Page 1

Secretaria de Estado do Meio Ambiente e Recursos Hídricos - SEMA Secretário de Estado

Cinthia Raquel Ayres Chico - Assessora Técnica - CRES Renata Augusta Leinig Seleme Kehrig - Eng. Ambiental - CRES Alejandro Lins Cochamanidis - Estagiário Design Visual - PUCPR Denis Ferreira Netto - Fotógrafo - SEMA

Secretaria de Estado do Meio Ambiente e Recursos Hídricos - SEMA R.Desembargador Motta, 3384 - CEP 80430-200 Curitiba PR Fone: (41)3304-7712/7798 www.pr.gov.br/sema


COMECE NÃO DESPERDIÇANDO ESTA IDÉIA www.pr.gov.br/sema

Refeições elaboradas com sobras e cascas de alimentos

2007

Cozinha alternativa

MANUAL DE RECEITAS

MANUAL Elisabete Mazzari


APRESENTAÇÃO O ESTADO DO PARANÁ APOIANDO AS GRANDES IDÉIAS A Cozinha Alternativa é uma ação que faz parte do Programa Desperdício Zero, da Secretaria de Estado do Meio Ambiente e Recursos Hídricos - SEMA em parceria com a Companhia Paranaense de Gás - COMPAGAS.

Ao encaminharmos os resíduos orgânicos (sobras de alimentos) gerados dentro das residências para os aterros sanitários, estamos aumentado o impacto ambiental e comprometendo o tempo de vida útil destes locais. Desta forma, para diminuir esta quantidade de resíduos, devemos aproveitar ao máximo as sobras dos alimentos. Desenvolvemos este material de apoio, que facilitará a elaboração de diversas receitas ricas em nutrientes, simples e fáceis de serem feitas. Com a aplicação dessas receitas no nosso dia-a-dia, evitaremos ao máximo o desperdício dos alimentos e como conseqüência direta, estaremos dando uma grande contribuição para o meio ambiente. Bom Apetite!!!

Lindsley da Silva RASCA RODRIGUES Secretário de Estado do Meio Ambiente e Recursos Hídricos. ELISABETE MAZZARI Culinarista


SUMÁRIO DA COZINHA ALTERNATIVA

Pág. Elaboração de um cardápio equilibrado ................................ 03 Cuidados no preparo e na manipulação de alimentos .......... 04 Hortaliças e frutas ................................................................. 07 Feijão e outras leguminosas ................................................. 08 Carnes .................................................................................. 08 Hábitos alimentares para garantir uma boa saúde ............... 08 Como reconhecer alimentos próprios para o consumo ........ 10 Como e onde comprar os alimentos...................................... 10 Vantagens do planejamento de compra................................ 10 Planejando uma compra ....................................................... 11

RECEITAS SALGADAS SALADA REFRESCANTE ........................................................... 12 SALADA DE PROTEÍNA DE SOJA .............................................. 13 TABULE DE CASCAS DE LEGUMES ......................................... 14 PATÊ DE SALSA .......................................................................... 15 SOPÃO DE TALOS E FOLHAS .................................................... 16 REFOGADO DE FOLHAS DE BETERRABA ............................... 17 PURÊ DE ALHO E CEBOLA ........................................................ 18 ASSADO DE CASCAS DE CHUCHU .......................................... 19 QUIBE DE LEGUMES .................................................................. 20 ENSOPADINHO DE ENTRECASCA DE MELANCIA OU MAMÃO 21 EMPADÃO DE VEGETAIS ........................................................... 22 RISOTO ROSADO ....................................................................... 23 ROCAMBOLE DE SOBRAS DE ARROZ ..................................... 24 CROQUETES DE SOBRAS DE ARROZ ..................................... 25 NHOQUE DE ARROZ .................................................................. 26 MOLHO DE CASCA DE BERINJELA PARA MACARRÃO .......... 27 É permitida a reprodução total ou parcial, por qualquer meio. Este material também pode ser encontrado no site: www.pr.gov.br/sema


SUMÁRIO DA COZINHA ALTERNATIVA Pág. MOLHO DE PROTEÍNA DE SOJA (PTS) .................................... BIFE DE CASCA DE BANANA .................................................... BIFE DE SOJA DE CASCA DE BANANA ..................................... BOLO DE SOBRAS PÃES COM LEGUMES ............................... PANQUECA DE FOLHAS E TALOS DE ESPINAFRE .................. TORTA DE REPOLHO ................................................................. ESFIHAS DE FOLHAS DE COUVE-FLOR ................................... FAROFA DE CENOURA OU ABÓBORA CRUA ........................... FAROFA COM CASCA DE ABACAXI E TALOS DE LEGUMES .... FAROFA COM SOBRAS DE MACARRÃO ................................... PÃO DE CASCA DE BANANA ..................................................... PÃO DE FOLHAS E TALOS ......................................................... PÃO DE FIBRAS (FARELO DE TRIGO) .......................................

28 29 30 31 32 33 34 35 36 37 38 39 40

RECEITAS DOCES BOLO DE CASCA DE BANANA .................................................... DOCE DE CASCA DE MELANCIA ................................................ DOCE DE CASCA DE LARANJA .................................................. GELÉIA DE CASCA DE MAMÃO .................................................. MANJAR DE BETERRABA .......................................................... DOCINHO DE ABACAXI COM CÔCO .......................................... BOLO DE MAÇÃ COM CASCA ..................................................... BRIGADEIRO DE MANDIOCA ..................................................... TRUFAS DE MANDIOCA ..............................................................

41 42 43 44 45 46 47 48 49

SUCOS SUCO DE CASCAS DE FRUTAS .................................................. SUCO DE COUVE COM LIMÃO ................................................... SUCO DA HORTA ......................................................................... SUCO DE LIMÃO COM LEITE ...................................................... ANOTAÇÕES ...............................................................................

50 51 52 53 54


03

ELABORAÇÃO DE UM CARDÁPIO EQUILIBRADO Ao planejar a refeição, use a criatividade para preparar pratos, evitando a monotonia. Aproveite os alimentos integralmente, inclusive os talos, as folhas e cascas.

.

Compre verduras, legumes e frutas de época. Assim, você economiza e garante a qualidade dos alimentos. Uma alimentação balanceada deve fornecer as substâncias nutritivas essenciais à saúde. Ela deve incluir proteínas, carboidratos, vitaminas, minerais e água.

