Page 1

Ano 21 - edição 119 - SEtembro - 2019 Distribuição Gratuita

Cia Olsen - TMO Lider em tecnologia de ponta para o mercado nacional e internacional



Editorial

EDIÇÃO 119 Junho 2019

Caros leitores: Chegamos ao mês de setembro, época que comemoramos a independência do Brasil. Uma independência maquiada por corrupção, desmandos de pessoas que se dizem representantes do povo. Mas tudo bem somos um povo aguerrido e temos acima de tudo a esperança de que dias melhores começaram a surgir, e que aqueles que desejam ao contrario sejam apenas lembrados como escoria abnegada do poder. Confira conosco nesta edição: Open House da TMO - Cia Olsen de Tratores, Olhar social com Nivaldo Narã, espiritualidade com Guerino Bebber, Aconteceu com Alcir Bazzanella, Edumar Junior com Variedades , 207 da Polícia Civel de SC e muito mais. A todos uma boa leitura. Para refletir “A caneta de um mau jornalista pode fazer tanto mau como um bisturi de um mau médico” Enéas Carneiro

Diretor Alcir Bazzanella (Jornalista-SC 1668 JP) Criação/Diagramação EJR – Serviços de Comunicação Departamento Comercial Edumar Vergett Junior Tel.: (49) 99815 2233 edumarvjunior@hotmail.com revistafeelingedumar@hotmail.com Alcir Bazzanella Tel.: (49) 98809 7373 alcir@abonline.com.br Administrativo: Karine Silva Dias Capa/Foto Rose Wartha/ 4K Revista Feeling é uma publicação da editora AB Revista e Jornal Impressos Ltda Rua Alcides Tombini – 256 Bairro Paraíso Caçador – SC - CEP 89503-006 Fone: (49) 3567 1584 comercial@abonline.com Todas as matérias assinadas são de inteira responsabilidade de seus autores. A opinião das pessoas não reflete necessariamente a opinião da revista. Todas as publicidades são de inteira responsabilidade de seus anunciantes.


Autorização Facilitada

UNIMED ON LINE


Aos familiares e amigos

...

Os nossos mais sinceros pêsames pela irreparável perda do seu ente tão querido. Infelizmente, nem tudo está em nossas mãos. Um momento como este traz muito sofrimento, mas precisamos nos lembrar que não podemos controlar tudo na vida, há coisas que estão muito acima de nós, e só nos cabe nos resignar e encontrar algum conforto naquilo que não podemos mudar. Silenciem as vozes e escutem apenas o vosso coração. Vivam o luto, mas busquem paz, busquem amor, busquem luz e consolo. Não se entreguem ao sofrimento. Tenham fé que esta dor um dia vai diminuir, que este sofrimento agudo vai ser amenizado. Lembrem-se dos bons momentos, dos dias felizes, mantenham o coração aquecido. Logo, a saudade será menos sofrida e mais serena. Confiem em Deus. Singela homenagem dos amigos Edumar Junior e Alcir Bazzanella.

O procurador federal da República, Deltan Dallagnol,... Palestrou no 10º Encontro Nacional dos Observatórios Sociais, sobre o propósito das organizações na prevenção da corrupção e deu exemplos de como esse problema impacta na vida dos brasileiros. “Existe um círculo vicioso entre a corrupção e o sistema político que se autoperpetua. Eu não estou demonizando o sistema político, pois a única forma de a gente vencer esse problema de forma ampla é por meio de reformas legais que só por ali podem passar. Agora, quando a gente olha tudo isso, os efeitos são catastrófico. É o que traz vocês aqui”, afirma. Segundo Dallagnol, muitos dos efeitos da corrupção acabam sendo vistos no dia a dia dos próprios voluntários que participam do Sistema OSB. “Você vê uma pessoa que sofre um acidente, vai ao hospital e não tem o equipamento para fazer um diagnóstico, pessoas trafegando por estradas não duplicadas em razão de pagamento de propinas, daí essa pes

soa sofre um acidente e um caminhão ceifa a vida de toda sua família. A corrupção é incompatível com o desenvolvimento econômico e social. Gráficos mostram que quanto maior a corrupção, pior o desenvolvimento. É por isso que nós estamos aqui. É por isso que nós lutamos. É por vida, por compaixão, é por amor, por propósito”, destacou o procurador.


