Issuu on Google+

Coluna enogastronomia com Renato Duarte

Como usar as mídias sociais de forma correta e destacar a sua empresa

Página 3

Terça-feira 13 de agosto de 2.013

Página 6

Rodoanel Norte será entregue em 2016 Portal Terra

O Rodoanel Norte é o

cidades do País, Rio e São

mais controverso trecho de

Paulo), cruzando a rodovia

todo o Rodoanel Metropo-

Fernão Dias, que liga São

litano de São Paulo ou Ro-

Paulo a Belo Horizonte (SP).

doanel Mário Covas. O prin-

As obras tiveram início em

cipal motivo é que uma das

março de 2013 e devem

seções atravessa extensa

estar finalizadas até março

área de proteção ambiental

de 2016. O prazo, porém,

da Serra da Cantareira. O

só será mantido se as várias

número expressivo de desa-

ações para suspensão da

propriações também chama

obra- movidas por morado-

a atenção.

res do trecho e entidades

A rodovia liga o Rodoanel

por questões ambientais -

Oeste à rodovia Dutra (que

não forem concedidas pela

conecta as duas principais

Justiça.

Página 9

Obras e serviços: Cascalhamento e patrolamento, sinalização horizontal e desobstrução e reconstrução de caixas de captação

Liberadas em fevereiro, as obras começaram em março e, de acordo com a Dersa, não houve atraso no licenciamento e a conclusão do trecho está mantida para fevereiro de 2016. A obra deverá custar 5,6 bilhões e terá 44 quilômetros de extensão

Página 5


24

www.folhaopiniao.com.br www.folhaopiniao.com.br Terça-feira, 2013 Sexta-feira,13 20de deagosto abril dede 2012

GASTRONOMIA

Os gregos já curtiam uma comunidade

NOTAS

Reprovação Após a onda de protestos no país, a reprovação ao Congres-

Estudos que combinam ciências

Passados dois anos, um grupo

social”, diz Souza Pinto. “Para construir

“Ricardo 3º” e o best-seller “Harry Potter

exatas e literatura apontam para o fato de

de físicos brasileiros veio se somar à

uma rede, você precisaria saber um pouco

e a Pedra Filosofal”, avaliando que o

so Nacional aumentou nove

que relacionamentos nas redes sociais se

atenção crescente de outras disciplinas

como é a distribuição das comunidades, dos

primeiro seria mais realista, e os outros

assemelham aos observados em mitos e

--mais afeitas à matemática-- pela abor-

círculos de amizade, que seguem certas leis

dois, não. Kenna chegou a observar que,

pontos, segundo o Datafolha. De

obras clássicas. Analisados por brasileiros

dagem quantitativa de textos literários e/

matemáticas. E Homero observa tudo isso

nas telenovelas, “todo mundo tende a

acordo com a pesquisa, a repro-

na Escócia, elos entre personagens da

ou míticos. No caso, trata-se do estudo

na construção de sua obra.”

conhecer todo mundo”, algo “muito dife-

“Odisseia” se aproximam muito do padrão

“Análise de Comunidades numa Rede

Em números, o grupo identificou na

vação subiu de 33% para 42%.

registrado entre pessoas na vida real.

Social Mitológica”, mais precisamente, na

“Odisseia” 342 personagens, ligados por

“Odisseia”, de Homero, publicado há um

1.747 relações e formando 32 comuni-

Souza Pinto concorda com a noção,

às manifestações foi avaliada

mês na Escócia.

dades, sendo dez mais influentes, entre

que ele vê validada, inclusive, pelas

elas aquelas que se formam em torno de

telenovelas brasileiras. “O que a gente

como ruim/péssima por 45% dos

Odisseu e Menelau.

observa é que, quanto mais erudito o

Há dois anos, Franco Moretti, professor da Universidade Stanford, saudou

rente de redes reais e sinal muito forte de artificialidade”.