O ato de comer representa um prazer. É agradável apreciar a apresentação dos alimentos no prato, sentir o aroma, sua textura e seu sabor. Uma alimentação é saudável quando reune todas essas qualidades e torna-se equilibrada quando entendemos um pouco de nutrição. Assim, devemos consumir todos os tipos de alimentos em quantidades adequadas, para que sejam fornecidos todos os tipos de nutrientes que o corpo precisa.


04

CUIDADOS NO PREPARO E NA MANIPULAÇÃO DE ALIMENTOS Os gêneros alimentícios podem causar doenças ao homem através da contaminação dos alimentos e da água por microrganismos e substâncias químicas . Microrganismos são seres invisíveis a olho nu. Só podem ser vistos através do microscópio. Os microrganismos podem ser encontrados praticamente em todos os lugares, principalmente na terra, ar, chão, água, homem (cabelo, nariz, boca, garganta, mãos, roupa, sapato), alimentos crus, roedores, insetos e pássaros, superfície de utensílios e equipamentos. Alguns tipos de microrganismos causam doenças no homem, sendo as bactérias as maiores causadoras dessas doenças. Elas adoram umidade, lixo e temperatura ambiente de 20 a 45 °C. Em geral, detestam temperaturas inferiores a 10°C (geladeira/freezer) ou superiores a 65°C (cozimento dos alimentos). Em condições favoráveis multiplicam-se rapidamente. Para tanto, as bactérias precisam de comida (restos de alimentos, sujeiras, resíduos que ficam no chão, pia, mesa, utensílios, etc.), água, temperatura adequada e tempo. Os cuidados de higiene descritos a seguir visam eliminar ou reduzir os microorganismos em níveis seguros, evitando que eles causem doenças a quem os consumir.


05

Lave bem as mãos com água e sabão antes de manusear os alimentos e antes das refeições. Lave as frutas, verduras e legumes em água corrente, limpa e tratada. As verduras, frutas e legumes consumidos crus devem ser desinfetados com água e hipoclorito de sódio utilizando os seguintes produtos e técnica: - Para 1 litro de água, utilizar 1 colher de sopa de água sanitária (2 a 2,5%), sem cheiro, sem corante, sem detergente e de procedência confiável. Deixar os legumes, frutas e verduras nessa solução por 15 minutos e enxaguar em água corrente. - No caso do hipoclorito de sódio fornecido pelo posto de saúde, seguir as seguintes instruções contidas na embalagem. Cozinhe bem os alimentos. Ferva o leite antes de consumir. Não consuma ovos crus nem alimentos que levam ovo cru em sua preparação, tais como maionese caseira, gemada, mousse, glacês, ovo poche. Para esses tipos de pratos, utilize ovos pasteurizados ou em pó. Utilize maionese industrializada ou prepare o creme da maionese com ovo cozido. Não utilize ovos com casca rachada. Não deixe alimentos prontos em temperatura ambiente (em cima do fogão, no forno, sobre a pia) por mais de 30 minutos. Quando comprar os alimentos, coloque por último no carrinho de compras as carnes, peixes, queijos, iogurtes e outros alimentos perecíveis que necessitam de refrigeração.


06

Os produtos que necessitam de refrigeração não podem ficar mais de 30 minutos em temperatura ambiente. Lave muito bem com água e sabão utensílios, tábuas de corte, panelas e pias, mantendo-os rigorosamente limpos. Na geladeira, armazene nas prateleiras superiores alimentos prontos para o consumo, os semi-prontos ou pré-preparados, nas prateleiras do meio e os produtos crus, nas prateleiras inferiores, separados entre si e dos demais produtos. Não utilize produtos vencidos. Utilize de preferência, pescados congelados. No uso de peixe fresco, optar pelo manuseio, tempero e preparação no mesmo dia. Reaqueça bem os alimentos cozidos. Evite o contato entre alimentos crus e cozidos. Mantenha os alimentos e/ ou preparações fora do alcance de insetos e animais. Não deixe lixo exposto ou aberto na área de preparação dos alimentos. Limpe a caixa d'agua de sua residência a cada seis meses. Utilize somente água tratada ou fervida. Despreze latas de alimentos que estejam estufadas, enferrujadas, com vazamento ou amassadas.


07

Não consuma alimentos que ficaram muito tempo fora de refrigeração ou calor (enquanto são assados, cozidos e fritos), alimentos mal cozidos, fora do prazo de validade, com cor e cheiro alterados ou com presença de mofo e bolores. Pelo fato de os nutrientes (substâncias químicas contidas nos alimentos) reagirem facilmente com o ar e alguns materiais constituintes de utensílios, e também porque o calor pode modificar a estrutura dos nutrientes, devemos ficar atentos a todos os passos e ao tempo gasto no preparo dos alimentos para conservar ao máximo seu valor nutricional.

HORTALIÇAS E FRUTAS Legumes e frutas devem ser lavados inteiros em água corrente. Os que apresentam casca mais rugosa e resistente podem ser esfregados com uma escovinha. As folhas devem ser lavadas uma a uma, dois lados, em água corrente. Se consumidas cruas, colocá-las em uma solução clorada por 15 minutos, enxague e corte-as com faca inoxidável e utilize logo após o preparo. Para cozinhar verduras, de preferência refogue-as sem adição de água para evitar a perda de vitaminas e minerais. Ao utilizar legumes, corte a casca bem fina, pois a concentração de nutrientes se encontra próxima à casca. Legumes conservam melhor seus nutrientes se mantiverem a casca durante o cozinhamento (cocção). Cozinhe somente o suficiente para que fiquem macios. Hortaliças, como repolho, couve-flor e brócolis (com folhas e talos), devem ser cozidas em panela destampada. Sempre que possível, utilize a água do cozinhamento (cocção) no preparo de arroz, sopa, molho ou outros pratos.


08

Evite o uso de bicarbonato de sódio ou outras substâncias químicas para cozinhar legumes. Essas substâncias reagem com os nutrientes, inibindo sua ação. Sucos e saladas de frutas devem ser consumidos logo após o preparo, para não perder suas vitaminas.

FEIJÃO E OUTRAS LEGUMINOSAS (ERVILHA, LENTILHA, SOJA, GRÃO-DE BICO) Para facilitar a cocção, é aconselhável deixar a leguminosa de molho e cozinhá-la na mesma água para evitar perda de nutrientes. Porém, essa prática libera uma substância tóxica – o fitato- que pode ser eliminada fervendo a leguminosa, por dois minutos, em panela destampada.

