 kW 2,79 € 19,660 kW 3,85 € 21-Ago-11 14,980 kW 2,94 € 20,380 kW 3,99 € 22-Ago-11 16,570 kW 3,25 € 19,820 kW 3,88 € 23-Ago-11 15,250 kW 2,99 € 19,850 kW 3,89 € 24-Ago-11 22,980 kW 4,50 € 19,390 kW 3,80 € 25-Ago-11 9,400 kW 1,84 € 20,070 kW 3,93 € 26-Ago-11 21,700 kW 4,25 € 18,960 kW 3,72 € 27-Ago-11 23,490 kW 4,60 € 18,610 kW 3,65 € 28-Ago-11 23,090 kW 4,53 € 19,430 kW 3,81 € 29-Ago-11 22,520 kW 4,41 € 20,020 kW 3,92 € 30-Ago-11 12,630 kW 2,48 € 19,580 kW 3,84 € 31-Ago-11 9,050 kW 1,77 € 546,530 kW 107,12 € Total 538,460 kW 105,54 €

34


Estudo: “Utilização de painéis fotovoltaicos na produção de energia no âmbito do sistema de Microprodução”

LOCAL Freguesia: Cantanhede – Concelho: Cantanhede

CANTANHEDE CANTANHEDE Setembro de 2011 Outubro de 2011 Data Produção kWh Receita € Data Produção kWh Receita € 1-Set-11 10,370 kW 2,03 € 1-Out-11 19,660 kW 3,85 € 2-Set-11 6,040 kW 1,18 € 2-Out-11 19,570 kW 3,84 € 3-Set-11 16,010 kW 3,14 € 3-Out-11 18,090 kW 3,55 € 4-Set-11 23,560 kW 4,62 € 4-Out-11 18,170 kW 3,56 € 5-Set-11 23,180 kW 4,54 € 5-Out-11 19,220 kW 3,77 € 6-Set-11 23,190 kW 4,55 € 6-Out-11 19,970 kW 3,91 € 7-Set-11 23,310 kW 4,57 € 7-Out-11 19,050 kW 3,73 € 8-Set-11 21,550 kW 4,22 € 8-Out-11 21,590 kW 4,23 € 9-Set-11 21,960 kW 4,30 € 9-Out-11 21,370 kW 4,19 € 10-Set-11 12,420 kW 2,43 € 10-Out-11 20,500 kW 4,02 € 11-Set-11 18,130 kW 3,55 € 11-Out-11 20,200 kW 3,96 € 12-Set-11 22,300 kW 4,37 € 12-Out-11 19,680 kW 3,86 € 13-Set-11 22,080 kW 4,33 € 13-Out-11 19,540 kW 3,83 € 14-Set-11 20,550 kW 4,03 € 14-Out-11 19,190 kW 3,76 € 15-Set-11 18,990 kW 3,72 € 15-Out-11 16,150 kW 3,17 € 16-Set-11 17,970 kW 3,52 € 16-Out-11 12,680 kW 2,49 € 17-Set-11 21,080 kW 4,13 € 17-Out-11 16,040 kW 3,14 € 18-Set-11 23,300 kW 4,57 € 18-Out-11 15,650 kW 3,07 € 19-Set-11 23,230 kW 4,55 € 19-Out-11 19,370 kW 3,80 € 20-Set-11 22,170 kW 4,35 € 20-Out-11 19,670 kW 3,86 € 21-Set-11 17,730 kW 3,48 € 21-Out-11 19,230 kW 3,77 € 22-Set-11 19,300 kW 3,78 € 22-Out-11 12,990 kW 2,55 € 23-Set-11 9,990 kW 1,96 € 23-Out-11 5,980 kW 1,17 € 24-Set-11 12,980 kW 2,54 € 24-Out-11 14,540 kW 2,85 € 25-Set-11 21,870 kW 4,29 € 25-Out-11 13,530 kW 2,65 € 26-Set-11 20,540 kW 4,03 € 26-Out-11 1,400 kW 0,27 € 27-Set-11 16,650 kW 3,26 € 27-Out-11 5,670 kW 1,11 € 28-Set-11 10,310 kW 2,02 € 28-Out-11 20,180 kW 3,96 € 29-Set-11 19,170 kW 3,76 € 29-Out-11 17,440 kW 3,42 € 30-Set-11 17,270 kW 3,38 € 30-Out-11 13,660 kW 2,68 € Total 557,200 kW 109,21 € 31-Out-11 7,240 kW 1,42 € Total 507,220 kW 99,42 €

35


Estudo: “Utilização de painéis fotovoltaicos na produção de energia no âmbito do sistema de Microprodução”

LOCAL Freguesia: Cantanhede – Concelho: Cantanhede

CANTANHEDE CANTANHEDE Novembro de 2011 Dezembro de 2011 Data Produção kWh Receita € Data Produção kWh Receita € 1-Nov-11 8,800 kW 1,72 € 1-Dez-11 12,750 kW 2,50 € 2-Nov-11 4,310 kW 0,84 € 2-Dez-11 15,910 kW 3,12 € 3-Nov-11 9,390 kW 1,84 € 3-Dez-11 13,690 kW 2,68 € 4-Nov-11 8,370 kW 1,64 € 4-Dez-11 3,500 kW 0,69 € 5-Nov-11 15,350 kW 3,01 € 5-Dez-11 3,110 kW 0,61 € 6-Nov-11 19,910 kW 3,90 € 6-Dez-11 6,840 kW 1,34 € 7-Nov-11 18,530 kW 3,63 € 7-Dez-11 15,770 kW 3,09 € 8-Nov-11 2,390 kW 0,47 € 8-Dez-11 12,460 kW 2,44 € 9-Nov-11 11,340 kW 2,22 € 9-Dez-11 11,280 kW 2,21 € 10-Nov-11 13,310 kW 2,61 € 10-Dez-11 2,430 kW 0,48 € 11-Nov-11 1,960 kW 0,38 € 11-Dez-11 5,490 kW 1,08 € 12-Nov-11 5,630 kW 1,10 € 12-Dez-11 5,140 kW 1,01 € 13-Nov-11 2,120 kW 0,42 € 13-Dez-11 4,080 kW 0,80 € 14-Nov-11 3,480 kW 0,68 € 14-Dez-11 6,490 kW 1,27 € 15-Nov-11 13,470 kW 2,64 € 15-Dez-11 8,530 kW 1,67 € 16-Nov-11 6,020 kW 1,18 € 16-Dez-11 1,210 kW 0,24 € 17-Nov-11 17,900 kW 3,51 € 17-Dez-11 9,610 kW 1,88 € 18-Nov-11 2,530 kW 0,50 € 18-Dez-11 16,640 kW 3,26 € 19-Nov-11 7,610 kW 1,49 € 19-Dez-11 14,530 kW 2,85 € 20-Nov-11 9,890 kW 1,94 € 20-Dez-11 9,410 kW 1,84 € 21-Nov-11 4,600 kW 0,90 € 21-Dez-11 11,570 kW 2,27 € 22-Nov-11 8,280 kW 1,62 € 22-Dez-11 16,190 kW 3,17 € 23-Nov-11 17,620 kW 3,45 € 23-Dez-11 9,360 kW 1,83 € 24-Nov-11 17,140 kW 3,36 € 24-Dez-11 17,450 kW 3,42 € 25-Nov-11 15,420 kW 3,02 € 25-Dez-11 16,860 kW 3,30 € 26-Nov-11 16,550 kW 3,24 € 26-Dez-11 16,120 kW 3,16 € 27-Nov-11 16,300 kW 3,19 € 27-Dez-11 16,340 kW 3,20 € 28-Nov-11 16,780 kW 3,29 € 28-Dez-11 15,130 kW 2,97 € 29-Nov-11 6,230 kW 1,22 € 29-Dez-11 16,860 kW 3,30 € 30-Nov-11 13,120 kW 2,57 € 30-Dez-11 16,650 kW 3,26 € Total 314,350 kW 61,61 € 31-Dez-11 11,410 kW 2,24 € Total 342,810 kW 67,19 €

36


Estudo: “Utilização de painéis fotovoltaicos na produção de energia no âmbito do sistema de Microprodução”

LOCAL Freguesia: Cantanhede – Concelho: Cantanhede

Data 1-Jan-12 2-Jan-12 3-Jan-12 4-Jan-12 5-Jan-12 6-Jan-12 7-Jan-12 8-Jan-12 9-Jan-12 10-Jan-12 11-Jan-12 12-Jan-12 13-Jan-12 14-Jan-12 15-Jan-12 16-Jan-12 17-Jan-12 18-Jan-12 19-Jan-12 20-Jan-12 21-Jan-12 22-Jan-12 23-Jan-12 24-Jan-12 25-Jan-12 26-Jan-12 27-Jan-12 28-Jan-12 29-Jan-12 30-Jan-12 31-Jan-12 Total

