__MAIN_TEXT__

Page 1

RELATÓRIO ANUAL

2016


sumรกrio

2 | RELATร“RIO ANUAL 2016

Foto: Kelly Cristina


Apresentação.................................................................................................6 ASSOCIAÇÃO CAATINGA ..................................................................................8 Missão................................................................................................................... 9 Visão 2018............................................................................................................. 9 valores................................................................................................................. 9 destaques do ano....................................................................................... 10 Sustentabilidade............................................................................................... 11 Tecnologias Sustentáveis................................................................................ 11 Educação Ambiental......................................................................................... 11 Criação e manejo de áreas protegidas..........................................................12 Comunicação .....................................................................................................12 Conservação....................................................................................................... 13 Restauração Florestal..................................................................................... 13 Proteção e criação de outras reservas na Caatinga.............................................. 13 ATUAÇÃO ...........................................................................................................14 Projetos.............................................................................................................. 15 Conservação da RNSA...................................................................................... 15 Convênio de Cooperação Técnica com FIEC.................................................. 15

RELATÓRIO ANUAL 2016

|3


Projeto Água Preservada: Segurança Hídrica no Sertão de Crateús..............................................................................................16 Projeto Segurança hídrica no sertão: Conservação, educação e tecnologias sustentáveis................................................................................ 17 ÉCOM.VC...............................................................................................................18 Programa de Conservação do Tatu-bola......................................................18 Carnaúba Sustentável.....................................................................................19 CAR propriedades do Grupo J. Macedo......................................................... 20 Elaboração de Proposta detalhada para criação de Unidade de Conservação no Cânion do Rio Poti............................................................. 20 Conservação Voluntária Gerando Serviços Ambientais...........................21 Por onde anda a Maria-do-nordeste (Ave: Hemitriccus mirandae) no estado do Ceará? Um estudo sobre distribuição geográfica, tamanho populacional e reavaliação do status de conservação ............................21 Novas parcerias................................................................................................ 22 Ações - Indicadores...........................................................................................23 divulgação.................................................................................................... 24 GESTÃO INSTITUCIONAL............................................................................... 28 Governança ...................................................................................................... 28 Desenvolvimento institucional ................................................................... 29

4 | RELATÓRIO ANUAL 2016


TREINAMENTO E CAPACITAÇÃO ..................................................................30 RELACIONAMENTO COM A SOCIEDADE E COMUNIDADES ..................32 RELACIONAMENTO INSTITUCIONAL ...............................................................33 parceiros e apoiadores em 2016 .........................................................34

Capa

Foto: Sheila Oliveira

RELATÓRIO ANUAL 2016

|5


Apresentação

6 | RELATÓRIO ANUAL 2016

Foto: Celso Oliveira


UM ANO DE

DESAFIOS, CONQUISTAS E APRENDIZADOS Com o agravamento da crise hídrica no nordeste, em especial na Caatinga, devido ao quinto ano consecutivo de estiagem, a Instituição focou seus esforços e direcionou seus parceiros para a realização dos projetos Segurança Hídrica no Sertão e Água Preservada. Ambos buscaram ampliar diretamente a segurança hídrica de comunidades sertanejas localizadas no entorno da Reserva Natural Serra das Almas por meio de ações integradas como: proteção de nascentes, armazenamento de água de chuva, reúso de água e educação para o consumo consciente dos recursos hídricos. 2016 também foi um ano marcado com o agravamento da crise econômica brasileira que contribuiu para uma redução drástica nos investimentos sociais e ambientais da iniciativa privada. Através de postura proativa e inovadora a Associação Caatinga conseguiu reverter essa conjuntura negativa a favor da Caatinga, da instituição e de seus projetos. Conseguimos renovar o convênio de cooperação técnica em sustentabilidade e meio ambiente com a Federação das Indústrias do Estado do Ceará (FIEC), estabelecer convênio com o Sindcarnaúba (Sindicato das Indústrias Refinadoras de Cera de Carnaúba do Ceará) e implementar o projeto É.COM.VC no município de Trairi graças a parceria com a empresa de energia ENGIE, onde recursos da implantação de parques eólicos foram mobilizados para a realização de ações ambientais e de educação no município. Neste ano também conseguimos um feito inédito: realizamos a primeira expedição ao cânion do rio Poti em busca do tatu-bola com o objetivo de verificar a ocorrência do animal na região. Os resultados positivos da expedição estão servindo de subsídio para a criação do primeiro Parque a ser implementado na região. Graças ao apoio da IUCN e do grupo 3Corações conseguimos ampliar e consolidar a área da Reserva Natural Serra das Almas através da aquisição de nova propriedade localizada estrategicamente, elevando a área da Reserva a 6.200 hectares. Também realizamos na Reserva, pela primeira vez, o evento #somostodoscaatingueiros, que buscou estimular a cooperação e integração de esforços de personalidades e lideranças em prol do bioma. Nas próximas páginas vocês poderão encontrar as principais ações e resultados da Associação Caatinga em 2016. Boa leitura! Um abraço, Rodrigo Castro Coordenador Geral | Associação Caatinga

