SHE - Smart & Happy Environments #9

Page 1

MAGAZINE SHE

Nº 09 -

Metodologia Abayomi, vitalidade comunitária e blue zones

O observatório urbano e a transformação inteligente e feliz das cidades

Um mudança de era e não uma era de mudanças

2024
FEVEREIRO
&
ENVIRONMENTS
SMART
HAPPY
Personalidade Ana Beatriz Brandão

Saudações, queridos entusiastas de Ambientes

Inteligentes e Felizes

Écom imenso prazer que apresentamos a nona edição da Revista SHE - Smart & Happy Environments, destacando a notável trajetória da arquiteta Ana Beatriz Brandão. Desde sua infância como uma simples menina pobre, Ana Beatriz superou obstáculos com determinação, tornando-se uma renomada profissional na arquitetura. Sua jornada acadêmica, desde a graduação até o doutorado em gestão ambiental em Vila Real, Portugal, na UTAD, é um exemplo inspirador de perseverança. Ana Beatriz Brandão é uma vencedora que ilustra a beleza da busca incansável por conhecimento e a transformação pessoal que resulta desse comprometimento.

Nesta edição, destacamos também artigos que exploram temas relevantes e transformadores. Patrícia Fraga compartilha insights valiosos sobre a Metodologia Abayomi, a vitalidade comunitária e as Blue Zones, propondo a construção de cidades inteligentes e felizes. Abayomi Academy nos conduz por uma reflexão profunda sobre o Observatório Urbano e a transformação inteligente das cidades, enquanto Lu Ribeiro explora a influência da organização do ambiente no interior do indivíduo. Alessandra Ribeiro nos convida a refletir sobre uma mudança de era e não apenas uma era de mudanças, explorando as nuances de um mundo em constante evolução.

Na seção “O melhor da minha comunidade”, ressaltamos

iniciativas locais que impactam positivamente o cotidiano. A coluna “Cantinho da Criança” ganha voz especial, sendo escrita por Daniel Rocha, um autor de 8 anos. Essa seção oferece uma perspectiva interessante sob o olhar infantil e a relevância da criação de ambientes escolares que promovam o desenvolvimento integral das crianças, compartilhando insights valiosos sobre como as escolas devem ser.

E como parte das novidades da Abayomi Academy, temos o prazer de anunciar o lançamento do novo site, a reativação do Blog com mais de 25 colunistas internacionais e a introdução do Abayomi Academy International Awards. Esta premiação anual visa reconhecer líderes exemplares nas categorias Profissional de Destaque 2024 e Jovem Estudante de Destaque 2024, celebrando aqueles que contribuem significativamente para a construção de ambientes inteligentes e felizes ao redor do mundo.

Em tempos desafiadores, é essencial destacar histórias de sucesso e compartilhar conhecimento que inspire a construção de comunidades mais inteligentes e felizes. A Revista SHE continuará a ser uma plataforma que promove o pensamento inovador, a sustentabilidade e o bem-estar. Aproveitem a leitura e permitam-se serem inspirados por cada página deste exemplar dedicado à inteligência e felicidade em nossos ambientes.

2 SHE - SMART AND HAPPY ENVIRONMENTS
EDITORIAL

O

Metodologia Abayomi, Vitalidade comunitária e Blue Zones

O Observatório Urbano e a Transformação Inteligente e Feliz das Cidades

do Ambiente no Interior do Indivíduo

Um mudança de era e não uma era de mudanças

ABAYOMI ACADEMY

Organização sem fins lucrativos sediada na Flórida

Lake Worth, Florida, EUA

E-mail: contact@abayomiacademy.org

IMAGE BY FANJIANHUA ON FREEPIK.
Abayomi Academy 29
Novidades
Crianças 27
Cantinho das
18
22 Influência da Organização
14
10
melhor
8
6
da minha comunidade
Personalidade - Ana Bestriz Brandão
SUMÁRIO
O conteúdo dos artigos e publicidade nesta revista é de responsabilidade exclusiva de seu(s) autor(es) ou anunciantes e quaisquer opiniões aqui expressas não devem ser consideradas como uma posição oficial da Abayomi Academy. A reprodução e tradução para fins não comerciais são autorizadas, desde que a fonte seja citada e ficaremos felizes em receber uma cópia (publications@abayomiacademy.org). FOTO: FREEPIK.COM COVER EDITORAÇÃO: ANTONIO PAIM Pergunta & Resposta 33 Calendário 34

PERSONALIDADE

Ana Beatriz Brandão

1) Quem é Ana Beatriz Brandão?

Uma mulher que desbravou todos os desafios e oportunidades que apareceram em sua vida com muita dedição e comprometimento. Desde de uma simples menina pobre que venceu muitas dificuldades passando pela graduação em arquitetura, a pós-graduação em construção civil, na Universidade Federal, em Lavras MG, o mestrado em arquitetura e urbanismo na UFF, RJ ao doutorado em gestão ambiental em Vila Real, Portugal na UTAD. Me considero uma vencedora. Graças a Deus!

2) Qual projeto você considera que foi o mais importante para você na sua vida profissional? Por quê?

Fiz alguns projetos importantes, como o 1º laboratório de míssil brasileiro, entre outros projetos bélicos para a aeronáutica, hospitais, aeroportos, edificações de combate a incêndio, etc. coordenei os projetos do aeroporto de Maringá no Paraná, porém posso destacar o Aeroporto Internacional de Rio Branco, no Acre, pq além dos projetos executados tive a oportunidade de ser coordenadora de toda a obra durante 5 anos.

4 SHE - SMART AND HAPPY ENVIRONMENTS

Também a conclusão do Plano de Logística Sustentável (PLS)/2022 no Departamento de Controle do Espaço Aéreo (DECEA) incluindo 12 Organizações militares no Complexo Santos Dumont, RJ foi um trabalho que presidi com muita alegria com a oportunidade de trabalhar com uma equipe de 70 pessoas (multistakeholders) o que foi um grande desafio.

3) Você se dedica à sustentabilidade ambiental através da gestão, conscientização, educação e arquitetura. Como você relaciona essas áreas com a promoção de ambientes inteligentes e felizes?

Acredito que a felicidade nestes ambientes de trabalho educados ambientalmente (que se expandem até os dependentes em cada família) está na contribuição para a abertura e crescimento da compreensão de fatores nunca antes observados no tripé de sustentabilidade, com alteração da visão das pessoas para os cuidados em conviver bem em ambientes saudáveis.

4) O que é a Rede Rio de Sustentabilidade e como ela pode inspirar outras cidades?

A rede foi uma proposta de tese de doutorado que pode ser concretizada com a união de, aproximadamente, 83 órgãos públicos federais em prol do meio ambiente e da sustentabilidade, onde crescemos juntos com muitas contribuições e aprendizado, extraídos de profissionais valiosos sem fins lucrativos. A rede hoje existe em vários estados brasileiros com ramificações destas organizações.

