__MAIN_TEXT__

Page 1

Ano XXXVII | Nº 407

Belo Horizonte, MG - Brasil • 01 a 28 de fevereiro de 2021

O MAIS TRADICIONAL JORNAL ESPECIALIZADO EM TURISMO DE MINAS GERAIS www.mgturismo.com.br | Editor: Antônio Claret Guerra

Aeroporto Internacional de BH recebe 577 mil doses de vacinas contra a Covid-19 FOTOS DIVULGAÇÃO SECOM/MG

Em um momento histórico, o Aeroporto Internacional de Belo Horizonte, em Confins, recebeu 577 mil doses da CoronaVac, vacina desenvolvida pela farmacêutica chinesa Sinovac e produzida pelo Instituto Butantan, para iniciar a vacinação em todo o estado. Após o desembarque do material, cinco profissionais da saúde foram vacinados em cerimônia realizada no terminal, com o governador Romeu Zema. Todas as demais doses foram enviadas para a Central Estadual da Rede de Frio para envio às Unidades Regionais de Saúde (URS) de Minas Gerais. “Ficamos muito honrados em receber as doses iniciais para começar a vacinação em Minas Gerais e, mais ainda, pela aplicação ter começado no aeroporto. Desde o início da pandemia do coronavírus, estamos mobilizados em prevenir e combater a doença. A vacina é uma injeção de esperança e ânimo que contribui para dias muito melhores”, ressalta Nicolau Maranini, gestor de Marketing, Comunicação e Ouvidoria da BH Airport.

Avião da Azul pousa em Confins com a Vacina CoronaVac

são profissionais do Hospital Eduardo de Menezes. Thiago Libério é técnico em enfermagem, Adileia Pereira de Jesus Cardoso, de 52 anos, é enfermeira do CTI, Moisés Alves Senra, de 39 anos, é fisioterapeuta respiratório no CTI do hospital, assim como a médica Teresa Gamarano Barros, de 37 anos, asmática, é coordenadora do CTI do hospital. Governador Romeu Zema acompanhou pessoalmente todos os procedimentos em Confins

Certificação pela Anvisa O Terminal de Cargas do Aeroporto Internacional de Belo Horizonte é reconhecido pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) por atender as Boas Práticas de Armazenagem, conforme diretrizes da Resolução 346/02.

A técnica em enfermagem Maria do Bonsucesso Pereira, de 57 anos, foi a primeira mineira a ser vacinada contra a Covid-19 durante a cerimônia no aeroporto. Além dela, outras quatro pessoas receberam a vacina na noite passada. Todos

A técnica em enfermagem Maria do Bonsucesso Pereira, de 57 anos, foi a primeira mineira a ser vacinada contra a Covid-19 durante a cerimônia no aeroporto

A certificação comprova que o Terminal de Cargas cumpre todos os requisitos para receber cargas sujeitas ao controle da instituição, sobretudo no atual momento de pandemia do coronavírus. A certificação reforça a estratégia do aeroporto em oferecer serviços de qualidade com eficiência e atendimento customizado por meio de soluções logísticas integradas para o mercado.


2

Belo Horizonte, MG - Brasil • 01 a 28 de fevereiro de 2021

M I N A S

G E R A I S

Maria Elvira homenageia Jornalista Antônio Claret Guerra Pouco antes de viajar a São Paulo, para passar o Natal com os filhos e o netinho Guilherme, Suely e o jornalista Antônio Claret Guerra, Diretor-Geral do JORNAL MG TURISMO, foi homenageado com um delicioso almoço , regado a bons vinhos espanhóis, argentinos e chilenos, por Maria Elvira Salles Ferreira. O encontro foi na bela vivenda da ex-deputada federal e ex-secretária de Turismo de Minas Gerais, nas margens da Lagoa da Pampulha.

FOTOS ARQUIVO PESSOAL

Enoteca Brasileira Ludmila Rettore Tamietti

Vinhos de altitude Tenho sustentado que o Brasil vitivinícola vive, hoje, um momento muito especial. Na coluna dessa edição, vamos falar um pouco da Abreu Garcia, bela e acolhedora Vinícola de Santa Catarina.

Antônio Claret Guerra com sua amiga desde os tempos de jovens universitários na UFMG

Uma das regiões de clima mais frio do Brasil, as regiões de altitude de Santa Catarina têm sido palco de uma linda e rica produção, se destacando no cenário nacional e internacional. O clima frio da altitude alonga o ciclo produtivo, possibilitando uma maior concentração, maturação mais longa e equilíbrio dos compostos fenólicos das uvas (sim, aqueles que fazem bem à nossa saúde, devido às suas propriedades antioxidantes).

Abreu Garcia

Convidados de Maria Elvira no almoço na Pampulha

Mensagem para a ABRAJET-MG Ao ser admitida como sócia da Abrajet-MG, Maria Elvira postou no Whatsapp a mensagem abaixo: Obrigada caros amigos e companheiros de compromisso com o Turismo de Minas. Amo o nosso estado e tenho claro pra mim que o Turismo é uma maneira perfeita de nos desenvolvermos através de uma atividade que é transformadora, construtiva e sustentável quando bem direcionada, planejada e executada. Viajei muito, conheço todos os estados brasileiros e 103 países do mundo. Não há (e me perdoem se eu parecer pretenciosa) como estar enganada: sei do que o Turismo é capaz de provocar num país. Vi Portugal, por exemplo, antes e depois do boom do Turismo. É abismal a diferença !!!! Estudei em Lisboa em 1972 por quase um ano. Era um país provinciano.. O Turismo chegou após a Revolução de Abril e seus Cravos. Que destino turístico maravilhoso souberam desenvolver !!!! Vamos hoje e babamos. Que delícia, que gentileza, que encantamento! Quando estive em Guimarães, 1ª vila de Portugal em 72, nada tinha a ver com a linda Guimarães que vimos em 2014.... Dá gosto, Amigos !!!!! Fica essa reflexão. Estaremos juntos Presidente Zé Aparecido. Obrigada pela visita hoje e pelo convite. E a empresária Dalva Camilo (Villa Campagna em Juatuba) estará conosco também. (almoçamos hoje todos juntos). É uma empreendedora incrivel.

Localizada na Fazenda Campo Belo, em Campo Belo do Sul, Serra Catarinense, em meio aos vinhedos situados a 950 metros de altitude, há ainda um milenar sítio arqueológico do século XV, patrimônio nacional e uma belíssima capela. A Vinícola surpreende pela beleza do local e qualidade de seus espumantes e vinhos. Nesse ambiente mágico se dá o cultivo das variedades merlot, malbec, pinot noir, cabernet sauvignon, sauvignon blanc, chardonnay e vermentino. A Vinícola coleciona diversos reconhecimentos e importantes premiações, com destaque a medalha GRAND GOLD (Wines of Brazil AWARDS) recebida pelo Espumante Blanc de Blanc Nature Tradicional, safra 2015, que marcou 91 pontos e é o único espumante catarinense no guia Descorchados. Aqui em Minas, você pode encontrar os produtos da Abreu Garcia no Restaurante Topo do Mundo, na Torre Ata Vila em Nova Lima, e na @enotecabrasileira, com entrega em BH e Região metropolitana. Com vistas do horizonte, e inesquecível pôr do sol, a Vinícola Boutique Abreu Garcia recebe os enoturistas em charmosa instalação, para degustação dessa linda história que se consolida dia a dia na arte de produzir vinhos e espumantes memoráveis. Saúde! DIVULGAÇÃO

Vinícola Abreu Garcia Endereço: BR 282 km 266 - Fazenda Nova Dela Costa, S/N, Interior, Alto Travessão, Campo Belo do Sul – SC Nesse período de pandemia, estão atendendo com agendamento para visitas e Happy-hours pela Central de Reservas. Telefone: (+55) 48 3322-3995 | www.abreugarcia.com.br

@enotecabrasileira

Enófila apaixonada por vinhos brasileiros, advogada, descendente de italianos, Gestora do Restaurante "Topo do Mundo" e Enoteca Brasileira


3

Belo Horizonte, MG - Brasil • 15 de dezembro de 2020 a 15 de janeiro de 2021

CÉU DE BRIGADEIRO A N TÔ NI O CLARET G UERRA | De Belo Horizonte | MG • claret.mgturismo@uol.com.br

Diretora Internacional da ABRAJET Arilda Costa McClive é uma pessoa bastante conhecida na comunidade brasileira nos Estados Unidos, principalmente nos Estados de Connecticut e Nova York onde atua como Jornalista e fotógrafa profissional. Atua também na área de artes plásticas como curadora. Escreve artigos na área de cultura, entrevistas e artes para o Brazilian Times Newspaper além de manter a sua coluna social relatando os últimos acontecimentos sócio-culturais em Manhattan (NY). Carismática por natureza esta brasileira é também ativa e engajada nas causas sociais que abrangem os muitos problemas vividos pelos imigrantes. Ela em seus 20

ARQUIVO PESSOAL

anos de América vem marcando presença e fazendo história dentro da comunidade em que vive. Sua competência não termina por ai. Formada em Relações Públicas, é autodidata e domina fluentemente três idiomas: inglês, português e italiano. Entre muitas de suas muitas paixões está o amor pela arte, sendo também a representante do artista Russo, Alexander Sergeef “Sasha” nos USA. Arilda é cativante como pessoa, enérgica, comunicativa, e dentro de seus muitos serviços comunitários, ela permanece sendo um exemplo a ser seguido.