CARNES É aconselhável não lavar ou mergulhar qualquer tipo de carne ou peixe em água para que não se percam seus sucos, ricos em nutrientes. A carne não deve ser corada em temperatura muito alta, pois nessa condição, ela perde maior quantidade de suco natural, encolhendo mais do que se for submetida à cocção em temperatura média (aproximadamente 150°C). Para cozinhar pedaços maiores e mais espessos, a carne deve ser corada de todos os lados e, em seguida, deve-se acrescentar água para finalizar a cocção.

HÁBITOS ALIMENTARES PARA GARANTIR UMA BOA SAÚDE Para planejar uma alimentação equilibrada, devemos selecionar criteriosamente os alimentos e praticar cuidados básicos de higiene para que ela seja saudável e segura. O último passo para fazer da alimentação uma verdadeira aliada da saúde é a adoção de práticas como as descritas nas próximas linhas.


09

Coma na hora certa As mesmas refeições deverão ser consumidas, diariamente, no mesmo horário. Assim, o organismo funcionará melhor. Coma o suficiente Alimentação em quantidade exagerada dificulta a digestão e pode causar sensação de mal-estar. Quem come o suficiente sente-se melhor e mantém o peso normal. Não tenha pressa Para que o sabor seja apreciado, o alimento precisa ser mastigado, sem pressa, até ser triturado. Desse modo, o estômago trabalha menos e os nutrientes são bem aproveitados. Evite preocupação enquanto come Perturbações emocionais durante as refeições diminuem o apetite e dificultam a digestão. Beba líquido na medida e na hora certa Todas as reações do corpo ocorrem na presença de água, que também é responsável pela desintoxicação do organismo. Por isso, é importante ingerir 2 litros de água por dia. Mas durante a refeição, evite beber líquidos para não prejudicar a digestão. Evite frituras e alimentos gordurosos Assim, você evita o aumento do colesterol e o excesso de peso, além de facilitar a digestão. O estômago, o fígado e o coração agradecem. Não belisque entre as refeições Além de comprometer as refeições principais, os petiscos são sempre calóricos. Faça uma dieta equilibrada Programe uma dieta com alimentos dos 3 grupos: construtores, reguladores e energético - para garantir o consumo de proteínas, carboidratos, gorduras, minerais, vitaminas, fibras e água.


10

Monte o prato com alimentos de cores diferentes Quanto mais colorido o prato, maior a diversidade de vitaminas e minerais disponíveis. Facilite a digestão Movimentos leves após as refeições, como uma caminhada tranqüila, ajudam a digestão.

COMO RECONHECER ALIMENTOS PRÓPRIOS PARA O CONSUMO Siga estas instruções: Os grãos devem estar inteiros e sem bolor. As latarias não podem estar amassadas, enferrujadas ou estufadas. Frutas e legumes devem ter consistência firme e não apresentar manchas. As carnes devem ter aspecto, cor e cheiro característicos. Peixes devem ter a guelra vermelha e pele e escamas firmes e brilhantes.

COMO E ONDE COMPRAR OS ALIMENTOS Ao comprar os alimentos, é necessário ter muita atenção. Verifique a qualidade, a embalagem, o prazo de validade, o peso e o preço. Para o produto industrializado, observe as informações, na embalagens, referentes à composição do produto, ao valor energético e a validade. O alimento natural deve ter suas características, como cheiro, cor, aspecto e textura, inalteradas. Antes de ir as compras, faça uma lista do que vai comprar. Assim, economiza-se tempo e dinheiro.


VANTAGENS DO PLANEJAMENTO DE COMPRA

11

Não se compram alimentos supérfluos ( desnecessários). Gasta-se menos tempo e dinheiro com transporte. Sabe-se com antecedência o que é preciso comprar. Obtém-se melhor os alimentos, eliminando desperdícios. Tem-se maior controle sobre os alimentos que estão na despensa. Faz-se consumo dos alimentos da época.

PLANEJANDO UMA COMPRA Ao planejar uma compra, você deve: Verificar o dinheiro disponível. Fazer levantamento dos alimentos e dos gastos semanal, quinzenal e mensal. Escolher o supermercado, o sacolão ou a feira livre, comparando sempre o preço, qualidade e as vantagens que cada um oferece. Anotar os alimentos disponíveis na despensa. Fazer uma lista de compras conforme o cardápio ou o consumo habitual da família e de acordo com seus ítens citados acima. Elisabete Mazzari Culinarista


RECEITAS SALGADAS

12

SALADA REFRESCANTE Ingredientes: 2 xícaras (chá) de talhos de acelga 2 xícaras (chá) de talhos de agrião 2 xícaras (chá) de cascas de melancia 2 xícaras (chá) de tomate picado 2 colheres (sopa) de salsa picada Sal a gosto

Modo de preparo Corte os talhos da acelga,do agrião e a parte branca da melancia em pedaços pequenos. Acrescente o tomate picado, a salsa e o sal. Dicas: Tempere a salada com molho simples (óleo, vinagre ou limão, cebola e cheiro verde). Molho de iogurte: 1 copo de iogurte, 1 copo de água, suco de ½ limão, 2 colheres (sopa) de azeite de oliva, cheiro verde picado e sal a gosto.


13

SALADA DE PROTEÍNA DE SOJA Ingredientes: 2 copos de proteínas de soja 1 copo de milho verde cozido ½ xícara (chá) de salsa picada ½ xícara de cebolinha picada 1 cebola picada 2 colheres (sopa) de óleo de milho Shoyo ou sal a gosto

Modo de preparo Hidratar os dois copos de proteínas com quatro copos de água fervida, e cozinhar por alguns minutos até espumar. Escorrer e espremer. Colocar a proteína em uma tigela e acrescentar todos os demais.


RECEITAS SALGADAS

14

TABULE DE CASCA DE LEGUMES Ingredientes: 3 colheres (sopa) de cebola picada 1 dente de alho picado 2 colheres (sopa) de azeite 1 ½ xícara (chá) de tomates picados 2 xícaras (chá) de abobrinha em tiras 1 xícara (chá) de vagem picada 1 xícara (chá) de cenoura ralada 1 xícara (chá) de casca de berinjela tiras 1 xícara (chá) de casca de chuchu em tiras 2 xícaras (chá) de farinha de quibe ½ xícara de salsa picada 2 xícaras (chá) de molho de maionese 1 lata de creme de leite com soro

Modo de preparo Colocar todos os ingredientes em uma tigela, temperar com sal e pimenta se desejar. Misturar o creme de leite com a maionese e acrescentar nos ingredientes reservado.