A resposta dos parlamentares

o fato de que os métodos quantitativos

Milgram e Moretti são lembrados

estavam novamente em ascensão nos

como referências distantes por Sandro

estudos literários. Dessa vez, devido às

Ely de Souza Pinto, professor da Uni-

O estudo de Souza Pinto, Baptista e

autor, se você levanta a rede social da

consideram bom ou ótimo.

grandes bases de dados digitais, “big

versidade de Ponta Grossa, no Paraná,

Miranda repercutiu no “Technology Review”,

obra, mais perto da realidade ela está”,

data”, vinham para ficar. Foi o que escre-

no momento fazendo pós-doutorado na

do Massachusetts Institute of Technology

diz, acrescentando que prepara, com

As iniciativas da chamada

veu em artigo para a “New Left Review”,

universidade escocesa de Aberdeen. Ele

(MIT), nos EUA, que elogiou o “novo e

Baptista e Miranda, outros levanta-

em que relatava os levantamentos feitos

encabeça o estudo, feito em colaboração

interessante teste, que dá um importante

mentos, mas nada de analisar criações

so, como a rejeição da PEC 37

no Stanford Literary Lab sobre a rede de

com Murilo da Silva Baptista, do Instituto

insight' para a história de textos antigos”. E

“literariamente pobres”.

conexões em “Hamlet”.

de Sistemas Complexos de Aberdeen, e

ao menos duas empresas de tecnologia, a

O grupo estuda no momento as

e o arquivamento do projeto de

entrevistados. E apenas 13%

“agenda positiva” do Congres-

O acadêmico, que é irmão do cineasta

com o mestrando Pedro Jeferson Miranda.

americana Torux e a francesa Linkfluence,

redes de conexões sociais de “O Fio da

cura gay, não tiveram grande

italiano Nanni Moretti, defendeu então

No trabalho sobre a “Odisseia”, diz

procuraram os brasileiros em busca de

Navalha”, de Somerset Maugham, e “O

que linguagem e estilo são apenas parte

Souza Pinto, “o que a gente mostra é

“parceria”.

Senhor dos Anéis”, de J.R.R. Tolkien. A

impacto, já que apenas 13%

da questão literária: seu trabalho sobre a

que a rede parece ser real, tem indícios

Nem todos, no entanto, se mostram

primeira foi escolhida por ter “um perso-

tragédia shakespeariana se apresentou

de que aquilo que Homero relatou é real”.

tão entusiasmados com as descobertas. O

nagem que viaja pelo mundo e conhece

A imagem do Legislativo teve

como “o início de uma resposta” à pergun-

O que o grupo fez foi analisar as relações

editor de tecnologia da revista britânica “The

muitas pessoas e cada uma é diferente”.

ta sobre o enredo --se este poderia ou não,

sociais dos personagens e transformá-las

Economist”, Tom Standage, que lança em

A segunda, por ser de “um erudito que

índices de reprovações maiores

diferentemente do estilo, ser quantificado.

numa rede, graficamente, que se revelou

outubro um livro com a trajetória das redes

criou várias realidades para poder es-

Desenhou um primeiro mapa, in-

“muito parecida com as redes sociais re-

sociais desde Roma até hoje, “Writing on the

crever sua obra”.

cipiente, dos “hubs” (entroncamentos,

ais, inclusive com as redes de Facebook”.

Wall”, afirmou à Folha já ter lido o estudo e

Simultaneamente, o grupo iniciou um

diz preferir aguardar outros levantamentos,

levantamento quantitativo, “mas não com

de outras obras.

rede social”, sobre os sonetos de Shakes-

que são os protagonistas com os quais

aprovaram estas ações.

em anos anteriores. No ano de 2009, o percentual foi de 44% quando veio à tona, na gestão de José Sarney (PMDB), que

os outros integrantes de uma rede se

Comunidades

relacionam mais) de “Hamlet”. Uma de

Entre as características que aproxi-

“Eu gostaria de ver a análise repetida

peare, Camões e Bocage. “O que a gente

a Mesa Diretora do Senado

suas revelações sobre o enredo da peça

mam a “Odisseia” do mundo real estão ser

para outros trabalhos ficcionais, para ver

quer fazer é o reconhecimento da autoria,

foi que Horácio, um personagem menor,

“pequeno mundo”, como na constatação

se também parecem reais', antes de con-

dizer o que é ou não de Shakespeare,

usava atos secretos para no-

é um ponto de confluência quase tão

de Milgram, e “altamente repartida em

cluir se essa análise apoia a ideia de que

de Camões, através das características

mear e conceder benefícios a

frequente quanto o rei Cláudio ou mesmo

comunidades”. Também ser “altamente

os personagens na Odisseia' realmente

matemáticas das sílabas métricas.” E um

o príncipe Hamlet.

hierarquizada”, fenômeno identificado nas

existiram”, disse Standage. “Imagino se

terceiro estudo avalia seis traduções da

servidores.