5) Você percebe mudanças nas atitudes das organizações militares ou civis em relação à sustentabilidade ambiental nas cidades do Brasil ou do mundo após a pandemia?

Sim. Vem ocorrendo boas mudanças de hábitos, mas acredito que a pandemia causou lentidão nos movimentos que já estavam muito engajados. Como exemplo, podem ser citadas as dificuldades de gestão de resíduos gerados, principalmente os contaminados.

6) Qual a importância do gestor público ou privado com a qualidade de vida das cidades?

O gestor é o principal ator para a qualidade de vida, seja nas cidades ou nas organizações. Se não pudermos contar com o empenho, a colaboração e o com-

promisso do gestor, os trabalhos não conseguirão ser desenvolvidos e poderão ser estagnados. O nosso objetivo na Aeronáutica é estar com o gestor de maior patente à frente dos trabalhos. É ele quem aprova o PLS.

7) Quais ações sustentáveis você recomenda para serem adotadas, a curto prazo, pelos órgãos públicos que podem trazer benefícios ao meio ambiente e à qualidade de vida?

Recomendo adotar os 6 eixos temáticos da A3P, do MMA, e a legislação do MPOG, (a IN 10 e a legislação do PLS), hoje Ministério da Economia.

8) A sustentabilidade ambiental, o uso inteligente dos recursos e a promoção da felicidade são responsabilidades somente dos gestores ou cada cidadã(o) também tem seu papel nesse cenário?

Todos nós somos responsáveis e devemos estar comprometidos com a justiça social, a economia nos gastos públicos e privados e o meio ambiente. Devemos também eliminar a cultura do desperdício e incluir no dia a dia a volta ao ciclo de vida do que foi gerado e descartado para evitarmos a exploração desmedida da matéria prima, e assim, deixarmos um bom legado ao meio ambiente para as presentes e futuras gerações.

9) Como você relaciona seu trabalho com a promoção de ambientes inteligentes e felizes?

Todos os itens abordados no PLS estão relacionados a ambientes felizes e inteligentes.

5 SHE - SMART AND HAPPY ENVIRONMENTS
FOTOS: FREEPIK
O que você realmente gosta na sua comunidade que vale a pena conhecer e se inspirar no resto do mundo? Compartilhe conosco.

Olá a todos! Sou Miguel, um português orgulhoso que encontrou um lar longe de casa em Port Saint Lucie, na ensolarada Flórida. O coração da minha comunidade reside no encanto nostálgico do centro histórico, onde as ruas pavimentadas contam histórias do passado e respiram a simplicidade de uma cidade pequena americana. A beleza das fotos do calçadão da praia captura a essência da vida tranquila e descontraída, com seus bancos de azulejos decorados que refletem a riqueza da vida costeira.

À beira-mar, um simples balanço torna-se um refúgio sereno, enquanto o porta-retrato na areia, com a frase “Gostaria que você estivesse aqui”, simboliza o desejo de compartilhar as maravilhas deste lugar especial com aqueles ausentes. Port Saint Lucie é mais do que uma cidade para mim; é um capítulo encantador do meu livro de vida, repleto de lembranças calorosas e um convite constante para apreciar a beleza simples da vida.

Port Saint Lucie, FL, EUA

SHE - SMART AND HAPPY ENVIRONMENTS
O MELHOR DA MINHA COMUNIDADE
MIGUEL SILVA
FOTOS:

Da minha Cidade do Panamá, o que mais admiro é a nossa rica cultura e tradições: o artesanato com tecidos coloridos e pinturas expressivas dão uma vida especial ao centro da cidade, e nosso famoso chapéu panamenho, símbolo de nossa herança e habilidade artesanal que rodam o mundo.

Outro destaque é a fusão de arquitetura antiga e moderna que caracteriza nossa cidade. Desde as fachadas históricas até os arranha-céus modernistas, testemunhamos a convivência equilibrada entre o passado e o presente. Além disso, as praias tranquilas oferecem um contraponto sereno ao cenário urbano movimentado, e a vista para o mar, pontuada pelos arranha-céus, destaca a dualidade de nossa busca por tradição e inovação. A Cidade do Panamá é um reflexo cativante de diversidade cultural e arquitetônica, onde diferentes épocas coexistem de maneira harmoniosa.

Isabella Moreno Cidade do Panamá, Panamá

7 SHE - SMART AND HAPPY ENVIRONMENTS
FOTOS: ISABELLA MORENO

Metodologia Abayomi, Vitalidade comunitária e Blue Zones: Construindo Cidades Inteligentes e Felizes

Abusca por criar ambientes onde a felicidade floresce não é apenas um projeto profissional, mas uma missão de vida iniciada na infância com esboços de “cidades ideais”. Ao viver em diversas cidades, compreendi que a criação de ambientes inteligentes transcende tecnologia de ponta, centrando-se nos seres humanos. Estamos aqui pela visão de cidades acolhedoras. A jornada começa com a reflexão sobre a vitalidade comunitária nas cidades inteligentes, fundamentada nos pilares da Metodologia Abayomi™. Exploraremos as lições das Blue Zones, onde a longevidade e felicidade nascem de laços sociais e propósitos compartilhados. Lançaremos um desafio coletivo, pois a verdadeira inteligência está na ação. Convido todos a explorarem soluções, trilhando o caminho para cidades mais inteligentes e comunidades genuinamente felizes.

Entendendo a Metodologia Abayomi

Antes de nos aprofundarmos nas cidades inteligentes, é essencial compreender a evolução desse conceito. Para a Abayomi, tais cidades não são apenas centros tecnológicos, mas ecossistemas adaptados às necessidades dos habitantes. Testemunhamos uma metamorfose desde cidades tradicionais até as conectadas digitalmente, uma transformação profunda em como vivemos e interagimos. A inteligência da cidade, para nós, reside no uso adequado dos recursos para promover o bem-estar e a felicidade coletiva.

A Metodologia Abayomi, essencial para cidades inteligentes e cidadãos felizes, compreende seis pilares fundamentais:

8 SHE - SMART AND HAPPY ENVIRONMENTS

1. Cidadania Consciente: Capacita cidadãos para serem agentes de mudança, promovendo conscientização sobre direitos, responsabilidades e impactos.

2. Espaço Físico e Digital: Cria ambientes urbanos acessíveis, inclusivos e eficientes pela interconexão do espaço físico e digital.

3. Gestão Inovadora: Vai além das práticas administrativas tradicionais, incorporando abordagens ágeis e centradas nas necessidades da comunidade.

4. Comunicação inteligente: Unifica comunidades por meio de comunicação eficaz, disseminando informações e construindo pontes entre diferentes grupos.

5. Relações Humanas: As relações humanas fortalecem os laços entre vizinhos, colegas e amigos, sendo a base para uma sociedade mais coesa, solidária e feliz.

6. Saúde e Bem-Estar: A saúde e o bem-estar são princípios orientadores no design urbano para construir uma base sólida para uma comunidade próspera.

