Issuu on Google+

Conheça as obras de Arcangelo Ianelli, no Ponto de Cultura

www.folhaopiniao.com.br Sexta-feira, 22 de novembro de 2013

Página 23

FOLHA

opinião

SEXTA-FEIRA 22 DE NOVEMBRO DE 2.013

Prefeito cria projeto ‘Cidade Limpa’

A poluição visual é um problema contemporâneo que atinge milhares de cidades, inclusive as grandes metrópoles como São Paulo, por exemplo, além de Atibaia e Jundiaí, que também tiveram a coragem de criar a Lei e ao contrário do que muitos comerciantes temem tais medidas não afetaram a lucratividade nem o desempenho comercial. Em Mairiporã, o projeto de Lei nº 39, passou por consulta pública, na segunda-feira, 11, ocasião em que o prefeito Dr. Márcio Pampuri e demais vereadores ouviram a população e os comerciantes da cidade a respeito do tema. A ideia, segundo o prefeito,

é reorganizar e coordenar os elementos que compõem a paisagem urbana. “O excesso de publicidade acaba descaracterizando o espaço urbano, além de causar estresse, confusão e outros problemas em decorrência da quantidade de informação, também prejudica o bem estar estético, cultural e ambiental”, disse. O presidente do Conseg de Mairiporã, Enésio Lopes, falou sobre a importância de tal medida e parabenizou o prefeito pela ação. “Tenho que parabenizar o prefeito pela coragem de enfrentar este problema”. Noberto Antonio de Morais Neto, proprietário do Recanto do

Excesso de propagandas e pixações causam poluição visual

Pastel e da Pizza, também elogiou a ação. “Sou a favor deste projeto e acho que todo mundo pode fazer um pouco para melhorar porque a nossa cidade

Deputado Beto Trícoli discute sobre projeto ambiental para Mairiporã Na segunda-feira, 18 de novembro, o prefeito Dr. Márcio Pampuri recebeu em seu gabinete a visita do deputado estadual Beto Trícoli, que trouxe cópia da atual formatação do Projeto de Lei 272/2010, que propõe a cria-

ção da Área de Proteção e Recuperação dos Mananciais do

Reunião no gabinete do prefeito

Alto Juqueri, ainda passível Página 15 de alterações.

está uma vergonha. É muita poluição visual”, desabafou. “Compreendo que existam várias prioridades para melhorar a cidade e muitas estão

em curso de forma simultânea e sinérgica e cada caso tem o seu tempo de maturação”, considerou o chefe do Página 3 Executivo.

Eventos em prol da APAE agitam a cidade

Página 19


2

www.folhaopiniao.com.br Sexta-feira, 22 de novembro de 2013

Tablets e smartphones

OPINIÃO

LEGISLATIVO

NOTAS

O avanço dos dispositivos móveis

97%. O vídeo móvel é um dos gran-

Cartel

tem causado uma explosão no consu-

des responsáveis pelo aumento de

A Polícia Federal indiciou o consul-

mo de dados em todo o mundo. No

tráfego de dados. Em 2016, o vídeo

ano passado, o tráfego mensal de

deve se tornar responsável por 76%

tor Arthur Teixeira por lavagem de

dados era de 43,5 exabytes por mês,

de todo o tráfego no Brasil.

segundo a Cisco, fabricante de equipamentos de comunicação. Para se ter uma ideia, um exabyte equivale a 1

Como transformar explosão de dados em lucro?

trilhão de megabytes. Mas o que sig-

Temos visto, nos últimos meses,

nificam, na prática, 43,5 exabytes? O

uma gradual substituição dos PCs

volume médio de dados que trafegou

pelos tablets e smartphones na prefe-

mensalmente pela internet em 2012

rência do usuário. E isso é só o come-

equivale a 60 bilhões de filmes de lon-

ço. Os computadores de vestir – como

ga metragem digitalizados. Ou a 10

os óculos Google Glass e o relógio

trilhões de músicas no formato MP3.

Samsung Galaxy Gear – devem am-

E o crescimento não para. A expan-

pliar ainda mais a demanda por dados

são média anual prevista pela Cisco até

das redes sem fio. A chamada internet

2017 é de 23%, quando o tráfego men-

das coisas – em que medidores de

sal deve atingir 120,6 exabytes. Para

energia elétrica e água, carros e ele-

o Brasil, o aumento esperado é ainda

trodomésticos se tornam conectados

maior. Roberto Guenzburger, diretor de

– vão fazer o uso do acesso sem fio

Produtos Móveis de Varejo da Oi, apre-

crescer ainda mais.

sentou números sobre o País na sema-

O que poderia parecer um cenário

na passada, durante o Fórum Tablets

auspicioso – crescimento acelerado da

& Smartphones 2013, em São Paulo.

demanda – causa preocupação às ope-

Segundo ele, entre 2011 e 2016, o trá-

radoras de telecomunicações. Por um

fego de dados por aqui deve crescer

lado, existem obstáculos à instalação

oito vezes, sendo que a previsão para

de infraestrutura, como a demora na

os dados móveis é de que avancem 19

permissão de instalação de torres e de

vezes. A velocidade média da rede mó-

cabos, que acabam prejudicando a qua-

vel será multiplicada por 11.

lidade do serviço. Por outro, a expansão

Isso se deve, em grande parte, à

do tráfego é acompanhada por uma que-

expansão dos celulares inteligentes

da no preço médio do byte transportado,

e dos tablets. Muitos consumidores,

o que dificulta o retorno do investimento.

principalmente os de baixa renda, têm

Operadoras do mundo inteiro que-

no smartphone o único ponto de aces-

bram a cabeça para transformar a explo-

so à internet de casa. No período de

são de dados em receita e lucratividade.