CANTANHEDE CANTANHEDE Janeiro de 2012 Fevereiro de 2012 Produção kWh Receita € Data Produção kWh Receita € 3,29 kW 0,64 € 1-Fev-12 3,69 kW 0,72 € 10,63 kW 2,08 € 2-Fev-12 19,69 kW 3,86 € 1,96 kW 0,38 € 3-Fev-12 18,62 kW 3,65 € 12,61 kW 2,47 € 4-Fev-12 20,69 kW 4,06 € 16,40 kW 3,21 € 5-Fev-12 9,64 kW 1,89 € 16,29 kW 3,19 € 6-Fev-12 16,94 kW 3,32 € 16,30 kW 3,19 € 7-Fev-12 18,56 kW 3,64 € 17,61 kW 3,45 € 8-Fev-12 20,03 kW 3,93 € 17,91 kW 3,51 € 9-Fev-12 20,16 kW 3,95 € 17,33 kW 3,40 € 10-Fev-12 20,32 kW 3,98 € 16,00 kW 3,14 € 11-Fev-12 21,19 kW 4,15 € 15,48 kW 3,03 € 12-Fev-12 22,23 kW 4,36 € 14,09 kW 2,76 € 13-Fev-12 21,73 kW 4,26 € 5,20 kW 1,02 € 14-Fev-12 19,87 kW 3,89 € 3,99 kW 0,78 € 15-Fev-12 21,31 kW 4,18 € 18,24 kW 3,58 € 16-Fev-12 21,87 kW 4,29 € 15,98 kW 3,13 € 17-Fev-12 0,00 kW 0,00 € 17,32 kW 3,39 € 18-Fev-12 0,00 kW 0,00 € 17,48 kW 3,43 € 19-Fev-12 20,38 kW 3,99 € 12,36 kW 2,42 € 20-Fev-12 21,90 kW 4,29 € 17,81 kW 3,49 € 21-Fev-12 17,55 kW 3,44 € 17,37 kW 3,40 € 22-Fev-12 20,24 kW 3,97 € 17,49 kW 3,43 € 23-Fev-12 20,86 kW 4,09 € 18,03 kW 3,53 € 24-Fev-12 21,26 kW 4,17 € 17,25 kW 3,38 € 25-Fev-12 21,05 kW 4,13 € 3,74 kW 0,73 € 26-Fev-12 17,15 kW 3,36 € 16,01 kW 3,14 € 27-Fev-12 20,47 kW 4,01 € 19,41 kW 3,80 € 28-Fev-12 17,30 kW 3,39 € 19,16 kW 3,76 € 29-Fev-12 20,52 kW 4,02 € 18,08 kW 3,54 € Total 515,22 kW 100,98 € 6,44 kW 1,26 € 437,26 kW 85,70 €

37


Estudo: “Utilização de painéis fotovoltaicos na produção de energia no âmbito do sistema de Microprodução”

LOCAL Freguesia: Cantanhede – Concelho: Cantanhede

Data 1-Mar-12 2-Mar-12 3-Mar-12 4-Mar-12 5-Mar-12 6-Mar-12 7-Mar-12 8-Mar-12 9-Mar-12 10-Mar-12 11-Mar-12 12-Mar-12 13-Mar-12 14-Mar-12 15-Mar-12 16-Mar-12 17-Mar-12 18-Mar-12 19-Mar-12 20-Mar-12 21-Mar-12 22-Mar-12 23-Mar-12 24-Mar-12 25-Mar-12 26-Mar-12 27-Mar-12 28-Mar-12 29-Mar-12 30-Mar-12 31-Mar-12 Total

CANTANHEDE CANTANHEDE Março de 2012 Abril de 2012 Produção kWh Receita € Data Produção kWh Receita € 16,05 kW 3,15 € 1-Abr-12 15,180 kW 2,98 € 13,91 kW 2,73 € 2-Abr-12 12,490 kW 2,45 € 2,75 kW 0,54 € 3-Abr-12 5,240 kW 1,03 € 5,02 kW 0,98 € 4-Abr-12 22,490 kW 4,41 € 22,64 kW 4,44 € 5-Abr-12 15,130 kW 2,97 € 18,59 kW 3,64 € 6-Abr-12 17,430 kW 3,42 € 21,14 kW 4,14 € 7-Abr-12 7,780 kW 1,52 € 19,20 kW 3,76 € 8-Abr-12 23,550 kW 4,62 € 23,43 kW 4,59 € 9-Abr-12 21,840 kW 4,28 € 21,95 kW 4,30 € 10-Abr-12 11,890 kW 2,33 € 21,96 kW 4,30 € 11-Abr-12 9,300 kW 1,82 € 22,51 kW 4,41 € 12-Abr-12 22,430 kW 4,40 € 21,52 kW 4,22 € 13-Abr-12 6,980 kW 1,37 € 13,40 kW 2,63 € 14-Abr-12 15,810 kW 3,10 € 7,37 kW 1,44 € 15-Abr-12 22,030 kW 4,32 € 3,36 kW 0,66 € 16-Abr-12 24,390 kW 4,78 € 11,48 kW 2,25 € 17-Abr-12 7,450 kW 1,46 € 18,74 kW 3,67 € 18-Abr-12 5,720 kW 1,12 € 24,25 kW 4,75 € 19-Abr-12 10,260 kW 2,01 € 24,39 kW 4,78 € 20-Abr-12 9,510 kW 1,86 € 23,83 kW 4,67 € 21-Abr-12 6,460 kW 1,27 € 21,44 kW 4,20 € 22-Abr-12 13,860 kW 2,72 € 11,70 kW 2,29 € 23-Abr-12 8,680 kW 1,70 € 5,95 kW 1,17 € 24-Abr-12 13,890 kW 2,72 € 19,11 kW 3,75 € 25-Abr-12 3,820 kW 0,75 € 21,18 kW 4,15 € 26-Abr-12 11,810 kW 2,31 € 22,61 kW 4,43 € 27-Abr-12 19,320 kW 3,79 € 23,20 kW 4,55 € 28-Abr-12 12,140 kW 2,38 € 22,77 kW 4,46 € 29-Abr-12 14,300 kW 2,80 € 18,35 kW 3,60 € 30-Abr-12 18,100 kW 3,55 € 12,75 kW 2,50 € Total 409,280 kW 80,22 € 536,55 kW 105,16 €

38


Estudo: “Utilização de painéis fotovoltaicos na produção de energia no âmbito do sistema de Microprodução”

LOCAL Freguesia: Cantanhede – Concelho: Cantanhede

Data 1-Mai-12 2-Mai-12 3-Mai-12 4-Mai-12 5-Mai-12 6-Mai-12 7-Mai-12 8-Mai-12 9-Mai-12 10-Mai-12 11-Mai-12 12-Mai-12 13-Mai-12 14-Mai-12 15-Mai-12 16-Mai-12 17-Mai-12 18-Mai-12 19-Mai-12 20-Mai-12 21-Mai-12 22-Mai-12 23-Mai-12 24-Mai-12 25-Mai-12 26-Mai-12 27-Mai-12 28-Mai-12 29-Mai-12 30-Mai-12 31-Mai-12 Total

CANTANHEDE Maio de 2012 Produção kWh Receita € 10,850 kW 2,13 € 4,160 kW 0,82 € 12,930 kW 2,53 € 13,310 kW 2,61 € 15,450 kW 3,03 € 17,810 kW 3,49 € 6,200 kW 1,22 € 16,690 kW 3,27 € 21,450 kW 4,20 € 20,080 kW 3,94 € 13,200 kW 2,59 € 16,890 kW 3,31 € 15,410 kW 3,02 € 20,300 kW 3,98 € 21,620 kW 4,24 € 20,580 kW 4,03 € 20,600 kW 4,04 € 12,830 kW 2,51 € 15,250 kW 2,99 € 14,760 kW 2,89 € 13,900 kW 2,72 € 21,420 kW 4,20 € 21,840 kW 4,28 € 21,970 kW 4,31 € 18,250 kW 3,58 € 18,690 kW 3,66 € 17,080 kW 3,35 € 20,440 kW 4,01 € 21,100 kW 4,14 € 19,700 kW 3,86 € 19,260 kW 3,77 € 524,020 kW 102,71 €

Data 1-Jun-12 2-Jun-12 3-Jun-12 4-Jun-12 5-Jun-12 6-Jun-12 7-Jun-12 8-Jun-12 9-Jun-12 10-Jun-12 11-Jun-12 12-Jun-12 13-Jun-12 14-Jun-12 15-Jun-12 16-Jun-12 17-Jun-12 18-Jun-12 19-Jun-12 20-Jun-12 21-Jun-12 22-Jun-12 23-Jun-12 24-Jun-12 25-Jun-12 26-Jun-12 27-Jun-12 28-Jun-12 29-Jun-12 30-Jun-12 Total

