Issuu on Google+

Ano III - Edição nº 13 - Abril/2013

R$

6,99

EM EVIDÊNCIA

1


2


3


T

Editorial

oda vez que alguém canta “Parabéns pra você” aparece um engraçadinho que puxa o coro do “Com quem será que Fulana vai casar?”. Agora que a Revista Mulher em Evidência completou dois anos, a gente pode responder a essa pergunta com facilidade: a revista vai continuar casada com as histórias de vida das mulheres de Avaré e região. Este tem sido nosso compromisso. E é extremamente gratificante encarálo. Mas isto não significa que seja fácil. Aliás, como uma andorinha sozinha nunca fez e nunca fará verão, preciso aproveitar esta oportunidade para agradecer aos nossos parceiros. E cito aqui os empresários que oferecem suas marcas para fazer a revista chegar até nossas leitoras (e leitores também, por que não?), aos profissionais que escrevem artigos especializados, aos jornalistas, fotógrafos, equipe gráfica, diagramadores, pontos de venda... nossa, a lista é enorme, nem daria para citar todo mundo! Nesta edição especial de aniversário, fomos ousados e colocamos cinco mulheres bem diferentes na capa. Diferentes histórias, diferentes jornadas, mas uma qualidade em comum: são todas mulheres batalhadoras. Espero que você leia e se identifique com alguma delas. Ou, talvez, com todas elas. Paula Andrades

4

Expediente DIRETORA RESPONSÁVEL Paula Andrades E- mail : revistamulheravare@hotmail.com PROJETO GRÁFICO E DIAGRAMAÇÃO A6 Publicidade - (14) 3733-9364 - www.a6publicidade.com.br LOGOMARCA: Mira Designer DEPARTAMENTO DE VENDAS: Paula Andrades - Cel (14) 9742-4008 | (14) 3732-4212 Cristina Martins - Cel (14) 9760-0499 COLUNISTA/ARTICULISTA Guma Castellucci FOTOS CAPA Studio Forte Hotel Villa Verde COLABORADORES Pi Negrao Alexandre Koch Faça já sua assinatura e receba as edições na comodidade de sua casa ou empresa. Aproveite essa oportunidade e assine a Revista Mulher em condições especiais. É fácil, ligue (14) 9742-4008 ou envie um email para revistamulheravare@hotmail.com


5


6


Fluxo Papilar F

luxo papilar consiste na saída de líquido pelo mamilo, fora do período gestacional ou amamentação. A associação com o câncer é pouco frequente.

Os fluxos podem ser unilaterais ou bilaterais, por um ducto apenas (uniductal) ou vários (multiductal), galactorréicos (secreção de leite) e não galactorréicos. A secreção de leite está presente de forma fisiológica durante a gestação, amamentação e após o término do aleitamento que varia em cada caso. Fora deste período está associada a ingestão de medicamentos, estresse, doenças da tireode ou até a tumores da hipófise (prolactinoma). Entre os medicamentos, os mais comuns são os anticoncepcionais orais, antidepressivos, alguns anti-hipertensivos, anti-heméticos, etc. Pode estar associado a outros sintomas clínicos, dentre eles, irregularidade menstrual e infertilidade. Quando há supeita da origem ser da tireóide ou hipófise, deve-se dosar a prolactina no sangue e os hormônios tiroidianos a fim de elucidar a causa e havendo suspeita de prolactinoma (tumor produtor de prolactina), a tomografia ou a ressonância da sela turca (cabeça) está indicada. O tratamento é essencialmente medicamentoso, ou seja, não cirurgico.

O fluxo papilar bilateral, proveniente de vários ductos, de coloração esverdeada, amarelada ou marrom escura que surgem durante a expressão do mamilo, geralmente está associado a ectasia ductal (dilatação dos ductos da mama) ou a outras alterações benignas que não necessitam de intervenção. Já o fluxo papilar uniductal, unilateral, sanguinolento (excluindo aquele provocado pela trauma da expressão persistente), transparente ou amarelado (seroso), principalmente quando espontâneo (mancha no sutiã) associado ou não a nódulo palpável é considerado um fluxo suspeito para malignidade e deve ser investigado cirurgicamente. Pode ocorrer no papiloma, pequeno nódulo benigno que cresce no interior do ducto e, mais raramente em torno de 5% das vezes, no carcinoma papilífero (tipo de câncer de mama). A citologia do fluxo tem valor para orientação apenas. A mamografia e a ultra-sonografia são métodos complementares pouco elucidativos mas, são importantes para afastar a presença de câncer. A cirurgia consiste na retirada do setor da mama correspondente a origem do fluxo. Pode ser orientado pelo ponto de gatilho, ponto que quando comprimido provoca a saída do líquido pelo mamilo ou pela identificação da alteração do ducto pela ultra-sonografia. Dra Mariana Rosário - CRM 127.087 Ginecologia Obstetrícia Mastologia

7


Transtorno do Sono na Menopausa A

menopausa marca o final do período reprodutivo feminino. É um processo marcado por uma série de adaptações metabólicas, hormonais, psíquicas e sociais. A transição é lenta e progressiva, o período sintomático é variável e pode se arrastar por anos,chega acompanhada de irritabilidade, insônia, ondas de calor, suor noturno, ansiedade, cansaço e diminuição da atenção e memória e roncos. A apneia (interrupção da respiração) e o ronco também podem ser alguns elementos da lista de características da fase em que a mulher deixa de produzir hormônios, geralmente entre os 45 e 55 anos. Durante o período defertilidade as mulheres ficam protegidas dos distúrbios respiratórios do sono (ronco e apneias). “Isso acontece devido à presença da progesterona e do estradiol, por exemplo, mas as mulheres sofrem mais de insônia devido à osci-

8

lação desses mesmos hormônios em função do ciclo menstrual. Quando os ovários entram em falência devido ao envelhecimento, as mulheres tendem a roncar tanto quanto os homens, principalmente se houver aumento de peso” O mais importante é buscar o diagnóstico assim que os primeiros sintomas aparecerem. O principal exame que deve ser feito é a polissonografia (PSG), para que, em seguida, se inicie o tratamento de acordo com a necessidade de cada caso. O ronco é o primeiro sinal de alerta que o corpo emite para avisar que alguma coisa errada está acontecendo com a respiração durante o sono. O problema começa a piorar quando esses ruídos estão intercalados pelas apneias. Essas paradas respiratórias repetitivas ao longo da noite diminuem a oxigenação do organismo, fragmentam o sono e, por causa disso, impedem que pessoa atinja os estágios profundos do sono.


Os sintomas imediatos da má qualidade de sono são a sonolência excessiva diurna, acordar com a garganta seca, ou tomar água varias vezes durante a noite, acordar cansada, dores de cabeça pela manhã, perda de memória. A sonolência diurnarepresenta grande perigo, pois aumenta as chances de a pessoa se envolver em acidentes graves de trânsito e de trabalho. Com o passar do tempo, o sono fragmentado causa alterações metabólicas sérias que deixam a pessoa suscetível a doenças crônicas, como alterações cardíacas, obesidade, diabetes tipo 2, queda da imunidade, impotência, infarto do miocárdio e derrame (AVC). Outro transtorno do sono muito frequente é a insônia. A insônia é sintoma que pode ser definido como a dificuldade em iniciar e/ou manter o sono, presença de sono não reparador, ou seja, insuficiente para uma boa qualidade de alerta e bem-estar físico e mental durante o dia, com o conseqüente comprometimento do desempenho nas atividades diurnas. Enquanto a ocorrência de insônia em mulheres com mais de 30 anosvaria de 26 a 45%, estudos epidemiológicos mostraram aumento da sua incidência após a menopausa para cifras entre 28 e 63%. Estudos utilizando polissonografia evidenciam que mulheres na pós-menopausa apresentam latência aumentada para o início do sonoe dificuldade para mantê-lo, tendo, portanto, menos eficiência do sono. Não está claro,se essas alterações decorrem do estado hormonal alterado nesse período ou do próprio envelhecimento. Além disso, fatores que ocorrem na pós-menopausa, como ondas de calor, nictúriae alterações de humor, poderiam ter papel

mais relevante nos distúrbios do sono do que o estado hormonal per si. Existe vários sub grupos de insônia, assim dependendo da causa da insônia, como depressão, ansiedade e outras, é que é instituído o tratamento adequado, e os benzodiazepínicos, chamados de “calmantes”, deve ter seu uso restrito as orientações do médico assistente ou por especialistas em sono, devido a alta probabilidade de causar dependência física as medicações. Assim é de bom termo ter sempre uma orientação profissional. Outro distúrbio de sono que pode levar à queixa de insônia é o movimento periódico de pernas (MPP). MPP e síndrome das pernas agitadas ou inquietas (SPI) é manifestação clínica em que os pacientes relatam um irresistível movimento de membros inferiores acompanhado de sensações de “arrastamento” das pernas. Estes sintomas podem levar a despertares noturnos, insônia e irritabilidade. A prevalência de MPP é maior em pacientes idosos: 5% em indivíduos entre 30 e 50 anos, 29% entre 51 e 54 anos e 44% naqueles com idade superior a 65 anos. As queixas de MPP são referidas por 30% de pessoas anêmicas ou com artrite reumática e por 15 a 20% de pacientes urêmicos ou com predisposição. O diagnóstico é feito pelos sintomas clínicos e pela Polissonografia e o tratamento deve ser realizado com médicos com experiência nas patologias do sono e normalmente se utilizam para pernas inquietas e movimento periódico de pernas medicações agonitas da dopamina. Vicente José Schiavão - Neurologista Clinica Neurológica Avaré R. Domiciano Santana, 1096 - Avaré. Fone 3732-4887 - 3732-4606.

9


Psicologia da Saúde

“Quem já não se pegou enxugando as lágrimas frente à outra pessoa em sofrimento?”

E

xpressar angústia é uma forma de pedir auxílio, mesmo quando nem a própria pessoa tem clareza do que sente; alguns defendem que além de funcionar como mecanismo de autoproteção contra situações desgastantes, o rebaixamento de humor nos faz rever atitudes. A tristeza sempre incomoda mesmo que não seja a nossa. Em uma sociedade na qual o prazer é valorizado acima de tudo, haja vista os apelos da publicidade por toda parte, há pouca tolerância para com quem mergulha na própria dor. Ainda mais nos dias atuais, em que há drogas que prometem a sensação de bem-estar. Com frequência, os antidepressivos são receitados e vendidos como produtos capazes de banir a angústia e não apenas a melancolia que corrói a vida aos poucos e pode ser clinicamente diagnosticada, mas também os sentimentos inerentes aos maus bocados pelos quais todos passamos em algum momento da vida, seja em razão de perda do emprego, do fim de um relacionamento ou da morte de um ente querido. Não é de admirar, portanto, que para fugir do desconforto psíquico tantas pessoas recorram ao uso de fármacos. Mas eles podem ser tomados por qualquer pessoa em qualquer circunstância? As pesquisas na área da Psicologia da Saúde sugerem que a resposta a essas duas perguntas é a mesma: Não. Especialistas

10

temem que a crescente tendência de tratar tristeza “normal” como se fosse doença seja uma maneira leviana de lidar com partes cruciais tanto da biologia como do psiquismo. Tristeza serve a um propósito evolutivo se a perdermos, estaremos perdidos. Uma das funções das emoções negativas intensas talvez seja suspender nosso funcionamento saudável, de fazer com que nos concentremos em alguma outra coisa por algum tempo. Poderia funcionar como um freio psicológico para nos impedir de cometer alguns enganos e de ser demasiado displicentes nos relacionamentos ou projetos que valorizamos. Independente de um pouco de tristeza ser útil ou não, todos concordam que a depressão clínica não é saudável. Infelizmente, nem sempre parece claro o limite entre as duas. Assim, o que é mais perigoso: supermedicar a angústia “normal”, uma sensação que pode nos levar a reavaliar a nossa vida, ou submedicar uma depressão clínica. Estimular a mente criar novas dinâmicas de enfrentamento aos desafios, determinação, perseverança e foco aliados ao autoconhecimento e à autoestima são primordiais para enfrentar as sensações negativas. Iara Schiavão Psicóloga


11


Pneumonia

P

neumonia é a infecção dos tecidos pulmonares e seus alvéolos, ou seja, os alvéolos ficam cheios de secreções purulentas obstruindo a entrada e saída dos gases e a troca de oxigênio por gás carbônico. Quantos mais alvéolos acometidos mais grave o quadro. A causa pode ser por bactérias, vírus, fungos e parasitas. Nenhum destes germes é contagioso, sendo a maioria das pneumonias, bacterianas. Devido os pulmões sempre estarem expostos aos agentes causadores a pneumonia pode se desenvolver levando-se em conta a virulência do invasor e das condições imunológicas da pessoa. Os sinais e sintomas da pneumonia incluem tosse com expectoração, febre, calafrios, falta de ar, dor no peito quando se respira fundo, vômitos, perda de apetite, prostração e dores pelo corpo. Pode haver presença de sangue misturado ao escarro. A febre da neste caso é geralmente alta. Pacientes acima de 60 anos ou com outras doenças, como insuficiência renal, insuficiência cardíaca, cirrose, HIV ou uso de drogas imunossupressoras, podem apresentar um quadro mais discreto, com pouca tosse e nenhuma febre. Às vezes, a pneumonia neste grupo se apresenta apenas com prostração e alterações mentais, como desorientação e confusão mental. O diagnóstico é feito normalmente com exame físico e uma radiografia de tórax além de exame sanguíneo. O tratamento das pneumonias é feito com antibióticos por no mínimo oito dias Essa doença pode facilmente levar à sepse sendo uma das causas de morte em idosos e pacientes imunossuprimidos. Hoje já existe vacina contra a pneumonia estreptocócica, causada pelo Streptococcus pneumoniae, o tipo mais comum. Ela está indicada em crianças e pessoas acima dos 50 anos, mas não evita pneumonias causadas por outros germes. Ana Carolina Luiz - Enf. Pós Graduada Responsável Técnica da Casa de Repouso Avaré. 12