Ao integrarmos esses pilares da Metodologia Abayomi, criamos a base para cidades verdadeiramente inteligentes, onde a vitalidade comunitária floresce. Na continuação desse texto, exploraremos como esses princípios se manifestam na prática e moldam o futuro de nossas cidades e vidas.

A Essência da Vitalidade Comunitária

No segundo eixo deste texto, exploramos a vitalidade comunitária, o elixir que transforma cidades em lares vivos e significativos. Essa realidade concreta, observada em regiões bem desenvolvidas, reflete-se no bem-estar de cada cidadão, baseando-se na conexão humana e em relações inclusivas.

Essa vitalidade é a teia invisível que une cada pilar da Metodologia Abayomi, criando condições ideais para sua prosperidade. A cidadania consciente, espaços físicos e digitais interconectados, gestão inovadora, comunicação eficaz, relações humanas e saúde bem integrada formam o alicerce.

Compreendendo a relevância da vitalidade comunitária, percebemos que não há cidade verdadeiramente inteligente sem uma comunidade vibrante.

Construímos não apenas infraestruturas, mas ambientes que nutrem o espírito humano, pois a vitalidade comunitária é vital para o bem-estar de cada cidadão e a prosperidade da cidade. Exemplos cotidianos ilustrarão como esses princípios moldam nossas comunidades. Prosseguindo, exploraremos o terceiro eixo: as Blue Zones.

Lições das Blue Zones

O termo “Blue Zones”, criado por Dan Buettner em parceria com a National Geographic, refere-se a regiões como Okinawa, Sardenha e Nicoya, onde as pessoas vivem mais e desfrutam de qualidade de vida excepcional. Essas zonas são laboratórios vivos que oferecem lições valiosas sobre vitalidade comunitária, laços sociais e o papel do propósito na longevidade e felicidade. Vamos explorar essas áreas para inspirar nossas próprias comunidades inteligentes, saudáveis e felizes.

Okinawa, Japão

Em Okinawa, encontramos uma população que desafia as expectativas de envelhecimento. A lição fundamental reside nos fortes laços sociais cultivados ao longo da vida. Em vez de se isolarem, os idosos são entrelaçados em uma teia de conexões significativas. Amizades, família e pertencimento à comunidade não são apenas aspectos da vida, mas são elixires que nutrem o espírito e prolongam a jornada.

Sardenha, Itália

Na bela Sardenha, descobrimos o poder das refeições em família como um ritual sagrado. Compartilhar uma refeição não é apenas um ato físico, mas um elo emocional que une famílias e fortalece a coesão social. Aqui, a mesa se torna um altar de vínculos familiares e uma celebração da vida comunitária, onde a partilha de histórias e risos é tão essencial quanto a comida que nutre o corpo.

Nicoya, Costa Rica

Em Nicoya, o propósito impulsiona a longevidade e satisfação, sendo um comprometimento voluntário de todos com algo maior. Os habitantes encontram significado em contribuir ativamente para o bem-estar, seja por meio de atividades voluntárias, apoio so -

9 SHE - SMART AND HAPPY ENVIRONMENTS

cial ou compartilhamento de sabedoria. Essa busca coletiva cria uma teia de relações interconectadas, onde cada ação contribui para a narrativa da comunidade, proporcionando significado diário e uma base sólida para o bem-estar duradouro.

Desvendar essas lições revela valores fundamentais além de dietas e fórmulas mágicas. Cultivar laços sociais, refeições em família e propósito na vida, essenciais para o bem-estar coletivo, não depende de tecnologia, mas de recursos locais. Esses simples elementos formam as bases duradouras das Blue Zones, sustentando não apenas longevidade, mas felicidade genuína. Ao refletirmos sobre essas lições, somos desafiados a aplicá-las em nossas comunidades, transformando nossas cidades em espaços de vida significativa e conexões duradouras. Nas comunidades, vemos os alicerces da Metodologia Abayomi construindo uma vida saudável, feliz e inteligente.

Aplicação para Cidades Inteligentes e Cidadãos felizes

À medida que transformamos teoria em prática, as lições das Blue Zones e a Metodologia Abayomi ganham destaque na construção de cidades verdadeiramente inteligentes, saudáveis e felizes, integrando tecnologia à vitalidade comunitária. Visualizamos sistemas de segurança promovendo conexões e espaços urbanos adaptáveis, otimizando eficiência e estimulando interações sociais. A inovação social não é um acessório, mas o tecido que entrelaça a cidade. A chamada à ação ressoa vigorosamente, desafiando a adoção de práticas fortalecedoras das comunidades para um futuro onde cada cidadão não apenas sobrevive, mas prospera. A revolução começa em nossas ações diárias, inspirando mudanças coletivas e a construção de comunidades genuinamente felizes. Agradeço pela oportunidade de compartilhar ideias sobre vitalidade comunitária em cidades inteligentes e convido todos a explorarem soluções conjuntas, desbloqueando o potencial de felicidade comunitária.

PATRÍCIA FRAGA

Arquiteta e Urbanista com Ph.D., fundadora da Abayomi e Diretora Executiva da Abayomi Academy. Com mais de uma década de dedicação, ela atua como professora, cientista, escritora e palestrante em âmbito internacional, comprometida com a promoção de ambientes inteligentes e felizes.

SHE - SMART AND HAPPY ENVIRONMENTS

O Observatório Urbano e a Transformação Inteligente e Feliz das Cidades

OObservatório Urbano, liderado pela Abayomi Academy, é uma rede global de comunidades que visa solucionar desafios urbanos. Este centro de estudo sem fronteiras identifica, debate e avalia minuciosamente questões urbanas, promovendo compreensão, participação ativa e um banco de dados global. Um convite à ação e inovação, a iniciativa abraça a complexidade dos problemas urbanos, buscando soluções eficazes. Com núcleos locais, regionais e globais, a rede conecta comunidades, instituições e profissionais, enfrentando desafios urbanos e construindo cidades mais inclusivas. Participe ativamente desse movimento transformador, moldando o futuro urbano sustentável e feliz que todos desejamos. O Observatório Urbano é mais que uma

ideia; é uma revolução em movimento, moldando o amanhã com inovação e colaboração coletiva.

A Missão do Observatório Urbano

O Observatório Urbano emerge como uma força global com a ousada missão de transformar cidades, unindo esforços para superar desafios urbanos. Com a possibilidade de estabelecer Observatórios locais, regionais ou temáticos, todos interligados em uma rede internacional, a iniciativa representa uma revolução em prática. Funcionando como um centro de estudo aberto ao mundo, visa identificar, discutir e avaliar os desafios urbanos, compartilhando soluções já implementadas em diversas cidades. Esta plataforma de convergência reúne profissionais, insti-

12 SHE - SMART AND HAPPY ENVIRONMENTS

tuições e comunidades para buscar soluções eficazes e práticas para os problemas urbanos contemporâneos.