CANTANHEDE Junho de 2012 Produção kWh Receita € 18,460 kW 3,62 € 8,130 kW 1,59 € 20,780 kW 4,07 € 20,060 kW 3,93 € 14,540 kW 2,85 € 12,460 kW 2,44 € 17,860 kW 3,50 € 19,200 kW 3,76 € 8,260 kW 1,62 € 16,120 kW 3,16 € 17,440 kW 3,42 € 17,240 kW 3,38 € 22,420 kW 4,39 € 14,940 kW 2,93 € 13,800 kW 2,70 € 17,040 kW 3,34 € 11,880 kW 2,33 € 16,340 kW 3,20 € 11,560 kW 2,27 € 13,730 kW 2,69 € 20,140 kW 3,95 € 22,660 kW 4,44 € 22,090 kW 4,33 € 22,010 kW 4,31 € 21,130 kW 4,14 € 14,920 kW 2,92 € 20,410 kW 4,00 € 17,220 kW 3,38 € 17,360 kW 3,40 € 18,430 kW 3,61 € 508,630 kW 99,69 €

39


Estudo: “Utilização de painéis fotovoltaicos na produção de energia no âmbito do sistema de Microprodução”

LOCAL Freguesia: Cantanhede – Concelho: Cantanhede

Data 1-Jul-12 2-Jul-12 3-Jul-12 4-Jul-12 5-Jul-12 6-Jul-12 7-Jul-12 8-Jul-12 9-Jul-12 10-Jul-12 11-Jul-12 12-Jul-12 13-Jul-12 14-Jul-12 15-Jul-12 16-Jul-12 17-Jul-12 18-Jul-12 19-Jul-12 20-Jul-12 21-Jul-12 22-Jul-12 23-Jul-12 24-Jul-12 25-Jul-12 26-Jul-12 27-Jul-12 28-Jul-12 29-Jul-12 30-Jul-12 31-Jul-12 Total

CANTANHEDE CANTANHEDE Julho de 2012 Agosto de 2012 Produção kWh Receita € Data Produção kWh Receita € 22,510 kW 4,41 € 1-Ago-12 21,400 kW 4,19 € 21,970 kW 4,31 € 2-Ago-12 22,670 kW 4,44 € 19,560 kW 3,83 € 3-Ago-12 22,630 kW 4,44 € 11,960 kW 2,34 € 4-Ago-12 21,830 kW 4,28 € 17,560 kW 3,44 € 5-Ago-12 18,320 kW 3,59 € 20,920 kW 4,10 € 6-Ago-12 22,160 kW 4,34 € 14,000 kW 2,74 € 7-Ago-12 20,530 kW 4,02 € 22,550 kW 4,42 € 8-Ago-12 21,370 kW 4,19 € 16,530 kW 3,24 € 9-Ago-12 21,330 kW 4,18 € 21,040 kW 4,12 € 10-Ago-12 17,290 kW 3,39 € 22,570 kW 4,42 € 11-Ago-12 21,490 kW 4,21 € 23,040 kW 4,52 € 12-Ago-12 18,730 kW 3,67 € 15,970 kW 3,13 € 13-Ago-12 21,100 kW 4,14 € 22,550 kW 4,42 € 14-Ago-12 13,430 kW 2,63 € 22,420 kW 4,39 € 15-Ago-12 20,280 kW 3,97 € 21,420 kW 4,20 € 16-Ago-12 22,300 kW 4,37 € 20,650 kW 4,05 € 17-Ago-12 22,260 kW 4,36 € 21,850 kW 4,28 € 18-Ago-12 21,270 kW 4,17 € 21,930 kW 4,30 € 19-Ago-12 20,190 kW 3,96 € 21,650 kW 4,24 € 20-Ago-12 21,820 kW 4,28 € 21,410 kW 4,20 € 21-Ago-12 17,180 kW 3,37 € 21,960 kW 4,30 € 22-Ago-12 20,350 kW 3,99 € 21,870 kW 4,29 € 23-Ago-12 11,640 kW 2,28 € 21,190 kW 4,15 € 24-Ago-12 12,120 kW 2,38 € 19,830 kW 3,89 € 25-Ago-12 21,900 kW 4,29 € 20,430 kW 4,00 € 26-Ago-12 22,670 kW 4,44 € 5,640 kW 1,11 € 27-Ago-12 20,310 kW 3,98 € 20,780 kW 4,07 € 28-Ago-12 9,630 kW 1,89 € 22,230 kW 4,36 € 29-Ago-12 18,130 kW 3,55 € 22,690 kW 4,45 € 30-Ago-12 23,060 kW 4,52 € 22,390 kW 4,39 € 31-Ago-12 22,110 kW 4,33 € 623,070 kW 122,12 € Total 611,500 kW 119,85 €

40


Estudo: “Utilização de painéis fotovoltaicos na produção de energia no âmbito do sistema de Microprodução”

LOCAL Freguesia: Cantanhede – Concelho: Cantanhede

CANTANHEDE CANTANHEDE Setembro de 2012 Outubro de 2012 Data Produção kWh Receita € Data Produção kWh Receita € 1-Set-12 22,070 kW 4,33 € 1-Out-12 20,770 kW 4,07 € 2-Set-12 22,450 kW 4,40 € 2-Out-12 19,300 kW 3,78 € 3-Set-12 20,970 kW 4,11 € 3-Out-12 20,170 kW 3,95 € 4-Set-12 20,080 kW 3,94 € 4-Out-12 21,110 kW 4,14 € 5-Set-12 21,060 kW 4,13 € 5-Out-12 20,430 kW 4,00 € 6-Set-12 20,620 kW 4,04 € 6-Out-12 12,180 kW 2,39 € 7-Set-12 16,580 kW 3,25 € 7-Out-12 18,530 kW 3,63 € 8-Set-12 13,950 kW 2,73 € 8-Out-12 6,200 kW 1,22 € 9-Set-12 15,140 kW 2,97 € 9-Out-12 3,870 kW 0,76 € 10-Set-12 18,830 kW 3,69 € 10-Out-12 8,490 kW 1,66 € 11-Set-12 21,440 kW 4,20 € 11-Out-12 8,990 kW 1,76 € 12-Set-12 21,740 kW 4,26 € 12-Out-12 21,360 kW 4,19 € 13-Set-12 21,910 kW 4,29 € 13-Out-12 18,650 kW 3,66 € 14-Set-12 22,150 kW 4,34 € 14-Out-12 9,260 kW 1,81 € 15-Set-12 21,800 kW 4,27 € 15-Out-12 18,080 kW 3,54 € 16-Set-12 17,750 kW 3,48 € 16-Out-12 7,740 kW 1,52 € 17-Set-12 14,910 kW 2,92 € 17-Out-12 4,970 kW 0,97 € 18-Set-12 21,240 kW 4,16 € 18-Out-12 1,640 kW 0,32 € 19-Set-12 20,550 kW 4,03 € 19-Out-12 12,510 kW 2,45 € 20-Set-12 20,170 kW 3,95 € 20-Out-12 20,080 kW 3,94 € 21-Set-12 10,630 kW 2,08 € 21-Out-12 8,150 kW 1,60 € 22-Set-12 20,150 kW 3,95 € 22-Out-12 9,780 kW 1,92 € 23-Set-12 10,170 kW 1,99 € 23-Out-12 14,660 kW 2,87 € 24-Set-12 11,160 kW 2,19 € 24-Out-12 9,640 kW 1,89 € 25-Set-12 5,710 kW 1,12 € 25-Out-12 5,140 kW 1,01 € 26-Set-12 15,630 kW 3,06 € 26-Out-12 6,110 kW 1,20 € 27-Set-12 11,550 kW 2,26 € 27-Out-12 18,400 kW 3,61 € 28-Set-12 3,190 kW 0,63 € 28-Out-12 21,230 kW 4,16 € 29-Set-12 19,600 kW 3,84 € 29-Out-12 14,360 kW 2,81 € 30-Set-12 21,790 kW 4,27 € 30-Out-12 14,210 kW 2,79 € Total 524,990 kW 102,90 € 31-Out-12 9,320 kW 1,83 € Total 405,330 kW 79,44 €

41


Estudo: “Utilização de painéis fotovoltaicos na produção de energia no âmbito do sistema de Microprodução”