13


Saiba como escolher sua

M

Farmácia de Manipulação

uitas pessoas questionam sobre a qualidade do medicamento manipulado, mas seguindo alguns critérios de seleção, o paciente terá muito sucesso em seu tratamento. Para assegurar a qualidade dos medicamentos produzidos a Vitalis Farmácia e Manipulação, conta com uma moderna infra-estrutura em seus laboratórios e equipamentos de ultima geração para que a excelência no padrão das formulas seja garantido desde a chegada da matéria-prima até a finalização aos clientes. As receitas que chegam à Farmácia Vitalis são analisadas cuidadosamente por seus farmacêuticos especialistas antes de serem enviadas a produção. Elas passam por uma triagem e são encaminhadas aos laboratórios de sólidos, semi-solidos e líquidos e de preparações homeopática. É o compromisso da Farmácia Vitalis em oferecer produtos de qualidade a seus clientes. Como escolher a sua farmácia de manipulação? A farmácia deve oferecer assistência farmacêutica. Verifique

14

se o farmacêutico está presente. Ele é o profissional habilitado a dar a orientação correta sobre o seu medicamento. • Exija um bom atendimento. • Observe a higiene do estabelecimento e de seus funcionários. • Exija pontualidade na entrega do seu medicamento. • Não compre produtos manipulados em consultórios médicos, clínicas de estética, SPAs ou academias. O estabelecimento oficial e legal para a venda desses produtos é a farmácia de manipulação. Recuse o envio de sua receita diretamente do consultório ou clínica via fax ou e-mail para uma farmácia. Use seu direito de livre escolha. Somente na farmácia você contará com a assistência farmacêutica necessária, prestada pelo profissional farmacêutico responsável pelo preparo do seu produto. Quais são as vantagens do medicamento manipulado? Economia: O produto manipulado é prescrito pelo médico


ou dentista na quantidade e na dosagem exatas para o seu tratamento. Não há sobras, por isso, você paga somente pelo que vai utilizar. Segurança: A Farmácia de Manipulação segue normas de Boas Práticas de Manipulação determinadas pelo Ministério da Saúde. A qualidade das matérias-primas utilizadas e o processo de manipulação são rigorosamente controlados. Associação de medicamentos: Há doenças que precisam ser tratadas com vários medicamentos ao mesmo tempo. Para facilitar o tratamento, o médico ou o dentista pode prescrever uma fórmula para ser manipulada, que possibilite a associação de várias substâncias necessárias. Medicamentos não-disponíveis: Alguns tratamentos requerem medicamentos que não existem no mercado. Caso a farmácia de manipulação tenha a matéria-prima, poderá atender à prescrição, manipulando o produto. A dose certa para a pessoa certa: Somente na farmácia de manipulação, sob prescrição, é possível preparar doses diferenciadas que atendam às necessidades de cada paciente. Rótulo personalizado: Os seus dados constam no rótulo do medicamento que foi prescrito e preparado para você, evitando riscos, como o de troca ou de consumo inadequado por outras pessoas. Relacionamento médico-farmacêutico: Sempre que necessário, o médico que prescreve o seu medicamento e o farmacêutico que manipula a fórmula, mantém contato para esclarecer dúvidas e garantir a qualidade do produto a sua saúde. Uso do manipulado: Para melhor uso do seu medicamento manipulado, leia cuidadosamente as orientações abaixo: Medicamento manipulado é exclusivo: • Seu medicamento prescreve combinações adequadas a cada caso, portanto, não permita que outras pessoas utilizem seu medicamento. Modo de uso (posologia): • Siga corretamente o modo de usar indicado por seu médico, transcrito no rótulo e/ou na receita. • Em caso de dúvidas e/ou efeitos colaterais, consulte seu médico. Não complete seu tratamento com outros medicamentos, sem orientação médica. • Comunique imediatamente a seu médico quando do aparecimento de sintomas inesperados e gravidez durante o tratamento. Cuidados a serem tomados com o medicamento: • Mantenha seu medicamento fora do alcance de crianças; • Conserve-o em lugar fresco e ao abrigo da luz e calor • Lave e seque bem as mãos antes de usá-lo • Feche bem a embalagem após usá-lo • Nunca tome medicamento no escuro, pois pode haver erro na quantidade a ser tomada ou troca de medicamento. Precauções especiais para produtos controlados de uso interno (os que possuem tarja preta ou vermelha na embalagem) • Não ingerir bebidas alcoólicas durante o tratamento • Cuidado ao dirigir veículos ou operar máquinas. • Procure manipular seu medicamento no prazo de 30 dias após a emissão da receita, pois após isso, esta não terá mais validade. • Não se esqueça de apresentar sua receita juntamente com a notificação azul que a acompanha. Fernanda T. de C. Vicentini - Farmacêutica Vitalis Farmácia de Manipulação 15


Lipoaspiração

A cirurgia da moda...

“Amiga leitora, tenho convicção que você já pensou em fazer uma lipoaspiração...”

E

ntão... de acordo com as estatísticas da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica, as cirurgias plásticas estéticas mais realizadas no Brasil são de lipoaspiração. A lipoaspiração consiste na remoção cirúrgica de gordura subcutânea, realizada por meio de cânulas submetidas a uma pressão negativa e introduzida por pequenas incisões na pele, sendo hoje em dia, um dos procedimentos mais utilizados para que se consiga o corpo considerado perfeito. A eficiência de uma cirurgia plástica não depende somente do seu planejamento cirúrgico, mas também dos cuidados pré e pós-operatórios, que são fatores preventivos de possíveis complicações e promovem um resultado estético mais satisfatório. O não encaminhamento ao tratamento pós-operatório ou o encaminhamento tardio podem privar o paciente de adquirir uma recuperação mais saudável, mais curta e com menos sofrimento físico e psicológico, além de poderem comprometer o resultado final da cirurgia. Os traumatismos que a lipoaspiração provoca nos vasos sanguíneos e linfáticos podem ocasionar edemas (linfedemas), que podem evoluir para fibroescleroses, formando “placas” duras no tecido subcutâneo e nos contornos corporais. A fibrose é a formação ou desenvolvimento em excesso de tecido fibroso que ocorre como processo reparativo ou reativo após um trauma tecidual. A Fisioterapia Dermato-Funcional vem sendo para tanto imprescindível no segmento da atenção ao paciente submetido à cirurgia plástica, em virtude não somente da técnica de drenagem linfática manual, como também de sua gama de recursos terapêuticos, como: o ultra-som, crioterapia, endermologia, dentre outros recursos; os quais visam preparar os tecidos para o procedimento cirúrgico, como também aceleram a recuperação pós-operatória, prevenindo

16

e controlando algumas complicações comuns, tais como: contornos irregulares, hiperpigmentação cutânea, quelóide, flacidez. A aplicação da drenagem linfática manual no pós-operatório contribui para uma recuperação mais rápida, alivia a pressão provocada pelo edema, melhora a cicatrização e reparação tecidual, aumenta o fluxo sanguíneo, remove os resíduos metabólicos e promove equilíbrio hidrolipídico da pele. O ultra-som, é bastante usado na fase inflamatória para reabsorção de hematomas, diminuindo as chances de formações fibróticas e ainda melhoram a nutrição celular, reduzindo o edema e a dor, consequências da melhora na circulação sanguínea e linfática. Os principais efeitos terapêuticos do ultra-som são antiinflamatórios, analgésicos, fibrinolítico/destrutivo, reparação de tecidos moles, e relaxamento muscular. A mobilização do tecido conjuntivo impede a formação de fibroses, pois, por meio da tensão mecânica, ocorre a deposição ordenada das fibras colágenas, que, nesse momento, ainda estão em fase de cicatrização, permitindo uma organização mais natural. A massagem do tecido conjuntivo tem como objetivo principal a liberação de aderências por ação mecânica nas traves fibróticas, sendo capaz de tornar eficiente a circulação local e sistêmica, tanto na fase aguda, como na crônica, além de exercer efeito direto e mecânico sobre o retorno venoso, aumentando seu fluxo. É importante destacar que o resultado final de uma cirurgia de lipoaspiração não depende somente do cirurgião, mas também da intervenção fisioterapêutica precoce pós-cirúrgica, dos recursos utilizados pelo fisioterapeuta dermato-funcional, bem como auxílio de cuidados atribuídos ao paciente, como, por exemplo, o uso da cinta compressiva. Caso opte pela lipoaspiração, é de extrema importânica que você consulte um bom cirurgião plástico que lhe indicará um bom fisioterapeuta... até a próxima!!!

Pâmela de Godoy Melo - Fisioterapeuta Crefito: 43765 F


17


Quais os benefícios para a saúde da

O

Alimentação Orgânica?

s agrotóxicos, utilizados nos alimentos cultivados em produção convencional, são importantes fontes de toxinas prejudiciais à nossa saúde. Só para se ter uma idéia, dentre os pesticidas utilizados, temos o DDT (diclorodifeniltricloroetano), que se acumula em nosso organismo, principalmente no tecido adiposo, e é considerado carcinogênico, estando associado principalmente com câncer hepático e mamário. Já os carbamatos e os organofosforados são as principais toxinas presentes em inseticidas, herbicidas e fungicidas utilizados no cultivo de frutas, vegetais e cereais. Agrotóxicos contendo organoclorados têm seu uso restrito devido a efeitos como bioacumulação e alta resistência no meio ambiente, além de agir no Sistema Nervoso Central e nos sistemas reprodutor e hematopoiético. Segundo dados da Associação Brasileira da indústria Química (2004), o Brasil consumiu US$4 bilhões de agrotóxicos, ocupando o 4º lugar no ranking mundial.

Porém nem tudo está perdido, já que os alimentos orgânicos são cultivados sem o uso de agrotóxicos. Além disso, os alimentos orgânicos apresentam uma redução de 20% na quantidade de água em sua composição, o que proporciona uma maior concentração dos nutrientes. E ainda, os alimentos orgânicos apresentam maiores quantidades de fitoquímicos. Essas substâncias, de nome

18

tão estranho, vêem sendo muito faladas atualmente por serem poderosas na prevenção de algumas doenças e na promoção da saúde da população. Mas, afinal, o que são os fitoquímicos? São compostos biologicamente ativos, nutrientes ou não nutrientes, de ocorrência natural em alimentos vegetais. Eles podem ser ingeridos diariamente, em determinadas quantidades e mostram potencial para modificar o metabolismo humano de maneira favorável à prevenção do câncer e de outras doenças degenerativas. Diante dos riscos que o consumo de alimentos cultivados em produção convencional traz à saúde da população, e, por outro lado, dos benefícios que o consumo de alimentos orgânicos pode promover, não somente em relação à redução da ingestão de agrotóxicos potencialmente prejudiciais, mas também devido à maior concentração de nutrientes e fitoquímicos, as autoridades em saúde vêm promovendo o consumo dos orgânicos. A promoção de hábitos alimentares saudáveis desde a infância, continuada na vida adulta, garante uma redução significante dos riscos de doenças crônicas nãotransmissíveis, decorrentes de uma alimentação deficiente em nutrientes e fitoquímicos e rica em agrotóxicos e contaminantes químicos. Vivianne Alarcão Veiga Benini Nutricionista Funcional - CRN: 3/25777 Celular: (14) 9660-8782 / 8146-8898


19


Exercícios corretivos na visão do método

Total Muscular Stretching (T.M.S.)

C

uidados com a postura está em toda as mídias, o leigo já tem muito claro essa noção, muitas vezes com recursos e entendimento que foge do conhecimento comum da população em geral, e que as vezes chega a desafiar os profissionais menos preparados. Segundo o Dr. Eduardo Ayub Lopes, fisioterapeuta esportivo e proprietário da Vipfiopersonal (Campinas), o conhecimento na área postural deveria ser pré-requisito básico para quem irá trabalhar com atividade física, esporte, enfim com a motricidade humana. Ao pensarmos em postura, é válido lembrar que dentro desse tema e de toda sua abrangência o capítulo mais importante é a avaliação postural, que muitas vezes é negligenciada pelo profissional, pois ele acredita que já tem conhecimento suficiente no assunto. Mas a avaliação postural é extremamente complexa e cheia de detalhes. E é a partir dela que se prescreve um bom programa de exercícios corretivos. Quando o assunto chega aos exercícios corretivos temos duas abordagens: os exercícios analíticos e os globais. Não são todas as técnicas que atendem esses requisitos, na maioria das vezes as técnicas abordam somente os exercícios globais. Dentro da visão que o método TMS tem e aplica, as duas abordagens são complementares e devem ser beneficiadas pelos programas de reeducação postural, pois o exercícios global muitas vezes não atinge, ou as vezes, demora muito a atingir um músculo ou conjunto de músculos específicos. Com a visão exposta no parágrafo acima, entendemos e é até óbvio que os exercícios analíticos têm uma abrangência menor, mas uma especificidade

20

maior, ao contrário do holístico que tem uma abrangência maior, mas não consegue ser específico quando se trata de um músculo encurtado inserido em uma cadeia muscular. Exemplificando de uma forma mais simples, pense no encadeamento de vários elásticos desses que usamos para envolver cédulas da moeda corrente, imagine dez elásticos encadeados um ao outro por um barbante, dentre esses elásticos teremos aqueles mais resistentes e os mais flexíveis. Pense agora na seguinte possibilidade: você segura as duas extremidades dessa “tripa” de elásticos e traciona-a em sentido contrário, “alongando” o encadeamento. O que poderá ser visto? Alguns elásticos cederão mais outros menos, pois uns são mais flexíveis outros nem tanto e se você mantiver a tração nas extremidades o que teremos? Os elásticos mais flexíveis cederão mais e os menos flexíveis cederão menos. Um bom exemplo para esse caso é a situação quando o indivíduo é colocado na posição sentada no chão e o profissional posiciona-se nas costas dele e “força” o tronco para frente a partir da coluna torácica alta ou média, pode até parecer loucura, mas vemos isso acontecendo com frequência. E qual será o resultado final dessa manobra equivocada? O intuito era alongar os ísquios tibiais, mas como eles estão rígidos, isso não acontecerá e você acabará alongando os músculos da coluna da região da torácica, o que irá gerar áreas de hiper mobilidade, e acentuar áreas de hipomobilidade, além de inibir os músculos paravertebrais e distender ligamentos e cápsula. Bom, fica mais esse recado, esperamos tê-los ajudado.