O Observatório Urbano convida à ação, colaboração e inovação, promovendo esforços conjuntos na construção de cidades mais inclusivas e aprimoradas. Celebrando a colaboração global, reconhece as cidades como locais de intercâmbio cultural, perspectivas diversas e experiências enriquecedoras. A participação ativa dos cidadãos é essencial, sendo a busca por cidades mais inteligentes e habitantes mais felizes a orientação fundamental. Entre os objetivos intrínsecos, destacam-se a união de comunidades sem fronteiras, a análise e discussão de desafios, o empoderamento comunitário através da participação e desenvolvimento de lideranças locais, o reconhecimento das potencialidades de cada comunidade, a criação de um Banco de Dados Global e a contribuição para promover cidades inteligentes e cidadãos felizes.

Como funciona

Comunidades, instituições e empresas criam núcleos do Observatório Urbano nas suas localidades, conectados ao Observatório central da Abayomi Academy para compartilhar informações globalmente. Ao criar uma rede mundial de Observatórios Urbanos, o projeto fomenta a colaboração entre comunidades, instituições e profissionais em todo o mundo. Esses núcleos, elos cruciais na busca por soluções urbanas, promovem a colaboração intercomunitária, compartilhando experiências e recursos.

O Observatório Urbano realiza reuniões periódicas dos núcleos, apoiados pela Abayomi Academy. Nessas sessões, os núcleos empreendem as etapas cruciais de identificação dos desafios urbanos, analisando minuciosamente questões desafiadoras na sua comunidade. Além disso, abordam as necessidades emergentes, promovendo a participação comunitária. A colaboração culmina em propostas de soluções eficazes, refletidas em planos de ação concretos, fundamentados em evidências sólidas e cooperação interdisciplinar. O Observatório busca conectar problemas a soluções, compartilhando experiências globalmente para inspirar resoluções locais inovadoras e eficientes.

O Observatório Urbano antevê impactos significativos ao abordar desafios urbanos. Os resultados es-

perados englobam melhorias sociais e econômicas, como qualidade de vida aprimorada, desenvolvimento sustentável, redução de desigualdades e fortalecimento comunitário. Enfatiza-se a ressignificação dos espaços arquitetônicos e urbanos e impactos mais profundos. Compromete-se também com a sustentabilidade ambiental, promovendo práticas ecológicas em transporte, energia, gestão de resíduos e preservação de áreas verdes. A infraestrutura é abordada, incluindo melhorias em transporte, habitação, energia e espaços públicos. A participação cidadã, projetos de reabilitação e programas educacionais visam empoderar comunidades, transformando cidades com aprendizados valiosos e superação de desafios.

Como participar

Participe ativamente do processo de transformação urbana da sua comunidade. Vamos explorar como você pode contribuir com suas próprias ideias, como se envolver em projetos de inovação urbana e como encontrar inspiração em exemplos de sucesso. Veja como o Observatório abre portas para a participação cidadã e a construção coletiva de cidades mais inteligentes e cidadãos mais felizes.

Crie um Núcleo Local

Empresas, organizações, instituições e comunidades podem criar seus próprios núcleos. Iniciar um Observatório Urbano local é um ato de cidadania e determinação, trazendo benefícios imensuráveis. Torne-se um agente de mudança capacitando sua comunidade a superar desafios urbanos. Entre em contato com a Abayomi Academy pelo e-mail observatory@abayomiacademy.org para obter mais informações. A Abayomi Academy oferece suporte contínuo, recomendando etapas como reunir uma equipe dedicada, identificar necessidades locais e colaborar com outros núcleos após a criação.

Participe de Núcleos Regionais

Os núcleos regionais reúnem vários núcleos locais em uma área geográfica, o que permite compartilhar conhecimento, recursos e estratégias eficazes para lidar com questões comuns, promovendo a troca de experiências, amplificação de impacto, influência política e aprendizado contínuo. A integração regional potencializa colaborações em projetos de maior escala.

13 SHE - SMART AND HAPPY ENVIRONMENTS

Participe de Núcleos Globais

Os núcleos globais conectam observatórios de diferentes partes do mundo. Isso permite que as comunidades compartilhem soluções, identifiquem tendências globais e trabalhem em iniciativas que afetam cidades em escala internacional. Alguns benefícios da integração global são a ampliação da perspectiva, inovação colaborativa, impacto e apoio internacional e intercâmbio cultural.

Sua Contribuição de cidadão é Valorizada

Seja residente, especialista ou interessado na comunidade, sua participação é crucial. Se ainda não existe um núcleo na sua empresa, comunidade ou institução, junte-se ao núcleo da Abayomi Academy, identifique desafios urbanos, proponha soluções e participe das discussões. Você ainda pode ser voluntário, envolver-se em projetos colaborativos, compartilhar suas habilidades com os núcleos do

Observatório Urbano ou participar de eventos comunitários. Sua contribuição é valorizada em diversas formas.

Cada ideia, ação voluntária ou proposta contribui para o futuro urbano sustentável e inclusivo desejado. À medida que a rede do Observatório Urbano cresce, nosso impacto global aumenta exponencialmente. O convite é universal: una-se, independentemente de origem ou habilidades, para tornar nossas cidades melhores. Ao enfrentarmos desafios, celebrarmos conquistas e avançarmos, construímos coletivamente o amanhã urbano merecido. Seja parte dessa jornada transformadora, moldando o futuro das cidades.

Entre em contato: observatory@abayomiacademy. org.

ABAYOMI ACADEMY

Uma associação de membros para unir profissionais interessados em promover ambientes inteligentes e felizes. Um lugar onde a educação e a pesquisa sobre ambientes e cidades inteligentes e felizes se fundem.

SHE - SMART AND HAPPY ENVIRONMENTS

Influência da Organização do Ambiente no Interior do Indivíduo

Em um mundo frenético, o lar se torna um refúgio essencial. Mais do que arrumar objetos, a organização é uma arte que harmoniza o ambiente com nossas necessidades e emoções, criando um oásis de paz e bem-estar.

Um ambiente organizado promove foco, clareza mental e serenidade. Já um ambiente desorganizado aumenta o estresse e a ansiedade. Estudos comprovam os benefícios da organização para a saúde física e mental, além de aumentar a produtividade e fortalecer os laços familiares.

A organização é a melodia essencial para a nossa vida. Ela transforma nossa casa em um templo de felicidade e realização.

Desvendando os Segredos da Desordem

Nossas casas, escritórios e ambientes digitais refletem quem somos. A desordem, como um maestro desafinado, cria uma sinfonia dissonante de obstáculos à paz interior, produtividade e saúde.

A bagunça impede o foco, a concentração e a criatividade. Gera estresse, ansiedade e desmotivação, roubando a paz interior. Mais do que um problema estético, a desordem é um sintoma de desequilíbrio que afeta todas as áreas da vida.

16 SHE - SMART AND HAPPY ENVIRONMENTS

Desvendar os segredos da desordem é restaurar a melodia da organização. Transformar a dissonância da bagunça em uma sinfonia harmoniosa de paz, produtividade e bem-estar. É abrir as cortinas para a luz natural, revelando o potencial adormecido em meio à cacofonia.