12 meses encerrado em setembro, o

Mas o problema ainda não tem resposta.

volume de dados transportado pelas redes móveis brasileiras aumentou

Renato Cruz é colunista do Estado de S.Paulo

CITAÇÃO DA SEMANA “Por ventura não destruímos nosso inimigos quando os tornamos nossos amigos?” Abraham Lincoln, foi um político norte-americano. 16° presidente dos Estados Unidos da América

Editor: Maurício Araújo

ESSIO MINOZZI JR

Fazendo as contas Das treze secretarias restarão apenas oito pela nova reorganização administrativa da Prefeitura, a partir de 2014. Extintas a de Desenvolvimento Econômico e Turismo e transformadas em adjuntas as três secretarias criadas nesse primeiro ano: Cultura, Esporte e Relações Institucionais além da adjunta Gestão Pública no lugar da Administração. Instituídas, também, quatro coordenadorias: Compras, Licitações e Contratos; Segurança e Mobilidade Urbana; Comunicação e Planejamento Estratégico. A novidade fica com a da Segurança que acrescentará a Guarda Municipal. O Turismo será um departamento no Meio Ambiente e o Desenvolvimento uma divisão na de Governo. Esses novos órgãos inicialmente serão estruturados com quatro novos cargos de coordenador acrescidos no topo do quadro de pessoal comissionado abaixo, apenas, dos novos quatro cargos de secretários adjuntos. Imagina-se que para a Guarda Municipal serão contratados servidores através de concurso público. Legítimo, no primeiro ano, o gestor reavaliar o tamanho ideal do aparato administrativo necessário para atingir os seus objetivos prioritários de governo para oferecer bons serviços

públicos reclamados pelos moradores do município. Nesse sentido, não se trata do tamanho da máquina pública nem dos recursos comprometidos, mas o que vale mesmo é como ela funciona em prol do cidadão, se atende com eficiência às necessidades exigidas pela cidade. Razoável crer que ao optar por aumentar o aparato administrativo o governo levou em conta o acréscimo na folha de pagamento dos comissionados com as demais despesas de custeio, o crescimento constante das despesas correntes que provoca e, por consequência, a diminuição da capacidade de investimento público na cidade. E, ainda, pela Lei de Responsabilidade, que fixa tetos máximos com a folha de pessoal, a possibilidade de melhores salários para o restante dos servidores. O desempenho da máquina pública depende do grau de satisfação e da motivação de todos os seus servidores. Enfim, os méritos das escolhas das prioridades para a cidade são do Executivo. Em jogo os rumos do desenvolvimento ambiental, econômico e social de Mairiporã. ESSIO MINOZZI JR. é vereador do PR presidente da Câmara gestão 2013/2014 e professor pós

dinheiro e evasão de divisas. Ele é suspeito de receber propina da multinacional Siemens, empresa que admitiu ter participado de cartel que atuou em licitações do sistema de metrô e trens do Estado de São Paulo. As informações são do jornal Folha de S. Paulo. O ex-diretor de operações da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM) João Roberto Zaniboni, também foi indiciado pelos mesmo crimes. As irregularidades ocorreram durante os governos de Mário Covas, Geraldo Alckmin e José Serra – entre 1998 e 2008. Ex-executivo da Siemens, Ronaldo Cavalieri, que trabalhou na empresa entre 1978 e 2008, disse à PF ter autorizado pagamentos às consultorias Procint e Constech, ligadas a Teixeira e seu irmão Sérgio Teixeira, morto em 2011. Os indiciados negam irregularidades. Luiz Fernando Pacheco, defensor de Zaniboni, disse que seu cliente “reitera que nunca incentivou ou participou de cartel e jamais foi corrompido”. Após o bloqueio dos bens, o advogado

de

Teixeira,

Eduardo

Carnelós, disse que o consultor é um “profissional seríssimo”, que nunca recebeu ou pagou propina. A Siemens afirma que sempre colaborou com as investigações e

graduado em Gestão Pública pela FUNDAP e em

ressalta que foi a própria empresa

Gestão Educacional pela UNICAMP.

que denunciou o cartel.

Publicação: Folha Opinião Comunicação, Eventos e Jornalismo Ltda - CNPJ: 11.603.231/0001-06 Rua Cardoso César, 363, sala 3, Centro, Mairiporã – CEP: 07600-000 Redação e publicidade: (11) 4275-0504 / (11) 9-9529-2619 / redacao@folhaopiniao.com.br Reportagem: Renato Sarvanini Editoração: Renato Sarvanini e André Chicoli Colaboradores: Antonio Carlos Mendes Thame, Éssio Minozzi Júnior, Marisa Motta Cardone, Renato Duarte, Anderson Gonçalves, Cecília Miglorancia, Hygor Uyeno, e Tarcílio de Souza Barrros

Impressão: Atlântica Distribuição: Mairiporã Terra Preta Serra da Cantareira


CIDADE

3

www.folhaopiniao.com.br Sexta-feira, 22 de novembro de 2013

Prefeito cria projeto ‘Cidade Limpa’ para evitar poluição visual A poluição visual é um problema contemporâneo que atinge milhares de cidades, inclusive as grandes metrópoles como São Paulo, por exemplo, além de Atibaia e Jundiaí, que também tiveram a coragem de criar a Lei e ao contrário do que muitos comerciantes temem tais medidas não afetaram a lucratividade nem o desempenho comercial. Em Mairiporã, o projeto de

Lei nº 39, passou por consulta pública, na segunda-feira, 11, ocasião em que o prefeito Dr. Márcio Pampuri e demais vereadores ouviram a população e os comerciantes da cidade a respeito do tema. A ideia, segundo o prefeito, é reorganizar e coordenar os elementos que compõem a paisagem urbana. “O excesso de publicidade acaba desca-

Excesso de propagandas e pixações causam poluição visual

racterizando o espaço urbano, além de causar estresse, confusão e outros problemas em decorrência da quantidade de informação, também prejudica o bem estar estético, cultural e ambiental”, disse. O presidente do Conseg de Mairiporã, Enésio Lopes, falou sobre a importância de tal medida e parabenizou o prefeito pela ação. “Tenho que parabenizar o

prefeito pela coragem de enfrentar este problema”. Noberto Antonio de Morais Neto, proprietário do Recanto do Pastel e da Pizza, também elogiou a ação. “Sou a favor deste projeto e acho que todo mundo pode fazer um pouco para melhorar porque a nossa cidade está uma vergonha. É muita poluição visual”, desabafou. “Compreendo que existam

várias prioridades para melhorar a cidade e muitas estão em curso de forma simultânea e sinérgica e cada caso tem o seu tempo de maturação”, considerou o chefe do Executivo. Também participaram da consulta pública representantes da Associação Comercial de Mairiporã (ACE), vereadores, comerciantes e sociedade civil.


