Issuu on Google+

Quanto custa?

www.folhaopiniao.com.br Terça-feira, 27 de agosto de 2013

Confira dicas de saúde no comércio local Página 5

TERÇA-FEIRA 27 de agosto de 2.013

Página 5

Câmara de vereadores aprova a criação do conselho de defesa animal de Mairiporã

Projeto foi votado durante sessão plenária da terça-feira, 23

Mestres do Renascimento, na coluna de Tarcílio de Souza Barros Página 13

Página 3


2

OPINIÃO

www.folhaopiniao.com.br Terça-feira, 27 de agosto de 2013

As esfinges do século 21 Para o mundo político brasileiro, elas vieram em junho como um vendaval. Índices de popularidade despencaram ladeira abaixo, deixando um rastro de perplexidade e de assombro em políticos, jornalistas, governantes e gestores públicos em geral. Que força nova é essa que leva multidões às ruas exigindo melhores serviços públicos – “padrão Fifa” – e é capaz de balançar administrações de governadores eleitos em primeiro turno, até pouco tempo em plena zona de conforto eleitoral? As novas redes sociais da internet (RSIs) representam um marco divisório na comunicação moderna. Dizem os estudiosos que o conceito de rede é uma versão empírica do conceito de rizoma, um sistema aberto, anterior a toda a dicotomia, sem limites definidos. Nas redes, não há dualismos. Como nos mostram as autoras Lucia Santaella e Renata Lemos (Redes sociais digitais, Editora Paulus), as redes nos livram da tirania do próximo versus o distante, das escalas micro e macro – família, grupo, instituições, nação. A rede substitui escalas por conectividade. Assim, uma rede não é maior do que a outra. Pode ser mais

longa ou mais conectada. Não há fora nem dentro: redes são só bordas. Muito tem se falado sobre as RSIs, mas são poucos os que conseguem entender seu conceito. Para muitos políticos e jornalistas, as novas redes digitais representam uma espécie de versão contemporânea do enigma da Esfinge da mitologia grega, que em Édipo Rei de Sófocles desafia a todos com um quebra-cabeça, sob a ameaça: “Decifra-me ou te devoro”. Muitos estão mesmo sendo devorados, como mostram as pesquisas de opinião sobre os políticos. Pesquisa recente do Ibope revelou que nem políticos nem governantes acertaram nas respostas aos pedidos das ruas. A Câmara dos Deputados e o Senado tiveram, respectivamente, 56% e 55 % de desaprovação. A presidente Dilma Rousseff amargou 46% de reprovação, mesmo ela sendo a “primeira líder mundial a ouvir as ruas”, segundo Manuel Castells, sociólogo espanhol, tido como o maior especialista contemporâneo em movimentos sociais nascidos na internet. Desde os primeiros protestos pedindo redução das tarifas em São Paulo, políticos de todos os

CITAÇÃO DA SEMANA “Os homens distinguem-se pelo que fazem, as mulheres pelo que levam os homens a fazer...” Carlos Drummond de Andrade, foi um poeta, contista e cronista brasileiro, considerado por muitos o maior poeta brasileiro do século XX.

partidos, sem exceção, só têm feito correr atrás dos prejuízos, de olho nas próximas eleições. Mais velocidade

Sobre a crise de representação política potencializada nas manifestações, Castells cita dois fenômenos. Um, a ideia de que político aprova regra eleitoral com o único propósito de se manter no poder. Outro, a forma horizontal e sem líderes desses movimentos, num claro contraste com o sistema político tradicional. Há outros fatores típicos das manifestações, como a variedade de demandas e a falta de objetividade dos movimentos. Sem pleitos específicos das vozes das ruas fica mais difícil para o político aprovar projetos que os faça recuperar a representatividade perdida. Quanto aos líderes, foram procurados com lupa por agentes de inteligência escalados às pressas, e devem estar até agora buscando nomes e rostos. No Brasil, além da revolução social que as RSIs estão provocando no cenário político e midiático, o debate sobre o marco civil da internet deverá crescer na sociedade civil neste segundo semestre. Ganham força na pauta do Congresso temas como a regulamentação da internet, proteção de dados pessoais, restrição à coleta de dados de usuários e mesmo a liberação da pré-campanha na

