Issuu on Google+

São João da Boa Vista, 10 de abril de 2013 | Ano 01 | Edição 03

Vargem Grande do Sul oficializa futsal profissional em evento que contou com a presença de Pampa. Pág.12

Amor no que faz Paulo Renor Rosa Junior fala da carreira com o basquete. Pág. 9

Luiz Gustavo Gasparino

Profissional em 2014

Distribuição gratuita | 2.000 exemplares Lívia Campos

Os nomes da EPTV Págs. 4 e 5

Pratinha segue líder Com vitória apertada, alviverde sanjoanense se isola na liderança do Amador. Pág. 6

Basquete passa fácil

Natação leva 30 medalhas

Kung Fu vai à China

Palmeiras vence Santa Bárbara D'Oeste por 97 a 38, pelo Regional da ARB. Pág. 14

Esportiva e Palmeiras conquistam bons resultados no torneio de Mococa. Pág. 14

Academia Fei-Long levará seis lutadores para torneio internacional. Pág. 18

Pág. 2 | Jornal Linha de Passe

São João da Boa Vista | 10.4.2013

Editorial E xp

ediente

Jornal Linha de Passe Esportes Diretor Antonio Carlos Soares

Jornalistas responsáveis Eduardo Correia MTB: 11.107 Luiz Gustavo Gasparino MTB: 47.333

Diagramação e arte Juliano de Souza juliano905@gmail.com

Depto. Comercial Agência Movimento lpesportes@gmail.com (19) 9428.6671 - 3631.6761

Tiragem 2.000 exemplares

Distribuição Gratuita

Contatos

Linha de Passe - Esportes

lpesportes@gmail.com

Luiz Gustavo Gasparino lggasparino@uol.com.br @luizggasparino Eduardo Correia edu_reportagem@hotmail.com @edupcorreia Rua Floriano Peixoto, 304 A, Centro São João da Boa Vista - SP

Seu espaço

Cumprir o que promete

A

reportagem do LP esteve em Vargem Grande do Sul acompanhando o Lançamento do Projeto Futuro Olímpico, que vai beneficiar mais de 3 mil pessoas entre crianças, jovens, adultos e idosos. Entre outras novidades, a secretaria de esportes e lazer da cidade divulgou também a criação do Instituto de Judô e da Liga Vargengrandense de Futebol Amador. Até então, situações palpáveis que mostram nossos vizinhos bem a frente da gente, no quesito esporte. Mesmo porque, as praças esportivas de lá dão de 10 a 0 nas nossas, todas bem novas e cuidadas com carinho pelo poder público. Agora, uma das novidades que mais fez brilhar os olhos dos presentes ao evento foi a confirmação de uma equipe profissional de futsal para 2014, disputando Liga Paulista e Nacional, dois dos principais campeonatos da modalidade. Tudo pareceu muito verdade, pois lá estavam grandes representantes do futsal atual. Só que, aí, com tudo o que aconteceu no esporte de São João e região nos últimos anos, nós preferiremos esperar o fato se concretizar e ver se realmente vai dar certo. Já tivemos um futebol profissional muito forte (que terminou na década de 1990); um futsal maravilhoso (que parou no mesmo período) e um basquete que nos deu muitas alegrias (mas que durou poucos anos em Casa Branca e São João da Boa Vista). Vemos, hoje, equipes ‘capengando’ para disputar a 4ª divisão paulista (casos de Radium de Mococa, Pirassununguense e Palmeirinha de Porto Ferreira). E, para quem não se lembra, um cidadão chamado Clóvis Barreto caiu de páraquedas na cidade, em 2006, com um tal de Clube Boa Vista Ltda., deixando dívidas na cidade e enganando todos aqueles que, muito ou pouco, trabalharam com ele. Portanto, isso é tudo muito bonito e deixa os apaixonados por esporte na região muito contentes e esperançosos. Contudo, preferimos esperar tudo realmente dar certo. Mas, claro, torcendo para que aconteça e seja realmente um sucesso.

Cartas dos leitores “O “Jornal Linha de Passe Esportes” foi lançado na cidade de São João da Boa Vista em março de 2013, com o objetivo de informar e orientar os praticantes do esporte. No dia 12 de março de 2013 tivemos a honra e a satisfação de receber a primeira edição do “Jornal Linha de Passe Esportes”. Este vereador, que construiu sua vida sobre as premissas da imprensa e do esporte, acreditando no poder transformador que este pode proporcionar a sociedade, não poderia deixar de prestar essa simples homenagem. Gostaria de enviar os cumprimentos e considerações deste vereador aos jornalistas Luiz Gustavo Gasparino e Eduardo Correia, bem como a todos os colaboradores do jornal." Atenciosamente

Como era de se esperar... um sucesso! Toni Marques via Facebook Acabei de ler a primeira edição do Linha de Passe! Parabéns mais uma vez! Jornalismo de qualidade! Adorei! Lígia Souza via Facebook Parabéns pelo jornal. Este sim é o jornal que fala bastante do Amador de São João. Abração! Carlos Cevitelli via Facebook Bom dia. Vocês poderiam fazer uma matéria sobre os últimos anos do futebol profissional do nosso Palmeirinhas. Saudades viu, de ver um profissional por aqui. Abraços!

Réberson Menezes Vereador

Diego Ramos via Facebook

RESPOSTA da enquete:

Das seis equipes invictas na 1ª Divisão do Amador Regional (até a 2ª rodada), qual delas tem mais chance de conquistar o título? 1º Pratinha = 29,27% | 2º Vila Nova (Aguaí) = 21,95% 3º Cruzeirinho = 21,95% | 4º Esportiva = 9,76% 5º Santo Antonio = 9,76% | 6º Botafogo = 4,88% 7º Outra equipe = 2,43%

NOVA enquete

Qual cidade da região chegará mais longe na Taça EPTV de Futsal? Aguaí / Águas da Prata / Casa Branca / Divinolândia / Santa Rita do Passa Quatro / São João da Boa Vista / São José do Rio Pardo / São Sebastião da Grama / Vargem Grande do Sul. Responda pelo e-mail lpesportes@gmail.com ou pela página do facebook "Linha de Passe Esportes"

São João da Boa Vista | 10.4.2013

Pág. 3 | Jornal Linha de Passe

Bola na área

Visão do esporte Fátima Ribeiro

Valter Ferreira

Morre "Seu Zé do Campo"

JORI começa No dia 1º, ocorreu no Unifae o Pré-Congresso do XVII JORI. O prefeito Vanderlei Borges de Carvalho declarou que a cidade está ciente da responsabilidade que tem pela frente.

1ª Dama Foi confirmada para a Abertura a presença da primeira dama do Estado, Lú Alckmin, que também é presidente do Fundo Social de Solidariedade. O evento terá mais de 50 municípios.

Faleceu no sábado, dia 6, um dos personagens que fizeram parte da história do futebol do Palmeiras FC. José Ignácio Neto – “seu Zé do Campo” – foi funcionário do estádio Getúlio Vargas Filho desde 1963 e completaria 84 anos em 01/10. Natural de São João da Boa Vista, “seu Zé” era uma espécie de ‘faz tudo’ nas dependências do estádio. Ele deixa um legado de excelente pai de família, avô e funcionário exemplar.

A evidente preocupação com a qualidade de vida coloca o esporte em privilegiada posição e leva ao já consagrado “xô sedentarismo’. Pois bem, mas na verdade, o entusiasmo esportivo nesta Terra tupiniquim volta-se, de maneira significativa, ao futebol. Todos querem conquistar o status dos famoNunca um Congresso da EPTV sos, dos que garantem imagem foi tão desorganizado como o especial, em nível internacional: desde Mané Garrincha, que ocorreu na quinta-feira, passando pelo Rei Pelé, o fedia 4. Quem levou a pior foi nômeno Ronaldo, Ronaldinho Vargem, que teve sua ‘bolinha’ e demais descendentes dessa perdida no sorteio e acabou tribo notável! caindo no “grupo da morte”. Mas esporte não é só isso. Esporte é a prática de competições e atividades que desenvolvam corpo e mente de maneira saudável. As academias que o O ginásio do CIC receberá digam: pontos de referência um ‘tapa’ para os jogos da de mocinhos e mocinhas que EPTV e Regionais do Idoso. apostam no “corpo sarado”. As informações são de que E não é só. Além de competições, disputas, malhação, há os a tinta já está comprada resultados sociais: economie o trabalho deverá ter camente o país ganha muito! início na próxima semana. Basta observar os preparativos

Bagunça?