No artigo, intitulado “Teoria de Redes,

redes por teóricos como o húngaro Albert-

qualquer história plausível precisa de redes

“Divina Comédia”.

Análise de Enredo”, Moretti tomou como

-László Barabási, hoje professor de física

sociais que pareçam plausíveis. [A série de

Sandro Ely de Souza Pinto diz que, a

45% quando o presidente do Se-

ponto de partida as redes “small world”,

na Universidade Northeastern, nos EUA,

televisão] Game of Thrones', por exemplo.”

exemplo de Franco Moretti, ouve regular-

identificadas pelo psicólogo americano

e referência central do estudo.

nado, Renan Calheiros (PMDB),

mente questionamentos a seus trabalhos.

Já em 2007, a reprovação foi de

foi acusado de aceitar ajuda de

Stanley Milgram em 1967. O “pequeno

A exemplo do que aconteceu com

Sonetos

Ele acredita que a recepção no Brasil seja

mundo” de Milgram se traduziu, popular-

Milgram e os seis graus de separação, Ba-

Os brasileiros não são os primeiros

diferente do que na Europa e nos EUA de-

uma empreiteira para bancar

mente, nos “Seis Graus de Separação”

rabási vem se popularizando para além da

físicos a atuar em estudos literários quan-

vido à crescente interdisciplinaridade. “As

da peça de John Guare (1990)--a ideia de

teoria das redes pela expressão “os mais

titativos. No ano passado, Pádraig Mac

pessoas cada vez mais aliam matemática

despesas pessoais. No escân-

que apenas seis laços separam quaisquer

ricos ficam mais ricos, os mais pobres

Carron e Ralph Kenna, da Universidade de

com biologia, matemática com literatura,

duas pessoas no mundo.

ficam mais pobres”, adaptada do Evan-

Coventry, na Inglaterra, publicaram trabalho

matemática com redes sociais.”

Mesmo que o professor italiano de

gelho de Mateus. Em outras palavras,

concentrado no épico “Táin bo Cuailnge”,

“Aqui no Reino Unido não ouço tanto,

literatura comparada tenha admitido não

numa rede, os “hubs” com mais conexões

da Irlanda, também concluindo que ele tem

mas no Brasil as pessoas perguntam:

ter a “inteligência matemática necessá-

sociais atraem novas conexões com mais

relação com redes reais --e não seria tão

Para que serve? Por que você está fa-

aprovação - 24% - maior que a

ria” para lidar com a teoria de redes, ele

facilidade, acentuando a hierarquização.

“artificial” quanto a crítica literária costuma

zendo isso?'. É mais uma ferramenta da

estava certo ao identificar a ascensão

“Estudamos a Odisseia' profunda-

descrever.

literatura, uma extensão da ferramenta

reprovação foi em dezembro de

dos métodos quantitativos, e das redes

mente e acabamos chegando à conclu-

O estudo de Mac Carron e Kenna,

que já existe na matemática e na física.

em especial, nos estudos literários mais

são de que Homero talvez tenha sido o

intitulado “Propriedades Universais de

Como sou matemático e físico, estou

governo Lula. Mas em novembro

recentes.

primeiro a entender o que é uma rede

Redes Mitológicas”, foi outra referência

usando o que sei”. (Colaborou Marcelo

para o trabalho de Souza Pinto, Baptista e

Soares)

de 2010, ao final do segundo

Miranda, que citam ainda o livro “O Herói de

CITAÇÃO DA SEMANA

Mil Faces”, de Joseph Campbell.

“Educai as crianças, para que não seja necessário punir os adultos.” Pitágoras, foi um filósofo e matemático grego.

Além do épico irlandês, os dois pesquisadores da Universidade de Coventry estudaram paralelamente textos como a saga “Beowulf”, a peça de Shakespeare

Nelson de Sá é repórter da Folha de S.Paulo e coordenador, ao lado da repórter-fotográfica Lenise Pinheiro, do blog Cacilda, dedicado ao teatro.

