Page 1

RESPEITANDO O PASSADO, TRABALHANDO NO PRESENTE E CONSTRUINDO UM FUTURO

correiocomercial DISTRIBUIÇÃO GRATUITA

www.acebp.org.br

ÓRGÃO OFICIAL DA ASSOCIAÇÃO COMERCIAL E EMPRESARIAL DE BARRA DO PIRAÍ - PUBLICAÇÃO MENSAL - 3 MIL EXEMPLARES | ABRIL DE 2013 | Nº 491

ACEBP: RECONHECIDA DE UTILIDADE PÚBLICA - LEI MUNICIPAL 336 (16/06/1997) E LEI ESTADUAL 6348 (27/11/2012)

SANEAMENTO EM DISCUSSÃO

Ilustrativa

TECNOLOGIA

CURSOS DE AUDIOVISUAL NO SEGUNDO SEMESTRE Já está em fase de instalação os equipamentos de produção e edição de video no CVT de Barra do Piraí. Segundo informações, no segundo semestre deverão ser disponibilizados cerca de seis cursos de qualificação profissional nesta área. LEIA MAIS NA PÁGINA 08

1º DE MAIO

Canos que comporão a rede de distribuição da nova ETA-Mãe (em construção)

Dia 25 de março, no auditório da ACEBP, foi realizada a primeira reunião preparatória para a elaboração do Plano Municipal de Saneamento Básico (PMSB). O encontro reuniu representantes de diversos setores sa sociedade. O PMSB é um instrumento de gestão obrigatório, regido pela Lei Fe-

deral n° 11.445/2007, que servirá como norteador para prestação dos serviços das áreas de saneamento ambiental: abastecimento de água de forma satisfatória qualitativamente e quantitativamente; coleta, afastamento e tratamento de esgotos e microdrenagem e macrodrenagem de águas pluviais. LEIA MAIS NA PÁGINA 03

LEIA TAMBÉM NESTA EDIÇÃO: 09

FILME SERÁ RODADO NA CIDADE O Casamento de Gorete, com Letícia Spiller, será mais um filme com locações em Barra do Piraí

09

IV FESTCINE Nesta edição, o resultado do evento que cresce a cada ano e que já ganhou a simpatia da mídia nacional.

14

TECHNOGYM BRAZIL EM BARRA DO PIRAÍ Empresa européia especializada em equipamentos para academias de ginástica inicia implantação na cidade.

MART’NÁLIA NA PRAÇA No Dia do Trabalhador, o Sesi promoverá na Praça Nilo Peçanha um show com Mart’nália. LEIA MAIS NA PÁGINA 17

CIDADE

PONTE DO FUTURO INAUGURADA Foi inaugurado em abril o Contorno Rodoviário de Barra do Piraí, que compreende uma estrada e uma ponte com extensão de 245 metros. O empreendimento, que contou com investimentos de R$ 55,4 milhões, garantirá a melhoria do trânsito no município ao permitir que caminhões de carga possam evitar seguir pelo centro da cidade. LEIA MAIS NA PÁGINA 11


2

www.acebp.org.br

CORREIO COMERCIAL | ABRIL DE 2013

PALAVRA DO PRESIDENTE CONTATO R. Governador Portela, 25, 1º andar, Centro Cep: 27123-000 - Tel.: 2447-3000 DIRETORIA EXECUTIVA Presidente Wagner Bastos Aiex Vice-Presidente Jorge Monsores Dilly Diretor de Atividades de Interesses Comerciais Cristovão Tadeu de Azevedo Diretor de Atividades de Interesses Industriais Luiz Antônio S. Coutinho Diretor de Atividades Econômicas, Finaceiras e Patrimoniais Sidney Cukier Diretora 1ª secretária Lúcia Maria A. Santos Diretor 2ª secretário Luiz Felipe Aiex Pinto Diretor 1º tesoureiro Danilo M. Dinelli Diretor 2º tesoureiro Erivaldo Freire da Costa Diretor de SPC Caio de Oliveira Ayres Diretor de Relações Públicas Marco Aurélio Elias Depto. Jurídico Leonardo Bastos Aiex Gerente Administrativo Ana Paula Schiavo CONSELHO DELIBERATIVO Presidente Jorge Roberto Cruz Vice-Presidente José Sebastião Viana Secretário Sérgio Macedo CORREIO COMERCIAL Editor Responsável José Eduardo Alves de Oliveira (DRT-10595/97) Composição, reportagens e fotos José Eduardo Alves de Oliveira Diagramação e Arte Final Praise Comunicações Tiragem 3 mil exemplares Publicação mensal E-mail: secretaria@acebp.org.br Fotolito e Impressão pelo Jornal do Commercio R do Livramento, 189 - Saúde/ RJ Tel: (21) 2516-9042 AS MATÉRIAS ASSINADAS SÃO DE RESPONSABILIDADE DO AUTOR

WAGNER BASTOS AIEX

Presidente da Associação Comercial e Empresarial de Barra do Piraí

POLÍTICA E ECONOMIA

A

economia de Barra do Piraí está intimamente ligada ao comércio e à prestação de serviços. Sem desmerecer os outros setores, é claro, é preciso reconhecer que a vocação de Barra do Piraí foi moldada pelo comércio há quase um século e que hoje, ele é um dos maiores geradores de empregos no município. É fato também que, economia e política andam lado a lado... o que interfere em um, reflete no o utro. Justamente por isso, este mês irei abordar a complicada situação política pela qual o município passa. Não quero tomar partido de ninguém, não quero ser parcial, não quero levantar bandeiras e nem quero criticar quem quer que seja. Meu texto será simplesmente uma reflexão tentando mostrar algumas de minhas preocupações como presidente de um órgão representativo do setor empresarial do município. Acredito que, a complicada situação que se abate sobre Barra do Piraí e que já afastou o prefeito Maércio de Almeida e seu vice Dr Junior por duas vezes através de decisão do Tribunal Eleitoral poderá sim ter consequências sobre o município. Primeiro, porque teremos de considerar a hipótese de uma nova eleição, o que novamente mobilizará todo o “aparato” eleitoral (candidatos, divulgação,

marcação de datas etc) para o novo pleito. Segundo, porque o município neste período poderá ter o seu desenvolvimento limitado pela instabilidade, s endo apenas administrado pelo prefeito em exercício, que aguardará com paciência seu sucessor. Terceiro porque ainda não sabemos dos nomes que poderão vir a concorrer, de suas propostas e nem do que poderá acontecer ainda, afinal, temos também de contar com a hipótese de que o prefeito eleito ano passado, Maércio de Almeida, poderá ainda tentar recurso e, quem sabe, poderá até mesmo voltar ao poder. O fato é que, com tantas hipóteses, a “instabilidade” é a palavra que, com certeza, mais se adequa ao momento do município. Temos de pensar também que, cada governante possui sua personalidade, seu jeito próprio de mandar, de delegar tarefas e, com certeza, em caso de nova eleição, as secretarias deverão ser reestruturadas, outros nomes deverão presidir tais secretarias, projetos que já estavam em andamento poderão não ser tão prioritários, parcerias consolidadas poderão ser desfeitas e metas que possuiam determinada importância, poderão ser também revisadas, ou seja, tudo começa do “zero” de novo. Outro fator a se considerar é que, seja quem for que venha a ficar no poder em Barra do Piraí, deve

AGENDA

DO PRESIDENTE / ABRIL 02. Reunião no gabinete do prefeito (Maércio de

Almeida) junto com o presidente da ACEBP (Wagner Aiex), com os diretores da ACEBP Sidney Cukier e Cristóvão Tadeu e com o responsável pelo setor jurídico da ACEBP (Dr Leonardo Aiex). 08. Reunião com o prefeito interino - Pastor Monteiro 09. Reunião com a diretoria da ACEBP 16. Reunião sobre convênios junto a representantes das Drogarias Povão e Drogaria Vida 17. Reunião com Padre Miguel (Igreja de S. Benedito) para discussão de detalhes da Jornada Mundial da Juventude. Reunião com o secretário municipal de Trabalho e Desenvolvimento Econômico Roberto Monzo. Reunião com a empresária Margareth Lima. 19. Reunião na agência Praise Comunicações 29. Reunião com o presidente da Unimed Centro Sul - Dr Sebastião Barbosa

olhar mais do que apenas o aspecto político e deve também considerar o aspecto técnico de tudo o que deu e não deu certo. A avaliação de tudo isso, a possibilidade de trocas nas secretarias, a interrupção de alguns projetos, isso tudo poderá decidir de forma inesperada no futuro de Barra do Piraí e, isso certamente é motivo de extrema preocupação. Por tudo isso, creio eu que, a situação não se mostra muito confortável em termos econômicos e de desenvolvimento. Entretanto, a Associação Comercial continua acompanhando todo este processo com atenção e apreensão, mas também confiante de que o bom senso é o que deverá nortear as decisões dos juízes, dos governantes e da própria população para que, as melhores perspectivas se abram para nosso município, seja qual for o rumo que este quadro venha a tomar. Estamos ansiosos mas também muito apegados à sensatez para que a Associação Comercial e Empresarial de Barra do Piraí continue a exercer o seu papel em defesa do empresariado local, o que já faz há quase 60 anos. Enquanto isso, observamos e aguardamos mas, também confiamos sempre que o melhor acontecerá na medida que cada um se conscientize e cumpra o seu papel dentro daquilo que se chama “cidadania”.