Vital Studio- Treinamento Personalizado


M

Pedalar é Preciso

uito comum na infância e adolescência, a bicicleta muitas vezes é esquecida na garagem durante a fase adulta. Nos últimos anos, porém, o que se tem visto é uma retomada do hábito de pedalar, tanto nas grandes cidades como no interior. Essa tendência acompanha uma mudança de vida que tem sido comum na Europa, especialmente em cidades como Paris e Londres, onde as pessoas têm optado por uma vida mais saudável e menos sufocante. Em São Paulo, a presença da bicicleta tem crescido e há quem troque definitivamente o carro pela bike. Até mesmo nos vagões do metrô há espaços reservados para ciclistas e seus meios de transporte saudáveis. Em algumas estações é possível alugar uma bicicleta e entregá-la em outra estação. Entre as inúmeras vantagens de se pedalar, é possível destacar cinco: 1. Quem pedala dorme mais feliz. Como o exercício físico libera endorfinas, a pedalada faz subir os níveis de serotonina, o que ajuda no relaxamento e um sono de qualidade. 2. Diminui triglicérides. Praticar ciclismo com frequência reduz gorduras e diminui o colesterol total e LDL (colesterol ruim), além

dos triglicerídeos. 3. Emagrece. Se você combinar a pedalada com uma dieta saudável e de baixas calorias, seu corpo perderá peso. Mas lembre-se: depende mais de você do que da bicicleta! 4. Reduz pressão arterial. O ciclismo ajuda a tonificar vasos sanguíneos (artérias e veias) e faz com que eles relaxem com mais facilidade. Isso ajuda a diminuir a pressão arterial, que é um importante fator de risco para doenças do coração. 5. Melhora a respiração. Com o aumento da frequência cardíaca, você terá melhor oxigenação dos pulmões e dos tecidos corporais. Outras vantagens são o combate ao estresse, a redução no risco de infarto, o aumento da imunidade e a melhoria do fôlego. Em Avaré, um grupo de mulheres tem se reunido para pedalar por áreas naturais da cidade juntamente com os homens, mostrando a força feminina nos pedais. Quer participar? Faça uma à Mendes Bike, onde é possível encontrar tudo para ciclismo e se informar sobre as próximas saídas do grupo de ciclistas. A loja está localizada à Rua Bahia, 691. O telefone é (14) 3732-4051.

21


Tricotilomania

leve intensidade podem ser contornados com mudanças no ambiente do paciente, tornando-o mais harmônico. Os casos de início tardio ou mais severos tendem a ser crônicos, requerendo intervenção médico-psicológica. O que é? A tricotilomania é um distúrbio do controle dos impulsos caracterizado pela crônica tendência a puxar ou arrancar os próprios cabelos. Ela és caracterizada como um transtorno do espectro do transtorno obsessivo compulsivo. O alvo está direcionado para qualquer tipo de pêlo do corpo e geralmente há mais de um foco, como por exemplo cabelos e sobrancelhas. O início pode ocorrer na infância ou adolescência e continuar ao longo da vida. Ansiedade e depressão frequentemente acompanham o quadro. Como é o paciente com tricotilomania? No caso cliente,o acompanhado o ritual de arrancamento dos pêlos geralmente as pessoas com esse transtorno fica alisando, enrolando e puxando os pêlos alvos. Esse ritual pode ser realizado enquanto se assiste à TV, dirige um carro, fala ao telefone, enquanto lê ou mesmo durante conversas com pessoas mais íntimas. Enquanto se realiza esse ritual a tensão se eleva e um desejo incontrolável de arrancar o pêlo se impôe, após o arrancamento há imediatamente uma sensação de alívio da tensão seguida de culpa por tê-lo feito. Muitas pessoas depois de arrancar o cabelo ou os pelôs põem-no na boca e engolem. Como o arrancamento é realizado sobre locais específicos logo surge uma região de visível falta de pêlos levando a pessoa a adotar um comportamento para escondê-lo, principalmente quando é na cabeça. Situações que podem expor a calvície como programas em piscinas e praias por exemplo. Apesar dos prejuízos pessoais o comportamento continua. Algumas vezes o remorso por ter arrancado o cabelo leva a um comportamento de auto-punição, e como punição arrancase mais cabelos. Qual o curso dessa patologia? O curso é variável, os casos de início cedo ou de

22

Sobre quem a tricotilomania costuma incidir? Acreditava-se ser um transtorno raro, mas sabe-se hoje que aproximadamente 4% da população apresenta tricotilomania. As mulheres são 4 vezes mais acometidas do que os homens. O início geralmente se dá antes dos 17 anos de idade. Início precoce é considerado antes dos 6 anos de idade, nessa fase a incidência é igual para ambos os sexos, a intervenção psicológica costuma ser bem sucedida quando o início se dá nessa época. Após os 13 anos é considerado início tardio e nessa fase ocorre mais em meninas sendo de mais difícil controle. Tratamento As técnicas comportamentais, a hipnose e os antidepressivos estão entre as condutas que obtêm melhores resultados. Os antidepressivos inibidores da recaptacão da serotonina apresentam bons resultados no início do tratamento mas não mantêm o benefício. Tentativas têm sido feitas com outros psicofármacos associados a esses antidepressivos como o lítio e a pimozida. Os resultado foram encorajados mas precisam ser confirmados. Aconselha-se que as medicações sejam administradas em conjunto com psicoterapia.Esse é um assunto muito pouco comentado nos Salões de Beleza,e que vale muito saber e compreender...por isso fiquem atentas... Espero ter gostado... até a próxima. Por Mara Freire

R. Pernambuco, 1589 - Sala 03 Fone: (14) 3731-2478 | 9738-5319 | 8219-0365


23


Celulite

Descubra o grau da sua e saiba como tratar

A

celulite é uma inflamação do espaço ao redor das células adiposas,com diversas implicações e consequências no metabolismo local. Aproximadamente 85% das mulheres com mais de 35 anos de idade possuem esse problema e muitas lutam desesperadamente contra o indesejado efeito “casca de laranja” da pele.Se você é uma delas,anote como cuidar com dessas indesejáveis camadas com etapas garantidas para sua saúde e beleza! Algumas células do organismo possuem função de acumular energia sob a forma de gordura.Essas células se localizam na hipoderme,ou seja,na camada mais profunda da pele.”Nas mulheres,esta camada apresenta septos fibrosos ligando a superfície ao tecido mais profundo. Estas pontes fibrosas repuxam a pele para baixo,dando o aspecto dos furinhos que é característico da celulite.”Sede ntarismo,predisposição genética,fatores hormonais,dieta desequilibrada,uso de pílulas anticoncepcionais,álcool,fu mo,estresse.....são algumas muitas as causas para o seu surgimento. As regiões mais afetadas pela celulite são aquelas onde as mulheres costumam acumular mais gordura:abd ômem,quadris,culotes,nádegas,coxas e pernas. Embora esteja muito relacionada à obesidade,a celulite pode aparecer em pessoas com peso normal. Descubra o grau da sua celulite:

Estágio 1: existe uma discreta dilatação das pequenas veias do tecido gorduroso;neste estágio elas não aparecem na pele e não há alteração circulatória e nos tecidos de sustentação. Estágio 2: aqui é possível notar a irregularidade da pele:”O aumento do volume das células provoca alterações circulatórias por compressão das microveias e 24


vasos linfáticos.As células gordurosas incham e os tóxicos que deveriam ser eliminados passam a ser acumulados.

da gordura , atuando assim nas causas da celulite e da flacidez simultaneamente.

Estágio 3: existe a formação de fibrose,a circulação fica mais comprometida e podem aparecer vasinhos e microvarizes.A pele fica com aspecto “casca de laranja” e pode ocorrer sensação de peso e cansaço nas pernas.

New Shape (Radiofrequência) - Tratamento utilizado para combater a celulite e a flacidez da face e corpo.O aparelho emite energia eletromagnética que se transforma em calor gerando o aquecimento da camada mais profunda da pele. Este aquecimento leva a contração e regeneração das fibras de colágeno, quebra do tecido adiposo ( gordura )e fibroso, aumento da circulação e drenagem de fluidos. O resultado é uma pele mais lisa e jovem, além da melhora da celulite.

Estágio 4: as pernas ficam pesadas,inchadas e doloridas.” Geralmente,no último estágio,a celulite acomete as pernas devido à circulação de retorno que está muito comprometida”.Ao passar a mão é possível observar nódulos endurecidos e a pele fica “lustrosa”,cheia de depressões,com aspecto acolchoado. Para quem quiser recorrer a tratamentos estéticos,além das tradicionais massagem modeladora e Drenagem Linfática, indico algumas técnicas disponíveis no mercado,que você pode utilizar para deixar sua pele mais homogênea. Ares (Carboxiterapia) - Tratamento de celulite, flacidez, gordura localizada e estrias. Consiste na aplicação de gás ( co2 ) diretamente no tecido celular subcutâneo, com total controle da velocidade e do volume injetado. Ao se difundir pelo tecido, o gás promove a melhora da circulação, ao mesmo tempo em que estimula a queima

Heccus (ultrassom de alta potência com correntes elétricas, aussie (correntes de média frequência) e polarizadas). Enquanto o ultrassom estimula a quebra das células de gordura (lipólise), a corrente elétrica potencializa essa ação e também estimula a ação dos vasos linfáticos, promovendo a eliminação da gordura através da urina.Já na primeira sessão a perda de medidas pode ser constatada, sem falar que ele também é muito eficaz no combate a celulite, estrias e na melhora da flacidez corporal. Júlia F. Pégolo de Paula - Fisioterapeuta CREFITO 3/108413-F

25


E

m 2013 a moda Outono-Inverno promete conquistar as mulheres, isso porque contará com uma grande variedade de modelos, cores e peças super modernas. Para você que adora estar por dentro de todas as tendências do mundo da moda, poderá conferir ainda nesta matéria algumas dicas e facilidades de compras da Dasdan A loja já conta com uma grande variedade de modelos, cores e peças super modernas. Você adere ao glamour desta estação e quer estar por dentro de todas as tendência moda, poderá conferir ainda nesta matéria algumas informações especiais que a Dasdan selecionou. Todos os anos surgem grandes novidades no mundo da moda e em 2013 não seria diferente. Em Nova York, Londres, Milão e Paris já foram apresentadas as peças que prometem fazer grande sucesso no outono inverno 2013. O desfile destacou algumas roupas com estampas, detalhes brilhantes e ainda os belos casacos de pele. Os casacos de pele serão mais discretos, investindo no veludo que dará um toque diferenciado e elegante em qualquer produção.

26

As peças com muito requinte e sofisticação sempre estão presente em todas as estações, tudo isso com um toque especial com a coleção de sapatos e acessórios que a Dasdan coloca em sua vitrine para todos os gostos. As blusas e casacos de lã sempre estão presentes na estação mais fria do ano e para 2013 os modelos com cores fortes como o roxo, pink, vermelho e o vinho, deixarão o look ainda mais elegante e seu corpo bem aquecido. As roupas com inspiração no armário masculino, como por exemplo os casacos que contam com corte semelhante ao terno ganharam novas cores e detalhes femininos, eles podem ser combinados com calça, shorts e até mesmo saias, e podem ser usados para ir ao trabalho, entre outras ocasiões por serem bem discretos. Além das novidades da moda outono inverno 2013 citadas acima há diversas outras que estão por vir, então, não deixe de acessar na Dasdan. Você na moda com estilo personalizado. Fique por dentro e saiba como comprar e as facilidades de entrega e pagamento pelo site www.dasdan.com.br Dasdan em Avaré na Av. Gilberto Filgueiras - Fone 3731-2045


27


Benefícios da

Dança do Ventre P

ara a mulher a dança do ventre traz inúmeros benefícios, tanto do ponto de vistacorporal, estético, quanto psicológico. Podemos citar alguns pontos mais visíveis e importantes:

CORPORAL - Uma aula de dança do ventre propicia ajuda queimar muitas calorias, auxiliando no processo de emagrecimento; - Tonifica e enrijece a musculatura do abdômen, pernas, braços, costas e glúteos; - Aumenta e ativa a circulação sanguínea; - Trabalha as articulações, melhorando seu condicionamento; - Proporciona a reeducação postural; - Aumenta a flexibilidade e resistência física; - Desenvolve a coordenação motora e melhora o eixo de equilíbrio; ESTÉTICO - Aprende a ter um cuidado mais delicado com o próprio corpo PSICOLÓGICO - Desenvolvimento imediato da auto-estima: a mulher passa a observar e perceber que tem diversas qualidades que talvez nunca tenham sido trabalhadas; - Aflora a feminilidade tornando-a mais sensual, sem vulgaridade; - Promove na mulher a aceitação de si mesma como ser encantador, diferenciado e belo; - Desenvolve a agilidade mental, concentração e atenção tanto na música quanto nos movimentos. - Estimula a criatividade - Desta mesma forma, a timidez que muitas vezes atrapalha o processo de aprendizado é trabalhada aos poucos, possibilitando melhoria nos relacionamentos; - Alivia o stress do dia-a-dia através do contato de grupo pela troca de experiências e informações, o que desenvolve a capacidade de sublimar os desafios; O prazer com a dança é algo que se adquire no dia-adia. Com o decorrer do tempo chega-se à conclusão que é um prazer para a vida toda. Toda mulher deveria marcar um encontro consigo mesma. Seja através da dança ou qualquer outra manifestação artística. Dance! Escola MABRUC R. Rio Grande do Norte,1060B - Centro - Avaré/SP Fones: (14) 3731-9706 - Prof. Ariane Brisolla 28


Pintura com Giz de Cera no Guardanapo

Material: 1. 01 guardanapo - giz de cera - lixa - termonila leitosa (você encontra na Pitucha Armarinhos)

2. No guardanapo coloque o risco de sua preferência.

3. Coloque lixa embaixo do desenho.

4. Pinte com giz de cera as cores de sua preferência.

5. Retire a lixa e coloque papel toalha sobre o desenho e passe o ferro para tirar o excesso.

6. Passe a caneta acrilpen em volta do desenho para acabamento.

7. Depois do risco pintado e terminado passar termolina leitosa.

Um ótimo presente e barato.

Os materiais você encontra na Pitucha Armarinhos. Esse é um dos cursos grátis que vamos ter no mês de Abril.

29


Buchinha Para Banho

Material Necessário:

30

- Lã para bebê - Agulha para tricô nº 6 1/2 - Agulhas para crochê nº 02 e 03 - Agulha para tapeçaria

- Tesoura - 3 pérolas pequenas - 1 sabonete

Com as agulhas para tricô monte 14 pontos usando 2 fios juntos e trabalhe da seguinte forma:

1ª carreira em tricô.

