Page 1

Ano 22 - edição 126 - Julho - 2020 Revista Digital

Adami 78 Anos Policia Militar - Novo Comando Relembrando Estado – Businnes Connec on Brazil



Editorial Prezados amigos leitores: E com muita sa sfação que apresentamos a segunda edição da Revista Feeling Digital. Recebemos diversas correspondências de nossos leitores parabenizando pela a tude, pois alguns acreditavam que devido à pandemia nosso projeto talvez não persis sse, mas fiquem tranquilos, pois nossa meta e sempre levar a toda comunidade e região entretenimento com qualidade e responsabilidade quanto os fatos aqui abordados.

Sumário 4 -Variedades - Policia Militar Sob novo comando 6 -7 - Business Connect Brazil 9 - Religião – Corpus Christi 10 – 11 - Saúde Animal 12 – 13 – Relembrando 14 – 15 - Aconteceu – Adami 78 Anos 17 - Opinião com Quirino Ribeiro 18 - Dia Mundial do Meio Ambiente 21 - Educação – UNIARP 22 - Espiritualidade 24 – 25 - Olhar Social – Nivaldo Narã 26 - Na Cozinha

Entramos na estação que muitos consideram a mais charmosa do ano, só que vale salientar que este ano tudo é diferente com a Covid 19. Sem aglomerações das festas juninas e demais comemorações que sempre exis ram nesta época, pois devemos agir com responsabilidade para com toda a comunidade e nossos familiares. Nesta edição levamos abordamos matéria do meio ambiente, exportação para micro e pequenos empreendedores, espiritualidade, gastronomia, novo comando da Policia Militar, comemoração 78 anos da empresa Adami de Caçador e muito mais. Na polí ca lembre-se: os ausentes nunca tem razão o que nos incomoda é o silêncio dos bons. Boa Leitura

Ano 22 - edição 126 - Julho - 2020 Revista Digital

Adami 78 Anos Policia Militar - Novo Comando Relembrando Estado – Businnes Connec on Brazil

Diretor: Alcir Bazzanella (Jornalista-SC 1668 JP) (49) 9 8809 7373 - alcir@abonline.com.br Departamento Comercial: Edumar Verge Junior (49) 9 9807 1448 revistafeelingedumar@hotmail.com Administra vo: Karine Silva Dias Bazzanella (49) 3567 1584 - adm@abonline.com.br Criação/Diagramação: EJR – Serviços de Comunicação (49) 9 9815 2244 - edumarvjunior@hotmail.com Capa: Rose Wartha Revista Feeling é uma publicação da editora AB Revista e Jornal Impressos Ltda Rua Alcides Tombini – 256 Bairro Paraíso Caçador – SC - CEP 89503-006 Todas as matérias e publicidades assinadas são de inteira responsabilidade de seus autores. A opinião das pessoas não reflete necessariamente a opinião da revista.


49 - 998071448

15º Batalhão de Polícia Militar tem novo comandante Na tarde de segunda-feira, 15, assumiu o comando do 15º Batalhão de Polícia Militar (BPM) de Caçador, o tenente-coronel Alexandre Balduino, em cerimônia fechada ao público atendendo às regras de segurança contra a pandemia do novo coronavírus, sendo transmida ao vivo pelo canal oficial da Polícia Militar de Caçador no YouTube.

O evento, além da esposa do novo comandante, contou com a presença do subcomandante geral da Polícia Militar de Santa Catarina (PMSC), coronel Marcelo Pontes, do comandante da 10ª Região de Polícia Militar (RPM), coronel Luiz Roberto Muller, do deputado estadual Valdir Vital Cobalchini, do prefeito do município de Caçador Saulo Spero o, do delegado regional da 10ª delegacia de Polícia Civil Fabiano Locatelli, e do presidente da câmera de vereadores Itacir João Fiorese.

Como um dos atos da solenidade, aconteceu a assinatura do projeto de lei com a indicação pelo deputado estadual Valdir Cobalchini, designando o nome do 15º BPM como “Quartel Tenente-Coronel Renato Leandro de Medeiros”. Em seu discurso o subcomandante geral avaliou como posi vos os números de apreensão de armas de fogo e diminuição da taxa de homicídios que o 15º BPM apresentou enquanto estava sob o comando do excomandante tenente-coronel Renato Leandro de Medeiros, e concluiu solicitando ao novo comandante uma aproximação com a comunidade caçadorense e com a tropa, assim como o ex-comandante realizava. Emocionado o comandante da 10ª RPM, em sua fala destacou alguns dos feitos e conquistas realizadas pelo tenente-coronel Renato Leandro de Medeiros, na infraestrutura do batalhão, aquisição de armamentos, viaturas, cursos e programas implantados. Também descreveu o ex-comandante como “um oficial de conduta pessoal e profissional equilibrada, amigo, honesto e leal, soube muito bem conduzir seu comando com afinco determinação e sabedoria”.