15

PATÊ DE SALSA Ingredientes: 2 berinjelas médias 2 xícaras (chá) de salsa ¼ xícara (chá) de azeite ¼ xícara (chá) de azeitonas verdes picadas 1 pitada de nozmoscada Sal a gosto

Modo de preparo Pique a salsa com os talos. Cozinhe a berinjela e bata no liquidificador com os outros ingredientes. Leve a geladeira e sirva gelado. Dica: Se quiser pode acrescentar molho de maionese ou iogurte natural.


RECEITAS SALGADAS

16

SOPÃO DE TALOS E FOLHAS Ingredientes: 2 colheres (sopa) de margarina ou óleo 1 cebola picada 2 tomates picados 1 xícara (chá) de aveia em flocos 2 cubos de caldo de galinha ou carne Talos de verduras, folhas e todas as sobras que tenham qualidade.

Modo de preparo Dourar a cebola na margarina ou óleo, colocar o tomate misturando bem, e depois as folhas e talos, acrescentar o caldo e a aveia em flocos. Cobrir com água e deixar cozinhar até que tudo esteja bem macio, colocar por último duas colheres (sopa) de salsinha picada.


17

REFOGADO DE FOLHAS DE BETERRABA Ingredientes: 2 xícaras (chá) de folhas tenras de beterraba 1 cebola picada 2 dentes de alho picados 2 colheres (sopa) de salsinha picada Sal a gosto

Modo de preparo Aquecer a panela, fritar a cebola e o alho , acrescentar as folhas de beterraba bem lavadas e picadas, refogar até murchá-las, servir em seguida.


RECEITAS SALGADAS

18

PURÊ DE ALHO E CEBOLA Ingredientes:

Modo de preparo

1 kg de cebolas 200g de alho

Descasque as cebolas e os alhos. Cortar a cebola em quatro partes, ligar o liquidificador e colocá-las aos poucos até formar um purê, por último o alho. Guardar em vidros na geladeira, por até dois meses ou congelar por um ano.


19

ASSADO DE CASCAS DE CHUCHU Ingredientes: 4 xícaras (chá) de cascas de chuchu, bem lavadas, picadas e cozidas 2 colheres (sopa) de queijo ralado 1 xícara (chá) de pão amanhecido molhado na água ou no leite. 1 cebola pequena 1 colher de sopa de óleo 2 ovos inteiros batidos Sal a gosto

Modo de Preparo Bater as cascas no liquidificador. Colocar a massa obtida em uma tigela e misturar o restante dos ingredientes. Untar um pirex ou uma forma com óleo ou margarina. Despejar a massa e levar para assar até que esteja dourada. Servir quente ou frio. Esta receita pode ser enriquecida, juntando à massa uma lata de sardinha desfiada. Observação: Podem também ser utilizadas as cascas de outros ingredientes: cenoura, abóbora, rabanete, beterraba, nabo ou talos de agrião, couve, brócolis etc, refogados ou cozidos.


RECEITAS SALGADAS

20

QUIBE DE LEGUMES Ingredientes: 1 xícara (chá) de PTS (Proteína texturizada de soja)

1 xícara (chá) de trigo para quibe 1 colher (sopa) de purê de cebola 1 colher (sopa) de sal 1 colher (sopa) de orégano 2 xícaras (chá) de água fervente 2 xícaras (chá) de legumes crus ralados (cenoura, chuchu, abobrinha) ½ xícara (chá) de óleo 2 a 3 ovos

Modo de preparo Colocar o PTS em uma vasilha com o purê de alho e cebola, o sal, o orégano, o trigo para quibe e a água fervente e deixar repousar por 30 minutos. Misturar os outros ingredientes e colocar em uma forma redonda de 30cm de diâmetro untada e levar para assar.


21

ENSOPADINHO DE ENTRECASCA DE MELANCIA OU MAMÃO Ingredientes: 3 a 4 xícaras (chá) de entrecasca de melancia ½ tomate ½ cebola cortada picadinha ½ dente de alho Salsa e cebolinha picados Óleo de soja Sal a gosto

Modo de Preparo Fazer um refogado com o óleo, tomate, cebola, sal e alho. Juntar a melancia cortada em cubos e colocar água pura ou com caldo de carne. Deixar cozinhar um pouco. Juntar a salsa e a cebolinha picadas. Cozinhar mais um pouco, sem deixar amolecer muito.


RECEITAS SALGADAS

22

EMPADÃO DE VEGETAIS Ingredientes: ½ xícara (chá) de arroz cozido ¼ xícara (chá) de talos ¼ xícara (chá) de cenoura cozida 1 xícara (chá) de leite 2 colheres (sopa) de óleo 2 colheres (sopa) de farinha de trigo 1 gema

Modo de Preparo Misturar o óleo, a farinha e a gema. Acrescentar o arroz e os vegetais cozidos. Distribuir em forma e colocar em uma forma grande com água. Deixá-la no forno até dourar.


23

Ingredientes:

2 colheres (sopa) de cebola picada 1 dente de alho picado 2 colheres (sopa) de margarina ou óleo 2 xícaras (chá) de arroz 1 xícara (chá) de suco de beterraba 1 xícara (chá) de casca de cenoura 1 xícara (chá) de rama de cenoura ½ xícara (chá) de salsa picada 5 xícaras (chá) de água. Sal a gosto

RISOTO ROSADO Modo de preparo Aqueça uma panela e frite a cebola, o alho na margarina, Coloque o arroz e os demais ingredientes bem picadinho. Acerte o sal.


RECEITAS SALGADAS

24

ROCAMBOLE DE SOBRAS DE ARROZ

Ingredientes: 2 xícaras (chá) de sobras de arroz 3 ovos ( claras em neve) 1 xícara (chá) de farinha de trigo 3 colheres (sopa) de queijo parmesão ralado 1 colher (chá) de sal 1 xícara (chá) de leite 1 colher (sopa) de cebola picada 1 colher (sopa) de fermento em pó

Modo de preparo Colocar no liquidificador o leite, as gemas, a cebola e o arroz. Bater por um (1) minuto, adicionar os outros ingredientes, misturar bem e levar para assar em uma forma retangular untada e forrada com papel. Enrolar ainda quente. Colocar em forno médio. Sugestões para o recheio: Sobras de carne assada, frango ou espinafre refogado.