4

www.folhaopiniao.com.br Sexta-feira, 22 de novembro de 2013

Batata cremosa ao molho rosê

Ingredientes

Batata cremosa 1/2 kg de batatas cozidas e espremidas 200 g de requeijão cremoso 100 g de queijo parmesão ralado

Molho 1 lata pequena de extrato de tomate 1 cebola pequena 4 dentes de alho amassados 500 ml de leite 2 colheres de farinha de trigo 1 peito de frango pequeno Salsinha, orégano, azeite e sal a gosto

Preparo

Batata cremosa Cozinhe as batatas com casca

na panela de pressão por 20 minutos, ou até amolecerem Esprema e deixe esfriar Acrescente o requeijão e misture até ficar homogêneo Faça bolinhas médias, mais ou menos 5 cm de diâmetro Passe - as no queijo ralado, tirando o excesso de queijo Leve ao congelador por no mínimo 1 hora

Molho Cozinhe o frango por aproximadamente 30 minutos, desfie e reserve Em uma panela grande, coloque o azeite e refogue o alho amassado e a cebola fatiada Acrescente o extrato de tomate e deixe apurar, até ficar mais escuro, mexendo sempre Coloque o frango desfiado, o leite

com a farinha dissolvida, sal e orégano Mexa e deixe cozinhar por alguns minutos, até ficar cremoso Se achar necessário coloque mais leite Desligue o fogo e coloque a salsinha Montagem Em um refratário coloque um pouquinho de molho, até forrar o

Prestígio Ingredientes

fundo, e sobre ele acomode as bolinhas de batata, uma ao lado da outra Cubra com o molho

1 lata de leite condensado 2 latas de leite de vaca

Decore com orégano, queijo

1 colher de sopa de maisena

ralado e requeijão

200 g de coco ralado

Leve ao forno até aquecer as batatas, por aproximadamente 30 minutos

6 colheres de Nescau 1 lata de creme de leite

Preparo

Levar ao fogo até engrossar o leite condendsado, o leite, maisena e o coco ralado Reserve em uma travessa e deixe esfriar Misture o Nescau com a lata de creme de leite e depois coloque por cima do creme Levar à geladeira

Dry Martini Ingredientes 5/6 de gin 1/6 de vermouth dry Twist de limão

Preparo Gele uma taça de coquetel e reserve Em uma coqueteleira com gelo, coloque o vermouth

e o gin (não é necessário agitar) Mexa com uma colher de cabo longo, utilizando o passador Coe o coquetel para a taça e torça a bebida uma fatia fina da casca de um limão (twist) e sirva Pode-se decorar com 1 azeitona verde espetada em um palito


www.folhaopiniao.com.br Sexta-feira, 22 de novembro de 2013

5


6

www.folhaopiniao.com.br Sexta-feira, 22 de novembro de 2013

CRÔNICA

MARISA MOTTA CARDONE

Os filósofos de conversas Foi numa daquelas poucas

expor, e nada receber, seria ego-

horas em que passo “Sans Sou-

ísmo de guardar para si palavras

ci” como dizem os franceses, que

não compartilhadas?

uma frase escondida no fundo do

Longe está o tempo dos nosso

baú, passou pela minha cabeça:

avós, bisavós, em que nas calça-

“jogar conversa fora”. Analisan-

das todos se encontravam, forma-

do bem, esta afirmação é meio

vam grupos de amigos iam che-

absurda, conversa não é uma

gando, sem temores à luz mortiça

“coisa” que se joga fora, palavras

da rua mal iluminada, nada era

ditas ficam na memória, boas ou

medo, tudo eram palavras, troca

más, não se apagam jamais e

de ideias, notícias fresquinhas,

nem as pegamos de volta.

lembranças antigas, os crimes

Por mais vazia que seja, por

eram poucos ou quase inexisten-

menos que se goste de quem dela

tes, namoros, comentários, nada

participa, no fundo sempre algo

se perdia, nada era posto fora.

restará; é só procurar, guardar. Se

Era neste momento que entra-

o papo for agradável, temos as-

vam os filósofos de conversas, e

sunto para várias outras conver-

filosofando, filosofando as horas

sas, se foi uma chatice, renderá

corriam soltas, era mágica.

horas de “fofocas”.

Hoje temos TV, Internet e as

Querem coisa melhor?

notícias nos chegam rapidamen-

O tempo em conversas não se

te, mas logo são apagadas, subs-

perde, pois tempo é único, é dono

tituídas; seria este então o concei-

do tempo, é algo que não retorna,

to de “jogar conversa fora”?

do que se foi ficam as lembran-

Nossas palavras não são

ças; estas sim não fogem, nos

como um sapato velho que foi

acompanham a vida toda.

esquecido,

desprezado,

não

O tempo de uma conversa,

�� o vento que rápido passou

seja lá quanto for, nunca poderá

e nem sentimos, conversa é o

ser descartado, não há lixeira no

que nos mantém na racionali-

mundo que o possa receber.

dade, é o que nos diferencia

Acho que está dentro de cada

entre nossos semelhantes.

um mudar um pouco esta postura,

Se o tempo que gasto numa

as pessoas não conversam mais,

roda informal, com meus melho-

estão esquecendo o quão maravi-

res amigos que reúnem, acon-

lhoso é poder trocar palavras, seja

chegam, se doam e trazem amor

com quem for, onde for: no eleva-

“jogando conversa fora”; então

dor, nas escadas, nas filas de to-

sim concordo, quero até o fim do

dos os dias e por ai vai, ninguém

meu tempo, passar jogando tudo

mais se cumprimenta, alguns até

fora: até as conversas.

acham ser “chique” ser distante,

no mínimo é ser mal educado,

ou será medo de se doar, de se

Quero viver o tempo que perdemos. MARISA MOTTA CARDONE é jornalista

Av. Lucas Nogueira Garcez, 3.030 - Atibaia - SP - (11) 4411 9137


VARIEDADES

HORÓSCOPO Mercúrio em conjunção com a Cabeça do Dragão no signo de Escorpião torna este um dia positivo para as pessoas reconhecerem a situação em que se encontram com maior clareza. A partir disso, poderão agir com

www.folhaopiniao.com.br Sexta-feira, 22 de novembro de 2013 mais lucidez e sentido estratégico. Podemos também agir em função do que a situação toda exige e necessita, e não apenas conforme nossa conveniência pessoal. Não é um momento para sermos práticos nem imediatistas Mas para tomarmos posições e agirmos em consonância com uma harmonia maior

ÁRIES - 21.mar a 20.abr As coisas verdadeiras, neste momento, são novas e desconhecidas, e, à primeira vista, soam incompreensíveis. A relação com as pessoas atinge profundidade desconhecida

LIBRA - 23.set a 22.out Momento de possível êxito ao tratar as questões financeiras de modo inspirado e criativo. O uso inteligente dos recursos acelera os empreendimentos para benefício de todos