CLASSIFICADOS CORREIO COMERCIAL

ASSESSORIAS

Geraldo Lacerda Gonzaga Jr. (técnico em Contabilidade) Rua Moraes Barbosa, 60 - sala 201 Telefax.: (24) 2443-1719 Paulo Sérgio Aredes (técnico em Contabilidade) Centro Empresarial Zeluan - R. Paulo de Frontin, 189 - s/ 407 - Tel.: (24) 2442-1340

CONSTRUÇÃO & MANUTENÇÃO Madeireira Carvalheira Rua José Alves Pimenta, 826 - Matadouro Telefax: (24) 2443-2717 2443-1596 e 2443-2116


CORREIO COMERCIAL | ABRIL DE 2013

www.acebp.org.br

3

Elaboração do Plano Municipal de Saneamento Básico No dia 25 de março, no auditório da ACEBP, foi realizada a primeira reunião preparatória para a elaboração do Plano Municipal de Saneamento Básico (PMSB). O encontro foi coordenado pela Secretaria Municipal do Ambiente e reuniu representantes de diversos setores da sociedade. Compareceram também os diretores da ACEBP Marco Aurélio Elias e Danilo Dinelli. O PMSB é um instrumento de gestão obrigatório, regido pela Lei Federal n° 11.445/2007, que servirá como norteador para prestação dos serviços das áreas de saneamento ambiental: abastecimento de água de forma satisfatória qualitativamente e quantitativamente; coleta, afastamento e tratamento de esgotos e microdrenagem e macrodrenagem de águas pluviais. O mote de Resíduos Sólidos será tratado no futuro, já contemplando os requisitos definidos no Plano Municipal de Resíduos Sólidos, outro instrumento de gestão obrigatório regido pela Lei 12.305/2010. No PMSB serão definidos, por exemplo, quais as áreas prioritárias de investimento em obras civis e de fortalecimento institucional, em quanto tempo poderá se alcançar a

universalização de atendimento de saneamento a toda população, qual o custo de tarifa ideal para a cidade, como implantar os sistemas de gestão e micromedição de consumo de água, dentre outros assuntos que serão discutidos junto à população. Desta forma, é de fundamental import ância a participação popular, das entidades de classe, das associações de moradores organizadas ou não, para que estas, juntamente com o município, discutam os principais problemas, as prioridades e as metas de atendimento. Esta primeira reunião contou com a participação de estudantes, funcionários de empresas atuantes no município, empreiteiras, funcionários da prefeitura, Firjan, ACEBP, dente outros. Foram explicadas as etapas de elaboração do plano, as responsabilidades inerentes a cada uma das classes organizadas e já foi pré-agendada uma nova reunião, que acontecerá no dia 8 de maio, às 19 horas (em local ainda a ser definido), para serem discutidos os pontos de vista que a população possui sob o serviço de saneamento básico municipal prestado atualmente. Com base nisso, será elaborado um diagnóstico do município.

Reunião preparatória para a elaboração do Plano de Saneamento Básico de Barra do Piraí ocorrida no dia 25 de março

A equipe de acompanhamento municipal para elaboração do PMSB disponibiliza o e-mail pmsb@barradopirai.rj.gov.br para as con tribuições que se fizerem necessárias, além de

questionamentos que poderão surgir durante o processo. Desta forma, é de fundamental importância a participação de todos os moradores de Barra do Piraí.

CONVÊNIOS ACEBP

ACEBP TEL: (24) 2447.3000

NA ACEBP ASSOCIADO TEM DESCONTO! (*)

UNIMED

FIRJAN/ SESI/SENAI

GRUPO HERALDS

UGB

UBM

YAZIGI

FAA

FASF

CEI

COLÉGIO MEDIANEIRA

C. E. DAMÁSIO DE JESUS

JORGE TATU E MARISE

ÓTICA NOVA BARRA

LABCLIN

I9

MEGA CONSULTORIA USS

GRÁFICA STA. RITA

MYOFF

DELL

TRUSTEC

ASSESSORIA JURÍDICA

DROGARIA POVÃO

DROGARIA VIDA

BARRABELLA CORRETORA DE SEGUROS

BARRA JÓIAS

C. CÂNDIDO MENDES

AUTOTECH

TÁXI 24 HORAS

CEMIBA

SALÃO DA VALÉRIA

CLÍNICA VIVER MELHOR

BAND INTERIOR

RODAC MICHELIN

O SEU NEGÓCIO

O SEU NEGÓCIO

O SEU NEGÓCIO

O SEU NEGÓCIO

O SEU NEGÓCIO

PARA CONHECER MAIS A ACEBP, ACESSE O SITE: WWW.ACEBP.ORG.BR *BENEFÍCIOS EXTENSIVOS AOS FUNCIONÁRIOS

VENHA TAMBÉM FAZER PARTE DESTA ENTIDADE COM QUASE 60 ANOS DE PRESTÍGIO E TRADIÇÃO


4

www.acebp.org.br

CORREIO COMERCIAL | ABRIL DE 2013

Quality traz tricoteira famosa à Barra do Piraí Na manhã do dia 11 de abril, na Praça Nilo Peçanha, aconteceu um workshop com a tricoteira e professora de tricô Vitória Quintal, que além de ter um site sobre seu trabalho, possui programas na Rede Vida, Rede Aparecida, no SBT da Região de Campinas, além de assinar uma revista própria e ter também uma loja virtual. O workshop, foi uma promoção da Quality Papelaria em conjunto com a Coats Corrente (empresa escocesa que se estabeleceu no Brasil em 1907 e é hoje um dos lideres no mercado nacional de linhas). Vitória Quintal (tricoteira há cerca de oito

anos), em sua palestra, vai além de simplesmente mostrar as múltiplas possibilidades com o tricô, ela faz também questão de enfocar que, esta arte tranqüiliza e, ao mesmo melhora a auto-estima das pessoas e as encoraja diante dos obstáculos da vida, pois, Vitoria Quintal tem sempre uma palavra fortalecedora, um toque, uma dica de como viver bem e como lema sempre diz em seus cursos: “Na vida há a lei do retorno, quanto mais você ensina, muito mais aprende, por isso, compartilhe sempre aquilo que você sabe”. A fé em Deus e a citação de trechos bíblicos também estão presentes nos Vitória Quintal, apresentadora de programas sobre tricô em vários canais de TV, em seu workshop, abordou o papel do tricô na melhoria da auto-estima das pessoas Gedeon José Pereira (Quality) e sua esposa Cláudia, a tricoteira Vitória Quintal e o representante da Coats Corrente Robson Coelho

seus ensinamentos sobre o tricô. Dezenas de pessoas compareceram ao evento, entre elas Gedeon José Pereira e sua esposa Cláudia (Quality Papelaria) e Robson Coelho Pontes (representante da Coats Corrente). O workshop serviu também para a arrecadação de cerca 150 litros de leite, que foram doados

ao Lar de Balbina, uma entidade assistencial humilde e tradicional na cidade que hoje atende a cerca de 25 crianças sem assistência. Após a palestra, que durou cerca de duas horas, a Quality também sorteou entre os presentes cinco almoços no Romero´s Restaurante junto com a palestrante Vitória Quintal.


CORREIO COMERCIAL | ABRIL DE 2013

Quase 80% dos pequenos negócios estão otimistas em 2013 O Índice de Confiança do Sebrae (pesquisa realizada junto a empresários brasileiros) mostra que eles tê m boas expectativas de vendas para este ano. Apesar da retração na atividade econômica, tradicional nos primeiros meses do ano, as micro e pequenas empresas brasileiras permanecem otimistas para o início de 2013. O Índice de Confiança dos Pequenos Negócios, divulgado mensalmente pelo Sebrae, mostra que 78% dos empresários esperavam ampliar ou manter o faturamento em janeiro, fevereiro e março. Os setores que aguardam melhores resultados são Construção, com 86% dos empresários otimistas para os próximos meses, e Indústria, com

85% dos entrevistados à espera de vendas melhores ou estáveis. O Sebrae ouviu 5,6 mil empreendimentos de todos os setores – Indústria, Comércio, Serviços e Construção Civil, entre microempreendedores individuais (com receita bruta de até R$ 60 mil por ano), microempresas (que faturam entre R$ 60 mil e R$ 360 mil por ano) e negócios de pequeno porte (com faturamento bruto anual entre R$ 360 mil e R$ 3,6 milhões). A pesquisa mostrou também que, as empresas de pequeno porte são as mais otimistas quanto à geração de postos de trabalho, com 26% dos entrevistados que almejam aumentar o quadro de funcionários.

www.acebp.org.br

5

Pequenos negócios podem incrementar economias locais em quase R$ 100 bilhões O faturamento dos pequenos negócios com fornecimento de produtos e serviços para as prefeituras podem chegar a cerca de R$ 55 bilhões por ano caso os mais de 5,5 mil municípios brasileiros passem a adotar tratamento diferenciado aos pequenos negócios nas licitações públicas de até R$ 80 mil, lotes de 25% nas contratações e na subcontratação – de até 30% - dos grandes contratos. Considerando que cada real gasto pelo governo municipal alavanca R$ 0,70 a mais na economia, a injeção dos R$ 55 bilhões poderá gerar localmente outros R$ 40 bilhões em incremento econômico – totalizando quase R$ 100 bilhões por ano. As projeções fazem parte do estudo que o Sebrae e a Confederação Nacional do Municípios (CNM) concluíram no mês de março, onde ficou demonstrado que a participação dos pequenos negócios nas compras municipais já ocorre de forma sistematizada em 850 municípios brasileiros, com média de 40% do volume total dos

recursos destinados às aquisições. Esta e outras medidas são garantidas pela Lei Geral da Micro e Pequena Empresa. Para orientar e incentivar os municípios a implementar as normas introduzidas pela Lei Geral, o Sebrae, os tribunais de contas estaduais, prefeitos, vice-prefeitos e vereadores se reuniram em março, em mais de 20 Estados. Os encontros explicaram e orientaram os gestores municipais sobre os benefícios para a administração pública e para os munícipes afinal, ao adquirir dos pequenos negócios locais, a prefeitura evita a transferência de recursos para outros municípios mais ricos, garantindo assim a circulação no seu próprio município desses recursos, com o pagamento de salári os, compra de insumos, impostos etc. Além do impacto financeiro, existe também o efeito na oferta de empregos. Segundo estudos do Ministério do Planejamento, em 2007 e 2008 para cada R$ 1 bilhão comprado foram gerados cerca de 7 mil novos postos de trabalho.