2ª carreira: 1 tricô, faça 2 pontos juntos em tricô...

...continue 9 pontos em tricô, aumente 1 ponto pegando o ponto da carreira de baixo e trabalhe em tricô, 2 pontos em tricô.

3ª carreira e todas as impares em tricô, 4ª carreira e todas as pares da mesma maneira que a 2ª carreira, sempre obtendo os 14 pontos. E trabalhe por 24 cordões de tricô e arremate.

Com a agulha para tapeçaria una as laterais.


Com o mesmo fio laçe as 24 “argolinhas”...

... puxe para formar o fundo da buchinha e arremate os fios.

Coloque o sabonete de sua preferência.

Se quizer usar como sachê faça uma flôr em crochê da seguinte maneira: Com a agulha para crochê nº 03, usando 1 fio de lã faça: 60 correntinhas e trabalhe como mostra o gráfico formando 12 petálas.

Enrole as petálas e vá pregando com pequenos pontos.

Faça 1 argolinha com a própria agulha de tapeçaria. Passe a correntinha pela argolinha.

Com a agulha para crochê nº 02 e usando 1 fio de lã faça 100 correntinhas, passe nas outras 24 “argolinhas” para fechar.

Pregue 1 pérola no centro da flôr e 1 em cada ponta da correntinha e termine com um laçinho. Por Selma Cruz Fotos: Gigi Arca

31


Coleção de Inverno da Arezzo chega a Avaré

A

nova coleção da Arezzo vai fazer a cabeça de muita mulher em Avaré. Ou melhor, os pés. Os sapatos, bolsas e acessórios que compõem a nova linha chegaram à loja que oferece os produtos da marca reconhecida pela qualidade, conforto e design que desperta o desejo de mulheres de todo o país. “Esta é uma coleção glamourosa, no melhor estilo Arezzo. Se pudesse resumir todos os produtos, eu diria que o preto e o dourado se casaram com os detalhes metalizados”, analisa Marcia Abuhamad, da Arezzo de Avaré.

32

Na criação dos produtos de inverno da marca, foi planejada uma série de conceitos, como referências militares, barroco pop, conseguido especialmente pelo contraste. O resultado é uma linha com franjas, bicos finos e diferentes tons de roxo, vermelho e verde, além de um toque velho oeste. Para quem quiser conhecer pessoalmente a coleção, a loja fica na Avenida Prefeito Paulo Novaes, 1.064.


CAPA

Especial de aniversário:

A

CINCO ESTRELAS

tenção: nas páginas a seguir você poderá se emocionar. Se divertir. Aprender. Se orgulhar. Ou talvez aconteça tudo isso, mudando de emoção entre um parágrafo e outro. Se você rir e depois chorar, pensar e depois se arrepiar, não precisa procurar um médico. Nossa intenção foi esta mesma. Por isso, a Revista Mulher em Evidência escolheu cinco mulheres, cinco histórias fortes e surpreendentes para rechear esta que é nossa edição de aniversário. Quem ganha o presente são nossos leitores. Pois histórias de vida acabam sempre ensinando muito. E nestas cinco histórias, você trate de abrir sua mente

para aprender muito sobre a vida, sobre diferentes profissões, diferentes pontos de vista... escolhemos a dedo para marcar este dois anos de revista. E não fizemos isso porque nós somos bons. Fizemos isso porque boas são estas cinco histórias. Tive o prazer de encontrar cada uma delas em diferentes momentos. Em suas casas, locais de trabalho, pelo telefone e e-mail. Elas me receberam com paciência, emoção, me deram muita informação e coisas sobre as quais pensar. Mas chega de falar (ou escrever). Deixo com vocês nossas mulheres da capa. Cinco histórias. Cinco estrelas. Lipe Fonseca

33


CAPA

As Garras de

M

Neide

uitas mulheres de Avaré já tiveram Neide Teixeira nas mãos. Quem lê esta frase pode estranhar à primeira vista, mas a verdade é que esta mulher tem feito as unhas na cidade há mais de 10 anos. Quem a conhece sabe que Neide tenta se manter sorridente, positiva e procurar sempre o lado bom da vida. No entanto não significa que ela não tenha passado por grandes desafios. A família de Neide se mudou para Avaré quando ela tinha 6 anos. As lembranças mais antigas desta manicure remetem à esta época, quando a cidade ainda tinha muitas ruas de chão batido e as crianças podiam brincar fora de casa sem grandes preocupações com segurança e acidentes de trânsito. Neide nasceu em Rondônia, mas quando veio para Avaré, a família que era originalmente da Bahia tinha vindo do Paraná. Aparentemente, Neide assimilou essa facilidade em percorrer mapas e isso facilitou a ida para Itu, onde foi trabalhar na indústria têxtil. A vida tomou outro rumo quando Neide tinha 18 anos. Sua mãe faleceu em 1987 e ela se viu diante de grandes desafios que hoje parecem pequenos, como por exemplo, quais e quando se paga a conta de luz? Que alimentos comprar no mercado? Ela e as quatro irmãs se uniram para descobrir como continuar a vida sem mãe. A caçula tinha 6 anos nesta época. Quase três depois, o pai teve o primeiro derrame. A dificuldade em cuidar do pai se somava ao alcoolismo dele e o desafio em equilibrar as contas da casa. Neide foi mudando de emprego conforme a necessidade. Além da indústria têxtil, chegou a trabalhar em lojas, na indústria de polímeros (plásticos) e utilidades domésticas. “Acho que minha história se complicou quando decidi trabalhar como sacoleira”, ela lembra. Neide buscava roupas em São Paulo para revender na região, mas começou a ter dificuldades para receber de algumas clientes. Teve recorrer aos agiotas para cobrir as despesas e com isso as dívidas começaram a se acumular. O passo para sair desta situação veio com os conselhos de uma amiga, que a ajudou a economizar. Neide passou a trabalhar em uma corretora de imóveis e, com o dinheiro guardado, conseguiu comprar seu primeiro carro. Era um fusca que passava a maior parte do tempo na garagem, pois ela tinha medo da direção. Um dia, quando tudo parecia estar razoavelmente encaminhado, uma das irmãs anunciou que estava grávida. Tinha descoberto aos sete meses de gravidez. Poucos anos mais tarde, a mesma irmã descobriu outra gravidez. Os dois partos tiveram complicações, sendo que no segundo faltou oxigênio. E foi assim, de surpresa, que as sobrinhas Bruna e Beatriz chegaram à vida de Neide. Em paralelo a tudo isso, o pai havia sofrido novo derrame. Seus últimos meses de vida foram na cama, uma figura bem diferente daquela que as filhas tinham visto na década de 1980 quando a família veio do Paraná. Em 2000, Neide começa a trabalhar como manicure. Conhece pessoas que a ajudaram a focar, economizar e buscar uma direção espiritual. “Eu mesma pintei minha casa, coloquei forro e piso. Não tenho medo de aprender”, analisa ela. Hoje, a alegria é ver as sobrinhas crescidas, saudáveis e fazendo planos. Neide tenta se dividir entre família, trabalho e serviço voluntário na Santa Casa. Os amigos e irmãs que acompanharam nesta trajetória comemoram as vitórias, que foram alcançadas em muitas vezes com suor e lágrimas. “Se eu pensar bem, acho que sou muita rica. Quem tem tanta história para contar?”, conclui.

34


As Lições de Maria Lúcia

CAPA

Q

uem conhece a professora Maria Lúcia Vicentini nem imagina a quantidade de histórias ricas e humanizadoras que esta batalhadora colecionou na vida. Se hoje ela pode ser encontrada na direção da Fundação Regional Educacional de Avaré, antes disso, ela passou por quase todos os cargos da instituição e batalhou muito para chegar a essa função. Ao repensar sua trajetória, ela chega a pensar que nasceu para ser professora, pois na infância tinha o gosto por brincar de dar aulas para outras crianças em Taquarituba, onde morava. Até as bonecas entravam na classe de aula da pequena Maria Lúcia! A influência pode ser vista na família, pois sempre houve professores entre os parentes. Além da influência direta na escolha profissional, é provável que o convívio próximo tenha orientado o jeito desta professora comandar a classe de aula. “Sempre me pautei pelo respeito e muito amor por meus alunos, que são como filhos. Cada um deles deixou saudade em meu coração”, recorda ela. A convivência harmoniosa também aparece com os colegas de trabalho, que para ela foram encarados como uma segunda família. E diz ela que faz muito sentido, “afinal, vivo mais tempo com eles do que em casa”. O ensino tem sido uma paixão para Maria Lúcia. Ela recomenda aos novos educadores que façam tudo com amor, acima de tudo. E não dá para desconsiderar o conselho de quem tem 42 anos de magistério. “Me sinto realizada porque pautei minha vida profissional pela satisfação do dever cumprido. Além disso, ser professor é um eterno aprendizado, cada aluno que passou pelas minhas mãos deixou um ensinamento”, diz a presidente da FREA. Quem conversar com Maria Lúcia vai logo perceber o orgulho que ela tem da família. Ela cita os pais como grandes ídolos e não esconde a alegria ao falar dos filhos: um médico, um gerente da Proeste e um estudante de Farmácia. A família tem crescido e ela já tem um netinho, que ela considera um presente divino. E ela não esconde o sonho: quer ter outros netos! Quando consegue reunir filhos, noras e neto, não há dúvida: isso é um motivo de festa! Entre família e FREA, ela tenta encaixar na programação da semana algumas atividades para relaxar. “Leio bastante, saio com amigos, sou fã da internet, divirto-me com meus cachorros e juro que vou começar uma atividade física”, promete. Com uma programação cheia, vale citar um dos ensinamentos de seu pai: “quem menos tempo tem mais coisas faz”. Mas é no cargo de presidente da FREA que ela encontra seu grande desafio, ao mesmo tempo em que enxerga nisto uma grande satisfação. “Tenho que lutar muito para conseguir realizar meu sonho e também o sonho dos que trabalham na instituição. Tenho orgulho da minha escola e mais ainda por ser a primeira mulher a se tornar presidente da FREA. Esta Fundação é minha fonte de vida”, explica ela. Antes de assumir esta empreitada, ela trabalhou 30 anos no Coronel João Cruz, foi estudante da FREA há três décadas e fundou o Centro Específico de Formação e Aperfeiçoamento do Magistério (CEFAM) de Avaré. Ao olhar para esta história rica, ela sabe que o mundo hoje é outro. E nem sempre é possível dizer que as coisas melhoraram na sociedade. “Os valores mudaram muito. Quando comecei minha carreira, o professor era tido em alta conta pelos brasileiros. Hoje nem sei como nos classificamos”, lamenta a educadora. Ainda assim, ela continua firme no seu propósito educacional. “Sou uma pessoa que acredita e tem esperanças de que as coisas ainda mudem. Gostaria que fôssemos tratados com maior respeito por todos: pais, alunos... pela sociedade deste país.”

35


CAPA

Nada de preguiça com a

Professora Nazário Q

uem estudou em colégios da cidade entre as décadas de 1970 e 1996 provavelmente tem uma lembrança carinhosa de uma professora muito exigente. Seu nome? Maria Helena Nazário dos Santos. Sua matéria? Educação Física. Suas aulas? Muito intensas. É assim que alguns alunos a definem e ela tem consciência disso. “O papel do professor é ensinar, mas também é de impor certos limites. Eu tinha que motivar meus alunos e sempre busquei fazer isso”, ela lembra. Para conseguir essa motivação, ela criou alguns apelidos que hoje, neste mundo sem graça do politicamente correto, seria impensável. Nazário perguntava aos alunos se eles queriam ser chamados de Pamonha ou Pateta. Ganhar ou evitar estes apelidos dependia muito mais dos estudantes do que da professora. Este método não impediu que ela fosse lembrada com carinho pelas crianças. “Hoje eu encontro com eles na rua e eles vêm correndo me contar sobre o que estão fazendo, seus projetos e sonhos. Isso enche um professor de alegria”, conta. O gosto por Educação Física começou a partir do basquete, esporte que Nazário praticou muito durante a juventude. Há mais de 30 anos, esta não era uma disciplina dentro da grade escolar. Os alunos frequentavam as aulas fora do período oficial. A Nazário passou a dar aulas antes mesmo de ingressar na faculdade. Isso só aconteceu em 1978, quando ela ajudou a formar a primeira turma de Educação Física da FREA. Se hoje as aulas de Educação Física se limitam, em muitas escolas, ao futebol, naquela época era diferente. As crianças tinham que fazer aquecimentos, se envolver em diversas atividades físicas. A professora reservava um dia da semana para conversa, e era neste momento em que os alunos aproveitavam para tirar dúvidas sobre os mais diferentes assuntos. “Surgia de tudo”, recorda Maria Helena Nazário, que se aposentou em 1996. Outra tática era fazer uma espécie de barganha com os alunos: se eles se comportassem na segunda e quarta, ela permitira o futebol na sexta-feira. Comparando o mundo de hoje com o de 1978, ela lamenta que algumas coisas tenham piorado. “O professor era mais respeitado, inclusive pelos pais das crianças. Hoje, o professor está muito esquecido”, comenta. Nazário tentou ser diferente com os filhos. Tentou colocar na educação deles este respeito pelas pessoas, mas não os influenciou a seguir a carreira de esportista ou de educador. Nenhum dos 3 filhos seguiu seus passos profissionais. E ainda é muito cedo para falar isso sobre algum dos 4 netos. “Meu neto mais velho tem só 5 anos, acho que ainda não dá para saber”, ela ri. Para quem deseja seguir a carreira como educador físico, ela avisa: hoje existe muito mais campo de trabalho, mas ainda é preciso se empenhar. “Houve uma época em que pessoas que queriam ter um diploma e não sabiam o que fazer iam estudar Educação Física. Hoje não é mais assim, as pessoas têm opções”, analisa. E para quem quer ser professor, ela dá uma dica: “É preciso respeitar os limites das crianças e mostrar a elas que o mundo também tem seus limites. Se você fizer isso com amor, vai dar certo.”