internet, entre outros. Por tudo isso, a melhor alternativa para atores de qualquer segmento social – políticos, governantes, jornalistas, gestores públicos e privados – é prestar bastante atenção na dinâmica das mídias sociais, entender o conceito de rede e as novas propriedades de comunicação do Twitter, Facebook e outras plataformas digitais. A rapidez com que se propagam ideias, mensagens, #campanhas e protestos nas mídias sociais impõe reação na mesma frequência temporal, exigindo de todos conhecimento, preparo e agilidade para atuar com eficiência no novo universo digital. Essas foram as conclusões do debate sobre as mídias sociais e o momento político no Brasil, realizado pela Oficina da Palavra, em Brasília, com o especialista Fábio Malini, do Laboratório de Estudos sobre Imagem e Cibercultura, Labic, da Universidade Federal do Espírito Santo (UFES). Políticos, gestores, jornalistas, executivos, agentes públicos e privados precisam se capacitar para os novos tempos. Com a chegada da rede móvel 4G não somente as conexões serão mais velozes. Crises institucionais e políticas também.

Patrícia Marins, jornalista, sócia-diretora da Oficina da Palavra e Miriam Moura, jornalista, diretora da Oficina Treinamentos (www.oficinadapalavra.com)

Publicação: Folha Opinião Comunicação, Eventos e Jornalismo Ltda - cnpj: 11.603.231/0001-06 Rua Cardoso Cesar, 363, Centro, Mairiporã – CEP: 07600-000 Redação e publicidade: 4275-0504 / 9-9529-2619 / redacao@folhaopiniao.com.br / comercial@folhaopiniao.com.br Reportagem: Renato Sarvanini

Editoração: André Chicoli

Colaboradores: Antonio Carlos Mendes Thame, Éssio Minozzi, Cecília Miglorancia, Renato Duarte, Editor: Maurício Araújo

Marisa Motta Cardone e Tarcílio de Souza Barrros.

NOTAS CPI dos Ônibus A presidência da Câmara Municipal do Rio de Janeiro tem até o fim da tarde desta segunda-feira para prestar esclarecimentos ao Tribunal de Justiça (TJ) sobre os questionamentos dos vereadores da oposição que levaram a juíza Roseli Nalin, da 5ª Vara da Fazenda Pública do TJ, a suspender por 48 horas os trabalhos da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) dos Ônibus. Na tarde da última sexta-feira, a presidência da Casa foi citada oficialmente pelo tribunal para se manifestar sobre a interrupção das atividades da comissão que investiga os contratos das empresas de ônibus do município com a prefeitura. A Câmara Municipal informou, em nota, que se manifestará até o fim da tarde desta segunda-feira e, após o prestar esclarecimentos, aguardará a decisão judicial para a retomada das atividades. A juíza Nalin publicou em seu despacho os motivos que a levaram a interromper temporariamente os trabalhos. “Diante dos argumentos apresentados pelos impetrantes e observado que a CPI já instaurada é objeto de impugnação sob o fundamento de vício de ordem formal e material na sua constituição, tenho por suspender o prosseguimento dos trabalhos, intimando-se a autoridade impetrada para manifestação”, disse a juíza. O pedido de suspensão feito por vereadores de oposição ao governo do prefeito Eduardo Paes alegam irregularidades na formação da comissão, pois quatro dos cinco membros principais não assinaram a proposta de criação e pertencem à base política do prefeito. Na última quinta-feira, ocorreu a primeira reunião da CPI dos Ônibus aberta à população. O dia foi marcado por troca de ofensas entre os manifestantes que não concordam com a formação da comissão e os militantes que apoiam os parlamentares. Os manifestantes estão acampados há 17 dias em frente ao Palácio Pedro Ernesto, sede do Legislativo e não há reforço no policiamento.