6

www.acebp.org.br

CORREIO COMERCIAL | ABRIL DE 2013

NOSSA BARRA

ANNA MARIA SLOBODA CRUZ Professora e pesquisadora

Bairro de Santana

É

um dos mais antigos e históricos da cidade de Barra do Piraí e, situa-se entre quatro bairros: Dr Mesquita, Santa Bárbara, Matadouro e Oficina Velha. Encontra-se do lado esquerdo do Rio Paraíba do Sul e já fez parte de Nossa Senhora da Piedade de Ipiabas, importante Distrito de Valença. O Barão do Rio Bonito foi o fundador do bairro de Santana. José Pereira de Faro, em 1853, mandou que se levantasse três casas na rua que é hoje a Rua Comendador França Junior. Em duas delas havia na parede da frente um frontispício representando o sofrimento de Cristo e, a do meio, tinha no alto uma cruz dizendo talvez ser uma capela. Ali surgiu a primeira rua do bairro e se chamava R. São Joaquim. Hoje, como eu já disse, é a Rua Comen dador França Junior. Segundo informações, e uma fotografia antiga, uma das casas era a residência do padre, que rezava por estas regiões e, a outra, era para as pessoas dormirem ou para aluguel. Hoje, nesta rua, está a Vila Magid e a Travessa Alberto Labeca, onde funciona o Serviço de Água e Esgoto (SAE). Atrás da Catedral de Santana, inaugurada pelo Barão do Rio Bonito em 26 de julho de 1883, termina a R. Ovídeo Mello, ex Rua Jaguar e, lá existe a Escada Delcy de Lima Porto, que leva à várias residências. Do lado esquerdo da igreja é a R. Desembargador Zótico Baptista, onde encontramos o Bispado/ Palácio S. José, inaugurado em 11 de agosto de 1929, pelo primeiro Bispo Diocesando Dom Guilherme Müller, que está enterrado na Catedral de Santana, ao lado do Altar-Mor. Por falar nesta igreja, fica situada no centro da Praça Dom José André Coimbra. Em frente à igreja, encontramos a R. Barão do Rio Bonito, onde se localizam várias casas que e ram do Barão, entre elas uma grande loja de produtos agropecuários. Lá, numa das paredes internas, está o último dos frontispícios que representa a morte de Cristo. Descendo a rua, na próxima esquina, se encontra a intercessão da R. Dr José Maria Coelho, onde encontramos uma casa que, no alto do frontão, possui um trabalho perfeito, onde se mostra o retrato da Princesa Isabel e as armas do Barão. Lá foi a primeira Capela de Santana, que mais tarde foi transformada em residência. O beco, cuja intercessão é com a rua em frente a “Casa da Princesa”, chama-se Beco da Carioca, que foi o primeiro local com água encanada - Chafariz da Carioca - construído graças ao Barão e por seu genro - o vereador de Valença Lindolfo de Carvalho. No alto, no morro, ainda encontramos as ruínas da primeira caixa d´água de Barra do Piraí. Hoje, o local não se chama mais Beco da Carioca mas sim é a continuação da R. Dr José Maria Coelho. Continuando pela R. Barão d o Rio Bonito, vemos o que restou da Casa de Saúde Santo Antônio, da falecida Dra Olga de Assis Paiva. Ao lado desse hospital havia um terreno onde o Barão havia construído uma grande mansão de dois pavimentos com várias janelas, sacadas, muros com grades de ferro e uma linda escadaria que ligava os dois pavimentos, enfim, era uma casa digna da época imperial. Lá ele se reunia com políticos da época, com suas famílias e resolvia seus assuntos pessoais. Naturalmente, este local era belo, confortável, era palco de lindos saraus e ali descansaram D. Pedro II e outros nobres. Futuramente, naquele prédio, funcionaram a Prefeitura Municipal de Barra do Piraí, a Câmara de Vereadores, o Colégio Municipal Nilo Peçanha, a Biblioteca da cidade (rica

em volumes) e hoje, encontra-se no mesmo local o moderno prédio do Colégio Estadual Barão do Rio Bonito. Ao chegar na R. Angélica, encontramos o Posto Jalisco do lado esquerdo e indo para o lado direito, encontramo s duas residências. Em seguida, há um grupo de cinco sobrados iguais construídos em 1914 (início da Primeira Guerra Mundial). Mais além, temos o sobrado de dois pavimentos onde o Barão do Rio Bonito guardava as sacas de café para serem transportadas para a capital do Brasil (que na época era o Rio de Janeiro). Mais tarde, entre 1912 e 1933, ali funcionou o Grupo Escolar Joaquim de Macedo. Adiante, localizamos a R. João Baptista e nela, encontramos uma casa onde funcionava em 1923 uma fábrica de meias, pertencente ao Sr Osmar Porto. Indo em frente encontra-se o Templo Presbiteriano que fica em frente ao início da Ponte Getúlio Vargas (Ponte Metálica), que foi aberta em 26 de julho de 1902, sendo pré montada na Bélgica (Europa) sob o custeio do Governo de Minas Gerais. Do lado direito, começa o bairro Oficina Velha e no esquerdo, na cabeceira da ponte, encontra-se a Praça Sizenando Barbosa Leite, onde há árvores, bancos, mesas para jogos e um mon umento, comemorando o primeiro século de existência da Igreja Presbiteriana em Barra do Piraí. Depois, na margem esquerda do Rio Paraíba do Sul, no muro que se denomina “Cais de Santana”, na R. Angélica, notamos uma grande e antiga árvore (Ficus) e junto dela havia a primeira ponte de madeira sobre o rio, que foi aberta em meados de 1860, tendo sido projetada pelo engenheiro Coronel Carneiro de Campos. Seus pilares eram em forma de “X”, uma técnica arrojada para a época. Esta ponte durou até 1936, sendo destruída pelas águas e pelo desinteresse do governo barrense da época. A ponte se chamava Senador Vergueiro e ligava o bairro de Santana ao Largo José Bonifácio, que é hoje a Praça Pedro Cunha (largo da Feira). Aquela foi a primeira ponte de Barra do Piraí. Temos ainda o lindo e aprazível Cais, margeando o antido e caudaloso Paraíba do Sul. Neste cais estão as Palmeiras Imperiais, vários bancos, um belo monumento em homenagem à vinda do Imperador D. Pedro II à Barra do Piraí (em 7 de agosto de 1864). Vale dizer que, neste dia o imperador também inaugurou os trilhos da Estrada de Ferro D. Pedro II. Uma loja de material de construção localizada na R. Angélica foi o primeiro local onde no início do século passado funcionou a Maçonaria José Bonifácio. Em frente temos o Demutran (Departamento Municipal de Transporte) e ainda o Posto Municipal de Saúde Albert Sabin, o Café Glória da Barra, a Light, o grupamento do Corpo de Bombeiros, o Royal Sport Club, a creche municipal Vereador Heitor Faviere (em obras) e a Ponte Irmãos Di Biase, que liga Santana à R. Moraes Barbosa. Chegando na R. Dr Luiz Barbosa, está a Praça Prefeito Dr Legay (Leon Camille) de origem francesa. Ele foi o primeiro prefeito eleito pelo povo de Barra do Piraí e lutou muito por nossa cidade, inclusive, mandou construir nosso cais, que na época, tinha o dobro do atual comprimento. Há também a R. Ernesto de Moraes Penna (ex R. da Glória) que deve ter sido o nome de D. Maria da Glória Bittencourt, uma antiga mestra. Na R. Dr Luiz Barbosa estão localizados a Biblioteca Dr Rosemar Pimentel, o Centro Municipal de Artesanato, a Secretaria de Turismo e Lazer e a Estação de Tratamento de Água do Matadouro.

Na foto a Ponte Senador Vergueiro, primeira ponte da cidade construída pelo avô do Barão do Rio Bonito. Na R. Claudino Dias, antiga R. América, encontra-se a Tvsa. Josefa dos Santos Chaves, depois a R. Manoel Duarte, a R. Emília Torres, a R. João Bastos, a R. Carolina Mello, R. José Simeão de Avellar (antiga R. 19 de Abril) e, após, há um prédio residencial e algumas casas. A R. Claudino Dias se encontra com a Ovideo Mello, onde anexo à Catedral de Santana funcio-

nam o SOS, o Alcóolicos Anônimos, uma cozinha e um salão para atendimento a moradores de rua e uma quadra poliesportiva. Assim termino a descrição da história e do espaço do bairro de Santana, que antigamente era apenas residencial, tendo sido ao longo dos anos ocupado por moradores ilustres e pelas pessoas mais a ntigas da cidade.


CORREIO COMERCIAL | ABRIL DE 2013

www.acebp.org.br

NOVOS SÓCIOS ANIVERSARIANTES DE MAIO 01 - Maria Aparecida C. Oliveira (Tags), Luiz Alberto Goretti Rodrigues (Laticínio Ibitira) 02 - José Roberto Barbosa de Freitas (Fazenda Ponte Alta), Cláudia Torres de Melo Arantes (Depósito de Bebidas Matadouro) 08 - Sérgio Perccini Noel (Rodac), Gianderson Rocha Brandão (Curso Angelus), Paulo Sarquis Aiex (Clínica Paulo Aiex) 09 - Roberto de Luna Freire Jr (Traço Fino), Helen Beatriz C Alves (KM Auto Center) 10 - Ivo Ribeiro do Nascimento Filho (Avassaladora), Cristiano Gama de Almeida (Mino & Ná) 11 - Luiz Cesar Castro Ferreira (Serve Bem Barra do Piraí), Maria Silvia Chaves Ferraz Guimarães (Casa Manoel Fonseca) 12 - Luiz gustavo Monteiro Noel (Pontal Motos), Osmar Fernandes de Souza (Dorgaria Moderna) 13 - Deusa Alves Moreira Coutinho (Ped Café) 15 - Daniel Schmidt (Areté Automóveis) 16 - Elza Rosalina Gomes (Droga Mais Brasil) 17 - Adriana Costa Ramos (Barra Refrigerações), Ilma de Souza Montella (Computeck) 20 - Amanda Guedes Mendonça 21 - Murilo Mazzoni Vieira (Drogarias Povão), Leonardo Martins Dinelli (Zada Promoções) 22 - Marco Aurélio Elias (Barra Clear) 24 - Alcino R Costa (Plano Familiar Cherem), Elaine Fatima da Silva Aiex (Chá de Panela), Zulmira Aiex (Casa Paulistana) 26 - Rita de Cassia Pires Dilly (Papelaria Moderna) 27 - Fábio da Cunha Lima (Gráfica Editora Lima) 28 - Nelcira Rosa Martins Dinelli (Zada Promoções) 29 - Darciana de Oliveira Guimarães Lima (Tags) 30 - Pedro Ivo Daniel da Silva (Mercado S. Pedro), Kelton dos Santos Chaves Junqueira (Estilo Ju/ Bless Cosméticos) 31 - Evandro Sérgio de Macedo (Café Barrense), Gildo Francisco Ribeiro (Ideal Magazine), Alexandre Arruda Gussem (Decora Barra)