TOURO - 21.abr a 20.mai Os relacionamentos pessoais e de trabalho podem ser bem aproveitados e vividos. Para isso, use de sensibilidade emocional e de profunda empatia para com a outra pessoa

ESCORPIÃO - 23.out a 21.nov Você encontra maneira melhor de viver, ao perceber que só pode viver bem estando bem consigo e com os outros. Respeite mais integralmente o melhor de sua própria natureza

GÊMEOS - 21.mai a 20.jun Seus melhores talentos devem estar sendo aplicados no trabalho, no qual pode cultivar o melhor de você. Suas melhores intuições devem ser colocadas em prática no trabalho

SAGITÁRIO - 22.nov a 21.dez Um problema de saúde ou um obstáculo podem ser superados pelo uso da inteligência, da aplicação e da razão. Peça e aceite a ajuda das outras pessoas para você se resolver

CÂNCER - 21.jun a 21.jul Momento brilhante para viver os sentimentos amorosos e ter compaixão pelas pessoas que ama. O que há de mais legítimo em você, agora, é ser emocionalmente generoso LEÃO - 22.jul a 22.ago Use a razão associada a uma imensa sensibilidade para decidir as questões familiares. Vocês podem conseguir viver juntos uma situação mais bem construída e harmoniosa

CAPRICÓRNIO - 22.dez a 20.jan O convívio humano está beneficiado, se associado à realização de seus sonhos. Providências práticas podem ser tomadas em nome dos grandes projetos AQUÁRIO - 21.jan a 19.fev As forças criadoras e expansivas estão em bom momento e você deve canalizá-las no trabalho profissional. Procure apostar em soluções que tragam benefícios a todos

VIRGEM - 23.ago a 22.set As rotinas caminham de modo produtivo e interessante. Você agora pode combinar a sensibilidade e o espírito prático. Esteja com as pessoas com quem se sente bem

PEIXES - 20.fev a 20.mar É tempo de descobrir seu rumo e caminhar na direção que aquece seu coração. Certos caminhos escolhidos por você ajudam outras pessoas também a se encontrar

7


8

www.folhaopiniao.com.br Sexta-feira, 22 de novembro de 2013

SAÚDE

TARCÍLIO DE SOUZA BARROS

Sobre reposição hormonal masculina

Segundo recentes estudos médicos entre 10% a 40% dos homens ficam submetidos à baixos níveis de testosterona, ficando sujeitos à reposição hormonal. Esta é uma consequência que geralmente atinge os homens na faixa dos 40 a 50 anos. Evidente que a diminuição do hormônio masculino vai exercer um efeito critico sobre a saúde. Tendo em vista queda de libido, redução de massa muscular e surgimento de osteoporose, e demais consequências patológicas que possam sobrevir; a medicina sempre recomendou a reposição hormonal, a qual segundo especialistas da saúde, traria beneficio às glândulas sexuais e as da memória! Por outro lado existe controvérsias se a reposição hormonal teria o alcance que se alardeia no campo da medicina. Uma ala médica informa que pesquisas relacionadas ao assunto, chegaram à conclusão que reposições hormonais não exercem nenhum efeito benéfico àqueles que se submetem aos tratamentos com hormônios. A reposição hormonal

masculina não é isenta de riscos; entretanto os meios de comunicação alardeiam maravilhas curativas, vivem exibindo exemplos de verdadeiras transformações no soma humano. Com uma publicidade enganosa arrecadam dos incautos gordos lucros, Um comércio sórdido ronda clinicas e profissionais da área. Compete averiguar bem o assunto e consultar sempre um médico de reconhecido valor neste campo. Como é sabido todo tratamento alopático tem seus riscos para à saúde, para tanto, basta consultar a bula contida no interior das caixinhas de remédios. No procedimento deste tratamento se for feito uso de doses exageradas pode haver no paciente o surgimento de hipertensão, aumento do colesterol ruim, lesões no fígado e crescimento das mamas. Recomendam profissionais sensatos que o tratamento por testosterona devam ser acompanhados por exames clínicos. Tarcílio de Souza Barros é crítico de arte e analista de temas culturais

ALUGA-SE

Kitnet nº 202 situado no Edificio Aldeia Pitoresca sito na Al. Dona Sinhárinha, nº 22 - Club de Campo Mairiporã. Visitas deverão serem feitas no local, procurando D. Clarisse. Convém marcar hora pelo seu celular - 9 7505 8991 (VIVO) Apartamento impecável. Com armário de cerejeira de porte grande. Face norte, ensolarado. De frente para o jardim. Prédio sossegado, limpo e bem administrado. Preço da locação: R$720.00 - Incluso: Despesas de Condôminio, isento de IPTU. Os interessados deverão contatar o proprietário pelo celular 9 9827 3226 (VIVO). Exige-se fiador e comprovação de renda.


www.folhaopiniao.com.br Sexta-feira, 22 de novembro de 2013

9


10

www.folhaopiniao.com.br Sexta-feira, 22 de novembro de 2013

Prazo para solicitar o REFIS vai até 20 de dezembro Contribuintes que possuem débitos vencidos até 31 de dezembro de 2012 podem solicitar o Programa de Recuperação Fiscal, que prevê descontos de até 100% sobre multas e juros A partir do projeto de Lei de autoria do executivo

débitos vencidos até 31 de

até 36 vezes e 50% em 48

que a informação obtida

mais uma oportunidade de

dezembro de 2012.

parcelas, com vencimento

dá conta de que não seja

regularizar

com o município.

sua

situação

municipal e com a aprova-

O Projeto oferece redu-

da primeira no momento

aprovado o REFIS nos

ção da câmara de vereado-

ção de 100% de multas e

da inclusão no Programa.

anos vindouros.

res, foi instituído o Progra-

juros para pagamento à

Vale a pena ressaltar a ne-

O prefeito Dr. Márcio

tribuinte deve requerer o

ma de Recuperação Fiscal

vista, 90% de redução no

cessidade dos contribuin-

Pampuri informou que a

parcelamento junto à pre-

(REFIS), que beneficiará

pagamento em até 24 par-

tes colocarem suas dívidas

medida teve como objeti-

feitura até o dia 20 de de-

o contribuinte que possui

celas, desconto de 70%

em dia com a prefeitura, já

vo garantir ao contribuinte

zembro de 2013.