Pintura

Como anda a valorização do esporte? Fátima Ribeiro é jornalista, professora universitária do Centro Universitário Unifae e colaboradora desta edição.

semifinais para o maior evento futebolístico do mundo: a Copa! E vamos a mais algumas considerações: tudo acontece à moda “tupiniquim” mesmo! Nada dentro do que seria o planejamento, mas na hora H, tudo pronto! Brasileiro gosta da última hora, do “jeitinho”, e isso às vezes não pega bem, e o que é pior, não funciona como devia. Mas mesmo assim há que se reconhecer a expectativa sem precedentes para esse e outros eventos esportivos que têm tornado nosso Brasil alvo de todo o Planeta. Porém, com certeza a pergunta que não quer calar passeia por aí: estamos preparados para tudo isso? Certamente no aspecto esportivo temos craques à altura, o que não garante a Taça, não. É preciso técnica e tática; garra e comprometimento. E, cá pra nós, ainda não estamos convencidos. Não é mesmo? E com relação às Olimpíadas? Que modalidades são valorizadas nesta Terra? Tudo

bem, o futebol é marca registrada. Agora, a natação tem nos dado orgulho; o vôlei, o basquete, o tênis têm revelado atletas que trouxeram e trazem vitórias além fronteiras. Mas o que se percebe é a dificuldade de preparar atletas; dificuldade em bancar competições. Os patrocinadores nos parecem tímidos, as famílias nem sempre podem custear viagens, disputas... Um cenário que reflete uma espécie de nuvem entre a importância do esporte e a possibilidade de manter uma modalidade qualquer. E como reflexão deve-se pensar na oportunidade de uma atenção maior a qualquer opção esportiva diante de eventos que, além da movimentação incomum, representam um foco a ser alimentado, desvia a atenção de atrativos ruins e ajuda a garantir a tão propagada qualidade de vida. Afinal, esporte é tudo de bom. Fátima Ribeiro

Pág. 4 | Jornal Linha de Passe

São João da Boa Vista | 10.4.2013

Reportagem especial Taça EPTV

‘Lambanças’ marca início da Taça EPTV de Futsal Slides apagados, ‘bolinhas’ do sorteio que sumiram e a ‘fuga’ de Paulo Brasileiro, chefão da EPTV Central, antes do final marcaram o ‘confuso’ Congresso Técnico da 17ª edição da Taça EPTV de Futsal, realizado na última quinta-feira, dia 4, no SESC São Carlos. Representantes de 35 cidades estiveram presentes ao evento e acompanharam o sorteio que definiu as chaves da Fase 1 da competição. As equipes foram divididas em nove grupos, sendo oito deles com quatro cidades e um com apenas três (veja a formação no gráfico ao lado). Compuseram a mesa oficial o gerente da EPTV Central, Paulo Brasileiro (que saiu correndo e não concedeu entrevistas, devido a confusão do sorteio – veja abaixo), o coordenador técnico Nelson de Faria, Cristina Aguiar (diretora de marketing da Taça EPTV, que fez ‘lambanças’ com os slides dos patrocinadores, junto com sua equipe) e Edson Henrique Rosa (Rick Eventos) e Edson Pontes, ambos organizadores da parte técnica do torneio, que também se atrapalharam no sorteio das equipes – veja abaixo.

"Conseguimos montar uma equipe competitiva" Chicão Regini

Fotos Luiz Gustavo Gasparino

 Equipes - Auditório do SESC contou com representantes das 35 cidades

A edição 2013 da Taça EPTV teve mudanças no regulamento que interferem dentro e fora das quadras. Não será possível a participação de atletas federados no torneio, com o objetivo de revelar e dar oportunidade para novos talentos das cidades. Outra modificação é a de que os municípios não enfrentarão apenas cidades vizinhas na 1ª fase, unindo todos os times no sorteio. De acordo com Paulo Brasileiro, o objetivo é a integração regional. “Tiramos a divisão da Anhanguera (método usado para dividir as equipes, em alusão a rodovia que cruza a região) pois, hoje, as pistas estão em boa qualidade, além de evitar a repetição de jogos que acontece todos os anos, em outras competições”, disse. No Congresso Técnico também foi anunciada a cidade

que receberá a abertura da competição, no próximo dia 20 de abril, às 17h. A vizinha Aguaí foi a escolhida e a cerimônia será realizada no Ginásio de Esportes Domingão, com desfile das delegações participantes e o jogo de abertura da equipe da casa contra

Guarapiranga. Segundo o diretor de Esportes da Prefeitura Municipal de São João da Boa Vista, Francisco Pedro Regini Junior, o ‘Chicão’, a equipe está pronta para busca o sexto título da Taça EPTV, depois de dois anos batendo na trave (3º em

 Abertura - Adauto Silva, diretor de esportes (direita) recebe a tocha simbólica

2011 e 2º em 2012). “As expectativas são boas para este ano, pois conseguimos montar uma equipe competitiva e todos estão empenhados para nossa cidade ser bem representada”, disse ‘Chicão’. Em breve, o Departamento de Marketing da equipe irá divulgar a data da coletiva de imprensa, onde serão revelados os patrocinadores e será apresentado o elenco sanjoanense completo. Confusão Os erros do sorteio começaram com a colocação dos cabeças de chave. Em vez de Descalvado (cabeça de chave do grupo 8), Brotas foi colocada em seu lugar, o que fez com que os representantes das duas equipes no auditório alertassem o erro. Na sequencia da elaboração dos grupos, duas ‘bolinhas’ sumiram, o que fez com que duas agremiações ficassem sem grupos: Vargem Grande do Sul e Tapiratiba. Em vez de um novo sorteio, as duas cidades foram colocadas nas duas últimas vagas das chaves restantes (grupos 7 e 8). Quem levou a pior foi Vargem, que caiu no considerado "grupo da morte" - o 7 -, ao lado de Itirapina (atual campeão), Leme e Santa Rita do Passa Quatro (que será representado pelo Reio Futsal e comandado pelo famoso técnico Foguinho). Confira ao lado os grupos formados, as datas da competição e o elenco completo de São João da Boa Vista para a 17ª Taça EPTV de Futsal que começa dia 25: L.G.G.

São João da Boa Vista | 10.4.2013

Pág. 5 | Jornal Linha de Passe

Reportagem especial Taça EPTV

Atletas relacionados para a 17ª Taça EPTV de Futsal Goleiros:

Comissão Técnica:

Luis Gustavo Campos (São João da Boa Vista)

Treinador: Robinson Pistori – Robinho

Atletas de Linha: Octávio Marques (São João da Boa Vista) Kalu Trafani (São João da Boa Vista) Juliano dos Santos – Bijú (São João da Boa Vista) Fábio Luis Medina – Binho (São João da Boa Vista) Valdemar da Costa Junior – Juninho (Águas da Prata) Thiago Rodrigues (Bebedouro) Ricardo Tutilo (Itália) Thales Crepaldi (Barueri) Willian Figueiredo – Alemão (Itapevi) Robson Crispim (Itapevi) Leandro Cardoso – Léo (Americana) Adriano Moura (Campinas) Rogério Correia (Barueri)

Auxiliar Técnico: João Batista de Almeida – Caxambu Supervisor Técnico: Sidnei Ramos – Nei da Farmácia

Grupo 5

São João da Boa Vista

Pirassununga Santa Gertrudes

Casa Branca

Caconde

Divinolândia

Rincão

São Carlos

Grupo 6

Grupo 2

São José do Rio Pardo

Américo Brasiliense

Bueno de Andrada

Águas da Prata

Aguaí

Santa Lúcia

Preparador Físico: Eduardo Tenari Massagista: Benedito de Oliveira – Dadá

Grupo 1

Boa Esperança do Sul

flickr.com

Fernando Pereira – Careca (Jandira)

Grupos formados – 35 equipes

Grupo 7 Itirapina

Grupo 3

Leme

Porto Ferreira

Santa Rita do Passa Quatro

Brotas

Vargem Grande do Sul Grupo 8

Ribeirão Bonito

Descalvado

Ibaté

Dourado

Grupo 4

Araraquara

Santa Cruz das Palmeiras

Tapiratiba

Matão  Thales Crepaldi jogou sete anos na Seleção italiana de futsal

Guarapiranga

Grupo 9 Gavião Peixoto

Nova Europa São Sebastião da Grama

Rio Claro Araras

Datas definidas: Abertura: Jogos: Semifinal: 3º/4º lugares: Final:

20 de abril (em Aguaí); de 25 de abril a 27 de maio; 30 de maio (quinta-feira); 3 de junho (segunda-feira); 8 de junho (sábado), às 8h30.