Príncipe e princesa Alexander recebem o casal Arilda e o empresário Colin McClive, em Belgrado, na Bulgária

Adeus ao Deputado Fábio Avelar (Covid-19) Lamento muito esta triste notícia! Servidora Efetiva da Assembleia Legislativa de Minas Gerais, Suely Calais Guerra teve o privilégio de servir no Gabinete do correto, educado e eficiente Deputado, eleito sempre com grande votação dos mineiros. Meu amigo Fábio Avelar, ex-diretor da COPASA, foi presidente da Comis-

são de Turismo da ALEMG, quando Suely, já Aposentada, foi convocada por ele para sua principal Assessora naquela Comissão. Sempre prestigiou e compareceu ao Prêmio MG TURISMO e Troféu Mulher Influente, tradicionais eventos do JORNAL MG TURISMO (realizados por Suely) ao longo de 30 anos.

DIVULGAÇÃO/ ALEMG

Chegou a fazer algumas viagens conosco, uma delas ao Congresso da ABAV, em Salvador. Por indicação do Deputado Fábio, recebi algumas das maiores Condecorações de Minas, as Medalhas Santos Dumont e Mérito Legislativo da ALEMG. Que Deus o tenha entre os eleitos!

Jornalista Profissional Diplomado pela UFMG (MT 2142), Mestre em Administração, MBA em Gestão Empresarial

João Pessoa, na Paraíba, ganha o bar mais alto do Nordeste Com 145 metros de altura e 400m², Skybar fica localizado no Tour Geneve, no Altiplano DIVULGAÇÃO SKY

A capital paraibana acaba de ganhar o bar mais alto do Nordeste. O Skybar, localizado no Tour Geneve, no Altiplano, considerado também o segundo mais alto do Brasil, foi pensado em cada detalhe para proporcionar uma experiência única de lazer a 145m de altura e 400m². O rooftop já é o novo point da cidade, onde as pessoas podem viver momentos descontraídos com a família e amigos. Idealizado pela TWS Empreendimentos, pelo chef de cozinha Houston Pina e os publicitários Douglas Sant’Anna e José Werkley, o espaço abriu as portas em dezembro de 2020. Em um ambiente despojado e elegante, o local oferece bons drinks e petiscos com uma vista exclusiva, do litoral ao pôr do

glas Sant’Anna, um dos sócios do bar, a receptividade do público está sendo surpreendente. “Estamos muito felizes em notar a receptividade do público com a ideia de unir experiência gastronômica com a melhor vista da cidade. É uma experiência única, sem dúvidas”, celebra Douglas. O bar tem obra assinada pela EDF Construtora e tem o engenheiro Marco Antônio Guimarães como responsável.

Deslumbrante vista do Bar Sky, no 44o. andar do mais alto edifício de João Pessoa

sol do Jacaré. Em um espaço ao ar livre, o SkyBar conta com poltronas, sofás e grama sintética na varanda, garantindo

SkyBar Tour Geneve Horário: De quarta à domingo, das 16h até 00h. Localização: Complexo Tour Geneve - R.

um espaço despojado para os clientes admirarem a paisagem enquanto degustam o cardápio. De acordo com Dou-

Maria das Dores Souza, 81, 44º andar, no Altiplano Valor da entrada: R$ 20

Com menu especial assinado por Houston Pina, o bar tem pratos e drinks com opções a partir de R$9,90. No local, é possível conferir música ambiente e atrações musicais, de acordo com a programação. Os ingressos custam R$20 por pessoa. O Skybar Tour Geneve funciona de quarta a domingo, das 16h às 00h. O rooftop fica no Complexo Tour Gèneve, localizado na Rua Maria das Dores Souza, 81, no Altiplano Cabo Branco.


4

Belo Horizonte, MG - Brasil • 01 a 28 de fevereiro de 2021

I N T E R N A C I O N A L

Easter Airlines inicia operações em Confins para três destinos Datas para início dos voo: Boston, 30/05; Miami, 31/05 e NYC 01/06 ANTÔNIO CLARET GUERRA DE PHILADELFIA, PENSILVÂNIA (EUA), PELO WHATSAPP

Em linha com o compromisso da Eastern em oferecer serviço sem escalas para mercados mal atendidos em todo o mundo, a transportadora renomeada continua a se expandir, apesar dos desafios que a indústria da aviação está enfrentando durante a pandemia de Covid-19. Seguindo os esforços de repatriação da Eastern, que voltaram com segurança para casa 31.000 passageiros retidos, a companhia aérea facilitou o retorno ao serviço regular.

A Eastern está se adaptando rapidamente à crescente demanda nos mercados em que atende, bem como em novos mercados inexplorados. A programação recém-anunciada inclui voos aumentados de hubs pré-existentes de Miami (MIA) e Nova York (JFK) com a adição de hubs na Filadélfia (PHL) e Boston (BOS). A Eastern está se expandindo de forma mais significativa na América Latina. Eastern Airlines é atualmente oferecendo 2 malas despachadas GRATUITAS, de até 70 lbs., em todas as rotas com todas as tarifas.

Na bagagem do Nordeste Rogério Almeida De João Pessoa | PB • rogerioalmeidaturismo@yahoo.com.br

Secretário de Turismo Com mais de 17 anos no ramo da hotelaria, o empresário paraibano e CEO da Rede Nord de Hotéis, Daniel Rodrigues de Lacerda Nunes, foi nomeado pelo prefeito eleito Cícero Lucena, como o novo Secretário de Turismo de João Pessoa, o prefeito eleito atendeu ao pleito do trade turístico que fosse indicado um nome do setor e não um politico. DIVULGAÇÃO

Michel Targino, Secretário de Turismo Daniel Rodrigues e Patrícia Cantalice

Os 10 melhores O chef paraibano Cumpade João da Casa do Cumpade, em Galante (PB),foi escolhido como uma das 10 personalidades profissionais do Brasil em 2020, pelo Instituto Multidisciplinar, presidido por Geraldo Guerra. DIVULGAÇÃO

Chef Cumpade João

20 anos

31 2516 0505 UNID. OURO PRETO 31 3243 9351 UNID. FUNCIONÁRIOS

Em comemoração aos 20 anos da Yes! Cosmetics, foi lançado o Deo Parfum Ametista, que segundo o presidente da marca, Cândido Espinheira é uma fragrância feminina que homenageias esta pedra preciosa e duas décadas da empresa.

DIVULGAÇÃO

Cândido Espinheira

Fundador da ABRAJET-PB, Doutor na Espanha em Ciência da Comunicação, Professor Titular da Universidade Federal da Paraíba (UFPB)


5

Belo Horizonte, MG - Brasil • 15 de dezembro de 2020 a 15 de janeiro de 2021

VOO PANORÂMICO SU E LY CALAI S | De Belo Horizonte | MG • suely.mgturismo@uol.com.br

Amigas da Estrada Real Estivemos no fim de semana em Prados (Bichinho). Tiramos as máscaras para essas fotos, fizemos uma linda caminhada na Serra de São José, fomos anfitrionados por Cida Guimarães, dona da Pousada do Bichinho, também membro das Amigas da Estrada Real (ex-Caminhantes). Maravilhoso destino. Essa Gakeris Comercial é do João Bartolomeo (Família Tambasa) que almoçou conosco. Cresceu demais, lindo vilarejo

Acervo do JORNAL MG TURISMO

FOTOS DIVULGAÇÃO /AMIGAS DA ESTRADA REAL

Grupo feminino na chegada a Bichinho

Vitória Bastos na cozinha preparando gostosuras

SUELY GUERRA

Escultura em mármore de Carrara por Marco Aurelio Guimarães, denominada "Auto-Escultura" está na Galeria do JORNAL MG TURISMO, na sede própria na Savassi. O texto, sobre a grandiosa obra do artista foi publicado no "MG" e é de autoria de Rogério Zola Santiago.

Grupo de Amigas da Estrada Real (antiga Caminhantes da Estrada Real), liderado por Maria Elvira

Nas palavras do famoso artista: “o conceito dessa peça nos remete à constante construção do homem por si mesmo, do aprimoramento, da cultura, esculpir-se a cada dia. Por isso o nome Auto-Escultura”.