Impressão: Atlântica Distribuição: Mairiporã Terra Preta Serra da Cantareira


www.folhaopiniao.com.br Terça-feira, 27 de agosto de 2013

CIDADE

3

Câmara Municipal aprova a criação do Conselho de Defesa Animal de Mairiporã A Câmara Municipal aprovou na última sessão legislativa, 20, o projeto de lei que cria o Conselho de Defesa Animal de Mairiporã - CODAM. De acordo com a lei aprovada, compete ao novo Conselho atuar na proteção e defesa dos animais, quer sejam os chamados domésticos e os animais da fauna silvestre; na conscien-

tização da população sobre a necessidade de se adotar os princípios da guarda responsável e proteção ecológica dos animais e na defesa dos animais feridos e abandonados. O Conselho será deliberativo e consultivo do Poder Executivo, vinculado à Secretaria de Meio Ambiente e composto por quinze

membros titulares e seus respectivos suplentes, assim distribuídos: um representante da Câmara Municipal; um representante da Secretaria da Saúde; um representante da Secretaria de Meio Ambiente; um representante da Secretaria de Assistência Social; um representante da Secretaria da Educação; um representante da

CODAM foi aprovado pelos vereadores e agora segue para sanção do prefeito

Secretaria de Captação de Recursos e Relações Institucionais; um representante da Fundação Florestal; um representante da Polícia Ambiental; um representante do Conselho Regional de Medicina Veterinária de São Paulo; um representante da OAB, subseção Mairiporã; um representante do Conselho Municipal de Meio Ambiente;

dois representantes de entidades legalmente constituídas, com o objetivo de defender, cuidar e proteger animais domésticos e silvestres; um representante indicado por um mantenedor e um representante da Área de Soltura de Animais silvestres. O projeto de Lei aprovado segue para a sanção do prefeito.


4

www.folhaopiniao.com.br Terça-feira, 27 de agosto de 2013

GASTRONOMIA

Rondelli com massa de pastel Ingredientes

Preparo

1 pacote de massa de pastel 300 g de mussarela 300 g de presunto 250 g de requeijão cremoso 1 lata (350 g) de massa de tomate 2 caixas de creme de leite (400 g) Alho Cebola Orégano Sal

Leve ao fogo em uma panela o alho, a cebola, o sal,oregano, a massa de tomate, adicione um pouco de água e por último o creme de leite Faça um molho ao seu gosto, pode ser branco ou ao sugo, fique a vontade. (o molho deve ficar um pouco liquido), reserve Abra a massa, corte no tamanho que desejar e recheie com uma colher bem cheia de re-

queijão, mussarela e presunto Enrole e depois corte em rodelas pequenas, repita esse processo eté acabar a massa Distribua as rodelas em uma forma de vidro, jogue por cima o molho reservado (as rodelas tem que ficar totalmento cobertas) e feche com papel alumínio Leve para assar na temperatura de 180° por 45 minutos ou até a massa estar bem cozida

Bolo de chocolate Ingredientes 4 ovos 1 lata de leite condensado 1 xícara (chá) de chocolate em pó 1/2 xícara (chá) de amido de milho 1 colher (sopa) de fermento em pó 300 g de chocolate branco 1/2 xícara (chá) de creme de leite 12 biscoitos maisena triturados

Preparo Aqueça o forno a 200 °C. Bata as gemas até obter uma espuma fofa e clara. Acrescente o leite condensado em fio, sem parar de bater.