Pág. 6 | Jornal Linha de Passe

São João da Boa Vista | 10.4.2013

Futebol amador 1ª Divisão

Vitória ‘suada’ garante

liderança isolada do Pratinha Uma vitória conquistada na garra. Foi assim considerada a soma de mais três pontos para o Pratinha, que, na manhã do último domingo, dia 7, no estádio municipal do CIC, venceu apertado o Olaria São Pedro pelo placar de 3 a 2, pela 3º rodada do Campeonato Amador Regional – Troféu Venício Nogueira. O atacante Lucas Campestrinho marcou os dois gols do alviverde no 1º tempo. Na volta para a etapa final, o time relaxou e o Olaria conseguiu o empate com dois gols do também atacante Charles Perninha. Batatinha, que chegou atrasado e ficou no banco, foi o herói da partida, entrando e garantindo a vitória pratinhense, com o terceiro gol marcado aos 35 minutos do 2º tempo. O técnico Neto, do Pratinha, afirmou que teve medo da derrota, mas que a entrada de Batatinha deu outro ânimo a equipe. “Achei que tomaríamos a virada, pois entramos muito apagados no 2º tempo. Mas o Batatinha entrou bem no jogo e fez com que conquistássemos a vitória e a liderança. Pelo menos essa semana vamos dormir na ponta”, relatou Neto. No outro jogo do estádio do CIC, o Botafogo só atacou, mas parou na boa atuação do goleiro Renato do Palmeirinha, que, com um ‘chutaço’ de fora da área do meia Felipe, venceu o alvinegro por 1 a 0. Edinho Pagani, técnico do Botafogo, explicou a situação complicada do time nesse início de competição. “Estamos com dificuldade para montar a equipe, mas hoje (domingo) não merecíamos perder. Faltou qualidade na finalização e po-

Franco Junior

 Complicou - Derrota coloca Olaria na zona do rebaixamento

díamos ter tido uma sorte melhor”, destacou Pagani. Outro jogo difícil da rodada ocorreu no CSU DER, com a vitória do Atlético 1º de Maio frente ao Santo Antonio por 2 a 1. O zagueiro Taroba e o atacante Lizandro marcaram para

o 1º de Maio, enquanto que Gui descontou para o Santo Antonio. Já na preliminar do estádio municipal Francisco Pedro Regini (Pratinha), Cruzeirinho e River Plate fizeram uma bela partida e empataram em 3 a 3.

Marquinhos, Rafael Bim e Murilo marcaram para os azuis e brancos, enquanto que Binho, duas vezes, e Denis fizeram para os aguaianos. Última posição Quem continua decepcio-

nando na competição é o Atlético DER, que conheceu neste domingo, no campo do Pratinha, sua terceira derrota consecutiva, em três jogos. Desta feita, o adversário foi o Sport Durval, que também não havia vencido no torneio, mas conseguiu vencer com o placar de 2 a 1. Leandro e Bruno marcaram para o Sport, enquanto que Marcinho descontou para o Galo. Com o resultado, a equipe do DER ocupa a última posição, sendo a única com nenhum ponto marcado, dividindo a rabeira com outro grande sanjoanense, o Olaria São Pedro, que tem apenas um ponto. Vila Nova e Esportiva brigariam pela liderança no estádio Dr. Oscar de Andrade Nogueira (SES), mas a forte chuva que caiu na sexta-feira fez com que a Liga adiasse o confronto, que poderá ocorrer no feriado do dia 1º de maio. Confira ao lado mais resultados, classificação, os melhores e as próximas rodadas dessa 1ª fase: L.G.G. Valter Ferreira

 Homenagem - Todos os jogos tiveram um minuto de silêncio

São João da Boa Vista | 10.4.2013

Pág. 7 | Jornal Linha de Passe

Futebol amador 2ª Divisão Amador Regional - Troféu Venício Nogueira - 1ª Divisão 3ª Rodada - 07 de abril de 2013 CIC - 8h - Pratinha 3 x 2 Olaria São Pedro Gols: Lucas Campestrinho - 2 e Batatinha (PRA); Charles Perninha - 2 (OSP). CIC - 10h - Botafogo 0 x 1 Palmeirinha Gol: Felipe (PAL). CSU DER - 10h - Atlético 1º de Maio 2 x 1 Santo Antonio Gols: Taroba e Lizandro (ATM); Gui (STA). PRATINHA - 8h - Cruzeirinho 3 x 3 River Plate Gols: Marquinhos, Rafael Bim e Murilo (CRU); Binho - 2 e Denis (RPL). PRATINHA - 10h - Atlético DER 1 x 2 Sport Durval Gols: Marcinho (DER); Leandro e Bruno (SPD). SES - 10h - Vila Nova x Esportiva Jogo adiado devido a forte chuva de sexta-feira, dia 5

CSU DER – 8h CSU DER Pratinha – 10h SES – 9h

5ª Rodada – 21 de abril de 2013 CIC – 8h

CSU DER – 10h Pratinha – 8h

River Plate x Atlético DER Sport Durval x Vila Nova (ao vivo - Piratininga AM 970) Palmeirinha x Olaria São Pedro Pratinha x Santo Antônio

Pratinha – 10h

Atlético 1º de Maio x Cruzeirinho

CIC – 10h

SES – 9h

Esportiva x Botafogo

Pratinha = 09 (SG = 5 / GP = 9)

Vila Nova = 06 (SG = 5 / GP = 8) – um jogo a menos

Esportiva = 06 (SG = 4 / GP = 5) – um jogo a menos

Cruzeirinho = 05 (SG = 1 / GP = 4)

Botafogo = 04 (SG = 1 / GP = 2)

River Plate = 04 (SG = 0 / GP = 7)

Santo Antonio = 04 (SG = 0/ GP = 4)

Atlético 1º de Maio = 03 (SG = -2 / GP 5)

Sport Durval = 03 (SG = -3 / GP = 2)

10º

Palmeirinha = 03 (SG = -3 / GP = 1)

11º

Olaria São Pedro = 01 (SG = -4/ GP = 6)

12º

Atlético DER = 00 (SG = -4 / GP = 3)

Filipe (Vila Nova) Gabriel (Pratinha) Xandão (Esportiva)

Cássio (Botafogo)

Rodela (Botafogo) Eré (Santo Antonio)

3 PONTOS

CIC – 10h

Atlético 1º de Maio x Botafogo River Plate x Pratinha (ao vivo – Piratininga 970 AM) Santo Antonio x Vila Nova Cruzeirinho x Atlético DER Palmerinha x Sport Durval Olaria São Pedro x Esportiva

5 PONTOS

CIC – 8h

4 PONTOS

4ª Rodada – 14 de abril de 2013

Melhores do Amador Regional 2013* 6 PONTOS

Próximas rodadas 1ª Divisão

Classificação após 3 rodadas 1ª Divisão

David e Thiago Gallo (Vila Nova) Lucas Campestrinho, Batatinha, Toni e Leandrão (Pratinha) Rato e Japonês (Esportiva) Mamadeira (Santo Antonio) Leandrinho e Bitcheira (Cruzeirinho) Almir e Fernando (River Plate) Renato e Felipe (Palmeirinha) Ezuardo e Wilson (Atlético 1º de Maio) Leandro e Bruno (Sport Durval)

*A equipe de jornalistas e informantes dos jogos da 1ª Divisão estará escolhendo os dois melhores atletas da equipe vencedora da partida (que levará 3 pontos cada um). Em caso de empate, será escolhido um jogador de cada time (somando 2 pontos cada). A agremiação derrotada também terá um atleta no ranking (somando apenas um ponto). Aquele que somar mais pontos no final será eleito o melhor jogador do campeonato e receberá alguns prêmios (que ainda serão definidos). Se possível, tentaremos fazer, apenas a título de curiosidade, a seleção do Campeonato Amador na sua 1ª Divisão.

Pág. 8| Jornal Linha de Passe

São João da Boa Vista | 10.4.2013

Futebol amador 2ª Divisão Marti e Ressolagem assumem ponta na Segundona O time aguaiano do Marti, no grupo A, e o Ressolagem Boa Vista, no B, fizeram dois jogos e, invictos, estão na ponta de suas chaves no Amador Regional da 2ª Divisão.