Organização: A Maestrina da Transformação

Em um mundo acelerado, a organização é a maestrina que harmoniza o lar, regendo a sinfonia da paz e da produtividade. A desordem, como maestro desafinado, cria obstáculos ao bem-estar. Dificulta o acesso aos objetos, gera estresse e impede o foco.

A organização, por outro lado, transforma o lar em um refúgio aconchegante. Facilita o dia a dia, otimiza o tempo e promove o bem-estar. Seus benefícios transcendem a estética:

• Reduz o estresse e ansiedade;

• Promove foco, clareza mental e sono reparador;

• Aumenta a produtividade e a qualidade de vida;

• Melhora a comunicação e o convívio familiar.

Mais do que uma técnica, a organização é um estilo de vida. Uma jornada de autoconhecimento que nos permite criar um ambiente que reflita a nossa verdadeira essência.

Ao escolhermos a organização como maestrina, abrimos as portas para um mundo de possibilidades:

• Paz;

• Produtividade;

• Bem-estar;

• Leveza;

• Harmonia;

• Plenitude.

Clutter Free Life: Uma Sinfonia de Liberdade

Em um mundo abarrotado, a organização pode ser um desafio. O Clutter Free Life te ajuda a encontrar a sua melodia, libertando-se do acúmulo compulsivo e construindo um lar que reflita paz e bem-estar.

Nossa abordagem multidisciplinar é única. Combinamos psicologia, terapia comportamental, organização e design de interiores para um suporte completo e personalizado.

Mais do que organizar objetos, transformamos hábitos e criamos ambientes inspiradores. Você aprenderá a lidar com emoções, desenvolver hábitos saudáveis e criar um lar que seja um refúgio de paz e produtividade.

Com o Clutter Free Life, a organização se torna uma sinfonia de liberdade. Cada passo te leva a uma vida mais leve, autêntica e plena.

O Descarte: A Primeira Nota da Harmonia

No compasso da organização, o descarte soa como um acorde fundamental, abrindo espaço para o novo e harmonioso. Desapegar-se de objetos que não agregam valor, seja por utilidade ou por carga emocional negativa, é a nota inicial da transformação.

Libertar-se do excesso é como limpar o palco para a melodia da paz e do bem-estar. Cada item descartado é um passo em direção à criação de um ambiente que reflita a sua verdadeira essência, livre de distrações e pesos desnecessários.

Ao abrir mão do que não serve mais, você abre espaço para o que realmente importa. É o primeiro compasso para construir um lar que te inspire, nutra sua alma e te traga a sinfonia da felicidade.

A Influência do Feng Shui na Sinfonia da Organização

A filosofia milenar do Feng Shui se entrelaça à organização como um maestro experiente, regendo a criação de ambientes que transcendem a funcionalidade e elevam o bem-estar. Através de seus princípios de harmonia e equilíbrio, o Feng Shui tece uma melodia espacial que beneficia o corpo, a mente e o espírito.

A escolha estratégica de cores, a disposição consciente dos móveis e a integração de elementos específicos transformam o seu lar em um santuário de paz e prosperidade. Cada peça cuidadosamente posicionada, cada cor vibrante e cada elemento natural contribuem para a sinfonia energética que nutre sua alma e inspira sua vida.

Com o Feng Shui, a organização se torna uma arte que transcende a estética, convidando a energia positiva a fluir livremente e harmonizar cada canto do seu lar. É a melodia perfeita para uma vida plena e abundante.

17 SHE - SMART AND HAPPY ENVIRONMENTS

Organização: Um Concerto para Todas as Áreas da Vida

A organização se eleva como um maestro sublime, regendo a sinfonia da harmonia em todos os aspectos da vida. Seu poder transcende o lar, ecoando na esfera profissional e pessoal, compondo a melodia perfeita para o sucesso e a plenitude.

No palco do trabalho, a organização do ambiente e dos e-mails traduz-se em produtividade e eficiência. Cada ferramenta organizada, cada email arquivado, contribui para a fluidez do trabalho e a conquista de metas com maior maestria.

Na vida pessoal, a organização do tempo e das tarefas se torna a batuta que rege a sua jornada. Gerenciar o tempo com sabedoria, priorizar tarefas e cumprir prazos com fluidez permite que você aproveite cada momento com mais leveza e significado.

Uma vida organizada é uma sinfonia atemporal, onde cada nota representa um passo em direção à realização dos seus sonhos. É a chave para alcançar seus objetivos com mais facilidade, aproveitar cada momento com mais plenitude e viver uma vida com mais propósito e felicidade.

Transformando Vidas Através da Organização

No palco da vida, a organização rege a sinfonia da transformação. Como Personal Organizer, testemunho o poder transformador da organização na vida das pessoas.

Clientes emagrecem, se tornam mais produtivos e fortalecem seus laços familiares após a organização de seus ambientes. A organização rege a vida em direção à felicidade e ao sucesso.

Mais do que otimizar espaços, a organização harmoniza corpo, mente e espírito. Eliminar a bagunça promove paz interior, clareza mental e aumenta a produtividade.

A organização é o caminho para a autorrealização. Cada passo representa a conquista de um novo objetivo. É a melodia perfeita para uma vida mais leve, plena e abundante.

Conclusão

A organização transcende a mera arrumação, elevando-se como uma melodia inspiradora que rege a vida em direção à felicidade e ao sucesso. Como uma maestrina experiente, a organização harmoniza o espaço físico e o interior do indivíduo, criando um refúgio aconchegante e uma base sólida para a conquista dos sonhos.

Ao eliminar a bagunça e criar um ambiente organizado, promove-se um estado de paz interior, clareza mental e aumento da produtividade. A organização se torna um caminho para a auto realização, onde cada passo representa a conquista de um novo objetivo.

Com a organização, você alcança seus objetivos com mais facilidade, aproveita cada momento com mais plenitude e vive uma vida com mais propósito e felicidade. É a melodia perfeita para uma vida plena e significativa.

Palavras-chave: organização, desordem, Clutter Free Life, descarte, Feng Shui, produtividade, bem-estar, transformação.

LU RIBEIRO

Administradora e MBA em Gestão Estratégica de Finanças, com 20 anos de experiência em políticas públicas. Personal Organizer e mentora do Projeto Clutter Free Life nos EUA.

18 SHE - SMART AND HAPPY ENVIRONMENTS

Um mudança de era e não uma era de mudanças

Aetnologia do termo “gestão” vem do geró, gerere, gessí, gestum, verbos latinos que significam: gerar, carregar, chamar a si e se complementa pela derivação substantiva do verbo, gestatio, que significa “gestação”. (CURY, 2002). Ou seja, gerir significa, em sua origem, o ato de cuidar e de gerar “outra vida” ou outra forma de vivenciar a experiência do viver.