7

A ACEBP DÁ BOAS VINDAS AOS NOVOS ASSOCIADOS

LATICÍNIO IBITIRA Rodovia Benjamim Ielpo - Km 5,5 Barra do Piraí Tel: 2442-0773 Sócios: Paulo Henrique Goretti Rodrigues e Luiz Alberto Goretti Rodrigues Filiação: abril/ 2013 ANALISYS INFORMÁTICA R. Paulo de Frontin, 162 - Centro Barra do Piraí Tel: 2430-3185 Sócios: Luciano Arantes Ribeiro e Ilton dos Santos Baracho Filiação: abril/ 2013 UP! R. Antônio da Silva Brinco, 1691 Of. Velha Barra do Piraí Tel: 9983-2698 Sócios: Nelson de Paula Cruz Dias Filiação: abril/ 2013 EXCELLENCE TREINAMENTO R. João Olímpio Magalhães, 535 Roselândia - Barra Mansa Tel: 9824-4524 Sócios: Grazielle Valéria Enes Moreira Filiação: março/ 2013


8

www.acebp.org.br

CORREIO COMERCIAL | ABRIL DE 2013

COM A PALAVRA

JOSÉ GUILHERME AYRES

AFINAL, ESTAMOS EVOLUINDO? (II) Publiquei há alguns anos um artigo com esse mesmo título. Foi por ocasião daquele trágico acontecimento no Rio de Janeiro, envolvendo uma criança (João Hélio, também de 6 anos) que ficou preso no cinto de segurança de um carro que acabara de ser assaltado e foi arrastado e morto, estupidamente, embora não intencionalmente. Os bandidos não sabiam que a criança estava sendo arrastada. Agora acontece em nossa cidade algo ainda pior. Um crime ainda mais estúpido, bestial, inominável dentro do conceito de civilidade de nosso tempo. Fato que coloca em dúvida o mito de superioridade humana. Milhões de pessoas por esse Brasil e até fora dele sofreram com esse fato mesmo não conhecendo de perto a vítima ou seus familiares. Podemos imaginar o sofrimento das

pessoas mais próximas dessa criança, em particular os pais e avós. Acho que cada um de nós aceitaria para si um pouco dessa dor, na mesma intensidade que é para eles, se isso lhes trouxesse algum alívio. Fatos como esses nos sugerem que a humanidade está regredindo espiritualmente, brutalizando-se, o que absolutamente não é verdade. No artigo anterior, fiz um resumo da história da humanidade, do período medieval para cá, lembrei os povos Bárbaros e Vândalos cujos nomes tornaram-se sinônimos de violência e destruição; as colonizações nas Américas, quando aproximadamente dez milhões de índios de dezenas de etnias teriam sido eliminados por portugueses, espanhóis e americanos do norte. Passamos pela inquisição, pelo regime escravagista e depois pelos maiores

com todos os horrores, o holocausto e as bombas atômicas lançadas em Hiroshima e Nagasaki. Joana d’Arc foi queimada viva em praça pública na França e Tiradentes enforcado, esquartejado e expostas suas partes em vias públicas aqui no Brasil... Muitas outras páginas da historia foram escritas com sangue e lágrimas. Na verdade, o mundo desde os primórdios, foi loteado a ferro e fogo. Se consultarmos a ATLAS DA HISTÓRIA UNIVERSAL, publicado pela editora O GLOBO, veremos que para cada dez registros da história, oito eram guerras. A leitura de ALEXANDRE O GRANDE, Rei da Macedônia ilustra a prática sistemática dessas “conquistas” como a poderosa Pérsia do Rei Dario, subjugada por milhares de soldados guerreiros por profissão e sanguinários por vocação. O livro GUIA POLÍTICAMENTE INCORRETO DA

AMÉRICA LATINA, relata a prática de sacrifícios humanos, entre os povos Incas, Astecas e Maias, inclusive de crianças que tinham seus corações arrancados ainda vivas e oferecidos aos seus deuses para obterem boas colheitas ou simplesmente aplacar a fúria de tempestades ou vulcões que os ameaçavam. Posto isso, creio que podemos considerar com firmeza de discernimento que os seres humanos de nossos dias são incontestavelmente mais civilizados, e que a intensa comoção gerada por esses crimes hediondos praticados aleatoriamente, demonstram nossa condição de seres agora mais evoluídos, sensíveis e por tanto incapazes de aceitar com indiferença esse tipo de coisa, como no passado quando os homens eram ainda mais brutos, mais loucos e mais ferozes.

CVT terá cursos de cinema no segundo semestre

Vários cursos na área de cinema deverão estar disponíveis no CVT de Barra do Piraí no segundo semestre de 2013

Segundo informações da Secretaria Municipal de Trabalho e Desenvolvimento Econômico, os tão aguardados cursos na área de cinema do Centro Vocacional Tecnológico (CVT) de Barra do Piraí, deverão ter início no segundo semestre deste ano. O CVT barrense foi inaugurado no início de 2011 e, uma das expectativas eram os cursos para cinema, que poderão fortalecer o projeto do Pólo Audiovisual e incrementar a indústria criativa no município. Hoje existem 35 CVTs espalhados pelo Estado do Rio. Segundo a supervisora educacional do CVT

- Myriam Kienitz Lemos - já estão em processo avançado de montagem as duas salas para a formação das turmas (um estúdio e uma sala para computação gráfica). A princípio deverão ser disponibilizados cerca de seis cursos na área de audiovisual e as vagas serão divulgadas pelo site da Faetec. “Estamos correndo contra o tempo e tudo está sendo feito para já termos turmas no segundo semestre” - Diz Myriam - “os professores também já estão em fase de contratação pela Faetec no Rio.” ISO 9001: No dia 22 de março o CVT de Barra do Piraí junto com outras quatro unidades

no Estado do Rio, receberam Certificação internacional ISO 9001 pela Associação Brasileira de Normas Técnicas - ABNT. A certificação dá à estas instituições um melhor status quanto à sua qualidade de ensino devido à melhoria nos processos internos da escola e no melhor atendimento aos clientes (no caso os alunos). Para manter a certificação, entretanto, o CVT barrense deverá seguir uma série de normas, dará treinamento constante a seus funcionários e deverá sofrer auditorias frequentes para conseguir manter este título, que é uma das ambições de qualquer empresa, instituição ou prestador de serviços no mundo.


CORREIO COMERCIAL | ABRIL DE 2013

Casamento de Gorete mobiliza Barra do Piraí

Na foto a atriz Letícia Spiller e o produtor Adriano Lírio posam com participantes da reunião na Prefeitura para discussão dos detalhes das filmagens de “O Casamento de Gorete” em Barra do Piraí

Prosseguem até o final do mês de maio as filmagens de “O Casamento de Gorete”, filme que será distribuído pela Paris Filmes e Globo Produções, com estréia prevista em circuito nacional para 25 de outubro de 2013. O filme está todo sendo rodado em Barra do Piraí e terá a participação de cerca de 400 figurantes locais (todos remunerados), além de mobilizar vários prestadores de serviço. No dia 27 de março, a atriz Letícia Spiller e o produtor/ diretor Adriano Lírio estiveram em reunião na Prefeitura para solicitarem suporte para os trabalhos e para rodar as cenas, que terão locações em bairros como o centro da cidade, Areal, Ponte Vermelha, Boca do Mato e Roseira, além do centro e do distrito de Ipiabas. Representando a ACEBP, esteve presente a esta reunião o diretor de Atividades Economicas, Financeiras e Patrimoniais da ACEBP Sidney Cukier. Barra do Piraí foi escolhida como locação porque se encaixa no perfil exigido para a ambiência da produção, cuja sinopse é a história de Gorete, uma popular apresentadora de radio, que recebe a inesperada herança de seu pai, há anos ausente em sua vida. Porém, a personagem só poderá tomar posse do dinheiro sob uma condição: casar-se. O que poderia ser o sonho de qualquer mulher é, entretanto, o pesadelo da caricata Gorete, que permanece apaixonada por seu grande e perdido amor de infância. Um torneio para escolha de seu futuro marido, um casamento nada tradicional, absurdas tentativas de assassinato e as inseparáveis amigas, Domitila e Marivalda, completam o cenário dessa divertida,

leve e inspiradora história de amor. Além de Letícia Spiller, o elenco de O Casamento de Gorete terá Rodrigo Sant’Anna, Tadeu Melo, Ataíd e Arcoverde e Tonico Pereira. O filme será dirigido por Paulo Vespúcio Garcia. INDÚSTRIA CRIATIVA IMPULSIONA O MUNICÍPIO Desde que a Secretaria Municipal de Trabalho e Desenvolvimento Econômico abraçou a causa de tornar Barra do Piraí um pólo audiovisual (há cerca de seis anos) e se integrar ao setor econômico que hoje é chamado de “indústria criativa”, o município já obteve várias conquistas: foi criado o Polo Audiovisual de Barra do Piraí, em 2009 (com vários benefícios oferecidos pelo Governo do Estado), a cidade ganhou um Festival Internacional de Cinema anual, várias produções nacionais e internacionais já foram rodadas em Barra do Piraí nos útlimos quatro anos, empresas de produção audiovisual se instalaram na cidade, foi criado um Núcleo Audiovisual 3D para edição de filmes em três dimensões e, já no segundo semestre de 2013 deverão ser abertos vários cursos gratuitos de edição de video no Centro Vocacional Tecnológico (CVT ) no bairro do Matadouro. A proposta do Pólo Audiovisual, é chamada pelo secretário Roberto Monzo de indústria sem chaminés e já está colocando mão-de-obra qualificada no mercado e mobilizando vários setores econômicos da cidade e a própria população em torno dos trabalhos que vêm sendo realizados em Barra do Piraí.