Jogando neste domingo, dia 7, o Marti venceu com dificuldade o Colorado por 2 a 1, mas segue com 100%. Já Ressolagem Boa Vista e Unidos Novo Horizonte empataram 3 a 3, o que fez com

que o Boa Vista somasse seu quarto ponto e assumisse a liderança de seu grupo. Os três jogos que ocorreriam no estádio municipal da Vila 1º de Maio também foram cancelados

pelo mesmo motivo da Esportiva: a forte chuva que caiu na sextafeira, dia 5, alagando grande parte do gramado. Confira abaixo os outros resultados, a classificação e as próximas rodadas:

Amador Regional - 2ª Divisão Classificação após 2 rodadas 2ª Rodada - 07 de abril de 2013 Grupo A 1º

Marti = 06 (SG = 2 / GP = 5)

Guanabara = 03 (SG = 3 / GP = 3) – um jogo a menos

Vargeana = 03 (SG = 2 / GP = 4) – um jogo a menos

Fazenda São Pedro = 03 (SG = 0 / GP = 5)

CSU DER – 15h – Colorado 1 x 2 Marti Gols: Gelson (COL); Bruno e Elielder (MAR).

Santo Antonio B = 03 (SG = -1 / GP = 4)

Pratinha B = 01 (SG = -1 / GP = 5)

Pratinha – 15h – Pratinha B 2 x 2 Cirto Telhas Gols: Luis Gustavo e Jorge (PRB); Washigton – 2 (CIT).

Cirto Telhas = 01 (SG = -3 / GP = 2)

Fazenda Santa Maria = 00 (SG = 0 / GP = 0) – dois jogos a menos

Colorado = 00 (SG = -2 / GP = 3)

Grupo A CSU DER – 8h – Santo Antonio B 1 x 3 Fazenda São Pedro Gols: Robinson (STB); Michel e Moises – 2 (FSP).

1º de Maio – 15h – Vargeana x Fazenda Santa Maria (jogo adiado devido à chuva)

Grupo B 1º

Ressolagem Boa Vista = 04 (SG = 2 / GP = 6)

Cruzeirinho B = 03 (SG = 8 / GP = 9) – um jogo a menos

Un. S. Paulista = 03 (SG = 1 / GP = 3) – um jogo a menos

Regatas São João = 03 (SG = 1 / GP = 2) – um jogo a menos

Unidos Novo Horizonte = 02 (SG = 0 / GP = 5)

Seis de Agosto = 01 (SG = -1 / GP = 4)

1º de Maio – 8h – Ecapre x Cam (jogo adiado devido à chuva)

Ecapre = 00 (SG = -1 / GP = 1) – um jogo a menos

1º de Maio – 10h – Grêmio Sanjoanense x Regatas São João (jogo adiado devido à chuva)

Grêmio Sanjoanense = 00 (SG = -2 / GP = 1) – um jogo a menos

Cam = 00 (SG = -8 / GP = 1) – um jogo a menos

Grupo B Santo Antonio – 8h – Unidos da Serra da Paulista 3 x 2 Seis de Agosto Gols: Markus e Diego – 2 (USP); Gustavo – 2 (SAG). Santo Antonio – 10h – Ressolagem B. Vista 3 x 3 Unidos N. Horizonte Gols: Ângelo, Diego e Luis (RBV); Paulo e Francisco – 2 (UNH).

Próximas rodadas – 2ª Divisão Grupo A

Grupo B

3ª rodada – 14 de abril de 2013

3ª rodada – 14 de abril de 2013

CIC – 15h – Pratinha B x Fazenda Santa Maria

CSU DER – 15h – Cruzeirinho B x Ressolagem Boa Vista

Santo Antonio – 8h – Fazenda São Pedro x Colorado

Pratinha – 8h - Grêmio Sanjoanense x Unidos da Serra da Paulista

Santo Antonio – 10h – Santo Antonio B x Cirto Telhas

Pratinha – 15h – Ecapre x Seis de Agosto

1º de Maio – 8h – Guanabara x Vargeana

1º de Maio – 10h – Regatas São João x Cam

4ª rodada – 21 de abril de 2013

4ª rodada – 21 de abril de 2013

CSU DER – 8h – Cirto Telhas x Colorado

Santo Antonio – 8h – Cam x Grêmio Sanjoanense

CSU DER – 15h – Marti x Fazenda São Pedro

Santo Antonio – 10h – Unidos da Serra da Paulista x Ressolagem Boa Vista

Pratinha – 15h – Guanabara x Pratinha B

1º de Maio – Cruzeirinho B x Ecapre

Santo Antonio – 15h – Fazenda Santa Maria x Santo Antônio B

1º de Maio – 10h – Unidos Novo Horizonte x Regatas São João

Perfil Arnaldo Mansano

Técnico do Atl. DER LP: Há quanto tempo está no Futebol Amador? Estou no Amador desde 2000, sendo campeão com o Mantiqueira; depois cheguei na semifinal com o Olaria São Pedro; depois, em 2007 fui para o Botafogo como auxiliar, conquistando dois títulos por lá. Passei também pelo Pratinha e faz um ano que estou no Galo. LP: E por que ser técnico? Na verdade, sempre joguei bola, mas como atleta era um pouco estourado e com isso era muito expulso. Para não deixar de participar das competições acabei me apaixonando por ser técnico e assim aconteceu. LP: Vale a pena? Tem que gostar muito, porque é muita pressão. As coisas acontecem muito rapidamente. LP: Qual a sua maior dificuldade? Muitas. Quando o time ganha, foi o time que ganhou. Quando perde, foi o técnico que perdeu. O nível do futebol amador hoje é muito alto, por isso você já entra com uma pressão maior. LP: Defina o futebol em uma só palavra. Emoção. É muito bom isso aí, por isso estou até hoje.

São João da Boa Vista | 10.4.2013

Pág. 9 | Jornal Linha de Passe

Entrevista especial Paulo Renor Rosa Jr.

Com o semblante tranquilo, vestido de forma despojada e com um largo sorriso no rosto, que é característico desde a época em que era atleta, Paulo Renor Rosa Junior, 43 anos, contou ao Linha de Passe tudo o que pensa do basquete sanjoanense. Com 23 anos exclusivamente dedicados ao esporte, ele sabe muito bem do que está falando ao criticar a falta de apoio da iniciativa privada e pública, na formação de uma equipe competitiva e que possa representar a cidade em campeonatos estaduais e, quem sabe, até nacionais. Da época em que São João era temido pelos adversários, ele

sabe que, com esforço, é possível manter uma estrutura barata, mas em alto nível. “Gosto muito de esporte e sei que, para competições de nível, em uma cidade como São João, não é possível fazer tudo. Precisamos priorizar uma ou duas modalidades e investir naquilo”, afirma o técnico de basquete. Mas ele também prefere destacar que não é contra as outras modalidades, dizendo que já praticou e pratica outras modalidades. “O que quero dizer é que não adianta disparar para todos os lados. Temos que ter foco se quisermos chegar ao alto nível e voltar a representar

Luiz Gustavo Gasparino

Amor ao que faz

a cidade com o esporte profissional”, comenta. Hoje, Renor é técnico da equipe de basquete do Palmeiras, que representa São João há alguns anos, já atua com a nas competições dentro do Es- cidade nos Jogos Regionais e tado. É a mesma equipe que, nos Jogos Abertos do Interior. O técnico começou a carreira bem jovem como atleta nas escolinhas da prefeitura no CIC. Jogou também na Esportiva, Casa Branca, Palmeiras, Araras e Foz do Iguaçu, deixando sempre sua marca de atleta disdedicados ao ciplinado e muito aplicado nos esporte, que treinamentos. “Eu gostava muito do que favirou profissão zia, tanto que, depois que parei de jogar, virei treinador e pro-

23 anos

 Volta - Renor acredita que pode retornar com o basquete profissional

fessor de basquete. Foi com o esporte que consegui fazer o que considero o mais importante da minha vida profissional: estudar”, se emociona. Renor conta que sua família nunca teve uma vida fácil, e, por isso, optou em utilizar o esporte como forma de ganhar a vida, que posteriormente acabou virando profissão e ajudou a construir sua família. “Sou muito grato a Deus por tudo isso”, diz o técnico e professor. E.C.

Pág. 10 | Jornal Linha de Passe

São João da Boa Vista | 10.4.2013

Entrevista especial Paulo Renor Rosa Jr.