36


A batalha de

H

Helena

CAPA

á pouco mais de vinte anos, se alguém disse à então nutricionista Helena Lopes Strommer que a vida dela daria um livro, provavelmente ela achasse exagero. Mas não é absurdo algum imaginar a trajetória desta mulher como um roteiro de novela do Manoel Carlos ou mesmo uma trama de cinema. A grande mudança na vida desta personagem avareense aconteceu em 1991, quando nasceu seu segundo filho, Marcelo. Após seu nascimento, foi detectada nele a Síndrome de Down, doença causada pela má formação de um cromossomo do DNA humano. A batalha de Helena começou neste ano porque toda sua rotina teve de ser revista. Ela e o marido Paulo fizeram um acordo para que ela trabalhasse como professora de português e ele abandonasse o emprego para dedicação em tempo integral ao filho. Marcelo precisou de mais atenção do que geralmente se vê em portador da Síndrome de Down porque teve complicações causadas por um citomegalovírus que ficou alojado no cérebro, o que atingiu sua coordenação motora. Nos primeiros anos de vida de Marcelo, Helena e Paulo viveram praticamente na estrada. A vida incluía consultas a imunologistas, leituras de livros médicos, cirurgias e sessões de fisioterapia. Quando alguém comentava sobre algum novo tratamento ou um médico que poderia ajudar, eles se enchiam de esperança. “Tivemos muitas desilusões, inclusive por profissionais que eram muito bem recomendados”, comenta Helena ao relembrar esta fase inicial da batalha. “Era sempre muita expectativa e quando víamos que não ia dar resultado, o tombo também era muito alto.” Com o passar do tempo, Helena e Paulo perceberam que Marcelo teria poucos avanços físicos. Mas nem por isso desanimaram. Decidiram que dariam ao caçula o máximo de conforto possível e buscaram compreender quais atividades poderiam ser mais prazerosas. “Ele adora natação e o levamos para visitar o playground sempre que possível. Ele não dá trabalho, é doce, mas precisa de atenção integral”, completa. Os muros mais altos desta batalha provavelmente foram os preconceitos que cercam a família de um portador da Síndrome de Down. “Hoje eu vejo que tudo isso trouxe muito amadurecimento para nossa família, mas não foi nada fácil, inclusive para nossa filha mais velha”, analisa Helena. Maria Augusta, que hoje mora em Praga, na República Tcheca, foi um presente na vida dos pais ao compreender o tempo maior que os pais dedicavam a Marcelo. Hoje, o casal tenta dividir a experiência com quem passa por desafios semelhantes. Além de se colocar à disposição para conversar com os pais que estejam na mesma situação, Helena e Paulo fazem campanhas para arrecadar ajuda a outras famílias. Eles tentam suprir um buraco criado pelo Estado, que ainda não tem uma política pública para família com portadores de doenças mentais. “Isso chega a ser um descaso. Em países mais avançados, a família tem uma ajuda financeira, o que é muito justo, porque os gastos são diferentes”, analisa o casal. Eles contam o segredo para manter o ânimo mesmo com desafios gigantes: paciência e companheirismo. “Não vamos dizer que é fácil, porque não é. Mas amamos o Marcelo e isso é o mais importante”, finaliza Helena.

37


CAPA

Os projetos de

A

Rosana

grande diferença entre ter um sonho e realizá-lo é a capacidade de transformar uma idealização em projeto. Sonhar é bom, mas realizar é melhor ainda. Pelo menos é isso o que diz Rosana Maria Craveiro da Silva. Sócia-diretora do Grupo Lajão, ela ainda recorda com detalhes o grande desafio que ela e o marido encararam em 1987. Ela trabalhava em uma padaria na época e ele, em um supermercado. Os dois tomaram coragem e arriscaram abandonar os empregos para inaugurar a primeira loja da família. “Eu troquei uma experiência de mais de cinco anos com o pão pelas telhas e tijolos”, ela brinca. Há exatos 25 anos, Avaré era outra cidade. Mas já era possível notar que a cidade se desenvolveria, tanto as empresas quanto as reformas de habitação. “Não dava para imaginar que o acesso à habitação ia ficar mais fácil como é hoje, mas a gente tinha uma desconfiança. Decidimos apostar nisso”, ela lembra. Inicialmente, a loja tinha materiais voltados para construção civil. Com o passar do tempo, o sucesso da empreitada permitiu realizar outros investimentos e a loja passou a vender produtos para acabamento. Rosana sabe que uma andorinha sozinha não faz verão. Nem duas, neste caso. Mesmo parecendo uma loucura abandonar os empregos para buscar um sonho, eles contaram com o apoio de familiares e amigos. “Meu marido fazia faculdade de Educação Física e eu tinha feito o magistério. Nossa experiência com administração era quase simbólica”, ela conta. Mesmo assim, apesar da inexperiência, o que era uma loja se tornou o Grupo Lajão e hoje é referência em Avaré e região quando o assunto é construir, reformar ou mesmo aprimorar um ambiente. “No início, apesar da coragem em iniciar o negócio, nós tínhamos que comprar os materiais em pequenas quantidades. Hoje, é comum que um único cliente da loja leve o equivalente de produtos que nós fazíamos no mês naquela época”, acrescenta. Não existe uma receita fácil de decifrar sobre o segredo do sucesso do Grupo Lajão. Mas é possível identificar alguns ingredientes. Tudo começa com a coragem de seguir um sonho e transformá-lo em projeto – e para isso é preciso colocar números, prazos, metas e, claro, fazer alguns sacrifícios. No caso da primeira loja, os proprietários optaram por alugar um barracão, construir em uma área de fácil acesso e convidar conhecidos que poderiam se tornar clientes. Outro ingrediente fundamental é a dedicação. E Rosana garante que isso não está relacionado apenas com o ramo da construção civil. “Muitas vezes a gente perde final de semana e, como em casa temos três pessoas da mesma família trabalhando juntos, é comum que uma viagem de passeio se transforme em uma reunia de negócios”, adverte Rosana, que tem agora um novo projeto: mais dois anos antes da aposentadoria. O Grupo Lajão atualmente conta com cerca de 150 funcionários. Todos eles são motivados a apresentar todos os dias o ingrediente que pode ser encarado como o diferencial do grupo: o atendimento diferenciado. “Nós nunca conseguimos 100% de satisfação, mas temos que tentar todos os dias, o cliente é a razão pela qual temos nosso negócio”, conclui.

38


39


40


Surreal Lança Coleção Inverno 2013 S

urreal apresentou recentemente uma lindíssima coleção Inverno 2013. A grife propõe para a estação peças dinâmicas e democráticas que valorizam tendências, mas sem cair no habitual. Seguindo algumas temáticas a grife está incrível! A cartela de cores para as peças vão desde tons terrosos até os verdes e amarelos, que são a grande aposta para essa temporada. A coleção abrange peças com pedrarias, bordados, estampas geométricas off-white, estampas de lenço e floral. Peças

com franjas, cristais, bordados e em tricô embelezam a coleção. Peças modernas em Tweed, sedas, plissados, resinados e couro eco prometem incrementar o estilo clássico. E os shapes mais justos valorizam a mulher sexy. Lembrando sempre que, vale abusar e muito dos acessórios que dão um UP no look! Sabendo disso a Surreal convida a todos para conhecer esta grife na Rua Rio de Janeiro, 1228 - Centro - Avaré/SP

41


Eu Uso Óculos. Saiba Tudo Sobre Este Grande Aliado

As partes dos óculo suas funções. Desde a sua invenção, os óculos evoluíram muito: enquanto, no passado às pessoas que tinham o privilégio de possuí-los davam-se por satisfeitas com o “milagre” de ter a visão melhorada, hoje os pacientes que precisam de uma correção visual são mais exigentes. Atualmente, para que os óculos tenham uma boa aceitação, precisam mais que simplesmente corrigir uma ametropia. Eles precisam ser confortáveis e estar em harmonia com o rosto e o estilo de vida das diferentes pessoas, pois estas, além de se preocuparem em ter uma boa visão, estão interessadas também em como serão vistas. Isto reflete bem o papel que os óculos vêm assumindo nos últimos anos. Além de proporcionar uma melhor visão, eles passam a ser também um item de moda, o que vem ajudar na boa aceitação e adaptação destes, principalmente por parte dos novos usuários. Inicialmente, os óculos podem ser divididos em duas partes: lentes e armação. As lentes oftálmicas podem ser classificadas por: Material de fabricação: - Inorgânica (mineral) - vidro; - Orgânica – resina plástica. Valor dióptrico: - Lentes convergentes ou positivas (+); - Lentes divergentes ou negativas (-). Foco: - Lentes monofocais - um só campo de visão; - Lentes bifocais - dois campos de visão - Lentes multifocais ou progressivas - vários campos de visão. As lentes podem ser ainda: esféricas / asféricas (miopia e hipermetropia) e cilíndricas (astigmatismo). A armação dos óculos, que pode ser de acetato,titanium ou metal, tem a função de sustentar e posicionar as lentes oftálmicas diante dos olhos da maneira mais confortável possível. Para que se consiga isso, é necessário que cada parte dos óculos cumpra sua função individual. funções?

Quais são as partes dos óculos e quais suas

Basicamente, os óculos podem ser divididos em: Aro - onde as lentes oftálmicas são encaixadas depois de devidamente cortadas e lapidadas; Ponte - parte que une os dois aros e, nas armações de acetato, serve também para apoiar os óculos sobre o nariz. Plaquetas - normalmente são encontradas nas armações de metal e têm a função de apoiar a armação sobre o nariz. As armações que possuem plaquetas permitem um melhor ajuste e posicionamento dos óculos; Hastes - servem para apoiar e prender os óculos nas orelhas; Charneiras - unem os aros às hastes; Ponteiras - extremidades das hastes que servem para apoiar e prender a armação nas orelhas. Nas armações de metal as ponteiras, normalmente, são revestidas de plástico.

42

O que deve ser ajustado nos óculos e quando? O ideal é que os óculos sejam pré-ajustados, na óptica e pelo óptico, assim que a armação for escolhida e antes que sejam encaminhados ao laboratório para a montagem das lentes. Depois de prontos, devem ser feitos os ajustes finais. Toda lente oftálmica possui uma curva base para que à distância vértice seja aproximadamente a mesma em qualquer direção que o olho vire. Os ajustes dos óculos devem ser feitos em função disto.

Então, os óculos precisam ter os seguintes ajustes: 1) A curvatura da armação deve seguir a curvatura facial no sentido horizontal; 2) Na vertical a armação deve ter uma inclinação de aproximadamente 12 graus, chamada Inclinação Pantoscópica, ou seja, as bordas inferiores da armação ficam mais próximas do rosto do que as superiores; 3) Quando a armação possuir plaquetas, estas devem ser ajustadas de modo que fiquem totalmente apoiadas sobre o septo nasal, levando em conta a altura da armação em relação ao centro da pupila; 4) As hastes, devem ter uma abertura perfeita de maneira que não apertem as frontes e nem fiquem largas, causando a sensação de que os óculos estão largos; 5) Finalmente, as ponteira devem ser ajustadas acompanhando a curva atrás das orelhas, com uma curva de +/- 45º, de maneira que a armação fique presa ao rosto, sem fazer pressão, para que os óculos não escorreguem sobre o nariz, aumentando a distância vértice e tirando o centro óptico das lentes do centro da pupila. Para os óculos multifocais, os pré-ajustes devem ser bem rigorosos. Quais são as etapas que os óculos passam até chegar prontos às mãos dos pacientes? 1) Escolha e ajuste da armação; 2) Escolha da lente em função da ametropia e o estilo de vida do paciente. Conforme o caso, as lentes não são encontradas prontas (exceto lentes comuns de baixas dioptrias) e é preciso que se fabriquemessas lentes pelo processo de surfaçagem; 3) Tirada de medidas: DNP (Distância Naso Pupilar) e altura da pupila em relação à armação (esta última somente nos multifocais); 4) No laboratório, as lentes são cortadas e lapidadas de acordo com a armação. Estasoperações sãofeitas nas facetadoras automáticas; depois as lentes são montadas nas armações; 5) Conferência das medidas; 6) Ajuste final. Quais são os cuidados que devemos ter com os óculos? 1) Os óculos precisam estar sempre ajustados para que cumpram sua principal função, que é de corrigir os vícios de refração proporcionando uma melhor visão; por isso, o usuário de óculos deve, de tempos em tempos, ir até a óptica para fazer o reajuste; 2) Os óculos devem estar sempre limpos; recomenda-se que sejam sempre lavados com sabão neutro; 3) Os óculos, quando não estão sendo usados, devem ser guardados em seus estojos;

4) Os óculos nunca devem ser apoiados com as lentes para baixo para que estas não sofram abrasão e fiquem riscadas. Óculos infantis ARMAÇÕES: As armações infantis devem ser resistentes ao impacto, leves, confortáveis, sem que estejam soltas no rosto e nem apertadas no nariz ou atrás da orelha. O material mais utilizado para armações infantis é o acetato, pois preenche os requisitos mencionados. Para crianças menores, o ideal seria as de hastes presas na orelha (hastes flexíveis)permitindo que a criança faça todos os movimentos sem medo de cair a armação. Os pais devem sempre verificar as condições da armação no rosto da criança, pois com o crescimento pode torna-se pequenas e inadequadas. O Óptico pode ajudar os pais, analisando se a armação está muito grande ou muito pequena para o rosto da criança. Para aquelas portadoras de astigmatismo, evitar armações redondas, que permite que a lente gire na própria armação. LENTES: As lentes dos óculos das crianças devem ser leves, resistentes ao impacto, finas, sem distorções ou aberrações e que protejam conta os raios ultravioletas A e B. Por isso, as mais indicadas são as lentes de policarbonato. As lentes CR-39 de resina chegam a ser resistente ao impacto,o valor é mais acessível que as de policarbonato, mas riscam com facilidade. Recomenda-se, cada vez mais, o uso de lentes com proteção UVA e UVB, quando há exposição prolongada ao sol. Hoje, sabe-se que 80% da exposição aos raios ultravioleta A e B ocorre até os 18 anos de idade, portanto é fundamental proteger os olhos das crianças. Para a criança que não usa correção óptica, o melhor é usar lentes escuras com proteção UVA e UVB, que além de protegerem dos raios do sol, também diminuem a fotofobia. É importante saber que as lentes dos óculos infantis devem ser trocadas quando muito arranhadas, pois a criança não conseguirá enxergar corretamente. ALGUMAS DICAS: 1- Guardar os óculos em estojo e levá-lo para a escola; 2- Evitar apoiar os óculos com as lentes para baixo, pois as danificam; 3- Avisar aos professores da necessidade do uso dos óculos, tanto em tempo integral, quanto só em esforços visuais; 4- Evitar deixar os óculos em sofás, camas… (alguém, algum dia, sentará sobre eles!); 5- Lavar as lentes com água e sabão neutro e secálas com lenço de papel ou toalha macia; 6- Sempre levar os óculos novos para conferência; Visite o seu oftalmologista para saber quais são as suas reais necessidades do uso de óculos e qual tipo de lentes se adaptam ao seu estilo de vida. João Ortega - Óptico