RELATÓRIO ANUAL 2016

|7


ASSOCIAÇÃO CAATINGA

8 | RELATÓRIO ANUAL 2016

Foto: Samuel Portela


Promover a conservação das terras, florestas e águas da Caatinga para garantir a permanência de todas as suas formas de vida.

Ser referência nacional no desenvolvimento de modelo integrado de conservação da Caatinga, através da excelência das nossas ações de valorização desse bioma.

Transparência; Comprometimento; Inovação; Paixão; Cooperação; Profissionalismo e Excelência

A Associação Caatinga foi criada em Fortaleza, em outubro de 1998, com o apoio do Fundo para Conservação da Caatinga, estabelecido por Samuel Johnson para a proteção da carnaúba. É uma entidade não governamental, sem fins lucrativos, reconhecida como Organização da Sociedade Civil de Interesse Público (OSCIP) e registrada no Cadastro Nacional de Entidades Ambientalistas (CNEA). Com a missão de ‘Promover a conservação das terras, florestas e águas da Caatinga para garantir a permanência de todas as suas formas de vida’ a Associação Caatinga desenvolve projetos para a criação e gestão de áreas protegidas, o fomento à pesquisa, a educação ambiental, disseminação de tecnologias sustentáveis, restauração florestal e o desenvolvimento local sustentável. Trabalhamos na construção de uma rede de parceiros, potencializando a mobilização de pessoas e instituições interessadas na conservação da biodiversidade da Caatinga, num espectro que abrange universidades, órgãos técnicos e de financiamento, proprietários rurais e agricultores familiares, empresários, organizações do terceiro setor e instituições governamentais. Atualmente, tem se transformando em um centro de referência para a conservação da Caatinga através da difusão de experiências exitosas. Na perspectiva de associar a conservação da natureza com alternativas que busquem a sustentabilidade e o envolvimento das pessoas que vivem no contexto do bioma, a Associação Caatinga, em seus diversos projetos, atingiu um público total de mais 72 mil pessoas, entre agricultores, jovens, crianças, proprietários rurais, mulheres, lideranças locais, educadores, estudantes, gestores públicos, técnicos e pesquisadores. RELATÓRIO ANUAL 2016

|9


destaques do ano

10 | RELATÓRIO ANUAL 2016

Foto: Alice Sales


Sustentabilidade Destacamos a tecnologia de reaproveitamento de água o Sistema Bioágua. por meio do Projeto Água Preservada financiando pelo Fundo Socioambiental Caixa e parceria com o Instituto Bem Viver- IBV. Trata-se de um sistema de filtragem e reuso da água cinza como alternativa para a produção de alimentos e redução da contaminação ambiental nos quintais das famílias.

Tecnologias Sustentáveis Promovendo transformações reais e significativas por meio de desenvolvimento local sustentável. • 1329 pessoas atendidas diretamente; • 530 pessoas participaram das ações de apresentação de projeto e mobilização; • 427 pessoas capacitadas; • 21 oficinas, sendo duas na Reserva Natural Serra das Almas; • 118 Famílias foram beneficiadas com tecnologias sustentáveis no entorno da Reserva Natural Serra das Almas. Através dos projetos Segurança Hídrica, Carnaúba Sustentável e Água Preservada desenvolvidos na Cidade de Crateús nas seguintes comunidades: Santana, Monte Nebo, Realejo, Patos, Pendência, Queimadas, Lagoas, Barro Vermelho e Tapuio foram realizadas as seguintes ações: • 05 Sistemas Bioágua distribuídos; • 18 Fornos Solar distribuídos; • 45 Cisternas de Placas distribuídas; • 50 Fogões Ecoeficientes distribuídos. Ao longo do ano juntamente com os trabalhos de disseminação de tecnologias a equipe de Tecnologias Sustentáveis realiza semestralmente o monitoramento de todas as tecnologias implantadas nas comunidades atendidas pela Associação Caatinga. O monitoramento é parte essencial para o bom funcionamento das tecnologias implantadas e fornece dados importantes como qualidade, durabilidade e uso das mesmas. Hoje são 496 famílias acompanhadas que fazem uso das tecnologias sustentáveis em 29 comunidades do Entorno da Reserva Natural Serra das Almas.