Para se beneficiar o con-


11

www.folhaopiniao.com.br Sexta-feira, 22 de novembro de 2013

Prefeitura continua substituindo lixeiras destruídas em Terra Preta Infelizmente, atos de vandalismos continuam deixando as lixeiras, recentemente instaladas pela prefeitura de Mairiporã, em Terra Preta, sem condições de uso. A prefeitura de Mairiporã informa que continuará substituindo as lixeiras e ainda pede à população que ajude a administração a cuidar do patrimônio público e denunciar a ocorrência de vandalismos, como os que vêm ocorrendo naquele distrito. Lixo e Entulho Além da destruição das lixeiras a prefeitura também tem registrado pontos de descarte de entulho, lixo domiciliar, industrial ou hospitalar em território

municipal. A Lei Municipal nº 2.071, de 12 de abril de 2001 é bem clara quanto às penalidades previstas a quem cometer tal infração. No caso, o infrator poderá pagar multa no valor de R$ 150,00 a R$ 50.000,00 e no caso de reincidência a penalidade de multa deverá, obrigatoriamente, ser o dobro da anterior. Denúncias podem ser feitas por meio eletrônico, diretamente no site da prefeitura www.mairipora.sp.gov.br/ouvidoria ou pelo telefone 44198030. CETESB (Emergências Químicas - funciona 24 horas) 0800 11 35 60 11 - 3133-4000

Entulhos são um grande problema para o meio-ambiente

CETESB - Denúncia 2229-0117 Para todos os tipos de resíduos 11 - 2229-0117 Seccional de Franco da Rocha Meio Ambiente 11 - 4443-8061 Policia Civil - Disk Denúncia – 181 Secretaria do Meio Ambiente Prefeitura de Mairiporã 11 - 4604-2321 “O entulho pode ser muito útil para o município, por isso estamos trabalhando para o licenciamento de uma usina onde o mesmo possa ser descartado e reaproveitado como base para estradas”, disse o prefeito Dr. Márcio Pampuri.

Lixeira depredada no distrito de Terra Preta


12

www.folhaopiniao.com.br Sexta-feira, 22 de novembro de 2013

OBRAS E SERVIÇOS

Tubulação

Os serviços de troca de tubulação realizados pela prefeitura recentemente, foram vistoriados pelo prefeito Dr. Márcio Pampuri, na última semana. Na ocasião, ele conversou com moradores do bairro que agradeceram a execução dos serviços, que há tempos vinham sendo solicitados.

Tubulação II

O serviço de instalação de rede de água no Bairro Maria Fernanda (Canjica) foi acompanhado de perto pelo prefeito Dr. Márcio Pampuri, juntamente com o subprefeito, Zé Ailton. O serviço está sendo executado pela Sabesp e a previsão é de que a melhoria seja implantada futuramente até o bairro Mato Dentro.

Reparo Sabesp

A pedido do prefeito Dr. Márcio Pampuri, a Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo – Sabesp retomou as obras de reparo da rua Laudelino Ramos – Vila Nova, onde o chefe do Executivo passou em vistoria na última quarta-feira, dia 20 de novembro.

Limpeza e desassoreamento

O prefeito Dr. Márcio Pampuri esteve juntamente com o vereador Valdeci América, vistoriando os serviços de limpeza e desassoreamento do Rio Jundiaizinho localizado entre os Bairros Mil Flores e Jundiaizinho. O rio, segundo o subprefeito de Terra Preta, Zé Ailton, transbordava com frequência e alagava o Bairro Jundiaizinho e o Bairro do Portão, em Atibaia. Dr. Márcio Pampuri explicou que os serviços de desassoreamento são medidas preventivos e que devem ser realizadas com frequência para evitar os alagamentos.


13

www.folhaopiniao.com.br Sexta-feira, 22 de novembro de 2013

Em peça infantil, princesa recusa casamento para se aventurar pelo mundo A história de uma prin-

Becker (zona oeste de

na literatura infantil na

sita entre muitas refe-

de Erica Montanheiro e

cesa que está cansada de

São Paulo). Os ingres-

década de 1980.

rências e tem um ar de

sua boca torta e Paulo

esperar pelo herói encan-

sos custam R$ 10.

vedete. As peças do guar-

Vasconcelos e sua cabe-

Na peça, Linda Flor

tado é encenada em meio

A adaptação de Neyde

(Gabriela Segato) canta

da-roupa

acompanham

leira de rei leão. Coman-

a referências do teatro de

Veneziano a partir de li-

que está farta das aulas

as mudanças da prince-

dam o reino num tablado

revista e do circo-teatro

vro homônimo de Ruth

de frivolitê, crochê e suflê.

sinha, que rejeita os hilá-

giratório, num estilo de

no espetáculo "Procuran-

Rocha reafirma que as

Quer também ter aula de

rios príncipes interpreta-

teatro de revista, com

do Firme", dirigido por

heroínas

de

berro, fazer esgrima e ga-

dos por Mateus Monteiro

luzes coloridas que lem-

Kleber Montanheiro.

animações como "Valen-

nhar o mundo, ainda que

e Pedro Bacellar.

bram os cirquinhos do

A peça está em cartaz

te", que botam reinos en-

não saiba bem o que quer

aos sábados e domingos,

cantados de ponta-cabe-

buscar nessa aventura.

às 16h, no teatro Cacilda

ça, já estavam inscritas

rebeldes

Traja figurino que tran-

Os pais da menina são

interior.

os reis do escracho -in-

Fonte: Guia Folha

terpretações

Texto: Gabriela Romeu

elogiáveis

Bob Sousa/Divulgação

Cena da peça “Procurando Firme


14

www.folhaopiniao.com.br Sexta-feira, 22 de novembro de 2013

Prefeito atende pastores evangélicos a pedido do vereador Aladim No dia 19 de novembro, o prefeito Dr. Márcio Pampuri recebeu em seu gabinete um grupo de representantes das igrejas evangélicas de Mairiporã, acompanhados do vereador Aladim, para discutir a definição da data para a realização da Marcha para Jesus, tradicional evento dos evangélicos que, no próximo ano, terá início em Mairiporã, no dia 22 de março. Estiveram presentes na reunião os pastores Emerson Cerri (Igreja Luz da Promessa), Samuel Pestana, Antônio Mattos e Ângelo da Cruz (Igreja Evangélica Maanaim de Mairiporã), Marco A.A. Rodrigues (igreja Presbiteriana Missionária Renovada em Cristo), José Beraldo, Maria Aparecida Cardoso e Lourival Alves (Igreja Apostólica Renascer em Cristo), Ricardo Gonzales (Lar Casa de Oração Ministério Calebe), Raimundo Lima, Jerfeson Braz Mendes, Conceição Aparecida Gold Faria (Comunidade Cristã Paz e Vida), Alvino Caetano Severino (Igreja Evangélica Restauração em Cristo), José Andrade, apóstolo Jonas Pinto Madureira (Comunidade Evangélica Mundial), César Matos (Igreja Assembleia de Deus Ministério Nacional), Ederilzi Santoro, Ciro Aparecido de Lima (Igreja Apostólica Arca da Formação) e Lídio Lourenço das Brotas (Igreja Evangélica Apostólica Vida e Paz).


