Issuu on Google+

ANO 01 | EDIÇÃO Nº 11 | FEVEREIRO 2014 DISTRIBUIÇÃO GRATUITA

01

02

03

Sumário

Expediente

06 Conversa Franca

Por um Carnaval legal

10 Na Estrada

A terra do marmelo

12 Carnaval

Para cair na folia

16 Educação & Cursos

Programa visa reeducar para o trânsito

18 Almanaque 20 Espaço Unifei

Unifei abre inscrições para projetos gratuitos

22 Novidade

Maria da Fé ganha escola de futebol

24 Fragmentos

Quem precisa de janelas?

28 Bichos & Cia.

ANO 01 | EDIÇÃO Nº 11 | FEVEREIRO 2014

Direção Kelly Monteiro (MTB 06.447/MG) Jornalistas Colaboradores Gustavo Cortez (MTB 12.858/MG) Juliana Cunha (MTB 17.025/MG)

Impressão Gráfica Model Print Rua Camacam, 87/97 Vila Anastácio São Paulo / SP Tel.: 11 3647-9696 Ilustração de Capa: Arquivo GM

Fotografia Renato Olivas

Editoração Eletrônica Andréa Aparecida Pereira

/GuiadaMantiqueira

www.guiadamantiqueira.inf.br As informações e imagens contidas nos anúncios são de total responsabilidade dos anunciantes.

Diretor Comercial Adilson Santos Tel.: (35) 9225-8832 adilson.guiadamantiqueira@ Todos os direitos reservados. gmail.com A reprodução das matérias e das imagens somente será permitida se for previamente Redação e Publicidade autorizada pela direção do Tel.: (35) 3622-4818 comercial.guiadamantiqueira Guia da Mantiqueira - Itajubá e Região, com crédito da fonte. @gmail.com

Animais de estimação: cuidado 24 horas

30 Giro Por Aí

Mercado Municipal de Itajubá será revitalizado

32 Sabor da Terra

Frango ao Curry

Baixe o leitor QR Code, posicione a câmera do seu celular, leia o código e saiba tudo o que acontece em Itajubá e região. Guia da Mantiqueira mais perto de você!

34 Bares & Restaurantes

Tradição e qualidade é no Restaurante Xodó C074497

36 Por Aqui, Por Ali 44 ‘Poncovô’ em Itajubá 45 ‘Poncovô’ em Maria da Fé 46 ‘Poncovô’ em Delfim Moreira 46 ‘Poncovô’ em Piranguinho 49 Utilidades 50 Classificados 04

Editorial

Folia para todos os gostos Quem não se lembra de duas figuras ímpares de Itajubá, que chamavam a atenção pelas ruas da cidade, durante o Carnaval, usando fantasias estilosas e cheias de graça? Uma delas é o cabeleireiro Marcos Antônio Pereira, mais conhecido como Marquinhos Cabeleireiro. Na entrevista desta edição, ele relembra os bons carnavais da cidade, época em que havia blocos e escolas de samba, e fala sobre o costume de se fantasiar. “As fantasias eram feitas em segredo para que as pessoas se surpreendessem ao me encontrarem na rua”, relembra. Mesmo sem ter o espírito carnavalesco de antigamente pairando por aqui, quem for passar o Carnaval em Itajubá, poderá se divertir acompanhando o bloco Varada N’Àgua (foto), que arrasta os foliões pelas ruas da cidade em dois dias. O Varada vem buscando resgatar a festa de Momo por aqui: a concentração é na Praça Jornalistas Sebastião Inocêncio (Pracinha do BPS) e o bloco vai até a Praça Theodomiro Santiago. Na região, a dica é curtir o Bloco do Urso, em Santa Rita do Sapucaí, que completa 15 anos; o Carnaval em Brazópolis, sempre tão animado com os desfiles das escolas

Banca J. Sousa Praça Getúlio Vargas Tel.: 3622-1075

Imagem de Internet

Você tem boas razões para ler esta edição do Guia da Mantiqueira, que está em clima de Carnaval!

de samba; e o Piranguifolia, em Piranguinho, que vem crescendo a cada ano. Delfim Moreira, São Lourenço e Maria da Fé também são boas alternativas, seja para quem quer brincar o Carnaval ou mesmo descansar. Outro destaque desta edição é a revitalização do Mercado Municipal de Itajubá, prevista para iniciar no primeiro semestre deste ano, segundo a Associação dos Permissionários do Mercado Municipal de Itajubá (APMMI). A informação é que a reforma será realizada sem a paralização das atividades dos comerciantes. Quem sabe o Mercado se consolide como um ponto turístico da cidade? Vamos aguardar! Boa leitura! Kelly Monteiro Editora

Nova Cultural Papelaria e Revistaria

Praça Adolpho Olinto - Tel.: 3622-3390

Onde você, caro leitor, pode retirar gratuitamente o Guia da Mantiqueira 05

Conversa Franca

Por um

Carnaval legal

“O que é que tem em Santa Rita do Sapucaí ou em Piranguinho que não pode ter em Itajubá durante o Carnaval? A energia dessa festa precisa voltar!” Rubinho e Marquinhos: fantasias cheias de inspiração Reportagem: Juliana Cunha Fotos: Arquivo Pessoal

alguns clubes, tentam reavivar os carnavais de antigamente.

Chegou a época da festa mais esperada do Brasil: o Carnaval, que especialmente em 2014 acontece de 1 a 4 de Março. Quem nasceu e cresceu em Itajubá, e hoje tem seus 40 anos de idade ou mais, bem se lembra que a folia de Momo era um dos eventos mais aguardados... Afinal, a cidade toda se enfeitava, os clubes se organizavam para as festanças, as ruas eram contagiadas por uma energia sem igual e as rádios anunciavam que o melhor ainda estava por vir. Itajubá tinha um dos melhores carnavais da região e atraía gente de toda parte do Brasil em busca da alegria típica do interior. Porém, hoje, o espírito carnavalesco que enchia as ruas de brilho e que animava as crianças, os blocos e as escolas de samba praticamente não existe mais. Exceções, como o Bloco Varada N’Água, que há três anos agita o Carnaval em Itajubá, além de bailes e matinês em 06

Para relembrar os bons tempos dos carnavais itajubenses e resgatar um pouco da tradição, a seção Conversa Franca deste mês traz a entrevista com Marcos Antônio Pereira, mais conhecido como Marquinhos Cabeleireiro, um ícone do Carnaval da cidade e um apaixonado pela arte de se fantasiar. Quando é que você começou a se fantasiar e a fazer disto uma paixão? Sempre fui carnavalesco e desde a adolescência participava das festas de rua de Itajubá e das escolas de samba. Participava de um bloco chamado Catraca de Canhão, no qual os homens saíam pelas ruas vestidos de mulheres. A bagunça era gostosa, todo mundo se respeitava, as crianças adoravam, as famílias apreciavam as fantasias e brincavam com a gente. Os blocos

Conversa Franca foram surgindo, virando tradição em Itajubá, assim como o Catraca. Tenho muita saudade daquela época. Era tudo de bom! Muita gente de fora vinha prestigiar o Carnaval de rua. O Catraca existiu por uns 10 anos; infelizmente não existe mais porque houve desavenças entre turmas. Todos os anos você se fantasiava e desfilava pelas ruas da cidade. Quais são as fantasias que mais fizeram sucesso? Fantasiava-me de personagens infantis, pois as crianças adoravam. As que mais fizeram sucesso foram as de Minnie, de Piu-Piu, de Dálmatas, joaninha, poodle e bailarina. Um mês antes do Carnaval, idealizava as fantasias, ia para São Paulo, comprava tudo que precisava e uma costureira fazia para mim. As fantasias eram feitas em segredo para que as pessoas se surpreendessem ao me encontrarem nas ruas. Minha última fantasia foi de táxi. Há satisfação em se fantasiar? O legal é colocar a roupa, se produzir e ver o “povo” nas ruas aplaudir. A população esperava demais por essa data para poder me ver pelas ruas. Eu saía e

ouvia as pessoas dizendo: ‘Olha lá, o Marquinhos chegou! Vamos tirar uma foto.’ Era uma empolgação só! Tinha gente que vinha de outras regiões só pra me ver e descobrir de que ia me fantasiar naquele ano. Havia turistas que traziam álbuns de fotografias de outros carnavais para mostrar que me acompanhavam em todos os anos. Eu e meu amigo Rubinho Cabeleireiro, que sempre se fantasiou comigo, nos tornamos uma atração na cidade. Você já participou de concursos de fantasias? Itajubá nunca teve concursos. O coreógrafo Marcilio Bastos fazia o Gala Gay e eu participei como jurado, mas concursos específicos na época do Carnaval, não havia. Como você avalia o Carnaval itajubense atual? O Carnaval está morto em relação a movimento popular. Estava até pensando em montar uma escola de samba, como havia nos velhos tempos, mas não há

07

Conversa Franca feliz, com o apoio da Prefeitura. Éramos muito felizes! Era muito gostoso! Em Outubro as pessoas já estavam se agitando, colocando toda a criatividade em prática; os bairros interagiam, faziam bingo para arrecadar dinheiro e outras coisas. Tudo isto para esperar a grande festa, o grande dia de reunir toda a cidade e se divertir. Houve até campeonato de escolas de samba por aqui. A Império do Samba foi campeã umas três vezes. Do que sente mais falta durante essa época?