Educação Ambiental • 4.064 pessoas em 10 municípios foram alcançadas com as ações de Educação Amiental em todos Estado do Ceará; • 22 instituições de ensino com público de estudantes e professores, agricultores e multiplicadores tiveram acesso aos conhecimentos em educação ambiental; RELATÓRIO ANUAL 2016

| 11


• 14 palestras; • 08 oficinas; • 01 curso de Condução de Trilhas; • 16 eventos com a Exposição Conheça e Conserve a Caatinga; • 17 seminários sobre o manejo correto da água nas comunidades de Crateús e ainda evento de esporte/educação Pedal Ecológico e o Cine Tela Verde. Municípios alcançados: Fortaleza, Crateús, Ubajara, Tauá, Trairi, Sobral, Juazeiro do Norte, Ipaporanga, Novo Oriente e Morrinhos. Instituições de ensino alcançadas: Escola de Cidadania Carlota Colares, Crateús-CE; Escola Francisco de Alcântara Barros; Colégio Vitoria, Crateús-CE; Escola Waldemar de Alcântara, Ipaporanga-CE; Escola Profissionalizante Maria Eudes, Novo Oriente-CE; Escola de Ensino Fundamental e Médio Lions Club, Crateús-CE; SESC – LER, Crateús-CE; Escola de Cidadania Airam Veras, Crateús-CE; Colégio Marista Sagrado Coração, Fortaleza-CE; Colégio Militar, Fortaleza-CE; UECE – Universidade Estadual do Ceará; Colégio Master, Fortaleza-CE; Escola Salomé Bastos, Fortaleza-CE; ETI Edgar Linhares- Fortaleza, Fortaleza-CE; Colégio Nossa Senhora das Graças, Fortaleza-CE; SESI Parangaba, Fortaleza-CE; SESI Juazeiro; SESI Sobral; Escola de Cidadania Dr. Samuel Lins –Realejo, Crateús-CE; Escola de Cidadania de Santana, Crateús-CE; Escola de Cidadania José Martins de Lima – Patos, Crateús-CE.

Criação e manejo de áreas protegidas • 02 processos de criação de RPPNs no estado do Ceará (RPPN Olho dágua do Tronco e RPPN Chico Bimbino), mais específicamente no município de Crateús, frutos do projeto No Clima da Caatinga fase 2; • Aprovação de 02 Planos de Manejo da RPPN de RPPNs criadas em projetos anteriores (RPPN Fco. Braz de Oliveira e RPPN Neném Barros); • 01 Expedição ao Cânion do Rio Poti com o objetivo de identificar áreas prioritárias com ocorrência da espécie para propor a criação de UCs na região pelo Programa Tatu-bola; • 01 contrato firmado com a SEMAR-PI para a elaboração de Proposta detalhada para criação de Unidade de Conservação no Cânion do Rio Poti.

Comunicação • 01 Encontro realizado na Reseva Natural Serra das Almas; • 02 inserções na revista Vamos, da Latam; • 01 Inserção interna na Latam; • 01 Inserção internacional pela IUCN; • Divulgação da Expedição do Cânion do Poti;

12 | RELATÓRIO ANUAL 2016


• Divulgação do Pedal Ambiental; • 353 inserções em mídias durante todo o ano.

Conservação • 01 visita de representantes do Grupo 3Corações à RNSA; • CAR da RNSA realizado; • 01 curso de formação de condutores de trilhas para 20 jovens moradores de comunidades próximas à RNSA; • 01 operação de combate à caça ilegal na RNSA com fiscais ambientais do ICMBio do Piaui entre os dias 22 e 24 de setembro; • 2º Pedal contra o crime ambiental que inaugura oficialmente a trilha da gameleira para a prática do ciclismo; • 05 pesquisas em andamento na RNSA, dentre elas a pesquisa intitulada “Ecologia e conservação da família felidae em paisagens dinâmicas: avaliação multi-escola dos impactos da conversão do habitat sobre as espécies” que estuda as onças pardas (puma concolor) na reserva; • 980 visitantes na RNSA; • Fiscalização: foram feitas operações com o ICMBio e com o pelotão ambiental de Sobral; • Renovação das pinturas dos alojamentos e a reforma do mirante do CESJ.