A criação da Polícia Civil...

A sua investidura na “Intendência” é considerada como o marco da criação do Tribunal de Justiça e da Polícia Civil de Santa Catarina. Esse fato foi reflexo do Alvará de 10 de maio de 1808, assinado pelo Rei D. João VI, que durante seu reinado criou a ‘’Intedência-Geral de Polícia do Brasil’’ (modelo trazido de Portugal e uma espécie de “Ministro”), com sede na cidade do Rio de Janeiro e jurisdição que deveria se estender a todo reino unido (juntamente com Portugal e Algarves, desde 22 de janeiro daquele mesmo ano), com atribuições para apurar delitos e deflagrar procedimentos investigatórios e judiciais por meio de “denúncia”, “querela” e “devassa”.

De Santa Catarina tem como origem a data de 29 de julho de 1812. A criação da Polícia Civil de Santa Catarina tem como origem a data de 29 de julho de 1812 que coincide com a nomeação do desembargadorFrancisco Lourenço de Alemeida (1771-1853) para o cargo de “Intendente Geral de Polícia” da Capitania de Santa Catarina. A referida autoridade prestou seu juramento nessa mesma data no Rio de Janeiro, entretanto, tomou posse no dia 17.08.1812 na “Vila do Desterro” (atual Florianópolis).

A Intendência Geral de Polícia foi instalada no prédio da antiga Câmara de Vereadores de Desterro (em frente a atual Praça XV, centro da Capital).

Foi o primeiro juiz de fora togado da “Capitania de Santa Catarina”, permaneceu nesse cargo até 1818, exercendo seu ofício com amplos poderes judicial, policial e administrativo.

Em Santa Catarina: A entidade está presente nos 295 municípios catarinenses em 441 unidades policiais. O comando da Polícia Civil é denominado DelegaciaGeral da Polícia Civil, com sede em Florianópolis. A instituição é dividida administrativamente em quatro grandes diretorias e subdividida em trinta regiões policiais. A 10ª Delegacia Regional de Polícia Civil abrange os municípios de Caçador, Lebon Régis, Santa Cecília, Macieira, Calmon, Rio das Antas e Timbó Grande.


Atualmente são cerca de 50 policiais civis atuando nesses municípios e outros 50 colaboradores entre funcionários cedidos, contratados, terceirizados e estagiários, perfazendo um contingente de aproximadamente 100 pessoas.

A Polícia Civil do Estado de Santa Catarina é uma instituição essencial à função jurisdicional do Estado e à defesa da ordem jurídica, com atribuições constitucionais para agir na defesa da sociedade e na preservação da ordem pública através da investigação criminal.

objetos antigos da Polícia Civil, distribuição de lanche, bebida e algodão doce para as crianças.

Durante a solenidade de comemoração foi agraciado com o título de Amigo da Policia Civil o Comandante da Associação de Bombeiros Voluntários de Caçador Anderson Caetano, e afirmou o mesmo: “Sinto-me honrado por esta homenagem, frisou também que a comenda pertence a todos os bombeiros voluntários, pois fazem parceria a esta instituição para sempre tornala forte para bem desempenhar o papel perante a comunidade”.

No dia 1º de agosto de 2019, a Delegacia Regional de Polícia Civil de Caçador organizou uma Ação Social com objetivo de confraternizar e comemorar com a comunidade caçadorense os seus 207 anos de existência.

Na ocasião foram disponibilizados diversos serviços gratuitos às pessoas na área de estética, massagens, nutrição, aferição da pressão, análise capilar, cortes de cabelo feminino e masculino, robótica com lego, laboratório móvel de ciências, brinquedos de tabuleiro, orientação para a saúde bucal, brinquedos infláveis, cama elástica, pintura facial, agendamento para confecção de identidade, exposição de fotos e

Recebeu também a homenagem o policial civil Neylson Pinheiro Alvariza que esta na corporação a mais de 20 anos na área investigativa e também já fez parte de diversas forças tarefas no estado. Ponderou: “Agradeço o reconhecimento pelos anos trabalhados, lembrando que tudo isso e um trabalho em equipe. Não me vejo fazendo outro trabalho e afirmo que todos nós sempre buscamos fazer o bem”.