Bela peça em mármore de Carrara

Jornalista Profissional (MT 8713), Diretora de Expansão do JORNAL MG TURISMO, sócia-cotista da Tour Press

NATAL EM SÃO PAULO (SP)

JORNAL MG TURISMO no Eataly FOTOS DIVULGAÇÃO/EATALY

Na viagem a São Paulo para o Natal, os diretores do JORNAL MG TURISMO, Suely e Antônio Claret Guerra, foram conhecer e almoçar em um Restaurante internacional e ponto turístico da Capital paulista, o famoso italiano Eataly. O nome Eataly nasce da fusão de duas palavras: EAT, comer, e ITALY, Itália, em inglês. A ideia por trás do Eataly é muito simples: reunir todos os alimentos. Tudo começou em 2007, com a abertura do primeiro Eataly em Turim, na Itália. Deu tão certo, que hoje são 38 lojas pelo mundo, espalhando as delícias e as tradições da gastronomia italiana. Em 2015, abriu o primeiro Eataly da América Latina, em São Paulo, local que reúne o maior número de italianos fora da Itália. Por

Frase na camiseta de garçom

Prédio do Eataly, no aristocrático bairro da Vila Olímpia

aqui, reunimos o melhor da gastronomia italiana em 4.500 m², mais de 8 mil produtos, 6 restaurantes, cafeterias, confeitaria, sorveteria, bar de vinhos e muito mais.

comercializando apenas ovos cage free, ou seja, todas as receitas e os ovos comercializados na nossa loja em São Paulo são de galinhas livres de gaiola.

O Eataly tem o compromisso de oferecer produtos que respeitam a legislação e as boas práticas em todas as etapas da cadeia produtiva. Escolhemos cuidadosamente os nossos fornecedores, utilizando e

Estão também planejadas lojas em: Boston, Hong Kong, Londres, Century City, Cidade do México, Moscou, Nova Iorque (segunda loja), Paris, Filadélfia, Rio de Janeiro, Sydney, Toronto, Washington D.C.

Suely e Antônio Claret Guerra se deliciam com a comida italiana, antes da foto usavam máscaras

www.eataly.com.br Av. Pres. Juscelino Kubitschek, 1309 – Vila Olímpia, São Paulo – SP


6

Belo Horizonte, MG - Brasil • 01 a 28 de fevereiro de 2021

N A C I O N A L

Festivais inspirados na Itália são sucesso no Eataly o Eataly, maior centro gastronômico italiano do Brasil, vai realizar quatro festivais com diferentes temas e promover uma verdadeira viagem aos principais destinos da Itália. Estarão presentes os chefs da casa, dentre eles José Barattino, e aclamados chefs convidados, que irão compartilhar seu conhecimento sobre pratos e ingredientes típicos do país. Os festivais fazem parte da campanha "Un Giorno in Italia", que tem como objetivo proporcionar aos clientes Eataly uma verdadeira viagem pelas prestigiadas cidades italianas, como Milão, Roma, Florença e Nápoles. A viagem começa em Milão, muito famosa pelos risotos. Por isso, nos dias 22, 23 e 24 de janeiro, acontece o Festival del Risotto, onde chefs da casa e convidados participarão de um fórum especial, oferecendo dicas e dividindo experiências sobre a gastronomia milanesa no instagram do Eataly. Os chefs Ygor Lopes e Walkyria Fagundes, do premiado AE! Cozinha, são alguns nomes já confirmados para a ocasião. De 5 a 7 de fevereiro, o grande foco será a capital Roma, com o Festival della Pasta. A viagem segue então para Florença, conhecida pelos pratos à base de carne. De 19 a 21 de fevereiro, acontece no Instagram do Eataly o Festival della Carne, com receitas, workshops com especialistas e muito mais. O tour italiano se encerra em Nápoles, com o Festival della Pizza, de 5 a 7 de março, onde o foco será um dos pratos mais clássicos da gastronomia italiana, a pizza. A programação completa com todos os convidados será divulgada em breve. A campanha "Un Giorno in Italia" inclui também outras atrações além dos festivais. Ela acontece de

Tocando o mundo Susanna Elita De Natal (RN) • susannalima23@hotmail.com DIVULGAÇÃO/FACEBOOK

Rita de Cássia A cidade de Santa Cruz é famosa no Rio Grande do Norte pelo turismo religioso devido ao Alto de Santa Rita de Cássia, um santuário com um monumento de 56 metros em homenagem à padroeira que é considerado a maior imagem católica do mundo.

A famosa pizza e excelentes vinhos italianos

O município - que fica a 115 quilômetros da capital, Natal - tem outros atrativos além do religioso. Para identificar o potencial e estimular o desenvolvimento dos negócios da região, diversas agencias de viagens, criaram, pacotes para cada tipo de público. O Sebrae foi ainda mais longe, firmando parceria com a prefeitura local na criação de um roteiro turístico para toda a região de Santa Cruz e proximidades. O projeto conta com o envolvimento de mais de 40 empresários dos municípios da região, entre eles proprietários de hotéis, pousadas, bares e lanchonetes, taxistas e agentes de viagens. Santa Cruz tem potencialidade favorável ao turismo devido à presença de museus, cachoeiras, espaços culturais e outros monumentos, que vão além do aspecto religioso. A ideia foi agregar valor aos visitantes e novas opções de lazer em localidades próximas ao santuário, o que também fomentou crescimento nos negócios e empreendimentos dos empresários da região. Com as opções de roteiros diversisifcados, a identidade de Santa Cruz foi fortalecida, incentivando o empreendedorismo, a criação de novos negócios e a expansão dos que já existiam.

Clássico Spaghetti alla Carbonara - Massa seca de Gragnano, guanciale, gemas, Pecorino Romano, Grana Padano e pimenta-do-reino

Desde a sua inauguração, o Alto de Santa Rita tem registrado mais de 100 mil visitas, chegando a contabilizar, em média, três mil visitantes a cada fim de semana. Número que triplica em datas especiais do calendário religioso, como Semana Santa e Natal. A passagem de turistas de todos os estados do País e de outras nacionalidades ajudou a modificar o perfil da cidade. Após a construção do complexo, o número de leitos em Santa Cruz deu um salto e hoje soma 412 leitos. Não perca tempo e já programe sua viagem ao Alto de Santa Rita. DIVULGAÇÃO

Tagliatelle al Ragù di Ossobuco

11 de janeiro a 7 de março, tendo duas semanas dedicadas a cada cidade italiana selecionada. Além dos festivais nos fins de semana, ainda serão realizadas lives no Instagram do Eataly com os chefs da casa durante o período da ação. Também será possível aproveitar pratos típicos das regiões nos restau-

Eataly www.eataly.com.br Endereço: Av. Pres.Juscelino Kubitschek, 1489 - São Paulo

rantes Eataly e, ainda, um novo restaurante pop-up a cada duas semanas, com cardápios exclusivos que celebram os destinos mais famosos da Itália. Também será feita a venda de kits para cozinhar as refeições típicas em casa, com todos os ingredientes selecionados e uma aula grátis do Chef José Barattino.

Horário de funcionamento: Segunda a Domingo das 10h às 22h Telefone: (11) 3279-3300 Instagram: @eatalybr

Susanna Elita é representante da Pharaoh Touch Worldwide no Brasil, especialista em turismo, Bacharel em Administração e Consultora de Estratégia de Negócios


7

Belo Horizonte, MG - Brasil • 15 de dezembro de 2020 a 15 de janeiro de 2021

NO CLICK E DY FE RNAND ES | De Belo Horizonte | MG • edyfernandesbh@terra.com.br

Rivane Araújo, George Costa

Lili Miarelli

Juliane Kessia

Caroline Garcia

Izabela Pires

Cláudia Bezerra

Giselle Said

Virginia Alves

Isabela Guerra, Ana Terra Lima

Lara Cabral

Túlio e Cláudia Karina Palhares

Juliana Lima

Repórter Fotográfico dos mais destacados em Minas Gerais, integrante da ABRAJET-MG

NATAL EM SÃO PAULO (SP)

JORNAL MG TURISMO no Baião Restaurante Nordestino DIVULGAÇÃO/BAIÃO

Já em Belo Horizonte, após passar o Natal em São Paulo apenas com contato com familiares, respeitando as normas sanitárias e distanciamento social, Suely e o jornalista Antônio Claret Guerra fizeram uma experiência gastronômica brasileira: almoçarem no famoso e tradicional Restaurante Baião Cozinha Nordestina, que fica no sofisticado Bairro do Pacaembú.

Ao entrar no ambiente o cliente encontra a baiana e no tabuleiro os famosos acarajés. Um bar de pau a pique separa o salão principal do palco para apresentações ao vivo. A decoração típica se completa com as vestimentas dos garçons caracterizados de Lampião e Maria Bonita.

Baião Restaurante Nordestino Instalado em um casarão na Rua Traipu, no bairro do Pacaembu, região central de São Paulo, em um ambiente folclórico, nasce em 2015, o Restaurante Baião Cozinha Nordestina. José Lourenço Junior, filho de nordestinos, queria homenagear a terra de seus pais por meio da gastronomia, representando os nove estados – do mar ao sertão – com pratos fartos e bem apresentados. A música que sempre fez parte da tradição familiar, teve no estilo Baião e que embala e alegra o ambiente, a inspiração para o nome da casa. Com um cardápio vasto o Restaurante Baião Cozinha Nordestina serve de segunda a domingo os famosos Baião de 2, Moqueca e ensopados, Acarajé, Carne de sol, Carne seca na nata, Rabada, Feijão de corda, Bobó de camarão, Frutos do mar, entre ou-

tros. Totalmente ambientada com ícones regionais, logo na entrada o cliente já se depara com boneco gigante de um cangaceiro.