Publicação: Folha Opinião Comunicação, Eventos e Jornalismo Ltda - cnpj: 11.603.231/0001-06 Rua Cardoso Cesar, 363, Centro, Mairiporã – CEP: 07600-000 Redação e publicidade: 4275-0504 / 9-9529-2619 / redacao@folhaopiniao.com.br / comercial@folhaopiniao.com.br Reportagem: Renato Sarvanini

Editoração: André Chicoli

Colaboradores: Antonio Carlos Mendes Thame, Éssio Minozzi, Cecília Miglorancia, Renato Duarte, Editor: Maurício Araújo

Marisa Motta Cardone e Tarcílio de Souza Barrros.

dalo do mensalão, em 2005, a reprovação ficou em 48%. A única situação de índice de

2003, ao final do primeiro ano do

mandato do presidente petista, a aprovação chegou a 25%, contra 30% de reprovação.

Impressão: Atlântica Distribuição: Mairiporã Terra Preta Serra da Cantareira


www.folhaopiniao.com.br Terça-feira, 13 de agosto de 2013

POLÍTICA

3

Como usar as mídias sociais de forma correta e destacar a sua empresa Sebrae-SP orienta pequenos negócios a usarem a internet para promoverem sua marca de forma positiva A internet está ao alcance de todos e é uma ferramenta eficiente e barata para divulgar os micro e pequenos negócios. Estar em um ambiente digital, principalmente em páginas de relacionamento como Facebook, Twitter e Instagram, pode ser uma poderosa forma das empresas aparecerem, aproximar-se dos clientes e ainda conquistarem novos. As redes sociais influenciam no comportamento da população, encurtam distâncias, conectam pessoas rapidamente e em larga escala e disseminam opiniões de forma amplificada. Mas, para garantir o sucesso da estratégia, o empresário precisa evitar deslizes. O risco está no mau uso que pode prejudicar a imagem da marca. Antes de criar uma página o empreendedor precisa pensar: Quem vai alimentar o conteúdo? Tem gente na equipe qualificada para fazer esse serviço? Bruno Caetano, diretor superintende do Sebrae-SP diz que para um resultado eficiente na web é preciso ter alguém com tato e agilidade para postar conteúdo que desperte a

atenção de quem navega pela internet e também precisa ter muito jogo de cintura para responder rapidamente críticas e reclamações. A empresa deve entrar de forma profissional, o contrario irá prejudicar sua imagem. “Essas mídias exigem diálogo e interação com o consumidor. É um espaço onde o cliente se expressa, reclama, elogia, dá sugestões e quer respostas rápidas. Ele não pode sentir que está falando sozinho. Caso isso aconteça, o recurso volta contra o empreendimento que passará a ser alvo de críticas que se espalham na velocidade do mundo virtual. A empresa deve ouvir as demandas e ter agilidade para tomar providências”, orienta Caetano. Sucesso nas redes Antes de entrar nas redes sociais, conheça as ferramentas e o público que deseja se comunicar; Trace metas ligadas ao negócio e a essas mídias; Estabeleça a mesma

identidade que já utiliza no “mundo off-line”. É preciso ter coerência na comunicação. O estabelecimento é conservador. Ok! Siga essa mesma linguagem na web. O trabalho é contínuo, requer dedicação e atualização constante, tanto da forma quanto do conteúdo; Desperte a atenção do internauta. Ofereça conteúdo sobre o que a sua empresa vende e também sobre o universo que ela pertence, como bem-estar, viagens, gastronomia e vestuário; Destaque os lançamentos; Fale sobre tendências; Proponha enquetes e emita opiniões; Compartilhar vídeos que faça parte do universo do seu freguês. Desperte a vontade das pessoas interagirem. Abra espaço para que postem fotos e marquem o seu estabelecimento, por exemplo. Essa ação será vista pelos amigos do seu cliente e poderá tornar-se viral; Esteja preparado para receber críticas. Esse canal também funciona