25

CROQUETES DE SOBRAS DE ARROZ Ingredientes: 2 xícaras (chá) de sobras de arroz 3 xícaras (chá) de leite 2 xícaras (chá) de farinha de trigo 1 tablete de caldo de galinha 2 colheres (sopa) de margarina 1 colher (chá) de sal 2 colheres (sopa) de salsinha picada

Modo de preparo Levar para ferver o leite, margarina, arroz, caldo de galinha e o sal, até levantar fervura. Tirar a panela da chama do fogão e adicionar a farinha de trigo de uma só vez, levar ao fogo novamente até fazer uma crosta na panela. Tirar da panela e acrescentar a salsinha picada. Fazer os croquetes, passar na farinha de rosca e fritar.

Dicas: Os croquetes podem ser congelados por três meses. Para fritar os croquetes congelados, tirar do freezer ½ h antes ou 5 min no microondas.


26

RECEITAS SALGADAS NHOQUE DE ARROZ

Ingredientes: 1 xícara (chá) de sobra de arroz 2 ovos 2 colheres (sopa) de salsa picada 4 xícaras (chá) de farinha de trigo 2 colheres (chá) de sal

Modo de preparo Bata no liquidificador as sobras de arroz com o ovo e a salsa. Leve a massa a uma panela, junte a farinha de trigo e cozinhe até soltar do fundo. Adicione o sal. Enrole e corte os nhoques. Cozinhe em água fervente com óleo e sal. Retire a medida que ele venha à superfície. Sirva com molho de sua preferência.


27

MOLHO DE CASCA DE BERINJELA PARA MACARRÃO Ingredientes: 2 dentes de alho picados 3 colheres (sopa) de óleo 2 copos (americanos) de casca de 3 berinjelas cortadas em tiras de mais ou menos 1cm de largura 1 ½ copo (americano) de água Sal e pimenta a gosto 1 colher (chá) de orégano 4 tomates cozidos sem casca e peneirados ou 6 colheres (sopa) de polpa de tomate.

Modo de Preparo Dourar o alho no óleo. Juntar as cascas de berinjela e refogar por 5 minutos. Acrescentar a água, o sal, a pimenta, o orégano e os tomates. Cozinhar por cerca de 5 minutos até engrossar ligeiramente. OBS: Este molho é suficiente para meio pacote de macarrão.


RECEITAS SALGADAS

28

MOLHO DE PROTEÍNA DE SOJA(PTS) Ingredientes: 1 kg de tomates maduros 1 cebola 1 copo de água 2 colheres (sopa) de farinha de trigo 1 xícara (chá) de proteína de soja 1 colher (sopa) de salsinha ou manjericão 1 cubo de caldo de carne ou galinha

Modo de preparo Colocar no liquidificador os tomates picados com a cebola, a farinha e a água, bater por 2 minutos. Acrescentar os outros ingredientes, deixando ferver até incorporar e tomar a consistência desejada. Servir com polenta, nhoque e macarrão. ____________________


29

BIFE DE CASCA DE BANANA Ingredientes: Cascas de 6 bananas maduras 3 dentes de alho 1 xícara de farinha de rosca 1 xícara de farinha de trigo 2 ovos Sal a gosto

Modo de Preparo Higienizar as cascas das bananas e lavar em água corrente. Cortar as pontas. Retirar as cascas na forma de bifes, sem partí-las. Amassar o alho e colocar numa vasilha junto com o sal. Colocar as cascas das bananas nesse molho. Bater os ovos como se fosse omelete. Passar as cascas das bananas na farinha de trigo, nos ovos batidos e, por último, na farinha de rosca, seguindo sempre esta ordem. Fritar as cascas em óleo bem quente. Deixar dourar dos dois lados.


RECEITAS SALGADAS

30

BIFE DE SOJA COM CASCA DE BANANA Ingredientes: ½ Kg de soja hidratada, espremida e refogada 4 cascas de banana 1 dente de alho 1 colher (café) de extrato de tomate ½ cebola picadinha 1 tomate ½ pimentão Salsa e cebolinha 2 ovos (opcional) Sal a gosto Farinha de trigo para dar consistência

Modo de Preparo Em uma panela, colocar as cascas de bananas lavadas e picadas. Misturar um pouco de água e deixar ferver. Em outra panela refogar a soja, que já deve estar hidratada, escaldada e espremida. Depois que as cascas de banana ferverem, escorrer a água e refogar com um pouco de óleo. Cortar bem miudinhos todos os temperos verdes e misturá-los com o tomate e os ingredientes em uma só panela.


31

BOLO DE SOBRAS DE PテウS E LEGUMES Ingredientes: 1 kg de pテ」o picado 1 litro de leite Sal a gosto Pimenta a gosto 3 ovos 3 colheres (sopa) de Maisena 1 cebola Salsa picada 3 colheres (sopa) de margarina

Modo de Preparo Amolecer o pテ」o no leite. Temperar com sal e pimenta, acrescentar salsinha picada, cebola ralada, margarina, legumes e talos picados, gemas e maisena. Misturar bem. Por fim, acrescentar claras em neve. Colocar em uma forma untada e levar para assar em forno prテゥaquecido por cerca de 20 min.


RECEITAS SALGADAS

32

PANQUECA DE FOLHAS E TALOS DE ESPINAFRE Ingredientes: Massa 1 xícara (chá) de talos e folhas (espinafre, cenoura, beterraba) cortados e cozidos 1 xícara (chá) de leite 2 ovos 1 xícara (chá) de farinha de trigo ½ colher (chá) de sal 1 colher (sopa) de margarina Recheio 2 colheres (sopa) de óleo 1 cebola picada 1 dente de alho picado 6 xícaras (chá) de talos e folhas bem lavados e picados Sal a gosto

Modo de Preparo Massa Colocar os talos no liquidificador, acrescentar o leite e bater até a mistura ficar homogênea. Passar a massa por uma peneira. Devolver a massa para o liquidificador e acrescentar os ovos. Adicionar farinha, sal e margarina e reservar a massa. Recheio Colocar o óleo numa panela. Acrescentar a cebola e o alho e deixar dourar. Acrescentar os talos e as folhas e água se necessário. Juntar o sal, tampar a panela e deixar cozinhar. Montagem da panqueca Colocar a massa na frigideira, espalhar bem e deixar fritar dos dois lados. Rechear as panquecas.