Vista interna do restaurante

Um gigante cangaceiro na fachada compõe a paisagem que convida os clientes para uma experiência nordestina raiz. Essa é a sensação de entrar no Restaurante Baião Cozinha Nordestina. Na recepção, uma tenda de acarajé com uma baiana caracterizada é parte da casa que, sem exageros, pode ser reconhecida por sua temática. Nas paredes, quadros de nordestinos conhecidos nacionalmente e fora, reafirmam o orgulho nordestino que também pode ser visto nos enfeites das mesas, no palco em formato de sanfona e no bar de pau-a-pique.

Na cabeceira da mesa, o garotinho Guilherme (18 meses), com os pais Lívia Calais Guerra e Marcelo Ribeiro e os avós Suely e Antônio Claret Guerra

Endereço Rua Traipu, 91, Pacaembu – São Paulo (11) 4306.2078


8

Belo Horizonte, MG - Brasil • 01 a 28 de fevereiro de 2021

O P I N I Ã O

TOUR PRESS JORNALISMO LTDA FILIADO A

ESCRITÓRIOS COMERCIAIS BRASÍLIA Bridge & Insight Comunicação e Propaganda

MG

Fernando Braga (61) 98112 2227 fernando@bridgepropaganda.com.br CNPJ 21.612.775.0001-98 Insc. Estadual 062.131218.00-55 Insc. Municipal 339813/001-3

Marca Registrada no I.N.P.I. sob o n° 816392529 de 25/05/93

BAHIA, SERGIPE, ALAGOAS, PERNAMBUCO, PARAÍBA, RIO GRANDE DO NORTE E CEARÁ Engenho de Mídia Luciano Moura (81) 99939-0235 (81) 3126-8181

Késia Ferreira (61) 3321 4304 comercial@bridgepropaganda.com.br

*O jornal não se responsabiliza pelos conceitos emitidos pelos artigos e assinados, que são da responsabilidade de seus autores, não refletindo, necessariamente, a opinião do jornal.

Lembrando 1970, o País de todos ABELARDO JUREMA

Estávamos em 1970, em pleno regime militar no governo do presidente Médici, quando votei pela primeira vez. Acabara de completar 18 anos e o país vivia a euforia da conquista da Copa do Mundo e eu iria fazer minha estreia como eleitor. As eleições eram para deputado estadual, deputado federal e senador, já que, naquela época, o governador era escolhido, indiretamente, pelas Assembleias Legislativas indicados, naturalmente, pelos militares que exerciam o Poder. Haviam apenas dois partidos: a Arena que representava o Governo, e o MDB, que reunia as forças de oposição, onde despontavam nomes como Ulysses Guimarães, Humberto Lucena, Orestes Quércia, Franco Montoro, Tancredo Neves e outros políticos que comandavam a resistência à opressão e ao arbítrio e simbolizavam a luta pela democrática que ganha-

va força no país. Filho de político cassado, que amargara quatro anos de exílio, era natural que me inclina-se pelos candidatos oposicionistas. Embora não fosse um militante, temendo represálias – a família Jurema vivia sob permanente vigilância dos órgãos de repressão – assistia com interesse à propaganda político-partidária pela televisão, para inteirar-me das propostas dos candidatos. Afinal, encarava a responsabilidade do voto – a minha primeira manifestação expressa de cidadania – com grave seriedade. Para mim, era como se eu tivesse a possibilidade de reagir diante da injustiça que se abatera sobre a minha família, que vivia praticamente acuada no apartamento da Rua Gastão Bahiana, em Copacabana, onde os filhos do ministro Abelardo Jurema eram visto com

curiosidade e certa reserva pelos vizinhos. No dia da eleição, votei “fechado” na chapa do MDB, em Nelson Carneiro, Danton Jobim e Benjamim Farah, para o Senado; em Lisâneas Maciel, para deputado federal, e Miro Teixeira para deputado estadual. Todos se elegeram. Desta vez, atingido pela covid-19 – testei positivo na última segunda-feira – não pude comparecer à minha secção eleitoral para votar em Cícero Lucena, como era o meu desejo, e exercer o direito cívico e sagrado de de quem tem compromissos com a coletividade. Em isolamento social, determinado por orientação do médico Túlio Petrucci, permaneci em casa acompanhando o desenrolar da apuração pela televisão. Ao final, os resultados me encheram de esperança. As urnas revelaram que o povo brasileiro

está farto de intrigas e intolerâncias; de bravatas e ameaças; de radicalismos ideológicos, sejam de esquerda ou de direita. Candidatos do centro, equilibrados e sensatos, que entendem a necessidade de governar para todos e não apenas para os seus apoiadores; sem discriminações e preconceitos e sem alimentar ódios e rancores, formaram expressiva maioria na preferência dos eleitores. As eleições municipais acenderam uma luz no fim do túnel. E sinalizaram que, em 2022, nós possamos estar livres da tutela de um governo sectário, opressor, beligerante e impositivo; que tem fomentado o confronto, a discórdia e a desídia; e que iremos reaver o Brasil, que já tivemos e que todos almejamos; de um só povo, uma só raça, um único sentimento de amor e esperança, como um país livre, feliz, democrático e soberano.

Abelardo Jurema é o principal Colunista Social de João Pessoa(PB), filho do saudoso ministro da Justiça (Governo João Goulart - 1962-1964), ex-presidente da Abrajet-PB


9

Belo Horizonte, MG - Brasil • 01 a 28 de fevereiro de 2021

O P I N I Ã O

O mais tradicional jornal especializado em turismo de Minas Gerais DIRETOR-GERAL E EDITOR

Fundado em 22/10/1986

Antônio Claret Guerra Jornalista MG 02142/JP claret.mgturismo@uol.com.br

Endereço: Av. Cristóvão Colombo, 519 - sl. 102 Telefones: 3282 - 2666 Belo Horizonte - Minas Gerais - Brasil | CEP: 30140-140 www.mgturismo.com.br

DIRETORA DE EXPANSÃO Suely Calais Guerra Jornalista MG 08713/JP suely.mgturismo@uol.com.br

FUNDADORES

CORRESPONDENTE EM PORTUGAL Cristian Damaceno

Antônio Claret Guerra Ênio Fonseca (in memorian) Elber Monteiro de Castro Araújo (in memorian)

GERENTE-GERAL

EDITOR DE CONTEÚDO DIGITAL

Rafael Lobato

Mozart Dias Borburema Júnior

CONSELHO EDITORIAL

DIAGRAMAÇÃO / PAGINAÇÃO Fatine Oliveira

Cristiane Nobre (MG) João Carlos Amaral - (MG) Nilton Guedes (PA) Rafael Lobato (MG) Rogério Almeida (PB) Rogério Zola Santiago (MG) Rosilene Campolina (MG) Sérgio Neves (MG)

DIRETOR DE RELAÇÕES PÚBLICAS Henrique Campos

PROJETO GRÁFICO Fatine Oliveira

DEPARTAMENTO COMERCIAL 31-99336-1235

Turismo: Hora de planejar LEÔNIDAS OLIVEIRA

Diversos setores econômicos têm sido profundamente afetados pela crise econômica decorrente da Covid-19, mas o turismo é, de longe, um dos mais atingidos. Segundo dados do observatório do Turismo de Minas Gerais, o estado acumulou, de março a outubro de 2020, uma perda da ordem R$ 20,24 bilhões no setor. Sinais de uma retomada gradativa começaram em agosto, após promoção do projeto Minas para Minas, do Governo do Estado, se estendendo para os meses seguintes. O fluxo de turistas em outubro aumentou, atingindo o número de 448.198 pessoas, porém ainda 60,56% menor se comparado ao mesmo período em 2019. No entanto, foi o primeiro mês em que o saldo de contratações formais no setor foi positivo, atingindo o número de 3.153 novas vagas preenchidas, sobretudo no interior que, em alguns momentos, registrou 100% de ocupação dos meios de hospedagem nos principais destinos de Minas. O problema maior, e que se agrava a cada dia, está em Belo Horizonte, que possui tradicionalmente turismo de negócios e eventos. Num mundo cada vez mais on-line, é preciso rever esse posicionamento. O Estado propôs, então, o Circuito Turístico Liberdade e está estruturando, juntamente com o trade, diversas rotas, das quais podemos citar a da Cerveja, da Cozinha Mineira e de Cultura. Pampulha é Patrimônio da Humanidade e precisa ser compreendida também como um produto turístico. Dados mostram que a taxa média de ocupação hoteleira em Belo Horizonte foi de 41,17% em novembro do ano passado, sendo a maior taxa desde março, mas ainda 30% abaixo da média para o mesmo período em 2019. Neste momento, a chegada da

vacina contra o coronavírus traz também outra reflexão importante: como reconquistar a confiança do consumidor, visto que as expectativas dos clientes mudaram. Hoje, a saúde e a segurança são os aspectos mais relevantes na tomada de decisão para uma viagem. Uma experiência sem contato é esperada e o papel de personalizar e simplificar processos de atendimento ao cliente, dentro dos meios de hospedagem, será fundamental. Um exemplo de como se diferenciar em um ambiente de demanda restrita. Por outro lado, as novas tecnologias, o uso avançado de dados, automação de processos e de negócios serão fundamentais para que as empresas do setor operem de forma muito mais eficiente, com muito mais flexibilidade na escala de seus negócios, e possam melhor atender seus clientes. Pesquisa recente do Expedia Group mostrou que sete em cada dez viajantes se sentem mais seguros em viajar nos próximos 12 meses se puderem contar com flexibilidade, seguro e proteção em viagens, bem como facilidades para cancelamentos e reembolsos. Vale destacar ainda a Criatividade. O setor é forçado a aumentar sua criatividade e abordar novas formas de fazer negócios. Com o surgimento do teletrabalho, os hotéis têm uma grande oportunidade de usar seus espaços como um produto flexível de trabalho para os cidadãos, por exemplo. Por trás desses elementos está a estratégia com a qual nós, do Estado de Minas Gerais, devemos atuar no mercado, explorando uma oferta mais rica de experiência, usando nosso valor cultural, como, por exemplo, a cozinha mineira e nossas paisagens, sejam elas das ci-