‘Gente, uma andorinha só, não faz verão’, diz Marquinhos sobre o resgate do Carnaval itajubense

apoio. Parece que ninguém se importa com as pessoas deixando a cidade nessa época do ano. Sinceramente, sozinho não se faz Carnaval. Eu, como qualquer outro Itajubense, saio da cidade. Não deixo de me produzir, de idealizar minhas fantasias, mas não faço o Carnaval acontecer sozinho. Neste ano irei para o Rio de Janeiro. O que deveria ser feito para trazer de volta o brilho do Carnaval de rua? É preciso voltar com o Carnaval como era antes, com cinco ou seis escolas de samba, todo mundo trabalhando, unido, 08

As pessoas esperavam ansiosas por essa data. As esposas me procuravam pra emprestar peruca, roupas e acessórios para que seus maridos participassem dos blocos como o Catraca, por exemplo. Era um evento familiar, gostoso, descontraído. Sinto saudade disso. Hoje, não tem mais nada acontecendo. Sempre me cobram dizendo: ‘Marquinhos, vamos animar no Carnaval esse ano...’. Mas sempre digo: ‘Gente, uma andorinha só, não faz verão.’ Para que o Carnaval volte a ser tradição em Itajubá é necessário que o Poder Público se una à população e incentive o movimento popular. O que é que tem em Santa Rita do Sapucaí ou em Piranguinho que não pode ter em Itajubá durante o Carnaval? A energia dessa festa precisa voltar!

09

Na Estrada

A terra do

Marmelo

Marmelópolis abriga cachoeiras, ribeirões, formações rochosas, bosques de araucárias e alguns dos picos mais altos do Brasil. Praça central da cidade Reportagem: Kelly Monteiro Fotos: Geraldo Gomes

Localizada em uma das regiões mais bonitas da Serra da Mantiqueira, próxima as cidades de Delfim Moreira, Virgínia e Passa Quatro, Marmelópolis é um convite ao descanso e à contemplação da natureza. A terra do marmelo preserva as tradições, as características rurais e a tranquilidade das cidades interioranas. Com uma população estimada em 3.472 habitantes (2004) e situada a 1.277 metros acima do nível do mar, abriga cachoeiras, ribeirões, formações rochosas, bosques de araucárias e alguns dos picos mais altos do Brasil, como o Pico dos Marins (2.442 metros) e o Itaguaré (2.308 metros). Este é um dos motivos pelos quais a cidade é procurada por montanhistas, especialmente nos meses de Abril e Agosto, em que há pouca chuva e as condições são ideais para a prática do montanhismo.

Um pouco de história Até o início do século 21, a região de 10

Marmelópolis era habitada por índios Timbiras, que desapareceram com a chegada dos primeiros colonizadores que se estabeleceram em um local denominado Incubatão, com o objetivo de encontrar ouro. Neste local, construíram fazendas e os escravos passaram a garimpar o ouro no rio onde hoje é o bairro Cata dos Marins. Da fazenda de Manoel Ribeiro de Carvalho, nasceu um pequeno povoado que recebeu o nome de Queimada. Manoel pertencia à Cavalaria Imperial e possuía muitos escravos que, além do garimpo, trabalhavam em lavoura de milho, feijão e fumo. Um dos seus filhos, Manoel Frederico Ribeiro, levou para a Queimada, em 1914, as primeiras mudas de marmelo. O marmelo, originário da Pérsia, foi trazido para o Brasil em 1532 por Martim Afonso de Souza. Devido ao solo e clima de Queimada, os marmeleiros adaptaram-se facilmente e, em 1935, a agricultura do marmelo já era extensa. A primeira fábrica foi instalada para transformar a fruta em “massa”, transportada para outras cidades para a produção de doce.

Na Estrada Com a construção da fábrica, foi necessária a construção de uma estrada (1944 - 1946) com extensão de 22 quilômetros, ligando Queimada a Delfim Moreira, principal acesso. Na década de 1960, o número de pés de marmelo no Estado de Minas Gerais era de 2 milhões, sendo que 600 mil pertenciam à Queimada. Em 1962, o povoado foi elevado à município, nascendo assim Marmelópolis. Nos anos 1980, a produção de marmelo diminuiu consideravelmente devido a falta de renovação dos marmeleiros e a falta de incentivo do governo, entre outros fatores. Atualmente a produção da fruta é mínima. Das fábricas que existiram, algumas foram demolidas, outras desabaram com o tempo.

A cidade integra o Circuito Turístico Caminhos do Sul de Minas e pertence à Área de Proteção Ambiental (APA) Serra da Mantiqueira, abrigando também uma Reserva Particular do Patrimônio Natural (RPPN da Terra da Pedra Montada). Anualmente, em setembro, Marmelópolis sedia a Festa do Marmelo, a fim de promover a principal cultura da cidade.

Beleza da Serra da Mantiqueira

11

Carnaval

Para cair

na folia

Na região tem Carnaval até para quem curte rock! Varada N´Água reuniu cerca de 2.500 pessoas em 2013 Reportagem: Gustavo Cortez Fotos: Divulgação

amigos de Itajubá, nasceu em 2010 com a missão de resgatar o Carnaval itajubense há anos “enfraquecido”, principalmente após o término do tradicional Catraca de Canhão. Passados cinco anos, o Varada N’Água vem cumprindo bem seu objetivo. Já que o ano começa oficialmente depois do Carnaval, que tal curtir a folia, que em 2014 será de 1º a 4 de Março, aqui na região? Há opções para todos os gostos e idades, seja na rua, em clubes ou mesmo para reunir os amigos e festejar. Em sua 5ª edição, o Bloco Varada N’Água, em Itajubá, leva para as ruas da cidade muita animação com marchinhas, samba, maracatu e frevo. O tradicional Bloco do Urso, de Santa Rita do Sapucaí (MG), completa 15 anos e trará grandes nomes nacionais do sertanejo, pagode e axé, nos quatro dias de folia. Tem Carnaval até para quem curte rock! Em Pedralva, o Bloco do Pink Floyd chaga à sua 16ª edição. Escolha a folia que mais combina com você e curta!

Varada N’Água O bloco, fundado por um grupo de 12

Com uma proposta diferenciada de música somada a um desfile de bateria pelas ruas centrais de Itajubá, o bloco começou tímido, mas em 2013 reuniu cerca de 2.500 pessoas. Segundo Brenno Lenzi, um dos organizadores, a expectativa para 2014 é realizar um Carnaval de qualidade para os itajubenses e claro, aumentar a participação do público. O “Varada” 2014 será realizado nos dias 28 de Fevereiro (sexta-feira) e 4 de Março (terça-feira), com concentração na Praça Jornalista Sebastião Inocêncio, no bairro Pinheirinho. Informações sobre o preço dos abadás, locais de venda e horários estão publicados no Facebook/Carnaval Bloco Varada N’Água 2014.

Carnaval amigos. Devido à imensa aceitação dos foliões, grandes inovações, visando um ótimo atendimento e foco na segurança, o bloco vem crescendo a cada ano”, informa a assessoria.

Bloco do Urso O Bloco do Urso chega a sua 15ª edição em clima de comemoração. “Tudo começou com uma brincadeira de um grupo de

Para comemorar os 15 anos, a festa será realizada em uma estrutura de 20 mil m², construída especialmente para os foliões. Grandes nomes da música nacional como Fernando e Sorocaba, Michel Teló, Thiaguinho, Jeito Moleque, Latino, Azorra, entre outros, agitarão a moçada. 12 mil foliões são esperados para a festa e mais informações estão disponíveis no www.blocodourso.com.br.

13

Carnaval

Bloco do Pink Floyd Para quem não gosta do Carnaval tradicional, mas curte Rock’n Roll pode adquirir a camiseta do Bloco do Pink Floyd e embarcar nos sons da guitarra, em Pedralva. Serão cinco bandas para animar os roqueiros de plantão. A organização do evento ressalta que não serão tocadas apenas músicas do Pink Floyd e muitos menos em outros ritmos que não seja o Rock. O Bloco nasceu em 1998, quando um grupo de amigos e fãs de rock, principalmente do Pink Floyd, resolveram inovar no Carnaval, uma época do ano que para eles não fazia sentido algum musicalmente. Assim, criaram o bloco da “galera”. Neste ano, o Pink Floyd terá 13 horas de festa, com início às 14 horas do dia 4 de março. A camiseta, que vale como ingresso para a festa, está a venda no site www.blocodopinkfloyd.com.br, ou nos estabelecimentos comerciais Amplera,

14

em Pedralva, e no Barzim, em Itajubá.

Outras opções A folia na região não para por aí. Na vizinha Piranguinho serão quatro noites de muita animação e desfiles de blocos do Piranguifolia 2014. Em Delfim Moreira a diversão será participar da Grande Folia de Blocos, com direito de participar inclusive de oficinas de criação de fantasias e adereços, enfeites de rua e carro alegórico. Em São Lourenço tem a tradicional Noite do Pijama, sempre realizada na sexta-feira de Carnaval, neste ano no dia 28 de Fevereiro. A festa também promete ser animada em Brazópolis, onde há desfile das tradicionais escolas de samba e de bonecões. Aproveite!

15

Educação & Cursos

Programa visa reeducar

para o trânsito

O trânsito é a principal causa de mortes por acidentes entre crianças e adolescentes de 0 a 14 anos. Conscientização começa na infância Reportagem: Gustavo Cortez Fotos: Divulgação

profissionais envolvidos.