Ao fim do evento, ocorreu o descerramento do retrato do tenente-coronel Medeiros para fazer parte da galeria de ex-comandantes da unidade. (Fonte:Texto e fotos: Soldado Richard)


Evite aglomerações e ambientes fechados. Mantenha os ambientes ven lados. Não toque os olhos, nariz ou boca sem antes higienizar as mãos. Higienize suas mãos com água e sabonete liquido ou álcool gel, principalmente após tossir, espirrar ou assoar o nariz.

Use lenço descatável para assoar o nariz. Ao tossir ou espirrar apoie no cotovelo, nunca nas mãos. N ã o co mp a r l h e co p o s , talheres e objetos pessoais. Algumas infecções respiratórias podem ser prevenidas. Verifique sua carteira de vacinação ou vá até uma unidade de saúde para obter maiores informações.


Estado Micro, pequenas e médias empresas têm a oportunidade de par cipar de rodadas virtuais para exportação de bebidas e alimentos. As ins tuições brasileiras que atuaram na organização do evento fazem parte do Plano Nacional da Cultura Exportadora (PNCE). O Sebrae, a CNI e a Apex-Brasil são responsáveis por conduzir as ações voltadas às empresas do setor de alimentos e bebidas. Independentemente do porte, todos os segmentos veram uma grande oportunidade de expandir suas a vidades Em sua 1ª edição on-line no Brasil, evento terá a par ci- e buscar novos negócios fora do país. pação de compradores dos Estados Unidos, Canadá, Índia, Emirados Árabes, entre outros países. O Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) juntamente com o Sebrae, a Confederação Nacional da Indústria (CNI) e a Apex-Brasil realizou, entre os dias 22 e 26 de junho, uma rodada internacional de negócios do setor de alimentos e bebidas, envolvendo micro, pequenas e médias empresas. Fornecedores brasileiros se conectaram com compradores de toda a América La na, além dos Estados Unidos, Índia, Emirados Árabes e Canadá. Essa é a 1ª vez que o evento acontecou no modelo virtual em função da pandemia do coronavírus, que afeta o Brasil e diversas outras nações do mundo. A ação tem o apoio da FIESC.

“A internacionalização aumenta a compe vidade das empresas, com a ampliação de mercados e diversificação da demanda o que se transforma em mais uma alterna va para se conseguir ultrapassar este momento desafiador que vivemos”, afirmou Carlos Abijaodi, diretor de Desenvolvimento Industrial da CNI. A CNI coordena nacionalmente a Rede Brasileira de Centros Internacionais de Negócios (Rede CIN), presente nas 27 unidades da federação com foco no atendimento às empresas para assegurar uma atuação compe va no mercado internacional.


das de negócios bem-sucedidas”, comenta o diretor técnico do Sebrae, Bruno Quick.

“Para a Apex-Brasil, as rodadas virtuais fazem parte de um conjunto de ações de suporte às empresas brasileiras para incrementar a geração de negócios internacionais e tornar a nossa indústria mais compe

va, com

mais efe vidade e menores riscos”, avalia a Gerente de

A ConnectAmericas realiza anualmente várias rodadas de

Compe

forma presencial, mas em função da pandemia, estão

vidade da Apex-Brasil, Deborah Rossoni.

fazendo tudo de forma virtual em 2020. A plataforma foi A rodada virtual internacional, chamada de Business Connec on Brazil: food & beverage, é um dos desdobramentos da Connectamericas.com. A plataforma de negócios gratuita criada pelo BID para apoiar mais de 300 mil empresários cadastrados na realização de mais e melhores negociações internacionais. O evento foi o

criada pelo BID para fomentar o comércio exterior e invesmentos internacionais nos países da América La na e Caribe. As empresas que queiram par cipar do evento este ano podem se inscreveram no período do dia 1º a 19 de junho, gratuitamente, na plataforma e no site bcbrazil.com.

primeiro que acontece virtualmente no Brasil. Em uma segunda etapa haverá um processo de seleção dessas empresas, de acordo com uma avaliação da sua capacidade de exportação e o grau de correspondência com as demandas dos compradores. As micro, pequenas e médias empresas têm um papel muito importante nas exportações brasileiras de forma diversificada. Juntas representam 70% do número de empresas exportadoras segundo estudo do Sebrae de 2019, principalmente do setor da indústria. De acordo com o Sebrae, mais de 40% das empresas exportadoras brasileiras são micro e pequenas. Elas foram “Foi uma semana inteira de a vidades online e vamos

responsáveis por vendas externas no montante de US$ 1,2

dar todo o suporte para que as empresas tenham agen-

bilhões em 2018. (Fonte: ASCOM – FIESC)



Religião Corpus Chris – Origem histórica O bispo de Thouro e nunca chegou, de fato, a presenciar a comemoração ser realizada, pois acabou falecendo antes disso. No entanto, os relatos de Juliana impactaram outra pessoa em Liége: o arcediago Jacques Pantaleon. Esse arcediago nasceu em Troyes, na França, e em 1261 seria entronizado papa sob o nome de Urbano IV, que, conforme mencionamos, foi o responsável por oficializar a criação dessa celebração.