15

www.folhaopiniao.com.br Sexta-feira, 22 de novembro de 2013

Prefeito recebe deputado para discutir criação da Área de Proteção e Recuperação dos Mananciais do Alto Tietê Na segunda-feira, 18 de novembro, o prefeito Dr. Márcio Pampuri recebeu em seu gabinete a visita do deputado estadual Beto Trícoli, que trouxe cópia da atual formatação do Projeto de Lei 272/2010, que propõe a criação da Área de Proteção e Recuperação dos Mananciais do Alto Juqueri, ainda passível de alterações. A medida busca o estabelecimento de critérios para a

na de São Paulo. Presentes à reunião os vereadores Nil e Rafael Tadeu; o presidente da Associação Jardim Primavera/São Vicente, Ademir Lagroterian; e o coordenador da defesa civil de Mairiporã, José Eduardo Vitorino; além de membros da assessoria do deputado e da Prefeitura. O prefeito tem enfatizado tanto nas esferas políticas como nas governamentais a

as medidas para acelerar o trâmite, pois a legislação cria mecanismos importantes para aqueles municípios e, em especial, para Mairiporã. O chefe do Executivo salientou, ainda, a importância da aprovação de tal projeto o mais breve possível, uma vez que ele prevê a promoção de diversas ações inclusive de educação ambiental e que tais medidas beneficiarão

ocupação do solo nas cidades de Mairiporã, Nazaré Paulista, Franco da Rocha, Caieiras e São Paulo, municípios responsáveis pelo abastecimento de água na Região Metropolita-

importância do PL 272 - parado na Assembleia há anos – e pedindo ao presidente da Comissão de Meio Ambiente da Assembleia Legislativa, deputado Beto Trícoli, que se tome

não apenas os municípios citados, mas essencialmente todo o Sistema Cantareira, que é responsável pelo abastecimento de cerca de 9 milhões de pessoas.

Reunião no gabinete do prefeito


16

www.folhaopiniao.com.br Sexta-feira, 22 de novembro de 2013

Prefeito prestigia encerramento letivo do Renda Cidadã O Auditório Fábio Taneno foi palco, na última quinta-feira, dia 14 de novembro, da confraternização e reunião de encerramento do Programa Renda Cidadã - promovido pela Secretaria de Assistência Social -, que reuniu mais de trezentas pessoas, que assistiram a performance da atriz Tássia Ribeiro, antes do sorteio de prêmios (relógios, chapinhas, kit maquiagem, liquidificador, transformação completa, etc.), para as presentes. Trata-se de um Programa do Governo do Estado para ajudar as famílias através da transferência de renda (R$ 80,00), tendo como objetivo promover a autossustentação e melhoria da qualidade de vida. São atendidas 268 famílias representadas por mulheres, sendo 30 no Centro de Referência de Assistência Social - Cras Parque Petrópolis, 70 no Cras Terra Preta e 168 na Secretaria de Assistência Social no Centro de Mairiporã. Além de ações socioeducativas o Programa também oferece cursos de qualificação para o trabalho. Após cumprimentar uma por uma das mulheres presentes no evento, o prefeito Dr. Márcio Pampuri agradeceu a presença de todos e disse das dificuldades do primeiro ano de gestão, “as

pequenas mudanças que conseguimos fazer foi graças à equipe que temos. A coordenadora do Renda Cidadã de Mairiporã, Rita de Cássia Ignácio Chicolli, é uma das ‘engrenagens’ que representa essa mudança”, elogiou, completando: “Ser prefeito é muito mais difícil do que ser médico. Com a ajuda de todos vocês vamos conseguir mudar a cara da nossa cidade. Se a gente se unir não haverá ninguém mais forte do que todos nós juntos”, desafiou o chefe do Executivo, revelando que no próximo ano a população terá boas surpresa relacionadas à infraestrutura da cidade, à saúde, etc. “Vamos ajudar a administração, pois não adianta ficar parada ou apenas criticando”, convocou Cássia. “Agradeço a todos por me receberem com tanto carinho e, em especial, ao prefeito por ter me confiado essa pasta”, disse a secretária de Assistência Social, Lúcia Naf, agradecendo os patrocinadores Carla Modas, Raquel Langerie, Anélis Calçados, Calós Cabeleireiro, Camarim Cabelo e Estética e América Alô Brasil. Marcaram presença no evento a vice-prefeita Dra. Débora Lopes Braga, o secretário de Educação Rogério Moreira Matias e o vereador Rafael Tadeu.


Eventos em prol da APAE agitam Mairiporã Teatro, bazar e futebol estão sendo organizados e visam recolher fundospara a recuperação do prédio da associação Neste final de ano, muitos eventos e atividades movimentam a cidade e tem como proposta auxiliar a Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais de Mairiporã (APAE Mairiporã) a reerguer o prédio administrativo/escolar da sua sede. No domingo, dia 1º/12, às 16 horas, no ginásio do Esporte Clube Mairiporã, Avenida Antônio de Oliveira, 165, centro, haverá a apresentação das Monster High e da Turma da Mariana com a Galinha Pintadinha, dentro da Campanha Natal Solidário, promovido pela Companhia de Teatro Mr. Klen. Com ingressos à R$ 10 e censura livre, o musical Monster High conta a história de encantadoras montrinhas - Clawdeen, Draculaura, Frankie, Cleo, Ghoulia e Lagoona - que aprontam e se metem em grades encrencas. “Tudo isso é contado de uma maneira muito divertida e lúdica, com muitas danças e canções que