como SAC. Aceite as críticas. Elas são um excelente termômetro para medir a aceitação do seu produto; Erros Falar mal da concorrência; Não ouvir o cliente; Deixar o perfil às moscas, sem atualização; Não acompanhar o que as outras empresas estão fazendo; Sair compartilhando, dando RT ou respondendo questionamentos antes de entender a atmosfera da mensagem; Escrever qualquer coisa sem revisão; Bombardear os clientes apenas com informações institucionais e se autopromover o tempo todo; Deixar de observar

como sua marca está repercutindo nas redes sociais; Transformar afanpage do seu negócio em um gigante catálogo digital. É mais interessante uma loja que dá dicas de como se vestir do que aquela que só posta fotos da nova coleção, por exemplo; Comentar sobre política e religião; Ficar preso ao número de seguidores. Ter muita gente fora do público-alvo não vai trazer mais negócios à empresa. Misturar a página da empresa com a pessoal; Transformar o espaço em um bate boca aberto a todos. O aconselhado é sempre levar a reclamação ou discussão para uma conversa fechada por e-mail ou telefone.


44

www.folhaopiniao.com.br www.folhaopiniao.com.br Terça-feira, 2013 Sexta-feira,13 20de deagosto abril dede 2012

GASTRONOMIA GASTRONOMIA

Costelinha ao molho barbecue Ingredientes 2 kg costelinhas de porco aferventadas em água quente Molho: 1 colher (sopa) óleo 2 colheres (sopa) cebola picada 1/2 xícara (chá) açúcar mascavo 1/2 xícara (chá) vinagre branco 2 colheres (sopa) molho inglês 2 xícaras (chá) catchup 1 folha de louro 1 colher (sopa) chilli em pó 1/2 xícara (chá) água

Sal e pimenta do reino a gosto Preparo Espalhe sal por toda a carne e coloque para ferver por 10 minutos em um panela com bastante água quente Escorra a água, arrume as costelinhas em uma assadeira, cubra com papel alumínio e leve ao forno baixo ( 180º) por 40 minutos Em uma panela, refogue a cebola no óleo, acrescente o açúcar mascavo e o vinagre e deixe o açúcar dissolver Acrescente o molho inglês, o catchup, o louro, o chilli

em pó e a água e cozinhe por 30 minutos em fogo baixo ou até o molho engrossar Tempere com sal e pimenta-do-reino, coe e reserve Após os 40 minutos retire as costelinhas do forno, retire o papel alumínio e pincele com o molho Aumente a temperatura do forno, asse as costelinhas por mais 10 minutos, pincele novamente com o molho, asse mais 5 minutos e repita mais uma vez esta operação Sirva com mais molho à parte

Sorvete de leite condensado Ingredientes 2 caixas de leite condensado a mesma medida de leite 4 ovos 2 colheres de amido de milho 3 colheres de açúcar 1 colher de margarina sem sal 2 caixas de creme de leite 5 colheres de cobertura de morango

Preparo Coloque o leite condensado na panela e em seguida a mesma medida de leite com

Fricassé de frango Ingredientes

tiada

100 g de batata palha 1 lata de creme de leite

1 xícara de água

1 lata de milho verde

1 pitada de sal

1 copo de requeijão cremoso 100 g de azeitona sem caroço 2 peitos de frango desfiado 200 g de mussarela fa-

Preparo Bata no liquidificador o milho, o requeijão, o creme de leite e a água Refogue o creme do liquidificador com o frango desfiado,

as azeitonas e o sal até ficar com uma textura espessa Coloque o refogado numa assadeira, cubra com mussarela e espalhe a batata palha por cima Leve ao forno até borbulhar Sirva com arroz branco

o amido de milho Acrescente a margarina e as gemas, misture e leve ao fogo até engrossar, reserve Bata as claras em ponto de neve, coloque o açúcar e bata Coloque o creme de leite Em uma forma coloque a cobertura de morango, o creme e depois a cobertura das claras Leve ao congelador por 2 horas Desenforme e sirva


www.folhaopiniao.com.br Terça-feira, 13 de agosto de 2013

POLÍTICA

5

Obras e serviços

Patrolamento e Cascalhamento

Outra ação realizada constantemente é o patrolamento e cascalhamento de ruas e estradas da cidade. Na última semana, os serviços foram realizados na Rua Ipê, também em Hortolandia. Segundo o prefeito da cidade, Dr. Márcio Pampuri, além de Mairiporã ser uma das maiores cidades da região Metropolitana de São Paulo, ainda conta com cerca de 400 km de ruas de terra, o que requer uma frequente manutenção. “A manutenção das ruas da cidade é uma atuação frequente que a administração pública faz questão de promover, para garantir a acessibilidade dos moradores”, justificou.