Índice alarmante

Com o objetivo de desenvolver, junto ao cidadão, principalmente às crianças e aos adolescentes, os conceitos e as práticas básicas de trânsito seguro e disponibilizar acesso facilitado para o esclarecimento de dúvidas, a Prefeitura Municipal de Itajubá (PMI), por meio, do Departamento Municipal de Trânsito, implantará na cidade o Programa de Educação no Trânsito (PET). A ideia, segundo o diretor municipal de trânsito, Renato Moraes, é gerar motoristas mais conscientes e sanar todas as dúvidas sobre trânsito. Além disso, antes de se tornarem motoristas, as crianças e os adolescentes são pedestres e ciclistas. Estes “integrantes” do trânsito têm direitos e deveres que devem ser respeitados com a finalidade de evitar acidentes. Para a execução do programa, a Prefeitura estreitou parcerias com as autoescolas de Itajubá. Os instrutores irão promover um ciclo de palestras nas escolas Municipais, Estaduais e Particulares durante o ano letivo. Os temas ainda serão estabelecidos, assim como a rotatividade dos 16

Segundo dados do Ministério da Saúde, no Brasil, o trânsito é a principal causa de mortes por acidentes entre crianças e adolescentes de 0 a 14 anos. Do total de lesões sofridas na faixa etária, 38% são referentes a atropelamentos. Das 1.895 mortes de crianças de até 14 anos no trânsito, registradas em 2010, 711 eram pedestres. Além dos óbitos, 7.932 crianças foram internadas após serem atropeladas. O Ministério informa ainda que os meninos estão envolvidos em quase duas vezes mais que as meninas em acidentes de trânsito, sendo 65% das mortes por atropelamentos referentes a garotos e 35%, a garotas. Segundo as Diretrizes Nacionais para Educação no Trânsito, a inclusão desse tema como abordagem transversal às áreas curriculares torna-se imprescindível, visto que o trabalho permanente na escola possibilitará mudanças de comportamento que contribuirão para garantir a segurança das crianças no espaço público.

17

Almanaque

Memória Que itajubense não conhece a lenda da mulher de bronze, a famosa estátua localizada no Cemitério Paroquial? A estátua, em tamanho natural, fundida na França e instalada no Cemitério em 1925, retrata Gabriela de Moura Fonseca, falecida em 1918. Confeccionada por encomenda do filho de Gabriela, Euclides de Moura Fonseca, chama a atenção de que passa pela rua principal de acesso ao Cemitério, principalmente a noite. Há quem diga que Gabriela não gostava de ser fotografada e que existe apenas uma foto dela, a qual foi usada para produzir a estátua. Há quem acredite ainda que o fantasma da senhora circule pelo Cemitério de madrugada...

Você sabia...

Domingos Tótora, designer Foto: Arquivo Pessoal

Mulher de Bronze Foto: Imagem de Internet

... que Ecodesign é um dos nomes que pode ser atribuído ao trabalho desenvolvido pelo designer mariense Domingos Tótora? Por exemplo, na construção do banco Kraft ele emprega papelões reciclados misturados à cola e água, conferindo ao produto resistência semelhante à da madeira. Suas obras, que têm a natureza como fonte de inspiração, são reconhecidas em vários lugares do mundo. Para saber mais sobre o artista, acesse www.domingostotora.com.br ou faça uma visita ao ateliê, na Rua Darci Cardoso, 300, em Maria da Fé.

Tem uma história curiosa ou um fato histórico para contar? Você pode ser o autor desta página: comercial.guiadamantiqueira@gmail.com 18

19

Espaço UNIFEI

Unifei abre inscrições para

projetos gratuitos

Estes projetos englobam as áreas cultural e esportiva e são direcionados à comunidade acadêmica e também a comunidade em geral. Aula de dança é um dos projetos da Universidade Cultural Reportagem: Kelly Monteiro Fotos: Natália Mira e Divulgação

Estão abertas as inscrições para os projetos de extensão gratuitos da Universidade Federal de Itajubá (Unifei). Estes projetos englobam as áreas cultural e esportiva e são direcionados à comunidade acadêmica e à comunidade em geral. Na área cultural, os projetos são coordenados pela Universidade Cultural (UC), grupo cujo objetivo principal é incentivar a manifestação cultural proveniente dos diversos setores da Unifei, com a finalidade de valorizar o desenvolvimento artístico na instituição. Entre os projetos que necessitam de inscrição estão o Musicalizando, no qual são oferecidas aulas de música em diversos instrumentos, canto e teoria musical; Teatro D’Efeito, que realiza aulas de teatro; e o Corpo a Corpo, o qual oferece aulas de dança em várias modalidades. Além destes, a UC dispõe de quatro outros projetos cuja participação não requer inscrição. São eles: Novo Circus, no qual os participantes se reúnem para 20

treino de malabares e circo; Cineclube das 6, em que são realizadas exibições de filmes e discussões; Café com Letras, no qual acontecem debates sobre obras literárias diversas; e Pratododia, uma série de apresentações artísticas realizadas no Campus. Segundo o presidente da UC, Marco Antônio Silva Pinheiro, as inscrições devem ser realizadas durante as primeiras semanas do período letivo. “As modalidades, número de vagas e demais informações ainda serão definidas pelo grupo”, observa. Mais informações podem ser obtidas no site www. universidadecultural.com.br ou no Facebook/universidadecultural. O telefone é 3629-1760 e o email: universidadecultural@gmail.com.

CPE O Centro Poliesportivo (CPE) da Unifei também desenvolve diversos projetos, divididos em dois grandes programas: Programa de Extensão Competitiva e Programa de Extensão Integrativa. O primeiro engloba 19 projetos que contemplam as modalidades:

Espaço UNIFEI Atletismo (misto), Basquete (feminino e masculino), Beisebol (masculino) Softbol (feminino), Futebol (masculino), Futebol Americano (masculino), Futsal (masculino e feminino), Handebol (masculino e feminino), Judô (masculino), Rúgbi (misto), Tae-Kwon-Do (masculino), Tênis (misto), Tênis de Mesa (misto), Vôlei (feminino e masculino) e Xadrez (misto).

tos: Xadrez, Ginástica Localizada, Kung-Fu, Defesa Pessoal, Escola de Futebol, Blue Bunnies (líderes de torcida), Musculação (também voltada à saúde e à competição) e CRIA-Itajubá (Centro Regional de Iniciação ao Atletismo), que também é voltado à promoção de novos talentos esportivos.

O público alvo são os alunos da Unifei, e alguns deles são abertos à comunidade externa. O objetivo é formar equipes esportivas para representar a Universidade.

Para 2014, a manutenção dos projetos existentes e a inclusão de novos está prevista. São eles: Karatê, Jiu Jitsu e Muay Thai. As atividades devem iniciar ema 10 de Março e mais informações podem ser obtidas no site da Unifei e na página de Facebook do CEL Unifei. Telefone: 3629-1775 ou email: esporte@unifei.edu.br.

O Programa de Extensão Integrativa tem com função principal promover a integração dos membros participantes, entre si, com a Unifei e com a sociedade. Em 2013 foram desenvolvidos os seguintes proje-

21

Novidade

Maria da fé

ganha escola de futebol

O projeto visa, através do esporte, ajudar crianças e jovens na sua formação e na construção da cidadania, auxiliando na inclusão social. Jogadores Diogo e Jefferson receberam os atletas na inauguração da boutique Reportagem: Kelly Monteiro Foto: Divulgação

Maria da Fé acaba de receber o primeiro núcleo oficial de treinamento do Nova Iguaçu Futebol Clube (NIFC) fora do Estado do Rio de Janeiro. A inciativa do projeto Escola de Futebol Tigres da Serra é do coordenador técnico das categorias de base do NIFC, Rogério Mesalino dos Santos, e do professor Luiz Armando. “Este sonho vem de muito tempo, pois trabalhei na prefeitura de Maria a Fé desenvolvendo projetos relacionados a esportes. No futebol trabalhei com vários talentos e um deles, Jefferson Moreira, conseguiu se profissionalizar. Hoje ele é goleiro do Nova Iguaçu e, assim, conseguimos trazer o núcleo para Maria da Fé”, explica Rogério. O projeto visa, através do esporte, ajudar crianças e jovens na sua formação e na construção da cidadania, auxiliando na inclusão social. Objetiva também desenvolver habilidades esportivas e aqueles que se sobressaírem podem ter a oportunidade de participar de testes em clubes renomados. “Mesmo que não cheguem a ser profissionais do futebol, 22

serão sabedores do seu papel na sociedade, conhecedores de seus direitos e deveres, respeitando limites e obedecendo as regras que o mundo nos impõe”, afirma. Para participar das categorias Laranjinha, Tigres, Pré-Mirim, Mirim, Infantil e Juvenil os garotos devem ter de 5 a 17 anos. Em Janeiro, com a presença dos jogadores do Nova Iguaçu, Diogo e Jefferson Moreira, foi inaugurada a Boutique Tigres da Serra, uma loja de materiais esportivos. O proprietário André Latta, após a criação do núcleo do NIFC, percebeu a necessidade de atender à demanda local, e decidiu investir na loja. Parte da venda dos produtos é revertida para a Escola de Futebol. Rogério diz que ao se inscrever na Escola de Futebol Tigres da Serra, os responsáveis pagam uma taxa de R$ 40,00 referente a mensalidade e compram o uniforme de treino que é obrigatório. “Estamos a procura de parceiros para que um dia este projeto se torne acessível e sem custo para todas as crianças”, completa.