Trazendo então a etimologia do termo “gerir” para o contexto empresarial, sob a ótica da gestão de pessoas, ele deveria ser considerado o estímulo e o cuidado de se formar sujeitos aptos a se tornarem independentes, a ter vida própria (pessoal e profissional), a ter a capacidade de estabelecer suas próprias análises e julgamentos (não no sentido de julgar, mas de se pensar de forma crítica e disruptiva).

Mas o que se vê nas corporações, na maioria das vezes, é justamente o contrário: normas, modelos, políticas que pré-determinam comportamentos e ainda, e talvez o mais grave, a imposição de uma interpretação da realidade vista pelos olhos daqueles que comandam as instituições e por consequência, o mundo onde se inserem. Uma relação construída e pautada na percepção do externo, da massa, de uma projeção do mundo que não é do indivíduo e que o leva a distorções de sua realidade afastando-o, muitas vezes, de seus reais objetivos e sonhos.

As consequências desse modo de gerir refletem na fragmentação dos pensares e dos processos, destituindo a capacidade de se articular ideias e pensamentos dentro de um contexto global complexo, que exige uma pos-

20 SHE - SMART AND HAPPY ENVIRONMENTS

tura multidisciplinar e sistêmica e por assim ser, resulta na impossibilidade de discussão de problemas fundamentais, mantendo-os ausentes deste cenário. Busca-se desenfreadamente por soluções de problemas que ainda nem podem ser claramente compreendidos. Isso induz ao enfraquecimento da responsabilidade, do comprometimento, do engajamento e da solidariedade, pois estes somente se consolidam por meio da interação do ser com o todo, mediante à geração do senso de pertencimento.

No entanto, o que mais se vê é a competição entre os pares em detrimento à cooperação. Essa noção introjetada nas pessoas de que sempre é preciso ser mais que o outro, abstrai a concepção de conjunto, de unidade, do senso de comunidade e dificulta as relações, as interelações e as correlações, visto que reduzir o contexto e a experiência, restringe o complexo ao simples e ao fragmentado e estando fragmentado em si, o próprio indivíduo tem dificuldades de estabelecer conexões que promovam encontros colaborativos e produtivos.

Por meio dessas considerações, torna-se relevante repensar e reconsiderar o “gerir” sob uma nova perspectiva e talvez pudéssemos pegar emprestada a filosofia de algumas redes sociais tal como o instagram, de compartilhar e curtir. Pense como seria legal uma efetiva rede “intrasocial” nas organizações onde as pessoas pudessem compartilhar seus projetos, suas entregas, suas dúvidas e ter contribuições que os ajudassem a aprimorar, a agregar valor ao seu trabalho.

As ideias e as propostas de trabalho teriam cada vez mais espaços compartilhados de discussão, levando a organização a um nível de transparência onde sua cultura, sua visão, sua missão, não seriam somente comunicados em belos quadros na recepção ou na aba de histórico do site da empresa. Pelo contrário: seriam construídas diariamente por meio de múltiplos olhares e contribuições de quem verdadeiramente a faz acontecer.

Mas, para que isso aconteça, é preciso ressignificar conceitos e modelos de gestão e liderança, criando dentro das organizações espaços de diálogos que resultem no empoderamento real das pessoas. A gestão através do “domínio” não é (ou pelo menos não deveria ser) o objetivo maior daqueles que tem a responsabilidade de gerar os retornos esperados pelas organizações. A liderança exercida por meio da dominação, do exercício do poder atribuído aos cargos

e as funções deve ser condenada a pena de morte, antes que ela continue condenando a todos a ambientes organizacionais onde a previsão do clima tende sempre a chuvas e trovoadas, tempos nublados, sujeitos inclusive, tsunamis e furacões cognitivos capazes de levar a banca rota a mais sólidas das estruturas.

A liderança participativa, compartilhada, servidora é o post (e a postura) que fará toda a diferença dentro dessa rede intrasocial uma vez que ela abrirá caminho para o desenvolvimento de conhecimentos, habilidades e atitudes muito mais alinhados com os propósitos organizacionais não pela obrigatoriedade da correção e melhoria dos pontos fracos de cada um, mas, ao contrário, pelo enaltecer dos pontos fortes dos indivíduos que juntos fazem o todo organizacional. Somente os líderes capazes de entender que seu crescimento e desenvolvimento está intimamente atrelado a formação de uma equipe de trabalho pensante, autônoma, inovadora poderão conduzir essas transformações necessárias, a começar por sua própria transformação.

O relatório do Índice Global de Competitividade por Talentos (GTCI – Global Talent Competitiveness Index , Davos, Suíça, 2019) relata de forma enfática a importância da promoção do comportamento empreendedor dentro das organizações visto que, diante unidades econômicas ágeis, onde as políticas, processos, produtos e serviços podem ser modificados rapidamente, ser competitivo exige uma postura mais ampla e sistêmica, no intuito de apresentar respostas mais eficientes pautadas na criação de espaços para adaptações e evolução.

E é aí que as vivências artísticas atuam como ferramentas de transformação. A transmutação decorrente da arte impacta não somente no objeto criado, mas talvez e com maior relevância, impacta em seu criador ao fazê-lo perceber que as mudanças decorrem daquilo que já existe em nós, por meio da maneira que fazemos uso do conhecimento. A arte produz a integração e a reconexão com aquilo que nos é mais caro: nossa essência. Assim, ela, por meio de sua ação simbólica é capaz de ampliar nossa percepção sobre as possibilidades de um legado efetivamente contributivo nas múltiplas dimensões do ser, fazendo com que deixemos de ser acumuladores intelectuais, escravos de nosso próprio saber.

A formação de CoPs - Comunidades de Prática por meio de vivências artísticas se justifica por compre-

21 SHE - SMART AND HAPPY ENVIRONMENTS

ender que a arte se torna um instrumento facilitador ao permitir que as barreiras lógicas sejam minimizadas, abrindo espaços para que possamos efetivamente interagir com o novo através de nossa potencialidade, forma leve e profunda ao mesmo tempo.

Outra característica essencial dos movimentos decorrentes da arte está na própria experiência, haja vista que ela nos possibilita o contato reflexivo com nossos pensamentos, sentimentos e desejos, trazendo à tona uma autoimagem realista, sem julgamentos e com um forte estado de presença e pertencimento, proporcionando assim, um resgate de nossa percepção sobre aquilo que somos, que podemos ser e de como podemos contribuir.

Em conformidade com a proposta de se usar a arte como instrumento de promoção das habilidades transformacionais tem-se também o desenvolvimento das habilidades sociais, essenciais para criação de mobilidade entre os mais diversos ambientes e stakeholders com diferentes valores, habilidades e competências.

Assim sendo, as comunidades de prática (CoPs), vivenciadas por meio da arte e apoiadas nos conceitos da teoria da autodeterminação ou Self-Determination Theory (SDT), passam a ser veículos não somente para se sonhar com um admirável mundo novo, mas para se criar movimentos práticos que reconfigurem os olhares para a gestão.