10ª DRP - CAÇADOR Rua Anita Garibaldi, 425 - Centro Telefone: (49) 3563-0240 e-mail: drpcacador@pc.sc.gov.br



... A confissão libera do pecado. Salmo 32(31) Já o titulo – que é uma tentativa de resumo da mensagem do salmo – precisa de uma elucidação. A palavra 'confissão' não é empregada aqui significando o 'sacramento da confissão adotado pela Igreja Católica, e sim: reconhecimento , sentimento de um erro cometido do qual a pessoa se arrepende e confessa. Quando o filho pródigo, lá no cuidado dos porcos do patrão, reconheceu que tinha feito uma besteira em abandonar o seu pai, e por isso, disse: 'vou até meu pai, vou dizer que pequei contra o céu e o pai', estava fazendo a sua 'confissão', isto é, reconhecendo, no seu coração, que fizera uma coisa errada. Da mesma forma, quando os filhos de Israel, no deserto, começaram ser picados por cobras peçonhentas, e muitos deles morreram, foram, então, até Moisés e lhe disseram: ' Pecamos contra Deus e contra ti', ora, quando isto fizeram, estavam reconhecendo o seu pecado. E fizeram a sua confissão. É esta 'confissão ' que libera o pecador do seu pecado. Vejam a primeira estrofe do salmo: 'Feliz aquele que é absolvido do seu pecado, perdoado de sua falta! (E continua): ' Feliz o homem a quem Yahvé não imputa erro algum, e cujo espírito é sem fraude'. Nesta última parte do segundo versículo ( cujo espírito é sem fraude) parece estar a razão última do perdão. Quero dizer: ao homem sem fraude, sem falsidade, puro e limpo de coração, é a este que Deus não atribui falta nenhuma, porque ele

faz tudo na simplicidade do seu coração. Não tem malícia, não faz coisas premeditadas, calculadas, para obter vantagem ou lucro, ou então, para prejudicar o outro. Dentro dele só existe uma linha: a da pureza do seu coração. Esta qualidade, aliás, do homem de bem, está presente em toda a Bíblia e aparece como o fundamento de toda escolha de Deus dos eleitos para uma ou outra missão: ter o coração limpo de 'segundas intenções', sempre malévolas. Pedir a Deus, pois, em nossas orações, um ' coração puro, um coração novo', é pedir aquilo que o próprio Deus ama ver em nós. Podemos guardar e seguir este princípio para toda espiritualidade: Manter um 'coração novo' , dentro de nós, é a característica humana mais agradável aos olhos de Deus. Pois bem, este coração novo do salmista continua sua oração, na 3ª estrofe: ' Eu disse: Irei a Yahvé confessar meu pecado. E Tu absolveste o meu erro, perdoado minha falta'.(Lembra o Filho pródigo). A este homem de coração puro, Deus faz-lhe um grande promessa, acompanhada de sua graça: ' Eu te instruirei, te ensinarei o caminho a seguir, meus olhos ficarão sobre ti, e eu serei o teu conselho'. O que mais pode desejar o homem puro? Isto é tudo o que ele quer. O tamanho da graça que Deus concede ao seu fiel amigo revela a vilosidade da pureza do coração do orante.


A Meioeste tem a experiência e o conhecimento para solucionar os problemas decorrentes do lixo, da limpeza urbana, coleta, coleta seletiva e implantação e operação de aterros sanitários, de forma planejada no âmbito social e do meioambiente. A empresa está calcada em pilares sólidos de consciência am iental, social, visão de futuro, atenção aos detalhes, profissionalismo, seriedade, suporte técnico e tecnológico, comprometimento com o desenvolvimento sustentável, foco nos resultados, precisão na execução e operação de projetos e processos, qualidade total, valorização humana e profissional, segurança e solidez nos resultados.

Meio Oeste Ambiental LTDA. Rua Conselheiro Mafra, 708

Filial: Av. Herbert Hadler, 435

Caçador, SC

Pelotas, RS

Fone (49) 3563.2517

Fone (53) 4141.1419


Observatório Social do Brasil gestor responsável não tome providencias, o OS pode solicitar a sua impugnação. Câmara dos vereadores: fiscalizam os gastos de viagens dos vereadores, checando se não há gasto de dinheiro público em viagens pessoais ou valores excessivos dispensados a este fim. Educação fiscal – incentivam os cidadãos a entender melhor os impostos que pagam pensar em como esse dinheiro é gasto e a cobrar melhor aplicabilidade.