www.acebp.org.br

9

IV Festcine foi sucesso nacional Foi emocionante a final do IV Festival Internacional Estudantil de Cinema de Barra do Piraí. Os filmes produzidos pelas escolas do município ganharam o interesse a simpatia do público e mostraram este ano uma melhoria na qualidade técnica e na captação de áudio. Apesar de não contar como nos outros anos com figuras de renome no cenário TV/ Cinema nacional, o IV Festcine teve participação maciça de público nos dias em que foi realizado (entre 7 e 13 de abril) e obteve também a atenção da mídia nacional (Portal G1, Portal UOL, Revista Trip, entre outros). A proposta surgiu através do secretário de Trabalho e Desenvolvimento Econômico Roberto Monzo em 2009, quando foi implantado o projeto Luz, Câmera e Educação nas escolas do município. O projeto ensina o passo-a-passo para a produção de um curta metragem. Depois disso, foi produzido o primeiro Festcine em 2010 e, de lá para cá o festival só cresce a cada ano, tanto em termos de participação quanto em qualidade técnica. Na abertura do IV Festcine houve também uma homenagem ao ator Lázaro Ramos, que não pôde comparecer devido a outros compromissos mas enviou como represen-

tante seu pai (Sr Ivan Ramos), que recebeu placa e troféu. A mostra nacional, premiou este ano como melhor filme “O Anel”, da Escola Estadual São José (Passos/MG). Na mostra local, que teve a participação de 18 escolas de Barra do Piraí, os vencedores foram: - A Vacina (Escola Estadual Padre Antônio Pinto – Morro do Gama) que ganhou os prêmios de “Melhor Áudio” e “Melhor Filme” (júri técnico) - A Experiência (Colégio Estadual Nilo Peçanha – Oficina Velha) que ganhou os prêmios de “Melhor Arte”, “Melhor Roteiro” e “Melhor Direção” - Uma Fazenda Nada Normal (Ciep 287 Angelina T. Netto Sym – Matadouro), ganhou o prêmio de “Melhor Atriz” que foi dado para Karine de Oliveira Duarte - Olho de Ouvir Ouvido de Ver (Escola Estadual Antônio Maia Vinagre – Maracanã), ganhou o prêmio de “Melhor Ator” que foi para Thomas Venâncio de Aquino - A Promessa (Colégio Comercial Cândido Mendes – Centro), foi eleito na categoria “Melhor Filme” pelo Júri Popular

Premiação de “A Vacina” como melhor filme (júri técnico) da mostra local na final do IV F estcine, no dia 13 de abril


CORREIO COMERCIAL | ABRIL DE 2013

www.acebp.org.br

11

Inaugurada Ponte do Futuro Às 13:00h do dia 5 de abril, no bairro Campo Bom (em frente à indústria Metalúrigica Barra do Piraí) aconteceu a inauguração da Ponte Deputado Geraldo Di Biase. A obra – que inclui ainda a construção de um viaduto de acesso e a ponte sobre o Rio Paraíba do Sul, com extensão de 245 metros – contou com investimentos de R$ 55,4 milhões. Os recursos são oriundos de empréstimo do Banco do Brasil. O principal objetivo é fazer com que a estrada de 3,6 quilômetros de extensão em conjunto com a nova ponte, garantam a melhoria do trânsito no município ao permitirem que caminhões de carga possam evitar seguir pelo centro da cidade. A rodovia também vai beneficiar o escoamento de produtos industriais e agrícolas da área. Vale lembrar que duas das principais indústrias da cidade (Grupo MBP e BR Metals) estão ali sediadas. O centro de Barra do Piraí é cortado pela Rodovia Lúcio Meira (BR-393) e tem ligação com a Via Dutra (BR-116) pela RJ-145 – importante rodovia, com 107 quilômetros de extensão, atravessando as cidades de Rio Claro, Piraí, Barra do Piraí, Valença e Rio das Flores – o que intensifica o fluxo de veículos na cidade, provocando constantes e diários congestionamentos. De acordo com o governador Sérgio Cabral, a estrada e a ponte são estratégicas ao permitir maior logística de caminhões de carga e desviar o tráfego de veículos pesados para fora do centro comercial da cidade. “Esta é uma obra estratégica porque melhora a qualidade de vida da população tirando caminhões de dentro do município. Quando você melhora a logística, melhora tanto a economia como a qualidade de vida das pessoas. Sem dúvida, a obra vai ajudar a atrair mais empresas para Barra do Piraí. Toda a região está sendo beneficiada com a obra” explicou o governador.

No evento de inauguração, o vice-governador e coordenador de Infraestrutura, Luiz Fernando Pezão, anunciou a licitação da obra da terceira faixa e melhorias em geral da estrada que ligará Barra do Piraí a Valença. Centenas de pessoas estiveram presentes ao evento, entre prefeitos de cidades vizinhas, políticos (deputados estaduais e federais), vereadores, secretários municipais, o prefeito em exercício Pastor Monteiro, o ex-prefeito José Luiz Anchite, Maércio de Almeida, Dr Junior, entre outros. A Associação Comercial e Empresarial de Barra do Piraí enviou como representante sua gerente administrativa Ana Paula Schiavo. Geraldo Di Biase Filho, representando seu pai, que deu nome à ponte, também esteve presente. Ponte Deputado Geraldo Di Biase, com 245 metros de extensão, deverá tirar o tráfego de veículos pesados do centro da cidade e poderá ser o primeiro passo para a criação de um ponto de ligação de Barra do Piraí com a Rodovia Presidente Dutra

PONTE DO FUTURO

Governador Sérgio Cabral (ao microfone) cercado de autoridades e políticos da região na inauguração da Ponte Deputado Geraldo Di Biase

Há algum tempo esta foi a denominação dada à recém inaugurada Ponte Deputado Geraldo Di Biase. O motivo é que existe um projeto para a construção de um anel viário que poderá ligar Barra do Piraí à rodovia Presidente Dutra passando pelo distrito de Vargem Alegre. Com isso, Barra do Piraí ganharia uma nova via de escoamento e acesso e a nova estrada proporcionaria levar desenvolvimento e infraestrutura a um novo território do município. A Ponte Deputado Geraldo Di Biase seria um dos pontos chave para a implantação deste projeto.


12

www.acebp.org.br

CORREIO COMERCIAL | ABRIL DE 2013

> BARRENSES QUE FAZEM SUA HISTÓRIA

DR. SEBASTIÃO CARLOS LIMA BARBOSA Apesar de ter nascido em Vassouras, ele se considera um barrense devido ao longo convívio e afinidade com o lugar. A família migrou para a cidade em 1972 quando os pais Adair Barbosa (que foi também presidente da ACEBP por 10 anos) e sua esposa Alda Lima, viram aqui oportunidades para estabelecerem um comércio mais intenso e ativo, além de vislumbrarem um futuro mais promissor para os cinco filhos. O jovem Sebastião, então com apenas 18 anos, já havia obtido seus primeiros anos de educação no Colégio de Vassouras e começou então a estudar em Barra do Piraí, tendo passado pelos Colégios Miretta Baronto, Nilo Peçanha, Cândido Mendes e Medianeira, antes de entrar para a faculdade de Medicina em 1975 no município de Vassouras. Segundo o Dr Sebastião, seu envolvimento e interesse pela área médica já vinham desde a infância e, no curso pré-vestibular veio então a certeza de que esta era a carreira certa para ele, que chegou também a trabalhar de forma ocasional com o pai no comércio (o Sr Adair Barbosa foi proprietário de um

dos maiores supermercados da cidade - os Cereais Supermercados). A medicina, entretanto, conforme o tempo passou, foi tomando cada vez mais o tempo de Sebastião Barbosa, que com o decorrer do curso, passou a fazer residência médica no Hospital Miguel Couto e se formou em 1979, sendo hoje um profissional da área de Urologia. Em 1981 casou-se com Rosa Maria, com quem teve quatro filhos: Felipe (arquiteto no distrito de Penedo em Resende, que também já lhe deu um neto), Tiago (advogado), Rafael (atualmente fazendo o curso de Medicina) e Gabriel (que cursa o mestrado em Antropologia). A trajetória do Dr Sebastião Barbosa, a partir daí, foi bastante movimentada: trabalhou em clínicas privadas, foi diretor do antigo Hospital de Vargem Alegre, chegou a ser provedor da Casa de Caridade Santa Rita (Santa Casa) e, atualmente está atendendo na clínica Uromed, na Santa Casa, é membro do Conselho Regional de Medicina em Barra do Piraí e possui cargo de gestão como diretor presidente da Unimed Centro Sul Fluminense, cargo este

Sinais peregrinos em BP Os sinais peregrinos - uma cruz de quase quatro metros e um quadro com a imagem de Maria - deverão estar passando por Barra do Piraí no dia 26 de abril. As relíquias foram doadas pelo papa João Paulo II há muitos anos e são uma das etapas da Jornada Mundial da Juventude - evento da Igreja Católica que acontecerá no Brasil em julho e trará milhares de visitantes de todo o mundo ao Brasil. Estima-se que Barra do Piraí receba cerca de 1300 jovens estrangeiros entre os dias 16 e 20 de julho, o que certamente deverá intensificar as atividades do comércio e do turismo no município.