"É preciso LP: Por que ser professor e o que há de comum em ser técnico de basquete? Renor: Acho que o legal da profissão é poder ensinar algo a outra pessoa, principalmente aos jovens. É muito gratificante quando se pode exercer o que gosta e ainda ser recompensado financeiramente. Ser técnico é como qualquer outra profissão: é preciso empenho, criatividade e ser bom no que faz. Levar o nome “professor” significa, em um primeiro momento, saber educar. E, nesse sentido, encontrar uma criança na rua, sem perspectiva nenhuma na vida e você dar um horizonte para ela através do esporte me deixa muito feliz. LP: Hoje, o que o basquete representa em São João? Qual é o lugar que ele ocupa? Renor: São João está um pouco sem rumo no esporte. Ela é uma cidade de porte médio/pequena, por isso acho que devemos priorizar algumas modalidades esportivas e dar um apoio maior a essas modalidades. Acho que não adianta a gente tentar fazer tudo e acabar

empenho

não fazendo nada. O basquete é um esporte de muita tradição, assim como o futsal, e são esportes que deveriam ser olhados com muito carinho e incentivados, porque a gente já tem experiências no passado e sabe que as pessoas se identificam muito com eles. LP: Você tem alguma lembrança boa do basquete de antigamente? Renor: Me lembro que na época do auge do basquete na cidade, era preciso fechar a porta do ginásio antes das partidas, porque não cabia mais gente para assistir os jogos. Acho importantíssimo ter uma equipe adulta que sirva de espelho para os jovens e relembrar aquele tempo que não presencio mais. Acho que não adianta só ficar fazendo base e não dar perspectivas para os atletas. LP: Então não se deve dar atenção as outras modalidades? Como elas ficam? Renor: Não é que não pode ter as outras modalidades, tem que ter tudo, mas para ter algo de nível é preciso priorizar o

 Dedicação - Sempre com muito amor, Renor auxilia os atletas em momentos difíceis

São João da Boa Vista | 10.4.2013

Pág. 11 | Jornal Linha de Passe

Entrevista especial Paulo Renor Rosa Jr.

e criatividade" Luiz Gustavo Gasparino

LP: Do que você tem hoje, inclusive essa equipe que disputa os Regionais, Abertos e é difícil? Renor: Não, pelo contráque já conquistou importantes títulos é fruto de um trabalho rio. Com mais dois ou três atletas consigo disputar uma de base da Esportiva. competição importante como LP: Mas para disputar essa, fazendo com que consium profissional, o que é gamos recomeçar o basquete profissional em São João. O preciso? Renor: Não adianta ter um basquete do jeito que temos trabalho de base se não tiver um espelho ou um objetivo. Veja bem, depois de trabalhados esses garotos, eles chegam a uma idade que já não "Não adianta a são mais das escolinhas, nem da base e precisam desenvolbase se não tiver ver o profissional. O que fazem? Nada, eles não tem para o espelho" onde ir. É importante ter a base e a estrutura física para darem continuidade no trabalho e alcançar os objetivos.

Paulo Renor

hoje, com os nossos atletas, é um esporte muito barato para ‘tocar’, por isso acho que é mais um motivo que temos ter para olharmos com bons olhos para essa equipe de basquete, que é totalmente de São João da Boa Vista.

LP: Falta patrocínio? Renor: Com certeza. E esse apoio é que poderia ajudar a esLP: Você acredita mais tarmos em uma condição muito nessa administração do melhor para disputar campeoque no prefeito anterior, natos de alto nível. em relação ao esporte? LP: O Renor de folga conRenor: A gente tem sempre que acreditar, já que não segue pensar em outra coisa podemos julgar um trabalho que não seja basquete? Renor: (risos).... Com certeque está apenas começando. Eu acredito sim, e sei que za. Eu sempre joguei futebol, eles já dão um apoio muito futevôlei, joguei handebol em importante. Acho que o que Jogos Regionais e gosto de falta é a ligação da iniciativa outras modalidades. Então, pública com a privada, por- me considero um amante de E.C. que acredito que não é fun- esportes. Luiz Gustavo Gasparino

LP: E os centros esportivos, como estão? Renor: Infelizmente abandonados e precários. Para que se faça um trabalho legal, é preciso que se repense em tudo isso, para oferecer a população um local adequado para a prática esportiva. LP: Quais os trabalhos trabalho em alguns pontos, es- para este ano e o que teremos colher uma ou duas e bater em de novidade para o basquete cima delas. sanjoanense? Renor: Como eu já falo LP: Embora não tenha- há uns três anos, nós temos mos o esporte profissional de uma geração muito boa do alto nível, existe um trabalho basquete que vem vindo por ainda modesto na base. Você aí, que é uma geração que acha que está no caminho? vem lá da Esportiva. Eles já Renor: O professor Alex, da conquistaram títulos estaduEsportiva, dá continuidade em ais e, por isso, não podemos um trabalho que, inclusive, co- perder esses garotos. Eu esmecei lá. Tem a professora Ire- pero que com pouco investimeire, que trabalha o feminino mento nós consigamos dispuno CIC, da Prefeitura. O bas- tar um campeonato Paulista quete está bem servido de base, da série A2.

ção da Prefeitura estar montando e dirigindo o esporte profissional, mas acredito também que ela pode ajudar através da influência.

 Basquete - Equipe medalha de ouro nos Jogos Regionais de Mogi Guaçu, em 2011

Pág. 12 | Jornal Linha de Passe

São João da Boa Vista | 10.4.2013

Vargem confirma futsal profissional para 2014 Liga Paulista e Liga Nacional de Futsal em 2014. É o que prometeu o secretario de esportes e lazer de Vargem Grande do Sul, Fausto Pizolatto, em evento realizado na terça-feira, dia 2, no lançamento do Projeto Futuro Olímpico. Apesar de não ter sido o principal anúncio da noite, a presença de representantes do São Paulo/Suzano (que disputa a Liga Paulista atualmente) e da franquia da Penalty no futsal chamou a atenção de todos os presentes. Em entrevista, o secretario confirmou a parceria. “A Liga Paulista e Nacional são detentoras de franquias e duas delas já estão fechadas com a gente para 2014”, garantiu Pizolatto. Segundo informações, o ginásio municipal recém construído na cidade – com medidas oficiais e capacidade para 3.500 pessoas – chamou a atenção dos empresários da modalidade.

A reportagem do LP apurou ainda que está sendo estudada a possibilidade de ser trazida, ainda neste semestre, uma partida oficial da Liga Paulista. E, para depois de julho, o secretário já estaria viabilizando uma partida amistosa da Seleção Brasileira masculina de futsal. Projetos Apesar da notícia bombástica do futsal, o evento da terçafeira foi realizado para anunciar os novos projetos para o esporte de Vargem Grande do Sul. O objetivo do projeto Futuro Olímpico é promover a prática e o aprendizado de diversas modalidades esportivas entre crianças, jovens, adultos e 3ª idade, deficientes de baixa renda. “Através do estímulo à prática destas modalidades, o esporte passa a fazer parte de suas rotinas, tornando-se algo fundamental no desenvolvimento e na for-

Assessoria

O que acontece Futsal

mação de caráter dessa população”, relatou Pizolatto. Além disso, o projeto quer proporcionar a massificação do esporte na cidade e promover o surgimento e o amadurecimento de jovens talentos, que, a médio e longo prazo, poderão seguir a trilha do esporte de alto rendimento,  Pampa - Padrinho do projeto fez contribuindo com o futuro do a alegria das crianças no evento esporte olímpico brasileiro As modalidades oferecidas são: atletismo, basquetebol, damas, futebol, futsal, ginás- exercícios localizados, volei- de praia, voleibol e xadrez. Como padrinho do projeto, tica artística e rítmica, han- bol adaptado, karatê, kendô, debol, jiu-jitsu, caminhada, natação, tênis de mesa, vôlei Vargem Grande do Sul convidou o craque Pampa, exjogador de vôlei, medalhista de ouro olímpico pela Seleção Brasileira em 1992. “Para mim é uma honra apadrinhar um projeto que, com certeza, vai mudar o rumo da cidade. O índice de drogas e de criminalidade é muito alto aqui e, com o projeto, vamos abaixar esses números negativos”, explicou Pampa. Além deste projeto, a secretaria de esportes e lazer da cidade também lançou o Instituto de Judô e a Liga Vargen Discurso - Fausto Pizolatto anuncia as novidades para Vargem grandense de Futebol Amador. L.G.G.