43


Sucesso mais uma vez no

Damas no Café

D

ia 8 mais uma Edição do “Damas no Café” no Empórium Café o popular “Café do João”, o encontro com artistas plásticos e representantes da sociedade avareense (3) a atração musical do evento ficou por conta do Clube do Choro de Avaré. Participaaram do Damas no Café Hilda Arrivabene, Marilia Pires, Castorina Rodrigues, Suhad Aurani, Nilva Calixto, Vera Veppo, Raquel Amorim, Gisele Murbak, Maria Elisa Martins, Delma Medeiros, Estela Gambini, Ana Orsi, Iza Perez, Angela Cortez, Vania Lewin Fernandes, Neide de Castro, Norma Righi, Debora Guazzelli, Rosane Gauss, Angela Martins, Marilena Furlan, Mabel Veiga, Zenilda Matos, Maria Diva Tardivo, Soraya Maria da Conceição Padredi, Simone Martins, Lourdes de Deus, mais uma vez um noite agradavel com muita animação promovida pelo Emporium Café com apoio da Secretaria da Cultura de Avaré, através do trabalho de sua equipe, que organizou a exposição os contatos com artistas. Ponto marcante do encontro ficou por conta de mais uma homenagem a Elias Ward, grande incentivador do DAMAS NO CAFÉ. Fotos de Guma Castellucci (www.redeguma.com) e Néia Mazza. Por Guma Castellucci

44


45


MODA

A

Outono/Inverno 2013

s tendências para esta estação já foram divulgadas á tempo, já está nas lojas, nos armários, nas ruas sendo usada por muitas mulheres neste momento.

Tudo anda muito rápido... Já aconteceu até o SPFWEEK divulgando as próximas tendências para o verão 2014, em São Paulo... Mas agora ainda é hora de nos preocuparmos com estes meses que temos ainda pela frente e esperarmos o friozinho chegar... Vamos ter um inverno lindo!!! As cores, as modelagens, os tecidos, os acabamentos, os estilos... Enquanto algumas tendências mantiveram-se, outras foram trazidas à tona e podem ser incorporadas tranquilamente ao nosso guarda - roupa. Tenho que admitir que vai ser uma estação muito elegante e sofisticada... As mulheres vão chamar a atenção por ande passarem, pois até as roupas mais casuais vêm com um detalhe ,um brilho, um bordado, com combinações maravilhosas de cores, estampas, muitos bichos... esses aliás , assunto à parte ... Como estão soltos!Vieram com tudo novamente, aliás, eles já entraram em nosso armário a tempo e não querem sair de lá de jeito nenhum... Temos até que tomar cuidado para a bicharada não se estranhar se o lugar for um pouco pequeno... Vou condensar aqui as tendências chaves apresentadas por vários estilistas e órgãos de pesquisas nestes meses que antecederam

46

nossos lançamentos.

O inverno 2013 está adaptável para vários estilos, trouxe muita variedade para agradar muitas personalidades femininas. O que está fazendo parte desta coleção e garante com que as mulheres fiquem ainda mais bonitas e elegantes neste período? De acordo com minhas pesquisas aqui para a loja preparei um mix delas para vocês: A moda se situou nas décadas entre 1940 e 1970. O que se mantêm é o estilo retrô. CARTELA DE CORES • Cartela com tons fechados - vermelho, bordô, verdes (oliva, musgo e caqui), marrom café, caramelos, roxo achocolatado e laranja- ferrugem, azuis (petróleo e marinho) e mostardas. • Cartela de cores discretas e suaves (reforçam o estilo delicado) cinzas, rosas, esverdeadas, beges e azuis icy. • Preto e branco - combinação perfeita e renovada nas estampas e materiais da estação - sucesso absoluto. • Preto com dourado - A cor do ouro - grande destaque (vestidos bordados, acessórios e tudo mais... um luxo). • Metálicos - (espaço nesta estação OURO E PRATA). • Contrastes de tons quentes e frios - (azuis e avermelhados, marrons e turquesa).


ESTAMPAS

Animal Print (muito destaque) - as inspiradas em girafas, vacas e zebras prometem dominar a moda (looks em preto e branco).

As onças poderão ser usadas também, pois não desapareceram das passarelas e das ruas. OBS: não misturar várias estampas animal - apenas um tipo de estampa animal em seu look. CUIDADO: apesar de elegantes, o risco é o exagero. Escolha tecidos diferenciados como sedas, crepes para tornar a peça mais elegante. Um acessório como bolsa ou sapatos dão um toque muito moderno. •

Animal Face: Camisetas e blusas estampadas com a face de animais onça, tigres, ursos, gatos, lobos, cachorros etc...

GEOMÉTRICOS

Listras - Diagonais verticais e horizontais - Elas vieram de todas as maneiras - em detalhes ou look total - (preto e branco) apareceu muito, muitas vezes navy (marinho e branco), com diferentes tonalidades ou cores múltiplas.

Elas são curinga e vão dar um ar descolado em produções mais comportadas. • • •

Geometria - desenhos geométricos e muitas vezes como estampas de gravatas e lenços... Detalhe – aparecem bordados com desenhos tipo fabergê ( quadriculado). Camuflada - para estilo militar. Xadex - aparecem desta vez com a padronagem bem ampla, muitas vezes enormes. Devem ser usadas com peças lisas para suavizar o resultado.

TECIDOS E TEXTURAS • Tecidos leves como tule, renda, musseline, cetim e seda estão em alta. • Destaque para a camurça e o veludo. • O Couro vai prevalecer muito utilizado nas calças justas e jaquetas - está super em alta, sem contar as saias, casacos e vestidos também, (aparecem os coloridos também). 47


Couro Legítimo ou ecológico não importa - eles farão parte desta tendência que já é um sucesso. •

Couro e Camurça podem contar ainda com inserções de bordados (presentes nas jaquetas, vestidos e casacos).

TECIDOS ESTRUTURADOS • Pele sintética - nos detalhes - aparecem também com os tricôs. • Rendas - continuam com tudo - nas saias, nos vestidos, nos detalhes de muitas peças. Para o casual, social e rigor. TRANSPARÊNCIAS Presente em blusas,camisas, casacos, saias vestidos e até calçados. Elas aparecem muitas vezes com bordados e aplicações de pedrarias. No dia-a-dia o melhor é dosar o tanto que pretende deixar à mostra. Podem ser usadas com tops por baixo, opção que dá sempre certo. BRILHO - Forte tendência... • Presente tanto nas aplicações de pedrarias como nos tecidos metalizados nos tons dourado e prateado. • Esteve presente em diversas coleções- nas roupas básicas e nas coloridas - na peça inteira ou nos detalhes. • Peças com cristais, Spike e paetês grande aposta - terão muito espaço. O brilho não vai ter hora (basta compor os paetês, brocados e tachas com as peças mais neutras para estar vestindo no dia também). Para noite apostar em pedras ou detalhes brilhantes. BORDADOS Além de usados nos trajes para festas foi muito utilizado para enriquecer várias peças casuais. Proposto até para o jeans – o bordado poderá ser usado mais informal com camisas e camisetas básicas ou com camisas de seda para ocasião mais formal. MODELAGENS E FORMAS: • Modelagens extra largas - maxi. Ombros largos - casacos amplos e coletes cumpridos. • Ombros arredondados - aparecem muitas vezes com a costura abaixo da linha dos ombros. Peças com modelagens mais soltas e leves. • Cortes alinhados e justos - aparecem também nas roupas mais elegantes e sociais. • Silhueta - mais retas e finas. • Recortes assimétricos que valorizam as formas femininas. PEPLUNS Volume introduzido através do tecido extra, tipo sobre saia que sobrepõe o vestido ou saia no quadril. BADADOS A nova versão é feita de tecidos encorpados e aparece mais volumosa do que nos anos anteriores, podem entrar na região dos ombros, na barra das saias e nas mangas. Vai dar um toque muito feminino nas peças. ALFAIATARIAS Muito destaque - uma das apostas mais fortes desta estação. • • • • 48

Calças corte reto e casaco 7/8. Conjunto completo de calças, coletes e blazer (Para que esse clássico fique atualizado e mais moderno, eleja o veludo, o couro e até detalhes bordados, pedrarias ou paetês nas peças). Aparecem conjuntos de calças ou saias e blazer inteiro com estampas geométricas, listradas ou animal. Presença neste estilo peças de tonalidades mais sóbrias como o


• • •

bordô, azul petróleo, café e preto. Blazer feminino - maxi ou acinturado. Casacos com cortes semelhantes ao terno, mas com detalhes e cores femininas. Escolha uma peça ou mais entre blazer, calças retas e pantalonas para este inverno.

MILITARISMO O militar voltou com tudo no inverno 2013. Vamos achar esta tendência nas cores (verde musgo, caqui, caramelo e marrom) modelagens, nos trench coats, casacos, jaquetas, calças, parkas, saias e também nos calçados com fivelas e cadarços (coturnos e botas), Acessórios,como óculos aviador e boinas fazem parte deste estilo. OBS: As calças, jaquetas e parkas desta estação entre as outras roupas desta tendência são mais fáceis de combinar. Importante: misturar estas peças com peças de couro claras, jeans, camisas delicadas de tecidos delicados, renda e florais. Pode se tornar ainda muito feminino se usado com saias, calças skinny ou camisas combinadas com acessórios modernos e sapatos de saltos (tudo isso para tirar o jeito de militar rígido). O zíper aparece forte para reforçar este estilo. Apostar também nas opções do camuflado em tons de azul, cinza e beges claros. COMPRIMENTOS: Crooped / Midi / Mini Crooped e midi - aposta em calças, saias, camisetas, blusas e tops mais curtos, deixando a barriga e canelas à mostra. Tendências das mini - vestidos ou saias vão dominar a cena também. Os vestidos aparecem com decotes mais fechados e mangas longas e com cores mais vivas. Calças - Amplas, skinny, pantalona, cigaretes e retas – com tecidos mais estruturados, com comprimento mais curto e barra estreita, longas, estampadas etc... JEANS - As peças têm modelagens mais femininas, lavagens escuras, enfeites como cristais, bordados e acabamentos diferentes– usar na informalidade ou com camisas de seda para ocasião mais formal. Hoje já pode se vestir inteiro de jeans – não é mais cafona! Saias - Não existe comprimento adequado para saias – todos os comprimentos aparecem (mini, no joelho, midi e longa) Atenção para: - Saias lápis, - Saias envelope: tipo de saia que é assimétrica, - Saias com recortes e barra rodada,como um babado leve, - Saias rodadas (sendo curta). Vestidos - Tipo camisa, com corte reto, com cintura marcada, tipo tubo. Camisas femininas - As camisas continuam com tudo trazendo diversas opções de tecidos, acabamentos, cores, bordados e estampas. Abuse desta tendência novamente. BOLSAS Modelos com alças duplas em tamanho médio. • •

Fechamento frontal e alças longas ou duplas. Matelassê em estruturas ampliadas - alças de corrente em banho dourado e niquelado.

Aqui, com todas estas informações, você já poderá procurar sem dúvidas o que mais tem a ver com o seu estilo...Tenho certeza que irá gostar muito do que vai encontrar...

Boas Ccompras Beijos Rosane Gauss 49


Dicas Italínea

U

Aprenda a cultivar plantas dentro de casa

ma casa repleta de plantas além de linda, também deixa o ambiente mais leve, fresco e acolhedor. Porém, para que as plantas sejam saudáveis e durem por bastante tempo, é necessário seguir algumas dicas. Confira:

- O excesso de água é tão prejudicial à planta quanto à falta de hidratação. Para evitar problemas, uma dica é colocar o dedo na terra para sentir sua umidade. Se ela estiver seca é sinal de que precisa regar;

- O local mais indicado para alocar as plantas é próximo à fonte de luz natural, preferencialmente a uma distância menor que 2 m;

- Mantenha as plantas venenosas (buxinho, comigo-ninguém-pode e dedaleira, por exemplo) fora do alcance das crianças e dos animais domésticos;

- Salas de estar e de jantar, cozinhas e varandas estão entre os locais mais apropriados para o cultivo. Em contrapartida, locais como banheiros, onde há muita umidade e pouca ventilação e insolação geralmente não oferece condições para o cultivo de plantas;

- As plantas não devem ficar muito próximas a saídas de ar condicionado. Isso porque o vento pode ressecar e até queimar as folhas;

- Antes de plantar uma muda, certifique-se de que tamanho ela poderá ficar quando adulta. Também verifique se a planta já está enraizada e se não tem pragas; - Jamais plante espécies de características diferentes lado a lado. Caso contrário será muito difícil conseguir cuidar de cada uma delas individualmente; - Para que as plantas durem bastante é recomendável a pulverização periódica de adubo foliar, assim como a adição de adubo orgânico no solo;

50

- Em hipótese alguma devem ser utilizados agrotóxicos dentro de casa. Confira as espécies mais recomendadas para uso interno: - Palmeira chamaedorea - Licuala - Pleomele verde - Ráfis - Palmeira fênix - Filodendros - Sagifragas (Lança de Santa Rita)

- Yucca - Renda portuguesa - Nolina ou pata de elefante - Pacova - Dracena arbórea - Árvore da felicidade


51


Venha Conhecer P

ensando na satisfação dos clientes e em melhor atendê-los a Tok Fashion disponibiliza agora dois espaços. A antiga instalação é destinada para calçados, e a nova para confecções.