LOCAL Freguesia: Cantanhede – Concelho: Cantanhede

CANTANHEDE CANTANHEDE Novembro de 2012 Dezembro de 2012 Data Produção kWh Receita € Data Produção kWh Receita € 1-Nov-12 9,550 kW 1,87 € 1-Dez-12 17,220 kW 3,38 € 2-Nov-12 8,450 kW 1,66 € 2-Dez-12 17,280 kW 3,39 € 3-Nov-12 2,930 kW 0,57 € 3-Dez-12 3,840 kW 0,75 € 4-Nov-12 4,510 kW 0,88 € 4-Dez-12 6,370 kW 1,25 € 5-Nov-12 13,710 kW 2,69 € 5-Dez-12 5,400 kW 1,06 € 6-Nov-12 19,890 kW 3,90 € 6-Dez-12 2,090 kW 0,41 € 7-Nov-12 1,750 kW 0,34 € 7-Dez-12 11,810 kW 2,31 € 8-Nov-12 4,990 kW 0,98 € 8-Dez-12 17,200 kW 3,37 € 9-Nov-12 17,340 kW 3,40 € 9-Dez-12 12,760 kW 2,50 € 10-Nov-12 9,050 kW 1,77 € 10-Dez-12 6,270 kW 1,23 € 11-Nov-12 19,360 kW 3,79 € 11-Dez-12 9,680 kW 1,90 € 12-Nov-12 18,870 kW 3,70 € 12-Dez-12 7,570 kW 1,48 € 13-Nov-12 18,670 kW 3,66 € 13-Dez-12 3,970 kW 0,78 € 14-Nov-12 14,550 kW 2,85 € 14-Dez-12 0,350 kW 0,07 € 15-Nov-12 13,030 kW 2,55 € 15-Dez-12 2,440 kW 0,48 € 16-Nov-12 5,070 kW 0,99 € 16-Dez-12 1,120 kW 0,22 € 17-Nov-12 5,950 kW 1,17 € 17-Dez-12 3,880 kW 0,76 € 18-Nov-12 18,070 kW 3,54 € 18-Dez-12 4,150 kW 0,81 € 19-Nov-12 13,210 kW 2,59 € 19-Dez-12 3,960 kW 0,78 € 20-Nov-12 3,110 kW 0,61 € 20-Dez-12 8,680 kW 1,70 € 21-Nov-12 14,370 kW 2,82 € 21-Dez-12 2,050 kW 0,40 € 22-Nov-12 13,620 kW 2,67 € 22-Dez-12 2,070 kW 0,41 € 23-Nov-12 4,330 kW 0,85 € 23-Dez-12 15,140 kW 2,97 € 24-Nov-12 5,080 kW 1,00 € 24-Dez-12 9,150 kW 1,79 € 25-Nov-12 0,960 kW 0,19 € 25-Dez-12 10,950 kW 2,15 € 26-Nov-12 11,710 kW 2,30 € 26-Dez-12 13,660 kW 2,68 € 27-Nov-12 15,250 kW 2,99 € 27-Dez-12 9,770 kW 1,91 € 28-Nov-12 14,570 kW 2,86 € 28-Dez-12 16,540 kW 3,24 € 29-Nov-12 17,350 kW 3,40 € 29-Dez-12 11,590 kW 2,27 € 30-Nov-12 7,300 kW 1,43 € 30-Dez-12 7,190 kW 1,41 € Total 326,600 kW 64,01 € 31-Dez-12 1,390 kW 0,27 € Total 245,540 kW 48,13 €

42


Estudo: “Utilização de painéis fotovoltaicos na produção de energia no âmbito do sistema de Microprodução”

ANEXO 2 – DADOS RECOLHIDOS – MICROPRODUÇÃO: MEALHADA LOCAL Freguesia: Pampilhosa – Concelho: Mealhada

Data 1-Jan-11 2-Jan-11 3-Jan-11 4-Jan-11 5-Jan-11 6-Jan-11 7-Jan-11 8-Jan-11 9-Jan-11 10-Jan-11 11-Jan-11 12-Jan-11 13-Jan-11 14-Jan-11 15-Jan-11 16-Jan-11 17-Jan-11 18-Jan-11 19-Jan-11 20-Jan-11 21-Jan-11 22-Jan-11 23-Jan-11 24-Jan-11 25-Jan-11 26-Jan-11 27-Jan-11 28-Jan-11 29-Jan-11 30-Jan-11 31-Jan-11 Total

MEALHADA MEALHADA Janeiro de 2011 Fevereiro de 2011 Produção kWh Receita € Data Produção kWh Receita € 5,050 kW 0,99 € 1-Fev-11 13,300 kW 2,61 € 3,690 kW 0,72 € 2-Fev-11 18,470 kW 3,62 € 2,540 kW 0,50 € 3-Fev-11 16,940 kW 3,32 € 1,130 kW 0,22 € 4-Fev-11 16,790 kW 3,29 € 0,920 kW 0,18 € 5-Fev-11 16,450 kW 3,22 € 1,690 kW 0,33 € 6-Fev-11 13,860 kW 2,72 € 3,940 kW 0,77 € 7-Fev-11 13,670 kW 2,68 € 2,010 kW 0,39 € 8-Fev-11 12,190 kW 2,39 € 6,560 kW 1,29 € 9-Fev-11 4,230 kW 0,83 € 1,220 kW 0,24 € 10-Fev-11 12,930 kW 2,53 € 2,950 kW 0,58 € 11-Fev-11 11,840 kW 2,32 € 1,970 kW 0,39 € 12-Fev-11 7,490 kW 1,47 € 11,450 kW 2,24 € 13-Fev-11 2,770 kW 0,54 € 7,750 kW 1,52 € 14-Fev-11 3,220 kW 0,63 € 5,950 kW 1,17 € 15-Fev-11 4,740 kW 0,93 € 7,240 kW 1,42 € 16-Fev-11 6,280 kW 1,23 € 5,390 kW 1,06 € 17-Fev-11 9,990 kW 1,96 € 5,260 kW 1,03 € 18-Fev-11 4,480 kW 0,88 € 9,780 kW 1,92 € 19-Fev-11 7,860 kW 1,54 € 12,100 kW 2,37 € 20-Fev-11 7,760 kW 1,52 € 12,510 kW 2,45 € 21-Fev-11 8,360 kW 1,64 € 7,970 kW 1,56 € 22-Fev-11 9,190 kW 1,80 € 13,550 kW 2,66 € 23-Fev-11 15,160 kW 2,97 € 12,110 kW 2,37 € 24-Fev-11 14,540 kW 2,85 € 13,530 kW 2,65 € 25-Fev-11 15,070 kW 2,95 € 13,260 kW 2,60 € 26-Fev-11 10,850 kW 2,13 € 3,630 kW 0,71 € 27-Fev-11 14,530 kW 2,85 € 5,890 kW 1,15 € 28-Fev-11 17,270 kW 3,38 € 7,800 kW 1,53 € Total 310,230 kW 60,81 € 10,670 kW 2,09 € 13,090 kW 2,57 € 212,600 kW 41,67 €

43


Estudo: “Utilização de painéis fotovoltaicos na produção de energia no âmbito do sistema de Microprodução”

LOCAL Freguesia: Pampilhosa – Concelho: Mealhada

Data 1-Mar-11 2-Mar-11 3-Mar-11 4-Mar-11 5-Mar-11 6-Mar-11 7-Mar-11 8-Mar-11 9-Mar-11 10-Mar-11 11-Mar-11 12-Mar-11 13-Mar-11 14-Mar-11 15-Mar-11 16-Mar-11 17-Mar-11 18-Mar-11 19-Mar-11 20-Mar-11 21-Mar-11 22-Mar-11 23-Mar-11 24-Mar-11 25-Mar-11 26-Mar-11 27-Mar-11 28-Mar-11 29-Mar-11 30-Mar-11 31-Mar-11 Total

MEALHADA MEALHADA Março de 2011 Abril de 2011 Produção kWh Receita € Data Produção kWh Receita € 17,220 kW 3,38 € 1-Abr-11 19,140 kW 3,75 € 17,140 kW 3,36 € 2-Abr-11 6,430 kW 1,26 € 16,440 kW 3,22 € 3-Abr-11 14,070 kW 2,76 € 14,310 kW 2,80 € 4-Abr-11 19,820 kW 3,88 € 7,690 kW 1,51 € 5-Abr-11 18,700 kW 3,67 € 12,480 kW 2,45 € 6-Abr-11 16,370 kW 3,21 € 15,640 kW 3,07 € 7-Abr-11 16,780 kW 3,29 € 1,670 kW 0,33 € 8-Abr-11 18,770 kW 3,68 € 5,990 kW 1,17 € 9-Abr-11 13,750 kW 2,70 € 16,000 kW 3,14 € 10-Abr-11 19,570 kW 3,84 € 8,700 kW 1,71 € 11-Abr-11 20,130 kW 3,95 € 9,000 kW 1,76 € 12-Abr-11 19,580 kW 3,84 € 7,850 kW 1,54 € 13-Abr-11 19,780 kW 3,88 € 3,140 kW 0,62 € 14-Abr-11 19,370 kW 3,80 € 13,140 kW 2,58 € 15-Abr-11 19,560 kW 3,83 € 6,740 kW 1,32 € 16-Abr-11 20,050 kW 3,93 € 7,020 kW 1,38 € 17-Abr-11 16,880 kW 3,31 € 18,030 kW 3,53 € 18-Abr-11 14,810 kW 2,90 € 18,340 kW 3,59 € 19-Abr-11 9,640 kW 1,89 € 18,310 kW 3,59 € 20-Abr-11 7,580 kW 1,49 € 18,720 kW 3,67 € 21-Abr-11 9,200 kW 1,80 € 18,080 kW 3,54 € 22-Abr-11 5,440 kW 1,07 € 19,580 kW 3,84 € 23-Abr-11 15,340 kW 3,01 € 9,520 kW 1,87 € 24-Abr-11 19,600 kW 3,84 € 10,650 kW 2,09 € 25-Abr-11 20,090 kW 3,94 € 4,760 kW 0,93 € 26-Abr-11 20,970 kW 4,11 € 10,230 kW 2,01 € 27-Abr-11 20,860 kW 4,09 € 2,860 kW 0,56 € 28-Abr-11 20,860 kW 4,09 € 12,820 kW 2,51 € 29-Abr-11 12,190 kW 2,39 € 6,370 kW 1,25 € 30-Abr-11 7,620 kW 1,49 € 19,180 kW 3,76 € Total 482,950 kW 94,66 € 367,620 kW 72,05 €