33

TORTA DE REPOLHO Ingredientes: 2 ovos 1 xícara (chá) de óleo 2 xícaras (chá) de farinha de trigo 1 colher (sopa) de fermento 3 tomates picados 1 xícara (chá) de água 1 prato fundo cheio de repolho picado cru 1 cebola grande picada sal, pimenta do reino, salsa a gosto

Modo de Preparo Misturar todos os ingredientes. Untar uma forma e levar ao forno até dourar.


RECEITAS SALGADAS

34

ESFIHAS DE FOLHAS DE COUVE-FLOR Ingredientes: Massa 1 ½ colher (sopa) de fermento biológico 2 colheres (sopa) de açúcar 1 xícara (chá) água morna 5 colheres (sopa) de óleo ½ colher (sopa) de sal 1 xícara (chá) de farinha de trigo 1 gema Recheio 1 ½ xícara (chá) de cebola picada 2 colheres (sopa) de óleo 3 xícaras (chá) de folha de couve-flor Sal a gosto

Modo de Preparo Massa Dissolver o fermento no açúcar e juntar a água morna, o óleo, o sal e a farinha aos poucos, até a massa soltar das mãos. Cobrir e deixar descansar por 30 minutos. Abrir a massa em círculos com aproximadamente 15 cm, colocar o recheio, fechar as esfihas, pincelar com a gema batida e levar para assar em assadeira enfarinhada, em forno pré-aquecido, até dourar. Recheio Refogar a cebola no azeite e acrescentar as folhas de couveflor picadas e o sal.


35

FAROFA DE CENOURA OU ABÓBORA CRUA Ingredientes: 2 xícaras (chá) de cenoura ou abóbora madura (crua, ralada no ralo grosso) 1 xícara (chá) de farinha de mandioca (em forma de biju) 1 xícara (chá) de farinha de rosca 1 xícara (chá) de óleo 4 colheres (sopa) de salsinha 1 colher (sopa) de purê de alho e cebola Modo de preparo Colocar todos os ingredientes em uma vasilha e misturar tudo muito bem. Esta farofa é ótima para acompanhar churrascos. Servir com arroz integral.


RECEITAS SALGADAS

36

FAROFA COM CASCA DE ABACAXI E TALOS DE LEGUMES Ingredientes: ½ xícara (chá) de óleo 1 cebola picada 2 dentes de alho amassado 100g de bacon ou toucinho picado (opcional) 2 xícaras (chá) de talos ou verduras picadas 1 xícara (chá) de cenoura ralada sal e pimenta a gosto 1 xícara (chá) de casca de abacaxi batida no liquidificador ½ kg de farinha de mandioca crua

Modo de Preparo Levar ao fogo para refogar o óleo, cebola, alho e o bacon. Depois acrescentar aos poucos as verduras, legumes e deixar refogar. Colocar o abacaxi, temperar e por último, vá acrescentando a farinha de mandioca mexendo sempre, para ficar uma farofa bem solta.


37

FAROFA COM SOBRAS DE MACARRÃO Ingredientes: 2 pratos de sobra de macarrão 200g de margarina 2 cebolas picadas 1 pimentão ralado 2 colheres (sopa) de salsinha picada Farinha de mandioca (em forma de biju) até o ponto desejado

Modo de preparo Levar ao fogo uma panela com a margarina, fritar a cebola, colocar o pimentão e refogar por 1 minuto. Colocar o macarrão, deixar aquecer bem, colocar a salsinha, a farinha e misturar bem. Servir em seguida. OBS: O macarrão deve ser massa curta ou massa longa picada.


RECEITAS SALGADAS

38

PÃO DE CASCA DE BANANA Ingredientes: 6 bananas com casca 1 xícara (chá) de água 1 xícara (chá) de leite 30g de fermento fresco ½ xícara (chá) de óleo 1 ovo ½ pitada de sal ½ kg de farinha de trigo

Modo de Preparo Bater as cascas de bananas e a água no liquidificador. Juntar o óleo, os ovos e o fermento e bater mais um pouco. Acrescentar a farinha, o sal, o açúcar e misture. Por último, colocar na massa as bananas em rodelas. Colocar a massa em uma forma untada com margarina e farinha de trigo. Deixar crescer até dobrar de volume e levar para assar em forno pré-aquecido.


39

PÃO DE FOLHAS E TALOS Ingredientes: 2 xícaras (chá) de folhas e talos picados 1 xícara (chá) de caldo das folhas cozidas 1 ovo ½ xícara (chá) de água 1 colher (chá) de açúcar 3 colheres (chá) de sal 15g ou 1 tablete de fermento biológico ou de padaria 3 colheres (sopa) de óleo 4 ½ xícaras (chá) de farinha de trigo

Modo de Preparo Colocar as folhas e talos no liquidificador com o caldo de folhas cozidas. Bater bem. Juntar o ovo, o açúcar, o sal, o fermento e o óleo e continuar batendo. Colocar em uma vasilha a farinha de trigo e despejar a mistura do liquidificador. Amassar até desgrudar das mãos. Deixar a massa crescer até dobrar de volume. Amassar novamente e formar os pães, colocando-os em assadeira untada. Deixar crescer novamente. Colocar em forno moderado para assar por aproximadamente 40 min. Dicas: Preparar esta receita com folhas de beterraba, cenoura, nabo, rabanete, brócolis.


RECEITAS SALGADAS

40

PÃO DE FIBRAS (FARELO DE TRIGO) Ingredientes: 2 xícaras (chá) de fibras de trigo 2 xícaras (chá) de água fervente 2 xícaras (chá) de água morna 2 colheres (sopa) de fermento biológico 1 colher (sopa) de açúcar 1 colher (sopa) de sal ½ xícara (chá) de óleo 1 ovo Farinha de trigo até soltar das mãos (+/- 5 xícaras)

Modo de preparo Escaldar a fibra com água fervente. Deixar esfriar e acrescentar a água morna, o fermento, açúcar, sal e o óleo, misturar bem e colocar o trigo até soltar das mãos. Deixar crescer até dobrar de volume. Modelar pão ou pãezinhos, deixar crescer por 30 minutos. Pincelar com ovos e levar para assar em forno médio por 30 minutos.