17

www.folhaopiniao.com.br Sexta-feira, 22 de novembro de 2013

encantam os adultos e, principalmente, as crianças”, ressalta Moises Klenquen, diretor e protagonista do espetáculo. Já a Galinha Pintadinha dispensa comentário e apresentação, visto que se trata de um projeto concebido em 2005, que tem como principal objetivo o resgate e a promoção de canções infantis populares brasileiras. Enfim, são dois espetáculos de qualidade e um só dia. Parte da arrecadação do evento, 25%, será destinada às obras da APAE. Bazar – Já nos dias 6 e 7 de dezembro, a APAE Mairiporã realiza um grande bazar de Natal na sede do Lions Clube Mairiporã, Rua Coronel Fagundes, 167, Centro. Nesses dias, serão comercializadas roupas novas e usadas, sapatos, bolsas femininas, louças, material escolar, brinquedos, utilidades domésticas, tapetes, quadros e mais uma gama de produtos recebidos em doação. “Temos até

máquinas de escrever e de costura antigas para colecionadores ou para quem gosta de antiguidades”, informa o presidente Mario Conde. O bazar vai funcionar das 9 às 16 horas. Futebol - Também no dia 7, às 11 horas, a equipe tricampeã máster intermunicipal Olaria Esporte Clube (OEC) recebe, no estádio Severino José da Silva (Sr. Bill), o máster do Sport Club Corinthians Paulista. Você poderá rever atletas como Biro Biro, Ruy Rei e outros que fizeram a alegria do “Bando de Loucos”. Nesse mesmo dia, outra partida reunirá atletas do Olaria (atual) e jogadores que passaram pelo OEC e que jogam em equipes profissionais. No dia será vendido o lanche de pernil e a arrecadação total será destinada para as obras da APAE. A realização do evento é do Olaria Esporte Clube que tem o apoio da Biscoito Isa.

LEIS QUE NOS DEFENDEM

MENDES THAME Homologação de plano de recuperação judicial não exige certidão tributária negativa Esta coluna semanal tem o objetivo de divulgar leis criadas para proteger o cidadão. Aumentar o conhecimento de direito e deveres é a forma mais eficiente de valorizar a cidadania e fazer valer os direitos individuais. Conhecer é poder. A superação de crise nas empresas deu causa à decisão do Superior Tribunal de Justiça (STJ), para afastar a exigência de certidões negativas tributárias, na homologação do plano de recuperação das mesmas. A decisão levou em conta que a carga tributaria no Brasil é alta, e, portanto, exigir a regularidade fiscal contribui para impedir a reestruturação da empresa. A Corte entendeu que é válido o parcelamento da

dívida tributária pelo contribuinte, o que deve gerar a suspensão da exigibilidade do crédito, garantindo a emissão de certidões positivas com efeitos de negativas. Processo: REsp 1187404

N.B. - As situações acima são decisões resumidas e/ou orientações. Havendo dúvidas, oriente-se com profissional de sua confiança.

Antonio Carlos Mendes Thame é deputado federal (PSDB-SP), professor licenciado da ESALQ-USP e advogado (PUC-Campinas). Encaminhe sua sugestão ou questionamento para o e-mail: dep.mendesthame@camara. com.br e twitter.com/mendesthame


18

www.folhaopiniao.com.br Sexta-feira, 22 de novembro de 2013

Cuidado com a onça! Examine bem a nota de R$ 50,00 que você receber. Ela é a preferida dos falsários. Nos últimos 13 anos, a Polícia Federal (PF) apreendeu nada menos que 7,5 toneladas de dinheiro falso no Brasil Com a aproximação do Natal e da temporada de verão, o comerciante deve ficar atento à possibilidade de receber dinheiro falso. De acordo com nota divulgada pelo Banco Central, pela ordem, as notas mais falsificadas são as de R$ 50,00 (56,2%), R$ 10,00 (27,9%), R$ 20,00 (8,3%), R$ 5,00 (6,9%) e a de R$ 100,00, com apenas 0,7%. É nessa época também que há um aumento na procura de máquinas e canetas de verificação de dinheiro. No caso das máquinas, sob uma luz negra aparecem, nas notas verdadeiras, filamentos prateados espalhados pelo papel. Já nas canetas, ao riscar uma nota, o traço deve desaparecer. Se o risco ficar escuro a nota é falsa. Nos últimos 13 anos, a Polícia Federal (PF) apreendeu nada menos que 7,5 toneladas de dinheiro falso no Brasil. Conseguiu desarticular algumas das "criativas" quadrilhas em atuação, mas outras ainda fazem da falsificação um negócio lucrativo. De cada um milhão de notas de real que estão em circulação na economia, 92 não são autênticas. É quase o

dobro do número registrado para o dólar e o euro. As duas principais divisas mundiais têm um índice de 50 cédulas falsas por milhão. A meta do Banco Central (BC) é chegar nesse patamar nos próximos dois anos a partir dos itens de segurança das cédulas da segunda família do real. Enquanto as notas com os modernos dispositivos contra falsificação não substituem completamente as antigas, as autoridades têm de lidar com uma máfia articulada de criminosos que montaram um esquema nacional de distribuição de cédulas falsas. PF e BC conseguiram mapear, por exemplo, rotas de distribuição de notas frias pelos Correios para várias regiões do país. Nesse mercado paralelo, cada cédula de R$ 50 custa R$ 20. A expectativa do BC é que com as novas notas, que têm os itens de segurança considerados os mais modernos do mundo, a situação do Brasil deve melhorar no quadro mundial. O índice de falsificação do país já chegou a 206 notas por milhão. Era muito maior que o da libra

esterlina, que tem 150 por milhão. O Japão, ao contrário, tem um índice de duas notas de iene por milhão. O novo real tem notas com tamanhos diferentes. Com isso, fica impossível um falsário fazer uma lavagem química para usar o mesmo papel moeda para imprimir uma cédula de maior valor. Além disso, há a marca d’água, o alto-relevo na lateral e ainda

um quebra-cabeça com o número. Todas essas mudanças levaram dez anos para sair do papel. A decisão de trocar o dinheiro no Brasil surgiu em 2003, quando a falsificação estava num dos maiores patamares: 197 cédulas por milhão. Era urgente aumentar a segurança e um grupo de dez pessoas começou a fazer os estudos. Os técnicos resolveram manter os

desenhos das notas antigas para não descaracterizar a moeda: coisa que acontecia rotineiramente em tempos de inflação descontrolada. O Banco Central lembra que as notas falsas não são trocadas. O BC apenas examina se elas são verdadeiras ou não. A falsificação de moeda é crime previsto pelo Código Penal, com pena de 3 a 12 anos de detenção.