Purê de mandioquinha Ingredientes

Preparo

1 e 1/2 cubo de caldo

Em uma panela, junte a mandioquinha, 1 cubo de caldo, cubra com água e cozinhe por 20 minutos Escorra a água e passe a mandioquinha ainda quente no espremedor Volte ao fogo a mandioquinha espremida, o

de legumes 1 e 1/2 xícara de chá de leite 1/2 kg de mandioquinha sem casca 2 colheres de sopa de margarina

restante do caldo de legumes, o leite e a margarina, mexendo até engrossar Retire do fogo e sirva em seguida Dica Se desejar, misture salsa picada, queijo de sua preferência ou molho de pimenta ao purê

Adicione o chocolate em pó, o amido de milho e o fermento. Bata as claras em neve e incorpore à massa delicadamente. Ponha em uma forma de 20 x 23 cm untada e enfarinhada. Leve ao forno durante 40 minutos. Deixe esfriar e desenforme. Prepare a cobertura e recheio: mexendo levemente, derreta o chocolate branco em banho-maria, com o fogo desligado e a água bem quente. Retire do banho-maria, misture bem o creme de leite e os biscoitos triturados. Corte o bolo ao meio, recheie e cubra.


5

www.folhaopiniao.com.br Terça-feira, 27 de agosto de 2013

Quanto custa? Para manter o corpo em forma e também ter um bom condicionamento físico, fazer exercícios é a melhor opção. Uma boa pedida é a academia Murá, que fica na Rua Raimundo J. Cervenka, 36 – Clube de Campo. O pacote para uso diário da academia custa R$ 65,00. O telefone para contato é (11) 4419-3401.

No calor, para enfrentar a desidratação é necessário consumir muito liquido. Beba muita água e sucos naturais. A polpa de fruta custa apenas R$ 1,63. Você encontra no supermercado Quality, que fica na Av. Tabelião Passarela, 58.

Além de fazer exercícios, uma alimentação saudável faz toda a diferença. A granola é uma mistura de frutas secas, grãos (fibra de trigo, aveia, e flocos de arroz), sementes (castanha de caju, amendoim e castanha-do-pará) e açúcar mascavo. Traz uma série de benefícios para o corpo, na prevenção do câncer, doenças intestinais, combate o envelhecimento precoce, além de emagrecer. Na Casa do Norte, você encontra pacotes de granola a partir de R$5,50. A loja fica na Rua Cel. Fagundes, 91. O telefone para contato é (11) 4419-0900.

Se optar pela bicicleta ou por alguma outra atividade externa, não esqueça de usar o protetor solar. Na Droga Sol, que fica na Rua Cel. Fagundes, 108 - Centro, você encontra o protetor solar Sundown fator 15, por R$23,70. O telefone para contato é (11) 4604-3517.

Outro exercício muito saudável é pedalar. Uma bicicleta além de proporcionar uma boa atividade física, ajuda a diminuir o trânsito e a poluição no planeta, contribuindo não só para a saúde de quem pratica, como também para todas as pessoas. A bicicleta Caloi Andes, você encontra nas Lojas Cem, que fica na Rua Coronel Fagundes, 130 – Centro. Por R$448,00. O telefone para contato é (11) 4419-5033.


www.folhaopiniao.com.br Terça-feira, 27 de agosto de 2013

6

Atleta mairiporanense é destaque em torneio de natação no Paraná No dia 17 de agosto na cidade de Curitiba, no Paraná, foi realizado o Circuito Infantil Indoor de Maratona Aquática de 2013, no Polo Aquático Gustavo Borges. Participaram do torneio cerca de sessenta e cinco atletas de vários estados, incluindo São Paulo, que foi muito bem representado pela atleta

Maria Fernanda, que disputou na categoria Kids, de cinco e seis anos de idade. Maria Fernanda teve um desempenho excepcional dentro do torneio saindo das últimas colocações e alcançando o primeiro lugar, sendo a primeira atleta de fora da região sul a sagrar-se campeã. O resultado surpreendente

Maria Fernanda venceu mais de 40 atlestas em sua categoria

da jovem atleta atraiu a atenção dos presentes. “Ela tem um folego invejável. Essa menina tem um futuro promissor” disse o organizador do evento, Edgard França Neto. Gustavo Borges, ex-atleta brasileiro, esteve presente durante o torneio e disse que a jovem é um diamante que precisa ser lapidado.