Leônidas Oliveira é Secretário de Estado de Cultura e Turismo de Minas Gerais

dades históricas, do cerrado ou das águas que permeiam nosso território. É importante ter uma visão otimista para o setor, visto todo o represamento de viagens, encontros, experiências, mas também estar preparado para todos os cenários possíveis. E uma certeza, para se recuperar o mais rápido possível e não depender tanto de fatores externos: o setor turístico deve ser

transformado o suficiente para se vender. Com ou sem pandemia. Entre as iniciativas do Governo de Minas para os próximos dias está o lançamento do projeto “Minas para o Brasil”, em parceria com operadoras, receptivos, bares e restaurantes. Depois, quando tivermos mais segurança, o “Minas para o Mundo”. Tudo isso permeado com ampla promoção em todos os meios disponíveis e com investimentos já assegurados.


10

Belo Horizonte, MG - Brasil • 01 a 28 de fevereiro de 2021

N A C I O N A L Notícias da Amazônia

NATAL EM SÃO PAULO (SP)

Consulado Mineiro: quem te conhece não esquece jamais O Consulado Mineiro da Praça Benedito Calixto, é conhecido pelos seus pratos fartos e saborosos, a preços convidativos e, ainda, pelo apoio que dá, desde sua fundação, em 1991, à cultura da cidade. É frequentado por artistas, jornalistas, empresários, turistas brasileiros e estrangeiros e, claro, clientes em geral. Chega a apoiar mensalmente entre quatro e seis espetáculos, peças e exposições. Os sócios e funcionários são quase na totalidade da pequena cidade mineira de Senador Firmino, próxima a Ubá, na Zona da Mata. A casa abre de terça a domingo, das 11h45 às 22h. O mesmo horário vale para o delivery. Entre os pratos do cardápio, destaque para o Zona da Mata (carne-de-sol na manteiga, tutu, couve, mandioca frita e arroz – R$ 126,00), Feijão Tropeiro (lombo, tropeiro, couve, torresmo e arroz – R$ 115,00); Leitão à Pururuca (leitão, tutu, farofa, couve e arroz – R$ 136,00), Mexidão (arroz com carne-de-sol, lombo, feijão, couve e ovo, com acompanhamento de torresmo e banana à milanesa – R$ 126,00) e Feijoada Especial (carnes nobres, couve, farofa, torresmo, laranja e arroz – R$ 136,00), que pode ser pedida todos os dias da semana. Os pratos são para duas pessoas muito bem servidas, mas normalmente servem tranquilamente até três. Há pratos executivos no almoço e jantar, de terça a sexta-feira (de R$ 34,00 a R$ 41,00) e as famosas porções, como Mandioca com Torresmo (R$ 31,00), Bolinho de Mandioca recheada com carne-de-sol (R$ 34,00), Bolinho de Arroz com Parmesão (R$ 30,00), Pasteizinhos (lombo, queijo e carne moída, por R$ 30,00; e carne-de-sol com requeijão, R$ 34,00) e Porção Mista (torresmo, mandioca, bolinho e costelinha – R$ 43,00). “Entre as

HEUDES REGIS/DIVULGAÇÃO

Delícias da culinária mineira em São Paulo

Mais gostosuras mineiras

porções, a mais pedida é a mista”, diz Geraldo Magela Carneiro, sócio fundador da casa. Entre as sobremesas, a casa lançou no ano passado o inusitado e excelente “Uai Gatô”, versão mineira do famoso doce (goiabada cremosa com queijo, gratinados, servido com bola de sorvete – R$ 18,00) e o Doce de Canudo (canudos recheados com doce de leite – R$ 14,00). Já doces como Ambrosia, Banana

Real, Abóbora com Coco, Figo e Doce de Leite saem R$ 14,00 cada. Há também a Baguncinha, com um mix de doces, sai por R$ 37,00, para quatro pessoas, e R$ 74,00 para oito pessoas. Entre as bebidas, além das já citadas, as cachaças custam de R$ 8,00 a R$ 45,00; as garrafas de cerveja de R$ 14,00 (Original e Serramalte) e R$ 15,00 (Paulistânia e Heineken) e o chope Brahma a R$ 8,50 cada.

Nilton Guedes De Belém | PA • agencianoticiasgerais@gmail.com

Turismo na Amazônia Embora o início da vacinação contra a Covid 19 tenha representado a materialização da esperança acalentada por milhões de brasileiros, em muitas regiões (como a Amazônia) o turismo continua “com o pires na mão”. Os impactos econômicos que o “Novo Coronavírus” causa no país no setor do turismo, especialmente onde o turismo, como agente socioeconômico, cultural e ambiental apresenta grande potencial para alavancar diversas formas ganhos econômicos para cidades e destinações, continuam a atingir municípios que viviam ou pelo menos tiravam de diversos segmentos recursos para se manterem no mercado. Entretanto, este nicho de mercado, que responde hoje por 3,71% do PIB, empregando mais de sete milhões de brasileiros, teve uma queda bastante acentuada em 2020, segundo o IBGE. Por outro lado, a probabilidade do turismo começar a se recuperar acontecerá somente doze meses após o fim do isolamento social, considerando que ainda não há uma data para terminar. As consequências impactam desde a saúde, com casos confirmados da doença entre comunitários, até a economia, com reflexos negativos na renda dos segmentos econômicos. GASTRONOMIA\HOTELARIA - Deste modo, a atividade turística fica comprometida porque, em vista dos riscos de contágio, não há a possibilidade das pessoas se deslocarem para outros lugares, também não podendo frequentar áreas de lazer, já que pontos turísticos são, por sua natureza, lugares de aglomeração de pessoas. Em municípios paraenses como Santarém, onde a praia de Alter do Chão aparece como uma das mais buscadas atrações por turistas de todo o mundo, a exemplo das demais 143 cidades que compõem os pólos turísticos, os setores hoteleiro e gastronômico se debatem com a baixa frequência de visitantes o que leva empresários a buscarem alternativas para não fecharem as portas. FOTOS PEDRO GUERREIRO (AGÊNCIA PARÁ)

Secretário André Dias Setur

Covid 19 afugenta turistas de Santarém Vice-Presidente da Abrajet Nacional, editor geral do Grupo Estado de Comunicação Digital,Diretor geral da Agência de Notícias Gerais


11

Belo Horizonte, MG - Brasil • 01 a 28 de fevereiro de 2021

M I N A S

G E R A I S Direto de BH

GRAMADO (RS)

Biossegurança para empresa Rossi & Zorzanello (Festuris) A empresa Rossi & Zorzanello e o Festuris Gramado receberam recentemente três certificações internacionais de biossegurança e turismo responsável, validando a postura e os protocolos adotados na realização dos eventos e atividades em 2020. Ao obter estes reconhecimentos, a empresa e a feira de negócios aumentam a sua credibilidade junto ao mercado e clientes. Entre as certificações recebidas pela Rossi & Zorzanello estão o Safe Travels, oferecido pela World Travel & Tourism Council (WTTC), e o Selo Turismo Responsável, Limpo e Seguro, concedido pelo Ministério do Turismo do Brasil. Em novembro, o Festuris Gramado havia recebido também a certificação Covid Free, do IBES

Rafael Lobato De Belo Horizonte | MG • rafaellobato@mgturismo.com.br

Câmara da FIEMG

DIVULGAÇÃO/FESTURIS

Os empresários da Câmara da Indústria da Comunicação e do Audiovisual se reuniram pela última vez em 2020, nesta quinta-feira, 17 de dezembro, e fizeram um balanço das ações realizadas no ano. A avaliação é a de que mesmo em um período de desafios e dificuldades, trazidos pela pandemia do novo coronavírus e suas consequências sobre a economia e a saúde, o setor se manteve unido e produziu resultados que poderão impulsionar os negócios em 2021.