Sinalização Horizontal

Desobstrução e reconstrução de caixas de captação

Na última semana, o departamento de trânsito da prefeitura de Mairiporã realizou serviços de sinalização horizontal em diversas ruas do centro da cidade, especialmente a demarcação de faixas de travessia de pedestres. O objetivo da ação, segundo o prefeito Dr. Márcio Pampuri, é garantir a segurança dos pedestres.

Entre os diversos serviços que a prefeitura executa em todos os cantos da cidade, a desobstrução e reconstrução de caixas de captação de águas pluviais, é realizado com frequência, pela administração. Na última semana, o serviço foi executado ao longo da avenida Rio de Janeiro, em Hortolândia.


www.folhaopiniao.com.br Terça-feira, 13 de agosto de 2013

6

COMUNICADO A Secretaria Municipal de Assistência Social de Mairiporã comunica as entidades e ONG’s que realizam trabalhos com crianças, adolescentes e idosos no município, para se cadastrarem junto ao Conselho Municipal de Assistência Social – CMAS, Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente – CMDCA e Conselho Municipal do Idoso – CMI.

Lucia Naf Secretária Municipal de Assistência Social

ENOGASTRONOMIA RENATO DUARTE

A importância das videiras americanas na produção mundial de vinhos! as Vitis americanas são próprias para o consumo “in natura”, para os sucos e para os vinhos de mesa, e que não são ideais para a produção de vinhos de qualidade. Mas então porque essas videiras foram e são tão importantes? Na metade do século XIX

que ainda no século XIX foi descoberta a melhor e definitiva solução para combater a Phylloxera. A solução adotada é o processo denominado de Enxertia. O processo de enxertia consiste em enxertar uma Vitis vinífera numa raiz de Vitis americana que possui uma

ocorreu um evento que mudaria para sempre a industria vitivinícola no mundo: Por volta de 1863 é descoberta uma praga de origem americana chamada Phylloxera Vastatrix que dizimaria praticamente todos os vinhedos da Europa. Essa praga de nome difícil nada mais é que um pulgão muito pequeno que para se alimentar destruía as raízes das videiras. As plantas atacadas tinham o enfraquecimento das folhas, seus frutos não amadureciam e a planta entrava em

estrutura resistente ao ataque da praga. Esse processo em nada altera as características das uvas e muito menos dos vinhos, pois as raízes das Vitis americanas funcionam apenas como condutor de seiva. Praticamente todo o mundo utiliza o processo da enxertia na viticultura com apenas algumas exceções como o Chile que graças a sua geografia, de um lado o oceano pacífico e de outro as cordilheiras dos Andes, foi protegido dos ataques da praga e possui ainda hoje em seus vinhedos o chamado “pé franco” que são videiras 100% Vitis viníferas. Agora sabemos que as Vitis americanas, mesmo não sendo ideais para a produção de vinhos de qualidade, contribuíram de forma significativa para a preservação e evolução da industria mundial do vinho. Para próxima semana falaremos dos diversos tipos de vinhos.

processo degenerativo, morrendo em pouco tempo. A Phylloxera se alimenta atacando as raízes das plantas (videiras). Diferentemente das videiras americanas as raízes das Vitis viníferas são pouco ativas e não cicatrizam com rapidez suficiente para bloquear e proteger a planta da penetração de microorganismos do solo que provocam sua decomposição A data não é certa, algumas literaturas divergem nesse sentido, mas o importante é

Renato Duarte é chef e sommelier. coluna.enogastronomia@gmail.com


www.folhaopiniao.com.br Terça-feira, 13 demaio agosto 2013 Sexta-feira, 4 de de de 2012