ENOGASTRONOMIA RENATO DUARTE

Vinhos brasileiros (parte 1) Muito se fala de vinhos Chilenos, Argentinos, Franceses, Espanhóis, etc, como se fossem referência de extrema qualidade, referência de vinhos perfeitos, e que, qualquer garrafa aberta desses países terá um produto de ótima relação custo benefício. Acontece que em qualquer país produtor de vinhos existem vinhos de produção massiva, produzidos em grande

Para se ter uma idéia, vinhos europeus vendidos em média por R$ 29,00 no Brasil, custam em seus países de origem uma média de € 2,00 a €3,00 (euros). Agora imaginem que no valor de R$ 29,00 estão inclusos, lucro do produtor, impostos no país de origem, taxas de importação, lucro do importador, impostos no Brasil, lucro dos distribuidores, despesas com adapta-

escala para garantir o lucro nas vendas realizadas com preços mais baixos e vinhos produzidos quase que artesanalmente com qualidade e preço superior. Vale lembrar que na produção de qualquer produto, quantidade não é sinômino de qualidade, e quando se trata de vinho o problema é ainda maior e mais complexo. Pelo exposto acima, para comprar um bom vinho é fundamental conhecer profundamente as regiões produtoras, os produtores, tipos de vinhos e uvas que mais lhe agradam. Para comprovar essa tese, quero lhe fazer uma pergunta: Qual a melhor região do Chile, da Argentina ou até da França para se produzir um vinho de qualidade utilizando uvas geralmente cultuadas no Brasil? Essa resposta é muito complexa pois como já foi dito em coluna anterior, existem diversos fatores que influenciam na produção do vinho, como clima, tipo de solo, manejo do vinhedo, vinificação, estágio e envelhecimento, etc.

ção de rótulos e selos, lucro dos revendedores, lucros de restaurantes. Agora vale mais duas reflexões: Independente de gostar do vinho ou não, será que esses vinhos são realmente bons, e principalmente, valem os preços praticados no Brasil? E Por que não conhecer o vinho Brasileiro? Afinal, os vinhos Brasileiros são produzidos com extrema eficiência e qualidade, os produtores são acessíveis, os sites estão todos em português, o enoturismo brasileiro é um dos melhores do mundo, o vinho produzido aqui já esta sendo exportado para diversos países tradicionalmente produtores de vinhos, o vinho Brasileiro está presente em alguns dos melhores restaurantes do mundo. Na próxima semana, daremos continuidade a esse tema.

Renato Duarte é chef e sommelier. coluna.enogastronomia@gmail.com


www.folhaopiniao.com.br Terça-feira, 27 de agosto de 2013

VARIEDADES

HORÓSCOPO Além da oposição entre Sol e Netuno, que mantém hoje o clima de indefinição e confusão descrito para o dia de ontem, temos hoje a oposição entre Vênus e Urano indicando os impasses nascidos da anteposição entre as afeições e as utopias, isto é, criando distâncias intransponíveis e

ideais que não cabem neste momento, em relação a nossos afetos e afinidades. As pessoas tendem a ser atraídas por relações fora dos limites da realidade do possível, enfim, aspirarem por utopias afetivas. Tais aspirações bem encaminhadas renovam a verdade da afeição presente. Mas, na maior parte das vezes, a utopia atravessa o ritmo da afeição e nada se concretiza

ÁRIES - 21.mar a 20.abr Urano e Vênus se afligem nos céus, e suas relações cá na terra passam por condições extremas. Frio e calor extremos quanto aos sentimentos. Tudo é passageiro e instável

LIBRA - 23.set a 22.out Vênus e Urano fazem você desejar relações fora do razoável e do convencional. Contudo, as novidades devem ser construídas de dentro para fora, humilde e pacientemente