Procedimentos de segurança no Festuris 2020

International, se tornando a primeira feira de negócios do Brasil com o selo. “Sempre buscamos excelência no trabalho que realizamos. E como fomos os pioneiros na realização de eventos durante a pandemia, tivemos uma preocupação muito grande em atender da forma mais

abrangente possível e rigorosa todos os protocolos exigidos em relação a segurança dos participantes, o que nos transformou em referência. Essa preocupação que tivemos agora, sempre temos em tudo que a gente faz”, avalia a CEO da Rossi & Zorzanello, Marta Rossi.

O presidente da Câmara e do Sindicato dos Proprietários de Jornais, Revistas e Similares do Estado de Minas Gerais (Sindijori-MG), Rodrigo Fernandes, apresentou um balanço das ações desenvolvidas pelo braço de Comunicação do colegiado. Ele destacou a criação do Grupo de Trabalho (GT) da Comunicação, liderado pelo presidente do Sindicato das Agências de Propaganda de Minas Gerais (Sinapro-MG), André Lacerda. Rodrigo Fernandes lembrou ainda dos entendimentos iniciais para a fusão entre o Sindijori e o Sindicato das Empresas Proprietárias de Jornais e Revistas de Belo Horizonte (Sindjr-BH). “Iniciamos também, com êxito, um diálogo amplo com as maiores empresas mineiras para que possam fazer propaganda com agências do estado. Contamos com o apoio fundamental do presidente da FIEMG, Flávio Roscoe”, nessa ação, acrescenta. O presidente do Sindicato da Indústria do Audiovisual de Minas Gerais (Sindav-MG), Guilherme Fiuza, destacou as ações realizadas pelo setor para minimizar os efeitos negativos da crise trazida pela Covid-19. “Dialogamos intensamente com o Governo do Estado e com a Prefeitura de Belo Horizonte para construir soluções que pudessem manter vivas as empresas e os empregos na cadeia produtiva”, afirmou. Para o empreendedor, a realização de uma ampla pesquisa com o segmento, liderada pelo Sindav-MG e pela Câmara, foi fundamental para compreender as reais necessidades de todos os players, o que embasou a construção dos pleitos para o poder público. Para 2021, Fiuza destacou a necessidade de desenvolvimento de um trabalho que aproxime as agências de propaganda dos produtores audiovisuais em Minas Gerais. Além disso, ele afirmou que o setor atuará para aprimorar as relações de trabalho entre os profissionais que atuam nessa cadeia produtiva e as empresas, visando a criação de melhores oportunidades para todos. DIVULGAÇÃO/FIEMG

Última reunião de 2020 da Câmara Gerente-Geral do JORNAL MG TURISMO, Administrador de Empresas formado pela UNA, empresário do ramo de vendas


12

Belo Horizonte, MG - Brasil • 01 a 28 de fevereiro de 2021

M I N A S

G E R A I S

PRÊMIO NOBEL DA PAZ

AMM apoia indicação de Alysson Paulinelli A Associação Mineira de Municípios (AMM) comemora a indicação do engenheiro agrônomo Alysson Paulinelli, mineiro de Bambuí, ao Prêmio Nobel da Paz de 2021.

DIVULGAÇÃO/AMM

O principal objetivo do LRE é capacitar gestores públicos para a condução dos processos de retomada econômica. Segundo o presidente da AMM, Julvan Lacerda, a parceria com a FJP vai de encontro a um dos focos da gestão atual da entidade municipalista, que é a qualificação dos gestores públicos. “Uma das nossas prioridades é que as prefeituras possam prestar um serviço cada vez melhor ao cidadão. Por isso, essa parceria se alinha à nossa bandeira, que é qualificar ainda mais gestores. Já temos parcerias com o Ministério Público, com o Tribunal de Contas, com a CNM, o projeto “Desenvolve Minas Gerais”, em parceria

De Belo Horizonte | MG

Fotos Histórias do Turismo Diretor da Abrajet -MG Juiz de Fora e Zona da Mata

Julvan Lacerda, presidente da AMM

tidade ou disponibilidade de alimentos no mundo. “A indicação de Paulinelli é um reconhecimento mais do que justo ao seu extraordinário trabalho em prol da agricultura brasileira com a visão de promover justiça social no Brasil e no mundo. Merece todo nosso apoio em ser o grande mineiro a levar o Nobel da Paz 2021”, destaca o presidente da AMM, Julvan Lacerda.

AMM pede retomada econômica dos municípios A Fundação João Pinheiro (FJP) abriu as inscrições para o Programa de Liderança para a Retomada Econômica (LRE), anunciado em novembro pelo governador Romeu Zema. Iniciativa da FJP, em parceria com a Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico (Sede), a Agência de Investimento e Comércio Exterior (Indi), a Agência de Desenvolvimento da Região Metropolitana de Belo Horizonte (RMBH) e a Associação Mineira de Municípios (AMM), o LRE é um curso de capacitação para prefeitos, vice-prefeitos e secretários municipais de desenvolvimento econômico.

Mozart Borburema

Acervo de Gio Ahmad

Deputado federal constituinte, secretário de Estado e Ministro da Agricultura, Paulinelli tem um grandioso trabalho prestado à agricultura brasileira desde a década de 60, contribuindo para uma verdadeira revolução do setor no País. Fundou a Empresa Brasileira de Pesquisa Agrícola Brasileira (Empraba) e foi também presidente do Banco do Estado de Minas Gerais e da Confederação Nacional da Agricultura (CNA). Foi criador de incentivos e inovações tecnológicas que tornaram o estado de Minas Gerais o maior produtor de café do Brasil. Como grande incentivador da pesquisa, ciência e tecnologia, implantou um programa de bolsa de estudos para estudantes brasileiros em diversos centros de pesquisa em agricultura pelo mundo. Em 2006, ganhou o prêmio World Food Prize; equivalente ao Nobel da Alimentação, que é dado a pessoas, independente de raça e gênero, que ajudaram notadamente a população a melhorar a qualidade, quan-

In Foco

Chegada do primeiro ônibus importado dos Estados Unidos pela Cometa no porto de Santos em 1954, o lendário GM Coach PD 4104 prefixo 502

Final dos anos 60, Viação Cometa com suas rodomoças

com o SEBRAE; além do nosso centro de qualificação da AMM, o CQGP, por meio do qual já qualificamos milhares de gestores somente em 2020”, explica Lacerda. “O Programa desenvolve competências para que gestores de Minas Gerais saibam elaborar diagnósticos, identificar e liderar ações para atrair novos investimentos, desenvolver negócios e impulsionar a geração de empregos por meio de políticas econômicas eficientes”, afirma o presidente da FJP, Helger Marra. Cada município pode inscrever até dois participantes. Para tanto, a liderança interessada deve preencher, até 8 de fevereiro, o formulário disponível na página do curso no site da FJP (www.fjp.mg.gov.br). Os participantes serão selecionados pela Fundação por meio de uma avaliação de critérios técnicos, sociais e econômicos dos municípios mais afetados pelos efeitos da pandemia no estado. Ao longo do ano serão capacitadas 300 lideranças de 150 cidades, divididas em seis turmas. Cada uma delas terá 28 horas de formação e oito horas de oficinas com as equipes municipais. A previsão é que a primeira turma inicie suas aulas no dia 6 de março.

Ponto de ônibus elétrico na aclimação. Linha Machado de Assis / Cardoso de Almeida

Quem chegou a andar nos famosos ônibus papa-filas da CMTC, que foram bastante comuns o final dos anos 50 e durante os anos 60. Este FNM da foto, na rua Xavier de Toledo passando diante do Mappin, rumava para a Lapa Jornalista Diplomado pelo UNIBH, professor concursado da Rede Pública de Ensino de Minas Gerais


13

Belo Horizonte, MG - Brasil • 01 a 28 de fevereiro de 2021

M I N A S

G E R A I S

SECULT estimula retomada do Turismo e Cultura em Minas No ano em que Minas Gerais completou 300 anos e enfrentou a pandemia de covid-19, a Secretaria de Estado de Cultura e Turismo de Minas Gerais (Secult) conseguiu realizar entregas importantes nas duas áreas. Em entrevista coletiva realizada na Cidade Administrativa, e transmitida ao vivo pelos canais da Secult nas redes sociais, o secretário de Estado de Cultura e Turismo, Leônidas Oliveira, apresentou um balanço das ações da pasta em 2020. Entre os destaques, a agilidade em ações e reestruturação de políticas públicas para reduzir os impactos trazidos pela pandemia aos profissionais da Cultura e do Turismo, que tiveram fontes de renda interrompidas. “Neste ano, tivemos que adaptar e aprimorar nossas ações, orientando-as para a nova realidade. Buscamos estratégias para fortalecer a economia criativa e utilizar a potência desses dois segmentos, Cultura e Turismo, em direção à retomada do desenvolvimento, para alavancar a geração de empregos e renda no estado”, ressaltou o secretário. Já no início da pandemia no estado, o #ARtesalva, fruto de articulação entre Governo de Minas, órgãos públicos e mais de 60 parceiros da iniciativa privada e sociedade civil promoveu uma série de ações de apoio às cadeias produtivas dos dois setores. Campanhas de doação, rede de informações sobre acesso a políticas públicas, linhas de crédito, capacitação, editais e outras atividades de incentivo e fomento integram o programa. Em quatro meses, o #ARtesalva arrecadou 500 toneladas de cestas básicas e 140 toneladas de alimentos que contemplaram 327 mil pessoas.