44


Estudo: “Utilização de painéis fotovoltaicos na produção de energia no âmbito do sistema de Microprodução”

LOCAL Freguesia: Pampilhosa – Concelho: Mealhada

Data 1-Mai-11 2-Mai-11 3-Mai-11 4-Mai-11 5-Mai-11 6-Mai-11 7-Mai-11 8-Mai-11 9-Mai-11 10-Mai-11 11-Mai-11 12-Mai-11 13-Mai-11 14-Mai-11 15-Mai-11 16-Mai-11 17-Mai-11 18-Mai-11 19-Mai-11 20-Mai-11 21-Mai-11 22-Mai-11 23-Mai-11 24-Mai-11 25-Mai-11 26-Mai-11 27-Mai-11 28-Mai-11 29-Mai-11 30-Mai-11 31-Mai-11 Total

MEALHADA Maio de 2011 Produção kWh Receita € 8,910 kW 1,75 € 20,420 kW 4,00 € 18,880 kW 3,70 € 16,580 kW 3,25 € 21,110 kW 4,14 € 14,360 kW 2,81 € 15,500 kW 3,04 € 13,250 kW 2,60 € 22,380 kW 4,39 € 21,520 kW 4,22 € 19,870 kW 3,89 € 19,630 kW 3,85 € 20,740 kW 4,07 € 20,300 kW 3,98 € 23,250 kW 4,56 € 21,830 kW 4,28 € 10,490 kW 2,06 € 9,620 kW 1,89 € 19,660 kW 3,85 € 18,440 kW 3,61 € 13,660 kW 2,68 € 19,800 kW 3,88 € 19,810 kW 3,88 € 20,220 kW 3,96 € 18,060 kW 3,54 € 12,560 kW 2,46 € 15,240 kW 2,99 € 18,240 kW 3,58 € 16,690 kW 3,27 € 17,960 kW 3,52 € 19,050 kW 3,73 € 548,030 kW 107,41 €

Data 1-Jun-11 2-Jun-11 3-Jun-11 4-Jun-11 5-Jun-11 6-Jun-11 7-Jun-11 8-Jun-11 9-Jun-11 10-Jun-11 11-Jun-11 12-Jun-11 13-Jun-11 14-Jun-11 15-Jun-11 16-Jun-11 17-Jun-11 18-Jun-11 19-Jun-11 20-Jun-11 21-Jun-11 22-Jun-11 23-Jun-11 24-Jun-11 25-Jun-11 26-Jun-11 27-Jun-11 28-Jun-11 29-Jun-11 30-Jun-11 Total

MEALHADA Junho de 2011 Produção kWh Receita € 23,170 kW 4,54 € 23,180 kW 4,54 € 22,100 kW 4,33 € 20,850 kW 4,09 € 20,990 kW 4,11 € 4,450 kW 0,87 € 22,890 kW 4,49 € 23,050 kW 4,52 € 13,770 kW 2,70 € 22,940 kW 4,50 € 22,270 kW 4,36 € 21,510 kW 4,22 € 14,010 kW 2,75 € 14,320 kW 2,81 € 16,800 kW 3,29 € 19,210 kW 3,77 € 18,100 kW 3,55 € 21,960 kW 4,30 € 22,130 kW 4,34 € 20,120 kW 3,94 € 20,360 kW 3,99 € 22,560 kW 4,42 € 22,460 kW 4,40 € 21,760 kW 4,26 € 20,930 kW 4,10 € 17,590 kW 3,45 € 18,990 kW 3,72 € 13,300 kW 2,61 € 19,920 kW 3,90 € 19,610 kW 3,84 € 585,300 kW 114,72 €

45


Estudo: “Utilização de painéis fotovoltaicos na produção de energia no âmbito do sistema de Microprodução”

LOCAL Freguesia: Pampilhosa – Concelho: Mealhada

Data 1-Jul-11 2-Jul-11 3-Jul-11 4-Jul-11 5-Jul-11 6-Jul-11 7-Jul-11 8-Jul-11 9-Jul-11 10-Jul-11 11-Jul-11 12-Jul-11 13-Jul-11 14-Jul-11 15-Jul-11 16-Jul-11 17-Jul-11 18-Jul-11 19-Jul-11 20-Jul-11 21-Jul-11 22-Jul-11 23-Jul-11 24-Jul-11 25-Jul-11 26-Jul-11 27-Jul-11 28-Jul-11 29-Jul-11 30-Jul-11 31-Jul-11 Total

MEALHADA MEALHADA Julho de 2011 Agosto de 2011 Produção kWh Receita € Data Produção kWh Receita € 12,890 kW 2,53 € 1-Ago-11 4,800 kW 0,94 € 17,200 kW 3,37 € 2-Ago-11 6,780 kW 1,33 € 8,260 kW 1,62 € 3-Ago-11 17,120 kW 3,36 € 13,410 kW 2,63 € 4-Ago-11 16,630 kW 3,26 € 15,550 kW 3,05 € 5-Ago-11 17,440 kW 3,42 € 20,780 kW 4,07 € 6-Ago-11 5,190 kW 1,02 € 19,090 kW 3,74 € 7-Ago-11 16,480 kW 3,23 € 8,910 kW 1,75 € 8-Ago-11 21,060 kW 4,13 € 10,820 kW 2,12 € 9-Ago-11 21,190 kW 4,15 € 15,980 kW 3,13 € 10-Ago-11 20,450 kW 4,01 € 14,800 kW 2,90 € 11-Ago-11 19,560 kW 3,83 € 12,500 kW 2,45 € 12-Ago-11 18,740 kW 3,67 € 22,610 kW 4,43 € 13-Ago-11 15,580 kW 3,05 € 21,920 kW 4,30 € 14-Ago-11 12,140 kW 2,38 € 20,800 kW 4,08 € 15-Ago-11 18,170 kW 3,56 € 12,300 kW 2,41 € 16-Ago-11 6,730 kW 1,32 € 20,280 kW 3,97 € 17-Ago-11 16,320 kW 3,20 € 18,430 kW 3,61 € 18-Ago-11 18,100 kW 3,55 € 21,810 kW 4,27 € 19-Ago-11 15,240 kW 2,99 € 22,360 kW 4,38 € 20-Ago-11 11,280 kW 2,21 € 17,040 kW 3,34 € 21-Ago-11 12,010 kW 2,35 € 21,820 kW 4,28 € 22-Ago-11 14,050 kW 2,75 € 21,360 kW 4,19 € 23-Ago-11 10,870 kW 2,13 € 21,500 kW 4,21 € 24-Ago-11 19,240 kW 3,77 € 20,610 kW 4,04 € 25-Ago-11 13,280 kW 2,60 € 19,050 kW 3,73 € 26-Ago-11 19,140 kW 3,75 € 20,810 kW 4,08 € 27-Ago-11 20,850 kW 4,09 € 19,980 kW 3,92 € 28-Ago-11 17,130 kW 3,36 € 20,430 kW 4,00 € 29-Ago-11 20,230 kW 3,97 € 20,150 kW 3,95 € 30-Ago-11 14,760 kW 2,89 € 17,740 kW 3,48 € 31-Ago-11 10,500 kW 2,06 € 551,190 kW 108,03 € Total 471,060 kW 92,33 €

46


Estudo: “Utilização de painéis fotovoltaicos na produção de energia no âmbito do sistema de Microprodução”

LOCAL Freguesia: Pampilhosa – Concelho: Mealhada

MEALHADA Setembro de 2011 Data Produção kWh Receita € 1/set/11 10,310 kW 2,02 € 2/set/11 5,600 kW 1,10 € 3/set/11 12,660 kW 2,48 € 4/set/11 19,990 kW 3,92 € 5/set/11 19,400 kW 3,80 € 6/set/11 19,630 kW 3,85 € 7/set/11 19,320 kW 3,79 € 8/set/11 16,870 kW 3,31 € 9/set/11 16,010 kW 3,14 € 10/set/11 9,500 kW 1,86 € 11/set/11 16,120 kW 3,16 € 12/set/11 18,370 kW 3,60 € 13/set/11 17,100 kW 3,35 € 14/set/11 17,190 kW 3,37 € 15/set/11 13,310 kW 2,61 € 16/set/11 12,780 kW 2,50 € 17/set/11 11,700 kW 2,29 € 18/set/11 17,370 kW 3,40 € 19/set/11 18,520 kW 3,63 € 20/set/11 17,760 kW 3,48 € 21/set/11 12,070 kW 2,37 € 22/set/11 14,490 kW 2,84 € 23/set/11 8,090 kW 1,59 € 24/set/11 10,580 kW 2,07 € 25/set/11 16,710 kW 3,28 € 26/set/11 15,500 kW 3,04 € 27/set/11 12,640 kW 2,48 € 28/set/11 6,900 kW 1,35 € 29/set/11 15,410 kW 3,02 € 30/set/11 14,650 kW 2,87 € Total 436,550 kW 85,56 €