A origem da comemoração dessa data remonta ao século XIII, oficialmente em 1264, durante o pon ficado de papa Urbano IV (papa da Igreja de 1261 a 1264). A criação de uma comemoração em homenagem ao sacramento da Eucaris a foi resultado da influência dos relatos de Juliana de Mont Cornillon, uma freira belga que nasceu nas proximidades da cidade de Liège, em 1193. Além dos relatos de Juliana de Mont Cornillon, outro acontecimento narrado sensibilizou o papa a criar Corpus Chris . Os relatos afirmam que, em 1264, um sacerdote da Boêmia chamado Pedro de Praga foi a Roma para se encontrar com Urbano IV. Durante seu retorno à Boêmia, Pedro de Praga deteve-se em Bolsena e lá realizou o sacramento da eucaris a. Durante o sacramento, conta-se que sangue começou a verter da hós a consagrada.

Os relatos sobre Juliana de Mont Cornillon indicam que ela dizia ter, durante anos, visões e sonhos que traziam uma mensagem divina acerca da importância de se criar uma festa que comemorasse de maneira apropriada o sacramento da eucaris a. Esses relatos influenciaram inicialmente Roberto de Thouro e, bispo da diocese de Liège, que autorizou a realização de uma comemoração para 1247.

Esse suposto milagre ficou conhecido como Milagre de Bolsena, e seu relato rapidamente se espalhou, alcançando o próprio papa, que, pouco tempo depois, oficializou a criação de Corpus Chris . Aos poucos, a festa difundiu-se por outras localidades da Europa. Corpus Chris teve sua importância ra ficada durante o século XIV, e prá cas comuns à festa foram criadas com o passar do tempo.(Fonte:Daniel Neves – Graduado em História)


Saúde Animal Os animais de es mação podem pegar o novo coronavírus (COVID-19)? O que eu preciso saber? Com a chegada do novo coronavírus muitas dúvidas e preocupações surgiram, inclusive sobre a possibilidade de os animais de es mação adquirir o agente infeccioso causador da Covid-19. Por isso, o Portal Saúde Animal entendeu a importância de fazer alguns esclarecimentos com base no que a ciência já descobriu até agora.

O Centro de Controle e Prevenção de Doenças (CDC) estão cientes de um número muito pequeno de animais de es mação, incluindo cães e gatos, que estão infectados com o vírus que causa o COVID-19 após contato próximo com pessoas com a doença. O CDC recebeu dois relatos de gatos ficando levemente doentes com COVID-19 nos Estados Unidos. Ainda não há evidências de que animais de es mação possam espalhar o vírus para as pessoas. O primeiro caso de um animal com teste posi vo para COVID-19 nos Estados Unidos foi um gre com uma doença respiratória em um zoológico na cidade de Nova York. As autoridades de saúde pública acreditam que este gre, juntamente com outros seis grandes felinos, ficou doente após ser exposto a um funcionário do zoológico que estava trabalhando e com o vírus. Em 22 de abril, dois gatos na cidade de Nova York confirmaram testes posi vos de COVID-19 após cada um deles apresentar sinais respiratórios leves. Um gato mora com um dono que já havia testado posi vo para COVID-19. O outro gato não mora com

indivíduos que tenham sido posi vos, mas o vírus pode ter sido transmi do ao gato por um indivíduo assintomáco. No momento, não há evidências que sugiram que qualquer animal, incluindo animais domés cos, possa espalhar a infecção por COVID-19 para as pessoas. Os estudiosos estão constantemente pesquisando sobre o novo coronavírus, mas a única informação, no momento, é que, talvez o virus possa se espalhar de pessoas para animais em algumas situações. Os coronavírus (SARS-CoV-2 ) vivem e prosperam em animais há milhares de anos, mas muito pouco é conhecido por dar o salto de animal para humano e causar doenças. Os cien stas acreditam que a doença se originou nos morcegos-ferradura chineses (Rhinolophus mehelyi) antes de transmi r para um animal intermediário e, a par r daí, encontrar seu caminho nos seres humanos. O vírus é capaz de se injetar nas células, ligando-se a uma proteína da super cie celular conhecida como ACE2 (Angiotensin-conver ng enzyme 2 – Enzima conversora da angiotensina 2), que está presente em muitas espécies de animais. Ainda assim, os donos de animais estão compreensivelmente preocupados com a saúde de seus companheiros e como o COVID-19 pode afetá-los. Reunimos algumas informações importantes que você precisa saber sobre o coronavírus e seus animais de es mação, juntamente com pesquisas emergentes sobre como os animais podem espalhar ou ser afetados pelo coronavírus. P: Existe uma vacina COVID-19 para cães e gatos? R: Não existe vacina para COVID-19 para pessoas ou animais no momento. P: Os cães tomam alguma vacina com o nome de coronavírus? R: Muitos cães, por exemplo, são vacinados para outras espécies de coronavírus (Canino Coronavírus). No entanto, esta vacina não protege contra o COVID-19.