Toke Fashion Calçados Rua Rio Grande do Norte, 1013 - Fone (14) 3732-8636 • Toke Fashion Confecções Rua Bahia 886. 52


53


COLUNA DO GUMA

Memórias de um “tio” “Acabando com o assanhamento de um “tio””

Olá AMIGAS DO GUMA, observa-se cada vez mais um incremento na quantidade de “tios” em academias em meio aqueles jovens nas melhores fases de suas vidas... (ai ...ai)!!! ai vem aqueles pensamentos... se eu fosse dez anos mais novo (só dez anos??? hahaha!!!). Mas vocês verão aqui que a empolgação inicial pode ser facilmente superada quando se percebe a debilidade física (normal e natural) para acompanhar a “moçada” e mesmo a falta de paciência de quem passou muito anos de sua vida achando pratica física algo apenas para esportistas (estou mentindo???). Então vamos ao diário de um destes “tios”numa versão adaptada do genial Prata, na busca da performance física plena (ou seria outra a intenção?) vejam aí!!! ---0--Algum tempo atrás ganhei uma semana de treinamento físico em uma academia. Apesar de estar em excelente forma (háháhá, já viu tio estar em excelente forma??? No máximo uma boa forma e olha lá), achei boa a idéia de diminuir a minha “barriguinha” (Isto é que é modéstia, barriguinha??? fala sério!!!). Fiz a reserva com uma orientadora na ACADEMIA cujo nome (bom deixa pra lá né???), instrutora de musculação e aeróbica, em torno de uns trinta anos (há meu Deus!!!). Recomendaram levar um diário para documentar o meu progresso, que a seguir transcrevo a vocês: (percebam o “Crescimento” constante da vontade de entrar em forma...). Segunda-feira: Com muita dificuldade levantei-me às 6 da manhã. O esforço valeu à pena! A orientadora era uma mulher linda. Inicialmente, ela me levou para um tour pela academia, mostrando todos os aparelhos. Comecei pela bicicleta ergométrica. Curti muito o exercício, bom- confesso não tem como não curtir um exercício em que a orientadora por si, pela sua beleza, já vale a pena. Ela me motivou muito, apesar da dor na barriga, de tanto encolhê-la, toda vez que ela passa perto. Terça-feira: Tomei café e fui para a academia. Ela estava mais linda que nunca. Comecei a levantar uma barra de metal. Depois me atrevi a colocar mais pe-

54

sos!!! Fui para esteira, minhas pernas estavam debilitadas, mas consegui completar UM QUILÔMETRO. O sorriso arrebatador que ela deu me convenceu de que todo exercício valeu a pena... era uma nova vida para mim. Quarta-feira: A única forma como consegui escovar os dentes, foi colocando a escova sobre a pia e movendo a cabeça para cima e para baixo. Dirigir também não foi fácil: estender os braços para mudar as marchas era um esforço digno de Hércules, doía muito o peito e os braços, e minhas panturrilhas ardiam toda vez que eu pisava o pedal da embreagem. Fisicamente impossibilitado, estacionei meu carro na vaga para deficientes físicos, até porque saí do carro mancando... Lá estava ela com a voz um pouco aguda a essa hora da manhã, e quando falava me incomodava muito. Meu corpo doeu inteiro quando ela me colocou a cadeirinha de escalada. Para que porcaria alguém inventa um treco para se escalar quando isso já está obsoleto com os elevadores? Ela me disse que isso me ajudaria a ficar em forma e a aproveitar a vida e os esportes de aventura... ou alguma dessas promessas. Quinta-feira: Ela estava me esperando com seus horríveis dentes de vampiro. Cheguei meia hora atrasado: foi o tempo que demorei para colocar o tênis. A desgraçada me colocou para trabalhar com os pesos. Quando se distraiu, saí correndo e me escondi no banheiro. Mandou outro treinador me buscar e, como castigo, me colocou na máquina de remar... lasquei-me! Sexta-feira: Odeio a desgraçada, anoréxica, anêmica, insuportável e sem cérebro! Se houvesse uma parte do meu corpo que pudesse se mexer sem uma dor angustiante, eu a partiria ao meio a desgraçada!!! Ela quis que eu trabalhasse meus tríceps... E EU NEM SEI QUE DROGA É ESSA DE TRÍCEPS!!! Como se não bastasse colocar os pesos para que eu os levantasse, ainda colocou aquelas porcarias das barras... A bicicleta ergométrica me fez desmaiar e, quando acordei, estava numa maca em frente a uma nutricionista, que me deu uma catequese de alimentação saudável... háááááaá que ódio...

Sábado: A lazarenta da minha orientadora me deixou uma mensagem no celular com sua vozinha irritante, perguntando-me por que eu não fui à academia. Só com a sua voz já me deu vontade de quebrar o celular, porém não tinha força suficiente para levantá-lo, pois até para apertar os botões do controle remoto da TV estava difícil. Domingo: Pedi ao vizinho para ir à missa agradecer a Deus por mim por essa semana que terminou. Também rezei para seja presenteado com algo um pouco mais divertido, como um tratamento de canal, um cateterismo ou até mesmo um exame de próstata. ---0--Háhahahah!!! Meus queridos amigos a historinha acima é apenas uma ficção tá?? Porém se “serviu” para algum tio, lembro que é mera coincidência - que exprime, porém momentos insólitos na vida de um “tio”. Artigo elaborado com base em textos que tratavam do assunto no meio eletrônico e colaboração de amigos. P S: Mesmo tendo ficado claro no texto pela maneira bem humorada que me expressei, friso meu respeito pelos profissionais de Educação Física e áreas correlatas, pois entre estes tenho grandes amigos e por entender a importância dos mesmos na melhoria da qualidade de vida. “A beleza e a aparência são limitadas a atrair, somente as palavras e a personalidade são capazes de conquistar”. Antes de finalizar quero agradecer a expressiva audiência de meu Programa de Rádio todos os sábados das 9 as 12 horas na Radio Cidadania FM em 104.9Mhz (ou pelo link em www.redeguma.com e também no Jornal da Cidade que apresento na mesma emissora de segunda a sexta as 10:45 horas. Ainda obrigado pelo numero incrível de acessos na REDE GUMA www.redeguma.com. * GUMA é Gumercindo Castellucci Filho é Jornalista MTB n. 44.649, Palestrante e Professor, com formação especialização nas áreas de Comunicação, Gestão de Negócios e Empreendedorismo. Fone para contato (14)97746933 ou pelos E-mails drguma@hotmail.com Facebook. www.facebook.com/professorguma/


55


Coquetel de 2 Anos

A

Revista Mulher em Evidência comemorou com grande estilo seus dois anos de existência. Embora pareça pouco tempo, deu para perceber a quantidade de amigos e parceiros que a revista já conquistou. Realizada no dia 8 de março, a comemoração recebeu cerca de 300 pessoas no espaço JKR, em Avaré. A equipe da Mulher em Evidência agradece a todos que ajudaram a construir estes dois anos ricos em histórias.

56


57


58


59


60


61


Há 100 anos,

Madre Paulina visitava Avaré

“Primeira santa do Brasil conheceu a cidade em 1913”

H

á exatamente um século, em março de 1913, a cidade recebia, pela primeira vez, as Irmãzinhas da Imaculada Conceição. A vinda das freiras ocorreu em atenção ao apelo feito às autoridades eclesiásticas pelo alferes Manoel Marcellino de Souza Franco - o popular Maneco Dionísio, presidente da Casa Pia de São Vicente de Paulo.

Por recomendação do arcebispo de São Paulo, vieram para Avaré madre Paulina do Coração Agonizante de Jesus (que em 2002 foi reconhecida como a primeira santa da Igreja Católica a viver no Brasil) e madre Vicência Teodora da Imaculada Conceição. Ambas conheceram as instalações da Casa Pia, fundada e dirigida por confrades vicentinos que, nessa época, funcionava como hospital de idosos desamparados, mas não dispunha de pessoas habilitadas para o atendimento da enfermaria.

Madre Paulina e madre Vicência: presença religiosa em Avaré.

Inaugurado em meados de 1912, esse hospital era mantido pela Conferência Vicentina e teve seu prédio erguido no centro da cidade, onde antes ficava o primeiro cemitério.

Casa Pia, atual Lar S. Vicente de Paulo, funcionou antes como hospital.

62

Contava a obra apenas com o serviço voluntário do médico João de Góis Manso Saião. E não havia gente preparada para socorrer os enfermos. O serviço, conforme pensava Maneco Dionísio, só poderia ser bem feito “por almas consagradas a Deus”.


AS VISITANTES - Primeiro as irmãs desceram do trem em Botucatu, sede do bispado, para falar com dom Lúcio Antunes de Souza, o primeiro bispo diocesano. Elas lhe expuseram a disposição de abrir uma comunidade de freiras em Avaré e dele logo receberam a benção e a aprovação dos planos. A chegada das religiosas, de feições claras, chamou a atenção dos moradores que nunca tinham visto mulheres com trajes típicos de quem se consagra ao serviço divino.

necessidade da presença de enfermeiras na cidade. De volta a São Paulo, madre Vicência comunicou o arcebispo da viabilidade de enviar freiras para Avaré. Os preparativos para a fundação exigiram alguns meses até que, em novembro de 1913, chegaram as primeiras missionárias: irmãs Geralda de Jesus Redentor, Filomena de Jesus Menino e Teodora Maria do Sagrado Coração. Elas vieram na companhia de madre Matilde da Imaculada Conceição, melhor amiga de madre Paulina e co-fundadora da congregação.

Madre Paulina, cujo nome civil era Amábile Lúcia Visintainer, escolheu esse nome conforme antigo costume adotado pelas freiras. Experiente, madre Matilde viu que o Madre Paulina: canonizada em 2002 por João Paulo II. Na ocasião dessa sua primeira visita a Avaré, lugar era muito pobre. “Se ensinarmos ao povo ela tinha 47 anos de idade. Madre Vicência, por o conhecimento de Deus e da religião, já será sua vez, tinha então 33 anos e seu nome de batismo era Angela para as Irmãzinhas uma grande missão”, observou. Sabina Bottamedi. De fato, as Irmãzinhas da Imaculada Conceição, em Nessa época, a primeira santa do Brasil trabalhava na diferentes períodos do século XX, desenvolveram intenso e mais absoluta simplicidade num hospício em Bragança Paulista, fecundo serviço religioso nas áreas da educação (Externato enquanto que madre Vicência era a superiora geral e vivia em São José), da saúde (Santa Casa) e da assistência social (Lar São São Paulo, mas convidava a fundadora para acompanhá-la e Vicente de Paulo). Permaneceram em Avaré até 2008, ano em que, por falta de vocações, foram embora. ouvi-la nessas viagens de trabalho. As acomodações da Casa Pia agradaram as visitantes. Elas conheceram os doentes ali internados e perceberam a

*Gesiel Júnior, 49, cronista e pesquisador, é autor de 25 livros sobre a história de Avaré

63


Os nossos tons coloridos C

oloquei em discussão em vários grupos de pessoas o tão polemico e comentado livro que surgiu no nosso meio, e lógico escrito por uma mulher, para sentir... a reação das pessoas... O começo da minha leitura do primeiro livro, além de ser monótono, cansativo, você fica tentada a uma desistência de leitura, mas como não gosto de começar um livro e não terminá-lo, sigo em frente e começo a ficar com uma certa relutância quanto ao protagonista Christian Grey; como pode ser tão Dominador... e o porque dessa raiva... pergunto?, talvez, por que você também seja dominada e nem se de conta disso, mas isso é outro assunto... E sigo adiante na minha determinação de ler toda a trilogia... pois são 3 volumes, e ainda eu estou só no meio do primeiro livro, e Ele, esperto, domina sua presa, com o que ele acha que é sua arma secreta O Sexo. ...Ele tenta é domina lógico, no começo á, digamos, a menos esclarecida Anastásia, reparou que ela tem nome de princesa... princesa Anastásia, dos filmes infantis, tem até filme... é ele lógico, ele é o príncipe... Ele faz e desfaz, ensina as suas proezas usando algemas, chicotes, etc... que aprendeu tão bem, pois a professora era uma senhora bem informada na questão de ter prazer... e a nossa princesa, que de princesa, a gente logo nota que não tem nada vai assimilando rápido o assunto, Sexo... nessa parte do livro você já o elegeu o Príncipe e ela a pobre coitada, digamos... Mas eu diria... que eu já a admirava, pois a tal Anastásia, mostrou a ele que através do sexo tem o principio de tudo o Amor... que é a base de tudo, é o sexo só é a soma, a consequência do amor dos dois... Nossa, você dirá apaixonar-se por um louco?? que tem prazer em machucar, para ter prazer, será esse o homem que escolhi para viver... e ai entra o Amor ou será os vários Tons Coloridos do Amor, o que eu acho o mais acertado, e surge em você aquele Tom de mãezonha, que toda mulher tem, querendo proteger o Cara, entender o porque de tudo isso e quando você chega a esse ponto minha filha você já está com vários tons na sua mente pipocando... e você continua até o ultimo livro é constata como é forte a força da Mulher em si..., lógico que você se apaixona pelo Christian Grey, teve amigas que disseram que não queriam terminar de ler o livro, outras no entanto nem chegaram a terminar o primeiro, mas a meu ver a mais esperta foi sem duvida a autora, que... escreveu um livro voltado basicamente para as mulheres (acho que os homens deveriam tentar ler), descreveu várias cenas de sexo, reacendeu a chama da paixão em vários casais, inventou um cavaleiro que aprendeu muito sobre a anatomia feminina e a mais importante conheceu uma Mulher forte o bastante, para mostrar a ele que todo casal tem que estar um do lado do outro, vivendo, como amigos, companheiros, amantes e respeitando todos os milhares de nossos Tons da Vida. Ro Abad 64


65


VIAGEM Uma lição de vida

Inesquecível em Israel

É

“Mais que uma viagem. Uma lição de vida”

assim que a professora de piano, Norma Righi, define sua última viagem, realizada no mês de agosto. O destino foi o estado de Israel. Ela passou oito dias em plena emoção , fazendo o mesmo caminho feito por Jesus Cristo. O estado de Israel é um país no Oriente Médio, na extremidade sudeste do Mar Mediterrâneo. É uma república democrática parlamentar fundada em 14 de Maio de 1948. É o único estado judeu em todo o mundo. A capital declarada (mas não reconhecida pela comunidade internacional) do país e sede do governo é Jerusalém, que é também a residência do Presidente da nação, repartições do governo, suprema corte e o Knesset (parlamento). A maioria dos países mantém sua embaixada em Tel Aviv, cidade por onde a viagem

66

de Norma Righi começou e tornou-se uma grande história para ser lida e sempre relembrada. O turismo em Israel inclui uma rica variedade de locais históricos e religiosos na Terra Santa, assim como resorts de praia modernos, turismo arqueológico, turismo de legado e ecoturismo. Israel tem o maior número de museus per capita do mundo. Um turismo religioso que gera muitos empregos, alavanca a economia e proporciona momentos inesquecíveis aos turistas. Na estadia em Israel, a avareense conheceu lugares sagrados como: Jerusalém, o qual é considerada a cidade mais sagrada no Judaísmo e ali está localizado o Muro das Lamentações.