São João da Boa Vista | 10.4.2013

Pág. 13 | Jornal Linha de Passe

O que acontece Futsal

Cruzeirinho está nas oitavas do Cruzeirão 2013 O Cruzeirinho está classificado para as oitavas de final do Cruzeirão 2013, o maior torneio de futsal do mundo, segundo o Guinness Book (livro dos recordes). A equipe sanjoanense volta a jogar nesta quinta-feira, dia 11, às 21h, contra o Guimarães Contabilidade, da cidade de Pilar do Sul (mas que conta com atletas do Pulo do Gato, de Campinas, que disputa a Liga Paulista), que já venceu três partidas com os placares de 15 x 0, 3 x 0 e 9 x 2. Jogando no principal ginásio de Sorocaba, na última quinta-feira, dia 4, o time sanjoanense goleou o Falcões de Caracas, de Carapicuíba, pelo placar de 8 a 0. Os gols foram anotados por Rene – 2, João Paulo – 2, Ninum – 2, Ceará e Murilo. Também atuaram o goleiro Du e os atletas de linha Pitarello, Marcinho e Evandro, sob o comando do técnico Antonio Carlos Soares, o ‘Chucha’, e o auxiliar Fernandinho. Apesar do placar elástico, ‘Chucha’ ressalta que o jogo não foi nada fácil e o placar foi bem “mentiroso”, como ele mesmo diz. “O primeiro tempo foi bem complicado, terminando 3 a 0. Nosso goleiro (Ninum) fez várias e exce-

superfutebol.com.br

Classificado - Com a vitória, equipe está entre as 16 melhores

lentes defesas e só conseguimos abrir o placar depois que eles colocaram o goleiro linha. O time jogou certinho e nosso banco foi o fator principal para conseguirmos a vitória”, garantiu o treinador. Já na sexta-feira, dia 5, o Cruzeirinho não teve a mesma sorte e foi derrotado pela Secretaria de Esportes e Lazer de Poços de Caldas pelo placar de 8 a 7, em jogo válido pelas quartas de

final da VII Copa Cristais São Marcos – 2ª Divisão. Com muitos desfalques (Gustavo, Leandrinho, Renê e Ceará), a equipe viajou para Poços de Caldas com apenas seis atletas e, mesmo tendo a melhor campanha da 1ª fase, não conseguiu superar a garotada sulmineira. Com a derrota, o time está eliminado. Ao todo foram seis jogos, sendo cinco vitórias e uma derrota.

Feminino Jogando pelo Campeonato Regional da Liga Riopardense de Futsal, o Cruzeirinho Futsal feminino venceu, no último domingo, dia 7, o time de Arceburgo pelo placar de 6 a 4. O time soma, agora, seis pontos em três jogos. Já o Palmeiras venceu com facilidade Aguaí por 6 a 1, em partida que também ocorreu no domingo.E.C.

Tênis de mesa de graça no CIC Os jovens que se interessam por esporte podem contar com uma nova modalidade esportiva, com aulas de graça no CIC: o tênis de mesa. As aulas são realizadas pela professora Iremeyre Rojas Vidal e pela estagiária Gabriela Baccili, do Departamento de Esportes. De acordo com Gabriela, o objetivo é conseguir o maior número de interessados possível para que haja condições de formar uma equipe e treiná-la para a participação em competições. O trabalho também está sendo oferecido à população da Melhor Idade, visando a participação no 17º Jogos Regionais do Idoso, que estarão acontecendo em nossa cidade no mês de junho. As aulas de iniciação para as crianças no CIC acontecem as segundas, terças e quintas-feiras, das 17h às 19h e das 15h30 às 16h30. Para o pessoal da Melhor Idade, as aulas são realizadas também no CIC, de quarta e sexta-feira, das 18h às 19h.

Pág. 14 | Jornal Linha de Passe

São João da Boa Vista | 10.4.2013

Por dentro dos clubes Palmeiras e SES SES leva 20 judocas e conquista bons resultados em torneio O judô sanjoanense vem mantendo a tradição e ganhando medalhas em todas as competições que disputa. Em Hortolândia, no último final de semana, os 20 judocas escalados pelos professores José Sinésio Vanzella e Angélika Marques Borsari conquistaram 11 medalhas na Copa Oeste. O campeonato teve a participação de 31 associações registradas na Federação Paulista de Judô, com 850 atletas de todo o Estado. Na classificação geral, os

atletas da Esportiva ficaram com a 15ª colocação estadual, desempenho considerado positivo pelos representantes rubro-negros. O próximo compromisso do Judô da Esportiva será o Campeonato Regional da Divisão Especial (Classes Juvenil e Junior), também em Hortolândia. O evento acontece no dia 13 de abril. A atleta Mariana de Fátima Moraes Cândido (Juvenil Médio) vai representar o clube na competição. E.C.

Esportiva e Palmeiras conquistam 30 medalhas em Mococa A natação da Esportiva e do Palmeiras brilhou no torneio classificatório da Federação Aquática Paulista, que foi disputada na Associação Esportiva Mocoquense e reuniu 357 atletas de 22 clubes do Estado. A disputa valeu para garantir vagas nos campeonatos paulistas de vários estilos e categorias, que serão disputados ao longo de 2013. Ao todo, pela rubro-negra, foram 26 medalhas, sendo 15 de ouro, nove de prata e duas de bronze. O maior destaque da SES foi Luiz Felipe Baron Dau, que trouxe para São João quatro medalhas de ouro e uma de

prata. Entre as meninas, as atenções foram para Ana Flávia Molina, que subiu ao pódio uma vez em cada colocação. Já pelo lado do Palmeiras, com atletas comandados pelo treinador Mauricio Tupinambá Alvarez, o destaque foi de Matheus Belizário de Oliveira. O jovem sanjoanense teve aproveitamento total nas provas em que participou, levando quatro medalhas de ouro. A próxima competição será o 4º Torneio da Aquática Paulista, que está marcado para o dia 26 de abril, na cidade de Jaboticabal. E.C.

Basquete do Palmeiras estreia com vitória fácil Com uma sonora ‘lavada’, o basquete masculino Adulto do Palmeiras FC/São estreou com vitória no Campeonato Regional da ARB – Associação Regional de Basquetebol. Jogando em casa, na tarde de sábado, dia 6, passou fácil pela equipe de Santa Bárbara D’Oeste pelo placar de 97 a 38. O atleta Samuel foi o cestinha da partida, anotando 23 pontos. Também pontuaram: Rafael Lemão (17), Alison (17), Lucão (10), Gregory (7), Murilo (7), Daniel (6), Abner (4), Biasi (2), Gabriel (2), Luisinho (2) e Jéfferson, todos sob o comando do técnico Paulo Renor Rosa Junior e do preparador físico Matheus Gouveia. O time sanjoanense atuou com a marcação sob pressão

por, praticamente, todo o jogo, o que ajudou com que a vantagem chegasse a 59 pontos de diferença. Para Renor, esse é um diferencial de sua equipe, que está treinando todos os dias. “Conseguindo treinar, dou ritmo ao time. Fazendo esse jogo cadenciado, com os meninos correndo demais e enfrentando equipes mais experientes, levamos vantagem. Todos os meus atletas têm condições de entrar no jogo e isso vai incomodar nossos adversários”, afirmou Renor. Em 2013, o Palmeiras, além do torneio Adulto da ARB nos dois semestres, deverá disputar os Joguinhos da Juventude, na categoria Sub19, e também os Jogos Regionais,

que este ano será em Itatiba. Pela ARB, o alvinegro volta a jogar no sábado, dia 13, às 18h30, novamente em seu ginásio (João Mattos Tavares) contra Itapira. No dia 20, às 17h, é a vez de receber a forte equipe da UniAraras (atual campeã da competição). L.G.G.

59 pontos

foi a diferença no placar imposto pelo Palmeiras

Luiz Gustavo Gasparino

 Bela estreia - Time sanjoanense não teve dificuldades em casa

Pág. 15 | Jornal Linha de Passe

São João da Boa Vista | 10.4.2013

APOIO

Os fanáticos Futebol em pauta

Corinthians

Pedrinho Souza é corinthiano e jornalista (pedrinho.souza19@gmail.com)

Palmeiras

Lívia Campos é palmeirense e jornalista (liviacampos390@gmail.com)

Dois em um

M1co Fiel Torcida... Pela quarta vez consecutiva disputando a Libertadores vencemos o Millonarios, na Colômbia. Gol solitário de ‘Zidanilo’, que sempre brilha nos momentos decisivos e garantiu a vaga do Timão nas oitavas de final, em busca do bicampeonato. Dos brasileiros, a equipe com mais dificuldade de avançar no torneio é os que julgam os melhores na competição. Derrota por 2 a 1, na Bolívia, para

o The Strongest, no segundo gol, falha de Rogério Ceni. Mas o mesmo que levou o milésimo gol na carreira de Elias, no Majestoso do Paulistão de 2009, e também o mesmo que levou 84 gols do Corinthians, disse que não errou no gol de Cristaldo, que deu a vitória ao Strongest. Ora, Ceni, pra quê tanta arrogância? Por que não aceitar a derrota? Essa falha não é dentro de campo, e sim, de caráter, que todo boleiro detesta. Diferente do Marcão, que quando errava, era o primeiro a dizer publicamente que errou. Quando machucava, dava oportunidade para o reserva. Por isso virou santo e respeitado pelos rivais.