:P: O que é o coronavírus canino e quais são os sintomas e tratamento? R O coronavírus canino, chamado cien ficamente de CCoV, diferentemente do coronavírus causador da Sars ou Mers, tem como sintomas diarreia e vômitos. Caso não seja tratado, as consequências são desidratação, prostração e podem levar ao óbito, principalmente quando associados a outras doenças. A contaminação ocorre por via fecal-oral, de cão para cão, deixando filhotes, idosos ou animais imunodeprimidos mais susce veis. O tratamento consiste em dar suporte para o cão afetado, estabilizando os sintomas e fortalecendo o sistema imunológico para que este combata o vírus, já que não há um remédio que combata diretamente este agente.

R: A Associação Médica Veterinária Americana (American Veterinary Medical Associa on) e o CDC recomendam que qualquer pessoa doente com COVID-19 mantenha uma distância dos animais domés cos e de outros animais enquanto es ver com a doença, como faria com outras pessoas até que mais informações sejam conhecidas sobre o vírus. Quando possível, peça a outro membro da sua família que cuide deles, evitando acariciar, aconchegar-se, beijar ou ser lambido e compar lhar alimentos. Se você precisar cuidar do seu animal ou ficar perto de animais enquanto es ver doente, lave as mãos antes e depois de interagir com eles.

P: Posso con nuar levando meu cachorro para passear? R: Sim, mas para con nuar evitando a transmissão do vírus, é essencial que não haja interação com outras pessoas na rua, além de fazer passeios mais curtos. Em seguida, ao voltar para casa, é preciso que seja feita a higienização das pa nhas. Assim como devemos rar nossos sapatos antes de entrar em casa para não contaminar o ambiente, o mesmo deve ser feito com os cachorros. Portanto, lave bem as patas com água corrente e sabão, tomando o cuidado de não deixá-las úmidas. Se quiser, também é possível limpar, da mesma forma, o focinho, pois os cães tem a tendência de farejar o chão e todo o percurso feito durante o passeio.

P: Meu animal de es mação deve usar uma máscara facial em público? R: Não. Máscaras faciais podem não proteger seu animal de es mação da transmissão de doenças e podem causar outras dificuldades respiratórias. P: Quais cuidados que devo tomar durante passeios? R: A orientação é que, para passeios com seu pet em locais com aglomerações, como parques lotados, por exemplo, sejam evitados. O ideal é que o contato seja o menor possível para evitar a transmissão do vírus entre humanos.

Fonte: De Cicco Jornalista Idealizadora, Diretora de Conteúdo e Editora-Chefe do Portal Saúde Animal Auxiliar Pra co de Veterinária Lucia H Salve

P: Se eu for diagnos cado com COVID-19, como faço para proteger meu animal de es mação?


Ano de 1978 Câmara de Vereadores de Caçador o tempo que vereador não nha salário trabalhavam realmente em prol da Comunidade e nham que rar do bolso as despesas para o cumprimento do mandato na época era obrigatório ir as sessões de terno e gravata. Compravam as ves mentas do próprio bolso sem auxílio paletó. Da esq p/direita Flávio Cruz, Darci Frigeri, João Maria Gonçalves, Osvaldo Olienik, Nilson Thomé. Formandos 1968 Escola Técnica de Comércio Catarinense Turma Irmão Venâncio José "in memoriam» Lema: "Livres ou não, lutaremos sempre pela liberdade". Paraninfo: Antonio Comazze o Patrono: Lucir Telmo Christ Diretor: Ir. Albino More o Coordenador: Ir. Leo G. Resch Professores : Bel. Antonio Sordi, Dr. Jandyr, Eduardo Busato, Bel. Jucy Varela,João Fedechen, Luiz Francisco Comazze o, Luiz Carlos Gomes, Pe. Michel Rey, Plínio Fabiani, Dr. Remy Medeiros, Valdemar Fabiani

Turma do bolão Feminino 1968.

Neve no ano de 1985.


"Primeiro posto de gasolina de Caçador"... 1964 Largo Santelmo em frente ao Armazém do Mosche ão, onde posteriormente foi colocado um chafariz. A direita Antônio Pereira "Toninho" (funcionário do posto)

Kindermann de Caçador, com Galina, Zéca, Debiassi, Menegazzo, Miúdo, Paraná, Vilmar, Délcio, Cabinho, Zé Carlos e Maneca.

Hoje é parque central

Inauguração do Banco Nacional do Comércio, Descerrando a fita inaugural o saudoso Dr Costa Neves

Time dos Aliados Campeão Caçadorense ano de 1966. Zito, Tigre, Stein, Juarez, Banana, Telmo, Sangue e Jango.

Time amador de Caçador Ano 1955, Coringa,patrocinado pela Cervejaria Pressanto , detentora da marca Coringa , cerveja e guaraná . Madrinha do me Ivone Pressanto - Foto Regiane Pressanto


Aconteceu

Alcir Bazzanella



Pratique a coleta seletiva e separe o lixo. A cidade e o planeta agradecem. Cidade limpa. Direito seu, dever de todos.