Restauração Florestal • 01 nascente recuperada; • 02 APPs de rio e o enriquecimento de aproximadamente 9.57 hectares; • 24.300 mudas nativas produzidas; • 8.914 mudas nativas plantadas; • 37 espécies de sementes nativas coletadas para suprir as demandas internas na produção de mudas nativas e ainda fornecer a terceiros; • 35 propriedades envolvidas na coleta de sementes.

Proteção e criação de outras reservas na Caatinga • 02 de RPPNs criadas; • 02 Planos de manejo elaborados e aprovados no ICMBio.

RELATÓRIO ANUAL 2016

| 13


atuação

14 | RELATÓRIO ANUAL 2016

Foto: Kelly Cristina


projetos Conservação da Reserva Natural Serra das Almas • Financiador: The Nature Conservancy - através do Fundo Samuel Johnson de Conservação da Caatinga • Status: Em andamento Resumo • Preservar uma área significativa da Caatinga, consolidando estratégias de proteção à biodiversidade, educação ambiental, pesquisa e sustentabilidade local. Principais resultados • Ação de fiscalização com fiscais ambientais do ICMBio na Reserva Natural Serra das Almas (RNSA); • Comemoração referente aos 18 anos da Associação Caatinga e aos 16 anos da Reserva Natural Serra das Almas; • Realização de pesquisa de longa duração sobre o Puma concolor popularmente conhecida como onça parda na RNSA; • Aquisição e integração da Fazenda Gameleira nos limites e Plano de Manejo da RNSA (ampliação da RNSA em 454 ha).

Convênio de Cooperação Técnica com FIEC • Financiador: FIEC • Status: Em andamento Resumo • Assessoria técnica permanente à FIEC, SESI e SENAI na área ambiental e de sustentabilidade Principais resultados • Capacitação de educadores do SESI Parangaba (32 pessoas), SESI Sobral (17 pessoas) e do SESI Juazeiro (25 pessoas); • 01 viveiro de produção de mudas realizado; • 03 pessoas capacitadas no SESI da Barra do Ceará; • 23 mil mudas nativa produzidas no viveiro do SESI da Barra do Ceará.

RELATÓRIO ANUAL 2016

| 15


Projeto Água Preservada: Segurança Hídrica no Sertão de Crateús • Financiador: Fundo Socioambiental da Caixa Ecômica Federal • Status: Em andamento Resumo • Disseminação de práticas de conservação dos recursos hídricos através de ações de Educação Ambiental, Construção de sistemas de bioágua para reaproveitamento de água cinza e restauração florestal para a recuperação de nascentes e áreas degradadas. Principais resultados • 02 Oficinas Realizadas; • 13 Palestras; • 16 Seminários; • 06 Sistemas Bioágua construídos, sendo 05 sistemas familiares e 01 sistema na Reserva Natural Serra das Almas; • 1134 Pessoas alcançadas; • Materiais Publicados: 1 Folder.

16 | RELATÓRIO ANUAL 2016


Projeto Segurança hídrica no sertão: Conservação, educação e tecnologias sustentáveis • Financiador: Bazar beneficiente com o apoio da Receita Federal • Status: Em andamento Resumo • Disseminação de tecnologias sustentáveis (cisterna de placa, meliponicultura, forno solar e fogão ecoeficiente), desenvolvimento de ações de educação ambiental e de comunicação visando disseminar a importância do bioma Caatinga. Principais resultados • 01 Curso de Condutores de Trilha com duração de 48h para 20 jovens protagonistas das comunidades do entorno da Serra das Almas; • 16 eventos com a Exposição Conheça e Conserve a Caatinga, 2 oficinas de formação de jovens, 1 Evento de esporte/educação 1 Pedal Ecológico, 1 Cine Tela Verde; • 01 encontro na Reserva Natural Serra das Almas #Somostodoscaatingueiros; • 01 Pedalada Ambiental na Reserva Natural Serra das Almas; • 50 Fogões Ecoeficientes entregue as famílias; • 30 Cisternas de Placas construídas e entregue as famílias; • 18 Fornos Solar entregue as famílias; • 2803 pessoas alcançadas. RELATÓRIO ANUAL 2016