23

Fragmentos

Quem precisa de janelas? Ao abrir uma janela, dá-se de frente para o mundo. Mas nem sempre foi assim! Quando habitávamos em cavernas, apenas as entradas eram necessárias. Por elas, e somente por elas, descobríamos o mundo; entrávamos e saíamos na busca da sobrevivência. A convivência acontecia, ou não, através da única abertura do lugar que existia para proteger e abrigar. Então, para que servem as janelas? Para deixar que, por ela, entrem a luz e o ar. Uma definição muito pouco abrangente. Uma explicação um tanto convencional; talvez, para satisfazer os profissionais da construção civil. Afinal, as janelas são, também, busca de sobrevivência. Por ela, entram a luz e o ar, mas, também, as cores, os cheiros, a paisagem, os prédios vizinhos, as montanhas de perto e as de longe. Pelas janelas entram pássaros e conversas. Fuxico, arremedos e espiadelas. Entram poluição, bala perdida e ladrão. Pelas janelas, entra o mundo. Ao abrir uma janela, permite-se uma abertura para a vida - dá-se à luz o novo. Mas, ao abrir uma janela, a vida que está do lado de dentro também interage com o mundo. Janelas abertas possibilitam que a claridade penetre e mude os ares e as ideias. Ao olhar de uma janela, muitas coisas são vistas. Observa-se, por demais, o quanto o mundo é grande e o quanto a vista não alcança o que está do outro lado, da serra, do mar e do olhar. Quem vê através de uma janela, além de enxergar o mundo, olha para si mesmo. Pelas janelas saí um mundo imaginário. 24

Por: Antônio Trotta Foto: Imagem de Internet

Ao abrir uma janela, o mundo acontece. Mas nem sempre foi assim! Ao habitarmos as cavernas, desenhávamos o mundo real em suas paredes; aquilo que víamos, quando estávamos fora do abrigo, longe da proteção, enfrentando o mundo. Transferíamos para os espaços, no interior das cavernas, o que nossos olhos encontravam e necessitavam e nossa memória e imaginação permitiam. Mais tarde, ao dominarmos as técnicas da pintura e da arquitetura, criamos quadros nas paredes das igrejas, palácios e casas, que pareciam paisagens simulando janelas. Apesar de se ver a arte, a belíssima ilustração, não havia abertura nas paredes e por elas não entravam luz nem ar, mas, apenas, o princípio da necessidade. A teimosia humana avançava em suas aspirações. Não bastava ver a natureza morta sobreposta nas paredes. Era necessário abrir

Fragmentos espaço para sentí-la balançar, modificar-se no tempo e com as intempéries. Era vital respirá-las profundamente e trazer, para si e para o mundo, verdadeiras aberturas que expandissem as almas e os horizontes. Pelas janelas, entram e saem sonhos e desafios. Ao abrir uma janela, o mundo descobre o mundo. Mas nem sempre foi assim!

Ao sairmos pela única abertura que havia na caverna, experimentamos o mundo. Descobrimos, na verdade, tantos outros mundos microscópicos, atômicos, cósmicos e virtuais. Ao sairmos das cavernas possibilitamos, a nós mesmos, as condições e as conseqüências de criarmos o nosso próprio mundo.

Ao sairmos das cavernas, carregávamos rudes instrumentos, a arte do fogo, relações de forças, aprendizados, crenças e medos. Acreditávamos poder conseguir proteção e abrigo através de outras formas, maneiras e relações. Criamos, inventamos, lutamos, matamos e morremos para permanecermos na corrida pela sobrevivência, no início; pela vida, até o século XXI; e pela qualidade de vida, em nossos dias.

As janelas, sem sombra de dúvidas, nos permitiram olhar mais adiante. Devemos abri-las sempre e respirar profundamente, acreditando que podemos ir mais além. Se prestarmos bastante atenção e abrirmos bem as janelas, os olhos serão capazes de enxergar a alma humana. Pelas janelas, a gente se vê.

25

26

27

Bichos & Cia.

Animais de estimação:

cuidados 24 horas

Como e onde encontrar profissionais de qualidade e confiança?

A saúde dos animais,muitas vezes, merece cuidados especiais Reportagem: Juliana Cunha Foto: Imagem de Internet

Quem tem um ‘amigo de quatro patas’ em casa, como um gato ou um cão, sabe que saúde, tranqüilidade e conforto são essenciais para que tenham qualidade de vida e disposição física e mental. Para isso, o animalzinho precisa de boa alimentação e carinho. Mas, e quando a saúde desses animais se fragiliza? Como e onde encontrar profissionais de qualidade e confiança? Confira a seguir algumas dicas de clínicas veterinárias com atendimento 24 horas em Itajubá e na região: A Clínica Planeta Bicho oferece atendimento e internação durante 24 horas em Itajubá. As veterinárias Raíssa Almeida, Sâmia Coli e Marcela Leão garantem os melhores cuidados para o animalzinho. A clínica funciona na Rua Tiago Carneiro Santiago, 395, no BPS, das 8 às 20 horas. O telefone de contato é 3622-3040, mas para o atendimento 24 horas, o cliente deve ligar para a Dra. Raíssa pelo telefone 8474-1444. 28

A cidade também dispõe do Hospital Veterinário do Centro Universitário de Itajubá (FEPI). Por um valor diferenciado, cães e gatos têm acesso a serviços como laboratório clínico, diagnóstico por imagem, radiologia, ultrassonografia abdominal, cirurgias de grandes animais, castração, cirurgias toráxicas, de tumores e patologia veterinária. Além dos alunos e professores, dois veterinários atendem no Hospital das 8 às 17h20 horas, de segunda a sexta-feira. Para agendar uma consulta para seu animalzinho ou mesmo conhecer o trabalho desenvolvido pelo Hospital Veterinário entre em contato pelo telefone 3622-0058. A Clínica está localizada na Rua José Benedito Tiago Sobrinho, 684, no bairro Piedade. Não disponibiliza serviço 24 horas, porém atende a alguns casos após o horário comercial.

Cirurgias Caso o animal de pequeno porte precise de cirurgia ou endoscopia, a sugestão é levá-lo

Bichos & Cia. à Clínica Veterinária Tao. A veterinária Ana Abreu Braga também trabalha em parceria com o Hospital Veterinário da FEPI , e quando algum dos pacientes do Hospital necessita de atendimento 24 horas, a clínica oferece todos os cuidados necessários. Para mais informações, basta acessar o Facebook.com/ClinicaVeterinariaTau ou entrar em contato pelo telefone 9198-6989. Atualmente, a veterinária estará na Rua Dr. Xavier Lisboa, 285. Em breve, atenderá em novo local, no bairro Varginha, e oferecerá também o serviço de ultrassonografia. Quem mora em Piranguinho também dispõe de atendimento e internação 24 horas para cães e gatos. A Clínica Bicho Mania oferece serviço veterinário, banho e tosa, transporte seguro e cômodo

Hospital Veterinário da Fepi

para o animal e uma variedade de produtos de pet shop como alimentos e acessórios. A veterinária Nathália Almeida cuida da saúde do seu melhor amigo, independente do horário. Para agendamento de consultas, basta ligar para o número 3644-1311, no horário comercial. Para emergência e internação o telefone é 99966297. Em Maria da Fé, os animais de estimação contam com os cuidados do veterinário Francisco Sylmar, na Clínica Veterinária São Francisco. Além de banho, tosa e realização de pequenas cirurgias, há atendimento 24 horas caso o animalzinho necessite de cuidados de emergência. O endereço é Avenida Luís Correa Cardoso, 75. Para agendamentos de consultas e mais informações ligue para 3662-1831. Para o atendimento e internação 24 horas, o telefone é 9196-6463. 29

Giro por Aí

Mercado Municipal de Itajubá

será revitalizado

Quem nunca foi, enquanto criança, passear com os pais ou com os avós no mercado? Sempre temos alguma “coisinha” para comprar que só encontramos no Mercado Municipal. Estrutura física do Mercado está comprometida Reportagem e Fotos: Gustavo Cortez

Um ponto de encontro. Assim se pode definir um mercado municipal. Um lugar como este carrega inúmeras histórias de um município e é considerado também como cartão de visitas da cidade. Em Itajubá não é diferente. Quem nunca foi, enquanto criança, passear com os pais ou com os avós no mercado? Sempre temos alguma “coisinha” para comprar que só encontramos no Mercado Municipal. A boa notícia para os itajubenses: a Associação dos Permissionários do Mercado Municipal de Itajubá (APMMI) afirma que ainda no primeiro semestre deste ano, as obras de revitalização devem ser iniciadas. Já faz um bom tempo que a estrutura física do espaço está bastante comprometida. O piso não é adequado, os banheiros estão danificados, o telhado não tem forro, está remendado, e a limpeza não é feita adequadamente. Segundo o presidente da Associação, Leopoldo Uberto Ribeiro, o processo de reforma será demorado por se tratar 30

de um prédio histórico e será realizada sem a paralisação das atividades dos permissionários. “Não temos condições de parar o comércio no Mercado para esta reforma. Acredito que temos tecnologia para fazer este trabalho sem interrupção da área comercial”, reforça. O projeto de revitalização do Mercado é um trabalho conjunto entre a Prefeitura Municipal de Itajubá e APMMI. “Este projeto depende muito de recursos externos, pois a Associação não tem recurso próprio para bancar um projeto de tamanha importância”, explica Leopoldo.

Opiniões Marcela Pamplona, proprietária da Casa da Embalagem e Produtos Naturais - Banca do Gessé, afirma que os permissionários aguardam por essa reforma há anos. “Será muito bom tanto para nós que trabalhamos no Mercado, como para todos os clientes, pois com a revitalização ele se tornará muito mais atrativo”, ressalta. Ela observa que há urgência em que se

Giro por Aí reforme o telhado em razão das goteiras e da quantidade excessiva de pombos. De acordo com Marcela, a rede de esgoto também está bastante comprometida, além de haver buracos no piso, que já é de difícil manutenção. “Tem que melhorar tudo. Além de patrimônio histórico, o Mercado é um local turístico da cidade. Com o Mercado reformado, atrairá mais clientes, o que aumentará nosso faturamento também”, acrescenta. Para o taxista Antônio Maurício de Almeida, que trabalha em ponto de táxi no Mercado, há muita expectativa quanto à revitalização. “Com o Mercado mais bem estruturado, aumentará a circulação de pessoas no local e consequentemente o número de passageiros para os taxistas”. Vágner Barbosa de Souza, proprietário

do Bar do Chopinho, diz que os comerciantes já foram procurados pela administração do Mercado para que fiquem cientes sobre a revitalização. “Nas grandes cidades se cultiva o charme da arquitetura dos Mercados Municipais, como ocorre em São Paulo e Rio de Janeiro”, observa, acrescentando que, ao que tudo indica, a estrutura do Mercado de Itajubá será mantida: “Continuaremos com o público que já frequenta o Mercado e conhece a sua história. A soma deste público com os novos trarão benefícios aos comerciantes e para a cidade”.