Ÿ Limpeza Urbana Ÿ Coleta, Coleta Seletiva e Reciclagem Ÿ Operação de Aterros Sanitários Ÿ Implantação de Aterros Sanitários Ÿ Recuperação de Áreas Degradadas

Rua Conselheiro Mafra, 708 |Fone (49) 3563.2517 |Caçador, SC | Filial: Av. Herbert Hadler, 435 | Fone (53) 4141.1419 | Pelotas, RS


OPINIÃO

QUIRINO RIBEIRO Quirino@scc.com.br (49) 99947.2115

“Somos todos inteligentes até que a arrogância diga o contrário”. (Leleka) ELEIÇÕES MUNICIPAIS O Senado Federal não nha outro caminho a não ser adiar para novembro as eleições municipais previstas anteriormente para o dia 4 de outubro. Embora o texto ainda careça de discussão na Câmara Federal, onde deve encontrar mais resistências, a data atual não combina com os índices de contaminação do coronavírus, que não param de crescer. EMBORA TENHA REGISTROS Acima da média mundial, o país, de acordo com especialistas, ainda não a ngiu o pico e pouco se sabe quando isso vai acontecer. Outubro está demasiadamente perto e es car o prazo por mais um mês não afeta a jornada. Ao contrário, em tempos de isolamento, a campanha deve ganhar mais tempo, bastando serem man dos os prazos para as convenções. A ÚNICA RESSALVA É o pouco tempo definido pelos senadores para o segundo turno, de apenas 14 dias. Não dá, sequer, para os candidatos finalistas ar cularem alianças e apresentarem suas propostas ao público eleitor. Os defensores deste pequeno período entendem que dezembro deve ser reservado à burocracia pós-eleição, como registros e, sobretudo, análise das contas de campanha. A posse no dia 1º de janeiro deve ocorrer com todos os eventuais recursos julgados. Resta saber se a Câmara vai concordar. O FATO A SER CONSIDERADO É a implementação do pleito ainda este ano. Vários setores, e com sólidos argumentos entendem que adiálo para 2021 teria duplo efeito: facilitaria o enfrentamento à pandemia, por não gerar aglomerações num período crí co, e provocaria a coincidência de eleições que aliás no meu modo de ver seria a mais correta decisão. O PAÍS, DE CERTA FORMA Para de dois em dois anos por conta das eleições. Além dos custos, que são extremamente altos, a descon nuidade de muitas ações por conta da campanha eleitoral. Só isto jus ficaria a prorrogação dos mandatos. Mas de

acordo com o Supremo Tribunal Eleitoral, hoje, seria um contrassenso, sobretudo pelo pacto firmado nas urnas de 2016 de um mandato de apenas quatro anos, chegando a oito pela reeleição. EM 1980, PARA GARANTIR A COINCIDÊNCIA O mandato dos prefeitos eleitos em 1976 foi prorrogado por mais dois anos. A experiência se repe u em 1982, com os candidatos eleitos para um mandato de seis anos. Foi a úl ma jornada de seis anos, pois a Cons tuição promulgada em 5 de outubro de 1988 voltou os mandatos para quatro anos. O fim da reeleição e um mandato de cinco anos está na agenda, mas o Congresso protela tais decisões ao evitar uma reforma polí ca profunda. Quando isso vai ocorrer ninguém sabe. TERRA BOA ANTECIPA PROGRAMA Santa Catarina antecipou por um mês a liberação das cotas de sementes de milho com o obje vo de aumentar o cul vo e a produ vidade em suas lavouras. Com o Programa Terra Boa, o Governo do Estado inves rá R$ 18,6 milhões para apoiar a aquisição de 200 mil sacos de semente de milho. As sementes disponibilizadas pelo programa são de médio a al ssimo valor gené co, que geram um rendimento maior por hectare plantado. A intenção é diminuir o déficit do grão em Santa Catarina, trazendo mais compe vidade para as agroindústrias instaladas no estado e mais renda ao produtor rural. RICARDO MIOTTO O secretário adjunto da Agricultura destacou: "A cultura do milho é de suma importância para Santa Catarina, não só para a produção do grão, que é des nado para produção de ração, mas também para a produção de silagem, que alimenta nosso rebanho bovino. Além da aquisição de 200 mil sacas de semente de milho, o Programa Terra Boa contempla o kit solo saudável, kit apicultura, calcário, kit forrageira, somando mais de R$ 53 milhões em inves mentos. Os agricultores interessados em par cipar do Programa devem procurar a Epagri do seu município".


Geral Dia Mundial do Meio Ambiente O Dia Mundial do Meio Ambiente é comemorado em 05 de junho e é uma data importante para avaliarmos nossa postura com relação aos nossos recursos naturais. Atualmente nosso planeta tem sofrido graves agressões, como desmatamento e poluição, e essa data é o momento oportuno para avaliarmos o nosso impacto.

posteridade, com um meio ambiente em sintonia com as necessidades e esperanças humanas...”

