Page 1

Jornal O Expresso ano 3 nº 6 . 2012

ACREDITAR REALIZA FORMAÇÃO PARA EX-MILITARES O Projecto Vias Estruturantes e o Programa de Realojamento das Populações, desenvolvidos pela Odebrecht Angola, realizam o Programa de Qualificação Profissional Continuada - Acreditar para 80 ex-militares, com o objetivo de reintegrá-los ao mercado de trabalho. A iniciativa, desenvolvida em parceria com o Instituto de Estradas de Angola (INEA) e o Ministério do Urbanismo e Construção (MINUC), oferece cursos nas funções de pedreiro, motorista de veículo pesado e operador de motoniveladora. Inicialmente, os participantes acompanham o Módulo Básico, que com-

preendem disciplinas de Saúde, Qualidade, Meio Ambiente, Segurança e Psicologia do Trabalho. Em seguida, o grupo é dividido em três turmas para o Módulo Específico. “A Odebrecht é uma empresa que se preocupa muito em contribuir para a elevação da condição humana, ajudando através de formações, tanto aos seus integrantes, como à comunidade à sua volta”, revelou Roque Oliveira Responsável de Serviço Social e de Pessoas Vale lembrar que no dia 23 de julho foi realizado o ato inaugural da parceria no Acreditar, nas instalações do Programa de Realojamento das

A comitiva do ministro Fernando Fonseca também visitou as salas de aulas do Acreditar.

Populações. O evento contou com a presença do Ministro do Urbanismo e Construção, Fernando Fonseca, do Coordenador do INEA, Manuel Molares D´Abri, do Vice-ministro de Assistência e de Reinserção Social, Miguel Ângelo “Vietnam”, do Vice-ministro de Defesa Nacional, Agostinho Nelumba “Sanjar”, autoridades militares e integrantes da Odebrecht Angola. Este é, portanto , o segundo grupo de ex-militares que recebe qualificação profissional através do Acreditar Angola. No ano passado um grupo de ex-militares da Província do Kuando Kubango, também foi qualificado em Benguela.


SA Ú DE

P ess o as

Projecto Vias Estruturantes recebe Segunda SIPAT

Jovens Participam do Ciclo de Interesse

Integrantes participaram da Semana Interna de Prevenção de Acidente do Trabalho

Para o responsável pelo evento, Ladislau Costa, a avaliação desta SIPAT foi muito positiva. “Foi um momento dedicado à valorização dos trabalhadores com foco na preservação da vida”, disse ele. Após a participação na SIPAT, Ladislau Costa afirma que “os funcionários mudam a mentalidade, ou seja, mudam o comportamento com relação à segurança”. Segundo ele, todos os integrantes ficam mais atentos. No encerramento da SIPAT, actividades culturais e recreativas trouxeram um clima de descontração.

isso, acabam sofrendo com a reincidência da doença, o que fortalece a bactéria. De acordo com a OMS (Organização Mundial de Saúde), em 2010, 8,8 milhões de pessoas adoeceram por tuberculose e 1,4 milhões de pessoas morreram por esta causa. Quando uma pessoa se encontra infectada, os sintomas são tosse, febre vespertina, suores noturnos, perda de peso, entre outros. Esses sintomas podem ser leves e durar meses. Por isso, é importante estar atento aos sintomas e procurar ajuda médica. A equipa Médica do Projecto Vias Expressas está à vossa disposição para esclarecer dúvidas.

E D I T O R I A L

E x p r e s s o O J o r n a l

2

Todos nós sabemos que para zelar pela saúde do traba- F i c h a T é c n i c a lhador no ambiente de trabalho com eficiência é preciso Jornal Expresso a contribuição de cada colaborador. Quando todos nós Publicação Bimestral do Projecto estamos de olhos atentos, fica mais fácil identificar preco- de Infraestrutura de Luanda cemente algum perigo ou risco contido nas actividades. Isso salvaguarda a vida dos integrantes. É por isso que Jornalista Responsável buscamos diariamente promover acções educativas de Iga Bastianelli (DRT 1883) iga.bastianelli@hotmail.com saúde e segurança. www.igabastianelli.com.br

Ainda nesta edição, traremos informações sobre as diversas ações que vem sendo realizadas em nosso projecto. Desejo a todos uma boa leitura! Tiago Brito

Outro ponto importante que ressaltamos é a necessidade de usar correctamente os EPIs, para prevenir acidentes, além de comunicar qualquer incidente ao líder imediato.

Director de Contrato

Neste programa, os participantes recebem a formação em relação à pre-

venção do HIV/ SIDA. Com os integrantes devidamente informados, essa ação se multiplica entre familiares e amigos. E foi com esse ideal de multiplicar que surgiu a parceria com a Polícia Nacional, por meio do Instituto Superior da Polícia – uma instituição forte e de credibilidade. O objectivo desta ação em conjunto é instruir da melhor forma os agentes da polícia sobre a prevenção do HIV.