Para a SDT, o comportamento autodeterminado está pautado na promoção de três necessidades intrínsecas dos seres humanos: (a) relacionamento: sentimento de conexão com o grupo, (b) competência: percepção da autoeficácia e (c) autonomia: sensação de poder de escolha, haja visto que a promoção e o alinhamento desses três fatores produzem efeitos motivadores intrínsecos, os quais colaboram e corroboram com atitudes mais assertivas, inovadoras e criativas, além de nitidamente, interferir na gestão do clima, fazendo fluir as leves fragrâncias da segurança psicológica.

Quando seguras, as pessoas tendem a mostrar como realmente são, pois, a vulnerabilidade já não é mais um lugar de aversão e medo, mas sim um loccus de sua própria autenticidade, rica e contributiva em todos seus aspectos.

Desta forma, a promoção da diversidade cognitiva se torna não somente possível, mas emerge de forma natural das férteis e criativas personalidades e permeia cada um dos espaços organizacionais através de ações inovadoras. Isso porque a visão integral do sujeito passa a ser regra e não mais a exceção, distendendo as competências em habilidades e atitudes efetivamente pautadas na gestão da diversidade, vindas da autoconsciência, da autenticidade, do ajuste interno do senso de direção e propósito e da mentalidade do iniciante – aberta efetivamente para o aprendizado.

A tomada de consciência da complexidade, somada às habilidades de perspectiva se tornam então elementos basilares do pensar de forma crítica e da estimulação do senso de sentido, assim como as habilidades de comunicação, mobilização e co-criação otimizam o desenvolver das habilidades sociais.

Concluindo, este é sem dúvida um momento de transmutação e disruptura dos velhos modelos, visto que evoluir pressupõe se colocar diante do novo de maneira mais leve, se permitindo experenciar o insólito. A tecnologia é uma grande aliada sim nesse processo, mas a criatividade e a inovação vêm do humano e de seu potencial, que quando encontra espaços para ser, transforma o mundo.

ALESS RIBEIRO

Entusiasta da humanidade, acredita no potencial humano e é uma aprendiz contínua, com formação em administração e mais de 20 anos como professora e pesquisadora em desenvolvimento humano. Fundadora da Apoema Diálogos e Movimentos, colabora com as artistas Deise Carrijo e Fabiana Vilhena, proporcionando vivências artísticas que exploram o autoconhecimento e o potencial nos âmbitos pessoal e profissional.

22 SHE - SMART AND HAPPY ENVIRONMENTS

Como disse o escritor Rubem Alves no seu texto “Crianças”:

“Criança tem um olhar encantado [...] Os olhos dela se encantam com tudo: as formas das sementes, as plantas, as flores, os bichos, os riachinhos.[...]

O sábio é um adulto com olhos de criança.”

Você é nosso(a) convidado(a) para essa viagem ao encanto e sabedoria do mundo infantil. Essa coluna ganha novo título em 2024: “Cantinho das crianças”.

Venha ampliar seu olhar para além do que os adultos e experts profissionais conseguem ver. Que você possa resgatar o olhar especial das crianças sobre as coisas do mundo e a dinâmica da vida.

Escolas devem ser um lugar para ser feliz

Olá, sou Daniel Rocha e estou aqui para falar sobre como as escolas podem ser um lugar mais feliz para todos nós. Você sabe o que seria realmente incrível? Se as escolas estivessem mais próximas de nossas casas, não teríamos que caminhar tanto, principalmente em dias quentes ou chuvosos. Minha escola fica a cerca de 30 minutos a pé da minha casa e aposto que muitos de vocês têm distâncias semelhantes para viajar. Não seria ótimo se menos crianças tivessem que ir de carro para a escola? Isso significaria uma fila mais curta de carros na entrada e saída da escola. Ou o governo poderia fornecer mais ônibus escolares. Além disso, eles deveriam planejar melhor as pistas para os carros. Na minha escola, eles poderiam dobrar o espaço de entrada dos carros, o que ajudaria a diminuir a fila e deixaria todos mais felizes.

Dentro da sala de aula, mais tecnologias interessantes poderiam nos ajudar a aprender, como computadores interativos e videogames educacionais. Ah, e definitivamente mais livros também! Porque ler é incrível! E que tal adicionar mais artes, artesanato, música e instrumentos? O recreio poderia ser mais longo, uns 30 a 40 minutos, e poderíamos jogar fute-

bol e praticar diversos esportes. E na hora do almoço, e se mais gente ajudasse no refeitório? Dessa forma, professores e funcionários poderiam conversar conosco e poderíamos conversar com nossos amigos sem problemas.

25 SHE - SMART AND HAPPY ENVIRONMENTS
CANTINHO DAS CRIANÇAS

E você sabe o que mais? Os professores devem ser gentis e compreensivos quando temos dúvidas ou precisamos de ajuda. Eles poderiam nos ensinar coisas um pouco mais difíceis para nos preparar melhor para o ano seguinte. E o governo e as escolas particulares deveriam dar mais valor aos professores, pagando-lhes mais e reconhecendo todo o seu trabalho árduo. Ah, e é super importante ter uma boa educação, aprender a ler, fazer contas e comer alimentos saudáveis na escola. Adoro brincar no recreio, almoçar com os amigos e aprender coisas novas. Então, o que você acha? Você concorda comigo? O que mais você acha que deveríamos ter na escola para nos fazer felizes? Vamos conversar a respeito disso!

Tem 8 anos, é estudante do terceiro ano do Ensino Fundamental na Flórida, EUA, escritor desde os 4 anos, adora esportes e traduz suas ideias e pensamentos em textos e desenhos.

26 SHE - SMART AND HAPPY ENVIRONMENTS

A Abayomi Academy passou por uma reestruturação geral e traz muitas novidades a partir do mês de março: novo website e muito mais benefícios para seus membros.

O Blog da Abayomi Academy está sendo reativado em março, trazendo mais de 25 colunistas de diversas partes do mundo, com um conteúdo inspirador para profissionais que buscam a promoção de ambientes mais inteligentes e mais felicidades para as pessoas.

Estamos trabalhando na agenda dos cursos e atividades para 2024! Você vai poder disfrutar de webinares, Semana da Felicidade, oficinas de Bioconstrução, workshops e diversos cursos presenciais e virtuais, lançamento de nosso primeiro curso de pós-graduação e muito mais. Fique ligado nas nossas mídias sociais e no nosso website (www.abayomiacademy.org) para saber de tudo que vai acontecer esse ano.

Abayomi Academy Awards: Destacando os Campeões do Ano!

A Abayomi Academy tem a alegria de anunciar os Abayomi Academy International Awards, uma premiação anual dedicada a reconhecer os líderes exemplares nas categorias Profissional de Destaque 2024 e Jovem Estudante de Destaque 2024. Com a missão de celebrar o compromisso com a excelência, estamos empolgados em revelar que os vencedores serão agraciados com os prestigiosos prêmios Ouro, Prata e Bronze, respectivamente para 1º, 2º e 3º lugar e certificado de reconhecimento para 4º e 5º lugares.