A Jornada Mundial da Juventude deverá trazer cerca de 1300 jovens estrangeiros à Barra do Piraí

que o faz expressar algumas preocupações: - “Vejo que Barra do Piraí vive um momento histórico, onde a questão de saúde deve ser revista. Dentro deste conceito eu, como médico e gestor nesta área, acho que é preciso que o Poder Público, as entidades de saúde e a própria população fiquem bastante focadas nesta questão. A instabilidade política gerada pelo afastamento do prefeito por medida judicial deve preocupar muito a todos nós porque isso impacta bastante em todas as questões de gestão de saúde no município e eu, como diretor de uma empresa ligada diretamente à saúde, fico também apreensivo em relação a tópicos como as parcerias com o Poder Público” - diz ele, completando então o raciocínio - “Apesar disso, no entanto, estou muito esperançoso e positivo avaliando o município como um todo.” Cidadão barrense há 41 anos, o Dr Sebastião Barbosa define assim sua relação com Barra do Piraí e com seu futuro inserido nela: - “Hoje me sinto como um barrense, mesmo não tendo nascido aqui e, no futuro, pretendo conti-

nuar investindo em minha profissão como médico. Vou continuar também tentando ser sempre uma pessoa melhor e buscarei sempre exercer meu papel de cidadão de forma plena e ampla.”


CORREIO COMERCIAL | ABRIL DE 2013

www.acebp.org.br

COLUNA TRIBUTÁRIA A Secretaria do Estado da Fazenda informa a todos os contribuintes emissores de Nota Fiscal Eletrônica (NF-e) que, a partir do dia 1º de abril, somente será possível cancelar uma NF-e por meio da chamada Modalidade por Evento. O Cancelamento por Evento foi disciplinado por meio da Nota Técnica 2011.006, e está em funcionamento, em produção, desde julho de 2012. Com isso, a outra forma de cancelamento existente (Cancelamento pelo webservice próprio – convencional) estará disponível até o dia 31 de março, e será desativada após esta data. Cancelamentos sob a forma de Evento, conforme definido pelo Ajuste SINIEF 16/2012, já estão disponíveis em http://www. fazenda.gov.br/confaz/confaz/ajustes/2012/ aj_016_12.htm . A Sefaz recomenda que os emitentes de NF-e contatem os responsáveis pelos seus sistemas emissores para confirmar se a funcionalidade do cancelamento já está implementada sob a forma de evento. No Programa Emissor de NF-e público, o cancelamento já está sendo tratado como evento. Olhem o que vem por aí!!! RS: NF-e: Comunicado da Receita Estadu-

al exige Manifestação do Destinatário a partir de 1º de Abril/13 Com o objetivo de reforçar o combate à fraude e proteger os bons contribuintes a Receita Estadual está implantando, a partir de 1º de abril, a obrigatoriedade da chamada “Manifestação do Destinatário” para Notas Fiscais Eletrônicas com valor superior a R$ 100 mil. Este serviço permite que o destinatário que consta na NF-e confirme ou negue a sua participação na operação. Fonte - Sefaz RS MG: NF-e: Comunicado alerta sobre Inscrição Estadual do destinatário informado na NF-e 1) Nas operações e prestações internas entre contribuintes do ICMS, a partir de 1º de abril de 2013, relativamente à emissão de NF-e: a) se o estabelecimento destinatário for inscrito no Cadastro de Contribuintes do ICMS do Estado de Minas Gerais e não for informado o respectivo número de inscrição estadual, ocorrerá à rejeição da NF-e; b) se o estabelecimento destinatário encontrar-se em situação irregular perante a Secretaria de Estado de Fazenda de Minas Gerais ocorrerá à denegação da NF-e. (Fonte Sefaz MG)

13

JORGE ROCHA ASSESSORIA TRIBUTÁRIA

RECEBI ESTA SEMANA DUAS PERGUNTAS DE UM ASSOCIADO, ACHO QUE É DE INTERESSE DE TODOS. 1 - Há obrigatoriedade da guarda do DANFE (emitente e destinatário)? A regra geral é que o emitente e o destinatário deverão manter em arquivo digital as NF-e pelo prazo estabelecido na legislação tributária para a guarda dos documentos fiscais, devendo ser apresentadas à administração tributária, quando solicitado. Assim, o emitente e o destinatário deverão armazenar apenas o arquivo digital. No caso da empresa destinatária das mercadorias seja emitente de NF-e, ela não precisará, portanto, guardar o DANFE (pois está obrigada a receber a NF-e), devendo guardar apenas o arquivo digital recebido. Caso o destinatário não seja contribuinte credenciado para a emissão de NF-e, poderá manter em arquivo o DANFE pelo prazo decadencial estabelecido pela legislação, em substituição ao arquivo eletrônico da NF-e, deven-

do ser apresentado à administração tributária, quando solicitado. Importante salientar que o destinatário sempre deverá verificar a validade da assinatura digital, a autenticidade do arquivo digital da NF-e e a concessão da Autorização de Uso da NF-e. 2 - O que deve ser feito com o canhoto da DANFE assinado pelo cliente? Deve ser armazenado? O canhoto possui finalidade comercial, e não fiscal, sendo utilizado na confirmação de recebimento da mercadoria. O ideal é guardar o canhoto, para o caso de o fisco solicitar, numa eventual auditoria, a comprovação da entrega ou recebimento da mercadoria descrita na NF-e. As eventuais perguntas poderão ser encaminhadas para o seguinte email: secretaria@acebp.org.br

Antecipação da restituição deve ser bem avaliada Neste período, quando acontece a entrega da declaração do Imposto de Renda, é comum os bancos oferecerem a antecipação do valor da restituição, entretanto, existem prós e contras nesse tipo de empréstimo. A oferta dos bancos é tentadora: se um contribuinte tem, por exemplo, R$ 2 mil a receber de restituição, ele poderia pegar agora emprestado esse dinheiro ou parte dele. Nesse tipo de empréstimo, os bancos, tendo a garantia do pagamento, oferecem o dinheiro a um juro mais baixo. Mas fica então a dúvida: Vale a pena? Consultores financeiros dizem que a oferta precisa ser avaliada com cuidado. Em geral, a antecipação da restituição só é recomendável em duas situações: primeira, se o contribuinte está endividado e pagando juros altos, como os do cartão de crédito. Ele pode trocar essa dívida cara por outra mais barata. Segunda situação, se a pessoa tem de fazer frente a uma despesa inesperada, um caso de doença grave na família, por exemplo. Em geral, entretanto, o conselho é: Se for para compras que podem ser adiadas, que não são tão importantes, a recomendação que se faz

é: adie a compra. Quem se interessar em fazer a troca de dívidas deve levar em consideração as taxas médias cobradas pelos bancos nas várias modalidades. Cartão de crédito: 9,4% ao mês; cheque especial: 7,7%; crédito pessoal: 4,5%. A taxa mais baixa ainda é a do empréstimo consignado com desconto em folha: 1,8%. Na antecipação da restituição, a média de juros é de 2,5% ao mês. O banco cobra a antecipação de uma vez só na data da restituição. É preciso ter em conta que a Receita libera o dinheiro em várias etapas: quem estiver no primeiro lote pagará menos juros do que quem receber, por exemplo, em dezembro, no último lote. Outro cuidado: não dá para contar como certo um dinheiro que pode não vir. Veja bem: Se por acaso a pessoa tiver um problema qualquer com o Imposto de Renda (malha fina), se algo deu problema e não veio todo aquele dinheiro que ele esperava, ele vai ter que pagar o banco do mesmo jeito. Por tudo isso, é sempre bom considerar todos esses tópicos.


14

www.acebp.org.br

CORREIO COMERCIAL | ABRIL DE 2013

ESPORTE & VIDA

LUCIANO SCHIAVO Professor de Educação Física, preparador físico e personal trainer - CREF: 032909-G/RJ

PILATES. SAIBA MAIS... Por Maria Esther Malafaia dos Santos, Fisioterapeuta, Formação em Pilates, Pós-graduanda em Fisiologia do Exercício, Avaliação Morfofuncional e Prescrição do Exercício.

Criado pelo alemão Joseph Pilates na década de 1920, o Pilates é um método de condicionamento físico e mental que, hoje, é considerado por especialistas e praticantes como o mais eficaz. Longe de ser um “boom” passageiro, o método combina arte e ciência para manter o corpo e a mente em equilíbrio. Segundo Joseph Pilates, “os exercícios do seu método devem obedecer seis princípios: concentração, controle, centralização de força, fluidez, precisão e respiração”. O método é baseado em treinar os movimentos do corpo

humano como um todo, ao invés de treinar especificamente determinado grupo muscular. E esses movimentos partem do “centro de força/ power house/CORE” ( formado pela musculatura do abdômen, lombar, glúteos e assoalho pélvico ) e apresentam progressões e sequenciamento. Tudo tem um porque, nada é aleatório. O Pilates agrega, hoje em dia, diversas linhas e escolas. Algumas dessas são fiéis ao método clássico, enquanto outras acabaram unindo a seus conhecimentos novos exercícios e princípios. Isso devido o fato que cada profissional com sua formação específica e seu jeito de

ser, tem uma didática própria. Os benefícios do Pilates são muitos, incluindo: consciência corporal e respiratória, reestruturação postural, melhora do equilíbrio, da coordenação, da flexibilidade, da propriocepção, desenvolvimento da força e da definição muscular, recupera e previne lesões, alivia estresse, tensões e dores crônicas. O método é dividido nos níveis básico, intermediário, avançado e superavançado. Os exercícios são executados tanto no mat ( solo ) quanto nos equipamentos. Pode ser aplicado nas áreas do fitness, da reabilitação, da performance atlé-

tica e artística, bem como para o bem-estar e a promoção da saúde, dependendo da capacitação do profissional que o ministra. Por isso, a cada dia, o Pilates tem conquistado um público diverso, desde crianças até idosos, de sedentários à atletas de alto rendimento, e mais pessoas se rendem ao método. Ao longo desta matéria, deu para perceber que o Pilates é bem mais do que uma modalidade, é uma filosofia de vida. Agora é com você! “Viva o movimento e conquiste o equilíbrio entre corpo, mente e espírito!”