| 17


ÉCOM.VC • Financiador: ENGIE • Status: Em andamento Resumo • Educação Ambiental para professores e estudantes da rede pública e proprietários de terras que possuem áreas de APP em seus terrenos. Restauração Florestal em áreas de APP de rio e nascentes com produção e plantio de mudas nativas. Principais resultados: • 4050 mudas produzidas para proteção de APPs do Rio Trairi e o Rio Mundaú, além de áreas de nascentes; • Um diagnóstico Sócio Ambiental realizado no Município de Trairi, nas Bacias dos rios Trairi e Mundaú, com a localização de 20 nascentes, seus respectivos estados de conservação, uso e ocupação do solo, condições das comunidades do entorno e prospecção de parcerias para a proteção de nascentes; • 15 Professores capacitados em Educação Ambiental contextualizada no Bioma Caatinga; • Intercâmbio com o CEARGO no Paraná para conhecer a experiência deles na proteção de nascentes; • Produção de 5000 folders sobre manejo e proteção da água (nascentes, riachos e APPs); • Implantação de um sistema Bioágua o Centro Social São Vicente de Paula, em Mundaú (Creche da Irmã Vanda).

Programa de Conservação do Tatu-bola • Financiador: Fundação Grupo Boticário de Proteção à Natureza • Status: Em andamento Resumo • O Programa de Conservação do Tatu-bola está no segundo semestre de atuação e tem por objetivo identificar áreas de ocorrência do animal e preservá-las (por meio da proposição de Unidades de Conservação) a fim de garantir ambientes seguros para seu desenvolvimento e reprodução. Principais resultados • Confirmação da presença da espécie no Município de Burití dos Montes-PI; • Uma expedição realizada um documentário produzido (Expedição ao Cânion do Rio Poti).

18 | RELATÓRIO ANUAL 2016


Carnaúba Sustentável • Financiador: Sindcarnaúba • Status: Em andamento Resumo • Tecnologias sustentáveis de convívio com o semiárido para comunidades do entorno da RNSA, Pesquisa sobre controle biológico da Unha-do-cão e articulação de atores do poder, público, terceiro setor e iniciativa privada em prol da modernização da cadeia da carnaúba. Principais resultados • Realização do Seminário Diálogos da Carnaúba em Morrinhos-CE, com a participação de trabalhadores rurais, sindicato de produtores rurais, industriais, Ministério Público do Trabalho, DAS, Banco do Brasil e outros; • 65 participantes ao todo; • Início da elaboração do diagnóstico para a posterior criação de um Plano de Ação para a modernização da cadeia produtiva; • 15 Cisternas de Placas construídas e entregue as famílias; • Produção de 1000 folders.

RELATÓRIO ANUAL 2016

| 19


CAR propriedades do Grupo J. Macedo • Financiador: Grupo J. Macedo • Status: Concluído Resumo • Prestação de serviço para atividade de regularização fundiária por meio da inscrição das propriedades do Grupo J. Macêdo (Fazenda Belém, Fazenda Olho D’Água, Fazenda Canhotinho, Fazenda Tatu/Serrote do Bois, Fazenda Cacimba da Barra, Sítio Recreio, Fazenda Cajazeiras) no Cadastro Ambiental Rural – CAR. Principais resultados • 7 propriedades do Grupo J. Macedo inscritas no CAR.

Elaboração de Proposta detalhada para criação de Unidade de Conservação no Cânion do Rio Poti • Financiador: SEMAR-PI/Casa dos Ventos • Status: Em andamento Resumo • O projeto visa a elaboração de estudos técnicos para subsidiar a elaboração da proposta de criação da unidade de conservação na Zona dos Carnaubais do Piauí, em especial nos ecossistemas do Cânion do Rio Poti. Principais resultados • Estudos iniciados e diagnósticos elaborados.

20 | RELATÓRIO ANUAL 2016


Conservação Voluntária Gerando Serviços Ambientais • Financiador: Fundação Grupo Boticário de Proteção à Natureza • Status: Em andamento Resumo • O projeto tem como objetivo implementar ações previstas no Plano de Manejo da RNSA, como por exemplo, renovação de placas de sinalização, melhoria nas trilhas e no patrulhamento, reforma de cercas e aceiros, capacitação da equipe da reserva, etc) e apoiar a criação de 2 novas RPPNs no Estado do Ceará. Principais resultados • Cercas e aceiros reformados; • Layout das placas criados; • Equipamentos comprados (notebook e drone); • 03 áreas identificadas para criação das RPPNs.