Data 1/out/11 2/out/11 3/out/11 4/out/11 5/out/11 6/out/11 7/out/11 8/out/11 9/out/11 10/out/11 11/out/11 12/out/11 13/out/11 14/out/11 15/out/11 16/out/11 17/out/11 18/out/11 19/out/11 20/out/11 21/out/11 22/out/11 23/out/11 24/out/11 25/out/11 26/out/11 27/out/11 28/out/11 29/out/11 30/out/11 31/out/11 Total

MEALHADA Outubro de 2011 Produção kWh Receita € 14,930 kW 2,93 € 15,170 kW 2,97 € 14,480 kW 2,84 € 13,910 kW 2,73 € 14,660 kW 2,87 € 14,880 kW 2,92 € 14,670 kW 2,88 € 16,080 kW 3,15 € 15,870 kW 3,11 € 15,160 kW 2,97 € 15,050 kW 2,95 € 14,630 kW 2,87 € 14,430 kW 2,83 € 14,260 kW 2,79 € 12,600 kW 2,47 € 7,710 kW 1,51 € 12,080 kW 2,37 € 9,810 kW 1,92 € 12,860 kW 2,52 € 13,870 kW 2,72 € 14,090 kW 2,76 € 10,770 kW 2,11 € 4,690 kW 0,92 € 9,900 kW 1,94 € 11,200 kW 2,20 € 1,170 kW 0,23 € 5,500 kW 1,08 € 14,410 kW 2,82 € 12,880 kW 2,52 € 12,850 kW 2,52 € 6,120 kW 1,20 € 380,690 kW 74,62 €

47


Estudo: “Utilização de painéis fotovoltaicos na produção de energia no âmbito do sistema de Microprodução”

LOCAL Freguesia: Pampilhosa – Concelho: Mealhada

MEALHADA MEALHADA Novembro de 2011 Dezembro de 2011 Data Produção kWh Receita € Data Produção kWh Receita € 1-Nov-11 8,020 kW 1,57 € 1-Dez-11 9,090 kW 1,78 € 2-Nov-11 2,950 kW 0,58 € 2-Dez-11 11,190 kW 2,19 € 3-Nov-11 6,730 kW 1,32 € 3-Dez-11 8,590 kW 1,68 € 4-Nov-11 6,270 kW 1,23 € 4-Dez-11 2,360 kW 0,46 € 5-Nov-11 10,390 kW 2,04 € 5-Dez-11 2,110 kW 0,41 € 6-Nov-11 13,390 kW 2,62 € 6-Dez-11 5,250 kW 1,03 € 7-Nov-11 13,050 kW 2,56 € 7-Dez-11 11,020 kW 2,16 € 8-Nov-11 2,440 kW 0,48 € 8-Dez-11 9,020 kW 1,77 € 9-Nov-11 5,460 kW 1,07 € 9-Dez-11 7,330 kW 1,44 € 10-Nov-11 9,840 kW 1,93 € 10-Dez-11 1,980 kW 0,39 € 11-Nov-11 1,700 kW 0,33 € 11-Dez-11 4,640 kW 0,91 € 12-Nov-11 4,450 kW 0,87 € 12-Dez-11 4,580 kW 0,90 € 13-Nov-11 1,500 kW 0,29 € 13-Dez-11 2,120 kW 0,42 € 14-Nov-11 2,810 kW 0,55 € 14-Dez-11 3,830 kW 0,75 € 15-Nov-11 8,030 kW 1,57 € 15-Dez-11 7,410 kW 1,45 € 16-Nov-11 6,520 kW 1,28 € 16-Dez-11 1,280 kW 0,25 € 17-Nov-11 11,800 kW 2,31 € 17-Dez-11 1,080 kW 0,21 € 18-Nov-11 4,170 kW 0,82 € 18-Dez-11 10,710 kW 2,10 € 19-Nov-11 3,400 kW 0,67 € 19-Dez-11 9,690 kW 1,90 € 20-Nov-11 5,290 kW 1,04 € 20-Dez-11 7,110 kW 1,39 € 21-Nov-11 4,920 kW 0,96 € 21-Dez-11 5,700 kW 1,12 € 22-Nov-11 5,030 kW 0,99 € 22-Dez-11 10,800 kW 2,12 € 23-Nov-11 11,690 kW 2,29 € 23-Dez-11 4,640 kW 0,91 € 24-Nov-11 11,600 kW 2,27 € 24-Dez-11 11,160 kW 2,19 € 25-Nov-11 10,620 kW 2,08 € 25-Dez-11 10,940 kW 2,14 € 26-Nov-11 11,270 kW 2,21 € 26-Dez-11 10,390 kW 2,04 € 27-Nov-11 11,240 kW 2,20 € 27-Dez-11 10,760 kW 2,11 € 28-Nov-11 11,330 kW 2,22 € 28-Dez-11 9,740 kW 1,91 € 29-Nov-11 6,920 kW 1,36 € 29-Dez-11 11,060 kW 2,17 € 30-Nov-11 8,450 kW 1,66 € 30-Dez-11 10,810 kW 2,12 € Total 221,280 kW 43,37 € 31-Dez-11 9,880 kW 1,94 € Total 226,270 kW 44,35 €

48


Estudo: “Utilização de painéis fotovoltaicos na produção de energia no âmbito do sistema de Microprodução”

LOCAL Freguesia: Pampilhosa – Concelho: Mealhada

Data 1-Jan-12 2-Jan-12 3-Jan-12 4-Jan-12 5-Jan-12 6-Jan-12 7-Jan-12 8-Jan-12 9-Jan-12 10-Jan-12 11-Jan-12 12-Jan-12 13-Jan-12 14-Jan-12 15-Jan-12 16-Jan-12 17-Jan-12 18-Jan-12 19-Jan-12 20-Jan-12 21-Jan-12 22-Jan-12 23-Jan-12 24-Jan-12 25-Jan-12 26-Jan-12 27-Jan-12 28-Jan-12 29-Jan-12 30-Jan-12 31-Jan-12 Total

MEALHADA MEALHADA Janeiro de 2012 Fevereiro de 2012 Produção kWh Receita € Data Produção kWh Receita € 3,070 kW 0,60 € 1-Fev-12 3,200 kW 0,63 € 6,620 kW 1,30 € 2-Fev-12 13,800 kW 2,70 € 2,100 kW 0,41 € 3-Fev-12 14,270 kW 2,80 € 9,030 kW 1,77 € 4-Fev-12 14,340 kW 2,81 € 9,750 kW 1,91 € 5-Fev-12 6,840 kW 1,34 € 10,780 kW 2,11 € 6-Fev-12 12,540 kW 2,46 € 10,810 kW 2,12 € 7-Fev-12 13,460 kW 2,64 € 11,700 kW 2,29 € 8-Fev-12 14,470 kW 2,84 € 11,870 kW 2,33 € 9-Fev-12 14,370 kW 2,82 € 11,450 kW 2,24 € 10-Fev-12 14,570 kW 2,86 € 10,580 kW 2,07 € 11-Fev-12 15,020 kW 2,94 € 10,720 kW 2,10 € 12-Fev-12 15,690 kW 3,08 € 7,450 kW 1,46 € 13-Fev-12 15,470 kW 3,03 € 2,320 kW 0,45 € 14-Fev-12 13,630 kW 2,67 € 3,030 kW 0,59 € 15-Fev-12 15,340 kW 3,01 € 11,860 kW 2,32 € 16-Fev-12 15,710 kW 3,08 € 10,960 kW 2,15 € 17-Fev-12 15,540 kW 3,05 € 11,720 kW 2,30 € 18-Fev-12 15,050 kW 2,95 € 11,780 kW 2,31 € 19-Fev-12 14,850 kW 2,91 € 9,030 kW 1,77 € 20-Fev-12 16,020 kW 3,14 € 11,370 kW 2,23 € 21-Fev-12 14,070 kW 2,76 € 11,820 kW 2,32 € 22-Fev-12 15,170 kW 2,97 € 12,020 kW 2,36 € 23-Fev-12 15,930 kW 3,12 € 12,200 kW 2,39 € 24-Fev-12 15,270 kW 2,99 € 12,120 kW 2,38 € 25-Fev-12 15,270 kW 2,99 € 4,530 kW 0,89 € 26-Fev-12 15,560 kW 3,05 € 12,210 kW 2,39 € 27-Fev-12 12,450 kW 2,44 € 13,100 kW 2,57 € 28-Fev-12 15,040 kW 2,95 € 13,170 kW 2,58 € 29-Fev-12 12,410 kW 2,43 € 13,170 kW 2,58 € Total 405,350 kW 79,45 € 6,130 kW 1,20 € 298,470 kW 58,50 €