HORÓSCOPO O bom aspecto do Sol domiciliado em Leão com Marte em queda em Câncer é indicação de nossos sentimentos se exaltarem bastante, embora vivamos melhor estes sentimentos se agirmos com

grandeza e nobreza, mais do que lutando por nossos pequenos caprichos e manias pessoais. A natureza instintiva se impondo, como sempre, não leva a nenhum lugar muito bom. Pense o que pode ser bom para as outras pessoas e coloque nisso sua melhor motivação

ÁRIES - 21.mar a 20.abr Um dia promissor para a relação amorosa e o convívio com pessoas queridas em seu lar. Mas não fique apenas dentro de seu próprio conforto, vá fazer algo legal por alguém

LIBRA - 23.set a 22.out É tempo de encontrar novas soluções para as ações no mundo, no trabalho e diante das responsabilidades sociais. Trabalhe em prol de muitos, e não apenas de si mesmo

TOURO - 21.abr a 20.mai Mesmo que sua rotina esteja repleta de providências inadiáveis, reserve os momentos mais legais para estar com a família e fazer coisas legais para eles e junto com eles

ESCORPIÃO - 23.out a 21.nov Alguma facilidade pode livrar você de problemas no trabalho. Levante os olhos e abranja largos horizontes para encontrar as melhores soluções possíveis para o momento

GÊMEOS - 21.mai a 20.jun Momento para viver o melhor lado do convívio humano e da expressão de suas afinidades e afeições. Disponibilize o que é seu para facilitar a vida das pessoas a seu redor

SAGITÁRIO - 22.nov a 21.dez É tempo de cultivar valores nobres, para com eles conduzir sua relação com as pessoas. Também um dia para fazer sacrifícios em prol de projetos de longo prazo

CÂNCER - 21.jun a 21.jul Você pode hoje se cercar de coisas boas, que sejam de especial agrado. Cuidar de seu corpo ou dos bens que estão sob sua guarda é uma boa maneira de se sentir realizado

CAPRICÓRNIO - 22.dez a 20.jan Momento de felicidade e harmonia nas relações de amizade e junto à pessoa amada. Procure investir nas atividades e interesses conjuntos, mais do que nos de cada um

LEÃO - 22.jul a 22.ago Momento positivo para cuidar da saúde e firmar bons hábitos físicos. Não fique fixado em possíveis doenças ou problemas, atue em prol das coisas positivas que os corrijam

AQUÁRIO - 21.jan a 19.fev Bom momento para você se entender com a pessoa amada, nos interesses e desejos em comum. No trabalho, é mais importante cooperar com os outros do que fazer por si

VIRGEM - 23.ago a 22.set As relações sociais serão enobrecidas se parte do convívio humano for dedicado a ajudar as pessoas em suas limitações e dificuldades. Praticar a caridade hoje lhe será especial

PEIXES - 20.fev a 20.mar Momento para estabelecer um padrão positivo de relação com as pessoas queridas. Mais do que mostrar seus sentimentos, estes devem poder ser vividos na realidade de vocês

VARIEDADES

CRUZADAS

VARIEDADES

7


884

REGIÃO GASTRONOMIA

www.folhaopiniao.com.br www.folhaopiniao.com.br www.folhaopiniao.com.br Terça-feira, 13 de 2013 Sexta-feira, 20julho deagosto abril dede 2012 Sábado, 20 de de 2013

Atibaia promove Festa Nordestina no Jardim Imperial A Prefeitura, por meio

se reviva e celebre suas

da Secretaria de Cultura e

origens, e para que aqueles

Eventos, promove no final

que ainda não conhecem

do mês de agosto e início

as tradições nordestinas

de setembro a Festa Nor-

possam prestigiá-las, a

destina, evento que reúne

Prefeitura trará um pouco

um pouco da música, da

do Nordeste para Atibaia.

gastronomia, e das tradi-

Serão três dias de festa

ções do Nordeste brasilei-

com muito forró, além de

ro. A festa, que está em sua

outros sucessos musicais

sétima edição, acontecerá

da região, e culinária típica,

nos dias 30 e 31 de agosto

com pratos como tapioca,

e 1º de setembro, na Praça

baião de dois, acarajé, gen-

do Migrante Nordestino, no

gibrada, caldo de mocotó,

Jardim Imperial, próximo

entre outras delícias.