DIVULGAÇÃO/SECULT

Canto da Rua Projeto de parceria entre Secult, Fundação Clóvis Salgado e Arquidiocese de Belo Horizonte, o Canto da Rua Emergencial, localizado na Serraria Souza Pinto, também prestou assistência às pessoas em situação de rua da capital, em mais uma ação do #ARteSalva. Entre junho e agosto, foram feitos cerca de 32 mil atendimentos e distribuídas 195.218 refeições. Com o encerramento da etapa de doações do #ARteSalva, as políticas públicas de fomento e capacitação continuaram e se intensificaram com a lei federal Aldir Blanc, de emergência cultural. A partir de setembro, foram disponibilizados ao Estado cerca de R$ 135 milhões, recurso utilizado em ações que incluem auxílio emergencial e 27 editais emergenciais, contemplando segmentos variados para alcançar de forma ampla toda a cadeia artística e cultural do estado. Somando os recursos da Lei Aldir Blanc e do Fundo Estadual de Cultura (FEC), 126 milhões foram disponibilizados em 32 editais lançados em 2020 para apoiar, fomentar e incentivar o setor cultural.

Turismo No mercado de turismo, a pasta destaca ações como o programa “Minas para Minas”, que promove a retomada gradual e segura das atividades turísticas no estado, em consonância com o Plano Minas Consciente. Houve investimento de R$ 3 milhões do Ministério do Turismo para promoção do programa, que contempla, como segmentos prioritários a cozinha mineira, o turismo cultural, rural, de aventura, de natureza e de experiências. As próximas etapas da iniciativa incluem “Minas para o Brasil” e “Minas para o Mundo”, de acordo com a evolução do quadro no país.

Secretário da SECULT, Leonidas Oliveira

Em 2020, o Destino Minas Gerais também conquistou a habilitação do selo internacional Viagem Segura, do Conselho Mundial de Viagens de Turismo, o WTTC, por cumprir protocolos sanitários recomendados por autoridades mundiais. A Secult já deu início ao processo de concessão do selo para entidades do setor interessadas em usá-lo. Minas Gerais também já alcança a posição de terceiro estado com maior emissão de selos “Turismo Responsável – Limpo e Seguro”, do Ministério do Turismo. Mais de 2,2 mil selos foram emitidos até o momento, a maioria para agências de viagem, meios de hospedagem, restaurantes e bares e transportadoras turísticas. Neste ano, a Secult também atuou na revisão e fortalecimento do Plano Cozinha Mineira, com o objetivo de criar e promover políticas públicas para o estímulo e posicionamento da gastronomia como setor estratégico de desenvolvimento socioeconômico em Minas. Leônidas Oliveira destacou que a revisão do Plano consolida um esforço conjunto que já conquistou vários avanços nos últimos

anos, trazendo uma nova perspectiva, “a da cozinha mineira enquanto ativo social e econômico, patrimônio imaterial do estado, que atrai 31% do turismo em Minas Gerais”.

Novo Circuito Liberdade A interface entre Cultura e Turismo foi reforçada em 2020 com a expansão do Circuito Liberdade, em Belo Horizonte. O complexo passa a abranger, de forma integrada, equipamentos culturais do Estado de Minas Gerais e de parceiros presentes na área delimitada pela Avenida do Contorno, com inspiração no projeto original de 1895 da capital mineira, elaborado por Aarão Reis. Além disso, o Decreto Nº 48.074, de outubro, define a Secult como gestora do Circuito Liberdade. Oliveira detalha ações que serão implementadas a partir do Decreto. "Estamos dialogando com os espaços culturais e instituições que desejam fazer parte da iniciativa, criando rotas turísticas, abrindo inúmeras possibilidades de parcerias e arranjos criativos, em consonância com as políticas públicas

de promoção à cultura e ao turismo do Estado”.

Metas 2021 Entre as metas da Secult para 2021, destacam-se a promoção de Minas para o Brasil e para o Mundo, no processo de retomada segura das atividades turísticas; o desenvolvimento do projeto de expansão do Circuito Liberdade, com novas rotas turísticas e a conexão com cidades de outras regiões do estado; o fortalecimento das políticas de fomento; e a articulação de novas parcerias com a sociedade. “Apostamos em ações que fortaleçam ainda mais a economia criativa, em diálogo com a iniciativa privada e o trade turístico, para recuperar o avanço das cadeias produtivas do turismo e da cultura. No ano de 2021, iremos trabalhar a interiorização de ações, promovendo encontros com secretários municipais de Turismo e Cultura do Estado, para que juntos possamos construir novas políticas e buscar linhas de fomento para desenvolver os dois setores nas diferentes regiões do território mineiro”, concluiu o secretário.


14

Belo Horizonte, MG - Brasil • 01 a 28 de fevereiro de 2021

N A C I O N A L

ADCE homenageia Babi Vasconcelos

Durante o evento, a presidente da ADCE-MG, Maria Flávia Máximo, comentou os efeitos da pandemia ao pontuar que vários encontros presenciais não puderam ocorrer, a exemplo dos Almoços-palestra e Cafés com Fé. Ainda assim, novas formas e formatos de se reunir foram possíveis. Diante disso, enalteceu o lançamento do podcast, lives e e-books. Ao discorrer sobre a homenageada do 9º Prêmio ADCE Minas de Responsabilidade Social Empresarial, Maria Flávia disse que Babi Vasconcelos é exemplo de empreendedora solidária. “A vida tem sentido quando não pensamos só em nós mesmos”, afirmou. “A premiação deste ano é especial não apenas pelo ano incomum que todos enfrentaram ao longo dos meses de isolamento social, mas porque é preciso destacar aqueles que se doaram e que continuam a se doar ao próximo”, concluiu. Emocionada com a distinção, a fundadora da Greenwich School tomou nota sobre o que iria dizer para não deixar as palavras se misturarem. Iniciou o discurso a partir das suas origens. Natural de Serro, cidade do interior de Minas Gerais cercada por montanhas e muitas igrejas, Babi Vasconcelos atribuiu a essas duas características da terra natal a influência sobre sua fé e seu desejo constante de sonhar. A

www.sindijorimg.com.br

Montes Claros DIVULGAÇÃO/ADCE

A Associação de Dirigentes Cristãos de Empresa (ADCE-MG) homenageia, anualmente, por meio do Prêmio ADCE Minas de Responsabilidade Social Empresarial, uma personalidade do mundo empresarial que seja exemplo por sua atuação social responsável. A homenageada na 9ª edição do prêmio é Marly Magalhães Nunes de Vasconcelos, mais conhecida como Babi Vasconcelos, fundadora da Greenwich School. A instituição de ensino atua nas áreas de educação e turismo, e completou 47 anos em 2020. A solenidade - que anualmente é acompanhada por um jantar de confraternização - este ano foi diferente por causa da pandemia do novo coronavírus. O evento ocorreu na manhã do último dia 17, às 8h, no formato virtual. Na oportunidade, o Frei André Tavares celebrou uma missa de final de ano.

Rede de Notícias

A Associação dos Municípios da Área Mineira da Sudene (Amams) recebeu a filiação de outros dois municípios, que são Curral de Dentro e Glaucilândia, em eventos com as presenças dos respectivos prefeitos, Adaildo Rocha Moreira e Herivelto Aves Luiz. Na reunião com eles, o presidente da entidade, José Nilson Bispo de Sá e o secretário-executivo Ronaldo Dias mostraram a importância da união dos prefeitos do Norte de Minas para lutar pelas causas municipalistas. (Jornal de Notícias – Montes Claros)

MG 457

Bela foto de Babi Vasconcelos (Greenwich)

sua relação com a língua inglesa começou ainda criança, no convívio com a avó. Por fim, revelou que suas primeiras alunas foram suas bonecas e primas. Babi Vasconcelos afirma que se sente realizada em saber que, por meio da sua profissão e da empresa que construiu com a família, ela consegue contribuir para uma sociedade melhor e mais justa. “Através do Greenwich levo o ensino de inglês às crianças das Obras Pavonianas, aos jovens da Rede Cidadã, do Projeto Bom Aluno, filantropia de colégios católicos”, destaca. “É muito gratificante verificar que a aquisição de uma língua estrangeira e o conhecimento de mundo leva a autoestima a essas crianças e jovens, e abre grandes oportunidades no mercado de trabalho”, conclui. Babi Vasconcelos também é voluntária junto a várias obras sociais da Paróquia Nossa Senhora de Fátima, ao lado do Padre Fernando Lopes, há 20 anos.