49


Estudo: “Utilização de painéis fotovoltaicos na produção de energia no âmbito do sistema de Microprodução”

LOCAL Freguesia: Pampilhosa – Concelho: Mealhada

Data 1-Mar-12 2-Mar-12 3-Mar-12 4-Mar-12 5-Mar-12 6-Mar-12 7-Mar-12 8-Mar-12 9-Mar-12 10-Mar-12 11-Mar-12 12-Mar-12 13-Mar-12 14-Mar-12 15-Mar-12 16-Mar-12 17-Mar-12 18-Mar-12 19-Mar-12 20-Mar-12 21-Mar-12 22-Mar-12 23-Mar-12 24-Mar-12 25-Mar-12 26-Mar-12 27-Mar-12 28-Mar-12 29-Mar-12 30-Mar-12 31-Mar-12 Total

MEALHADA MEALHADA Março de 2012 Abril de 2012 Produção kWh Receita € Data Produção kWh Receita € 15,430 kW 3,02 € 1-Abr-12 11,560 kW 2,27 € 13,130 kW 2,57 € 2-Abr-12 13,640 kW 2,67 € 9,510 kW 1,86 € 3-Abr-12 7,770 kW 1,52 € 3,320 kW 0,65 € 4-Abr-12 3,550 kW 0,70 € 3,270 kW 0,64 € 5-Abr-12 17,200 kW 3,37 € 17,300 kW 3,39 € 6-Abr-12 16,510 kW 3,24 € 14,600 kW 2,86 € 7-Abr-12 12,940 kW 2,54 € 16,210 kW 3,18 € 8-Abr-12 7,960 kW 1,56 € 14,630 kW 2,87 € 9-Abr-12 20,620 kW 4,04 € 17,720 kW 3,47 € 10-Abr-12 20,480 kW 4,01 € 16,590 kW 3,25 € 11-Abr-12 8,880 kW 1,74 € 16,940 kW 3,32 € 12-Abr-12 8,410 kW 1,65 € 17,190 kW 3,37 € 13-Abr-12 13,540 kW 2,65 € 15,610 kW 3,06 € 14-Abr-12 6,470 kW 1,27 € 10,610 kW 2,08 € 15-Abr-12 12,830 kW 2,51 € 6,390 kW 1,25 € 16-Abr-12 21,610 kW 4,24 € 2,930 kW 0,57 € 17-Abr-12 22,190 kW 4,35 € 5,940 kW 1,16 € 18-Abr-12 6,840 kW 1,34 € 16,540 kW 3,24 € 19-Abr-12 5,890 kW 1,15 € 19,440 kW 3,81 € 20-Abr-12 8,510 kW 1,67 € 19,570 kW 3,84 € 21-Abr-12 7,280 kW 1,43 € 19,010 kW 3,73 € 22-Abr-12 6,030 kW 1,18 € 18,500 kW 3,63 € 23-Abr-12 11,040 kW 2,16 € 11,250 kW 2,21 € 24-Abr-12 8,000 kW 1,57 € 5,180 kW 1,02 € 25-Abr-12 16,010 kW 3,14 € 16,040 kW 3,14 € 26-Abr-12 2,930 kW 0,57 € 17,360 kW 3,40 € 27-Abr-12 9,550 kW 1,87 € 18,760 kW 3,68 € 28-Abr-12 14,300 kW 2,80 € 18,830 kW 3,69 € 29-Abr-12 18,100 kW 3,55 € 19,510 kW 3,82 € 30-Abr-12 10,850 kW 2,13 € 17,720 kW 3,47 € Total 351,490 kW 68,89 € 435,030 kW 85,27 €

50


Estudo: “Utilização de painéis fotovoltaicos na produção de energia no âmbito do sistema de Microprodução”

LOCAL Freguesia: Pampilhosa – Concelho: Mealhada

Data 1/mai/12 2/mai/12 3/mai/12 4/mai/12 5/mai/12 6/mai/12 7/mai/12 8/mai/12 9/mai/12 10/mai/12 11/mai/12 12/mai/12 13/mai/12 14/mai/12 15/mai/12 16/mai/12 17/mai/12 18/mai/12 19/mai/12 20/mai/12 21/mai/12 22/mai/12 23/mai/12 24/mai/12 25/mai/12 26/mai/12 27/mai/12 28/mai/12 29/mai/12 30/mai/12 31/mai/12 Total

MEALHADA MEALHADA Maio de 2012 Junho de 2012 Produção kWh Receita € Data Produção kWh Receita € 4,160 kW 0,82 € 1/jun/12 20,197 kW 3,96 € 12,930 kW 2,53 € 2/jun/12 18,830 kW 3,69 € 13,310 kW 2,61 € 3/jun/12 8,990 kW 1,76 € 15,450 kW 3,03 € 4/jun/12 19,340 kW 3,79 € 15,430 kW 3,02 € 5/jun/12 21,200 kW 4,16 € 14,210 kW 2,79 € 6/jun/12 18,190 kW 3,57 € 14,760 kW 2,89 € 7/jun/12 10,880 kW 2,13 € 5,470 kW 1,07 € 8/jun/12 15,800 kW 3,10 € 15,870 kW 3,11 € 9/jun/12 16,590 kW 3,25 € 21,570 kW 4,23 € 10/jun/12 10,910 kW 2,14 € 20,470 kW 4,01 € 11/jun/12 14,550 kW 2,85 € 13,760 kW 2,70 € 12/jun/12 16,280 kW 3,19 € 15,520 kW 3,04 € 13/jun/12 18,170 kW 3,56 € 13,460 kW 2,64 € 14/jun/12 22,150 kW 4,34 € 18,920 kW 3,71 € 15/jun/12 13,960 kW 2,74 € 20,760 kW 4,07 € 16/jun/12 14,070 kW 2,76 € 20,770 kW 4,07 € 17/jun/12 14,270 kW 2,80 € 16,050 kW 3,15 € 18/jun/12 15,360 kW 3,01 € 13,680 kW 2,68 € 19/jun/12 15,790 kW 3,09 € 13,810 kW 2,71 € 20/jun/12 10,770 kW 2,11 € 10,670 kW 2,09 € 21/jun/12 15,320 kW 3,00 € 13,700 kW 2,69 € 22/jun/12 18,940 kW 3,71 € 20,060 kW 3,93 € 23/jun/12 22,930 kW 4,49 € 21,580 kW 4,23 € 24/jun/12 22,030 kW 4,32 € 21,640 kW 4,24 € 25/jun/12 22,170 kW 4,35 € 15,630 kW 3,06 € 26/jun/12 21,100 kW 4,14 € 16,070 kW 3,15 € 27/jun/12 3,980 kW 0,78 € 16,950 kW 3,32 € 28/jun/12 23,820 kW 4,67 € 20,370 kW 3,99 € 29/jun/12 19,300 kW 3,78 € 21,530 kW 4,22 € 30/jun/12 17,240 kW 3,38 € 17,560 kW 3,44 € Total 503,127 kW 98,61 € 496,120 kW 97,24 €

51


Estudo: “Utilização de painéis fotovoltaicos na produção de energia no âmbito do sistema de Microprodução”

LOCAL Freguesia: Pampilhosa – Concelho: Mealhada

Data 1-Jul-12 2-Jul-12 3-Jul-12 4-Jul-12 5-Jul-12 6-Jul-12 7-Jul-12 8-Jul-12 9-Jul-12 10-Jul-12 11-Jul-12 12-Jul-12 13-Jul-12 14-Jul-12 15-Jul-12 16-Jul-12 17-Jul-12 18-Jul-12 19-Jul-12 20-Jul-12 21-Jul-12 22-Jul-12 23-Jul-12 24-Jul-12 25-Jul-12 26-Jul-12 27-Jul-12 28-Jul-12 29-Jul-12 30-Jul-12 31-Jul-12 Total