Criado em 1972, na Assembleia Geral das Nações Unidas. A criação da data marcou a abertura da Conferência das Nações Unidas sobre o Ambiente Humano, também chamado de Conferência de Estocolmo, que reuniu 113 países e 250 organizações não governamentais.

A data foi criada com o obje vo de conscien zar a sociedade a respeito do meio ambiente e de como nossas a tudes podem causar impactos nega vos que afetarão as futuras gerações. Também tem por obje vo lembrar a população e governantes sobre a importância do meio ambiente e buscar medidas que garantam o desenvolvimento, mas não afetem a natureza.

Nessa ocasião a ONU (Organização das Nações Unidas) criou o Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente (PNUMA) e estabeleceu 26 princípios e Planos de Ações que visavam a maior proteção do meio ambiente, os quais estão apresentados na Declaração da Conferência da ONU sobre o Meio Ambiente. De acordo com essa declaração, “chegamos a um ponto na História em que devemos moldar nossas ações em todo o mundo, com maior atenção para as consequências ambientais. Através da ignorância ou da indiferença podemos causar danos maciços e irreversíveis ao meio ambiente, do qual nossa vida e bem-estar dependem. Por outro lado, através do maior conhecimento e de ações mais sábias, podemos conquistar uma vida melhor para nós e para a

Algumas dicas para preservação do meio ambiente Preserve as árvores. Não realize podas ilegais e nunca desmate uma área. É importante também não colocar fogo em propriedades, pois isso pode a ngir matas preservadas.


Cuide bem dos cursos de água. Nunca coloque lixo em rios, lagos e outros ambientes aquá cos e, principalmente, preserve a mata em volta desses locais. Essa mata protege contra erosão e assoreamento. Não pesque em épocas de reprodução e obedeça às regras que indicam a quan dade de pescado permi da. Também é importante não realizar a caça ilegal. Nunca compre animais silvestres sem registro. Ao comprar animais ilegais, você está construindo para o tráfico de animais, um problema mundial que afeta a biodiversidade de uma região, podendo até mesmo levar espécies à ex nção. Cuide bem do seu lixo. Nunca jogue lixo no chão, importando-se sempre com o des no adequado dele. Separar o lixo reciclável é importante para diminuir a quan dade de lixo nas grandes cidades.

Reduza o consumo de energia elétrica. Evite o consumo exagerado, lembrandose sempre de deixar aparelhos desligados quando não es verem sendo usados e apagar as luzes que estão iluminando ambientes desnecessários.

Reduza o consumo de água. Para isso, basta criar maneiras de aproveitar melhor água, como reu lizar a água da máquina de lavar, armazenar a água da chuva, não lavar calçadas com água e diminuir o tempo de banho.

Evite andar apenas de carro. Os carros poluem o meio ambiente, por isso, sempre que possível, opte por deixar o carro em casa. Você sempre pode optar por u lizar o transporte público de sua região, criar sistemas de caronas, andar de bicicleta ou ainda ir a pé, dependendo da distância a ser percorrida.

Compre apenas o necessário. A dica aqui é sempre se perguntar antes de uma compra: Eu realmente preciso? A produção exagerada de produtos ocasiona a exploração de nossos recursos de maneira descontrolada. Assim sendo, só consuma o necessário e só adquira produtos realmente importantes.

Reu lize, reaproveite e recicle tudo que for possível. Caixas e plás cos, por exemplo, podem ser u lizados para acondicionar objetos. Roupas que você não u liza mais podem ser doadas. Alguns produtos podem virar itens de decoração. O importante é sempre ter em mente que quanto mais diminuímos a nossa produção de lixo, mais preservamos o meio ambiente.


Agora em todo o Brasil pelo www.abonline.com.br Meu canal no YouTube Programa Alcir Bazzanella


UNIARP libera aulas demonstra vas de cursos de graduação. A UNIARP lançou nesta quarta-feira (27) uma plataforma com aulas gratuitas. Qualquer pessoa da comunidade poderá par cipar de aulas demonstra vas dos cursos de graduação. As aulas serão ofertadas até o mês de julho. A UNIARP vai emi r declaração de três horas para quem par cipar.

aula. A UNIARP não deixou de ofertar aulas durante o período de isolamento social. Neste período, as a vidades acontecem de maneira síncrona, com aulas realizadas em ambiente online.

Já estão disponíveis 25 aulas de diversos cursos da UNIARP. Semanalmente serão disponibilizadas novas aulas e novos conteúdos. Os ministrantes são docentes que atuam nos cursos de graduação. Nas aulas, os par cipantes conhecem a dinâmica da graduação e adquirem mais conhecimentos. Para assisr, o interessado precisa se cadastrar no site: h p://www.uniarp.edu.br/aulasgratuitas. No dia agendado, será enviado o link para acessar e fazer parte da

UNIARP parabeniza a FIESC pelos seus 70 anos A história da FIESC se confunde com o desenvolvimento econômico e social de Santa Catarina, pois uma indústria forte significa desenvolvimento para todos.