Com isso, os agentes policiais podem ser também agentes educadores das ações de prevenção. Estas séries de palestras também contribuem para combater a discriminação que sofre a pessoa infectada pelo HIV/ SIDA e a aceitação do estado sorológico sem revolta ou desespero. Mas é importante sempre ter em mente que cada um deve fazer sua parte, manter os exames médicos em dia e viver de forma responsável.

Programa 5S propõe mudanças para o dia a dia

MENSAGEM DO DC editorial No ambiente de trabalho, devemos estar sempre atentos! É importante termos um olhar crítico e educativo sobre o lugar em que estamos inseridos, pois é preciso cuidar de si e dos companheiros nos postos de trabalho. Além disso, quando o assunto é Saúde Ocupacional, as reciclagens e capacitações têm que fazer parte da rotina. Por isso, é importante que todos participem ativamente dos Treinamentos Diários de Trabalho; cumpram rigorosamente o passo a passo da Análise Prevencionista da Tarefa, onde consta os EPIs, as sinalizações necessárias, o tipo de actividade a ser realizada e todas as acções que visam a protecção do integrante; bem como manter os exames ocupacionais de admissão e exames periódicos sempre em dia e o cartão de vacina atualizado.

A Odebrecht e a Polícia Nacional se juntaram por um objetivo: instruir seus integrantes sobre a prevenção do HIV/ SIDA. A primeira atividade que deu início a esta parceria aconteceu em junho, quando mais de trezentos agentes da polícia assistiram à palestra de Roque D’Oliveira, assistente social do projecto Vias Estruturantes.

Projecto Gráfico e Diagramação Accessing (www.accessing.com.br)

O Programa 5S é a etapa inicial para implementação da Qualidade Total. É assim chamado devido a primeira letra de 5 palavras japonesas: Seiri (utilização), Seiton (ordenação), Seiso (limpeza), Seiketsu (higiene) e Shitsuke (autodisciplina). O programa tem como objectivo mobilizar, motivar e consciencializar as pessoas para a Qualidade. Com a implementação deste programa no projecto do Vias Expressas, pretende-se aumentar a produtividade e a segurança, melhorar o clima no ambiente

de trabalho e a de todos os colaboradores e, consequentemente, tornar mais saudável o clima organizacional. A primeira reunião deste programa aconteceu em agosto e contou com a participação de 25 integrantes de diversos sectores – Área de Equipamentos Móveis e Fixos, Monitoramento e Custos. De um modo geral, o 5S busca facilitar a rotina e, com isso, proporcionar um melhor ambiente de trabalho. Para atingir os objectivos pretendidos

a reunião mostrou que é necessário, primeiro, fazer um registo da situação actual e, depois, mobilizar, envolver todas as pessoas para que haja disposição para as mudanças. É importante, neste processo, escolher um representante para nortear a equipa. Durante a reunião, houve a apresentação de um “Plano Geral”, no qual ressaltou-se a importância de registar os itens a serem controlados. Ao final da reunião, ficou o compromisso de promover eventos para que todos os colaboradores façam do 5S uma prática diária

E x p r e s s o

Uma vez diagnosticada, a doença deve ser tratada com seriedade até o final. Muitos pacientes, ao iniciarem o tratamento, percebem as melhoras e suspendem o tratamento sem a autorização do médico. Com

A visita ao Núcleo Cultural da Odebrecht, no Bellas Business Park, foi outro momento de grande interesse dos jovens. Ao final, um encontro e algumas palavras com o director de contrato, Tiago Britto, os gerentes de produção, engenheiro Flavio Borba e o engenheiro Thiago Pita, o gerente administrativo e financeiro, Bruno Bittencourt, o administrativo, Luiz Guilherme e o técnico administrativo, Anderson Brandão.

Odebrecht e Polícia Nacional se unem na prevenção do HIV/ SIDA

Tuberculose mata mais de um milhão de pessoas por ano A tuberculose é uma doença infecciosa, causada pela bactéria mycobacterium tuberculosis, também conhecida como Bacilo de Koch. A contaminação pode acontecer pelo ar e por pessoas com a tuberculose pulmonar, que transmitem a doença ao tossir ou espirrar. Na maioria dos casos, o sistema imunológico é capaz de conter a multiplicação do bacilo, mas em algumas pessoas o bacilo consegue se multiplicar, resultando na tuberculose.

vida e carreira”, dirigido pelo engenheiro Elisson Serra.

O

Durante a SIPAT, algumas palestras foram ministradas sobre diversos temas como Segurança no Trabalho, Prevenção e Combate a Incêndios, Saúde e Qualidade de Vida, Álcool e Drogas, Organização Financeira, Meio Ambien-

te, Doenças Sexualmente Transmissíveis, Importância da Família, entre outros.