MEALHADA MEALHADA Julho de 2012 Agosto de 2012 Produção kWh Receita € Data Produção kWh Receita € 16,140 kW 3,16 € 1-Ago-12 21,260 kW 4,17 € 27,760 kW 5,44 € 2-Ago-12 25,380 kW 4,97 € 27,220 kW 5,34 € 3-Ago-12 24,880 kW 4,88 € 25,560 kW 5,01 € 4-Ago-12 24,210 kW 4,75 € 13,530 kW 2,65 € 5-Ago-12 25,300 kW 4,96 € 20,060 kW 3,93 € 6-Ago-12 20,910 kW 4,10 € 21,150 kW 4,15 € 7-Ago-12 25,390 kW 4,98 € 11,480 kW 2,25 € 8-Ago-12 25,640 kW 5,03 € 27,500 kW 5,39 € 9-Ago-12 22,550 kW 4,42 € 17,080 kW 3,35 € 10-Ago-12 22,510 kW 4,41 € 21,170 kW 4,15 € 11-Ago-12 20,560 kW 4,03 € 23,040 kW 4,52 € 12-Ago-12 22,420 kW 4,39 € 27,370 kW 5,36 € 13-Ago-12 21,980 kW 4,31 € 22,750 kW 4,46 € 14-Ago-12 24,490 kW 4,80 € 25,580 kW 5,01 € 15-Ago-12 15,290 kW 3,00 € 27,450 kW 5,38 € 16-Ago-12 20,960 kW 4,11 € 26,200 kW 5,14 € 17-Ago-12 25,320 kW 4,96 € 25,380 kW 4,97 € 18-Ago-12 24,990 kW 4,90 € 26,180 kW 5,13 € 19-Ago-12 22,170 kW 4,35 € 24,530 kW 4,81 € 20-Ago-12 22,680 kW 4,45 € 24,490 kW 4,80 € 21-Ago-12 23,900 kW 4,68 € 25,670 kW 5,03 € 22-Ago-12 14,550 kW 2,85 € 26,050 kW 5,11 € 23-Ago-12 21,520 kW 4,22 € 24,870 kW 4,87 € 24-Ago-12 11,790 kW 2,31 € 23,520 kW 4,61 € 25-Ago-12 11,870 kW 2,33 € 19,790 kW 3,88 € 26-Ago-12 21,520 kW 4,22 € 22,150 kW 4,34 € 27-Ago-12 24,850 kW 4,87 € 7,870 kW 1,54 € 28-Ago-12 19,210 kW 3,77 € 18,590 kW 3,64 € 29-Ago-12 8,930 kW 1,75 € 21,840 kW 4,28 € 30-Ago-12 22,260 kW 4,36 € 25,310 kW 4,96 € 31-Ago-12 24,820 kW 4,86 € 697,280 kW 136,67 € Total 664,110 kW 130,17 €

52


Estudo: “Utilização de painéis fotovoltaicos na produção de energia no âmbito do sistema de Microprodução”

LOCAL Freguesia: Pampilhosa – Concelho: Mealhada

MEALHADA MEALHADA Setembro de 2012 Outubro de 2012 Data Produção kWh Receita € Data Produção kWh Receita € 1-Set-12 23,280 kW 4,56 € 1-Out-12 20,740 kW 4,07 € 2-Set-12 22,290 kW 4,37 € 2-Out-12 19,580 kW 3,84 € 3-Set-12 23,800 kW 4,66 € 3-Out-12 16,370 kW 3,21 € 4-Set-12 23,370 kW 4,58 € 4-Out-12 17,420 kW 3,41 € 5-Set-12 22,370 kW 4,38 € 5-Out-12 19,850 kW 3,89 € 6-Set-12 22,400 kW 4,39 € 6-Out-12 19,300 kW 3,78 € 7-Set-12 21,540 kW 4,22 € 7-Out-12 15,620 kW 3,06 € 8-Set-12 14,670 kW 2,88 € 8-Out-12 17,960 kW 3,52 € 9-Set-12 13,520 kW 2,65 € 9-Out-12 8,910 kW 1,75 € 10-Set-12 16,410 kW 3,22 € 10-Out-12 5,790 kW 1,13 € 11-Set-12 19,790 kW 3,88 € 11-Out-12 8,340 kW 1,63 € 12-Set-12 19,930 kW 3,91 € 12-Out-12 10,840 kW 2,12 € 13-Set-12 19,880 kW 3,90 € 13-Out-12 19,070 kW 3,74 € 14-Set-12 22,240 kW 4,36 € 14-Out-12 19,010 kW 3,73 € 15-Set-12 22,150 kW 4,34 € 15-Out-12 7,770 kW 1,52 € 16-Set-12 21,670 kW 4,25 € 16-Out-12 17,390 kW 3,41 € 17-Set-12 17,660 kW 3,46 € 17-Out-12 6,650 kW 1,30 € 18-Set-12 15,810 kW 3,10 € 18-Out-12 4,020 kW 0,79 € 19-Set-12 18,710 kW 3,67 € 19-Out-12 2,030 kW 0,40 € 20-Set-12 20,240 kW 3,97 € 20-Out-12 17,370 kW 3,40 € 21-Set-12 19,690 kW 3,86 € 21-Out-12 18,180 kW 3,56 € 22-Set-12 8,700 kW 1,71 € 22-Out-12 8,340 kW 1,63 € 23-Set-12 20,410 kW 4,00 € 23-Out-12 8,310 kW 1,63 € 24-Set-12 9,660 kW 1,89 € 24-Out-12 15,170 kW 2,97 € 25-Set-12 11,830 kW 2,32 € 25-Out-12 7,120 kW 1,40 € 26-Set-12 7,860 kW 1,54 € 26-Out-12 4,280 kW 0,84 € 27-Set-12 18,480 kW 3,62 € 27-Out-12 6,160 kW 1,21 € 28-Set-12 12,340 kW 2,42 € 28-Out-12 15,480 kW 3,03 € 29-Set-12 3,730 kW 0,73 € 29-Out-12 18,690 kW 3,66 € 30-Set-12 18,980 kW 3,72 € 30-Out-12 15,600 kW 3,06 € Total 533,410 kW 104,55 € 31-Out-12 13,180 kW 2,58 € Total 404,540 kW 79,29 €

53


Estudo: “Utilização de painéis fotovoltaicos na produção de energia no âmbito do sistema de Microprodução”

LOCAL Freguesia: Pampilhosa – Concelho: Mealhada

MEALHADA MEALHADA Novembro de 2012 Dezembro de 2012 Data Produção kWh Receita € Data Produção kWh Receita € 1-Nov-12 11,540 kW 2,26 € 1-Dez-12 6,950 kW 1,36 € 2-Nov-12 9,100 kW 1,78 € 2-Dez-12 14,110 kW 2,77 € 3-Nov-12 8,830 kW 1,73 € 3-Dez-12 14,290 kW 2,80 € 4-Nov-12 2,910 kW 0,57 € 4-Dez-12 6,680 kW 1,31 € 5-Nov-12 4,930 kW 0,97 € 5-Dez-12 5,690 kW 1,12 € 6-Nov-12 11,710 kW 2,30 € 6-Dez-12 4,520 kW 0,89 € 7-Nov-12 16,730 kW 3,28 € 7-Dez-12 2,610 kW 0,51 € 8-Nov-12 2,130 kW 0,42 € 8-Dez-12 9,870 kW 1,93 € 9-Nov-12 3,340 kW 0,65 € 9-Dez-12 13,690 kW 2,68 € 10-Nov-12 14,280 kW 2,80 € 10-Dez-12 11,050 kW 2,17 € 11-Nov-12 8,180 kW 1,60 € 11-Dez-12 6,800 kW 1,33 € 12-Nov-12 16,080 kW 3,15 € 12-Dez-12 9,780 kW 1,92 € 13-Nov-12 16,290 kW 3,19 € 13-Dez-12 6,750 kW 1,32 € 14-Nov-12 15,790 kW 3,09 € 14-Dez-12 3,510 kW 0,69 € 15-Nov-12 13,570 kW 2,66 € 15-Dez-12 0,280 kW 0,05 € 16-Nov-12 11,820 kW 2,32 € 16-Dez-12 3,330 kW 0,65 € 17-Nov-12 6,600 kW 1,29 € 17-Dez-12 1,390 kW 0,27 € 18-Nov-12 3,850 kW 0,75 € 18-Dez-12 4,250 kW 0,83 € 19-Nov-12 15,030 kW 2,95 € 19-Dez-12 3,900 kW 0,76 € 20-Nov-12 13,790 kW 2,70 € 20-Dez-12 4,320 kW 0,85 € 21-Nov-12 2,970 kW 0,58 € 21-Dez-12 7,830 kW 1,53 € 22-Nov-12 11,360 kW 2,23 € 22-Dez-12 2,620 kW 0,51 € 23-Nov-12 12,800 kW 2,51 € 23-Dez-12 2,610 kW 0,51 € 24-Nov-12 5,280 kW 1,03 € 24-Dez-12 12,970 kW 2,54 € 25-Nov-12 2,070 kW 0,41 € 25-Dez-12 8,370 kW 1,64 € 26-Nov-12 0,850 kW 0,17 € 26-Dez-12 8,400 kW 1,65 € 27-Nov-12 10,370 kW 2,03 € 27-Dez-12 12,920 kW 2,53 € 28-Nov-12 13,390 kW 2,62 € 28-Dez-12 11,140 kW 2,18 € 29-Nov-12 13,620 kW 2,67 € 29-Dez-12 13,430 kW 2,63 € 30-Nov-12 14,450 kW 2,83 € 30-Dez-12 9,730 kW 1,91 € Total 293,660 kW 57,56 € 31-Dez-12 7,490 kW 1,47 € Total 231,280 kW 45,33 €

54


E-book_Estudo-trs-2013  

Estudo Utilização de painéis fotovoltaicos na produção de energia no âmbito do sistema de microprodução

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you