Por onde anda a Maria-do-nordeste (Ave: Hemitriccus mirandae) no estado do Ceará? Um estudo sobre distribuição geográfica, tamanho populacional e reavaliação do status de conservação • Financiador: FBPN • Status: Em andamento Resumo • O presente estudo objetiva estimar o tamanho da população e determinar a distribuição geográfica (área de ocupação) do H. mirandae no estado do Ceará. Os resultados desta proposta visam contribuir para ações de conservação e manejo da espécie, bem como, se necessário, reavaliar o seu status de conservação segundo a IUCN. Principais resultados • Até o momento foram realizados 182 pontos de busca da espécie na Serra de Uruburetama, Meruoca, Pacatuba, Maranguape, Ibiapaba e Baturité. Dentre os municípios visitados, a espécie foi registrada em 11 deles, a saber: Meruoca, Ubajara, Ibiapina, Graça, Ipu, Guaraciaba do Norte, São Benedito, Guaramiranga, Pacoti, Mulungu e Aratuba. Dentre os municípios visitados com presença da espécie, são novos registros de ocorrência da espécie, a presença em Mulungu, Viçosa do Ceará, Ibiapina e Graça.

RELATÓRIO ANUAL 2016

| 21


Foto: Samuel Portela

Novas parcerias Instituição

Natureza da parceira

Início/ término

IBV- Instituto Bem Viver

Técnica

2016

ENGIE

Técnica

2016

SEMAR-PI

Técnica

2016

Prefeitura de Buriti dos Montes-PI

Técnica

2016

22 | RELATÓRIO ANUAL 2016


AÇÕES - INDICADORES Indicador

Resultado

Criação de 2 RPPNs:

Proteção da Caatinga

• RESERVA NATURAL CHICO BIMBINO Portaria 16 - DOU 40 - 01/03/2016 - seção/pg. 1 - 60 • RPPN OLHO D’ ÁGUA DO TRONCO Portaria 81 - DOU 156 - 15/08/2016 - seção/pg. 1 - 51 • 73,6 hectares protegidos.

• 01 nascente restaurada/área 0.74 hectares • 02 APPs de rio restaurada/ área 2.32 hectares • Enriquecimeto (RNSA) área 9.57 hectares • 23.000 mudas de espécies diversas produzida no SESI Barra do Ceará • 1.300 mudas de carnaúba produzida na RNSA Restauração florestal

• 4.050 mudas produzida no Trairi-CE • 35 comunidades envolvidas na coleta de sementes • Coleta de sementes de 37 espécies e protocolo definido • Plantio de 8.914 mudas de espécies nativas • 03 pessoas capacitadas na produção de mudas/SESI Barra do Ceará

• 05 sistemas Bioágua Tecnologias sustentáveis transferidas para 118 famílias

• 18 Fornos Solar • 45 Cisternas de Placas • 50 Fogões Ecoeficientes

RELATÓRIO ANUAL 2016

| 23


divulgação

24 | RELATÓRIO ANUAL 2016

Foto: Samuel Portela


O ano de 2016 mostrou para a comunicação o poder de alcance de nossas ações e nossas publicações e ele é grande! Mesmo com problemas em nosso site, que passou por nova reforma no final do ano e já está em funcionamento em 2017, tivemos um bom alcance em nossas investidas na mídia. A parceria com a Latam foi mantida e continuamos participando de uma publicação com alcance nacional e internacional durante todo o ano. Realizamos a divulgação da Expedição tatu-bola e conseguimos, inclusive, uma inserção nacional, no blog da época e internacional, nas mídias da nossa parceira IUCN com esa ação. Realizamos o #Somostodoscaatingueiros e tivemos a presença de nomes cearenses importantes na Reserva Natural Serra das Almas, de todos os nomes presentes ressalto aqui a participação do montanhista Rosier Alexandre, que virou um grande parceiro, vibrador e divulgador da Instituição. Além do #Somostodoscaatingueiros, tivemos a realização do nosso II Pedal Ambiental na Reserva, que reuniu ciclistas que procuravam aventura e contato com a natureza. Conseguimos mais de 354 inserções em mídias durante o ano de 2016 com 37.964 público atingido direta ou indiretamente. *

Mídias/imprensa Mídia Impressa – 12 Mídia Online – 23 Mídia Radiofônica – 316 Mídia Televisiva – 03 Dentre as muitas publicações destaco aqui as duas inserções na revista Vamos, da Latam, que possui uma tiragem de 126 mil exemplares. Se imaginarmos que apenas 10% desse público foi atingido por essa publicação, teremos um número de 25mil e 200 pessoas alcançadas apenas com duas das 354 inserções. Tivemos ainda uma participação no Programa Nordeste Viver e Preservar, da Globo Pernambuco.