Mercado Municipal de Itajubá Av. Paulo Chiaradia, São Vicente. De 2ª a 6ª feira, das 7h às 18h; sábados e domingos, das 7 às 12h.

31

Sabor da Terra

Frango ao Curry Que tal mudar o cardápio e experimentar esta receita de Frango ao Curry? A sugestão é do Restaurante Sushi House. Saboreie!

Ingredientes: 500 gramas de filé de frango 2 colheres de chá de curry 1 lata de creme de leite 1 cebola pequena ralada 1 colher de sopa de manteiga 1 pitada de raspas de noz moscada 1/2 xícara de leite Sal à gosto 32

Preparo: Derreta a manteiga. Junte a cebola o curry e a noz moscada. Coloque o frango para grelhar levemente. Acrescente o creme de leite e o leite. Deixe ferver até engrossar um pouquinho. Sirva com arroz branco ou Gohan. Rende quatro porções. Restaurante Sushi House Rua Dona Maria Carneiro, 100, Boa Vista. Villa Nova Shopping. Itajubá. Tel.: 35 3622-2956 Aberto de todos os dias, das 11 às 23 horas.

33

Bares & Restaurantes

Tradição e qualidade é no Restaurante Xodó

Uma das peculiaridades da casa, e que a família Marques da Costa fez questão de conservar, é o teto em abóboda, em arco. Casarão conserva arquitetura Greco-romana Reportagem: Juliana Cunha Fotos: Arquivo Pessoal

Todo Itajubense sabe: ao pensar em requinte, tradição e naquela comida especial, o destino é o Restaurante Xodó. Fundado em 1971 por Vanderley Marques da Costa, na cidade de Passa Quatro (MG), o restaurante chegou a Itajubá em 1978. Inicialmente, instalou-se no bairro da Varginha, próximo à Igreja de São Benedito e ali permaneceu por dois anos. Em 1980, o proprietário transferiu o restaurante para o bairro Boa Vista, onde hoje funciona a Caixa Econômica Federal. Neste local, o Xodó fixou-se por 13 anos. Em 1993, Vanderley adquiriu o famoso casarão, no centro da cidade, no qual se localizada o restaurante.

feito da cidade. Com a família Rennó o casarão permaneceu até 1993, quando foi vendida para o atual proprietário. De acordo com Sandro Mota Esteves da Costa, filho de Vanderley e sócio proprietário do restaurante, a intenção de seu pai era, ao transformar a casa em restaurante, manter a riqueza arquitetônica e oferecer pratos de qualidade aos itajubenses. A única modificação, após a reforma, foi a retirada de uma parede central que dividia dois ambientes, para que um salão fosse criado para receber os clientes. Uma das peculiaridades da casa, e que a família Marques da Costa fez questão de conservar, é

O casarão O belo casarão no qual funciona o Restaurante Xodó foi construído em 1906, por Carlos Ribeiro de Azevedo, farmacêutico, advogado e delegado de polícia em Itajubá. Em 1924, o proprietário vendeu a casa para o Dr. Antônio Rennó Pereira, mais conhecido como Tota Rennó, ex-pre34

Creme de papaia do Xodó é irresistível

Bares & Restaurantes o teto em abóboda, em arco. “Os romanos faziam suas construções em arco, inspiradas na arquitetura grega, que é anterior a romana. Essa casa tem essa inspiração greco-romana”, explica Sandro. Além do teto particular, o casarão tem paredes largas e muitas janelas, construídas intencionalmente por Dr. Carlos com a intenção de contemplar o centro da cidade. “A estrutura dessa casa é maravilhosa, não tem uma trinca. As pessoas olham e ficam encantadas”, conta o sócio proprietário.

O cardápio O Xodó é referência também quando se trata do cardápio. Sandro conta que o segredo é sempre oferecer os melhores ingredientes e um cardápio inovador. “No início, meu pai saía de Passa Quatro e ia até o Rio de Janeiro comprar camarão e peixes para servir aos clientes. A tradição de oferecer sempre o melhor persiste até hoje”. Os proprietários também fazem questão de atender o bom gosto do mineiro. Os pratos, a La carte exclusivo, servem duas pessoas e a cocção é na hora. Os ícones do restaurante são o Filet Mignon, como o medalhão e o Tornedor, um Filet que não é batido. A carne sofre apenas pequenos cortes na parte de cima e posteriormente é grelhada. Um prato muito diferenciado é o bacalhau do tipo Gadus Mohrrua. “No mês de Dezembro, fizemos uma promoção de bacalhau ao forno e foi o maior recorde de vendas que tivemos”, conta Sandro. Além dessas iguarias, o cliente não pode deixar de experimentar o tradicional bolinho de bacalhau, considerado como o melhor da cidade. Não há como deixar de experimentar a banana flambada com conhaque, sorvete de creme

Sempre cheio, Xodó mistura qualidade e cardápio inovador

e calda caramelada. O Tiramissu, uma sobremesa italiana, e o creme de papaia com licor de cassis, também são excelentes sugestões. Os pratos são preparados pelo Chef Rogério de Assis Santos, que há três anos oferece aos clientes os melhores sabores. Acompanhe as promoções divulgadas mensalmente pelo Facebook e em jornais da cidade. “Estamos na fase de mostrar ao cliente o que oferecemos: pratos de qualidade e preço acessível”, comenta Sandro. O Xodó também pode ser contratado para festas e eventos. Entre em contato para mais informações. Restaurante Xodó Av. Coronel Rennó, 381, Centro, Itajubá. Aberto de terça a sábado das 11 às 15h e das 19 às 23h. No domingo, o restaurante funciona das 11 as 16hs. Facebook/restaurante.xodo 35

Por Aqui, Por Ali

Cursos

da. Av. Rennó Jr. 109, Bairro Medicina. Tel.: ¯ à 3621-2223.

Õ

Cursos Gratuitos. O Centro de Educação Profissional de Itajubá (CEP) oferece cursos técnicos gratuitos nas áreas de Administração, Informática, Eletroeletrônica, Telecomunicações e Eletrônica com Ênfase em Aeronaves. Aulas com início em 3 de fevereiro. Informações: cepitj@yahoo.com.br. Tel.: 3621-6200. Concurso Público. A Prefeitura de Itajubá, por meio da Secretaria de Administração, abre inscrição para Concurso Público, a partir do dia 17 de Fevereiro, pelo site www.imam.org.br. As áreas contempladas serão: guarda municipal, especialista da educação, educador infantil e cargos diversos. Programa Senac de Gratuidade. Oferece vagas gratuitas em diversos cursos profissionalizantes, da formação inicial ao nível técnico, para que você tenha mais oportunidades de trabalho e emprego. Necessário ter renda familiar per capita até dois salários mínimos. Técnico em Administração, Técnico em Enfermagem e Técnico em Logística: início em 05/02/2014; Manicure e Pedicure: início em 03/02/2014); Cabeleireiro: início em 17/02/2014 e em 17/03/2014. Vagas limitadas. Inscrições por ordem de chegada. Mais informações: Senac Itajubá. Tel.: 3623-1766. www.mg.senac.br/programasenacdegratuidade.

Bares - Itajubá Bar do Meko. Com vista privilegiada da cidade, o Bar do Meko é frequentado tanto pelos boleiros que frequentam o Planeta Bola, quanto por pessoas que são atraídas pela boa culinária. É um lugar muito procurado para happy hours e confraternizações de colegas de faculdade e de empresa. Rua Mário Gomes Rennó, 90, Medicina. Tel.: 9121-4395. ¯ à

Õ

Barzim. Classic Rock e Blues Bar fazem o estilo do Barzim, assim como a cerveja e o chope Musa. Oferece porções caprichadas, como a de batata-frita com bacon. Música ao vivo as sextas-feiras e sábados. Rua Pereira Cabral, 74, Centro. Tel.: 9186-7034. ¯à Buteko Choperia & Cachaçaria. Happy hour diário, futebol às quartas-feiras, música ao vivo das terças e sextas-feiras animam as noites no Buteko. Lá você encontra porções caprichosamente preparadas, chope Brahma, sucos variados, além do Clube do Uísque. Possui dois ambientes: área interna com 4TVs de 42”, e área externo com mesas amplas e ombrelones. Há ainda o Buteko Kids, para entretenimento da criança36

Caçador. Tradicional bar da Boa Vista, às sextas-feiras apresenta o melhor do samba com o grupo Confraria do Samba, aliado a um bom papo em uma roda de amigos. Entre uma dança e outra, pausa para uma cerveja gelada servida por garçons com samba no pé e simpatia de sobra. Rua ¯à Miguel Braga, s/n, Boa Vista. Caros Amigos Bar. O mais novo espaço para você curtir a Happy Hour, todos os dias da semana. Vá direto do trabalho, uniformizado, e ganhe 10% de desconto. Refeições rápidas das 11h às 17h a partir de R$ 9,90. Experimente o delicioso Escondidinho com seis sabores a escolher. Aberto das 11 às 23h. Villa Nova Shopping. Rua Dona Maria Carneiro, 100, Boa Vista. Tel.: 3622-2956. à

Õ

Chopinho. Localizado no Mercado Municipal, é ponto de encontro de uma galera animada nos finais de tarde. Além do chope Musa, se destaca por servir água de coco, que pode ser para viagem, Mercado Municipal. Avenida Vicente de Paulo. Tel.: ¯ à 3012-2023.