O OS de Caçador... O que é um OS É uma instituição independente, um órgão de controle social, que tem como meta fiscalizar os gastos públicos, evitando o desperdício de recursos. Observatório nasce do sonho coletivo de cidadãos comuns, que querem transformar sua indignação em ações que tragam resultados positivos para sua realidade.

Esteve presente no 10º Encontro Nacional dos Observatórios que tem o objetivo de reunir os dirigentes, técnicos e voluntários dos Observatórios Sociais para disseminar as boas práticas, aperfeiçoar a metodologia e discutir estratégias para expansão do Sistema OSB. Inicialmente eram duas edições por ano e atualmente o evento é anual, realizado junto com o Congresso Pacto Pelo Brasil.

Participam de diversas áreas trabalham voluntariamente e formam o corpo diretivo da instituição, algumas entidades que representam a sociedade civil, também participam.

Onde atua um OS?

No registro: Valtair Vargas, Sirlei Braghini, Maria Helena Duarte juntamente com o presidente nacional dos OBS, Nei Ribas.

Processos de licitação: acompanhamento e fiscalização de todo processo de licitação. Caso haja irregularidades e o

Observatório Social do Brasil Endereço: Avenida Barão do Rio Branco, 327, centro, 2° andar na ACIC Email: cacador@osbrasil.org.br Telefones:(49) 3563-1116 ramal 27 ou 99924-6337


TMO realizou show room para clientes e fornecedores

A Cia Olsen de Tratores Agro Industrial – TMO iniciou suas atividades no ano de 1962 na cidade de Caçador-SC. O responsável por dar início às atividades da empresa foi o empresário visionário Oswaldo Olsen, catarinense, de origem dinamarquesa e natural de Três BarrasSC. Sua capacidade inventiva e determinação possibilitaram que Oswaldo fabricasse para o mercado da época equipamentos florestais de grande desempenho e economia. Oswaldo Olsen também foi o responsável por dar as ferramentas necessárias para que as gerações posteriores a sua, que hoje trabalham e cuidam da empresa, pudessem dar continuidade ao seu grande legado e sonho. Os guinchos florestais TMO foram os pioneiros no mercado juntamente com os carregadores florestais que fazem parte dessa história. Há mais de 50 anos no mercado, a Cia Olsen/TMO é sinônimo de tradição e parceria para os seus clientes pro-

duzindo equipamentos florestais com alta qualidade, robustez e tecnologia. Os materiais utilizados na fabricação de cada equipamento são certificados. Cada peça fabricada passa por um criterioso controle de qualidade garantindo a durabilidade do equipamento. Durante todos esses anos a empresa sempre procurou proporcionar atendimento personalizado aos seus clientes na aquisição e no suporte técnico, investir no desenvolvimento de novos produtos para a exploração florestal, investir constantemente em infraestrutura no parque fabril para atender as demandas de forma eficaz e com alta qualidade e investir na capacitação de seus colaboradores. A Cia Olsen/TMO é líder de mercado no Brasil em seu segmento, por isso, também está conquistando clientes fora dos territórios nacionais, exportando seus produtos para a América Latina e África.


Prestigiaram o evento fornecedores e clientes de várias cidades e estados O Open House TMO aconteceu dia 29 de agosto, onde a empresa e abriu as portas para que os clientes conhecessem seu processo produtivo e vissem de perto todos os equipamentos TMO prontos para serem entregues a seus clientes finais. Alem disso puderam visualizar in loco os modelos Waratah H414 e H415, cabeçote harvester finlandes que a TMO representa há quase dois anos em parceria com a John Deere.

Diretoria da empresa Robson Olsen, Sra. Maria Olsen, Sra. Oneide Olsen, Heuro Tortato, Iedo Tortato e Deydre Tortato

Juarez, João Maria, Marcelo, Franchesco e Valdemir (Ipumirim)

José Lucas, Marcelo e Mateus (From Porto União)

Marcos,Juiano e Vanderlei (Rio Azul)

Gilmara, Sidenir e Gustavo (Bom Jesus -RS)

Bruno, Aldo, Cassiano (TMO),Claudio Cristian (From Xanxerê)

Marlos (TMO) Renato e Cassol.