Issuu Issuu – Associação Caatinga Impressões – 234,016 Leituras – 29,137 Issuu - No clima da Caatinga Impressões – 46,377 Leituras – 4,223 Total de Leituras: 33.36 leituras RELATÓRIO ANUAL 2016

| 25


Obs. O Issuu só fornece, no plano gratuito, os dados do último mês, ou de todo o período desde a criação da conta. Neste balanço foi levado em consideração os números de alcance e leitura de todo o período desde a primeira publicação. Destes valores, o dado de leituras é o mais importante para o nosso balanço, pois aponta para o total das vezes em que nossas publicações permaneceram abertas por mais de 2 segundos.

Redes Sociais Curtidas no Facebook Associação Caatinga – 1.629 curtidas em 2016 (Total desde o início: 10.616 curtidas) Em um dia de maior alcance, a fan page conseguiu um alcance orgânico de 8.833 pessoas No Clima da Caatinga – 333 curtidas em 2016 (Total desde o início: 4.684) Em um dia de maior alcance, a fan page conseguiu um alcance orgânico de 2.875 pessoas Programa Tatu Bola – 604 curtidas em 2016 (Total desde o início: 620) Total de Curtidas: 2.566 curtidas em 2016 Em um dia de maior alcance, a fan page conseguiu um alcance orgânico de 1.023 pessoas Reações no Facebook (curtidas em publicações em 2016) Associação Caatinga – 8,8 mil No Clima da Caatinga – 3,7 mil Programa Tatu Bola – 6,7 mil Total: 19.2 reações Instagram Associação Caatinga – 1134 seguidores No clima da Caatinga – 568 seguidores Total de seguidores: 1.702 Twitter Associação Caatinga – 1089 seguidores No Clima da Caatinga – 750 seguidores Total de seguidores: 1.839

26 | RELATÓRIO ANUAL 2016


Youtube No clima da Caatinga – 10 Visualizações (vídeos postados em 2016) Associação Caatinga – 392 (vídeos postados em 2016) Total de Visualizações: 402 visualizações de vídeos publicados em 2016 Sites Associação Caatinga: Matérias publicadas no Site da Associação Caatinga: Cerca de 24 matérias.

PUBLICAÇÕES Portfólio AC Com 18 anos de atuação, a Associação Caatinga é uma instituição especializada na elaboração e execução de projetos ambientais. Nossa instituição oferece oportunidade de investimento seguro e em caso de demandas mais específicas, também oferecemos projetos personalizados e serviços que atendam à necessidade de cada empresa ou empreendimento.

*Importante lembrar que os métodos de mensuração ainda são precários e que não há um cálculo seguro para chegar a um dado final. O número apresentado aqui é uma média das principais inserções e mídias alcançadas e não um número real.

RELATÓRIO ANUAL 2016

| 27


GESTÃO INSTITUCIONAL

Governança A gestão da Associação Caatinga é realizada pelo Conselho Deliberativo e pela equipe executiva da instituição. O Conselho é composto por 09 membros com representantes do setor empresarial e acadêmico que tem como principais responsabilidades assegurar o cumprimento do Estatuto, aprovar medidas financeiras e prestação de contas, participar da elaboração do planejamento da instituição, entre outras atividades. A equipe executiva é responsável pela a execução das atividades previstas no planejamento estratégico da instuição e pelas diretrizes emanadas do Conselho Deliberativo. A nível executivo a gestão é realizada através do Núcleo Gestor, composto pelas seguintes funções: coordenação geral, coordenação administrativo-financeira, coordenação de conservação, coordenação de tecnologias sustentáveis, coordenação de áreas protegidas e analista administrativo-financeiro. Este colegiado tem a função de descentralizar a tomada de decisões, bem como proporcionar a representação de todos os setores da instituição em sua gestão, sempre atuando em uma esfera que não seja de competência privativa do Conselho Deliberativo.

28 | RELATÓRIO ANUAL 2016


Foto: Éden Barbosa

Desenvolvimento institucional A Associação Caatinga tem priorizado em sua estratégia de gestão e fortalecimento institucinal o estabelecimento de parcerias em diversos segmentos, contribuindo para a consecção da sua missão. Parcerias como as que visam a qualificação de seu capital humano, proporcionando a execução de suas atividades com mais qualidade. Em 2016, a Associação Caatinga realizou a prestação de serviço de consultoria ambiental para diversas empresas envolvendo atividades de educação ambiental, restauração florestal, disseminação de tecnologias sustentáveis, estudos para criação de unidades de conservação e serviços ambientais em geral, contribuindo para a suatentabilidade financeira da instituição possibilitando a execução de outras ações e projetos desenvolvidos pela Associação Caatinga.