Sub-Categorias

Cidadania Consciente, Espaço Físico, Espaço Digital, Gestão Inovadora, Comunicação Inteligente, Relações Humanas e Saúde & Bem-Estar.

27 SHE - SMART AND HAPPY ENVIRONMENTS
ABAYOMI ACADEMY
NOVIDADES

Processo de Indicação

De 15 de março a 30 de abril, convidamos a comunidade internacional a indicar os profissionais e estudantes notáveis através do formulário que estará disponível no site da Abayomi Academy e em nossas redes sociais.

Link para Indicações: https://forms.gle/VLjeGysYYKCR3gWW7

Período de Votação Popular

De 01 de maio a 30 de junho, abrimos as votações para que o público escolha seus favoritos em cada categoria. Participe, pois seu voto faz a diferença!

Anúncio dos Vencedores

Os resultados serão divulgados no dia 05 de julho, celebrando os campeões que se destacaram em suas áreas.

Cerimônia de Premiação

A emocionante cerimônia ocorrerá em 05 de setembro em um local a ser divulgado. Será uma noite inesquecível de celebração e reconhecimento.

Prêmios da Academia

Profissionais

• Ouro: Certificado de Reconhecimento como Profissional Destaque Internacional 2024, Destaque em Publicações e Mídias Sociais da Abayomi Academy, um ano de associação gratuita e Bolsa de Estudo de 100% na Abayomi Academy.

• Prata: Certificado de Reconhecimento como Profissional Destaque Internacional 2024, Destaque em Publicações e Mídias Sociais da Abayomi Academy, um ano de associação gratuita e Bolsa de Estudo de 70% na Abayomi Academy.

• Bronze: Certificado de Reconhecimento como Profissional Destaque Internacional 2024, , Destaque em Publicações e Mídias Sociais da Abayomi Academy, um ano de associação gratuita e Bolsa de Estudo de 50% na Abayomi Academy.

• 4º e 5º lugares: Certificado de Reconhecimento como Profissional Destaque Internacional 2024.

Estudantes

• Ouro: Certificado de Destaque Internacional Acadêmico, oportunidade de mentoramento com líderes da Abayomi Academy, Destaque em Publicações e Mídias Sociais da Abayomi Academy, um ano de associação gratuita e Bolsa de Estudo de 100% na Abayomi Academy.

• Prata: Certificado de Destaque Internacional Acadêmico, Destaque em Publicações e Mídias Sociais da Abayomi Academy, oportunidade de mentoramento com líderes da Abayomi Academy, um ano de associação gratuita e Bolsa de Estudo de 70% na Abayomi Academy.

• Bronze: Certificado de Destaque Internacional Acadêmico, Destaque em Publicações e Mídias Sociais da Abayomi Academy, oportunidade de mentoramento com líderes da Abayomi Academy, um ano de associação gratuita e Bolsa de Estudo de 50% na Abayomi Academy.

• 4º e 5º lugares: Certificado de Destaque Internacional Acadêmico 2024.

Estes prêmios foram criados para não apenas reconhecer, mas também apoiar o crescimento contínuo e o impacto positivo na vida desses notáveis profissionais e estudantes. Junte-se a nós nesta jornada de celebração!

28 SHE - SMART AND HAPPY ENVIRONMENTS

QUAIS SÃO OS PRINCIPAIS BENEFÍCIOS DE SE ASSOCIAR À ABAYOMI ACADEMY?

Abayomi Academy responde.

Ao se tornar membro da Abayomi Academy, você desfruta de uma série de benefícios exclusivos. Destacamos alguns:

• Networking Exclusivo: Integre uma comunidade de profissionais internacionais altamente qualificados, ampliando suas conexões e oportunidades de colaboração.

• Acesso a Conteúdo Exclusivo: Explore artigos, pesquisas e insights exclusivos em nosso blog e na revista digital “SHE - Smart & Happy Environments.”

• Descontos em Atividades e com Parceiros: Aproveite descontos em cursos, eventos e produtos oferecidos por nossos parceiros, enriquecendo sua jornada profissional.

• Participação em Eventos Exclusivos: Tenha acesso prioritário a eventos virtuais e presenciais, promovendo interações valiosas e aprendizado contínuo.

• Certificado de Membro Associado: Receba reconhecimento oficial pela sua contribuição e faça parte de uma comunidade comprometida com ambientes inteligentes e saudáveis.

Estes benefícios proporcionam uma experiência enriquecedora, conectando você a oportunidades únicas e impulsionando seu crescimento profissional. Lembramos que a associação à Abayomi Academy está aberta tanto para indivíduos profissionais quanto para empresas.

Seja como representante de sua carreira ou organização, junte-se a nós na construção de ambientes mais inteligentes e felizes!

SHE - SMART AND HAPPY ENVIRONMENTS PERGUNTA & RESPOSTA

CALENDÁRIO

Embarque em uma jornada pelo cenário inovador das Cidades Inteligentes, Cidades Verticais e Mobilidade Urbana com o nosso abrangente calendário de eventos. Este guia meticulosamente curado é destinado a profissionais, entusiastas e interessados nos campos do desenvolvimento urbano e tecnologia. Ele serve como seu portal para os eventos mais cruciais e esclarecedores que estão moldando a maneira como entendemos, projetamos e habitamos nossos ambientes urbanos. Desde simpósios iluminadores até fóruns envolventes e exposições de ponta, nosso calendário é uma ponte para o futuro da vida urbana, oferecendo visões sobre o planejamento sustentável da cidade, urbanização vertical e a revolução na mobilidade urbana. Engaje-se com líderes de pensamento, inovadores e agentes de mudança que estão à frente na criação de cidades mais inteligentes, resilientes e inclusivas para o amanhã.

MARÇO - 2024

World Happiness Week

Online by World Happiness Foundation

15-24/03

20/03

https://worldhappiness.foundation/fest/about/

“Mosaico da Felicidade: Perspectivas Diversas”, um bate-papo online instigante e inspirador apresentado pela Abayomi Academy para celebrar o Dia Internacional da Felicidade.

No canal do Youtube da Abayomi Academy: https://www.youtube.com/@abayomiacademy.

SMART CITY EXPO CURITIBA

20-22/03

21/03

https://smartcityexpocuritiba.com/

1º Encontro Internacional Sobre Normas Técnicas de Cidades e Comunidades Sustentáveis ABNT/ISO

https://abnt.org.br/1o-encontro-internacional-sobre-normas-tecnicas-de-cidades-e-comunidades-sustentaveis-abnt-iso/

Gostaria de apresentar seu evento em nossas futuras edições? Por favor, envie um e-mail para publicação@abayomiacademy.org para mais informações.

33 SHE - SMART AND HAPPY ENVIRONMENTS

Turn static files into dynamic content formats.

Create a flipbook
Issuu converts static files into: digital portfolios, online yearbooks, online catalogs, digital photo albums and more. Sign up and create your flipbook.