Technogym Brazil inicia implantação em BP A Technogym - uma empresa européia especializada em equipamentos de ginástica - iniciou em abril sua implantação em Barra do Piraí. Ela deverá funcionar num dos galpões do Grupo Metalúrgica Barra do Piraí e será um dos empreendimentos que já contarão com incentivos fiscais concedidos pelos governos estadual e municipal. Segundo informações da Secretaria Municipal de Trabalho e Desenvolvimento Econômico, os equipa-

mentos para a linha de produção já começaram a chegar e, dois técnicos (um da Itália e outro da Eslováquia) estão coordenando os trabalhos de implantação. Vale ressaltar que, a unidade da Technogym de Barra do Piraí será a referência para toda a América Latina. O próprio fundador da empresa - Nerio Alessandri - em entrevista a grandes jornais, já anunciou a abertura da Technogym Brazil em nosso município nos próximos meses.

Os aparelhos da Technogym serão em breve produzidos em Barra do Piraí para distribuição em toda a América Latina


CORREIO COMERCIAL | ABRIL DE 2013

www.acebp.org.br

15

Guia cultural do Vale do Café estimula o turismo na região O Guia Cultural do Vale do Café inclui informações diversas sobre 15 municípios da região, incluindo Barra do Piraí

A região do Vale do Café, que inclui 15 municípios do Estado do Rio (entre eles Barra do Piraí), ganhou no dia 10 de abril um guia de turismo cultural completo. Com 114 verbetes sobre lojas de artesanato, centros culturais, hotéis e fazendas históricas, entre outros locais, o Guia Cultural do Vale do Café foi produzido pelo Instituto Cultural Cidade Viva, com curadoria de Aloysio Breves e apoio institucional da Secretaria de Cultura. O livro, de 168 páginas, terá oito mil exemplares distribuídos gratuitamente no estado. O objetivo principal é estimular a visitação à região que, no fim do século XIX, chegou a produzir 75% de todo o café consumido no mundo. “O Vale do Café é uma das regiões onde mais cresce o turismo no estado. Quando você tem um guia com esta qualidade, ajuda e orienta o turista na visitação. O livro era um antigo anseio de todas as

pessoas que trabalham nas fazendas, nos hotéis e restaurantes da região, de ver seus municípios valorizados aqui na cidade do Rio. Acho fundamental trazermos ao conhecimento do público as riquezas de lá, que são o jongo, as comidas, as bebidas típicas e outras coisas do Vale, que são espetaculares” disse o vice-governador e coordenador de Infraestrutura, Luiz Fernando Pezão, rememorando suas origens, do município de Piraí. Segundo a diretora de projetos do Instituto Cidade Viva e da editora homônima, Francis Miszputen, o turismo cultural é a grande vocação do Vale. “Nosso objetivo é fomentar a indústria do turismo cultural, a indústria criativa local. Este é o nosso terceiro projeto sobre a região. Em 2007, fizemos um inventário das fazendas históricas e, em 2008, promovemos um congresso sobre a história do Vale” explicou a diretora.


16

www.acebp.org.br

CORREIO COMERCIAL | ABRIL DE 2013

COLUNA JURÍDICA Lei “Carolina Dieckmann”, que pune invasão de PCs, entrou em vigor A partir de agora, os crimes virtuais terão penalidades mais duras no Brasil, ou seja, desde multas até detenção entre seis meses e dois anos

Entrou em vigor no início do mês de Abril/2012 a lei nº 12.737 de 2012, apelidada de “Lei Carolina Dieckmann”, que transforma em crime a invasão de aparelhos eletrônicos para obtenção e divulgação de dados particulares. A nova Lei, criada para punir crimes cibernéticos, foi “batizada” com o nome de “Carolina Dieckmann” após a divulgação na Internet de fotos íntimas da atriz. Ao todo, 36 (trinta e seis) fotografias foram publicadas na web em maio de 2012. Ela recebeu ameaças de extorsão com o intuito de obrigá-la a pagar R$ 10 mil para não ter suas fotos divulgadas. Após dar queixa, a Polícia descartou a hipótese das imagens terem sido copiadas de uma máquina fotográfica que havia sido levada para o conserto. Constataram que a caixa de e-mail da atriz havia sido violada por hackers. A partir da promulgação desta Lei, os crimes cibernéticos passaram a receber punições que variam conforme a gravidade do delito, capitulados da seguinte forma: - artigo 154-A - Invasão de dispositivo informático – Pena – detenção de 03 (três) meses a 01 (um) ano e multa; - artigo 266 - Interrupção ou perturbação de serviço telegráfico, telefônico, informático, telemático ou de informação de utilidade pública – Pena – de 01 (um) a 03 (três) anos e multa; - artigo 298 – Falsificação de documento particular /cartão – Pena – reclusão

de 01 (um) a 05 (cinco) anos e multa. Quanto às agravantes, havendo divulgação, comercialização ou envio das informações obtidas com a invasão, como comunicações privadas, segredos industriais e dados sigilosos, a pena poderá ser elevada de um a dois terços. Se o crime for cometido contra o presidente da República, do Supremo Tribunal Federal (STF), governadores, prefeitos, entre outros, a pena será aumentada de um terço à metade. Além disso, dados do cartão de crédito passam a equivaler aos dados do documento particular para atribuir punição à falsificação de identidade. Esta lei vem merecendo críticas de juristas, especialistas e profissionais de segurança da informação, sob a alegação de que seus dispositivos são amplos e confusos, podendo gerar interpretações dúbias, o que poderia tornar a lei injusta e eficaz. De igual modo, consideram as penas pouco inibidoras, sendo muitas situações enquadráveis nos procedimentos dos Juizados Especiais Criminais, o que tende a contribuir para a ineficiência no combate ao crime cibernético no Brasil. No entanto, a promulgação desta nova lei deve ser considerada um avanço, um modelo de legislação que, se aplicado com rigor, pode vir a coibir a prática covarde de crimes cibernéticos, sempre praticados por delinquentes sem rosto, que se escondem por trás de redes sociais para cometer abusos, estelionatos e extorsões.

DR. MARCELO MEDEIROS IUNES Advogado

Marco Civil da Internet em debate Dia 17 de abril, a Associação Brasileira das Emissoras de Rádio e Televisão e a Escola de Direito do Rio de Janeiro da Fundação Getúlio Vargas promoveram seminário para discussão do projeto de lei que trata do Marco Civil da Internet. O projeto trata justamente do preenchimento de um vácuo nesta área, já que, há 17 anos o brasileiro navega na internet, mas a lei para definir o que pode e o que não pode na rede ainda não existe, aguarda votação no Congresso. O presidente da Abert, Daniel Slaviero disse em entrevista à mídia nacional que, quando esta lei for aprovada, trará obrigações e direitos das empresas que operam a rede mundial de computadores, mas especialmente ela visa proteger o internauta. A votação do Marco Civil da Internet já foi adiada seis vezes na Câmara. A falta dessa legislação, segundo especialistas, traz insegurança jurídica para empresas e também para usuários da rede. “O Brasil está perdendo oportunidades, perdendo empresas que não se instalam no nosso país justamente com medo dessa insegurança jurídica”, explicou um professor da Fundação Getúlio Vargas. Os participantes do seminário defenderam o tratamento dado pelo projeto à retirada de conteúdo dos sites a pedido de usuários, sem necessidade de uma ação judicial. O relator, deputado Alessandro Molon, até

Na foto a mesa dos trabalhos do seminário sobre o Marco Civil da Internet, tendo ao centro a ministra do STJ Nancy Andrighi

recebeu conselhos de quem entende do assunto. “Tudo que vossa excelência puder afastar do Judiciário estará fazendo um bem primeiro ao cidadão e depois ao próprio Poder Judiciário”, afirmou a ministra do STJ Nancy Andrighi. Outro ponto considerado essencial é o que trata da chamada neutralidade da rede, ou seja, a garantia de que todo usuário vai ter acesso a todo conteúdo disponível na internet. “O que você pode contratar são pacotes com velocidades diferenciadas. Mas uma vez na internet, esse consumidor tem que ter acesso a internet como um todo”, afirma o professor da FGV Carlos Affonso. Apesar da discussão, ainda não há data prevista para a votação do projeto no Congresso.


CORREIO COMERCIAL | ABRIL DE 2013

www.acebp.org.br

17

Mart’nália

na Praça Nilo Peçanha A cantora, compositora e percussionista Mart’nália, estará realizando um show na Praça Nilo Peçanha no dia 1º de maio (Dia do Trabalhador). O evento faz parte do Caminhão Cultural da Caravana do Sesi. O show está previsto para ter início às 20 horas. Mart’nália é filha do sambista Martinho da Vila e da cantora Anália Mendonça (seu nome é uma mistura dos nomes dos pais). Sua carreira musical teve início em 1987 com

o disco Martinália (Gravadora 3M) e hoje ela possui cerca de 10 trabalhos gravados, além da participação em vários trabalhos de outros artistas. Um dos seus hits mais conhecidos é a versão de “Dont worry, be happy”, que foi tema da novela Três Irmãs da Rede Globo (2008/ 2009). Em 2013, Mart’nália iniciou trabalho como atriz, ao ser escolhida por Miguel Falabela para participar da série da Globo “Pé na Cova”.

A cantora e percussionista Mart’nália se apresentará em show, no dia 1º de maio, na Praça Nilo Peçanha

Sesi na praça no

Dia do Trabalhador O Sesi Barra do Piraí promoverá uma série de atividades culturais, recreativas, de saúde e esportivas no dia 1º de maio na Praça Nilo Peçanha. Os eventos serão uma comemoração ao Dia do Trabalhador. O início das atividades está previsto para as 14 horas e elas deverão se estender até as 18 horas. Segundo informações da assessoria de comunicação do Sesi, haverá recreação para as crianças com a presença de instrutores e recreadores, have-

rá também brinquedos e vários tipos de atividade para a faixa infantil, além de oficinas com a participação dos presentes. O Sesi também exporá uma série de serviços que estão disponíveis na unidade de Barra do Piraí, divulgará os cursos do Senai (com exposição de vários equipamentos inclusive) e divulgará o Pronarte (uma série de cursos técnicos previstos para começarem no segundo semestre deste ano). Na oportunidade, um stand de odontologia estará também realizando várias atividades.