A FIESC foi fundada em 25 de maio de 1950 por sete sindicatos industriais, sob a liderança de Celso Ramos, com o obje vo de trabalhar pelo fortalecimento do setor.(Fonte: Ascom UNIARP)

O presidente da FIESC, Mario Cezar de Aguiar, no dia, em evento digital que celebrou os 70 anos da Federação, o apoio do setor industrial às medidas que preservam emprego e renda. “O Brasil precisa de foco, alinhamento e conciliação em torno das causas comuns. O industrial catarinense não abre mão da democracia, quer a harmonia entre os poderes e tem coragem para dizer que apoia as medidas do governo que geram e preservam empregos e desenvolvimento. Queremos rever o pacto federa vo que centraliza em Brasília os recursos arrecadados”, frisou. A celebração dos 70 anos da FIESC leva o conceito “Indústria, estado da arte”. Com ele, a en dade ressalta a beleza de transformar matéria-prima em produtos desejados e valorizados pelas pessoas, pois “estado da arte” é o mais próximo que se pode chegar da perfeição. Santa Catarina é destaque em todos os indicadores econômicos, especialmente nos ligados ao emprego.


Nem todo aquele que me diz: 'Senhor! Senhor! entrará no Reino dos Céus Evangelho (Mt 7,21-29): Nem todo aquele que me diz: 'Senhor! Senhor!', entrará no Reino dos Céus, mas só aquele que põe em prá ca a vontade de meu Pai que está nos céus. Naquele dia, muitos vão me dizer: 'Senhor, Senhor, não foi em teu nome que profe zamos? Não foi em teu nome que expulsamos demônios? E não foi em teu nome que fizemos muitos milagres?' Então, eu lhes declararei: 'Jamais vos conheci. Afastai-vos de mim, vós que pra cais a iniquidade'. Portanto, quem ouve estas minhas palavras e as põe em prá ca é como um homem sensato, que construiu sua casa sobre a rocha. Caiu a chuva, vieram as enchentes, os ventos deram contra a casa, mas a casa não desabou, porque estava construída sobre a rocha. Por outro lado, quem ouve estas minhas palavras e não as põe em prá ca é como um homem sem juízo, que construiu sua casa sobre a areia. Caiu a chuva, vieram as enchentes, os ventos sopraram e deram contra a casa, e ela desabou, e grande foi a sua ruína!». Quando ele terminou estas palavras, as mul dões ficaram admiradas com seu ensinamento. De fato, ele as ensinava como quem tem autoridade, não como os escribas. Hoje ficamos impressionados com a rotunda afirmação de Jesus: «Nem todo aquele que me diz: 'Senhor! Senhor!', entrará no Reino dos Céus, mas só aquele que põe em prá ca a vontade de meu Pai que está nos céus» (Mt 7,21). Pelo menos esta afirmação pede-nos responsabilidade perante a nossa condição de cristãos, ao mesmo tempo que sen mos a urgência de dar bom testemunho da fé.

Edificar a casa sobre rocha é uma imagem clara, que nos convida a valorizar o nosso compromisso de fé, que não se pode limitar apenas a belas palavras, mas que se deve fundamentar na autoridade das obras, impregnadas pela caridade. Um destes dias de Junho, a Igreja recorda a vida de S. Pelágio, már r da cas dade, no umbral da sua juventude. S. Bernardo ao recordar a vida de Pelágio, diznos no seu tratado sobre os costumes e mistérios dos bispos: «A cas dade, por muito bela que seja, não tem valor nem mérito sem a caridade. Pureza sem amor é como lâmpada sem azeite; mas diz a sabedoria: Que formosa é a sabedoria com amor! Com aquele amor de que nos fala o Apostolo: o que procede de um coração limpo, de uma consciência reta e de uma fé sincera». A palavra clara, com a firmeza da caridade, manifesta a autoridade de Jesus que desperta o assombro dos seus concidadãos: «As mul dões ficaram admiradas com o seu ensinamento. De fato, ele ensinava como quem tem autoridade, não como os escribas» (Mt 7,28-29). A nossa prece e contemplação de hoje, deve ir acompanhada por uma séria reflexão: como falo e atuo na minha vida de cristão? Como concre zo o meu testemunho? Como concre zo o mandamento do amor na minha vida pessoal, familiar, laboral, etc.? Não são as palavras nem as orações sem compromisso que contam, mas, o trabalho por viver segundo o Projeto de Deus. A nossa oração deveria expressar sempre o nosso desejo de obrar o bem e o nosso pedido de ajuda, uma vez que reconhecemos a nossa debilidade. — Senhor, que a nossa oração esteja sempre acompanhada pela força da caridade.