Este programa é efetivado somente durante as férias pedagógicas ou periódicas dos jovens. No mês de setembro, o Ciclo de Interesse aconteceu no estaleiro de Cacuaco e no estaleiro de Camama. Na ocasião, os filhos dos integrantes do Projecto Vias Estruturantes, visitaram a Central de Equipamentos, a Central de Concreto e a Usina de Asfalto. Os jovens também participaram de algumas palestras sobre os temas “Programas Sociais do Vias Expressas”, dirigida pela educadora social Etelvina Gonga e “Depoimento sobre

J o r n a l

A Segunda Semana Interna de Prevenção de Acidente do Trabalho (SIPAT) contou com a participação de 900 integrantes do Projecto Vias Estruturantes, entre os dias 6 e 10 de agosto. O evento aconteceu nos estaleiros de Camama e Cacuaco, com o objetivo de estimular nos trabalhadores uma consciência de prevenção sobre as acções relacionadas à saúde e segurança no trabalho e meio ambiente.

O programa Ciclo de Interesse reuniu mais de 50 jovens, filhos de integrantes da Odebrecht, para actividades socioeducativas. Com faixa etária entre 13 e 17 anos, os participantes conheceram um pouco mais sobre a empresa na qual seus pais trabalham, sobre a história da Odebrecht e a de seu fundador, e todo o percurso realizado pela empresa, desde o começo até os dias actuais. O objectivo da acção é incentivar estes jovens para que eles acreditem no futuro e nas possibilidades que existem para eles.

3


Perfil

A Trajetória

de uma carreira de sucesso

O primeiro trabalho da carreira do baiano Tiago Britto começou na ODEBRECHT, em 1972. Nesta época, ele era estagiário – estudava pela manhã e trabalhava à tarde no escritório central da Odebrecht, que ficava no Retiro em Salvador. Ele lembra: “nas férias meu descanso era na obra de Duplicação da Estrada Salvador – Feira de Santana, foi uma grande oportunidade de aprendizado”. Este caminho trilhado por Tiago foi cheio de oportunidades e desafios. Ao olhar para trás ele recorda e fala com orgulho sobre o percurso profissional. O primeiro líder a acompanhá-lo, Victor Pinheiro, delegou para ele uma obra de estradas no interior da Paraíba, onde ele aprendeu muito na prática e com acompanhamento do Victor, na prática da educação pelo trabalho. Depois, Tiago trabalhou na Paraíba como gerente de obra, que naquela época cuidava da engenharia, comercial, do relacionamento com o cliente na obra, da produção e dos equipamentos. Em 1976, ele foi transferido para Propriá – em Sergipe, à margem do Rio São Francisco –, para executar as obras da rodovia Japoatã para Neópolis. Foi neste período que ele conheceu a esposa Tereza, com quem é casado desde 1980.

J o r n a l

O

E x p r e s s o

Mais do que rodovias e estradas, subidas e descidas, esta trajetória de sucesso está diretamente ligada ao apoio que até hoje ele recebe da família, Tereza e as duas filhas. Depois da Paraíba, Tiago morou em Propriá, Aracaju, Porto Nacional em Goiás e voltou para Aracaju, quando casou , e participou como Gerente de obra do Projeto Coroa do Meio, e Projeto Potassio até 1984. Em seguida, o caminho levava à Bahia com o desafio de ser Gerente de contrato da Rodovia BR101 – trecho próximo ao município de Valença.

4

Com diversas experiências na bagagem, com o conhecimento em Estradas Barragens, Irrigação, Urbanizações, Aterros Hidraulicos, era hora de preparar as malas rumo a Portugal, onde morou com a família por 13 anos. Lá, Tiago construiu Autoestradas, Ferrovias, Barragem de Alqueva, Estações de Tratamento de Água Potavel e Águas Residuais, Pontes, Aterros Sanitarios, Irrigação de Alqueva entre outras obras. Após esse longo período fora do Brasil, Tiago foi convidado a voltar ao Brasil desta vez para Recife, onde permaneceu por um ano viabilizando Projetos Rodoviarios e Ferroviarios assumindo depois a responsabilidade dos contratos de três estados – Alagoas, Sergipe e Rio Grande do Norte Exemplo e demonstração de mobilidade, em 2007 Tiago foi convidado a atravessar o Atlântico para construir estradas (Vias de Luanda e posteriormente Vias Expressas de luanda em Angola, na África). Aqui, aos 61 anos de idade, ele completa 40 anos de Odebrecht. E pode-se dizer, com toda certeza, que são 40 anos muito bem construídos. “A meta agora é continuar na visão 2020 – para chegar em 2020 com tudo o que planejamos, ajudando no crescimento do país, educando e formando novos empresários nacionais e expatriados” afirmou Tiago.

Tiago Britto - Engenheiro

Expresso das Vias Expressas  

Odebrecht Angola