O Sesi disponibilizará na Praça Nilo Peçanha várias atividades recreativas e oficinas no decorrer do Dia do Trabalhador


18

www.acebp.org.br

CORREIO COMERCIAL | ABRIL DE 2013

Dengue: um perigo a ser considerado

Em relatório emitido no dia 17 de abril, a Secretaria Estadual de Saúde mostrou o panorama da dengue no Estado do Rio: entre janeiro e o final de março foram notificados 107.168 casos suspeitos de dengue no estado do Rio de Janeiro, com 12 óbitos confirmados. Em relação ao mesmo período do ano passado, houve um aumento de 9,34% nas notificações por dengue. Dos 92 municípios do Estado do Rio, 37 deles estão em epidemia, sendo 11 na região do Sul do Estado (que inclui Barra do Piraí). Entre os critérios considerados para que um município entre em epidemia está o registro de mais de 300 casos por 100 mil habitantes, curva ascendente de transmissão da doença sustentada por três semanas ou mais consecutivas, e com números acima do limite esperado para a localidade num determinado período de tempo. Estão em situação de epidemia de dengue as seguintes regiões

e respectivos municípios: Baixada Litorânea (Araruama, Saquarema, Iguaba Grande, Rio das Ostras, Armação de Búzios, Cabo Frio, Casimiro de Abreu, São Pedro D’Aldeia e Arraial do Cabo); Centro Sul Fluminense (Paracambi, Sapucaia e Mendes); Médio Paraíba (Valença, Pinheiral, Volta Redonda, Barra do Piraí e Rio das Flores, Resende, Barra Mansa e Piraí); Noroeste Fluminense (Cardoso Moreira, São José de Ubá, Porciúncula, Natividade, Bom Jesus do Itabapoana e Laje do Muriaé); Norte Fluminense (São Fidélis, Campos dos Goytacazes, Carapebus, Macaé e São Francisco de Itabapoana); Região da Baía da Ilha Grande (Angra dos Reis); Região Metropolitana I (Magé); Região Metropolitana II (Niterói, Itaboraí, Silva Jardim, Tanguá, Maricá e São Gonçalo); Região Serrana (Cantagalo, São Sebastião do Alto e São José do Vale do Rio Preto, Carmo e Macuco).

O Governo do Estado pede à população que dediquem ao menos 10 minutos por semana para localizar possíveis focos de dengue no lugar onde vivem.

Campanha contra a gripe

CURSOS

DO SENAI

Vai até o dia 26 de abril a Campanha Nacional de Vacinação conta a Gripe. No Estado do Rio de Janeiro, serão mobilizados 1.500 postos de saúde em todos os municípios. A meta é vacinar 80% dos grupos prioritários, o que representa um total de aproximadamente 2,7 milhões de pessoas. Estão sendo vacinados os integrantes do grupo prioritário, formado por pessoas com 60 anos ou mais, crianças de seis meses a dois anos, indígenas, gestantes, população carcerária, profissionais de saúde e doentes crônicos. Este

ano foram incluídas no público alvo da campanha mulheres no período de até 45 dias após o parto. Outra novidade é que os doentes crônicos poderão receber a imunização em qualquer posto de saúde e não apenas nos Centros de Referência de Imunobiológicos Especiais (CRIEs). Foram enviadas pelo Governo cerca de 43 milhões de doses da vacina aos municípios. A campanha deste ano vai imunizar contra os três subtipos de vírus da gripe que mais circularam no último inverno: A/H1N1 (gripe suína); A/H3N2 e influenza B.

ABAIXO, OS CURSOS DO SENAI PROGRAMADOS PARA MAIO: - Operação de Empilhadeiras - carga horária de 30h, aulas de seg à sábado. É preciso ter concluído o 6º ano do Ensino Fundamental e possuir CNH. - Operação de Ponte Rolante - carga horária de 28h, aulas de seg à sábado. É preciso ter no mínimo 18 anos e ter concluído o 6º ano do Ensino Fundamental. - Corte e Costura - curso gratuito previsto para maio, de 13:30h às 17:30h. Maiores informações no Senai-BP, que fica na R. Alan Kardec, s/nº, no bairro da Muqueca. O telefone para contato é: 2442-0266.

Campanha 10 Minutos Contra a Dengue - A campanha da Secretaria de Estado de Saúde é o tom de alerta para evitar um alarme neste verão, sendo uma importante ferramenta de conscientização para a necessidade de todos se engajarem no combate ao foco do mosquito Aedes aegypti, transmissor da doença. O objetivo é estimular a população a investir 10 minutos por semana para eliminar possíveis criadouros em suas casas, já que o ambiente doméstico concentra 80% dos focos. Vale lembrar as medidas básicas para conter os focos de transmissão: não jogar lixo no chão e evitar deixar qualquer recipiente que acumule água. Em Barra do Piraí, as denúncias de possíveis focos da doença podem ser feitas ao Centro Municipal d e Vigilância Sanitária (Cemuvis) pelo telefone 2442-2588.

CURSOS DO SENAC OS CURSOS DO SENAC DE BARRA DO PIRAÍ PREVISTOS PARA MAIO SÃO OS SEGUINTES: - Auxiliar de pessoal - Carga horária 160h. Início previsto para 4/5. Aulas aos sábados de 8:00 às 13:00h. É preciso estar cursando pelo menos o segundo ano do Ensino Médio. - Webdesign - Carga horária 200h. Inicio previsto para 7/5. Aulas às terças e quintas, de 19:00h às 22:00h. É preciso estar cursando pelo menos o segundo ano do Ensino Médio. É necessário também conhecimento básico de informática e de navegação intermediária na internet. - Técnico em Logística - Carga horária de 800h. Incício previsto para o dia 27/5. Aulas às seg, qua e sex, de 18:00h às 22:00h. É preciso estar cursando pelo menos o segundo ano do Ensino Médio. O Senac de Barra do Piraí fica na R. José Alves Pimenta, s/nº, no bairro do Matadouro. Os telefones são: 2442-4411 e 2442-1765.


CORREIO COMERCIAL | ABRIL DE 2013

www.acebp.org.br

19

GRUPO VENTURÃO Todos em Barra do Piraí conhecem o Venturão Supermercado. Hoje, entretanto, o nome se tornou um grupo, composto de duas lojas em Valença, uma em Barra do Piraí, um centro de distribuição e atacado no bairro da Vila Helena e um mini shopping no centro da cidade. O Venturão, que é uma referência no município, já passou por três gerações da família Ventura à frente da administração destes empreendimentos. A marca Ventura, começou propriamente nos idos anos 60 e 70 com uma loja de móveis Mobiliária Ventura - no prédio do atual Venturão Shopping (centro de Barra do Piraí) administrada então por Ivan Ventura (pai). Em meados da década de 1980, entretanto, ele decidiu diversificar e abriu um supermercado em Valença e, posteriormente (no final desta década) abriu outros dois em Barra do Piraí - um na R. Paulo de Frontin (que ao ser fechado tornou-se a Secretaria Municipal de Saúde) e outro na Governador Portela (atual Supermercado Venturão). Em 1987, no entanto, Ivan Ventura (pai) teve de se afastar dos negócios por problemas de saúde e, o filho Ivan Ventura junto com o irmão Cláudio Ventura, tomaram a frente dos negócios. No início dos anos 1990, nova proposta surgiu e, um pequeno shopping foi aberto no centro com o nome de Venturão Shopping, que hoje abriga várias lojas de nome na cidade, prestadores de serviços, além do setor administrativo do Venturão Supermercado. Em 1995, Cláudio Ventura veio a falecer e, Ivan Ventura (filho) teve de assumir sozinho a gerência dos negócios que hoje, já estão nas mãos da terceira geração da família: os filhos de Ivan - Daniel e Felipe - dois jovens que já chegaram a cursar respectivamente as faculdades de Economia e Publicidade mas que optaram pela continuidade nos negócios da família.

Supermercardo Venturão no centro de Barra do Piraí

A mãe (Helena) também participa das decisões e a irmã de Daniel e Felipe - Fernanda (de apenas 15 anos) - ainda não decidiu seu futuro. Sempre focado no bom atendimento, o Grupo Venturão está intensificando a parte de treinamento de seus funcionários e possui planos para a expansão do espaço físico de suas lojas (o que já ocorreu em Valença), entretanto, em

Barra do Piraí, o local fica limitado por estar situado entre prédios, o que torna difícil esta meta mas, mesmo assim, Daniel e Felipe afirmam ter planos para o futuro desta unidade. Em relação a futuros projetos, o Grupo Venturão, que hoje gera cerca de 800 empregos (juntando todas as suas lojas), pretende intensificar a parte de atacado e a unidade que

Tradição, conforto e qualidade bem no coração da cidade.

Família Ventura - há três gerações no ramo dos supermercados

ocupa um dos antigos galpões da Belprato (no bairro da Vila Helena) deverá também crescer. A proposta é fornecer cada vez mais mercadorias para restaurantes, padarias e para o comércio em geral a um preço de atacado. Hoje o Grupo Venturão já conseguiu parte deste projeto e, já é fornecedor para vários municípios do Estado Rio.

TV Frigobar Ar Refigerado Telefone Internet Wireless Sala de TV por assinatura Sala de Leitura Salão de Jogos Salão de Convenções

PABX: (24) 2443.1114 / 2442.3600 Pça. Nilo Peçanha, 110 - Centro - Barra do Piraí - RJ CNPJ 00.488191/0001-82 - IE Isento www.hannapalace.com.br / hanna.palace@bol.com.br


20

www.acebp.org.br

CORREIO COMERCIAL | ABRIL DE 2013

Correio Comercial - Abril 2013 - nº 491  

ÓRGÃO OFICIAL DA ASSOCIAÇÃO COMERCIAL E EMPRESARIAL DE BARRA DO PIRAÍ - PUBLICAÇÃO MENSAL - 3 MIL EXEMPLARES - ABRIL 2013 - Nº 491 *** www.a...

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you