TOURO - 21.abr a 20.mai Momento favorável à compreensão, desde que abrindo mão de pontos de vista viciosos. Não deseje o que está fora do alcance, ou pode se frustrar um bocado neste dia

ESCORPIÃO - 23.out a 21.nov Certos desejos tendem a quedar insatisfeitos num dia como hoje. Não se agite demais, por algo que pode se mostrar passageiro. Olhe as situações com grandeza de visão

GÊMEOS - 21.mai a 20.jun Seus amores e afeições estão fora dos limites do possível. Não force demais as cordas que o unem às relações existentes. Liberte os conteúdos emocionais existentes

SAGITÁRIO - 22.nov a 21.dez Urano desestabiliza seus afetos e amizades, é o que indica ao fazer aspecto com Vênus. Há muito mais por vir à tona nessas relações, e certa rigidez precisará ser quebrada

CÂNCER - 21.jun a 21.jul Você está induzido a vislumbrar muito além do imediato no trabalho e no mundo familiar. O impossível Urano estimula Vênus a aspirar algo mais que o banal e o comum

CAPRICÓRNIO - 22.dez a 20.jan Boa oportunidade para você sair do comodismo e se dedicar ao que realmente importa no trabalho. É preciso agora assumir algum risco, para as coisas caminharem de verdade

LEÃO - 22.jul a 22.ago O seu cotidiano se move em meio a situações que podem não ser viáveis. Tendência a viver além do limite do razoável. Velhas ordens devem dar lugar a novos potenciais

AQUÁRIO - 21.jan a 19.fev Surpresas oportunas no cotidiano e nos encontros modificam o previsto e fazem de situações imprevisíveis a fonte de renovações. O comodismo deve dar lugar à atividade

VIRGEM - 23.ago a 22.set As questões materiais e financeiras irão lhe agitar. Poderá desejar o impossível, o que é um estímulo a crescer, ou um devaneio quanto à realidade. Depende de como agir

PEIXES - 20.fev a 20.mar Você está movido por alguma ansiedade. Se assim for, primeiro se acalme. As outras pessoas não podem dar o que você próprio não está sendo capaz de produzir e realizar

CRUZADAS

7


www.folhaopiniao.com.br Terça-feira, 27 de agosto de 2013

8 ARTES PLÁSTICAS

TARCÍLIO DE SOUZA BARROS

Mestres do renascimento obras primas italianas No século XIV despontou na Europa a arte denominada Renascimento, cujo expoente máximo foi Leonardo da Vinci. O Renascimento ocorreu como um retorno aos valores culturais da antiguidade greco-romana. Os artistas ambicionavam conhecer novas formas de pintura e pela investigação, pesquisa e observação criaram um acervo plástico jamais renovado; nascia assim uma nova cultura. Uma exposição com um total de 50 obras dos mais significativos mestres renascentistas italianos poderá ser vista no CCBB

Quadro “A Anunciação”

Educativo. Naquela época o pintor sabia misturar as tintas com preciosos tons para criarem a magnificência da arte pictórica. Contemplando as telas expostas, estão os tons da pele, as dobras dos mantos, corpos diáfanos, cores auríferas, faces dramáticas, ou piedosas, pois a pintura desta época possuía cunho religioso, como se depreende da obra, “Virgem com o Menino Jesus e São João Batista”, de Piero di Cosimo (1462-1521), Firenze. Luzes e sombras modelam os corpos dos personagens. Giovanni Bellini, (1435-1516), Veneza, cria