TRADIÇÃO, QUALIDADE E SEGURANÇA Atendimento: 31 3287-4422 | 3282-7663 comercial@buffetsausalito.com.br • restauranteminas2@yahoo.com.br www.buffetsausalito.com.br

Moradores de Santa Rita de Jacutinga estão convivendo com um problema antigo: as condições da rodovia MG-457, que liga o município a Bom Jardim de Minas e é a principal via de acesso à BR-267. Por conta das chuvas, houve deslizamento de terra que interrompeu a passagem de veículos. Em busca de soluções para o problema já conhecido da população há quase 10 anos, a prefeitura busca respostas junto aos órgãos competentes, através de contatos diretos com o DER e o Governo do Estado de Minas Gerais. (Jornal Panorama - Baependi)

Comissionados O prefeito de Barão de Cocais, Décio Geraldo dos Santos (PSB), assinou decreto determinado que todos os ocupantes de cargos comissionados (de confiança) agora são obrigados a bater ponto. A decisão entrou em vigor esta semana e caiu como “uma bomba” no prédio da Prefeitura. O decreto ainda avisa que quem não seguir a determinação terá que enfrentar processo administrativo. (Diário de Itabira)

Teófilo Otoni Será inaugurado o Núcleo de Estudos e Projetos do Zoneamento Ambiental e Produtivo (Nepzap) da Universidade Federal dos Vales do Jequitinhonha e Mucuri (UFVJM). A criação do núcleo é resultado de parceria entre universidade e governo do estado de Minas Gerais para aprimorar a metodologia mineira de caracterização socioeconômica e ambiental de sub-bacias hidrográficas, denominada Zoneamento Ambiental Produtivo (ZAP). (Diário Tribuna – Teófilo Otoni)


15

Belo Horizonte, MG - Brasil • 01 a 28 de fevereiro de 2021

Em Luz, (MG), inaugurado Museu Histórico Casa Grande Capitão Dú Escritor Ozório Couto (ABRAJET-MG) tem significativa participação

ARMÁRIO DE LETRAS

BRENO OLIVEIRA

Com a presença do secretário de estado de Cultura e Turismo, Leônidas Oliveira, do presidente da Rede Minas, Sérgio Reis, e outras autoriidades, foi inaugurada a restauração da Casa Grande, que virou museu e galeria de arte. O turismo tornando-se mais realidade em Luz. A cidade já tem um outro museu, o Centro de Memória Diocesano, que ocupa todo o antigo palácio, o Paço da Assumpção, que completa 100 anos no dia 21 de abril, onde foi morada dos quatro primeiros bispos, Dom Manoel, Dom Belchior, Dom Eurico e Dom Félix. Leônidas, Emidio Teles, fundador da Livraria Leitura, Gervásio Cardoso Filho, artista plástico, arquiteto e paisagista da equipe de Niemeyer na construção de Brasília, e Sérgio Reis, presidente da TV Minas, receberam em Palácio a Medalha Comemorativa dos Centenário da Diocese de Luz, junto ao Instituto Histórico e Geográfico de Minas Gerais (IHGMG). O Centro de Memória foi inaugurado no dia 8 de julho de 2018, nos 100 anos da diocese. Autoridades presentes à inauguração, com destaque para o secretário de Cultura e Turismo, Leônidas Oliveira, e o advogado e jornalista Ozório Couto, grande benfeitor das artes de sua terra natal, a progressista Luz, no centro-oeste mineiro, cidade de 18.100 habitantes, que possui uma universidade e cursos há mais de 40 anos.

Autoridades na entrega da Medalha do Centenário da Diocese de Luz e presentes também na inauguração do Museu Histórico. Na frente: Padre Pedro Felisberto Ferreira, vice-reitor do Seminário Diocesano e vigário da Paróquia de Nossa Senhora da Luz, padre Marcos Tiago da Silva, chanceler, arquivista diocesano e reitor do Seminário, Leônidas Oliveira, secretário da Secult, advogado e jornalista Ozório Couto, grande benfeitor das artes de Luz, Sérgio Reis, presidente da TV Minas e Maristela Rangel (Secult). Atrás: Iácones Batista Vargas (IHGMG), Gervásio Cardoso Filho, Emídio Teles de Carvalho Filho (Livraria Leitura) e Gustavo Mendicino (Secult) nas escadarias do Palácio FOTOS J.COUTO

Painel Luz, Presente e Passado, da famosa artista Yara Tupynambá

Contar a história de Belo Horizonte através de locais e entidades que marcaram a vida da população e que deixaram muitas saudades em seus frequentadores, é a pretensão de Luís Góes. Por isto já foram ou estão sendo publicados O Bonde, O Guarda-Civil, O Bar do Ponto. O Soldado. A Nova Capital e outros que estão no prelo. No presente trabalho, O Grande Hotel, o autor retoma ao século passado para contar a história do Grande Hotel. Tudo começa com a escolha do arraial do Curral Del Rey para ser a nova sede do Governo de Minas e os trabalhos de construção da cidade. Em seguida, entra em cena um imigrante nacional, a exemplo de milhares de outros, que aqui também ocorreram à procura de trabalho e melhores dias para si e sua família. Esse imigrante veio do estado do Espírito Santo, era analfabeto e um simples pescador. Com o tempo. se estabelece, trabalha na construção dos prédios públicos e se alfabetiza. Com o início das obras do Grande Hotel. prefere esse novo trabalho e fica ligado a ele durante toda a sua vida. De simples operário chega a subgerente. um dos funcionários de maior confiança do patrão que o encarregava das mais variadas tarefas. A história de nosso personagem é relatada pelo próprio, que vê, com grande tristeza, a demolição do prédio que ajudou a construir e que ali trabalhou durante tantos anos.

Quadros de Paulo Roberto Pinto Macêdo, Maíse Couto, Oscar Araripe, José Alexandre Lamounier, José Pedrosa e Fernando Pacheco


16

Belo Horizonte, MG - Brasil • 01 a 28 de fevereiro de 2021

ERI GOMES

Pintura “Espera e Sonho”: esperança além do mistério ROGÉRIO ZOLA SANTIAGO CRÍTICO PELA INDIANA UNIVERSITY, USA

Acompanho a obra de Eri Gomes desde os anos 1980. O artista plástico foi Destaque em exposição patrocinada pela Embaixada Americana, aqui representada pelos diplomatas culturais Gregory Adams e Gail Melissa Grant. Na mesma mostra, chamada "LÂMINA", estavam Sebastião Miguel, Pitti e fotógrafo Tibério França. Eri Gomes e sua esposa Ana Advincula, restauradora de livros e encadernadora, reúnem em seu atelier no Cruzeiro os melhores representantes do Desenho, do Teatro e do Cinema em Minas Gerais - Brasil. O ator Eduardo Moreira do Grupo GALPÃO dirige "O Processo", filme em que Eri Gomes faz o personagem de um morador de rua. Para 2021/22, está em planejamento o filme "Quadros em Exposicao", sobre a temática plástica e criativa consistente de

Eri Gomes, que será alvo temático na filmagem sobre sua vida e obra. Artes Plásticas e Cinema: alguns dos quadros do artista remetem à criação comercial-romântica do cinema americano, referente aos idos dos anos 1950, ("CASABLANCA", preto e branco com Humphrey Bogart e Ingrid Bergman). Em um formato hollyoodiano abrasileirado, a película sobre Eri aglomera canções e imaginário teatral- cinematográfico. Como Gomes faz cenário, vitrine e bem sabe dos poetas europeus, americanos (Walt Whitman, Erza Pound e Alan Ginsberg) e muito sobre os daqui, o resultado será de exaltação à junção de maiores, a saber, Eri Gomes e Grupo Galpão no qual também brilham Inês Peixoto e Teuda Bara aos 80 Anos. Vale aguardar!

FOTOS DE GILSON CARVALHO

Obra esférica (A Flor desce o Rio) com distorção "fotográfica aplicada por Eri Gomes na tela. Tinta acrílica com retoques a óleo

Urbano. Um táxi, um homem de costas para o observador frente o quadro. Luz rompe agigantando a esperança de quem espera. O azul de Eri Gomes é sobrenatural, total esplendor do turquesa com ocre-d'ouro

Criação arquitetônica urbana pelo mestre Eri Meira Gomes. Permanece o mistério do entardecer em acrílica acrescido da permanência da luminosidade solar desmaiada, em tinta a óleo Um carro de vidraças embaçadas. Farol. Quem é levado? Quem leva? Ao fundo, depois da calçada molhada, pinceladas de óleo (luz) sobre o teor acrílico de rápida secagem. By Eri Gomes 2020

92964586 ou 031 984034850 @anaadvincula_

O artista plástico ERI Gomes, à frente do painel Megalópole, BH, com seus pincéis de trabalho: "Jamais seriam armas mortíferas", afirma. Parabéns!

eridemeiragomes@gmail.com Eri de Meira Gomes

Profile for JORNAL MG TURISMO

Jornal MGTurismo - Edição 407 - 01 a 28 de fevereiro de 2021  

Jornal MGTurismo - Edição 407 - 01 a 28 de fevereiro de 2021

Jornal MGTurismo - Edição 407 - 01 a 28 de fevereiro de 2021  

Jornal MGTurismo - Edição 407 - 01 a 28 de fevereiro de 2021

Profile for 220192
Advertisement