Mauricio, Renato e Zenóbio (From Porto União)

Leonir Tesser, Vlademir, Mauricio Telck e Alcir Bazzanella

Reinaldo, Elson, Bruno, Fermando, Diossel (From Lages)


...

Nivaldo Narã

Converter Para unificar sua identidade, o grupo Slin deverá acabar com a marca NET. Os serviços de TV a cabo, telefone fixo e internet da NET deverão nos próximos meses ganhar a marca Claro.

Visitando Paris Para quem pretende visitar Paris até novembro, a dica é conferir a exposição “Trees”, na Fundação Cartier. A mostra reúne obras de artistas, botânicos e filósofos, que lançam novas luzes sobre o reino vegetal com foco nas árvores, em que as obras revelam a beleza e a riqueza biológica desses grandes protagonistas do mundo vivo, ameaçado hoje com desmatamento em grande escala. Entre os artistas brasileiros convidados para expor, nomes como: André Zerbini, Adriana Varejão, Miguel Rio Branco. Além deles, Efacio Álvarez, Herman Álvarez, Fernando Allen, Fredi Casco, Claudia Andujar, Thijs Biersteker.

nivaldonara@colunista.com.br

homens e 3.394 mulheres e uma pessoa de sexo não definido.

Coleção Xarô Modas reuniu um descontraído grupo de clientes e amigas, neste mês de agosto, no desfile e lançamento da nova coleção Primavera/Verão 2019/20. Fotos: Divulgação

Jociane Maria Schmitz Basso, Rosemari Menegazzo Ferlin e Fatima Noely Da Silva.

Vendível 750 mil imóveis detidos pela União estarão à venda até o final do ano. O governo brasileiro quer levantar R$ 1 bilhão em desinvestimento imobiliário, quase o dobro do que a União vendeu nos últimos dez anos somados.

Investidor A indústria automobilística chinesa quer aumentar sua participação no mercado brasileiro, A primeira que deve desembarcar é a Changan, seguida pela Jiangling Motors.

Beatriz Barichello Boskovic, Vivyane Berardi Dalmas, Rosemari Menegazzo Ferlin, Fatima Noely Da Silva e Cleunice Bertotto.

Devedores Hoje, o total da dívida dos Estados, mais municípios, chega em R$ 606,6 bilhões. Conforme dados disponíveis do ano passado, São Paulo é o maior devedor da União, com R$ 260,3 bilhões. Minas Gerais R$ 101,5, Rio de Janeiro R$ 91,4, Rio Grande do Sul R$ 64,8, Paraná R$ 18,0 e outros 22 estados R$ 39,3 bilhões.

Previdência O Brasil tem atualmente 5.301 beneficiários da Previdência com mais de 100 anos de idade, sendo 1.906

Joana Vivan Guzzi, Camila Borges, Elida Panceri Guzzi e Joana Gabriela Ferlin Borga.


...

Meio Ambiente

5 de Setembro - Dia da Amazônia Motivos para comemorar ou se preocupar? brasileiro, a floresta Amazônica é responsável por levar umidade para toda a América do Sul e contribuir para estabilizar o clima global, além de ser uma fonte rica de alimentos, remédios e muitos outros produtos. O dia da Amazônia, no entanto, foi criado com o intuito de conscientizar as pessoas sobre a importância da preservação desse bioma.

Conhecida popularmente como o "pulmão do mundo", a Amazônia é o bioma que abrange a maior floresta tropical do mundo, com a maior bacia hidrográfica do planeta e reduto da maior biodiversidade também. Sabemos que chamá-la de pulmão do mundo é, de certa forma, um equívoco, já que a vegetação absorve gás carbônico e libera oxigênio, enquanto os pulmões fazem o inverso: se aproveitam do oxigênio e liberam Co2.

Celebrado no dia 5 de setembro, a data faz referência ao dia 5 de setembro de 1850, quando o Príncipe D. Pedro II decretou a criação da Província do Amazonas, o que hoje corresponde ao atual Estado do Amazonas. Mas a pergunta que fazemos hoje, diante de tanta polêmica sobre a destruição da Amazônia é: será que temos motivos para comemorar? A resposta, com certeza, ainda é sim. Mas em igual proporção, devemos também nos preocupar! Isso porque, até aqui, o Brasil desmatou 20% Floresta Amazônica, o que, para alguns cientistas, está muito próximo do ponto sem retorno, onde desmatar mais seria acabar com a capacidade da floresta se regenerar. Ou seja, no ritmo em que estamos caminhando, com a crescente onda de desmatamento e queimadas, 65% da nossa Amazônia já está em risco de se transformar em uma savana nos próximos 50 anos.