Santos

Marcelo Gregório é santista e jornalista (marcelogregoriotv@hotmail.com)

Jogar conforme a música

Dia desses, após ouvir o hino do Santos, que aliás, tornou-se “campeão” nas paradas de sucesso devido às conquistas nos últimos anos, fiz uma comparação entre o trecho inicial e o atual momento do clube. A classificação antecipada à próxima fase do Paulistão não significa que o ambiente na Vila Belmiro esteja tran-

quilo. O rendimento abaixo do esperado e os bastidores fervendo aumentam o ceticismo quanto ao 4º título paulista, que seria conquistado de forma consecutiva. Contudo, ainda acredito que o hino será executado antes do segundo semestre com o segundo título do ano - o primeiro é o da Copa São Paulo. Mas, para que a música do alvinegro praiano volte à tona, os jogadores terão que fazer a parte deles no Campeonato Paulista. Caso contrário, o elenco não terá força nenhuma para provar à nação santista que, “agora quem dá bola é o Santos”, conforme diz o hino.

Duas competições, um único time e posturas completamente distintas dentro e fora de campo. Esta é a situação do Palmeiras nos últimos jogos que disputou. Depois de se mostrarem apáticos e sem poder de reação contra o Mirassol no Paulistão, os comandados de Gilson Kleina surpreenderam a todos com a atitude que tiveram na partida contra o Tigre, da Argenti-

na, pela Taça Libertadores. O que mais impressiona é que, para a competição internacional, o Palmeiras não pôde contar com dez dos seus jogadores. Diante desta instabilidade absurda nas competições, o que não dá para entender são os motivos que levam os mesmos jogadores caírem tanto de rendimento de uma partida para outra. Tudo bem que se mensurar a importância das competições, a Libertadores é imensamente mais valiosa do que o campeonato estadual. Entretanto, para os torcedores, ainda que no “rachão” só a vitória interessa.

São Paulo

Alinne Fanelli é são-paulina e jornalista (alinne_mariane89@hotmail.com)

Chegou a hora? Após a falha no segundo gol do The Strongest pela Libertadores, muitos têm questionado se Rogério Ceni deve parar ou não. E o Soberano é tão importante para os rivais que até nosso colega corintiano decidiu citar o nome do M1TO em seu artigo que deveria falar sobre o Corinthians. Não vou dizer se ele deve parar ou não. Até porque essa decisão só cabe ao próprio Rogério. Mas, vamos aos fatos. Aos 40, o goleiro sãopaulino já

falhou três vezes na temporada: contra Ituano, Oeste e Strongest – tomar um gol da distância que foi é inaceitável. Está velho? Falta reflexo? Falhas normais? Perguntas que só ele poderia responder. A verdade é que Rogério Ceni é o líder no São Paulo e faz diferença sim no sentido de incentivar a equipe. Fala como poucos no vestiário. Porém, não basta só falar. Os resultados – na Libertadores – não aparecem. Agora, a culpa é só dele? A diretoria decidiu bancar Ney Franco. Até quando? Já que nos bastidores ocorrem as constantes irritações dos cartolas sãopaulinos com as escalações.

Pág. 16 | Jornal Linha de Passe

São João da Boa Vista | 10.4.2013

Histórias do esporte Caldense

Três sanjoanenses... e a incrível invencibilidade da Caldense No período de 15 meses, entre 5 de fevereiro de 1960 e 21 de maio de 1961, a Associação Atlética Caldense sustentou uma incrível invencibilidade de 57 partidas sem perder. Como parte do elenco, três jogadores sanjoanenses foram fundamentais na epopeia: os goleiros Osvaldinho e Dusca, além do meio-campista Lori. Na verdade, o trio não fazia parte efetiva do elenco, mas era comum na época um clube solicitar a outros da região jogadores emprestados para uma ou outra partida, quer pelo adversário reforçado, por contusão de algum titular ou

Fotos leivinha.com.br

mesmo servirem como atrações extras. É certo dizer que os craques daquele tempo queriam, mesmo, era jogar bola. Não havia o espírito de profissionalismo. Recebiam ao final de cada jogo um “bicho”, mesmo que por derrota. Era remuneração simbólica, que poderia representar no final do mês, se somada, todo o salário de um trabalhador. A invencibilidade Do total de 57 jogos invictos, a Caldense realizou 48 em Poços de Caldas/MG e nove fora de seus domínios. Foram

Osvaldinho: foi também campeão estadual amador pelo Rosário, em 1961. Em São João, ainda jogou pela Esportiva, Palmeiras e Jabaquara. 

 O goleiro Dusca - Jaime Giollo -, além da Caldense, defendeu o Palmeiras FC, Sociedade Esportiva Sanjoanense e Comercial de Ribeirão Preto.

Lori: meia de extrema habilidade, atuou pela Caldense, Palmeiras FC, Sociedade Esportiva Sanjoanense e Ponte Preta de Campinas. 

39 vitórias e 18 empates, 109 gols marcados, 27 contra. Os adversários, por estado, foram: São Paulo (34), Minas Gerais (18), Rio de Janeiro (4) e Bahia (1). O primeiro jogo da série foi contra o Bonsucesso do Rio de Janeiro, 0 a 0 em Poços. O último, de número 57, foi o empate em 1 a 1 com o Bahia. Como curiosidade, antes da tão aguardada 58ª partida, contra a Portuguesa Santista, aconteceu um compromisso que muitos não queriam ver realizado: veio ao Estádio “Christiano Osório” o desconhecido Esporte Clube Cir-

culista, da cidade de Araras, da zebra, vencendo por 1 a 0. Acabava ali a incrível sequenpara um jogo-treino. Tidos como mais uma ví- cia. tima certa da invencibilidaMais números de da Veterana, os ararenses Os principais artilheiros nos proporcionaram uma tremen57 jogos foram Nonato (15 gols), seguido por Laércio (10), Wander e Lucarelli (9), Bolacha (8), Carlos e Lori, o sanjoanense (7). Os goleiros das 57 partidas, e os respectivos gols sofridos foram: Carlos (43), Osvaldinho (8), Dúsem 57 jogos foram ca (3), Jorge (2) e Afonso (1).

 39 vitórias

conquistadas pela equipe sulmineira

Antonio C. N. de oliveira (Leivinha) leivex@gmail.com.

São João da Boa Vista | 10.4.2013

Pág. 17 | Jornal Linha de Passe

Histórias do esporte Caldense

As partidas

invictas mais marcantes

Formações da A.A. Caldense na série de 57 partidas invictas: Fotos leivinha.com.br

05/02 – Em Poços, 0 a 0 com o Bonsucesso do Rio de Janeiro (1ª partida); 07/02 – Em São João da Boa Vista, 0 a 0 com a Esportiva Sanjoanense; 21/02 – Em Poços, 1 a 0 na Esportiva Sanjoanense; 06/03 – Em Poços, 2 a 0 na Pirassununguense; 13/03 – Em Poços, 2 a 1 no Jabaquara de Santos;

 Time 1 – Em pé: Bacalhau, Fubá, Bauer, Afonso, Hamilton, Cuca e Nilson Garcia; agachados: Gadinho, Itiberê, Ailton, Alfredinho e o sanjoanense Lori.

20/03 – Em Poços, 7 a 1 na Esportiva Itapirense;

1960

21/04 – Em Poços, 3 a 1 no Velo Clube de Rio Claro; 01/05 – Em Poços, 2 a 1 no Guarani de Campinas; 08/05 – Em Poços, 4 a 0 na Esportiva Guaxupé; 05/06 – Em Poços, 6 a 0 no Mogi Mirim; 24/07 – Em Poços, 1 a 0 na Ferroviária de Araraquara; 07/09 – Em Poços, 0 a 0 com o Botafogo de Ribeirão Preto; 09/10 – Em Poços, 1 a 1 com o Atlético Mineiro; 20/11 – Em Poços, 4 a 1 no Palmeiras de São João da Boa Vista; 04/12 – Em Poços, 1 a 1 com a Internacional de Limeira; 07/12 – Em São João da Boa Vista, 1 a 1 com o Palmeiras; 05/02 – Em Poços, 0 a 0 com o Nacional de São Paulo;

1961

04/03 – Em Poços, 1 a 0 na Francana; 16/04 – Em Franca, 2 a 0 na Francana; 23/04 – Em Poços, 2 a 0 no Lemense; 27/04 – Em São João da Boa Vista, 1 a 0 na Esportiva; 21/05 – Em Poços, 1 a 1 com o Bahia (última partida).