Õ

Five Stars. Ponto de encontro dos universitários que aproveitam a localização estratégica para promoverem suas festas estudantis. Cerveja e a tradicional porção de babata-frita com queijo e bacon é uma das boas pedidas, sempre “NA HORA”. Praça Theodomiro Santiago, 53, Centro. ¯ à Tel.: 3622-4059.

Õ

Jaci. O grande barato do Bar do Jaci é ficar do lado de dentro do balcão e saborear os tradicionais pratos como costelinha, frango caipira, língua de vaca e a Tutuzela, a campeã de vendas. Há cachaças de qualidade para acompanhar os tira-gostos. Rua da Floresta, 66, Cruzeiro. Tel.: 8876-2040. à

Õ

Mineirinho. A decoração confere charme ao bar, mesclando objetos antigos a fotos dos áureos tempos do futebol itajubense, entre outros. Serve porções de filé que acompanham bem a cerveja. Música ao vivo às quintas-feiras. Rua Padre José Joaquim ¯ à Santana, 13, São Vicente.

Õ

37

Por Aqui, Por Ali Queijaria do Mário. Funciona como queijaria durante o dia e a partir das 18h01 se transforma em um bar, que além de petiscos oferece cervejas especiais. Entre as especialidades estão os sanduiches de linguiça, de filé mignon e o Metido a Besta, além dos tira-gostos de queijo, como a badalada Provoleta. Rua Dr. Américo de Oliveira, 36, Centro. à

Õ

Quiosque Chopp Brahma. A especialidade é o chope cremoso, claro ou escuro, e caipirinhas. Os tira-gostos vão de fritas com bacon a bolinho de aipim com carne seca, carne da cumbuca e filé de três queijos. Rua Cap. João Rennó, 50, Morro Chic. Tel.: 3629-0533. à

Õ

Comidinhas - Itajubá A Deliciosa. A mais tradicional sorveteria da cidade ainda mantém a produção de sorvetes artesanais e naturais. A afamada vitamina simples e especial é única, e há outras opções de vitamina e de refrescos. Praça Dr. Theodomiro Santiago, 23, Centro. Tel.: 3622-2760.

Õ

Bona - Pizza em Cone. Variados sabores de pizza em cone, salgadas e doces. Todos os cones salgados acompanham molho de tomate e orégano. Faz entregas. Rua Miguel Braga, 173, loja 2. Tel.: 3621-7165. à

Õ

Café do Vadinho. É ponto de encontro dos itajubenses e turistas para um cafezinho acompanhado de salgados, lanches, pão na chapa e das consagradas fogazzas fritas na hora. A variedade de sucos também é grande, mas há quem prefira um leite achocolatado ou café expresso. Rua Coronel. Rennó, 113, Centro. Tel. 3622-3860. à

Õ

Café Tanton. Que tal saborear um delicioso bolo de rolo acompanhado de um café especial ou de um Capuccino tradicional, ou Maltine, ou Capuccino de Doce de Leite, entre outros? Experimente as delícias do Café Tanton. Rua Dr. Américo de Oliveira, 344, Centro. Tel.: 3622-8943.

Õ

Fórum Café. Tomar um bom café e comer folheados saborosos, e poder se distrair lendo revistas bacanas. Este é o charme do Fórum Café, bastante procurado para reuniões informais, entre pessoas que estão no centro da cidade. Rua Antônio Simão Mauad, 149, Centro.

Õ

Ilha do Pastel. Saborear pastéis de diferentes sabores, em tamanhos maiores do que os tradicionais e com muito recheio? Basta ir à Ilha do Pastel, lanchonete inspirada na cidade de Ilhabela, litoral paulista, cuja decoração trás fotos da cidade produzidas pelo fo38

tógrafo Geraldo Gomes. Rua Cel. Francisco Braz, 153, Centro. Tel. 3622-3796. à

Õ

Império da Empada. Oferece grande variedade de empadas, desde a tradicional de frango, passando por quatro queijos, palmito e camarão. Também possui delivery, pelo qual é possível pedir o empadão. Av. Coronel Carneiro Júnior, 13, Centro. Tel. 3622-0199.

Õ

Mix Potato. As deliciosas batatas assadas, recheadas com diversos sabores é a alternativa para quem quer fugir das opções mais tradicionais para saciar a fominha noturna. Av. Dr. Henriqueto Cardinali, 361, Varginha. Tel.: 3620-0550. à

Õ

Nagib’s. As esfihas abertas e fechadas vão além das tradicionais de carne e frango: há esfihas de escarola, cheddar, ricota e chocolate. Há também quibes, doces libaneses, além de pratos especiais às terças-feiras. Faz entregas. Av. João Antônio Pereira, 13, Varginha. Tel.: 3622-0988. à

Õ

Torta na Mesa - Doceria e Café. Deliciosos bolos dos mais variados sabores, preparados com mousse de chocolate, mousse de limão, sonho de valsa, nozes, entre outros. Serve cafés diferenciados, bombons e lanches. Loja 1: Rua Cel. Francisco Braz, 71. Tel.: 3621-2128. Loja 2: Av. Capitão Gomes, 188. Tel.: 3621-3447.

Õ

Restaurantes - Itajubá Bella Vista Espaço Gastronômico. Local certo para apreciar pratos à la carte, massas frescas com deliciosos molhos, trutas, pizzas com o molho da casa, batatas recheadas e hambúrgueres, além do famoso Burritos da culinária mexicana. Serve almoço aos domingos com variedade de massas frescas. Abre de segunda a segunda, a partir das 19h. Rua Pedro Bernardo Guimarães, 46, Centro (descida para a Santa Casa). Tel.: 3622-2797. à

Õ

Casa Grande. Os pratos típicos mineiros ficam sobre o fogão à lenha. As massas também são muito saborosas, bem como as sobremesas. Funciona como bufê, com estrutura de palco para som ao vivo e amplo espaço para os convidados. Rua Alcides

39

Por Aqui, Por Ali Faria, 10, Centro. Tel. 3622-2037.

Õ

Cantina Pé de Porco. Tem como principal prato a feijoada, que deu origem ao nome do local e tem um sabor inigualável. Vez por outra amigos se reúnem no local para uma roda de samba. Rua Cel. Francisco à Braz, 226, Centro. Tel.: 3622-1951.

Õ

Cantina Tati. Serviço à la carte, com pratos bem elaborados e saborosos. Serve almoço, pizzas e porções. A novidade são os pratos executivos, com a qualidade das tradicionais refeições. Abre todos os dias. Pç. Theodomiro Santiago, 10, Centro. Tel.: 3622-5047. à

Õ

Carvão e Lenha. Costela no bafo servida na telha, acompanhada de um saboroso arroz com alho, farofa e vinagrete é o carro chefe da casa. A pizza na pedra também é um diferencial. Serve almoço (self-service) preparado no fogão à lenha. Av. dos Ferroviários, 89, ¯ à Boa Vista. Tel.: 3623-5497.

Õ

Churras Vadinho. Aproveite as tardes quentes para tomar um chope no Churras Vadinho, no calçadão da cidade. Oferece almoço self-service durante o dia todo, porções, lanches e pizzas. Faz entregas e abre de segunda a segunda, das 11 às 22h. Praça Theodomiro Santiago, 26, Centro. Tel.: 3622-4428. à

Õ

Dom Cesário. Especializado em alta gastronomia, este restaurante também oferece pizzase sobremesas diferenciadas. Ambiente bonito e agradável, com toques de requinte. Rua Thiago Carneiro Santiago, 16, Centro. Tel.: 3623-5700/3622-3198. à

Õ

Itajubá Flat Bistrô. Charmoso restaurante no interior do Itajubá Flat. Local certo para jantar romântico e para almoçar aos domingos. A mesa de frios é um atrativo a parte e a carta de vinhos oferece várias opções. Música ao vivo com Neco e seu violão às quintas-feiras, a partir das 19h. Aceita reservas. Rua Antônio Corrêa Cardoso 164, Varginha, Itajubá. Tel.: ¯ à 3622-2210.

Õ

Ranchinho do Pastel de Milho. Preserva a tradição do pastel de milho, produto genuíno da culinária de Itajubá. Decorado com objetos antigos, possui amplo espaço para reunir os amigos. Serve pratos da culinária mineira. Música ao vivo as quartas, quintas e sextas-feiras. Aberto de terça a domingo, a partir das 18h. Rua José Marciano Filho, 120, Boa Vista. Tel.: ¯à 3621-6028. Sem Nome. Oferece pratos variados, churrasco e sobremesas durante o almoço (self service). No período 40

noturno o serviço é a la carte, com a mesma qualidade. Rua Capitão João Rennó, 47, Centro. Tel. 3623-5050. à

Õ

Sushi House. Para os amantes da culinária oriental há opções diversificadas: sushis e tempurás ou uma porção de batatas fritas, além de prato mais requintados. Almoço self service contendo sushi e churrasco. Para acompanhar, caipirinhas de saquê, cerveja, sucos ou chope Musa, Sushi House Villa Nova Shopping. Rua Dona Maria Carneiro, 100, Boa Vista. Tel.: 3622-2956. à

Õ

Toca do Caboclo. Self service com pratos típicos da culinária mineira e decoração temática caipira. Oferece churrasco e há parquinho para crianças. Av. Antônio Braga Filho, 819, Varginha. Tel.: 3622-3306.

Õ

Villa. Um sabor irresistível por um preço acessível! Ambiente aconchegante para você fazer suas refeições diariamente, com mais de quinze tipos de saladas para incrementar sua alimentação a preços populares. Self service sem balança e marmitas. Comida de sabor caseiro com o melhor do tempero mineiro. Ótimo espaço para festas infantis, churrascos e confraternizações. Aberto de segunda a sábado das 11h às 14h30. Rua Oliveira Marques, 208, bairro Oriente (próximo ao Colégio XIX de Março). Facebook.com/RestauranteVilla. Tel: 8813-0994/9111-5422.