Além do que, sabemos também que são as algas marinhas que produzem a maior parte do oxigênio que respiramos, e não a Amazônia. Mas o que não dá mais para discordar é da sua importância vital para o nosso planeta. Com mais de 5 milhões de quilômetros quadrados e presença em 9 países - sendo 60% dentro do território

A l c i r

Business


Fornecemos aos nossos clientes produtos farmacêuticos, de higiene e beleza.

Estamos sempre com nossa linha de medicamentos completa, para garantir o fácil acesso do cliente aos remédios que precisam proporcionando o seu bem estar.

Fornecemos também medicamentos manipulados com a segurança e confiança que os clientes precisam.

Temos uma linha completa na área de higiene e beleza, perfumes, maquiagens, cremes dermatológicos, sabonetes, shampoos e os mais variados produtos.

Endereço: Térreo - Sala 01, R. Sen. Salgado Filho, 33 - Centro, Caçador - SC, 89500-000 Telefone: (49) 3563-1728


Aconteceu Alcir Bazzanella

...

Festa do Peixe Confira mais alguns registros da Festa do Peixe no município de Rio das Antas, evento este promovido pela Associação de Amigos de Rio das Antas e que movimentou toda a região. Vale salientar que a organização estava primorosa em todos os sentidos. Parabéns a todos os que de alguma forma contribuíram para que a noite fosse um sucesso. (Fotos:Edumar Junior)

A melhor erva mate do Sul do País

Frinora Frigofico Fone:(49) 3567 8211 - 3565 8211 Rodovia SC 135. km 9 - Caçador /SC

AGROVETERINÁRIA ROTA AGRÍCOLA Assistência Veterinária Fone: (49) 3564 0645 -99135 2943

rotaagricola@hotmail.com Rua do Comércio, 940 - Centro Rios das Antas

POSTO GUARNIERI LTDA Lavagem - Lubrificação - Troca de oléo

Tel:. (49) 3564 0102 Rua Beira Rio, 351 - Rio das Antas - Sc

Av. Fahdo Thome, 2022 Fone: (49) 3563 0026


Ecomonia

...

Abertas inscrições para missão à China A Federação das Indústrias de Santa Catarina (FIESC) está com inscrições abertas para missão empresarial brasileira à China, que será realizada de 12 a 21 de outubro, para participar da Feira de Cantão.

Segmentos e categoria da feira Máquinas e equipamentos Pequenos maquinários Bicicletas e partes Motos e acessórios, Autopeças, Máquinas para construção, Eletrodomésticos, Químicos, Eletroeletrônicos,

É o maior evento de negócios do país, realizado na cidade de Guangzhou, desde 1957. O objetivo é prospectar oportunidades de negócios e parcerias, fortalecer a rede de relacionamento na China, incrementar as transações comerciais, monitorar tendências por meio de visitas à feira e a empresas e entidades chinesas.

Computadores e periféricos, Produtos de comunicação, equipamentos de iluminação, Materiais de construção Decoração e artigos sanitários. (Fonte: Fiesc)

Inscrições e informações pelo e-mail cin@fiesc.com.br ou pelo telefone 48 3231-4663.



Gastronomia Com Alcir Bazzanela

Eisnbein com Chucrute Joelho · · · · · · · · · · ·

1 joelho de porco 1 cálice de cachaça Suco de 2 limões 1 cebola cortada em 4 partes 3 dentes de alho ½ xícara (chá) de pimentão verde 1 talo de salsão picado 1 talo de alho poró picado 1 ramo de salsinha 1 ramo de alecrim desfolhado 2 colheres (sopa) de sal

Chucrute · · · · · · · · · ·

½ kg de repolho fatiado Água, o suficiente ½ xícara (chá) de vinagre branco 1 colher (sopa) de açúcar 1 colher (sopa) de sal 3 colheres (sopa) de azeite 1 xícara (chá) de cebola roxa fatiada 1 maçã picada 1 pimenta dedo de moça picada Sal a gosto