“A Anunciação”, o Arcanjo Gabriel, conhecido como o “Anjo da Anunciação” aparece e comunica à Virgem Maria que será a Mãe do Menino Jesus. Na tela, Gabriel traz o lírio - símbolo da pureza -. Bellini compôs esta obra para decorar o Orgão da Igreja de Santa Maria dos Milagres, em Veneza. Visitante da exposição irá perceber que o pintor renascentista possuía na criação a percepção dos gestos e expressões faciais, com vemos na tela de Girolamo da Carpi (15011556), Ferrara, “Flagelação de Cristo”, onde o pintor constrói uma cena dolorosa baseada no Novo Testamento. O artista precisou estudar no Evangelho para se inspirar na criação do Ciclo da Paixão de Cristo. No Renascimento o artífice dispunha de uma

CULTURA

fonte de estudos para representarem as fantásticas histórias do relacionamento dos deuses e os homens, segundo a mitologia grega, ou seja, representadas de maneira naturalista, semelhantes ao real. Nesta exposição estão dispostas obras dos pintores italianos, entre outros, Tintoretto, Tiziano, Michelangelo Buonarroti, Fra Angelico, Botticelli e demais celebres pintores renascentistas. As telas de pintura que foram cedidas por empréstimo para esta exibição vieram dos principais museus da Itália, dado o valor econômico do acervo enviado o seguro abrangeu a soma de seiscentos milhões de reais! Uma forma de aplicação da tinta é a Têmpera que consiste em misturar o pigmento com a gema do ovo.

As cores são vibrantes, a secagem é rápida e o resultado apresenta um aspecto fosco. A palavra têmpera, de origem latina, significa mistura. Nas pinturas à óleo o aglutinante mais usado era o óleo de linhaça e nos Afrescos a pintura era feita na camada ainda úmida de gesso e aplicada na parede. Serviço ao leitor:

Mestres do Renascimento. Onde: Centro Cultural do Banco do Brasil - CCBB Rua Alvares Penteado, 112 - Centro - São Paulo Horário de 4a. feira à seg. das 10 às 22h - Fechado às terças-feiras. Tel. 11 3113 3651/2 http://www.twither.com.br/ Até 23/09/2013 Tarcílio de Souza Barros, é crítico de arte e analista de temas culturais. tarciliosouza@yahoo.com.br

Marisa Motta Cardone é escritora e jornalista


www.folhaopiniao.com.br Terça-feira, 27 de agosto de 2013

9

Frente parlamentar mista em defesa dos comerciários é instalada no congresso O Deputado Federal Roberto Santiago (PSD/ SP), lançou nesta semana no Congresso Nacional a Frente Parlamentar Mista em Defesa dos Comerciários. Para criação desta frente, o deputado conseguiu apoio de aproximadamente 220 deputados federais e 25 senadores, sendo uma das maiores frentes parlamentar do Brasil. Fora isso, foi incorporado o apoio de 830 sindicatos, 27 federações e 1 confederação, o que representa mais de 12 milhões de pessoas que trabalham no comércio de

todo o Brasil. Diversos parlamentares estão levando esta bandeira para vários estados e municípios, com a intenção de ampliar as discussões e aproximar o trabalho da frente parlamentar do trabalhador. Algumas reivindicações destes trabalhadores já começaram a ser discutidas, como a fixação de comissão aos vendedores, extinção do fator previdenciário, jornada de trabalho de 40 horas semanais, participação dos lucros da empresa que trabalha e melhor condição de trabalho.

Deputado Federal Roberto Santiago

Vereador Aladim visita obras de pavimentação

O vereador Aladim visitou e agradeceu ao grupo Autopista Arteris pela pavimentação dos acessos dos bairros jardim Monte Libano (Vila Rosa 2) e no quilômetro 60 da Fernão Dias no Vale da Truta. Os moradores ficaram muito felizes pela contemplação do atendimento e a qualidade do servico


10

www.folhaopiniao.com.br Terça-feira, 27 de agosto de 2013

MANUTENÇÃO E TRATAMENTO DE PISOS EM GERAL

Márcio Borges - Depto. Comercial 11 4402-7847 / 78721148 ID: 38*48372 marcio.comercial@cleantech.eco.br


Edicao 270813 issuu