Õ

Xodó. Destaque para os pratos à base de peixe, camarão, bacalhau e massas. Serve churrasco, pratos executivos e sopas. A decoração acompanha o estilo do casarão e no teto é possível ver uma ‘laje’ de tijolos em formato abobadado do sobrado. Abre de terça a sábado, das 11h às 15h, e das 19h às 23h, e aos domingos, das 11h às 16h. Rua Cel. Rennó, 381, Centro. Tel. 3622-4433. à

Õ

Restaurantes - Delfim Moreira Cantina Lanza. Tradicional pizzaria e casa de massas artesanais. Ambiente familiar e amplo local para confraternizações, reuniões, festas e encontro com a família e amigos. As majestosas pizzas marguerita, mineira, frango com alho entre outras são as melhores da cidade e as massas caseiras são elaboradas

41

Por Aqui, Por Ali com receitas italianas e se tornam um bom pedido, acompanhadas dos melhores vinhos oferecidos pela casa. Disk Pizzas e massas. Rua Pres. Tancredo Neves, à 136, Bairro Itagyba. Tel.: 3624-1281. Kraemerbierhaus. A casa da cerveja Kraemerfass é um espaço de entretenimento para famílias, casais e amigos que buscam apreciar a arte da cultura cervejeira. Abriga a fábrica e o restaurante, com inspiração na Normandia, em estilo enxaimel, ambos abertos ao público. O lugar certo para degustar cervejas gourmet e petiscos. Disponível para encontros empresariais e confraternizações. Av. Juscelino Kubitschek de Oliveira, 332, Centro. Tel.: 3624-1334. à

Õ

Pousada e Restaurante La Luna. Pratos da culinária italiana caprichosamente preparados e servidos pelos proprietários na calorosa cozinha da Pousada La Luna. Abre para almoço, serve pizzas e caldos em ambiente aconchegante, tudo isso regado à vinhos, cervejas e música ao vivo. Facebook.com/ lalunadelfim. Rua Marechal Deodoro, 40, Centro. ¯ à Tel.: 3624-1310.

Õ

Restaurante Ninho da Águia. Abre todos os dias, servindo almoço e porções. Investe em pratos que valorizam a culinária mineira como a Truta, peixe típico da região. Tudo isso em meio à paisagem da Serra da Mantiqueira. Frango caipira e leitoa devem ser solicitados com pelo menos uma hora de antecedência. Aceita Visa e Mastercard. Rod. Itajubá - Delfim Moreira, KM80.

Õ

Restaurantes - Maria da Fé Restaurante Três Marias. Comida mineira no fogão à lenha. Macarronada, leitoa, saladas variadas, frango caipira e sobremesas caseiras. Av. José de Campos Sales, 151.

Õ

Restaurante Carioca. Oferece comida caseira, marmitex, prato feito, feijoada todas as sextas e sábados. Uma boa opção, com preço justo. Dom Bosco, 06, Centro.

Õ

Restaurantes - Piranguçu Restaurante Caipira Pé na Roça. Deliciosa comida mineira feita no fogão à lenha e pizzas com bordas recheadas, assadas na fornalha. Tem como especialidade a leitoa à pururuca, o frango caipira e variados tipos de pratos quentes, saladas e sobremesas. Ambiente familiar, parquinho para as crianças, lago com pedalinho, loja de artesanato, espaço para eventos, estacionamento e atendimento de qualidade. Abre aos sábados, domingos e feriados. Estrada dos Antunes, Km2. Tel.: 3643-1115. ¯ à

Õ

Pizzarias - Itajubá Dom Peppi. Uma das mais tradicionais da cidade, oferece pizzas à base de alho, bacon, calabresa, palmito, lombo, frango, verduras, queijo, presunto, peixe, além de pizzas especiais como a Mexicana, Aliche e Alcaparra. Faz calzones de todos os sabores de pizzas. Aberta todos os dias a partir das 18h. Pedidos podem ser feitos a partir das 17h. Rua Miguel Viana, 268, Morro Chic. à Tels.: 3623-5669 e 3623-6646. Skina da Pizza. Forno à lenha e os mais variados sabores de pizzas, entregues em sua casa. Pizzas em promoção, como Alho, Calabresa, Mexicana, Presunto e Banana. Destaque para pizza de Bacalhau, Califórnia, Pêssego e Carne Moída. Rua Cel. Joaquim Francisco, 158, Varginha. Tel.: 3622-8011. à Varanda. Linda vista da cidade, impecável decoração, excelente atendimento e o sabor inigualável das pizzas e demais iguarias. Rua Comendador Antônio Rodrigues de Oliveira, 254, Cruzeiro. Tel.: 3621-4413. à

¯MÚSICA AO VIVO

ÕDIA àNOITE

Quer o seu estabelecimento ou o serviço que oferece retratados neste espaço? Envie sua nota gratuitamente. comercial.guiadamantiqueira@gmail.com 42

43

‘Poncovô’ em ITAJUBÁ

Artesanato e Afins

Aventura

Associação de Artesanato Artes da Terra Praça Getúlio Vargas - Tel.: 3621-7386.

Cachoeira do Corredor Serra dos Toledos, km 3 - Serra dos Toledos.

Associação de Artesãos de Itajubá Praça Wenceslau Braz - Tel.: 3622-3646. Mercado Municipal Av. Paulo Chiaradia, Bairro São Vicente. De 2ª a 6ª feira, das 7h às 18h; sábados e domingos, das 7h às 12h.

Atrativos Culturais Espaço Cultural João Baptista Brito Praça Theodomiro Santiago, 104, Centro. Tel.: 3692-1808. De 2ª a 6ª, da 8h às 18h. Casa Centenária Rua Cel. Rennó, 55, Centro. Tel.: 3622-5237. Igreja Matriz de Nossa Senhora da Soledade Praça Padre Paulo, 18, Centro.

Corredeira da Cachoeira Grande Estrada para o Bairro Rio Manso Serra da Pedra Aguda Estrada do Anhumas, Km 10, Anhumas (Visita Guiada).

Bibliotecas Biblioteca Infanto-Juvenil Bernardo Guimarães Praça Dr. José Braz, s/n, Morro Chic. Tel.: 3692-1801. Biblioteca Mauá Campus Prof. José Rodrigues Seabra Av. BPS, 1303, Pinheirinho. Telefax: 3629-1124. Biblioteca Municipal Praça Theodomiro Santiago, 104, Centro. Tel.: 3692-1743.

Museu Municipal Wenceslau Braz Praça Dr. João Braz, s/n, Boa Vista. De 2ª a 6ª feira, das 8 às 12h e das 14 às 17h. Santuário de Nossa Senhora da Agonia Rua Projetada, s/nº, Nossa Senhora da Agonia. Tel.: 3623-2512. Todos os dias, das 7h às 21h. 44

Livrarias Lume Cultural Rua Dr. Pereira Cabral, 304, Centro. Tel.: 3012-2597 Nobel Praça Adolpho Olinto, 28, Centro. Tel.: 3622-4410

‘Poncovô’ em MARIA DA FÉ

Atrativos Culturais Igreja Matriz Nossa Senhora de Lourdes Praça Nossa Senhora de Lourdes.

Arte e Design Ateliê Arte da Terra Av. Luiz Corrêa Cardoso, 96, Turquia. Tel.: 9161-2728. Ateliê Leonardo Bueno Trevo Maria da Fé - Cristina, 55. Tel.: 3662-1299. Ateliê JP Ecodesign Av. Dr. Silvestre Dias Ferraz, 474, Laje. Tels.: 4105-0717/8443-0039. Casa do Artesão Mariense - Centro Cultural Praça Getúlio Vargas, 01, Centro. Tel.: 3662-1135.

Estúdio Domingos Tótora Rua Darci Cardoso, 300. Tel.: 3662-1328. Oficina Gente de Fibra Rua Teodomiro Santiago, 160. Tel.: 3662-1702.

Aventura Cachoeira Véu de Noiva Estrada Velha de Itajubá - 4 km. Pico da Bandeira Acesso pelo bairro da Pedra Preta - 8 a 10 km do centro da cidade.

Passeio Fazenda Experimental EPAMIG Rua Washington Wiglione. Tel.: 3662-1227

45

‘Poncovô’ em DELFIM MOREIRA

Artesanato

Igreja Matriz de Nossa Senhora da Soledade Praça Sebastião Rodrigues Ferreira, s/nº, Centro. Tel.: 3624-1104. Todos os dias, das 7h às 19h30.

Associação de Artesãos da Fundação Roge Rua Clementino Batista da Cunha, s/n, Vargem. Tels.: 3624-1529/3624-1222. Alquimia Rural Artesanato Rua Pres. Tancredo Neves, 135, Itagyba. Tels.: 3624-1391/9929-7615.

Aventura Cachoeira Ninho da Águia Rod. MG 350, Km 79, Bairro Água Limpa. Tel.: 3621-2216.

Atrativos Culturais Museu Histórico e Cultural de Delfim Moreira Agendamento de visitas: de 2ª a 6ª, das 8 às 11h e das 13 às 17h. Tel.: 3624-1288.

Cachoeira do Areião Rodovia Itajubá-Lorena BR459, Km 187.

Atrativos Culturais Igreja de Nossa Senhora do Carmo Bairro do Capote Matriz de Santa Isabel Praça Coronel Braz Estação Ferroviária de Olegário Maciel Bairro Olegário Maciel 46

Robson Grilo

‘Poncovô’ em PIRANGUINHO

47

Classificados

Casa em Maria da Fé. Sobrado Novo. R. Teodomiro Santiago, 72, Centro. Tel.: 9201-0988. Celina. Festas Crepe Suíço e Mini Pizza. Aceita encomendas. Fale com Cristina. Na Praça Getúlio Vargas ou Tel.: 8814-4544. Serviços Execução e renovação de PPRA, treinamentos, palestras, adequações conforme a NR e outros. Emilson Fernandes. Tels.: 8817-4825(Oi), 9185-9364(Tim),36225974(Res.)

