Page 151

Criando Valor para Sociedade e Futebol: uma Parceria Público-Privada | 151

Frequência na escola: • Número de faltas não justificadas maior ou igual a 6: Perde 1 talento; • Número de faltas menor que 6: ganha 1 talento. Comportamento no Centro de Atividades: • Número de advertências maior ou igual a 3: perde 1 talento; • Número de advertências menor que 3: ganha 1 talento. Frequência nas atividades do Centro de Atividades: • Número de faltas injustificadas maiores ou igual a 3: perde 1 talento; • Número de faltas menor que 3: ganha 1 talento. Ao término de cada bimestre, a criança/adolescente, juntamente com os responsáveis pelo projeto, preenche o seu “boletim” e tem um feedback de como está sua situação em relação aos critérios de avaliação. Além disso, recebe orientações acerca de quais itens necessitam evoluir para melhorar seu desempenho. Como esperamos um aumento no desempenho escolar, com relação às notas, frequência e disciplina, temos que oferecer algo que desperte o interesse, a motivação e que sinalize o bom desempenho das mesmas nessas categorias, como forma de reconhecimento e incentivo aos bons de nota e bons de bola. Por isso, realizamos uma premiação oficial com a entrega de medalhas personalizadas dos projetos ao final do ano letivo. O quadro 1 indica a quantidade de talentos e sua respectiva premiação:

Números de Talentos

Premiação

A partir de 21

Medalha de Ouro

De 17 a 20

Medalha de Prata

De 13 a 16

Medalha de Bronze

QUADRO 1. PREMIAÇÃO POR TALENTOS | FONTE: ELABORADO PELOS AUTORES

Profile for Academia Brasileira de Ciências Contábeis

Livro Bate-Bola Contábil  

Lances do Mundo Corporativo no País do Futebol

Livro Bate-Bola Contábil  

Lances do Mundo Corporativo no País do Futebol

Profile for abracicon
Advertisement