 Time 2 – Em pé: Miguel, Cuca, Joel, Espigão, o goleiro sanjoanense Osvaldinho e Fubá; agachados: Laércio, Bolacha, Waldeir, Alfredinho e Nonato (artilheiro da invencibilidade, com 15 gols). 

Pág. 18| Jornal Linha de Passe

São João da Boa Vista | 10.4.2013

O que acontece Kung Fu

Sanjoanenses vão para a China disputar torneio internacional Daqui a praticamente um mês, seis atletas de Kung Fu de São João da Boa Vista, da academia Fei-long, irão disputar um dos maiores torneios da modalidade, que será disputado na China, sendo a única escola do Brasil capacitada para isso. A viagem acontece no dia 13 de junho, pois as competições serão realizadas entre 15 e 19 de junho. Ao todo, serão 24 horas de voo, com escalas e uma difícil ambientação no país que está do outro lado do mundo. “Nem estou me importando com as dificuldades que vamos enfrentar, pois para nós será um prazer essa troca de experiências”, contou Renata Camargo Silva, professora e atleta da Fei-long. Lá, além de Renata, Michael Almeida Silva, Amarildo Tavares, Maycon Douglas, Ricardo

Arquivo pessoal

China - os atletas estão ansiosos para a viagem

6 atletas representarão São João na competição chinesa

Souza e Adam Camargo Silva Recentemente, um dos vão encontrar academias do maiores mestres do estilo, mundo inteiro, que participam que interage a luta propriado estilo Kong Han. mente dita com movimento

de animais, Daniel Kun, do Canadá, esteve na academia Fei-Long para um treinamento específico, que garantirá

melhores condições de encarar os desafios na terra do Kung Fu. Durante as competições, Renata tentará o quinto Dan, que nada mais é do que uma graduação do Kung Fu. Michael também encarará este desafio e buscará o segundo Dan. A academia A Associação Fei-Long Wushu do Brasil foi fundada em 10 de Junho de 1992, pelo Laosú Ademilson Felisberto dos Reis e, por sua sócia laosú Renata Corrêa Camargo Silva, ambos naturais de Poços de Caldas/MG. Tendo como primeiro nome “Academia Bien-Hoo”. Ao longo da carreira, os atletas conquistaram vários títulos, sendo na maioria de seus combates por knock-down e knockout. Renata, por exemplo, foi vice-campeã mundial em 1997, nos EUA; campeã mundial em 2001, no Rio de Janeiro; campeã sul-americana; tricampeã brasileira; pentacampeã estadual; pentacampeã regional; bicampeã da Copa Brasil Internacional; bicampeã do Festival de todas as artes marciais; campeã do Inter Bien-Hoo. E.C.

APOIO

São João da Boa Vista | 10.4.2013

Pág. 19 | Jornal Linha de Passe

Saúde em jogo Funcional

Ginástica funcional é a melhor forma de malhar se divertindo

 A ginástica funcional vem ganhando cada vez mais praticantes em todo o mundo, e no Brasil não é diferente, principalmente por se tratar de uma mistura de atividades, divididas em tarefas. A jovem médica veterinária Cristiane Alecio, 24 anos, está praticando funcional há três meses e já notou diferenças no corpo. “Percebi que meus braços e pernas ficaram mais firmes, melhorou meu condicionamento físico e mais aparente foi o resultado na barriga, que está diminuindo”, brinca a jovem. Para a terapeuta Ligia Lettieri, o exercício se torna ainda mais agradável porque não é feito em um local fechado com séries repetitivas em aparelhos de ginásticas tradicionais. “Gosto porque não é sempre a mesma coisa, aqueles exercícios chatos e sempre do mesmo jeito. Aqui cada dia faço algo diferente e as atividades acabam passando sem que eu perceba”, afirma. “O objetivo da ginástica funcional é exatamente esse”, destaca o professor Francisco Paulino de Abreu Neto, o ‘Chico’, já que Pontos a proposta é de ser algo que traA ginástica funcional trabalha balhe o corpo todo de uma forma em quatro pontos principais: coordiferente e bastante lúdica. denação motora, resistência, força

Arquivo pessoal

 Funcional - vários objetos ajudam a desenvolver as atividades da ginástica

e equilíbrio. Os exercícios são bastante variados, que vão desde o famoso polichinelo até erguer pneus de tratores, respeitando a individu-

alidade de cada pessoa. “O importante é que cada um possa se sentir a vontade e experimentar novas sensações dentro do exercício. Fazemos com que ela vivencie coisas novas e, com isso, desenvolva um melhor condicionamento físico e bem estar”, explicou ‘Chico’. Ele conta que trabalhou 12 anos com a musculação tradicional e já estava entediado por não poder variar os exercícios, ficando sempre preso a repetição de um ambiente fechado e sem muitas variáveis.

“Aqui posso trabalhar todos os espaços sem que tenha limitação. Todo dia é uma experiência nova”, destacou. Coisa dos gregos Este tipo de treinamento, se olharmos um pouco da história, não vem de hoje. O treinamento funcional para o ser humano muitas vezes foi questão de sobrevivência, usados por exércitos ao redor do mundo. Na Grécia antiga, também já havia sido desenvolvido algo parecido para melhorar o desempenho dos atletas gregos nos Jogos Olímpicos. Segundo o professor, diferente do que se fazia antigamente ou o que é realizado no exército, por exemplo, no treinamento funcional leva-se bastante em conta o bem estar do praticante, que é submetido a exercícios de forma que atinja os objetivos sem qualquer risco a saúde ou lesão do corpo. “Temos que nos preocupar com tudo e não só ao resultado em curto prazo. O exercício é realizado de forma cadenciada e respeitando o limite de cada atleta. Temos num mesmo circuito pessoas que fazem os mesmos exercícios, mas cada um no seu ritmo”, alerta. E.C.

APOIO

Pág. 20 | Jornal Linha de Passe

São João da Boa Vista | 10.4.2013

Na arquibancada Sociais do esporte

Vargem Grande do Sul Na terça-feira, dia 3, Vargem Grande do Sul deu um grande passo para o esporte local com os lançamentos do Projeto Futuro Olímpico, do Instituto de Judô, da Liga Vargengrandense de Futebol Amador e do futsal na Liga Paulista e Nacional em 2014. O repórter sanjoanense Toni Marques esteve por lá e posou ao lado do secretário de esportes e lazer, Fausto Pizolatto, e do craque Pampa, padrinho do projeto.

100 Censura

O time da imprensa, 100 Censura Futebol Arte, fez sua estreia no Regional de Futsal, na quarta-feira, dia 4, e foi derrotado pelo JC Corso pelo placar de 6 a 2. O LP Esportes acompanhou e flagrou os detalhes antes do jogo.

Aniversariantes

 Futuro Olímpico - Toni Marques, entre Fausto Pizolatto e Pampa

 Aniversariante 1 - João Fernando Palomo e sua esposa, Vânia Palomo

O LP Esportes estará sempre lembrando dos esportistas que completam mais um ano de vida. Os aniversariantes da semana são: Alexandre Dezena, diretor do Pratinha (06/04), Renan Lopes, atleta do Olaria São Pedro (09/04), Leandro Borges, o Rato, atleta da Esportiva (10/04), e João Fernando Palomo, ex-comentarista das rádios Piratininga e Mirante, hoje professor de Direito do Unifeob (10/04).

Mande sua foto

Mande sua foto relacionada ao esporte no e-mail lpesportes@gmail.com com todos os seus dados, que publicaremos nas próximas edições do Linha de Passe.

 JC Corso - Octávio Marques, Xandão Marinho e Kalu Trafani

 Aniversariante 2 - Alexandre Dezena, com o narrador de rodeio Paulinho Canhoto

 Aniversariante 4 - Leandro Rato, entre David e Pedrinho Souza

 Aniversariante 3 - Renan Lopes, com seu treinador Vanderlei

 100 Censura - Rodrigo Biasi, Diego Domingos e Eduardo Pirajá Filho


Linha de Passe Esportes