19

www.folhaopiniao.com.br Sexta-feira, 22 de novembro de 2013

RESUMO DA RODADA

ANDERSON GONÇALVES

“Deu zebra” Ponte ignora Morumbi lotado, surpreende o São Paulo e põe um pé na decisão Os 53.302 pagantes que estiveram no estádio do Morumbi na noite desta quarta-feira pareciam não acreditar no que estavam vendo! “O futebol é uma caixinha de surpresas”, já dizia o velho ditado. E foi inspirada nesse velho dito popular do futebol que a macaca deu um banho de água fria no São Paulo e venceu a partida de ida da copa sul-americana por 3x1, complicando a vida do São Paulo e dando um grande passo rumo à sua primeira decisão de uma competição internacional. O São Paulo começou a partida melhor, tentando sufocar e pressionar a equipe da Ponte logo nos primeiros minutos de jogo. A Ponte impedia os avanços do ataque tricolor com uma defesa muito bem postada dentro de campo, e marcando a equipe do São Paulo com grande eficiência. Aos vinte minutos do primeiro tempo, Aloísio foi lançado, dominou a bola e passou para Ganso que, cortou para o pé direito e bateu com categoria para abrir o placar no Morumbi. O São Paulo se acomodou após o primeiro gol,

seguiu tendo um volume de jogo maior que a equipe da Ponte, mas sem levar grande perigo ao gol do goleiro Roberto. Aos 43 minutos da primeira etapa, a macaca resolveu acordar: Rildo tocou a bola para Wendel, que passou pela marcação de Denílson e bateu cruzado para a área! O zagueiro Antônio Carlos tentou cortar e acabou mandando para o fundo do gol de Rogerio Ceni, marcando gol contra. No segundo tempo, debaixo de um temporal que caía sobre o Morumbi, a macaca então surpreenderia a todos logo aos 9 minutos: Rogerio Ceni não conseguiu segurar chute de Fernando Bob, e no rebote, Leonardo virou o jogo para a Ponte. Se a noite já não estava boa para os são-paulinos, o lateral Wendel se encarregou de piorar ainda mais a situação do tricolor. Wendel recebeu a bola dentro da área do São Paulo, avançou e bateu firme, a bola desviou no pé de Paulo Miranda e tirou Rogerio Ceni da jogada, fechando o placar da partida no Morumbi. Na próxima quarta-feira, em Mogi, o São Paulo terá

que vencer a Ponte Preta por 3 gols de diferença caso queira chegar a decisão da sul-americana 2013. Já a Ponte, poderá perder até por 2 gols de diferença para chegar a primeira decisão internacional de sua história. “Tudo igual” Primeiro confronto da decisão entre Atlético/Pr e Flamengo, é marcado por equilíbrio entre as duas equipes e reserva grandes emoções para a decisão do Maracanã O empate de 1x1 entre Atlético/Pr e Flamengo acabou sendo um resultado justo pelo equilíbrio entre os dois times na primeira partida da decisão da copa do brasil 2013. Com a Vila Capanema lotada e contando com o apoio de sua torcida, o furacão como já era esperado, foi pra cima do Flamengo tentando encurralar os rubro-negros logo nos primeiros minutos de jogo. Aos dezessete minutos, o atacante Marcelo conduziu a bola e arriscou de fora da área dando uma pancada no ângulo esquerdo do goleiro Felipe para incendiar a vila Capanema fazendo 1x0 para o furacão. O Flamengo não se abateu com o gol, e seguiu equilibrando as ações dentro da partida. Prova disso, veio aos vinte e sete minutos, quando Amaral carregou a bola e soltou um canhão do meio da rua sem chances de defesa para o goleiro Felipe empatando a partida para o Flamengo. O furacão chegou a criar duas chances após o golo do

Flamengo ainda no primeiro tempo, mas sem grande perigo a meta do goleiro Felipe. Na etapa complementar da partida, as duas equipes mantiveram o mesmo equilíbrio do primeiro tempo, criando boas chances para ambos os lados, mas sem mexer no resultado final da partida, graças a falta de pontaria das equipes e as boas atuações dos goleiros Felipe do Flamengo e Weverton do Atlético/Pr. Na próxima quarta-feira,

no Maracanã, Flamengo e Atlético/Pr estarão novamente frente a frente para a grande decisão do título da copa do brasil 2013,um empate sem gols dará o título ao Flamengo. Se a partida terminar empatada por 1 gol, a decisão será nos penaltys. Caso a partida termine empatada por 2 ou mais gols, o furacão levará o título da competição nacional.

Anderson Gonçalves é estudante de jornalismo


20

www.folhaopiniao.com.br Sexta-feira, 22 de novembro de 2013


www.folhaopiniao.com.br Sexta-feira, 22 de novembro de 2013

21


22

www.folhaopiniao.com.br Sexta-feira, 22 de novembro de 2013


23

www.folhaopiniao.com.br Sexta-feira, 22 de novembro de 2013

PONTO DE CULTURA

A cor é suficiente para construir e expressar nosso universo ANDRÉ CHICOLI

Arcangelo Ianelli nasceu no ano de 1922 em SP, foi desenhista, pintor e escultor. Filho de imigrantes Italianos, desde criança desenvolveu um enorme prazer por desenhar, quando Ianelli era ainda muito novo, teve a ideia brilhante de se divertir com seu estilingue, quebrando as vidraças da vizinhança, seu pai Lourenço Ianelli então o colocou de castigo forçando-o a escrever 100

vezes “ Não devo quebrar a vidraça dos vizinhos”, Ianelli passou desenvolver uma grafia própria, o que ajudou-lhe, a fazer seus primeiros desenhos. Lourenço frustrado com o filho que só pensava em desenhar, o coloca em um internato. Ingressa na Associação Paulista de Belas Artes na década de 40, deste ponto até 2009, ano de seu falecimento, Ianelli praticou, pintou, desenhou e expôs muitos trabalhos

inclusive esculturas. Ianelli tinha como traço em suas obras de renome, uma geometria abstracionista, que eram formas geométricas simples, mas possuidoras de uma composição harmonioza e elegante que ao mesmo tempo, fugia do simples figurativo ou da temática retratista, outra característica tão chamativa e mais importante em seus quadros, foi o emprego de cores vibrantes e comunicativas em suas obras. Arcangelo Ianelli em seu ateliê

Geometria presente até nas formas do cotidiano

Pintura em óleo sobre tela


24

www.folhaopiniao.com.br Sexta-feira, 22 de novembro de 2013


Edicao 22112013issu