6

6


Nivaldo Narã

nivaldonara@colunista.com.br

Uso perigoso Conforme levantamento Vigitel: mostra que um quinto dos motoristas homens 19,6% e mulheres 18,8%, usam o celular enquanto estão dirigindo. As capitais que apresentam maior uso de celular na direção são: Belém 24%, Rio Branco 23,8% e Cuiabá 23,7%. O menor índice do celular em direção é observado em S

Aniversariantes em Caçador

Festejou no dia 10/6, seu aniversario, a médica caçadorense Gaby Nora, que mora em Blumenau e trabalha no Hospital Santa Isabel, da cidade. Foto divulgação: Instagram

Quedas

Comemora aniversário dia 22/6, Paulo Ricardo Oliveira, na foto com sua namorada Thaynara Ma os. Ele é Gerente de filial na Alfa Transportes. Foto divulgação: Facebook

No início de 2020, havia uma expecta va brasileira de o país chegar a 3 milhões de veículos produzidos até o final do ano. Mas a covid-19 derrubou os planos. Conforme a IHS Markit, consultoria internacional, es ma que o volume de 2020 não chegue a 36% da capacidade de produção u lizada. O Brasil chegou a ser o quarto maior produtor de veículos do mundo, com capacidade para produzir 5 milhões de veículos por ano.

Pirateando EUA A Presidência da República abriu licitação para a compra de 40 quilômetros de grades de ferro. Para uma ideia do que o volume representa; na posse de Bolsonaro foram 32 km de barreira em toda a Esplanada dos Ministérios. As alegações para a criação da fortaleza é que as grades impedirão manifestações próximas ao Palácio do Planalto.

Covid-19 no Brasil Dia 28/6 é a vez da professora, Izabel Salamoni, na foto com sua filha Heloisa. Foto divulgação: Facebook

A Organização Pan-americana de Saúde es ma em 88 mil, o número total de mortos por Covid-19, que deverão ser registrados no país até agosto. Rio, Nordeste e interior de São Paulo aumentarão muito o número de óbitos.


As cinquentonas poderosas

Ar sta na pandemia Nelson Sargento, autor de diversos sambas e que completa 96 anos no mês julho, colocou à venda seus ternos verde e rosa e a coleção de 150 vinis. É que a agenda de shows dele e de outros ar stas foi totalmente cancelada por causa da atual pandemia.

Natal 2020 Administradores de shoppings, muitos fechados, outros abertos, estão com as vendas todas comprome das e discutem como será o segundo semestre. Abrir espaço para crianças abraçarem e beijarem o Papai Noel, ninguém vai fazer fila para beijar e abraçar alguém. Não parece uma boa ideia. Deve ser um Natal sem contato sico, por isso as a vidades com Papai Noel devem desaparecer. Foto: Nivaldo Narã

A revista Essence Magazine, des nada a mulheres afroamericanas, está comemorando 50 anos. E para festejar escolheu para capa, uma aniversariante que também completou 50 anos, Naomi Campbell. O desafio era como fotografar a supermodelo, neste tempo de pandemia e isolamento social. Naomi encarou o desafio e produziu as próprias fotos pelo seu celular, que foi aplaudida por toda equipe da revista.Fotos: Naomi Campbell - divulgação

Gripezinha Em março, Bolsonaro, que sempre negou a gravidade da Covid-19. Garan u que o país não teria mais de 800 mortes. No momento com os óbitos caminhando para os 40 mil, passou a querer manipular as esta s cas. Por ordem sua, a pasta começou atrasar os bole ns para esconder as mortes dos telejornais. Agora quer recuar enquanto as Secretarias estaduais montam novo esquema de registro de óbitos.


Na Cozinha Com Alcir Bazzanella

Caldo de mandioca com bacon e calabresa Ingredientes 1 - 1kg de mandioca descascada 2 - 1 litro de água 3 - 250g de calabresa picada 4 - 100g de bacon picado 5 - 3 dentes de alho amassados ou picados 6 - 1/2 cebola grande ralada ou picada 7 - Sal a gosto 8 - Pimenta calabresa a gosto 9 – açafrão a gosto 10-Páprica picante a gosto 11-Cheiro verde a gosto

Modo de preparo Cozinhe a mandioca em uma panela, coberta com água, até que fique bem macia; Enquanto isso refogue o bacon e a calabresa no azeite, até dourar; Em seguida adicione a cebola e refogue até que ela murche; Adicione o alho e deixe refogando até dourar; Desligue o fogo e reserve este refogado; Transfira a mandioca cozida, junto com a água, para o liquidificador e bata até formar um creme; Transfira esse creme para a panela do refogado e adicione a água Tempere com sal a pimenta calabresa, açafrão e páprica picante a gosto; Leve ao fogo médio e mexa por mais dois minu nhos; Desligue o fogo e sirva em seguida; Se desejar, decore com calabresa frita e cheiro verde a gosto por cima. Acompanha torradas na manteiga e um bom vinho nto de preferencia Cabernet Sauvignon

Quer anunciar: (49) 3567 1584 (49) 98809 7373 – (49) 99807 1448 revistafeelingedumar@hotmail.com


Breve o Lançamento

Feeling Potencial de Caçador Mostre e divulgue sua empresa para o Brasil e o mundo Quer anunciar: (49) 3567 1584 (49) 98809 7373 – (49) 99807 1448 revistafeelingedumar@hotmail.com



Millions discover their favorite reads on issuu every month.

Give your content the digital home it deserves. Get it to any device in seconds.