ao Terminal Rodoviário do

Reúna seus amigos e

bairro, sempre das 16h às

familiares e aproveite essa

23h. No Jardim Imperial

oportunidade de curtir, gra-

está concentrada a maior

tuitamente, uma amostra

quantidade de munícipes

dos costumes de Alagoas,

naturais da região Nordes-

da Bahia, do Ceará, do

te do país, que conta com

Maranhão, da Paraíba, de

nove Estados. No bairro

Pernambuco, do Piauí, do

também está o maior nú-

Rio Grande do Norte e de

mero de descendentes de

Sergipe, um pouco da gran-

nordestinos residentes em

de diversidade que ajuda a

Atibaia. Para que essa par-

dar forma à riqueza cultural

cela da população atibaien-

do Brasil.


www.folhaopiniao.com.br www.folhaopiniao.com.br Quarta-feira, 17 de julho de 2013 2013 Terça-feira, 13 demaio agosto Sexta-feira, 4 de de de 2012

GERAL

VARIEDADES

97 9

Rodoanel Norte pode ser objeto de protestos, avalia consultor Liberadas em fevereiro, as obras começaram em março e, de acordo com a Dersa, não houve atraso no licenciamento e a conclusão do trecho está mantida para fevereiro de 2016. A obra deverá custar 5,6 bilhões e terá 44 quilômetros de extensão. O Rodoanel Norte é o mais controverso trecho de todo o Rodoanel Metropolitano de São Paulo ou Rodoanel Mário Covas. O principal motivo é que uma das seções atravessa extensa área de proteção ambiental da Serra da Cantareira. O número expressivo de desapropriações também chama a atenção. A rodovia liga o Rodoanel Oeste à rodovia Dutra (que conecta as duas principais cidades do País, Rio e São Paulo), cruzando a rodovia Fernão Dias, que liga São Paulo a Belo Horizonte (SP). As obras tiveram início em março de 2013 e devem estar finalizadas até março de 2016. O prazo, porém, só será mantido se as várias ações para suspensão da obra- movidas por moradores do trecho e entidades por questões ambientais - não forem concedidas pela Justiça. "A tendência seria já ter parado, mas com as coações externas e as pressões de políticos de interesses imediatos, elas devem continuar. Porém, há hipótese da obra servir de modelo aos reivindicadores", avalia o engenheiro Luiz

Célio Bottura, consultor de engenharia urbana e ex-presidente da Dersa. "O trecho é o mais visível. Tem grandes interesses da sociedade organizada, com muita vegetação, áreas a preservar, e muitas ocupações irregulares. Isto tudo redunda numa boa caixa de ressonância", avalia. "Com certeza ficará difícil recuperar os prazos das paralisações". O trecho norte do Rodoanel terá 44 km de extensão. A rodovia passará pelos municípios de São Paulo, Arujá e Guarulhos e terá ainda uma ligação exclusiva de mais 3,6 km com o Aeroporto Internacional de Guarulhos. O investimento na construção do Rodoanel Norte é de R$ 5,6 bilhões (R$ 3,9 bilhões nas obras e R$ 1,7 bilhão nas desapropriações, reassentamentos e compensações ambientais). No total, ele terá sete túneis. Três mil famílias precisarão ser reassentadas com as obras. De acordo com Bottura, o trecho norte é o mais importante para o trafego metropolitano, "pois ao norte da mar-

ginal do Tiete não há qualquer opção viária". Ele acredita que como a obra é paga com recursos públicos, é certo que "as empreiteiras não se mobilizarão contra as paralisações". Diversas construto-

ras em consórcio estão envolvidas na obra, incluindo empresas espanholas: Mendes Júnior, OAS, Construcap, Isolux Corsán, Copasa e Acciona Infraestructuras (as três últimas são companhias espanholas).

O trecho terá quatro faixas de rolamento por sentido, do Rodoanel Oeste até a intersecção com a Fernão Dias; da Fernão Dias até a Dutra o número de faixas diminui para três em cada sentido.


10

www.folhaopiniao.com.br Terça-feira, 13 de agosto de 2013

MANUTENÇÃO E TRATAMENTO DE PISOS EM GERAL

Márcio Borges - Depto. Comercial 11 4402-7847 / 78721148 ID: 38*48372 marcio.comercial@cleantech.eco.br


Edicao 130813 issuu