RECEITAS DOCES

41

BOLO DE CASCA DE BANANA Ingredientes: 2 xícaras (chá) de casca de banana madura 4 gemas 4 claras em neve 2 ½ xícaras (chá) de açúcar 3 xícaras (chá) de farinha de trigo 5 colheres (sopa) rasas de margarina 2 colheres (sopa) de fermento em pó Canela em pó para polvilhar

Modo de preoaro Bater no liquidificador as cascas de banana com ½ xícara (chá) de água. Reservar. Na batedeira, colocar a margarina, a gema e o açúcar, batendo até ficar homogênea. Misturar as cascas de banana batida, a farinha e o fermento. Por último, colocar as claras em neve, polvilhando com a canela antes de ir ao forno. Levar ao forno em forma untada. Assar durante 30 ou 35min.


RECEITAS DOCES

42

DOCE DE CASCA DE MELANCIA Ingredientes: 600g de casca de melancia, parte branca 600g de açúcar 6 cravos da Índia Suco de 2 limões

Modo de preparo Cortar as polpas da casca da melancia em pedaços pequenos, colocar em uma panela e cobrir com água. Levar pra ferventar, tirar do fogo e deixar em repouso por 24 horas, trocando a água por diversas vezes. Preparar uma calda com o açúcar e 600ml de água, em ponto de fio fraca. Juntar o cravo, a polpa cozida, o suco de limão e deixar ferver até ponto de compota.


43

DOCE DE CASCA DE LARANJA Ingredientes: Cascas de 6 laranjas 6 cravos da Índia 3 xícaras (chá) de açúcar

Modo de preparo Com uma faca afiada, retirar as camadas amarelas das cascas e rejeitar, ficando somente com a polpa branca. Picar bem miúdo, e levar ao fogo com suco de 1 limão, cobrindo com água e deixando ferver por 10 minutos. Escorrer a água e adicionar o açúcar e os cravos, voltar ao fogo mexendo sem parar até o ponto de pasta. Deixar esfriar, enrolar em formatos de bolinha e passar no açúcar cristal. Obs: Se preferir deixar em forma de doce de pasta.


RECEITAS DOCES

44

GELÉIA DE CASCA DE MAMÃO Ingredientes:

Modo de Preparo

1 mamão médio Açúcar Água

O mamão deve ser bem lavado e descascado. Colocar as cascas numa panela com água suficiente para cobrí-las e levar ao fogo, deixando cozinhar bem. Quando estiverem desmanchando, retirar do fogo e passar na peneira. Medir a massa resultante e colocar a metade da medida de açúcar, levando ao fogo novamente até que obtenha-se consistência gelatinosa.


45

MANJAR DE BETERRABA Ingredientes: 2 copos d'água do cozimento da beterraba 1 copo de suco de laranja 10 colheres (sopa) de açúcar 1 beterraba cozida 8 colheres (sopa) de amido de milho

Modo de Preparo Cozinhar a beterraba e reservar uma parte da água do cozimento para dissolver o amido de milho. Bater no liquidificador a beterraba com o restante da água do cozimento, o açúcar e o suco de laranja. Colocar o conteúdo do liquidificador numa panela e levar ao fogo, mexendo sem parar. Quando a mistura soltar do fundo da panela, retirar do fogo e colocar numa forma. Depois de frio, levar à geladeira.


RECEITAS DOCES

46

DOCINHO DE ABACAXI COM CÔCO Ingredientes: 2 xícaras (chá) de suco de casca de abacaxi 2 xícaras (chá) de resíduo da casca de abacaxi 1 xícara (chá) de côco ralado 3 gemas 2 xícaras (chá) de açúcar 1 colher (sopa) de margarina

Modo de Preparo Colocar em uma panela todos os ingredientes e levar ao fogo para cozinhar, mexendo sempre até soltar do fundo da panela. Deixar esfriar. Fazer os docinhos enrolando bolinhas e colocálos em forminhas de papel. OBS.: Se quiser, pode-se passar as bolinhas em côco ralado.


47

BOLO DE CASCA DE MAÇÃ Ingredientes: 3 ovos 1 xícara (chá) de óleo 2 xícaras (chá) de açúcar Cascas de 2 maçãs 2 xícaras (chá) de farinha de trigo 1 colher (sopa) de fermento em pó 2 colheres (sopa) açúcar 1 colher (sopa) de canela

Modo de Preparo Bater no liquidificador os ovos, o óleo, o açúcar e a casca de maçã. Juntar a farinha de trigo e o fermento em pó. Picar as maçãs e misturar com 2 colheres de sopa de açúcar e a canela. Juntar a mistura já batida no liquidificador com os demais ingredientes. Untar uma forma (com buraco no meio), colocar a massa e polvilhar com canela e açúcar. Depois de assar, desenformar e colocar canela e açúcar por cima.


RECEITAS DOCES

48

BRIGADEIRO DE MANDIOCA Ingredientes: 3 xícaras (chá) de mandioca 4 colheres (sopa) de margarina 20 colheres (sopa) de açúcar 2 xícaras (chá) de leite em pó 6 colheres (sopa) chocolate em pó 200g de chocolate granulado

Modo de preparo Cozinhar a mandioca até desmanchar. Escorra, amasse e reserve. A parte, derreta a margarina, acrescente a mandioca e misture bem. Junte os demais ingredientes, e cozinhe até desprender do fundo da panela. Modele os docinhos e passe-os pelo chocolate granulado. Dica: Faça beijinho, substituindo o chocolate por côco ralado.


49

TRUFAS DE MANDIOCA Ingredientes: 3 xícaras de mandioca 20 colheres de açúcar 1 xícara de leite em pó 1 xícara de creme de leite 200g de chocolate meio amargo

Modo de preparo Cozinhar a mandioca até desmanchar. Escorra, amasse e deixe esfriar. Acrescente os demais ingredientes, misture bem e leve para gelar por 2 horas. Modele as trufas e passe-a por uma mistura de 6 colheres (sopa) de chocolate em pó e 1 colher (sopa) de canela em pó.


SUCOS

50

SUCO DE CASCAS DE FRUTAS Ingredientes

Modo de Preparo

3 xícaras (chá) de cascas de frutas variadas 2 litros de água Açúcar a gosto

Lavar bem as cascas, bater no liquidificador com água. A seguir, coar bem e adoçar a gosto. Dicas: Podemos utilizar apenas a casca de uma fruta, como a de abacaxi, maçã, manga etc.


51

SUCO DE COUVE COM LIMÃO Ingredientes 5 limões 50g de couve 1 litro de água Açúcar a gosto

Modo de Preparo Espremer os limões e coar. Bater no liquidificador junto com a couve e a água e coar novamente. Adoçar a gosto.