Pálio ELX 1.0 2008 (Verde/ Mod Novo/DH/VE/TR/AL/ Roda/Som) - R$ 24.000

Vectra 2.0 GT 2008 (Preto/ Completo/SOM/AR DIg./ Airbag) - R$ 32.000

Uno VIV 1.0 4P 2012 (Cinza/Atractive/Completo/ Ar/DE/VE/TE/AL/Som) - R$ 24.000

Zafira 2.0 EXP 2008 (Preto/ Completo/Airbag Duplo/ ABS/Couro/Roda de liga/ Nova) - R$ 33.800

Uno 4P Way 2012 (Branco/ Novo/16.000km) - R$ 22.000

Montana 1.4 Long (Prata/ Completo/AR/DH/AL/ Roda/5 Pneus novos) - R$ 23.800

Ford Honda Eco Sport Free XLT 2009 (Prata/Completo/Nova/1.6) - R$ 37.800 Fiesta S 1.6 2012 (Preto/ Completo/AR/DH/VE/TR/ AL/Som) - R$ 29.000 Focus 2.0 2009 (Prata/ Completo/Automático/A. Bag/ Som Fábrica/ABS) R$ 38.800

GM - Chevrolet Agile 1.4 LTZ 2011 (Bege/ Completo/AR/DH/VE/TR/ AL/Roda/Airbag Duplo/ ABS/Som) - R$ 31.800 Citroen Citroen C3 GLX 2009 (Preto/Completo/Roda de Liga/Som) - R$ 23.900 Fiat Pálio ADV.LOCK 2010 (Preto/Completo/32.000Km/Airbag Duplo/ABS/Nova) - R$ 39.000

48

Astra 2.0 ADV 4P 2010 (Preto/Completo/Único Dono/5 Pneus Novos/ Revisdo) - R$ 31.000 Celta 2.0 ADV 4P 2011 (Preto/VE/TR/AL/Kit Visibilidade/Único Dono) - R$ 22.000 Meriva 1.8 MAX 2005 (Prata/Completo/Som/ Roda) - R$ 22.500

Fox 1.6 Prime 2010 (Prata/ Completo/G2/Câmbio Borboleta/Sensor de Estacionamento/Novo) R$ 31.000 Polo S 1.6 2010 (Cinza/ Completo/Único Dono/ Som/Sensor de Estacionamento/IPVA/Taxa) R$ 31.000 Spacefox 1.6TR 2010 (Preta/Completa/Único Dono/Roda de Liga/Sensor de Estacionamento) R$ 30.500

Civic LXL Aut 2012 (Preto/ Top de Linha/Novo) - R$ 62.000 Mitsubishi Lancer 2012 (Preto/ Completo/top de Linha/ Couro/Roda de liga 18) - R$ 57.500 Peugeot

Focus S 2.0 GHI 2009 (Azul/Completo/Teto/ Couro/Único Dono) - R$ 38.000

Volkswagen

207 XRS 1.4 5P 2010 (Bege/Completo/Roda de Liga/Novo) - R$ 25.500 307 Feline 2011 (Prata/ Top de Linha/Teo/Banco de Couro/Único dono) - R$ 38.500 Subaru Subaru BRZ 2013 (Prata/Forester/2.5 Turbo/230CV/Top Couro/ Teto/Único Dono) R$ 76.900 Toyota Corolla XE AUT 2013 (Preto/Completo/Couro/ Câmbio Borboleta/Único Dono/Novo) R$ 63.500

Telefone: (35) 3622-4818

Vende-se

Prisma 1.4 MAX 2009 (Prata/DH/VE/TR/AL/ Som) - R$ 23.000

ENVIE O SEU PARA O EMAIL: comercial.guiadamantiqueira@gmail.com

Giselle Home Care. Depilação, depilação artística, gomage corporal, SPA dos pés, sobrancelha. Atendimento em domicílio. Tel.: 9198-9401. gifpf@ yahoo.com.br.

Pálio ATTR 1.4 2012 (Preto/Completo/Som/F. Milha) - R$ 31.000

CLASSIFICADOS GRATUITOS

Bem Estar

49

Utilidades

DDD 35 Itajubá Hospedagem a Hotel A Modelar Tel.: 3623-1466 a Hotel Amantykir Tel.: 3622-5252 a Hotel Bramig Tel.: 3623-5252 a Hotel Brasil Tel.: 3623-7800 3623-3430 a Hotel Centenário Tel.: 3622-1146 3622-1866 a Hotel Coroados Tel.: 3622-1977 a Hotel Embaixador Tel.: 3622-4646 a Hotel Oriente Tel.: 3623-5317 3623-4122 a Hotel Senzala Tel.: 3621-3267 a Itajubá Flat Tel.: 3622 -2210 a Novo Hotel Tel.: 3623-5422 a Palace Hotel Tel.: 3623-4500 a Poeta Flat Hotel Tel.: 3622-1932 a Real Hotel Tel.: 3623-1422

Empresas de Ônibus a Expresso Gardênia Tel.: 3623-5274 a Expresso Valônia Tel.: 3621-1414 a Viação Bel Tour Tel.: 3623-5377 a Viação Natércia Tel.: 3623-4274 a Viação Pássaro Marrom Tel.: 3623-5180 a Viação Santa Teresinha Tel.: 3623-5424 a Viação São José Tel.: 3623-5424 a Viação Transul Tel.: 3623-5377 50

Esportes e Turismo

Maria da Fé

a Circuito Turístico Caminhos do Sul de Minas Tel.: 3621-1859 a iGama Turismo e Entretenimento Tel.: 8867-3562 a Primata - Escalada e Aventura -Tel.: 3622 2481 a Triboo! Montanhismo Tel.: 3622-5673

Hospedagem

Hospitais a Hospital Escola de Itajubá Tel.: 3629-7600 a Hospital Odontomed Tel.: 3621-2000 a Hospital Saúde Ceam Tel.: 3629-8000 a Santa Casa de Misericórdia Tel.: 3622-0011 a Unimed Itajubá Tel.: 3629-5304

Pontos de Táxi a Ponto Avenida Tel.: 3623-1975 a Ponto de Táxi 2 Tel.: 3623-4620 a Ponto de Táxi Mercado Municipal Tel.: 3622-0604 a Ponto de Táxi Praça Central Tel.: 3622-0597 a Ponto de Táxi da Rodoviária Tel.: (35) 3623-5369

Serviços Públicos a 4º Pelotão de Bombeiros Militar de Minas Gerais Tel.: 3692-1790 (Urgência: 193) a 33ª Delegacia Regional de Polícia Civil Tel.: 3623-5511 a Departamento de Defesa Civil de Itajubá Tel.: 3692-1802 (Urgência: 199) a Polícia Militar Tel.: 3623-1900 (Urgência: 190)

a Hotel Colonial Gold Tel.: 3662-2032 a Sítio Arvoredo Tel.: 8424-9444 a Pousada Flor de Cerejeira Tel.: 9105-6892 a Pousada Maria da Fé Tel.: 3662-1411 a Pousada Vovó Pina Tel.: 3662-1753 a Pousada da Serra Tel.: 3662-1301 a Pousada JC Tel.: 3662-1361 a Hotel Dona Marta Tel.: 3662-1293

Delfim Moreira Hospedagem a Fazenda Boa Esperança 9927-6655 a Hotel Serra Bonita 3624-1456/3624-1561 a Pousada Fazenda Lageado 3626-1110/3662-1316 a Pousada e Restaurante La Luna - 3624-1310 a Pousada Solar da Mantiqueira - 9963-6677 a Rancho Wind Inn 9996-7894

Piranguçu Hospedagem a Pousadas e Cachoeira São Bernardo 8449-2008/9632-5068 a Pousada Verde Maratea 3643-1188/9820-1401

Pouso Alegre Hospedagem a Marques Plaza Hotel 3422-2020 a Hotel Pousada Maracanã 3421-3555/3422-2081 a Central Parque Hotel 3422-9800

a Fênix Hotel - 3423-6000 a Hotel Fernandão 3449-2010 a JB Palace Hotel 3423-7870 a Arley Hotel - 3422-2076 a Hotel Lydia - 3422-7002 a Hotel Maracanã 3421-1054 a Jr Hotel - 3423-0018 a Hotel Perez - 3423-5779

Hospitais a Corpus Hospitalar 3449-2200 a Hospital das Clínicas Samuel Libânio 3422-2345 a Hospital de Olhos de Pouso Alegre -3425-3132 a Hospital e Clínica Santa Paula - 3423-870

Pontos de Taxi a Av. Vicente Simões 3423-8555 a Hospital Regional Pouso Alegre 3421-1722/3421-6505 a Praça. Dr. Garcia Coutinho - 3421-3744 a Pça Sen. José Bento 3421-1734 a Táxi Rodoviário 0800 283-3320

Serviços Públicos a Aeroporto Municipal 3422-4894/3449-4216 a Corpo de Bombeiros 193/3421-2726 a 23ª Delegacia Regional de Polícia Civil 3422-2244/3422-2192 a Polícia Militar de Minas Gerais - 20º Batalhão 3422-3000/3422-3616 a Polícia Rodoviária Estadual - 3421-2012 a Rádio Patrulha – 190 a Terminal Rodoviário de Pouso Alegre -3449-4309 a UAI - Pouso Alegre Rua Comendador José Garcia, 420

51

52


Guia da Mantiqueira - Itajubá e Região - Edição 11 - Fevereiro 2014