RELATÓRIO ANUAL 2016

| 29


TREINAMENTO E CAPACITAÇÃO

30 | RELATÓRIO ANUAL 2016

Foto: Samuel Portela


Participação da equipe em eventos, cursos, palestras, congressos, simpósios, etc.

Capacitação

Instituição responsável

Data

Local

Carga horária

Gilson Miranda

Intercâmbio sobre proteção de nascentes com o CEAGRO- Paraná

CEAGRO

1º dia de campo Projeto Biomas

EMBRAPA, CNA, FAEC

(Coord. Tec. Sust.)

Andreza Antunes

09/2016

Laranjeiras do Sul

20h

06/2016

IbaretamaCE

8h

10/2016

Brasília-DF

20h

05/2016

Rio de Janeiro-RJ

30h

05/2016

Rio de Janeiro - RJ

8h

Fortaleza

80h

(Agente de Ed. Ambiental)

Samuel Portela

(Coord de áreas protegidas/ ouvinte)

Samuel Portela

Oficina de planejamento do OCF

IPAM/CI

Viva a Mata

SOSMA

II Encontro das RPPNs – Viva a Mata/ III Encontro das OEMAS e CNRPPN

INEA/SOSMA/ CNRPPN/ ICMBio

Curso de Inglês In Company

Participante/função

Consultor

(Coord de áreas protegidas/ membro técnico)

Samuel Portela

(Coord de áreas protegidas/ ouvinte)

Samuel Portela (Coord de áreas protegidas)

Equipe no Núcleo Operacional de Fortaleza

2016

RELATÓRIO ANUAL 2016

| 31


RELACIONAMENTO COM A SOCIEDADE E COMUNIDADES

32 | RELATÓRIO ANUAL 2016

Foto: Sheila Oliveira


Intervenções

Número de Pessoas

Palestras

472

Oficinas

221

Capacitações

139

Seminários

613

Outros

3037

Total

4491

RELACIONAMENTO INSTITUCIONAL Participação em fóruns, conselhos e redes • Membro do Observatório do Código Florestal – OCF; • Membro do Conselho Gestor da APA da Serra de Baturité; • Membro da Comissão Técnica Permanente - Instituto LIFE; • Membro da Câmara Setorial da Cadeia Produtiva da Carnaúba; • Membro do Comitê Estadual da Reserva da Biosfera da Caatinga do Ceará; • Membro do Conselho Nacional da Reserva da Biosfera da Caatinga; • Membro do Conselho Municipal de Defesa do Meio Ambiente em Crateús; • Membro da Ashoka; • Membro da Confederação Nacional de Proprietários de RPPN.

RELATÓRIO ANUAL 2016

| 33


PARCEIROS E APOIADORES EM 2016

34 | RELATÓRIO ANUAL 2016

Foto: Carlito Lima


FUNDO SOCIOAMBIENTAL

SINDICATO DAS INDÚSTRIAS REFINADORAS DE CERA DE CARNAÚBA DO ESTADO DO CEARÁ

SINDCARNAÚBA

RELATÓRIO ANUAL 2016

| 35


ESCRITÓRIOS Núcleo Operacional Fortaleza (NUF) Rua Cláudio Manoel Dias Leite, 50 – Guararapes Fortaleza, Ceará – CEP 60810-130 Fone/Fax: (85) 3241-0759 Núcleo Operacional Crateús (NUC) Rua Doutor Moura Fé, 929 Crateús, Ceará – CEP 63700-000 Fone/Fax: (88) 3691-8671 Texto Associação Caatinga Revisão Jessika Thaís Projeto Gráfico Kelly Cristina Publicado em junho de 2017 www.tatubola.org.br www.acaatinga.org.br associacaocaatinga @acaatinga acaatinga acaatinga

Profile for Associação Caatinga

Balanço Institucional 2016  

Nesse arquivo vocês poderão encontrar as principais ações e resultados da Associação Caatinga em 2016. Boa leitura!

Balanço Institucional 2016  

Nesse arquivo vocês poderão encontrar as principais ações e resultados da Associação Caatinga em 2016. Boa leitura!

Profile for acaatinga
Advertisement