Modo de Preparo

Joelho: em um liquidificador, bata a cachaça com o suco de limão, o alho, o pimentão, o salsão, o alho poró, a salsinha e o alecrim. Coloque o joelho em um recipiente e despeje o tempero batido. Deixe marinando por no mínimo 3 horas. Coloque o joelho com a marinada em uma panela de pressão. Complete com água até cobrir 2/3 do joelho. Tampe a panela, e quando começar apitar, deixe por 50 minutos. Retire da pressão, coloque em uma assadeira e leve ao forno preaquecido a 200ºC e deixe até dourar. Chucrute: em uma panela, ferva a água com o vinagre, o sal e o açúcar. Quando ferver coloque o repolho e deixe por 2 minutos. Escorra a água e reserve o repolho. Em uma panela refogue a cebola roxa e a maçã no azeite. Junte o repolho, tempere com a pimenta e sal a gosto.

R. Ercílio de Lima, 419 - Martello - (49) 3563 1207 Av. Fahdo Thomé 1650 - Bom Jesus - (49) 3567-8229 Caçador - SC


A l c i r

YouTube

Programa O programa está nas TV Sky - Cana 170 Vivo - 14 - 16 - 87 - 87 - 89 Nossa - TV 47 Oi TV - 189 Algar - 374 TV Mocinha Balneário Camboriú TV nova Era Lages TV Joinville

Com novo Canal no YouTube: Programa Alcir Bazzanella


...

Estado

UNIARP ENTREGA DEMANDAS PARA FIESC O industrial caçadorense Gilberto Seleme está na presidência da Federação das Indústrias de Santa Catarina (FIESC).

co da indústria do Estado.

Ele atuou no período de 16 a 28 de agosto na ausência do presidente Mario Cezar de Aguiar que estava em viagem internacional. O presidente em exercício da FIESC recebeu a visita de lideranças de Caçador e região. Na ocasião, Neoberto Balestrin presidente da Fundação UNIARP entregou um ofício para o Presidente da FIESC, com demandas dos setores empresarial, educacional, da saúde, infraestrura e segurança pública em nome da Associação Empresarial de Caçador (ACIC) e UNIARP. Participaram da visita também o vice-presidente regional da FIESC, Leonir Tesser também representando o Conselho do Hospital Maicé, vice-prefeito Alencar Mendes, reitor da UNIARP Anderson Antônio Mattos Martins, vice-reitor Jolmar Luis Hawerroth, diretor do Sindicato da Indústria Florestal da Região de Curitibanos (SIFC) Newton Fabris, empresária fraiburguense, Sonia Lacowicz, integrante da diretoria da Fiesc, como conselheira do IEL, empresário Wilson Seleme de Canoinhas, empresário Lauri Covatti de Santa Cecília, além do gerente executivo SESI e SENAI, Daniel Tenconi.

Responsável por monitorar os principais fatores que afetam a competitividade industrial no Estado de Santa Catarina, o Observatório analisa o desempenho econômico e as tendências tecnológicas dos setores estratégicos, fornecendo informações para a tomada de decisões estratégicas, tanto na esfera estadual quanto regional. Uma das iniciativas do Observatório é o Portal Setorial da FIESC, onde é possível encontrar todas as informações que um empresário precisa saber antes de tomar qualquer decisão relacionada à empresa. Com o objetivo de fomentar o desenvolvimento da indústria catarinense, foram consultados 1,7 mil presidentes de empresas sobre quais informações eles gostariam de ter e, então, foi moldado o Portal. O que você encontra no Portal Setorial:

As lideranças também participaram de uma visita na FIESC, onde conheceram o Observatório da Indústria, voltada ao planejamento e desenvolvimento estratégi

·

Indicadores econômicos segmentados – por setor ou região do estado;

·

Projetos de Lei em trâmite no Congresso Nacional;

·

Legislações pertinentes ao setor;

·

Projetos de incentivo e custeio ao desenvolvimento (como os do Badesc e BRDE);

·

Prognóstico e expectativas para o setor pelos próximos 10 anos. Fonte: Ascom Uniarp




Millions discover their favorite reads on issuu every month.

Give your content the digital home it deserves. Get it to any device in seconds.