SUCOS

52

SUCO DA HORTA Ingredientes: 2 xícaras (chá) de couve manteiga 1 litro de água 1 xícara (chá) de polpa de maracujá 2 xícaras de açúcar ½ xícara (chá) de suco de limão

Modo de preparo Lave bem as folhas de couve, pique-ás, coloque no liquidificador e bata com a água. Acrescente a polpa de maracujá e bata rapidamente. Coe, e junte com os demais ingredientes.


53

SUCO DE LIMÃO COM LEITE Ingredientes: 2 copos de leite 2 copos de água 1 copo de gelo 1 copo de limão espremido 4 colheres (sopa) se açúcar

Modo de preparo Bater todos os ingredientes no liquidificador.


ANOTAÇÕES ________________________________________________ ________________________________________________ ________________________________________________ ________________________________________________ ________________________________________________ ________________________________________________ ________________________________________________ ________________________________________________ ________________________________________________ ________________________________________________ ________________________________________________ ________________________________________________ ________________________________________________ ________________________________________________ ________________________________________________ ________________________________________________ ________________________________________________ ________________________________________________ ________________________________________________ ________________________________________________ ________________________________________________ ________________________________________________ ________________________________________________ ________________________________________________ ________________________________________________ ________________________________________________ ________________________________________________ ________________________________________________ ________________________________________________ ________________________________________________ ________________________________________________


os Sólid

CE NÃ

COME

site:

Estado

do Par

IA

TA IDÉ

ES NDO DIÇA ema SPER r.gov.br/s O DE www.p ria enado Coord

E

IENT IO AMB DO ME ESTADO RICOS ARIA DE URSOS HÍD E REC SEMA

SECRET

os Resídu oria de S CRE

Sólido

s

nad Coorde

JA SECRETARI A

DE ESTAD E RECURS O DO MEIO AMBI ENTE OS HÍDRIC OS SEMA

Coordenad

oria de R esíduos Só lidos CRES

GERENC IAMENT O INTEGRA DO COLETA DE RESÍDUOS - GIR SEL LEGISLA ETIVA ÇÃO

aná 200 6

uos CRdES e Resíd

Prod

IEN IO AMB DO ME OS ADO DE EST OS HÍDRIC ARIA URS SECRET E REC SEMA

O LAR AN

TE

com uzido

riais mate

recicl

áveis.

AR SOL DOR E CE AQ U

o Alcin José família e Alano

Estado

raná do Pa

Estado d

o Paraná

VERSÃ

al

Manu

L AZU SÃO VER

MATERIAIS DISPONIBILIZADOS PELO PROGRAMA DESPERDÍCIO ZERO

ETAM NÓS COL

EIO AMBIEN

TE AGRAD

ECE.

SECRETA RIA DE E STA E RECUR DO DO MEIO AMBI SOS HÍDR ENTE ICOS SEMA Coorden adoria

de Resíd uos Sólido CRES s

Parceria:

UE É VEJA O Q LETIVA SE COLETA DE DO E CUI IENTE! MEIO AMB

20 06

PAPEL

Estado do Pa raná

Paranáo Estadodedo Mei Estado do Secretaria Hídrico e Recursos Ambiente

s.

VE R S Ã

OS, O M

LECIONA, VOCÊ SE

O VE R DE

Material técnico-educativo com mais de 400 páginas sobre os diferentes tipos de resíduos

SECRETARIA DE ESTADO DO MEIO AMBIENTE E RECURSOS HÍDRICOS R. Desembargador Motta, 3384 - CEP. 80430-200 Curitiba / PR F. (41) 3304-7712 / 3304-7798 www.pr.gov.br/sema desperdiciozero@pr.gov.br

Parceria:


Pequenas atitudes que podem mudar o mundo Você sabia que com estas receitas você contribui com a minimização do aquecimento global ? A composição percentual média do lixo domiciliar brasileiro varia de 52 a 60% de matéria orgânica (restos de alimentos). Esta matéria orgânica quando não tratada ou disposta no solo corretamente torna-se a principal fonte de poluição dos resíduos domésticos, pois geram efluentes líquidos (chorume) e gasosos (biogás) que poluem os corpos hídricos e a atmosfera respectivamente. Isto representa um grande problema ambiental, já que quando entram em decomposição, os resíduos orgânicos* liberam o gás metano (CH4), que é 24 vezes mais poluente do que o gás carbônico (CO2). Estes gases são conhecidos como “gases de efeito estufa**”.

Mercado Municipal de Curitiba-PR.

Colaboradores da Cozinha Alternativa realizadas na SEMA em maio de 2007.


A utilização das receitas alternativas deste manual, ajuda a combater o aquecimento global, pois ajuda a diminuir a quantidade de resíduos orgânicos destinados ao aterro sanitário e/ou lixões, aumentando seu tempo de vida útil***, diminuindo as emissões de gases poluentes na atmosfera e a quantidade de chorume nos solos e rios. *Resíduos orgânicos: Sobras de alimentos que são jogados no lixo pela população. Estes alimentos podem ser reutilizados para fazer receitas altamente nutritivas, e também para fazer adubo orgânico, através da compostagem****. **Efeito estufa: Processo de retenção de calor solar pela atmosfera. É um fenômeno natural que viabiliza a vida no nosso planeta, no entanto, com a grande quantidade de gases na atmosfera, este efeito é intensificado, causando o que conhecemos por Aquecimento Global. ***Vida útil de aterros sanitários: Tempo em que o aterro sanitário pode receber os diferentes resíduos e rejeitos. Quanto menor for a quantidade de “lixo” destinado à eles, maior será seu tempo de vida útil. ****Compostagem: É um processo natural de decomposição biológica de materiais orgânicos, de origem animal e vegetal, pela ação dos microorganismos, para que este processo ocorra, não é necessário a adição de qualquer componente físico ou químico à massa do lixo. A compostagem pode ser aeróbia ou anaeróbia, em função da presença ou não de oxigênio no processo. Em um Estado agrícola como o Paraná, essa matéria orgânica desperdiçada pode ser uma forma eficaz de recondicionar o solo.

Manual Cozinha 01  

Secretaria de Estado do Meio Ambiente e Recursos Hídricos - SEMA Secretaria de Estado do Meio Ambiente e Recursos Hídricos - SEMA Denis Ferr...

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you