Page 1


ESTE FOLHETO É PARTE INTEGRANTE DO ACERVO DO BEHETÇOHO EM FORMATO DIGITAL, SUA UTILIZAÇÃO É LIMITADA. DIREITOS AUTORAIS PROTEGIDOS.


INFORMAÇÕES SOBRE O PROJETO O Acervo Eletrônico de Cordéis do Behetçoho é uma iniciativa que pretende dar consequências ao conceito de (com)partilhamento dos artefatos artísticos do universo da oralidade, com o qual Behetçoho e Netlli estão profundamente comprometidos.

INFORMAÇÕES SOBRE A EQUIPE A equipe de trabalho que promoveu este primeiro momento de preparação e disponibilização do Acervo foi coordenada por Bilar Gregório e Ruan Kelvin Santos, sob supervisão de Edson Martins.

COMPOSIÇÃO DA EQUIPE Isabelle S. Parente, Fernanda Lima, Poliana Leandro, Joserlândio Costa, Luís André Araújo, Ayanny P. Costa, Manoel Sebastião Filho, Darlan Andrade e Felipe Xenofonte


FRANCORLI E JOSÉ LOURENÇO

AS AVENTURAS DE FRANCORLI E JOSÉ LOURENÇO PARA O 1º CORDEL NA CORTEZ


Queremos inspiração para esta historia contar foi a viagem mais louca que nós fomos enfrentar a de sair do juazeiro sem passagem pra voltar

Chegamos na prefeitura pra ES passagem receber estávamos todos alegre sem nada perceber quando nos deram a noticia do que mia acontecer Disseram tá tudo certo peguem o papel e vão lá vão depressa sem demorar para as passagens pegar lembrem-se que é só de ida não vão poder retornar


Fomos pra rodoviária começamos a procurar mas um colega nos disse: vocês não vão encontrar esta empresa é clandestina não adianta tentar

Eu peguei logo o papel e comecei a procura um telefone e fui ligeiro ligar uma pessoa atendeu e disse: venham pra cá Nos ensinou o local onde a empresa existia logo corremos pra lá com a maior alegria o gerente nos recebeu com a maior simpatia


E ele assim falou: não fiquem preocupados o ônibus é muito bom tem um ar condicionado e um serviço de bordo que é muito respeitado O ônibus tem três eixos motorista de primeira vocês vão se divertindo e não sentiram conseira com certeza essa viagem não será aventureira

Ligeiro fomos em casa para as bagagens arrumar Zé Lourenço foi dizendo vai ser um frio de lascar pega um lençol pra ti que o meu eu vou levar


Quando eu cheguei em casa comecei a imaginar só vai gente de elite comida não vou levar terei que arruma dinheiro para poder me alimentar

Seguimos bem ligeiro para o ônibus não perder pois já estava na hora do embarque acontecer e não queríamos do gerente reclamação receber Quando chegamos no local ficamos bem assustados eram pessoal do sitio que ali estavam sentados com uma sacola velha um facão e um machado


Tinha uma pessoa em pé com uma lata na mão na outra uma garrafa que me chamou atenção Zé, aquilo é feijão?

Eu disse pra Francorli não vamos precipitar vamos andar mais um pouco para uma conclusão tomar pois todos eram estranhos não tinha a quem perguntar Começamos a olhar como quem não queria ver tinha uma lata aberta com farinha pra comer e na garrafa era água que tinham pra bebe


A hora do embarque já estava atrasada ninguém sabia o porque de haver tanta maçada era um entre e sai tão grande nem uma informação era dada Foi ai que o motorista resolveu tudo contar a empresa sem dinheiro não queria lhe pagar e sem dinheiro no bolso não podia viajar

foi quando uma mulher emprestou o tal dinheiro o motorista alegre gritou: vamos companheiro corram todos para o ônibus que vou conferir primeiro


A mulher entrou no ônibus e começou a gritar aqui não quero cachaça queiram todos respeitar aqui vai uma moça que com vocês vai viajar

Esta mulher foi com a gente até um posto fiscal mas quando ela desceu tudo ficou anormal a bagunça era tão grande com gritaria infernal Agora dentro do ônibus sem ter coordenação um com litro d pinga outro com carne na mão dizendo: traga farinha pra misturar com feijão


Imaginem vocês agora esta viagem infernal o motorista se escondendo da rodoviária federal passou por dentro de minas entrou num canavial Se passaram 12 horas dentro do canavial e todos já irritados sem saber onde afinal ia pegar a estrada de São Paulo a capital

Quando já era de manhã o ônibus todo imundo todos nos preocupado sem parar um só segundo querendo então assistir a final da copa do mundo


Vamos agora falar quando em Capivari chegou lá queriam nos deixar mas uma confusão formou ai chegou uma Kombi pra São Paulo nos levou Chegamos lá meia noite sem ter ônibus nem metrô ai apanhamos um taxi que pro hotel nos levou a recepção foi ótima e dai tudo mudou A Cortez nos recebeu com a maior alegria Ednilson foi prestativo nos atendeu todo dia seus funcionários alegres cm a maior simpatia


Fomos também recebidos por Nireuda de Natal que também é gravadora nesta grande capital desenha e é empresária sem fugir do natural

O cordel tem 6 letras pois a Cortez também tem nos somos lá do Nordeste e seu Cortez é também a quem aqui nos queremos lhe da os parabéns A Cortez também tem livros pra sabedoria por isso é importante ler sem esquecer nenhum dia que devemos estudar pra não passar agonia


A cultura popular ela é pouco divulgada a Cortez é resistente em fazer essa jornada fez todo o sacrifício parar enfrentar a parada

Também fomos convidados para Radio Capital pelo Sr. Assis Ângelo que é um cabra legal seu programa no Brasil tem audiência total

Nos queremos agradecer quem também nos apoiou Gilmar de Carvalho contente nossa hospedagem pagou e Marcílio da Apolo Joias foi também quem ajudou


Se eu não falei em todos queira aqui nos desculpar nos não somos poetas só aprendemos a gravar a xilogravura, que é o forte para o cordel ilustrar Adeus ate outro dia queremos aqui voltar com o apoio de vocês e do povo deste lugar pra divulgar a gravura das bandas de Ceará

FIM


As aventuras de francorli e josé lourenço para o 1º cordel na cortez  
As aventuras de francorli e josé lourenço para o 1º cordel na cortez  
Advertisement