VIAGEM Jerusalém é o local de alguns ensinamentos por tudo aquilo, enquanto pregava”, recorda. de Jesus e sepultamento; Os cristãos acreditam que Em Israel, ele foi crucificado em um morro próximo, Gólgota. Norma Righi Norma Righi passou também com seus olhos firmes e pode conhecer atenciosos em Gólgota e afirma que é impossível não (e se emocionar) se emocionar. com o Monte das “É tudo muito rico em detalhes e você acaba fazendo uma viagem espiritual, se indagando a todo mundo a respeito do sofrimento de Cristo. Quando anda muito pelo deserto e fica imaginando os passos dEle e o sacrifício que era”, conta a avareense.

A “peregrinação” de Norma (e o grupo de excursão e acompanhava) pelo deserto teve somente o trajeto de ônibus. “É um calor insuportável e você fica imaginando como Jesus passou

como Nazareth e Galileia.

Oliveiras, local onde Jesus passava horas pregando e orando, cidades

Ela conta que uma das coisas que mais a emocionou foi ver de perto oliveiras da época de Jesus, que, até hoje, mais de 2 mil anos depois, ainda dão azeitonas. “Não tem como não pensar que você pode estar pisando no mesmo lugar que Cristo pisou um dia”, diz.

67


VIAGEM Jordão, Mar da Galileia, Capharnaum, Monte das Bem Aventuranças, Mar Morto, Jerusalém e o local onde foi colocado o corpo de Cristo, onde se lê uma placa, até os dias de hoje,que diz que: “Ele não está mais lá”.

Norma Righi fez a viagem acompanhada de um grupo de evangélicos, da Igreja Presbiteriana de São Paulo, o que tornou Israel “mais espiritual ainda”. Passear por Israel é praticamente fazer uma viagem aos principais trechos da Biblia, a história mais lida no mundo, que faz parte da vida da imensa maioria das pessoas de todas as nações. Norma conta as emoções de conhecer a Caesaréa Marítima, Monte Carmelo, Rio

68

Entrar no túmulo de Jesus foi outro ponto que marcou a viagem da avareense. “É muito emocionante mesmo, não há palavras para descrever”, finaliza Norma Rghi, dizendo que esta é uma viagem que ela recomenda para todo mundo, não somente por passar por lugares lindos, mas pela emoção de fazer o trajeto do Homem mais importante do mundo.


69


70


71


Cuscuz Maré Cheia Ingredientes

• • • • • • • • • • • • • •

1/2 xícara (chá) de óleo 1 cebola picada 1/2 pimentão vermelho 1 xícara de ervilhas frescas 1 xícara de palmito picado 1/2 xícara (chá) de azeitonas pretas picadas 1 lata de sardinha grande com óleo 1 xícara de molho de tomate pronto 4 xícaras de caldo de peixe ou camarão 1/2 xícara (chá) de salsa e cebolinha 1 xícara de camarões limpos sem cascas 2 xícaras de farinha de milho ½ xícara de farinha de mandioca 3 colheres de sopa de azeite de dendê

• • • •

Como fazer

1 xícara de leite de coco 2 ovos cozidos para decorar 1 tomate para decorar sal e pimenta a gosto

E

m uma panela, aqueça o azeite e refogue a cebola. Junte o pimentão, a ervilha, o palmito, as azeitonas, a sardinha com óleo, o molho de tomate, caldo de peixe ou camarão, o camarão, sal e pimenta. Cozinhe em fogo baixo por 12 minutos. Junte a salsa, a cebolinha e a farinha de milho e a farinha de mandioca. Misture bem sempre mexendo para não empelotar. Desligue. Coloque a massa obtida em um refratário de vidro ou forma de bolo, untado com óleo. Aperte com uma colher. Já esta pronto.

Informações: (14) 3732-2931 | 9774-4585 | 3731-1551 (noite)

72


73


74


75


Ontem & Hoje Polo de Educação

Tradicional colégio instalado em 1936 pelas Irmãzinhas da Imaculada Conceição, congregação fundada por Santa Paulina, o Externato São José – por mais de três décadas - através de suas dedicadas educadoras, cuidou de preparar sucessivas gerações de avareenses.

Fechado em 1968, em seu lugar hoje funciona um colégio de ensino básico e médio, além de vários cursos superiores mantidos pela Fundação Regional Educacional de Avaré (FREA), a primeira faculdade do município criada durante a primeira gestão do prefeito Fernando Cruz Pimentel. Por Gesiel Júnior 76


77


Como ser uma Mulher

S

de Bem com a Vida

abe, estamos vivendo dias de loucura e de cobranças. Pressão, metas no trabalho, mudanças hormonais, crises existenciais, faculdade, ministério, educação dos filhos, cuidar da casa, dar atenção ao marido e ainda andar sempre com a aparência impecável. Ser a primeira a acordar, a última a dormir e ter jogo de cintura para lidar com situações inesperadas. Mas, por incrível que pareça, eu acredito que a maior dificuldade das mulheres é encontrar um ponto de equilíbrio, conseguir administrar seus sentimentos e impulsos. Vou te falar uma coisa: é possível e não é tão difícil!

Hoje, eu quero deixar algumas dicas para que você possa passar por todas as situações de extrema pressão de bem com a vida, assim como Deus me ensinou! Pare tudo o que você está fazendo e preste atenção nesta dica de amiga: Só tem um jeito de você ser uma mulher de bem com a vida em uma sociedade carregada de loucuras: se reencontrando e se reconciliando consigo mesma, e isso só é possível, quando você tem um encontro com Deus. A missão de ser mulher Por meio da comunhão com Deus, você passa a ter a imagem e semelhança d’Ele, ou seja, você volta a ser aquilo que Deus projetou para sua vida. Você passa a ter paz na missão que Ele te designou. É algo natural, não tem segredo, não importa o que esteja acontecendo, quando você tem comunhão com Deus, você tem paz. Nada te remove da sua posição. Você deixa de se sentir uma condenada, excluída, mal amada ou castigada. Você, de repente, não tem mais problema com pessoas que possuem outros tipos de missões, que muitas vezes, aos seus olhos, não são tão complicadas como as suas ou simplesmente não requerem uma entrega como a sua exige. Seja bem resolvida Então, querida, é primordial você ter um encontro com Deus. Sabe, foi por meio do evangelho que eu aprendi a lidar comigo mesma! Eu não me suportava, de tão complicada que eu era. Mas sabe de uma coisa? Quando aceitamos a Jesus e buscamos um relacionamento com Ele, nós quebramos toda barreira de inimizade interior. Você deixa de ser sua própria inimiga e deixa de questionar coisas do tipo: “Ai meu Deus! Por que eu ainda não casei?”. De problemática, você passa a ser uma mulher bem resolvida: “Olha, eu não casei, porque eu ainda não encontrei a pessoa certa” ; “Eu não casei, porque eu não quero, porque eu tenho que estudar, viajar, aproveitar outras fases da minha vida” ; “Eu não casei, porque ainda não é o tempo certo, mas eu estou bem! Embora eu passe por muitas cobranças, eu vou esperar o tempo de Deus. Eu sei que Ele tem o melhor pra mim!” Tem gente que tem uma crise terrível por causa de sua aparência: “Ai meu Deus, por que eu não sou magra?”; “Por que meu cabelo é assim?”; “Por que eu não sou mais alta? Para com isso! O que atrai um servo de Deus é uma postura digna e não um padrão de beleza. Faça do Senhor o seu melhor amigo Quando você está bem com Deus, você acaba ficando de bem com você mesma e aquelas coisas que você utilizava para se maltratar, se punir, deixam de

78

fazer parte da sua vida. Você começa a ser a sua melhor amiga, a se cuidar, a se fazer bem. Você deixa de ter pensamentos destrutivos, mas passa a ter pensamentos que te fazem bem. A comunhão com Deus nos faz ter um filtro do Espírito Santo. Você começa a discernir tudo o que vem para tirar sua paz! Você passa a identificar os planos do inimigo e adquiri autoridade para expulsar toda perturbação da sua vida. Sabe de uma coisa? O homem e a mulher foram criados para se relacionarem com Deus todos os dias. Eva pecou, porque perdeu o foco. Quando você se mantém focada, a serpente pode chegar com todos os tipos de argumentos: “Você é troxa!”; “Você poderia ganhar mais se aceitasse tal proposta!” ; “Tem um lado que você não conhece. Você está sendo enganada!”; “Você está se submetendo a um trabalho escravo!”. Vamos combinar uma coisa? “Pode ser tudo isso, mas é melhor do que o que você tem para oferecer! Vou continuar onde estou!”. Quando você mantém o foco, nenhuma pressão, ou falatório te destroem. Aquilo que falam não tem nada a ver com você, tem a ver com a perspectiva de quem fala! A boca fala do que está cheio o coração. O que dizem não muda quem você é O importante é você saber quem você é, o que você está fazendo da sua vida e o que Deus está falando ao seu respeito. Esta é a opinião importante. Em vez de ficar fuçando no Facebook e no Twitter o que seus inimigos falam de você, mude seu conceito e reflita: “O que será que Deus pensa de mim? Será que eu estou no centro da vontade d’Ele?”. Porque se você tiver a segurança de que está agradando a Deus e estiver debaixo de autoridades constituídas por Ele, você terá paz e prosperará em todas os seus caminhos, segundo o que está escrito em 2 Crônicas 20:20 “Pela manhã cedo se levantaram saíram ao deserto de Tecoa; ao saírem, Jeosafá pôs-se em pé e disse: Ouvi-me, ó Judá, e vós, moradores de Jerusalém. Crede no Senhor vosso Deus, e estareis seguros; crede nos seus profetas, e prosperareis.”. Com essa consciência, você consegue tomar uma posição sábia contra aquelas situações assombrosas, terríveis e absurdas! Sabe aquelas situações que acontecem para deixar qualquer uma deprimida? Podem até se manifestar, mas você não vai perder o controle. Você vai se posicionar e vai acreditar no livramento do Senhor. A tua base precisa ser Jesus Cristo! Você precisa renascer para adquirir a mente de Cristo e possuir o mesmo sentimento que habitava n’Ele, conforme está escrito em Filipenses 2: 5 “Tende em vós aquele sentimento que houve também em Cristo Jesus.”. Assim você terá paz com Deus, com os homens e passar por qualquer tipo de situação, sem sofrer nenhum dano! Pense nisso! Ser feliz é uma escolha! Escolha viver este dia da melhor maneira possível! Amo vocês!

Bispa Sonia Hernandes


79


CHARGE

Ana铆

N贸s da Revista Mulher em Evidencia juntamente com Xavier de Lima presenteamos novamente uma leitora em um sorteio feito no Facebook da Revista Mulher em Evidencia.

80


81


82


83


Misturinha Que Tira Cheiro de Tudo A

qui está receita da misturinha que tira cheiro de tudo, absolutamente tudo, e limpa tecidos, tira aquele amarelado e perfuma o ambiente.

1 Litro de Água + 1/2 Copo Vinagre de Álcool + 1 Col. Sopa Bicarbonato Sódio + 1/4 Copo de Álcool + 1 Col. Sopa Amaciante. Dica: como o vinagre e o bicarbonato efervescem usados juntos, procure fazer a mistura num recipiente grande para depois colocar no frasco menor e na seguinte ordem: 1 - água 4 - vinagre 2 - álcool 5 - amaciante 3 - bicarbonato Borrife sobre tecidos em geral: sofás, almofadas, caminhas de cachorro, cortinas, travesseiros, cobertores, roupas...além de tirar maus cheiros deixa o perfume duradouro do amaciante. Pode ser usado como aromatizador de ambiente, neste caso acrescente umas gotinhas de sua essência preferida no lugar do amaciante. Captura odores e perfuma. Você pode optar por uma limpeza profunda lave o objeto com a mistura, sem medo de estragar qualquer tecido, sendo oposto, o vinagre reaviva cores, o bicarbonato limpa profundamente, o amaciante deixa as fibras amaciadas e o álcool faz tudo secar mais rápido.

84

Como limpa carpete não tem igual!!! Tira cheiro de chulé dos tênis, de mofo das roupas, de cachorro, de vômito das crianças... Pegou um cachorro no colo ou um bebê vomitou no seu colo e ficou fedido bem na hora de sair? Espirre a misturinha num pano que não solte pelo e passe na roupa, ou espirre diretamente na roupa e tire o excesso. Pronto! Experimente limpar os estofados e teto do carro, principalmente quem fuma no carro, você não vai acreditar no resultado, limpa e desamarela o teto sem muito esforço. Também pode limpar bancadas, interior de armários, pisos... enfim, tudo! Você pode variar o cheiro, e usar sem cheiro nenhum na cozinha. Sugiro não exagerar nos compostos. Bicarbonato demais vai deixar resíduos, amaciante demais deixa meio ensebado e vinagre demais deixa o cheiro de vinagre. Em casa sempre tenho um recipiente de 1 litro em spray com a misturinha para borrifar e se quiser passar no chão pra limpar com o rodo mágico abro o recipiente e jogo direto no chão. Passe adiante, só conservamos o que temos dividindo-o com os outros


85


Carmen Steffens OUTONO / INVERNO 2013 Av. Prefeito Paulo Araujo Novaes, 755

POR

RENATA KUERTEN

ELEITA A MELHOR LOJA DE CALÇADOS DE HOLLYWOOD PELA RACKED AWARDS 2012 BUENOS AIRES

86

HOLLYWOOD

JOHANNESBURG MADRID

MARBELLA

PARIS

250 LOJAS - 17 PAÍSES

PUNTA DEL ESTE

RIO DE JANEIRO

SÃO PAULO


Revista Mulher - Ano 3 - Ed. 13